Alimentos que você deve evitar se tiver triglicérides altos

Os triglicerídeos, ou triglicérides, são produzidos pelo corpo após serem ingeridos por meio da alimentação. São gorduras importantes ao nosso organismo, que as reserva para um momento de necessidade. Ou seja, funcionam como reserva de energia, exercendo a função de “combustível” dos músculos do corpo. Seus níveis aumentam quando consumimos uma quantidade de calorias maior do que a necessária.

Quando estão altos, porém, deixam de ser utilizados da forma correta, transformando-se em gordura no tecido adiposo. Em excesso, podem causar obesidade, doenças cardíacas, pancreatite, esteatose hepática (que é o excesso de gordura no fígado), entre outros problemas.

Confira a seguir alguns alimentos que devem ser evitados por quem já tem o problema e para quem quer evitá-lo.

Vegetais com amido

Alguns vegetais são melhores do que outros quando você está monitorando seus triglicerídeos. Limite a quantidade de alimentos ricos em amido, como milho e ervilha. Dessa forma, seu corpo não transformará o amido extra em triglicerídeos. Existem muitas outras opções, como couve-flor, couve e cogumelos, à sua escolha.

Feijão com açúcar ou carne de porco

O feijão contém fibras e outros nutrientes a seu favor. Mas se for feito com açúcar (sim, há doces com feijão!) ou carne de porco, podem não ser a melhor escolha. O rótulo da lata de feijão pronto para ser consumido, por exemplo, deve mostrar o que está lá dentro e quanto açúcar e gordura você está recebendo. Mude para o feijão preto, que é uma ótima fonte de fibras e proteínas, sem gorduras saturadas ou adição de açúcar. Mas nada de feijoada com carne de porco.

Muito de algo bom

Sem dúvida: frutas são boas para você, especialmente se estiver comendo um pedaço de fruta em vez de uma sobremesa gordurosa. Mas quando você tem triglicerídeos altos, pode ser necessário limitar-se a 2-3 pedaços de fruta por dia. Dessa forma, você não obterá muitos dos açúcares naturais das frutas. Se for comer frutas secas, lembre-se que a porção é bem menor: 4 colheres de sopa de passas (1/4 xícara), por exemplo.

Álcool

Você pode pensar que o álcool é bom para o seu coração. Mas muito dele pode aumentar os níveis de triglicérides. Isso se deve aos açúcares que são naturalmente parte do álcool, seja vinho, cerveja ou licor. Muito açúcar, de qualquer origem, pode ser um problema. Seu médico pode recomendar que você não beba nada se seus níveis de triglicerídeos estiverem muito altos.

Peixe enlatado embalado em óleo

Peixe faz bem ao coração. Mas quando for comprar a versão em lata, verifique o rótulo para ver se está embalado em óleo. É melhor você comprar peixe enlatado embalado em água. Normalmente, ambos estão disponíveis na mesma prateleira do supermercado.

Coco

O coco está em alta. Você pode encontrar leite de coco, água de coco, flocos de coco, óleo de coco e a própria fruta. Alguns dizem que o coco traz benefícios para a saúde, mas também é rico em gorduras saturadas, então pergunte ao seu médico se você deve limitá-lo ou evitá-lo completamente.

Alimentos com amido

Coma muita massa, batata ou cereais e seu corpo pode transformá-los em triglicerídeos. Você ainda pode consumi-los, mas deve permanecer dentro dos tamanhos de porção adequados. Uma porção é uma fatia de pão, 1/3 xícara de arroz, meia xícara de macarrão ou meia xícara de batata ou aveia cozida.

Bebidas açucaradas

Muito do açúcar que você obtém pode vir de um copo. Quer beba chá gelado doce, refrigerante normal, suco de frutas ou uma bebida de café com chantilly, você pode estar recebendo mais doçura do que seu corpo pode suportar. Ele pode transformar parte desse açúcar em triglicerídeos. Portanto, quando você estiver reduzindo o açúcar, lembre-se de incluir suas bebidas.

Mel ou xarope de bordo

Você pode pensar que o mel e o xarope de bordo são mais saudáveis ​​ou mais naturais do que o açúcar refinado. Mas, como o açúcar, eles podem aumentar seus níveis de triglicerídeos. Quando você estiver trabalhando na redução dos triglicerídeos, corte os adoçantes generalizados, mesmo que não sejam açúcar de mesa.

Produtos de panificação

Por causa de seus triglicerídeos elevados, você deve limitar a gordura saturada em sua dieta. Isso inclui a gordura saturada da manteiga que é cozida nos bolos. Você também deve evitar gorduras trans por completo. Verifique o rótulo de informações nutricionais para ter certeza.

Carnes com alto teor de gordura

Você não tem que desistir completamente da carne. Mas considere escolher cortes mais magros. Além disso, evite todas as carnes processadas, incluindo bacon, salsicha e presunto, pois se acredita que esses tipos de carnes contribuam para doenças cardíacas e diabetes.

Manteiga ou margarina

Use azeite como substituto da manteiga e da margarina, que podem conter muita gordura saturada ou gordura trans, ao cozinhar carnes e vegetais ou fazer molho para salada. Os óleos de canola, noz e linhaça também são ótimas alternativas.

Fotos: Thinkstock / Ilustração: FindPulse

Fonte: WebMD

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s