Aromaterapia também é indicada para animais domésticos

Óleos Essenciais em pets podem complementar o tratamento de depressão e, até mesmo, ajudar a reduzir a sensibilidade a ruídos. Produtos podem ser também administrados em itens de higiene para oferecer ainda mais bem-estar ao animal

A aromaterapia – prática integrativa baseada no uso óleos essenciais com o intuito de melhorar o bem-estar físico e psicológico – também é indicada para os pets, é o que Débora Fazio Cigala, terapeuta holística e aromaterapeuta parceira da Phytoterápica, aborda no novo curso de Uso de Óleos essenciais para animais domésticos.

Débora conta que a autora Nayana Morag, em seu livro “Óleos essenciais para animais”, recomenda, por exemplo, a bergamota para pets com indícios de depressão, irritabilidade, hiperatividade e temperamento imprevisível. Já o lemongrass é indicado para fazer sprays contra pulgas e moscas, enquanto a Lavanda age na histeria nervosa e problemas na pele. Por último a terapeuta conta também que o olíbano é indicado para animais domésticos com comportamentos obsessivos (como o caminhar de forma medrosa e desconfiada), para medos específicos, como locais fechados, e àqueles com sensibilidade a ruídos, ansiedade e inquietude, fezes soltas.

“O uso de alguns óleos essenciais de forma diluída é recomendado em cães e animais de porte grande. Para gatos, recomenda-se o hidrolato, tanto para uso na pele quanto no pelo, por serem suaves e terem uma concentração muito baixa de alguns ativos de óleos essenciais”, revela a especialista. São úteis também para higienizar o pelo e auxiliar no tratamento de doenças da pele, como dermatites e coceiras em demais espécies.

Para garantir a segurança e os efeitos desejados, o óleo vegetal é imprescindível na diluição do óleo essencial, até mesmo para a inalação do animal. Para isso, produtos como jojoba, calêndula, gergelim podem ser a opção. Os óleos essenciais podem ser também administrados no xampu, condicionador, e outros itens de higiene pessoal do pet.

Débora ministrará um curso sobre o assunto, no dia 12 de julho, momento em que dará detalhes de segurança e de escolha dos óleos essenciais e vegetais. Interessados podem fazer a inscrição aqui.

Informações: Phytoterápica

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s