Hoje é o Dia Nacional do Biscoito, comemore com receitas

Adria apresenta seis curiosidades sobre esta delícia

Sempre presente na mesa dos brasileiros, consumido puro ou compondo receitas doces e salgadas, o biscoito tem um dia só para ele: 20 de julho. Salgado, doce, recheado, integral, cookies ou rosquinhas, o biscoito pode apresentar diversos formatos e sabores. Adria reuniu seis curiosidades sobre este alimento repleto de detalhes que fazem a diferença:

• Segundo a Abimapi, Associação Brasileira das Indústrias de Biscoitos, Massas Alimentícias e Pães & Bolos Industrializados, existem hoje no mercado mais de 200 tipos de biscoito;
• Biscoito ou bolacha? Ambas as expressões estão corretas, porém, a diferença se encontra no modo de preparo. Os ingredientes são os mesmos, mas enquanto as bolachas são mais secas, os biscoitos podem ser secos ou úmidos.
• O termo bolacha vem de “bolo” (do latim “bulla”, que significa objeto esférico), com o sufixo “acha”, indicando diminutivo. A palavra holandesa “koekje” tem o mesmo significado, o que deu origem aos termos “cookie” e “cracker”.
• Cream Cracker e Água e Sal: tem diferença? Na verdade, não. O que realmente muda de um tipo para o outro é a quantidade de gordura, que é maior no cream cracker, tornando a versão mais cremosa e crocante;
• Os furinhos do biscoito água e sal são estratégicos, pois deixam o vapor escapar durante o processo de cozimento. Além disso, são responsáveis pela crocância e pelo formato achatado. A quantidade e posição dos furos irão depender do formato, tamanho e posição. Por exemplo, furos muito juntos podem gerar um biscoito mais duro e seco. Buraquinhos mais espaçados provocam bolhas na superfície do biscoito;
• Os biscoitos Tortinhas são recheados com uma casquinha extremamente crocante e formato irreverente: foi o primeiro biscoito recheado sem tampa. Além disso, é um ótimo produto para ser consumido no lanche da tarde ou para enfeitar doces.

Para te inspirar, a Adria ensina como fazer o delicioso Suflê Quente de Laranja e Chocolate com Biscoito Maizena. Confira:

Suflê Quente de Laranja e Chocolate com Biscoito Maizena

Sufle-Quente-de-Laranja-e-Chocolate-com-Biscoito-Maizena-Adria

Ingredientes:

Calda de Chocolate
1 xícara (chá) de creme de leite fresco
170 g de chocolate ao leite picado

Suflê
1 embalagem de Biscoito Maizena Adria (200 g)
½ xícara (chá) de suco de laranja
1 colher (sopa) de raspas de laranja
1 xícara (chá) de leite
1 colher (chá) de essência de baunilha
4 gemas
½ xícara (chá) de açúcar
100 g de chocolate ao leite em pedaços pequenos
4 claras em neve

Modo de preparo:

Calda de Chocolate
– Aqueça o creme de leite sem deixar ferver. Junte o chocolate e misture até derreter. Reserve.

Suflê
Bata o biscoito aos poucos no liquidificador até obter uma farofa. Reserve. Leve ao fogo o suco e as raspas de laranja até começar a ferver. Reserve. Ferva o leite com a essência de baunilha e deixe reservado. Bata as gemas e o açúcar com um batedor ou garfo, junte a farofa de biscoito e misture bem. Acrescente, aos poucos, o leite com a essência de baunilha, misture, junte o suco de laranja com as raspas e misture novamente. Acrescente o chocolate, as claras em neve e incorpore delicadamente. Distribua a massa em 8 potinhos para suflê pequenos e leve ao forno (médio) preaquecido por 25 minutos. Sirva a seguir com a calda de chocolate.

Marilan explica a origem dos nomes, revela o processo de fabricação e apresenta três receitas deliciosas

Com vários formatos, tamanhos e sabores, ele está presente no dia a dia de milhares de brasileiros. Além de indispensável na hora do café da manhã e lanche da tarde, esta delícia também sabe ser polêmica: afinal, o certo é biscoito ou bolacha? Para ajudar a esclarecer essa questão, a Marilan explica a origem dos nomes e conta um pouco do processo de fabricação.

Biscoito vem da junção das palavras em latim “bis” (duas vezes) e “coctus” (cozido). A técnica de assar o alimento duas vezes é o que garante suas características, como por exemplo, crocância e durabilidade. O termo bolacha surgiu de “bolo”, do também latim “bulla”, que tem significado de “objeto esférico”, com sufixo “acha”, que quer dizer diminutivo.

