Arquivo da categoria: adoção

Os benefícios científicos de ser um cat lover*

Pesquisa sugere que os gatos podem tornar nossa vida mais feliz e saudável

Todo 8 de agosto é Dia Internacional dos Gatos. E no deste ano, Cora provavelmente começou a manhã como qualquer outra: subindo no meu peito e arranhando meu ombro, exigindo atenção. Eu provavelmente levantei o edredom com sono e ela se aconchegou embaixo dele, esparramada ao meu lado. Para Cora – e, portanto, para mim – todos os dias é o Dia Internacional dos Gatos.

Os gatos podem nos acordar às quatro da manhã e vomitar com uma frequência alarmante, ainda assim, entre 10% a 30% de nós nos chamamos de “cat person (pessoas do gato)” – não pessoas de cães, nem mesmo amantes de gatos e cães com oportunidades iguais. Então, por que escolhemos trazer essas bolas de pelo para nossas casas – e gastamos mais de US$ 1.000 por ano em alguém que não é geneticamente relacionado a nós e, francamente, parece ingrato na maioria das vezes?

A resposta é óbvia para mim – e provavelmente para todos os amantes de gatos por aí, que não precisam de pesquisas científicas para justificar seu amor feroz. Mas os cientistas estudaram de qualquer maneira e descobriram que, embora nossos amigos felinos possam não ser bons para nossos móveis, eles podem dar alguma contribuição à nossa saúde física e mental.

1. Bem-estar

homem-gato-docg

De acordo com um estudo australiano, os donos de gatos têm melhor saúde psicológica do que pessoas sem animais de estimação. Nos questionários, eles afirmam se sentir mais felizes, mais confiantes e menos nervosos, além de dormir, se concentrar e enfrentar melhor os problemas de suas vidas.

Adotar um gato também poderia ser bom para os filhos: em uma pesquisa com mais de 2.200 jovens escoceses entre 11 e 15 anos, as crianças que tinham um forte vínculo com seus filhotes tinham uma qualidade de vida mais alta. Quanto mais apegados, mais se sentiam em forma, enérgicos e atentos, menos tristes e solitários; e quanto mais aproveitavam o tempo sozinhos, no lazer e na escola.

Com suas palhaçadas que desafiam a gravidade e posturas de sono semelhantes a ioga, os gatos também podem nos tirar do mau humor. Em um estudo, pessoas com gatos relataram experimentar menos emoções negativas e sentimentos de isolamento do que pessoas sem gatos. De fato, solteiros com gatos estavam de mau humor com menos frequência do que pessoas com um gato e um parceiro. (Seu gato nunca está atrasado para o jantar, afinal.)

gato computador vice.jpg

Até os gatos da Internet podem nos fazer sorrir. As pessoas que assistem aos  vídeos de gatos on-line dizem que depois sentem menos emoções negativas (menos ansiedade, aborrecimento e tristeza) e sentimentos mais positivos (mais esperança, felicidade e satisfação). É certo que, como descobriram os pesquisadores, esse prazer se torna culpado se o fizermos com a finalidade de procrastinação. Mas ver gatos irritar seus humanos ou serem embrulhados para presente de Natal parece nos ajudar a sentir-nos menos empobrecidos e recuperar nossa energia para o dia seguinte.

2. Estresse

gato frio colo cobertor

Posso atestar que um gato quente no seu colo, fazendo uma boa massagem nas coxas, é uma das melhores formas de aliviar o estresse. Uma tarde, sentindo-me oprimida, eu disse em voz alta: “Gostaria que Cora sentasse no meu colo”. Eis que ela trotou e pulou em cima de mim segundos depois (embora tentativas de replicar esse fenômeno não tenham sido bem-sucedidas).

Em um estudo, os pesquisadores visitaram 120 casais em suas casas para observar como eles reagiriam ao estresse – e se os gatos ajudariam. Ligados a monitores de frequência cardíaca e pressão arterial, as pessoas foram submetidas a uma série de tarefas assustadoras: subtrair três repetidamente de um número de quatro dígitos e, em seguida, segurando a mão em água gelada (abaixo de 40 graus Fahrenheit) por dois minutos. As pessoas ou estavam sentadas em uma sala sozinhas, com o animal de estimação perambulando, com o cônjuge (que poderia oferecer apoio moral), ou ambos.

