Quatro dicas para cuidar dos cabelos grisalhos

Hidratação, proteção e produtos para evitar amarelamento são primordiais para manter a saúde dos fios brancos

Estilosos, os cabelos brancos são tendência nas últimas temporadas. No entanto, os grisalhos naturais exigem cuidados especiais, uma vez que ficam mais quebradiços e ressecados, além de terem tendência a amarelar. Isto acontece porque a descoloração é resultado da queda da produção de melanina, proteína responsável por colorir e dar maleabilidade aos fios.

Vale destacar que, embora o estilo esteja em alta, assumir as madeixas brancas é uma decisão pessoal. “O gosto e o desejo da pessoa nunca devem ser deixados de lado porque não adianta impor um estilo que a deixará infeliz ou desconfortável. O visagismo é importante para que cada um se sinta bem consigo mesma”, afirma Armando Bessa, hairstylist e especialista em visagismo 3D.

Confira quatro dicas para cuidar e manter a beleza dos cabelos grisalhos – seja com ou sem tintura:

#1 Hidratação

cabelos grisalhos pinterest

Quando a produção de melanina reduz, os fios tendem a ficar ressecados e finos, aumentando o frizz. Com isso, a hidratação se torna um passo indispensável na rotina de cuidados. Portanto, investir em xampus e condicionadores que prometem hidratar e nutrir é essencial. “As principais marcas presentes no mercado contam com produtos com esta proposta e que são muito tecnológicos e eficientes, assim, é só escolher o que mais te agrada”, sugere Bessa.

Outra dica é apostar na umectação, que pode ser feita a cada 15 dias. Para criar uma máscara emoliente, a orientação é misturar óleos essenciais, como o de argan ou abacate, a um creme. Depois, basta aplicar por todo comprimento evitando a raiz e deixar agir por, no mínimo, duas horas. Cuidado apenas ao aplicar os óleos diretamente nos cabelos, porque podem criar uma barreira de difícil remoção e que atrapalha a aderência de outros procedimentos.

#2 Evitando o amarelamento, ressecamento e quebras

grisalho mulher cabelo

Quando expostas ao sol e a outros agentes, como a fumaça do cigarro, as madeixas grisalhas podem amarelar e perder o brilho. Para evitar que isto aconteça, o profissional assinala que é preciso utilizar produtos roxos, que incluem xampus e condicionadores. “Como estas linhas podem deixar os fios oleosos e arroxeados, precisamos ter atenção à frequência de uso que, normalmente, deve ser semanal”, pontua.

Ao mesmo tempo, o uso de protetores capilares com FPS, chapéus e lenços para proteger da luz solar, assim como protetores térmicos ao utilizar secador, chapinha ou babyliss, são necessários. “Com essas ações, também impedimos que os cabelos fiquem mais ressecados e quebradiços”, assinala.

#3 Cortes

shutterstock mulher cabelo grisalho curto

O Pixie Cut, antes chamado de ‘Joãozinho’, é opção versátil e prática para quem aderiu aos brancos, visto que os fios são mais arrepiados e este corte permite visual bagunçado. “É um estilo que está em alta e, mesmo que a pessoa prefira o cabelo mais alinhado, é possível fazer uma escova sem perder a modernidade”, orienta Bessa.

Para quem prefere cabelos médios, o Blunt Cut é a melhor escolha. O corte permite diversas modelagens de acordo com o gosto ou a ocasião e também é favorecido pelos fios eriçados em visual messy. Os cortes longos, por sua vez, podem ter bases mais retas. “Isto, somado a fios pouco repicados, pesam e permitem um visual mais alinhado”, completa.

#4 Na hora da coloração

cabelos grisalhos hairmag.org
Foto: Hairmag

Para quem opta por tingir os brancos, não há diferença no processo. Antes de colorir, é imprescindível garantir que os fios estejam saudáveis, com pH equilibrado e sem resíduos de cloro, sal ou procedimentos anteriores, por exemplo. “Além disso, lembrar sempre de utilizar colorações ou tonalizantes de qualidade e recorrer a ajuda de um profissional em caso de dúvidas”, explica o hairstylist e especialista em visagismo 3D.

Para não sobrecarregar, o ideal é que o processo seja feito apenas quando pelo menos 30% do cabelo estiver branco. Outro ponto a ser considerado é a escolha do produto. Tinturas cobrem a superfície com mais eficiência e os grisalhos aparecem conforme os fios crescem. Já os tonalizantes saem aos poucos com as lavagens, assim, os brancos podem aparecer não apenas próximo à raiz, mas também no comprimento.

Sobre Armando Bessa

armando bessa.jpg

Aos 13 anos, o hairstylist Armando Bessa iniciou sua vida profissional ao lado do pai, em uma barbearia no interior de Minas Gerais. Aos 18 anos, se mudou para São Paulo, onde, em 1991, inaugurou o próprio salão, o Armando Bessa Beauty Lounge. O espaço foi o primeiro especializado em visagismo no estado e conta, atualmente, com mais de 30 profissionais.

Além de cortes femininos, masculinos e infantis, o estabelecimento oferece serviços como coloração, barbearia, maquiagem, manicure, podologia, estética, massagem, Dia da Noiva e Day Spa.

Com formação variada, Bessa passou por instituições internacionais como Jacques Dessanges na França, Joico e Toni & Guy Hairdressing Academy, ambas nos Estados Unidos. Apaixonado pela profissão, ele possui especialização em psicodinâmica do trabalho e está em constante atualização de tendências e técnicas. Recentemente, se tornou especialista em visagismo 3D, sendo um dos primeiros brasileiros a serem certificados pelo criador da técnica, Claude Julliard.

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s