O importante vínculo entre avós e netos

Relacionamento entre idosos e crianças é fundamental para criar sentimentos de pertencimento

O Dia dos Avós é comemorado neste domingo, 26 de julho, em todo o Brasil. A data é significativa, pois é um momento para demonstrarmos carinho com nossos vovôs e vovós, mas também é uma oportunidade para pensarmos sobre a importância deste relacionamento, principalmente para a vida das crianças.

avo neta cozinha freepik
Freepik

Conversamos com o professor de Psicologia da Universidade Presbiteriana Mackenzie (UPM), Eduardo Fraga Almeida Prado, que afirma que este relacionamento possui uma importância social significativa, principalmente no que diz respeito ao processo de socialização da criança.

“Sentir-se amado pelos avós contribui para que a criança se desenvolva com a crença de que é alguém que possui qualidades e é digna de ser amada. Bons relacionamentos são verdadeiros ‘alimentos afetivos’, tanto para a criança quanto para os avós”, declara o docente.

O professor explica que esse convívio promove um fortalecimento da autoestima da criança. “Sentir-se aceito e amado pelos avós, assim como sentir-se aceito por seus pares é relevante e contribui para a construção de autoestima elevada em qualquer criança”, diz Prado.

Para os idosos, conviver com as crianças é uma oportunidade de ver o desenrolar de novas gerações, já que eles “testemunham o crescimento das gerações que lhes são posteriores e, por vezes, projetam ideais, sonhos e expectativas em seus netos”.

O convívio entre netos e avós poder ter, inclusive, impactos nos estudos das crianças. “Bons vínculos podem auxiliar para a construção de um bom desempenho escolar de uma criança. Por outro lado, sabemos que uma criança que esteja passando por conflitos emocionais pode tornar-se mais ansiosa e inibida e estes fatores podem contribuir para uma queda no rendimento escolar”, afirma o professor mackenzista.

Todavia, no atual contexto que vivemos, o Dia dos Avós será celebrado em meio à pandemia do coronavírus. Eduardo Prado alerta que é importante manter o distanciamento físico, principalmente para preservar pessoas idosas, que estão no grupo de risco da doença.

Grandparents And Grandchildren Reading Book On Garden Seat

“A preservação da saúde daqueles que amamos deve ser o eixo norteador de qualquer forma de interação nos dias atuais”, lembra ele. Por isso, manter contato de forma virtual e trocar presentes de forma remota é a recomendação dada pelo especialista para não perder as demonstrações de carinho tão importantes.

Fonte: Universidade Presbiteriana Mackenzie

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s