Como curtir sol e mar protegendo a pele e a vida marinha

Protetores solares veganos e com embalagens recicláveis são nova opção ecológica contra os efeitos danosos dos raios UVA e UVB

Cada vez mais pessoas compreendem que precisamos tirar o melhor proveito do que a natureza oferece para nossa proteção e conforto, com o equilíbrio necessário para a sustentabilidade do ecossistema em que vivemos. A indústria cosmética aposta na consciência dos consumidores e investe, cada vez mais, em produtos veganos. Feitos com ingredientes naturais, orgânicos, de origem não animal e produzidos sem testes em animais, são classificados como Cruelty free, Eco-Friendly, Ocean-Friendly ou Coral Reef-Safe.

Baseado em estudo feito no Havaí sobre produtos que não afetem os corais e a vida marinha, a Farmax desenvolveu a Beveg, uma linha de filtros 100% veganos, com FPS 30 e 50 para o corpo, e FPS 50 para o rosto. Também produziu um creme pós-sol vegano, com 98% de aloe vera. O grande diferencial é, exatamente, a formulação “Recife Amigável”, com preços atraentes em relação a outras marcas.

Consciência do conteúdo à embalagem

A embalagem acompanha a mesma filosofia de preservação do meio ambiente. Os produtos da linha Beveg da Farmax vêm em frascos de plástico biodegradável, feito com ácido lático proveniente de uma fonte alternativa – a fibra da cana-de-açúcar -, e produzido em parceria com a Braskem. É o chamado bioplástico, 100% reciclável.

Sobre o mercado de protetores solares

Pesquisa do Euromonitor Internacional prevê que, até 2024, esses produtos terão elevação de 6,5% na receita, o que corresponderá a cerca de US$ 12,5 bilhões, sendo o aumento da demanda por produtos naturais e orgânicos um dos principais condutores. Segundo a Associação Brasileira da Indústria de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos (ABIHPEC), o mercado de proteção solar apresentou alta de 7,7% em valor de vendas ex-factory, no primeiro trimestre de 2021. 

Sobre a defesa dos corais

Há cerca de 6 anos, cientistas dos Estados Unidos e Israel divulgaram estudo que apontou que a oxibenzona, presente nos protetores solares, destrói os corais, depois de investigar a causa do branqueamento de barreiras da Flórida à Austrália. O fenômeno tem uma combinação de causas que vão da poluição ao aquecimento das águas com as mudanças climáticas. Os corais são ecossistemas que abrigam uma grande quantidade de formas de vida que também são afetadas e podem ser extintas.

A linha Beveg vem de encontro à preocupação com o futuro dos mares e do nosso planeta. O Havaí, o Arquipélago de Palau e, mais recentemente, a Tailândia  proibiram o uso de produtos que não são Eco-friendly, Ocean-friendly e Coral Reef-Safe. O Google Earth e o documentário “Em busca dos Corais” (“Chasing Coral”) mostram como os corais estão desaparecendo rapidamente dos oceanos e como isso ameaça a sustentabilidade que mantém toda forma de vida do nosso planeta.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s