Todos os posts de carmenguaresemin

Sobre carmenguaresemin

Libriana, jornalista, escritora, assessora de imprensa, amante da natureza, em especial dos animais e, mais especialmente ainda, de gatos. Criei um blog em agosto de 2015: E De Repente 50. Pensei em um espaço onde poderia dar dicas de beleza, saúde, alimentação, gastronomia, moda e comportamento. Já em junho de 2018, pensei em separar deste primeiro os posts sobre animais. Assim, nasceu o Se Meu Pet Falasse. A intenção é compartilhar experiências, falar de saúde, alimentação, comportamento, adoção e direito animal. Além de falar do meu dia a dia com meus sete gatos. E, agora, em julho, nasce meu terceiro blog: Vivendo com a SII e a Intolerância à Lactose, voltado para quem tem esses problemas. Espero que gostem e que os textos ajudem a quem precisar. Obrigada!

Chocomoça e Abacaxi com Leite Condensado são os Bolos do Mês da Sodiê

Sabores ganham preço promocional durante os 31 dias de outubro

Duas propostas diferentes e cheias de sabor. Durante o mês de outubro, a Sodiê São Paulo, maior rede de franquia de bolos artesanais, escolheu dois bolos – dos 80 que compõem o cardápio – para ganharem desconto especial.

©2020-estudiogastronomico
©2020-estudiogastronomico

O primeiro é o Chocomoça #98, com massa de chocolate, recheado em duas camadas: a primeira com leite condensado tradicional e de chocolate e outra com mousse de chocolate. Na cobertura mais mousse, leite condensado, raspas de chocolate ao leite e branco.

O outro bolo é o Abacaxi com Leite Condensado #79 feito com massa branca e recheado com mousse branca, pedaços da fruta e leite condensado. Na cobertura, mais mousse branca, abacaxi, leite condensado e cerejas para decorar.

Vale lembrar que o preço do quilo do bolo varia de região para região e que esses dois sabores têm desconto em todas as lojas da marca no Brasil e exterior. Os clientes podem saborear as fatias ou encomendar o bolo inteiro para levar para casa.

Os pedidos podem ser feitos diretamente nas unidades e retirados, ou entregues via delivery ou pelo app iFood. Os contatos de cada loja podem ser obtidos no site oficial da marca, clicando aqui.

Como fazer kombucha em casa em duas etapas

A kombucha, bebida feita de chá fermentado e algumas vezes com a adição de suco de frutas, está ganhando cada vez mais popularidade por causa dos seus possíveis benefícios para a saúde – por exemplo, para a microbiota intestinal. Assim como outros probióticos, como iogurte, vinagre, shoyu (molho de soja), a kombucha já pode ser encontrada nas prateleiras dos supermercados, mas também é possível fazê-la em casa – assim como o kefir (bebida fermentada a partir da água ou do leite).

Segundo Paula Costa, fundadora da consultoria agroflorestal Pretaterra, fazer a própria kombucha, além de ser fácil, barato e sustentável, é uma maneira de entrar em contato com a natureza e participar da economia circular. “Para fazer a kombucha, você precisa, primeiro, ganhar uma muda de scoby, uma cultura de bactérias e leveduras que fermenta o chá. Essa muda geralmente é doada por amigos e conhecidos ou por participantes de grupos de interessados, que existem no Facebook, por exemplo. Fazer kombucha tem tudo a ver com comunidade e reutilização de recursos”, afirma ela.

“Se sobrar scoby, além de doar, é possível comer, dar para os cachorros comerem, colocar nos vasos das plantas como enriquecimento para o solo ou adubo, colocar na composteira… As possibilidades são muitas”, complementa Valter Ziantoni, também fundador da Pretaterra. “Fazer probióticos é mesmo aproveitar tudo. Por exemplo, para fazer vinagre, são usadas cascas que seriam jogadas fora.”

Além disso, Paula faz um paralelo dos probióticos com a agrofloresta, sistema de plantio que reúne culturas de alimentos a plantas que integram a floresta. “A agrofloresta é biodiversa e só funciona porque há sintonia entre tudo o que está plantado, os animais que fazem parte da paisagem etc. Os probióticos são a mesma coisa para o corpo, funcionam em conjunto com a microbiota intestinal”, diz ela.

Veja a seguir como fazer kombucha em duas etapas:

1- Adicione chá ao scoby

Num pote de vidro ou de outro material transparente já com o scoby e ¼ preenchido com o líquido do scoby, adicione chá preto ou verde (Camellia sinensis) e açúcar. Dessa forma, as bactérias e leveduras do scoby transformarão o açúcar em ácido acético. “Há pessoas que utilizam chás de ervas, mas é preciso ter mais conhecimento do processo para tal. Por isso, recomendo o chá preto ou verde para quem está fazendo pela primeira vez”, diz Valter.
O líquido deve passar entre duas e três semanas fermentando. “É possível ir experimentando, perto do fim da segunda semana, para entender se a kombucha já está agradável ao paladar. Se não, é possível deixar fermentar por mais ou menos dias”, diz Paula.

“A velocidade da fermentação depende do tamanho da placa de scoby. Quanto maior a placa, mais rápida ela é.” Na primeira fermentação, o pote pode ser tampado com saco de voal, tule ou qualquer material que permita a passagem de ar. “É importante se atentar à cor do scoby, que precisa ser mais uniforme, marrom ou esbranquiçado”, diz Paula. “O scoby não pode estar preto ou com aspecto de mofo ou bolor. Se estiver, é recomendado jogá-lo fora e começar todo o processo de novo. Isso vale para qualquer etapa do processo.” Paula e Valter sugerem os grupos de Facebook para quem quer tirar dúvidas, como se o aspecto da kombucha ou do scoby está bom. Além disso, é preciso tomar cuidado com o local de armazenamento da bebida, que deve ficar distante da pia, janelas e de frutas e legumes, que podem contaminar o processo.

