Além dos dentes: 5 fatores pouco comentados que podem afetar a beleza do seu sorriso

Assim como a saúde dos dentes, qualidade e proporção dos lábios, além da exposição da arcada dentária, também impactam diretamente na aparência do sorriso, podendo ser alterados através de procedimentos estéticos para tornar o ato de sorrir ainda mais agradável.

O sorriso é o nosso cartão de visitas para o mundo. Além de nos tornar esteticamente mais bonitos, sorrir traz uma série de benefícios, nos deixando mais simpáticos, ajudando a estabelecer relações sociais mais facilmente, aliviando a tensão e aumentando o bem-estar. O problema é que muitas pessoas sentem receio em sorrir por acreditarem possuir um sorriso inestético.

“O sorriso pode ser prejudicado por fatores como falta de manutenção da saúde oral, estresse e má alimentação, já que favorecem o acúmulo de placa bacteriana, o amarelamento dos dentes e o surgimento de doenças orais, como cáries e gengivite”, explica Hugo Lewgoy, cirurgião-dentista e doutor em Odontologia pela USP. Mas engana-se quem acredita que os dentes são os únicos fatores envolvidos na aparência do sorriso. Um sorriso bonito também depende de sua harmonia com outras estruturas da face.

“Por exemplo, um elemento fundamental na composição do sorriso são os lábios, que funcionam como uma moldura das arcadas dentárias. Para um sorriso bonito, o ideal é que o lábio superior seja até 50% menor do que o lábio inferior. Além disso, para um sorriso harmônico, é preciso considerar também a quantidade de dente exposta durante o ato, para que não haja exposição excessiva ou limitada da arcada dentária”, explica a cirurgiã plástica Beatriz Lassance, membro titular da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica. Para mostrar que não são só os dentes que são importantes, listamos abaixo alguns fatores relacionados aos lábios que podem afetar a beleza do seu sorriso. Confira:

Lábios muito pequenos: é muito comum que o sorriso perca destaque devido a uma desproporção entre os lábios, que podem apresentar um tamanho reduzido. Nesse caso, é possível optar pela aplicação de preenchedores injetáveis para corrigir o problema. “O procedimento pode ser feito de duas formas: com ácido hialurônico (material seguro e totalmente aceito pelo nosso organismo), ou com a própria gordura do paciente, utilizando uma técnica chamada de lipoenxertia. O procedimento é rápido e, em ambos os casos, o paciente não precisa se afastar de suas atividades rotineiras por muito tempo. Quem opta pelo ácido hialurônico pode voltar à rotina no mesmo dia, enquanto quem escolhe a lipoenxertia deve aguardar em torno de 7 dias”, explica o cirurgião plástico Paolo Rubez, membro titular da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica.

Quando aplicado corretamente, o procedimento propicia um resultado natural com mudanças sutis nos lábios que proporcionam uma aparência mais agradável e harmônica com o restante da face. “No entanto, os resultados adquiridos com o ácido hialurônico não são definitivos, pois a substância é absorvida pelo organismo após um tempo, durando cerca de um ano e meio. Já o preenchimento com gordura pode ser considerado permanente, pois apenas parte da gordura é absorvida pelo organismo”, completa o médico.

Lábios muito grandes: quando o problema é o contrário e os lábios são excessivamente grandes, escondendo o sorriso, pode-se optar pela queiloplastia redutora, que é a cirurgia que visa diminuir os lábios para conquistar proporções equilibradas, lábios simétricos e um efeito natural. “A cirurgia é realizada com uma incisão na parte interna do lábio (do superior, inferior ou de ambos – dependendo do desejo do paciente) de onde é retirada uma faixa da mucosa. Após essa remoção, a incisão é suturada. O procedimento é simples, precedido por anestesia local e não há necessidade de internação, mas exige repouso de cinco dias antes do retorno às atividades rotineiras”, destaca o cirurgião plástico Mário Farinazzo, membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica. Porém, o procedimento não deve ser feito considerando a boca como um elemento isolado, ou seja, a intervenção cirúrgica deve ser realizada após um estudo detalhado de toda a face do paciente.

