Calor: nutricionista lista o que consumir e o que evitar nos dias mais quentes

Juliana Vieira destaca que é de extrema importância aumentar os cuidados com a saúde nesta época

Tem feito um calorão em boa parte do país. No Rio de Janeiro, por exemplo, esta semana teve sensação térmica chegando a 54ºC e, em São Paulo, marcou a tarde mais quente do ano. É extremamente importante estar de olho na alimentação nesses dias para não se sentir mal.

“O calor causado pela estação provoca mal-estar e desidratação. Cuidar da saúde é de extrema importância para curtir o verão sem passar sufoco, cuidando sempre da hidratação e evitando certos alimentos”, destaca a nutricionista Juliana Vieira.

Ela elencou quais alimentos devemos inserir no cardápio alimentar nos dias muito quentes.

As frutas da estação são boas opções para compor uma dieta balanceada para o Verão. Entre as que você encontrará com mais facilidade estão: melão, melancia, abacaxi, laranja, manga, caju, pera e uva. Quem quer aproveitar a alimentação para garantir aquele bronzeado, deve abusar das opções ricas em licopeno e betacaroteno, como cenoura, abóbora, melancia e tomate.

Água: beber no mínimo dois litros de água por dia; sucos naturais, chás gelados, água de coco também valem.

Aposte em verduras, leguminosas , fibras, cereais e grãos, que auxiliam a digestão.

Saladas trazem alívio térmico justamente por serem mais fáceis de serem digeridas pelo corpo. Mas atenção : também podem ser fontes de bactérias caso não tenham sido lavadas e higienizadas corretamente.

Os peixes e frutos do mar devem ser consumidos pelo menos duas vezes por semana . Eles se destacam não só pelo sabor, como também pelos nutrientes e principalmente pelo baixo teor de gordura.

Juliana também listou os alimentos que devemos evitar:

Pixabay

Comida “pesadas’: (carnes gordas, queijos gordurosos, molhos à base de creme de leite, maionese). Elas exigem mais do organismo no momento da digestão podendo gerar : mal-estar, indigestão, estufamento e azia.

Frituras: evitar salgados e batatas fritas, que podem causar mal-estar, dores de cabeça, doenças cardiovasculares e aumento na pressão arterial.

Álcool: interfere na hidratação do organismo e no funcionamento dos rins, impedindo as toxinas de deixarem o organismo facilmente.

Sal: evite ao máximo pratos muito salgados e ricos em sódio como peixes em conserva, temperos prontos, embutidos e carnes processadas, molho shoyu e salgadinhos, pois o excesso de sal causa retenção e inchaços .

Sobremesas “pesadas”: opte pela gelatina, picolés e smoothies de frutas, que refrescam de forma bem mais saudável.

“Com a alimentação certa e um corpo bem hidratado, com certeza o seu verão terá outro sabor”, finaliza a nutricionista.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s