2- Use suco de frutas para a segunda fermentação

Depois que a primeira kombucha estiver pronta, é possível fazer uma segunda fermentação com suco de frutas – natural de qualquer fruta ou integral de uva (dos que vendem nos supermercados). Assim, se obterá a versão gaseificada da bebida. “Só não pode ser suco de saquinho”, alerta Valter. Nessa etapa, uma garrafa de vidro pode ser preenchida com três quartos de scoby e um quarto de suco de frutas (com a proporção aprimorada a cada procedimento). Como na primeira etapa, também é preciso tomar cuidado com o local de armazenamento da kombucha e pode ser que uma pequena placa de scoby se forme. “Também é importante lembrar de lavar os recipientes ao fazer as trocas”, diz Valter. Vale lembrar que nessa segunda fermentação, a bebida pode ser guardada na geladeira, desacelerando o processo de fermentação.

Sobre a Pretaterra

A consultoria se dedica à disseminação de sistemas agroflorestais regenerativos – desenvolvendo designs replicáveis e elásticos, combinando dados científicos, informações empíricas e conhecimentos tradicionais a inovações tecnológicas e construindo um novo paradigma produtivo, que seja sustentável, resiliente e duradouro.

Na vanguarda da agrofloresta, a Pretaterra conquistou, em 2018, o primeiro lugar na categoria “Negócios Inovadores” no concurso de startups no Hackatown. Em 2019, projetou, implementou e modelou economicamente o design agroflorestal que ganhou o primeiro lugar na categoria “Sustentabilidade” no Prêmio Novo Agro, do Banco Santander e da Esalq – o case “Café dos Contos”, em Monte Sião, Minas Gerais. Em 2020, a empresa esteve entre as finalistas do Prêmio Latinoamerica Verde, para startups e projetos inovadores em sustentabilidade na América Latina.

A convite do Príncipe Charles e do Instituto Florestal Europeu, em 2021, a Pretaterra passou a liderar a frente agroflorestal da Aliança da Bioeconomia Circular. No mesmo ano, foi criada a Pretaterra Academy, o spin-off educacional da empresa, uma plataforma de formação agroflorestal.

Informações: Pretaterra

Gastrite: quais os melhores alimentos para consumir no dia a dia?

Nutricionista dá dicas do que evitar e o que pode ser ingerido para melhorar os sintomas

A gastrite é uma inflamação na mucosa que reveste a parede do estômago. Segundo estimativa da Federação Brasileira de Gastroenterologia (FBG), essa condição afeta cerca de 70% da população do país. Alguns hábitos podem ajudar a controlar e melhorar os sintomas, um deles é a alimentação balanceada e equilibrada.

Geralmente causada pelo consumo excessivo de bebidas alcoólicas, cigarro e estresse, a gastrite é uma doença que pode ser autoimune — a quando o sistema imune produz anticorpos que agridem e destroem as próprias células gástricas do organismo — ou ambiental — quando são irritadas por excesso de determinados produtos. Entre os principais sintomas está dor de estômago intensa, azia, sensação de empachamento e enjoo. Em alguns casos, pode ocorrer a perda de apetite e a presença de sangue nas fezes.

Foto: RitaE/Pixabay

Segundo a nutricionista e professora do curso de Nutrição do Uninassau — Centro Universitário Maurício de Nassau, Flávia Ribeiro, a alimentação ajuda a diminuir a inflamação e devolver bem-estar com a diminuição dos sintomas. “A dica principal é investir em um cardápio que ajude a restaurar a mucosa gástrica, consumir legumes cozidos (beterraba, brócolis, lentilha), frutas não ácidas e evitar gorduras. Podem ser utilizados chás de cúrcuma, alecrim e o consumo de oleaginosas, como nozes e castanhas-do-pará. Outros itens indicados são os grãos integrais, frango, peixe e frutas com bastante água e fibras, como melão, mamão e pera”, ensina.

Ainda de acordo com Flávia, devem ser evitados café, refrigerante, chá verde, guaraná, chá preto, sal em excesso, frituras, açúcar, bacon, enlatados, molhos prontos, frutas cítricas e carnes processadas, como salsicha, linguiça, peito de peru, mortadela, salame, presunto. “As pessoas não vão conseguir mudar a alimentação de vez de uma hora para outra. É interessante, para quem tem gastrite, também procurar a ajuda de um nutricionista. Dá até comer o que gosta, mas sem exageros e, claro, priorizar uma dieta equilibrada para atenuar os sintomas e contribuir para o bem-estar”, explica.

Além dos alimentos, é importante respeitar o processo de mastigação e não ter intervalos muito longos entre as refeições. “É bom não ficar muito tempo em jejum por causa do ácido clorídrico, porque, sem a comida para digestão, o ácido machuca ainda mais essa mucosa já irritada. A mastigação também é importante para os alimentos entrarem já bem triturados e não machucar a mucosa”, finaliza.

Fonte: Uninassau

Outubro Rosa: 6 exames para prevenir e detectar o câncer de mama

Em 2022, estima-se que ocorrerão 66.280 casos novos de câncer de mama

O movimento internacional de conscientização para a detecção precoce do câncer de mama, Outubro Rosa, foi criado no início da década de 1990, em Nova York, Estados Unidos. Desde então, o período é celebrado no Brasil e no exterior com o objetivo de compartilhar informações e promover a conscientização sobre o câncer de mama, a fim de contribuir para a redução da incidência e da mortalidade pela doença.

Segundo o Instituto Nacional de Câncer (Inca), o câncer de mama é o mais incidente em mulheres no mundo, com aproximadamente 2,3 milhões de casos novos estimados em 2020, o que representa 24,5% dos casos novos por câncer em mulheres. É também a causa mais frequente de morte por câncer nessa população, com 684.996 óbitos estimados para esse ano.

No Brasil, o câncer de mama é também o tipo de câncer mais incidente em mulheres de todas as regiões, após o câncer de pele não melanoma. As taxas são mais elevadas nas regiões mais desenvolvidas (Sul e Sudeste) e a menor é observada na região Norte. Em 2022, estima-se que ocorrerão 66.280 casos novos da doença.