Antes do início das tarefas estressantes, os tutores de gatos tinham uma frequência cardíaca e pressão sanguínea em repouso mais baixas do que as pessoas que não possuíam animais de estimação. Durante as tarefas, os donos de gatos também se saíram melhor: eram mais propensos a se sentirem mais desafiados do que ameaçados, seus batimentos cardíacos e pressão arterial eram mais baixos e até cometeram menos erros de matemática. Em todos os vários cenários, os tutores de gatos pareciam mais calmos e cometeram o menor número de erros quando o gato estava presente. Em geral, os donos de gatos também se recuperaram mais rapidamente fisiologicamente.

Por que os gatos são tão calmantes? Eles não nos julgam por nossas habilidades matemáticas fracas ou ficam extremamente angustiados quando estamos angustiados – o que explica por que os gatos foram realmente uma influência mais calmante do que outros significativos em alguns casos.

mulher-gato

Como Karin Stammbach e Dennis Turner, da Universidade de Zurique, explicam, os gatos não são simplesmente pequenos seres que dependem de nós. Também recebemos conforto deles – há toda uma escala científica que mede quanto apoio emocional você recebe do seu gato, com base na probabilidade de procurá-lo em diferentes situações estressantes.

Os gatos oferecem uma presença constante, livre dos cuidados do mundo, que pode fazer com que todas as nossas pequenas preocupações e ansiedades pareçam supérfluas. Como disse a jornalista Jane Pauley: “Você não pode olhar para um gato adormecido e se sentir tenso”.

3. Relacionamentos

sutterstock casal brincando gato
Shutterstock

Gatos são seres que cuidamos e que cuidam de nós (ou pelo menos acreditamos que sim). E as pessoas que investem nesse vínculo entre espécies também podem ver benefícios em seus relacionamentos entre seres humanos.

Por exemplo, a pesquisa descobriu que os tutores de gatos são mais sensíveis socialmente, confiam mais em outras pessoas e gostam mais de outras pessoas do que pessoas que não possuem animais de estimação. Se você se considera uma pessoa que gosta de gatos, tende a pensar que outras pessoas gostam mais de você do que alguém que não é gato nem cachorro. Enquanto isso, mesmo as pessoas que assistem aos vídeos sobre gatos se sentem mais apoiadas por outras do que aquelas que não são grandes fãs da mídia digital felina.

Embora essas correlações possam parecer desconcertantes, faz sentido se você considerar os gatos apenas um nó na sua rede social. “Os sentimentos positivos sobre cães / gatos podem gerar sentimentos positivos sobre as pessoas, ou vice-versa”, escrevem Rose Perrine e Hannah Osbourne, da Eastern Kentucky University.

Quando alguém – humano ou animal – nos faz sentir bem e conectados, aumenta nossa capacidade de bondade e generosidade para com os outros. Como constatou o estudo de adolescentes escoceses, as crianças que se comunicam bem com um melhor amigo são mais apegadas aos gatos, provavelmente porque passam o tempo brincando como um trio.

“Os animais de estimação parecem agir como ‘catalisadores sociais’, induzindo o contato social entre as pessoas”, escreveu o pesquisador do Reino Unido Ferran Marsa-Sambola e seus colegas. “Um animal de estimação pode aceitar características abertamente afetuosas, consistentes, leais e honestas que podem atender à necessidade básica de uma pessoa de sentir uma sensação de valor próprio e amada”.

4. Saúde

catrubbingfaceiwithman-nina-pearman2822x1415
Foto: Nina Pearman

Por fim, apesar do que você já deve ter ouvido falar sobre parasitas cerebrais entre gatinhos e humanos, há evidências de que os gatos podem ser bons para a nossa saúde. Em um estudo, os pesquisadores acompanharam 4.435 pessoas por 13 anos. As pessoas que possuíam gatos no passado eram menos propensas a morrer de ataque cardíaco durante esse período do que as pessoas que nunca possuíram gatos – mesmo quando consideravam outros fatores de risco como pressão arterial, colesterol, tabagismo e índice de massa corporal.

Isso era verdade para as pessoas, mesmo que elas não tivessem gatos atualmente, explicam os pesquisadores, o que sugere que os gatos são mais como medicina preventiva do que tratamento para uma doença em andamento.

