Por que você deve eliminar o cigarro da sua vida agora

O Dia Nacional de Combate ao Fumo, comemorado hoje(29), é uma campanha criada em 1986 que serve como forma de conscientização, sensibilização e mobilização da população acerca dos danos causados pelo tabagismo. Que prejudica tanto a saúde respiratória quanto o organismo na totalidade.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) considera o tabagismo a principal causa de morte evitável em todo o mundo. Estima-se que um terço da população mundial adulta seja fumante (1 bilhão e 200 milhões de pessoas), sendo 47% de toda população masculina e 12% da feminina.

A médica nutróloga Marianna Magri cita algumas partes do organismo que sofrem com alterações por conta do tabagismo:

-Cérebro.
-Pele.
-Cabelos.
-Coração (problemas cardiovasculares).
-Fertilidade.
-Saúde íntima.
-Nutrição.

Muitos produtos químicos encontrados no cigarro são tóxicos para o cérebro, associados ao declínio mental e à demência, com grandes riscos de danos celulares e desenvolvimentos de tumores. “Além disso, o tabagismo acelera o envelhecimento da pele, antecipando o desenvolvimento de rugas, flacidez e manchas. Isso acontece porque o cigarro contém substâncias tóxicas que diminuem o fluxo sanguíneo para o tecido cutâneo e os cabelos. Causando perda de viço e luminosidade da pele, além do amarelamento e a diminuição da firmeza por conta da oxigenação e nutrição reduzidas.” esclarece Marianna.

Outro problema que pode ser acarretado pelo fumo, é o câncer. Assim como a dieta não saudável e a obesidade, o tabagismo corresponde a, aproximadamente, 30% das causas previníveis de câncer. A médica destaca que a alimentação também tem grande influência no processo daqueles que querem parar de fumar e pode ser peça-chave para quem está passando por esse processo.

Esses aspectos estão relacionados a diversos tipos de câncer, no entanto, o tabagismo aumenta os riscos de câncer no pulmão, bexiga, cavidade oral e esôfago. “À vista disso, dentro das campanhas de prevenção de câncer, há um grande incentivo a dietas com mais frutas, hortaliças, fibras, menos carne vermelha e álcool, perda de peso para as pessoas com obesidade e dizer não ao sedentarismo e ao cigarro” indica a nutróloga.

Para manter a saúde sempre em dia, são necessários cuidados constantes, principalmente com a alimentação. Pequenas mudanças, como a inclusão de alimentos funcionais, podem atuar de forma positiva na diminuição da ansiedade, para ajudar na eliminação do uso de tabaco, além de melhorar o funcionamento do organismo.

Confira algumas mudanças essenciais para ajudar no combate ao fumo e melhorar a qualidade da sua saúde:

iStock

-Beber pelo menos dois litros de água ao dia auxilia o organismo a limpar e desintoxicar o corpo.
-Verduras como alface controlam a ansiedade, pois têm lactucina presente no talo, que age como calmante.
-Consumir castanha-do-pará e aveia faz bem ao organismo, pois o alto teor de selênio elimina os radicais livres e atua na preservação do sistema cardiovascular.

-Alimentos como abacate e banana possuem triptofano, hormônio que atua na sensação de prazer e bem-estar, garantindo um sono mais tranquilo.
-O consumo de Vitamina C está associado à diminuição de secreção de cortisol (hormônio responsável pelo estresse), diminui o quadro de estresse e a vontade de fumar.
-O mel pode auxiliar na produção de serotonina, substância ligada às alterações de humor.
-Consumir figo e batata, ricos em zinco, auxiliam no processo de expulsão do dióxido de carbono do organismo.

-Evitar o consumo de alimentos que estimulam o fumo, como carne vermelha, café e bebida alcoólica.

Fonte: Marianna Magri é médica titulada pela Associação Médica Brasileira e Colégio Brasileiro de Radiologia; Nutróloga – Formação Hospital Albert Einstein e Food and Health (Stanford).

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s