Estudos da Associação Americana de Câncer mostram que, se descoberto no início, o câncer de mama tem chances de cura de até 95%. Esse índice cai para até 50% se a neoplasia estiver em um estágio mais avançado.

“Por isso, é fundamental que as mulheres tenham o devido esclarecimento sobre a importância da avaliação periódica e dos exames preventivos”, reforça Carlos Moraes, ginecologista e obstetra pela Santa Casa/SP, Membro da Febrasgo e Especialista em Perinatologia pelo Instituto de Ensino e Pesquisa do Hospital Albert Einstein, e em Infertilidade e Ultrassom em Ginecologia e Obstetrícia pela Febrasgo, e médico nos hospitais Albert Einstein, São Luiz e Pro Matre.

Sinais e fatores de risco

Segundo Carlos Moraes, os principais sinais e sintomas suspeitos de câncer de mama são: caroço (nódulo), geralmente endurecido, fixo e indolor; pele da mama avermelhada ou parecida com casca de laranja, alterações no bico do peito (mamilo) e saída espontânea de líquido de um dos mamilos. Também podem aparecer pequenos nódulos no pescoço ou na região embaixo dos braços (axilas).

Os principais fatores são:

Comportamentais/ambientais: obesidade e sobrepeso, após a menopausa; atividade física insuficiente (menos de 150 minutos de atividade física moderada por semana); consumo excessivo de bebida alcoólica; história de tratamento prévio com radioterapia no tórax.

Aspectos da vida reprodutiva/hormonais: primeira menstruação (menarca) antes de 12 anos; não ter filhos; primeira gravidez após os 30 anos; parar de menstruar (menopausa) após os 55 anos; uso de contraceptivos hormonais (estrogênio-progesterona); ter feito terapia de reposição hormonal (estrogênio-progesterona) por mais de cinco anos.

Hereditários/genéticos: histórico familiar de câncer de ovário, de câncer de mama em mulheres, principalmente antes dos 50 anos, e caso de câncer de mama em homem; alteração genética, especialmente nos genes BRCA1 e BRCA2.

Quais são os principais exames e quando se deve fazer

1-Mamografia
Segundo o ginecologista Carlos Moraes, o exame de rastreio por imagem tem como finalidade estudar o tecido mamário, podendo detectar um nódulo, mesmo que este ainda não seja palpável. O INCA indica que a mamografia deva ser feita a cada dois anos, a partir dos 50 anos, caso não seja encontrada nenhuma alteração. Já a Sociedade Brasileira de Mastologia (SBM) defende que as mamografias comecem a partir dos 40 anos.

2-Ultrassom das mamas
Atuando com ondas sonoras de alta frequência, o exame proporciona imagens da estrutura interna para caracterizar alterações palpáveis ou detectadas à mamografia (geralmente nódulos e assimetrias), assim como para o rastreamento complementar à mamografia em mulheres com mamas densas. Também possibilita distinguir lesões que não podem ser palpadas, como lesões sólidas e císticas, que exigirão uma biópsia percutânea.

3-Ressonância magnética
Diferente do raio-X, a ressonância magnética não utiliza radiação e pode ser utilizada como exame complementar. As imagens tridimensionais, muitas vezes, ajudam no diagnóstico da neoplasia. Para realizar a ressonância, pode ser preciso injetar um contraste e, para isso, estar com os rins sem complicações.

4-Exame de sangue
Quando o corpo desenvolve algum tipo de câncer, é comum que algumas proteínas como a CA 125, a CA 19.9, a CEA, e outras aumentem sua concentração no sangue. Por isso, o exame sanguíneo pode ser importante para detectar a presença de marcadores tumorais e para avaliar a evolução do tratamento.

5-Exame genético
Estima-se que 10% dos casos de câncer de mama possuem origem hereditária. Mutações nos genes BRCA1 e BRCA2 são responsáveis por grande parte dos casos de cânceres de mama hereditários (tanto que eles possuem esse nome por serem abreviaturas de “BReast CAncer” – câncer de mama, em inglês). “A análise genética, feita com amostras de sangue e usando técnicas de sequenciamento de próxima geração (NGS) ou Amplificação Multiplex de Sondas Dependente de Ligação (MLPA), é capaz de detectar alterações genéticas patogênicas nesses dois genes, indicando uma pré-disposição ao surgimento tanto do câncer de mama como de ovário”, explica Carlos Moraes.

6-Autoexame das mamas
O método é realizado pela própria mulher, através da palpação dos seios, que pode ser feito em frente ao espelho, em pé e deitada. O autoexame ajuda na prevenção e na identificação de tumores palpáveis. Entretanto, ele jamais substitui os demais exames, já que o objetivo atual da detecção do câncer de mama é justamente fazer o diagnóstico precoce e evitar a evolução de um possível tumor em estágio inicial.

“Embora os exames devam ser realizados rotineiramente, com o objetivo de preservar a saúde da mulher, muitas pacientes só marcam consulta quando já estão com os sintomas, correndo o risco desnecessário de não tratar a doença logo no início”, finaliza Moraes.