Em outro estudo, James Serpell, da Universidade da Pensilvânia, acompanhou duas dúzias de pessoas que acabaram de adquirir um gato. Eles completaram pesquisas dentro de um ou dois dias após levarem o gato para casa e depois várias vezes nos próximos 10 meses. Na marca de um mês, as pessoas reduziram as queixas de saúde, como dores de cabeça, dores nas costas e resfriados – embora (em média) esses benefícios parecessem desaparecer com o passar do tempo. Como especula Serpell, é possível que as pessoas que formam um bom relacionamento com seus gatos continuem vendo benefícios, e as pessoas que não, bem, não.

mulher-com-gato-gata-pixabay

Grande parte dessa pesquisa sobre gatos é correlacional, o que significa que não sabemos se os gatos são realmente benéficos ou se as pessoas já são apenas um grupo feliz e bem ajustado. Mas, infelizmente, para nós, amantes de gatos, este não parece ser o caso. Em comparação com os amantes de cães, pelo menos, tendemos a ser mais abertos a novas experiências (mesmo que nossos gatos nervosos não sejam). Mas também somos menos extrovertidos, menos calorosos e amigáveis ​​e mais neuróticos. Experimentamos mais emoções negativas e as reprimimos mais, uma técnica que nos deixa menos felizes e menos satisfeitos com nossas vidas.

Pelo lado positivo, isso significa que é mais provável que os gatos realmente nos tragam tanto prazer e alegria quanto afirmamos, embora a pesquisa esteja longe de ser conclusiva. De fato, a grande maioria das pesquisas sobre animais de estimação se concentra nos cães, em parte porque eles são mais fáceis de treinar como assistentes de terapia. “Os gatos foram deixados para trás um pouco pela pesquisa”, diz Serpell. Ainda um osso para conseguir com nossos colegas caninos.

mulher deitada na cama com gato.jpg

Enquanto esperamos por mais dados, continuarei falando para todo mundo que estou feliz por ter um gato na minha vida – e na minha cama, na minha mesa de jantar e me vendo ir ao banheiro. O que perco de sono compenso no amor suave e peludo.

*Kira M. Newman é a editora-gerente do Greater Good. Ela também é a criadora do The Year of Happy, um curso de um ano na ciência da felicidade, e do CaféHappy, um encontro em Toronto. 

Neste domingo, ocorre 1º Veggie Rock Day no Espaço Buena Onda na Vila Mariana

No próximo dia 21 de julho vai rolar o 1º Veggie Rock Day, das 11 às 21 horas, no Espaço Buena Onda, com muita música em homenagem ao Dia Internacional do Rock. Haverá também muita comida, hambúrguer, fritas, chopp, artesanato e muito mais.

O local escolhido, Espaço Buena Onda, é um centro de convenções de 1.230m², ao ar livre arborizado e com uma ampla área verde dedicada ao espaço kids. Estrategicamente localizado próximo à estação de metrô Ana Rosa. Haverá feira de adoção de animais.

A D’Aldeia Vegana é a organizadora do evento e procura integrar as tribos, culturas e, principalmente, amor e a diversidade. É um espaço 100% inclusivo, desde sua equipe que tem foco na valorização de profissionais LGBTQIA+ e demais classes. Além disso é feito o auxílio a diversas ONGs que trabalham com refugiados e moradores de rua.

IMG-20190708-WA0048HAMBURGUER ROCK VEGGIE DAY

1º Veggie Rock Day
Dia: 21 de julho
Horário: 11 às 21 horas
Local: Espaço Buena Onda
Endereço: Av. Conselheiro Rodrigues Alves,83 – Vila Mariana – próximoàa estação do metrô Ana Rosa.
A entrada é gratuita e aberta ao público.

Cobasi e Miau Aumigos fazem evento de adoção de pets na Asa Norte, em Brasília

Evento ocorre aos sábados, das 10h às 16h

A partir do sábado, 30 de março, a Cobasi em parceria com a ONG Miau Aumigos irá realizar um evento de adoção de cães e gatos nas dependências da loja localizada na Via w2 Norte, 516 bloco E.

O evento acontecerá aos sábados, das 10h às 16h, e para adotar um dos animais é necessário ser maior de 18 anos, portar o documento de identidade, passar na entrevista da ONG, ler e assinar o termo de adoção. Todos os animais disponíveis para adoção estão castrados, vacinados e vermifugados.