Dentes escondidos: além de lábios grandes, outro fator que pode esconder a beleza do sorriso é a pouca exposição da arcada dentária, que ocorre quando a parte acima da boca, que se estende do nariz até a borda dos lábios, é muito longa. Mas podemos reverter esse quadro através do lifting labial. “Nesse procedimento, o cirurgião plástico, por meio de uma incisão realizada sob o efeito de anestesia na base do nariz, remove o excesso de pele entre o lábio superior e o nariz para encurtar essa distância, aumentando a área do vermelhão, ressaltando o arco de cupido e criando definição. Com tempo de recuperação que varia de sete a dez dias, o procedimento é capaz de conferir melhora imediata na aparência dos lábios, mas os resultados definitivos podem demorar até três meses para aparecer devido ao inchaço que surge na região”, afirma Beatriz.

Dentes superexpostos: mostrar demais os dentes ao sorrir, o que é conhecido como sorriso gengival, pode ser tão ruim quanto não mostrá-los. Por isso, quando a parte superior à boca é muito curta e há muita exposição da arcada superior, a aplicação de toxina botulínica é recomendada. “Para melhorar o sorriso gengival, quando, além do dente, a gengiva também aparece, podemos realizar a aplicação de toxina botulínica, que paralisa o músculo e impede a contração muscular de forma que o lábio não possa ser elevado acima do necessário. No entanto, o resultado não é permanente, já que o efeito da substância dura, em média, de quatro a seis meses, podendo variar de paciente para paciente”, diz Beatriz.

Lábios ressecados: muitas vezes, a proporção entre os lábios e dentes é adequada e os dentes são bem cuidados, mas, ainda assim, o sorriso não se destaca. Nesses casos, o problema pode estar relacionado com a falta de qualidade da pele dos lábios, que, por ser fina, é mais suscetível a sofrer com os danos que levam a desidratação. Felizmente, é possível recuperar a saúde dos lábios através de procedimentos como a experiência HydraFacial Perk Lábios, que, através da combinação entre tratamento em consultório e cuidados homecare, é capaz de conferir lábios hidratados, revitalizados e levemente volumizados. “Em consultório, a experiência HydraFacial Perk Lábios é realizada com a exclusiva tecnologia roller-flex, que, por meio de sucção à vácuo, promove uma limpeza e esfoliação suave enquanto deposita na pele da região um poderoso sérum nutritivo e hidratante, que, após o tratamento, é levado pelo paciente para ser aplicado em casa, assim contribuindo para prolongar e melhorar gradualmente os resultados do procedimento”, afirma a dermatologista Adriana Awada, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia e da Sociedade Brasileira de Cirurgia Dermatológica. O resultado, que pode ser visto imediatamente, são lábios mais sedosos, hidratados e brilhantes, além de um efeito volumizador temporário.

É claro que, ainda que os lábios sejam importantes, não podemos esquecer de cuidar da saúde dos dentes e gengivas na busca por um sorriso bonito, o que não significa apenas realizar a escovação convencional, com qualquer escova e creme dental. Para conquistar um sorriso não somente bonito, mas também saudável, até a escolha da escova e do creme dental importa. “O ideal é que a escovação seja feita com uma escova dental com grandes quantidades de cerdas ultramacias, como a Curaprox CS 5460 Ultrasoft, e um creme dental de baixa abrasividade, como os cremes dentais Be You”, diz Lewgoy.

É fundamental investir também no uso do fio dental e de uma escova interdental, como a Curaprox CPS Prime. “Enquanto o fio dental auxilia na remoção de detritos alimentares e pontos de contato muito apertados, a escova interdental realiza a desorganização da placa bacteriana nas irregularidades e depressões interdentais que o fio dental não consegue higienizar”, destaca o cirurgião-dentista.

Essas etapas já são uma excelente maneira de conquistar um sorriso maravilhoso. Mas ainda é possível ir além, por exemplo, através do uso de clareadores dentais para combater o amarelamento dos dentes, como o Pearl Dental Shine, da Swiss Smile, que possui efeito cosmético branqueador e a capacidade de proteger os dentes e gengivas sensíveis por até 16 horas. “O uso de enxaguatórios orais, como os produtos da linha Perio Plus+ da Curaprox, também é interessante, pois possuem ação importante na prevenção do desenvolvimento de microrganismos na cavidade oral”, completa Lewgoy, que, por fim, ressalta que mesmo a melhor e mais completa rotina de cuidados com a saúde e beleza da cavidade oral deve ser acompanhada de visitas regulares ao cirurgião-dentista.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s