Dicas de onde comer pratos leves e deliciosos na primavera

Depois do período frio do inverno, em que é comum que queiramos ficar mais tempo dentro de ambientes internos, a primavera chega e, com ela, a vontade de sair de casa, aproveitar os dias mais amenos e tomar sol enquanto saboreamos uma refeição.   Pratos leves e sofisticados dão o tom da estação mais colorida do ano, que também traz ingredientes sazonais deliciosos. Conheça pratos e restaurantes para saborear na primavera e aproveitar os dias de tempo mais ameno:
Praça São Lourenço
Para os amantes da natureza e dos lugares abertos, o Praça São Lourenço é um dos poucos restaurantes da cidade que oferece aos seus clientes um lindo jardim com jabuticabeiras, palmito imperial e figueiras, além de um lago com carpas, uma casa da árvore para as crianças e mesas ao ar livre, onde podem ser registrados momentos agradáveis. Por lá, experimente o Polvo grelhado (Polvo grelhado, mil folhas de batata doce, maionese de páprica e farofinha de azeitona preta – R$ 107). Endereço: Rua Casa do Ator, 608 – Vila Olimpia | 11.3053-9300
 
Bistrot de Paris
O Bistrot de Paris, do chef Alain Poletto, incluiu diversos pratos que são a cara da estação, com a sofisticação e elegância que só a França tem. Polvo Grelhado (Na Páprica Defumada, com Legumes Provençais – R$ 129), Salmão Defumado da Casa, Fatiado na Mesa com salada (R$ 69) e Mexilhões ao Creme de Curry e Fritas (R$ 82) são a sugestão para essa estação. Na Villa San Pietro, escondida no meio da agitação dos Jardins, o Bistrot de Paris foi repensado em todos os detalhes para se tornar um autêntico bistrot francês e oferecer uma verdadeira experiência de bistronomia, fazendo com que os visitantes sintam-se na França e rendendo ótimos cliques para as redes sociais. Pautado por sua vivência, o sócio-chef Alain Poletto, assina o cardápio de clássicos incontornáveis, o que reforça ainda mais seus laços com a verdadeira cozinha francesa com pratos como o magret de pato aux fruits rouges, Bœuf Bourguignon, steak tartare e confit de pato, entre outros. Isso tudo sem deixar de lado seu lado criativo com sugestões especiais servidas todos os dias, resultado de uma cozinha autoral. “Quero trazer de volta as letras de grandeza aos ingredientes menos nobres, valorizada com a técnica e o savoir faire, da alta gastronomia”, explica Alain. A filosofia do restaurante é de muito rigor nos bastidores: a origem e a sazonalidade dos produtos, a seleção das receitas seguindo técnicas clássicas, o serviço atencioso e a completa carta de vinhos com forte representatividade francesa e excelentes opções em taça. A decoração também apresenta roupagem característica. A fachada com seus detalhes é uma passagem à França, o salão principal traz estofado vermelho com suas típicas barras de latão; gravuras originais das décadas de 1920 e 1930, incluindo o passo a passo de como se apreciar um bom vinho, de Charles Martin, e os desenhos do célebre ilustrador francês (e amante de Coco Chanel), Paul Iribe.  Endereço:  Rua Augusta, 2542 – Jardim Paulista | Tel.: 11.3063-1675
 
Mercearia do Conde
A Mercearia do Conde, casa comandada pela restauratrice Maddalena Stasi, também incorporou deliciosas receitas leves ao cardápio. Lá, é possível experimentar o delicioso Peixe em crosta de castanhas do Brasil (Baru, Pará e Caju), com molho de iogurte e limão siciliano, Arroz Vermelho e Couve-Flor salteada (R$ 94). e o incrível Salmão em crosta de gergelim com Chutney de manga, Quinoa e Couve temperada (R$ 95) Com um ambiente lúdico e muito colorido com fadas e trapezistas, sacolas de feira, quadros e relicários, a Mercearia do Conde já faz parte dessa esquina da rua Joaquim Antunes desde 1991. Logo no começo, a casa era uma mercearia de verdade e vendia queijos, vinhos, cereais a granel e pães. Com o passar do tempo, foram incluindo algumas receitas de família, colocou-se uma mesa num fim de semana… Por fim se renderam a demanda da clientela e a Mercearia do Conde tornou-se um restaurante com pratos variados que combinam a brasilidade com toques orientais. Foram pioneiros em trazer tendências para o cardápio como o suco de mexerica, nhoque de mandioquinha entre e outros. Atualmente ainda guarda resquícios do antigo armazém, com azulejos brancos e objetos pendurados pelo teto. Endereço: R. Joaquim Antunes, 217, Jardim Paulistano | Tel.: (11) 3081-7204
 
Empório Manuel
O Empório Manuel, comandado pelo chef Marcilio Araujo, e idealizado pelas empreendedoras Paula Ramos, Claudia Calcagnati e Daniela Ramos, aposta na gastronomia contemporânea com toques franceses. Portanto, pratos leves e sofisticados são a cara deste restaurante no Itaim Bibi. Comece pelo Ceviche de peixe fresco “ leche de tigre ” com tubérculos crocantes (R$ 46). Os Camarões grelhados ao creme de champagne e champignons com tagliolini fresco (R$ 198) e o Spaghetti com camarões, lulas, lagosta e vieiras (R$ 125) também são excelentes opções. O Empório Manuel é uma daquelas casas para aproveitar um almoço ou jantar sem pressa. Idealizado por três mulheres empreendedoras que amam a gastronomia – Maria Claudia Calcagniti, Paula Ramos e Daniela Ramos – a marca é uma combinação de empório com bistrô francês com um menu tradicional elaborado pelo Chef Marcilio Araújo. Logo na entrada, o empório com uma parede cheia de gavetinhas com cereais, frutas secas, grãos  e outros produtos típicos de uma mercearia, além de uma mesa com os pães de fermentação natural feitos pela sócia e chef padeira Paula Ramos.  Do lado direito, o bar de onde saem clássicos como Dirty Martini, Moscow Mule, Negroni e outros. Mais em frente, o bistrô em um ambiente bem típico e aconchegante, servindo desde croque monsier até pratos mais elaborados como polvo à provençal e steak tartare. A casa ainda conta com uma área externa, ideal para os dias mais amenos.  Aos fins de semana, o chef Marcilio Araújo prepara o Churrasco de Fogo de Chão típico da região da Provance.  Endereço: : Rua Manoel Guedes, 426
 
avec
No recém inaugurado avec, do chef Lucas Bassoleil, as boas pedidas para a estação são as Lulas grelhadas finalizadas com vinagre balsâmico (R$ 65), o Gravlax (Salmão gravlax, maçã verde, erva doce, rabanete, alcaparras e raspa de limão siciliano. No pão preto com molho de mostarda mel e dill – R$ 90) e o Spaghetti ao pesto (Pesto de abobrinha e hortelã, mussarela de búfala, pistache e parmesão – R$ 65). O objetivo do avec é reunir as pessoas em um ambiente agradável. Famílias, casais, amigos e pets se sentirão bem-vindos no espaço. A experiência gastronômica do chef, que já viajou e trabalhou em vários países, ajuda a compor um cardápio repleto de sabores únicos. Endereço:  Av. Brig. Faria Lima, 120
 
