Sabores italianos e brasileiros se unem em redondas cada vez saborosas e artesanais

A leveza da massa italiana com a afetividade de sabores brasileiros mostra o que faz a pizza ser um alimento tão democrático

Quando o assunto é pizza, muitos brasileiros batem no peito e, com orgulho, dizem: a nossa é uma das melhores do mundo. E, convenhamos, é verdade. Principalmente de um tempo para cá, quando as pizzas brasileiras começaram a ser aprimoradas.

É que com a chegada das napolitanas, de fermentação natural e muito mais leveza, as pizzarias nacionais começaram a cuidar também da massa de suas redondas. Ao mesmo tempo, alguns sabores verde-amarelos também estão invadindo as pizzas individuais napolitanas.

“Em Napoli, não se usa ingredientes como catupiry. Além disso, a cobertura vem em quantidade muito menor, só para completar a massa e o molho de tomate”, conta Vinicius Braune, que faz sucesso com a sua pizzaria Seo Basilico, na Mooca.

Fã da leveza do estilo napolitano de pizza, ele reforça que, em muitos casos, a pizza brasileira leva ingredientes industrializados em sua cobertura, o que não acontece nas receitas napolitanas, que prezam sempre por insumos artesanais, de pequenos produtores.

Mas é possível unir o melhor dos dois mundos, como revela Felipe Galharte, da Pizza Katzo!, casa que nasceu no interior paulista e, hoje, leva seu clima descolado para o bairro de Pinheiros, na capital. “Nos consideramos uma pizzaria moderna e livre de regras.”

Nessa mesma linha estão as pizzas da La Braciera, com unidades nos Jardins, Higienópolis e Santana. “Pizza é o alimento mais democrático do mundo, com suas diversas vertentes, estilos e formas de fazer”, conta Marcos Paulo, sócio da casa. Ele é de uma família italiana tradicional, mas nasceu e cresceu em São Paulo e, hoje, leva o melhor dos dois mundos para a sua pizzaria. “Tentei unir e balancear o melhor de cada um, com a massa napolitana e coberturas tradicionais brasileiras, sempre valorizando o que é produzido no interior de nosso país.”

Marcos conta que em um sabor clássico, como a margherita, não pode falar molho de tomate San Marzano, mais queijo fior di latte, pecorino ou parmesão, além de manjericão. Já em uma boa pizza brasileira, as memórias afetivas precisam estar presentes. É o caso de sabores, como calabresa, mussarela, portuguesa e frango com catupiry.

Seo Basilico – R$ 45,00
Rua Madre de Deus, 379 – Mooca. Horário de funcionamento: quarta, quinta e domingo: das 18h às 22h30; sexta e sábado: das 18h às 23h. Delivery próprio ou retirada: (11) 2606-6247

Pizza Katzo! – R$ 33,90
Rua Cunha Gago, 115 – Pinheiros. Horário de funcionamento: de segunda a sexta-feira, das 12h às 15h e das 18h às 23h30. Sábado e domingo, das 12h às 23h.

La Braciera – R$ 46,00
Rua Conselheiro Brotero, 1120, Higienópolis
Al. Lorena, 1040, Jardins
Rua Conselheiro Saraiva, 664, Santana

Negroni – R$ 45,00
Rua Padre Carvalho, 30, Pinheiros
Horário de funcionamento: De terça a sábado, das 18h às 0h. Domingo das 18h às 23h.

A Pizza da Mooca – R$ 42,00
Rua da Mooca, 1747, Mooca
Rua João Moura, 529, Pinheiros – Horário de funcionamento: segunda, das 18h às 22h. Terça a domingo, das 18h às 23h.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s