Esse projeto faz parte das ações de incentivo a adoção da Cobasi que realiza eventos em parceria com instituições de proteção animal em diferentes cidades do Brasil. Atualmente realizamos eventos em parceria com 33 ONGs, em 31 lojas.

gato e cachorro for20petco
For20Petco

Evento de adoção de cães e gatos
Realização: Cobasi e Miau Aumigos
Local: Cobasi Shopping Brasília Asa Norte – Via w2 Norte, 516 bloco E
Data: A partir de 30 de março (todos os sábados)
Horário: das 10h às 16h

Atenção: a partir de abril, não postarei mais sobre animais/natureza/meio ambiente neste espaço, mas, sim, no blog criado apenas para esses temas: Se Meu Pet Falasse, clique no nome e irá para a página automaticamente. Por favor, se gosta de animais, siga-o. Obrigada.

Golden Square Shopping promove Feira de Adoção de cães e gatos

O evento contará com cerca de 60 animais; tutores interessados passarão por triagem

Levantando as bandeiras pet friendly e da importância da adoção responsável, o Golden Square Shopping realiza mais uma edição da Feira de Adoção de cães e gatos neste sábado (30), das 10 às 18 horas.

golden square adocao.jpg

O evento contará com cerca de 60 animais, sendo cães e gatos, filhotes e adultos que foram acolhidos pela União de Proteção Animal do Grande ABC.

Para adotar, os novos tutores precisarão passar por uma triagem que será realizada no local. Os aprovados serão informados no ato da entrevista e precisam ter mais de 18 anos, apresentar documento de identificação e comprovante de endereço.

Sobre a União de Proteção Animal do Grande ABC

A União de Proteção Animal do Grande ABC tem como missão transformar a realidade dos animais abandonados. Atuando na conscientização da população em relação à adoção responsável, no controle populacional dos animais por meio da esterilização, e na luta pela criação de leis mais rígidas em defesa dos animais. Proteger e defender aquele que não sabe falar.

gato e cachorro 33

Evento: Feira de Adoção de Cães e Gatos
Data: Sábado, 30 de março
Horário: das 10 às 18 horas
Local: Espaço Pet Golden Square Shopping
Endereço: Avenida Kennedy, 700/São Bernardo do Campo, São Paulo – Piso L1
Evento Gratuito

Atenção: a partir de abril, não postarei mais sobre animais/natureza/meio ambiente neste espaço, mas, sim, no blog criado apenas para esses temas: Se Meu Pet Falasse, clique no nome e irá para a página automaticamente. Por favor, se gosta de animais, siga-o. Obrigada.

Cobasi e Anjos de Pata realizam evento de adoção na loja Iguatemi de Porto Alegre

A partir deste sábado, 30 de março, a Cobasi em parceria com a ONG Anjos de Pata irá realizar um evento de adoção de cães nas dependências da loja localizada no Shopping Iguatemi Porto Alegre.

O evento acontecerá em todos os sábados, das 13h30 às 19h30, e para adotar um dos animais é necessário ser maior de 18 anos, portar o documento de identidade, passar na entrevista da ONG, ler e assinar o termo de adoção. Todos os animais disponíveis para adoção estão castrados, vacinados e vermifugados.

Esse projeto faz parte das ações de incentivo a adoção da Cobasi que realiza eventos em parceria com instituições de proteção animal em diferentes cidades do Brasil.

adocao2

Evento de adoção de cães
Realização: Cobasi e Anjos de Pata
Local: Cobasi Shopping Iguatemi Porto Alegre – Av. João Wallig, nº 1800
Data: A partir de 30 de março (todos os sábados)
Horário: das 13h30 às 19h30

Atenção: a partir de abril, não postarei mais sobre animais/natureza/meio ambiente neste espaço, mas, sim, no blog criado apenas para esses temas: Se Meu Pet Falasse, clique no nome e irá para a página automaticamente. Por favor, se gosta de animais, siga-o. Obrigada.

Adoção responsável: cães e gatos exigem cuidados essenciais ao ganharem um novo lar

Veterinária dá dicas das primeiras medidas a serem tomadas para garantir o bem estar do pet que será levado para casa

Optar por adotar um animal é uma das atitudes mais importantes para diminuir o número exorbitante de cães e gatos abandonados e sujeitos a maus-tratos em todo o país. De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), existem mais de 30 milhões de animais abandonados vivendo nas ruas do Brasil. Destes, mais de 20 milhões são cachorros. Porém, é crucial que a adoção seja responsável e ofereça os cuidados básicos e fundamentais para assegurar o bem-estar do animal e também dos membros da família.

caescachorrosfilhotes

De acordo com a médica veterinária da Esalpet, Leocádia Chalita de Lima, o primeiro passo para quem acabou de adotar um pet é providenciar o controle de pulgas e carrapatos e a vermifugação dos animais.