Maremonti
No Maremonti, as sugestões para a estação são: Polipo Maremonti (Polvo puxado no azeite com ervas, Batata e Cogumelos), Spaghetti Maremonti (Polvo, Lula, Camarão, Cogumelos e Tomate Fresco) e o Misto del Mare (Polvo, Camarão, Lula e Pescada Amarela). Nascido na Riviera de São Lourenço, no litoral norte de São Paulo, o Maremonti logo conquistou o coração dos locais e dos paulistanos em suas escapadas para a praia. Recentemente, a rede renovou seu cardápio e deu ainda mais autenticidade aos pratos utilizando as técnicas clássicas italianas. Entre os destaques estão Calamaretti Con Verdure Croccanti (Lula empanada com legumes crocantes), bem crocantes, uma sugestão para a entrada que nos transporta para os terraços voltados para o mar da Costa Amalfitana. As massas frescas são fabricadas diariamente em cada unidade. Entre os destaques estão a lasagna alla bolognesa, feita com ragu cozido por horas, exatamente como fazem as mamas, e gratinada no forno. As pizzas certificadas pela associação dos pizzaiolos da Itália também fazem muito sucesso nas noites do Maremonti. Servidas no jantar, elas são montadas em massa de fermentação natural feita à moda napolitana e aparecem em coberturas como Zucchine, de abobrinha com queijo brie, uma invenção local que se tornou um hit, e a Riviera, de linguiça calabresa artesanal. Fechando a refeição, sobremesas como tiramisù  e pannacotta com frutas vermelhas.
Endereços:
Campo Belo: Rua Princesa Isabel, 953, Brooklin
Vila Olímpia: Rua Elvira Ferraz, 250, Vila Olímpia
Pinheiros: Av. Brigadeiro Faria Lima, 166, Pinheiros

Colorir pode ser muito eficiente para sua saúde mental

Promover a atenção plena e aliviar o estresse são alguns aspectos promovidos pelo ato de colorir

Se mostrando uma ótima prática de boa saúde mental, o ato de colorir deixou de ser conhecida apenas como uma atividade simples e divertida para crianças, e passou a ser uma ferramenta bastante popular entre os adultos.

Enquanto os livros para colorir infantis contêm ilustrações simples e de personagens de desenhos, os para adultos têm padrões detalhados de flores, artes, mandalas ou animais. Eles estão disponíveis para compra e também é possível imprimir páginas para colorir gratuitamente por meio da Internet. Para as pessoas que preferem uma versão digital, muitos aplicativos com essa atividade estão disponíveis para dispositivos móveis.

Mas o que faz com que as atividades de colorir sejam tão populares entre os adultos? O profissional da Mayo Clinic Joel Bobby  licenciado em psiquiatria e psicologia aponta os motivos:

Colorir pode melhorar a saúde ao:

Foto: SelfSetFreeLiving

Promover a atenção plena

Colorir pode ajudar a ser mais atento. A atenção plena é a habilidade de se concentrar e permanecer no momento. Por exemplo, ao se concentrar na escolha da cor e em ficar dentro das linhas, você está pensando apenas agora. Você pode silenciar os ruídos ao seu redor e dar à sua mente o presente de se concentrar apenas nos movimentos, sensações e emoções do momento atual.

Pratique não pensar demais e realizar a tarefa sem criar expectativas, apenas vivenciando o momento. Se a sua mente divagar, o que é normal, volte suavemente para o que está fazendo. Ao colorir, você usa partes do cérebro que melhoram o foco e a concentração. O que torna a atividade uma oportunidade para você se desconectar de pensamentos estressantes.

Aliviar o estresse

Colorir é uma forma saudável de aliviar o estresse. Ela acalma o cérebro e ajuda a relaxar o corpo. Isso pode melhorar o sono e a fadiga e diminuir dores no corpo, frequência cardíaca, respiração e sentimentos de depressão e ansiedade.

Embora colorir não seja a cura definitiva para o estresse e a ansiedade, sentar-se para colorir por um longo tempo tem grande valor. Ao colorir, preste atenção ao ritmo da sua respiração, respire de forma firme e completa usando o diafragma e observe sua frequência cardíaca periodicamente, se puder.

Aceitar a imperfeição

Não há maneira certa ou errada de colorir, pois não se trata de uma atividade competitiva, então não há pressão para “aumentar o nível”, ganhar um prêmio ou melhorar seu tempo. Você pode colorir pelo tempo que quiser. Você não precisa terminar um desenho de uma vez só.

Tente se livrar dos julgamentos ou expectativas e curtir a beleza simples de colorir. Não importa se o seu desenho está organizado ou bagunçado. A única coisa que importa é que você se divirta e relaxe enquanto estiver colorindo.

Outras formas de aliviar o estresse

Algumas pessoas não acham que colorir é relaxante ou agradável, especialmente aquelas que não gostavam dessa atividade quando eram crianças e não há o menor problema nisso.

Outras formas divertidas de aliviar o estresse incluem:

  • Passar um tempo com um amigo de quatro patas.

Não é nenhum segredo que os animais de estimação nos alegram. Eles têm amor incondicional, estão sempre felizes em nos ver e são adoráveis. Passe um tempo de qualidade com um animal de estimação, ou seja voluntário em um abrigo para animais, caso você não tenha um.

  • Mergulhe em um livro.

Ler é uma ótima forma de relaxar. Assim como colorir, ler ajuda a se conectar no momento presente e a esquecer o trabalho ou outros fatores estressantes.