Uma curiosidade é que “biscoito” entrou primeiro na língua portuguesa, talvez por isso ele seja mais popular. No entanto, “bolacha” é muito utilizada no Sul e em São Paulo, mas ainda há regiões que convivem com as duas palavras. Segundo a empresa, as palavras são sinônimas, a preferência se dá por conta de regionalismos e costumes. Sua produção é feita com massa de farinha de cereal, que pode conter ou não açúcar, gordura ou levedura.

Independente do termo, a melhor maneira de comemorar o Dia Nacional do Biscoito é preparando uma receita com o seu tipo de biscoito favorito. Por isso, a Marilan separou três sobremesas especiais com cookies, tortinhas e wafers para celebrar esse dia em grande estilo. Fáceis de preparar e deliciosas. Confira:

Cookies ice cream chocolate cup

cookies ice cream

Ingredientes
1 pacote de Cookies Original Marilan com gotas de chocolate 80g
1kg de sorvete de creme ou chocolate branco
500g de chocolate amargo (derretido)
Folha de papel manteiga

Modo de preparo
Retire os Cookies com gotas de chocolate da embalagem de forma que não se quebrem.
Com a ajuda de um boleador, pegue o sorvete e espalhe sobre um cookie, coloque outro por cima e achate, mergulhe o chocolate até a metade e remova o excesso, coloque sobre uma folha de papel manteiga e leve rapidamente ao congelador. Sirva.

Cheesecake de chocolate

cheesecake tortinhas

Ingredientes
2 pacotes de Biscoito Tortinhas Chocolate Marilan (320g)
2 folhas de gelatina incolor (4g)
1 colher (sopa) de água quente
1 xícara (chá) de creme de leite fresco (240ml)
2 embalagens de cream cheese (300g)
3 colheres (sopa) de açúcar (30g)
Meia colher (chá) de essência de baunilha
Meia xícara (chá) de geleia de frutas vermelhas (100g)
3 colheres de cerejas ao maraschino picadas (45g)

Modo de preparo
Separe uma fôrma redonda de fundo removível (com cerca de 23cm diâmetro). Forre todo o fundo com os Biscoitos Marilan e depois coloque os biscoitos nas laterais com a parte recheada virada para fora (se sobrarem alguns biscoitos, acomode-os sobre os da base). Reserve. Hidrate as folhas de gelatina em água fria, esprema e dissolva na água quente. Misture e reserve. Retire da batedeira e reserve. Bata na batedeira o cream cheese com o açúcar até obter um creme homogêneo. Junte a essência. Retire da batedeira e acrescente a gelatina reservada e o chantilly, mexendo delicadamente para que não perca volume. Leve à geladeira por cerca de 4 horas ou até ficar firme.
Enquanto isso, aqueça a geleia com 1 a 2 colheres (sopa) de água. Deixe esfriar e distribua sobre a superfície da torta. Salpique com a cereja picada. Sirva gelada.
Dica: Para hidratar a gelatina, primeiro deixe as folhas de molho cobertas com água fria até amolecerem (a ponto de dobrarem), esprema e dissolva na água quente.
Variação: Substitua a geléia por chocolate meio amargo ralado.

Torta gelada limão e maracujá

torta gelada

Ingredientes
2 embalagens de Biscoitos Wafer Limão Marilan, cortados ao meio

Recheio
1 lata de leite condensado e raspas de 1 limão
5 colheres (sopa) de suco de limão
½ xícara (chá) de creme de leite (100ml)

Marshmallow
2 claras
2 colheres (sopa) de açúcar
½ xícara (chá) de creme de leite (100ml) e sementes de 2 maracujás

Modo de preparo
Forre o fundo e a lateral de uma assadeira redonda e desmontável (21 cm de diâmetro) com os Biscoitos Wafer de Limão, cortados. Em seguida, prepare o recheio de limão.
Numa tigela funda, misture bem o leite condensado, as raspas, o suco de limão e o creme de leite. Despeje o recheio sobre os biscoitos. Prepare o marshmalow, misture bem em uma panela pequena o açúcar com ½ xícara (chá) de água e deixe ferver em fogo baixo, sem mexer até obter uma calda em ponto de fio fraco. Bata as claras em neve e despeje a calda aos poucos sem parar de bater até esfriar a mistura. Junte o creme de leite e mexa delicadamente. Espalhe o marshmallow sobre o recheio de limão, regue com as sementes de maracujá e leve à geladeira por no mínimo 2 horas. Sirva gelada.

Variação: caso o maracujá esteja muito azedo, leve as sementes ao fogo com 1 colher (sopa) de açúcar por 1 ou 2 minutos. Deixe esfriar e aplique sobre a torta.
Dica: Se desejar, aplique o marshmallow com saco de confeitar.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s