“São medidas fundamentais para garantir o conforto do pet e prevenir diversos tipos de zoonoses, doenças que podem ser transmitidas dos animais para os seres humanos”, explica a especialista. Para garantir a saúde de cães e gatos adotados, é fundamental também que o dono certifique que o animal recebeu todas as vacinas necessárias. “Somente o esquema vacinal completo confere a imunização do animal deixando-os livres de doenças infectocontagiosas e com boa qualidade de vida”, esclarece.

Outro cuidado primordial que contribui com o aumento da expectativa de vida dos animais é a castração. Segundo a profissional, o procedimento cirúrgico colabora não só com o controle de reprodução animal mas também protege de futuras doenças no aparelho reprodutivo como tumores e infecções. “A castração é recomendada tanto para fêmeas quanto para machos a partir dos 6 meses de idade, lembrando que nas fêmeas o procedimento deve ser realizado antes do primeiro cio”, detalha a especialista.

gato filhote

Para completar, a médica veterinária lembra que outros cuidados básicos podem fazer toda a diferença para a saúde e bem estar dos pets. “Garantir uma alimentação regrada e balanceada, procurar um veterinário a qualquer sinal ou mudança de comportamento e manter a higiene em dia sem dúvida vão garantir uma adaptação muito mais sadia e tranquila para o cão ou gato em um novo lar”, completa Leocádia.

Fonte: Esalpet

 

Petz abre espaço para adoção permanente de cães e gatos em suas lojas

Em parceria com ONGs e protetores, rede de pet shops oferece cuidados e recintos especiais dentro de suas unidades para que os pets resgatados das ruas possam conquistar uma nova família

Eventos de adoção de cães e gatos que antes eram realizados aos finais de semana passam a ser permanente dentro das lojas da Petz. Com o fim da venda de filhotes na rede de pet shops, todo o espaço que era utilizado para esse fim foi destinado à adoção, em parceria com ONGs e protetores.

Em um recinto todo envidraçado, com acessórios, brinquedos e alimentação, os pets resgatados das ruas podem ser vistos, interagir e conquistar uma nova família. Todos são castrados, vacinados e vermifugados. Para adotar, o interessado passa por uma rigorosa entrevista com a equipe da ONG e protetores responsáveis, que orientam e auxiliam a tirar as dúvidas sobre os bichinhos e o processo de adoção.

“Estamos muito felizes com essa nova fase da Petz. Queremos, junto com os protetores e ONGs, fazer do Adote Petz um projeto muito maior e grandioso. Contamos com o apoio de todos para ajudar a resolver o problema do abandono animal”, afirma o presidente da Petz, Sergio Zimerman. O Adote Petz já encontrou um novo lar para mais de 34 mil cães e gatos resgatados das ruas desde 2007, quando foi criado.

Posse responsável

A Petz já promovia adoção permanente de gatos em várias lojas desde o ano passado. “Agora vamos potencializar as adoções. Queremos incentivar cada vez mais a posse responsável e uma nova chance para os animais”, explica a veterinária Giulliana Tessari, gerente responsável pelo Adote Petz.

Para isso, a empresa vai intensificar as parcerias com ONGs e protetores, que devem ser homologados, ter seus documentos validados e receberem visitas de representantes da rede para certificação das condições nas quais os animais são mantidos.

A campanha de posse responsável, para a conscientização sobre a importância de cuidar de uma vida e evitar maus-tratos e abandonos, também será ampliada. Estimativa da Organização Mundial da Saúde (OMS) aponta que há 30 milhões de bichos nessa situação no Brasil.

Oito dicas para a posse responsável:

jolie na cama

1 – Cães e gatos podem viver mais de 12 anos, por isso, levar um pet para casa é um compromisso para a vida toda.

cachorro alongamento

2 – É importante saber se a família mora em um lugar que aceite bichinhos, se há espaço para o pet viver com o mínimo de conforto, se alguém é alérgico à pelagem e se os vizinhos não se importarão com os latidos.

pelé varanda

3 – A casa deve ser estruturada para receber o pet, com proteção de tomadas, cuidados ao acesso a produtos de limpeza e plantas tóxicas, incluindo arranhadores para gatos e rede nas janelas, além de um cantinho confortável para ele descansar e se adaptar ao local.

mulher cachorro passeio caminhada

4 – Os cães são ativos, requerem passeios diários e não gostam de ficar muito tempo sozinhos. É preciso dedicar um tempo para dar atenção, interagir, brincar e passear com eles.