  • Massagear os lóbulos das orelhas.

Fazem massagem em pontos de pressão nos lóbulos das orelhas produz uma sensação calmante e relaxante sobre o corpo. Faça isso por alguns minutos e você pode começar a sentir um pouco de alívio.

  • Movimentar-se.

Executar seus melhores passos de dança junto com a sua música favorita pode ser terapêutico para muitas pessoas. Se você dançar durante a maior parte do tempo da música, também pode dizer que praticou um pouco de exercício físico.

  • Respirar profundamente.

Respirar profundamente é uma ótima forma de reduzir a resposta do seu corpo à percepção de ameaças. Inspire pelo nariz por cinco segundos e expire por dois segundos. Em seguida, solte a respiração pela boca por cinco segundos.

Sobre a Mayo Clinic

A Mayo Clinic é uma organização sem fins lucrativos comprometida com a inovação na prática clínica, educação e pesquisa, fornecendo compaixão, conhecimento e respostas para todos que precisam de cura. Visite a Rede de Notícias da Mayo Clinic para obter outras notícias da Mayo Clinic.

Jacques Janine lança novo catálogo de produtos para tratamento dos cabelos

Com novas embalagens e formulações, linhas profissionais de cuidados abrangem todos os tipos de cabelos para uso no salão e em casa

A Jacques Janine Professionnel acaba de lançar um novo catálogo de produtos de cuidados com os cabelos para uso no salão e em casa, com novas embalagens e formulações livres de parabenos e sem testes em animais, alinhadas às tendências tecnológicas e de comportamento da atualidade. A marca apresenta as novidades na 17a edição da Beauty Fair, feira que acontece no Expo Center Norte, em São Paulo (SP), até 6 de setembro.

“As consumidoras e consumidores confiam na nossa marca e já sabem que podem esperar produtos de qualidade e grande efetividade, com muita tecnologia envolvida. Reunimos toda a nossa experiência para trazer estas novidades, que atendem a todos os tipos de cabelos, com o que há de mais moderno em tratamentos e cuidados com os cabelos”, afirma Mayara W. Käfer, do Marketing da Jacques Janine Professionnel.

A linha Blond Yourself Violet Flowers Complex Seriseal matiza, repara e reduz o tom amarelado, proporcionando nutrição e reconstrução para loiros saudáveis, macios e com muito brilho. São produtos de alta performance, indicados para cabelos loiros, brancos e descoloridos que precisam de restauração e neutralização dos tons amarelados. A linha conta com shampoo e condicionador (200 ml), que reduzem o tom amarelado; máscara (240 g), que nutre e hidrata; e tratamento reconstrutor (200 ml), que matiza e repara.

A No More Frizz é uma linha de blindagem leve e natural que proporciona 24 horas de disciplina, nutrição, maciez, redução do frizz e proteção térmica para os fios. Sua fórmula inovadora foi desenvolvida com Symoleo Vita7 e Ama-Oil, que garantem que as cutículas fiquem protegidas contra a umidade e seladas por muito mais tempo. Indicada para cabelos indisciplinados, que costumam ficar com os fios arrepiados. Toda voltada para a redução do frizz, conta com shampoo (240 ml) para nutrição e maciez, condicionador (240 ml) e máscara (240 g) para nutrir e desembaraçar; além de spray (120 ml) e ampola (15 ml), para 24 horas de disciplina e proteção térmica.

Já a Hair Sun Protect é para todos os tipos de cabelos, protegendo os fios contra os danos externos causados pelo sol, cloro, poluição e sal. Desenvolvida com Óleo de Coco, Extrato de Caviar e Pérolas, os produtos que compõe a linha restauram, protegem, fortificam e hidratam profundamente os fios, proporcionando um aspecto belo e saudável. Conta com shampoo (200 ml) para limpeza suave e proteção; condicionador (200 ml) para fortificar, proteger e hidratar; protetor capilar (120 ml) para proteção solar e hidratação; e máscara (240 g) para brilho, maciez, hidratação e proteção.

E para o fortalecimento, proteção e reparação dos fios danificados, porosos e quebradiços, a Damage Repair foi desenvolvida com Manteiga de Karité, Proteína do Trigo, Ceramidas, Óleo de Argan e Óleo de Macadâmia. Ela restaura a maciez e o brilho, além de proporcionar um aspecto naturalmente saudável. Inclui o shampoo (200 ml) sem sal e condicionador (200 ml) para reparação dos fios, brilho e fortalecimento; sérum (30 ml) para redução do frizz e proteção térmica; ampola (15 ml) autoaquecida e máscara (240 g) para reparação dos fios e fortalecimento.

A Jaques Janine está lançando ainda as linhas Perfect Curls, para cabelos cacheados, crespos e ondulados; Ultra Blond, para fios loiros naturais, descoloridos ou grisalhos; Luminous Glow, para cabelos opacos e sem vida; Reconstrução Total, para madeixas quebradiças e com pontas duplas; After Colors, para cabelos coloridos; Oil Control, para cabelos oleosos; Liso Absoluto, para cabelos volumosos e indisciplinados; Hidratação Profunda, para fios secos; Mega Volume, para cabelos finos e sem volume e Power Nutrition, para cabelos ressecados, porosos ou opacos.

Informações: Jacques Janine Professionnel

Oficinas de automaquiagem gratuitas para mulheres em tratamento oncológico

O Programa De Bem com Você, a Beleza contra o câncer, do Instituto Abihpec apresenta programação especial com oficinas de automaquiagem online e presencial para mulheres em tratamento oncológico; a programação também apresentará lives com temas ligados à causa e o lançamento do podcast Se Meu Batom Falasse

O Programa de Bem com Você, a Beleza contra o câncer, coordenado pelo Instituto Abihpec (Associação Brasileira da Indústria de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos) inicia suas atividades especiais voltadas para as mulheres em tratamento oncológico, no Outubro Rosa. São oficinas de automaquiagem, onde as pacientes aprenderão técnicas de beleza para amenizar os efeitos do tratamento. A programação de 2022 contará com oficinas online e presenciais, lives, além do lançamento do podcast Se o meu batom falasse.

