Cuidados com os cabelos: 12 erros que cometemos diariamente

Dermatologista responde perguntas sobre cuidados diários com o cabelo

Existem vários tipos de cabelo e, seja qual for o seu e as necessidades individuais dele, as práticas e tendências com os cuidados aos fios seguem viralizando e sendo disseminadas na Internet. Junto com isso, existe o esforço para que a cabeleira fique saudável e em bom estado. Apesar da utilização de novas técnicas e produtos, a rotina corrida e a falta de cuidado podem levar a alguns deslizes que, ao longo do tempo, comprometem a saúde capilar.

Por isso, a Doctoralia em parceria com a dermatologista especializada em tricologia e membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia, Rita de Cássia Rossini, lista os principais erros e enganos que cometemos diariamente com os cabelos e como resolvê-los.

Lavar o cabelo com água gelada ou quente?
Rita:
O ideal é usar água morna ou gelada, evitando a água quente, uma vez que a temperatura mais alta estimula a produção de sebo nas glândulas, deixando o couro cabeludo mais oleoso. Isso também pode prejudicar a estrutura dos fios, que ficam mais frágeis e quebradiços.

Não lavar o cabelo com frequência pode danificar os fios?
Rita:
É recomendado fazer a limpeza, no mínimo, três vezes na semana, pois se lavarmos pouco o cabelo pode ocorrer acúmulo de sebo e de produtos no couro. Isso pode levar a uma irritação da pele e do folículo, favorecendo algumas doenças como a dermatite seborreica – inflamação que causa principalmente descamação e vermelhidão.

E o contrário, a limpeza muito frequente dos cabelos pode causar algum efeito negativo?
Rita
: Não há contraindicação em lavar os cabelos com maior frequência, como todos os dias. Realmente vai depender do tipo dos cabelos e das particularidades de cada indivíduo, mas recomendo que se use um produto de limpeza, como o shampoo, apenas uma vez ao dia.

Conair

É preciso limpar ou trocar a escova de cabelo?
Rita:
Com certeza! A limpeza da escova de cabelo é essencial para que sejam eliminadas secreções, restos celulares e microrganismos que podem crescer nestes itens de uso pessoal.

É verdade que ficar com os cabelos presos por muito tempo pode estragar os fios?
Rita:
Sim, é verdade. Quando prendemos o fio, principalmente de cabelos molhados, danificamos sua estrutura, o que favorece a quebra e queda. Além disso, cabelos presos com força e diariamente podem levar a um tipo de afinamento e queda do fio da região mais próxima à face, a linha de implantação dos cabelos na fronte, levando a uma alopecia de tração que pode ser irreversível.

Ficar com a toalha na cabeça após o banho é ruim? Por quê?
Rita:
Não é recomendado, pois o uso pode gerar atrito entre os fios e danificá-los. Além disso, o ambiente úmido pode estimular o crescimento de alguns fungos no nosso couro cabeludo.

O que o excesso de shampoo e condicionador na hora da lavagem pode causar?
Rita:
O excesso de shampoo, que por ter uma ação detergente, desengordurante, pode retirar água e óleos da parte mais externa do fio, deixando-os mais secos e frágeis, o que pode levar à quebra dos fios. Por outro lado, usar muito condicionador, principalmente, na raiz dos cabelos, pode ocasionar uma obstrução da abertura do folículo, e assim, piorar quadros de dermatite seborreica e outras alopecias do couro cabeludo, além de deixar o fio pesado e não maleável.

Muitos afirmam que a hidratação com óleo de coco no cabelo não faz bem, pois é muito pesado. Mito ou Verdade?
Rita:
Mito, o óleo de coco é um dos poucos ativos que tem propriedades de penetrar na estrutura do fio para o objetivo de hidratar os cabelos.

O uso de produtos inadequados para o tipo de cabelo pode trazer danos aos fios? Por exemplo, uma cacheada usando condicionador para cabelos lisos.
Rita:
Sim! Esta regra vale principalmente para pacientes com cabelos crespos ou cacheados e que usam com frequência shampoo antirresíduo, que por sua vez são mais detergentes, então como fazem uma limpeza mais profunda dos cabelos, podem agredir ainda mais o cabelo.

Há um senso comum de que o cabelo deve ser cortado periodicamente. Mito ou verdade? Por quê?
Rita:
Não existe uma regra para frequência dos cortes. Vai depender do estilo, formato e dano do cabelo.

Deixar o cabelo secar naturalmente ou com o secador, qual a melhor opção?
Rita:
O ideal é deixar o cabelo secar naturalmente, lembrando que existem vários tipos de secador e quanto maior a temperatura maior o dano ao fio, deixando-o mais frágil, quebrado e sem brilho.

Foto: All4Women

A máscara pode ser um substituto para o condicionador?
Rita:
Não! A máscara hidratante pode ser utilizada entre uma e duas vezes na semana, conforme o tipo e dano existente no cabelo. Para uso diário, o condicionador tem maior capacidade de selar as cutículas garantindo brilho, maciez e facilidade na hora de escovar.

Fonte: Doctoralia

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s