O objetivo desse podcast é trazer as histórias reais de pacientes que conseguiram lidar com o tratamento oncológico e recuperaram a autoestima, tendo o apoio das oficinas de automaquiagem do Programa de Bem com Você, a Beleza contra o câncer. Para Claudio Viggiani, presidente do Instituto Abihpec, o Programa de Bem com Você desenvolve tradicionalmente uma programação especial durante o Outubro Rosa. O intuito é chamar a atenção para a importância do diagnóstico precoce do câncer de mama e de estimular mulheres que já estejam em tratamento oncológico a se cuidarem, aderindo ao tratamento e mantendo sua autoestima elevada.

No ano passado o Programa atendeu mais de 5.300 mulheres. Neste ano, serão 2 mil mulheres atendidas somente no mês de outubro entre oficinas online e presenciais. Até o final do ano serão 7 mil atendimentos, Um destaque deste Outubro Rosa serão as consultorias de visagismo, a arte de criar uma imagem personalizada através da análise do rosto e dos princípios da linguagem visual (harmonia e estética), utilizando a maquiagem, corte, coloração do cabelo, sobrancelha e tudo o que compõe o rosto. As oficinas presenciais acontecerão nos Hospitais e locais parceiros em várias cidades brasileiras.

Programação

04/10/202210h – Valorização da Pele + Os 12 Passos da Maquiagem
16h – Limpeza e Hidratação da Pele + Os 12 Passos da Maquiagem
05/10/202220h – Pele iluminada + Os 12 Passos da Maquiagem
06/10/202216h – Sobrancelhas naturais + Os 12 Passos da Maquiagem
20h – Valorização do olhar com delineado invertido + Os 12 Passos da Maquiagem
11/10/202210h – Pele Opaca + Os 12 Passos da Maquiagem
16h – Maquiagem Colorida com Glitter + Os 12 Passos da Maquiagem
12/10/202220h – Maquiagem para o dia a dia + Os 12 Passos da Maquiagem
13/10/202216h – Cílios Postiços + Os 12 Passos da Maquiagem
20h – Sobrancelhas naturais + Os 12 Passos da Maquiagem
18/10/202210h – Limpeza e Hidratação da Pele + Os 12 Passos da Maquiagem
16h – Valorização da Pele + Os 12 Passos da Maquiagem
19/10/202210h – Os 12 Passos da maquiagem
20/10/202216h – Valorização do Olhar com delineado invertido + Os 12 Passos da Maquiagem
20h – Sobrancelhas naturais + Os 12 Passos da Maquiagem
25/10/202210h – Maquiagem Colorida com Glitter + Os 12 Passos da Maquiagem
16h – Pele Opaca + Os 12 Passos da Maquiagem
26/10/202220h – Maquiagem para Festa + Os 12 Passos da Maquiagem
27/10/202216h – Sobrancelhas naturais + Os 12 Passos da Maquiagem
20h – Cílios Postiços + Os 12 Passos da Maquiagem Para as oficinas online, as inscrições podem ser feitas aqui.

Consultoria de visagismo – feita por uma das nossas voluntárias especializadas na técnica, Samarah Fernanda. Sala online aberta para 5 pacientes que fizeram um pré-cadastro.
03/10/2022 – 16h
10/10/2022 – 16h
17/10/2022 – 16h
24/10/2022 – 16h
31/10/2022 – 16h

Para a consultoria de Visagismo, as inscrições podem ser feitas aqui.

LIVES
11/10/2022 – 15h
Sexualidade e o resgate da autoestima durante o tratamento oncológicoVenha bater um papo sobre Sexualidade e o resgate da autoestima durante o tratamento oncológico Vera Bifulco e a Dr. Ana Lucia.Vera é psicóloga clínica integrante da Equipe de Cuidados Paliativos da Unifesp, psico-oncologista, coordenadora do comitê de Cuidados Paliativos da SBPO, coautora de livros sobre o tema, além de coordenadora do curso de extensão cultural de Gerontologia na Contemporaneidade do Instituto sedes Sapientiae. Membro da Slow Medicine Brasil.Dra. Ana Lucia é Médica Psiquiatra, com especialização em Psico-oncologia e Sexologia clínica, formada em Medicina pela Universidade de Mogi das Cruzes, Residência Médica em Psiquiatria pela Santa Casa de SP, título de especialista em Psiquiatria pela ABP, especialização em Psico-oncologia pela Ciências Médicas de MG e possui especialização em Sexologia pelo IBCMED e IEPOS.
Live: YouTube

25/10/2022 Pessoa transgênero, 3° idade e o tratamento oncológico
Live: YouTube

Lançamento Podcast
24/10/2022
Aproveitamos o mês de outubro, em que lembramos a importância da prevenção do câncer de mama, para lançar o Podcast Se Meu Batom falasse, com a narração de histórias de como as pacientes conseguiram lidar com o tratamento oncológico e, assim, recuperar a autoestima. Sobre O Programa De Bem com Você – A Beleza contra o Câncer Tem como objetivo oferecer um atendimento humanizado às mulheres que estão em tratamento oncológico, a fim de proporcionar a elevação da autoestima e qualidade de vida durante e pós-tratamento, por meio de oficinas de automaquiagem. Criado em 2012, o Programa DBCV é uma iniciativa do Instituto Abihpec, uma associação civil, autônoma, sem fins lucrativos. O Instituto surgiu de uma iniciativa da Associação Brasileira da Indústria de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos (Abihpec) para canalizar os projetos sociais por ela patrocinados.

Ninho lança primeiro leite em pó sem lactose do mercado

“A diferença vem de quem cuida bem” reforça a importância da atenção com a nutrição de crianças com intolerância à lactose e estará disponível até outubro em marketplaces e redes sociais

Em atenção aos pequenos com intolerância à lactose, Ninho apresenta uma nova campanha ao público do estado de São Paulo. “A diferença vem de quem cuida bem” reforça o cuidado dos pais com crianças intolerantes à lactose, açúcar natural encontrado no leite e conscientiza sobre a importância de uma alimentação nutritiva e balanceada. Com a veiculação em redes sociais e parceiros de venda on-line – como o Empório Nestlé e Amazon, a campanha possui como porta-voz Bella Falconi, uma nutricionista e influenciadora com uma filha intolerante à lactose.

Produzida pelo Facebook com parceria da Genero e identidade visual da Publicis, a campanha conta com conteúdo da Bella Falconi e Ninho para o Instagram, com temas sobre os cuidados para uma nutrição saudável, saborosa e segura. Por isso, a influenciadora apresenta Ninho® Zero Lactose como uma solução para a condição de intolerância e com todo o sabor de Ninho® e um apoio para trazer mais nutrientes, como ferro e cálcio, na alimentação das crianças.

“A campanha ‘A diferença que vem de quem cuida bem’ traduz a especialização de Ninho® para entregar a melhor nutrição para diferentes necessidades das crianças brasileiras e, por meio de constantes estudos, buscamos oferecer a melhor qualidade em produtos, sendo que Ninho® Zero Lactose traz a fortificação Forti+ e todo o sabor de Ninho. Nossa intenção com a nova campanha é aumentar o conhecimento e acesso de uma solução nutritiva para pessoas intolerantes à lactose e se conectar com esse público”. diz Stephanie Arnesen, diretora de marketing de Ninho.

Ninho Zero Lactose é um produto sem glúten e fonte de nutrientes. Disponível para compra por meio dos portais do Empório Nestlé, Amazon e/ou Mercado Livre, participantes da campanha.

Lanches podem ser aliados para uma alimentação balanceada

VigilantesdoPeso, programa de emagrecimento baseado em ciência comportamental, traz opções saudáveis para incluir ao longo do seu dia

Para quem segue uma dieta balanceada, é comum programar com antecedência as refeições ao longo da semana. Estabelecer cardápios equilibrados para o café da manhã, almoço e jantar, ajuda a manter o foco e atingir o objetivo, seja ele a perda de peso ou mesmo manter uma alimentação de qualidade. Mas e o que se come entre as refeições principais? Embora muitas pessoas evitem fazer lanches durante o dia, é importante ter em mente que para atingir o bem-estar e perder peso, não se deve passar fome.

Ficar sem ingerir qualquer tipo de alimento por grandes períodos pode levar a comer mais do que o necessário nas refeições principais. Há ainda quem desista do processo de reeducação alimentar por conta da dificuldade em lidar com privações. Para que ninguém tenha que abrir mão dos lanchinhos, o VigilantesdoPeso, programa que inspira milhões de pessoas a adotar hábitos saudáveis na vida real, se baseia no equilíbrio e flexibilidade para auxiliar seus usuários a perder peso e a construir uma rotina melhor – sem alimentos proibidos.

É preciso ter em mente que esses famosos lanchinhos são tão importantes quanto as refeições principais. Eles podem fazer parte de uma jornada equilibrada e que se encaixe nas necessidades e rotina de cada um. Há várias opções saudáveis para esses momentos do dia que ajudam a controlar o apetite e também manter o metabolismo acelerado.

“Comer em momentos além do café da manhã, almoço ou jantar, quando se tem fome, ajuda a tornar o processo mais fácil e sustentável. Além disso, evita compulsões alimentares. Quando você cria lanches com alimentos mais saudáveis você pode ter vários benefícios, como a melhora do trânsito intestinal e o excesso de acidez no estômago. Nesse sentido, a pausa no seu dia para fazer um lanche leve e saudável se torna significativo para a dieta”, revela Matheus Motta, responsável pelo programa VigilantesdoPeso no Brasil.

Além de fazer as escolhas certas, é preciso tomar cuidado com o quanto comemos. Assim como nas refeições principais, planejar os lanches antecipadamente, facilita a inclusão de opções saudáveis e inteligentes, que não atrapalham a dieta. Ter algo fácil e nutritivo à mão é uma boa estratégia para combater vontades ou compulsões por alimentos calóricos.

Botswanayouth

As frutas são ótimas opções para consumir entre uma refeição e outra. Além de saborosas, são ótimas fontes de vitaminas e devem ser ingeridas, de preferência, in natura. Sucos devem ser consumidos moderadamente. Além de possuírem uma baixa quantidade de fibras em comparação ao alimento natural, são necessárias várias porções de uma fruta para se ter um copo de suco, aumentando a quantidade de açúcar ingerido. Outra boa ideia para incluir sua rotina é combiná-las com outros alimentos como aveia, iogurte ou pasta de amendoim, aumentando a quantidade de fibras ou proteínas e com isso a sua saciedade.

O iogurte também pode ser um ótimo aliado nas horas em que bater aquela fominha. Rico em cálcio, ele auxilia na manutenção da flora intestinal, benefício que pode ser encontrado em vários derivados do leite, como creme de ricota, queijo branco, minas, entre outros. Prefira as versões zero gordura e zero açúcar. Agora, quando bater a vontade de comer doce, o chocolate meio amargo, em pequenas porções, é uma opção. Quanto maior for a porcentagem de cacau em sua composição, mais nutrientes e menos açúcar você consome.

Impulsionado pela ciência de ponta em nutrição e mudança de comportamento dos usuários, o Programa do VigilantesdoPeso, oferece um caminho individualizado, que torna a perda de peso mais simples e acessível, ao mesmo tempo em que ajuda os seus usuários a continuarem a viver suas vidas sem grandes privações. Construído com base nos alimentos favoritos, metabolismo e objetivos de cada um, permite emagrecer até um quilo por semana, sem deixar de lado os lanchinhos, levando assim a escolhas mais adequadas para você.

Fonte: VigilantesdoPeso