gato dormindo

5 – Os gatos se adaptam melhor às horas em que os donos estão fora de casa, porque dormem mais de 10 horas por dia. Mas também precisam de atenção e cuidados.

cachorro-veterinario-salsichinha

6 – Ter um cão ou gato envolve gastos com saúde e bem-estar. Os pets vão precisar de visitas semestrais ao veterinário, carteira de vacinação em dia e uma boa ração, além de banho e tosa, petiscos, brinquedos, acessórios e produtos de higiene.

catland catsitter

7 – Também é preciso pensar em formas de abrigar o pet quando a família for viajar. Avaliar se o orçamento permite pagar um hotel ou se há conhecidos que possam cuidar dos pets.

Cachorro filhote golden

8 – Quando ainda são filhotes, os cães precisam de adestramento e paciência do dono para aprender a fazer as necessidades no lugar certo. Eles crescem e também podem ficar maiores do que o esperado.

Informações: Petz

Atenção: a partir de abril, não postarei mais sobre animais/natureza/meio ambiente neste espaço, mas, sim, no blog criado apenas para esses temas: Se Meu Pet Falasse, clique no nome e irá para a página automaticamente. Por favor, se gosta de animais, siga-o. Obrigada.

Curitiba tem encontro de animais não-convencionais e feira de adoção

Cacatuas, corujas, jiboias e outros animais são atrações no fim de semana, que conta também com aula de agility, feira de adoção e oficina de slime para crianças

Do que as corujas se alimentam? Qual comprimento uma cobra píton pode atingir? Tenho perfil para ter um animal assim? Como adquirir um animal legalizado? Estas e outras perguntas podem ser respondidas ao público por quem convive diariamente com essas espécies. No próximo domingo (24), o pet center HiperZoo realiza o primeiro Encontro de Animais Exóticos e Não-convencionais do ano – uma oportunidade para curiosos e apaixonados por animais trocarem informações e experiências.

cacatua.jpg

O evento, que acontece das 14h às 18h, tem entrada gratuita e conta com a presença do Exotic World, grupo de tutores de animais não-convencionais, que levará espécies como jiboias, pítons, cacatuas, corujas, entre outros.

“Além da experiência divertida para as crianças, a ideia é promover a interação entre o público e os tutores desses animais. Quem está pensando em criar um animal exótico ou silvestre tem a chance de saber mais sobre a rotina dessas espécies e avaliar se também tem perfil para cuidar de um animal diferente”, comenta a sócia-proprietária do HiperZoo, Patrícia Maeoka.

O pet center é um dos poucos estabelecimentos de Curitiba autorizados a comercializar animais exóticos e silvestres e conta com consultório e uma equipe de profissionais aptos a orientar os clientes na escolha do animal de estimação. Segundo a proprietária, antes de efetivar uma venda, os consultores procuram avaliar a rotina e disponibilidade do cliente para verificar se ele se ajusta ao perfil do animal, além de alertá-lo sobre os cuidados necessários, expectativa de vida do bichinho e indicar cursos de manejo.

Atrações no sábado

cachorro brincando agility

Já os tutores de cães contam com uma aula de agility no sábado (23). Segundo Patrícia, a primeira edição superou as expectativas e, por isso, uma nova aula acontece com horário estendido – das 17h às 19h30. “O instrutor pretende atender um público ainda maior, mostrando como funciona esse esporte que integra tutor e cão em uma prova de obstáculos”, completa. A aula é ministrada pelo adestrador Allan Galvão, da Dog Walker Passos de Cão, e para participar, é preciso apresentar um cupom fiscal da loja.

O sábado também oferece programação para as crianças que visitarem o pet center: acontece mais uma oficina de slime em parceria com a Pearl.slime1putty. Serão seis turmas de no máximo 15 alunos, com duração de 30 minutos, das 14h às 17h. As inscrições custam R$ 25 por criança/turma e podem ser feitas durante o evento.

adoçao ong

Quem pretende aumentar a família também pode participar da feira de adoção, em parceria com a ONG Amigo Animal, que acontece das 11h às 16h. Para adotar um pet, o interessado deve ter mais de 21 anos, responder a uma entrevista sobre os motivos de adoção, aceitar receber a visita de um voluntário da ONG e apresentar RG, CPF e comprovante de endereço para assinar o termo de adoção. Quem deseja ter um gato como animal de estimação, também deve ter caixa de transporte e telas de proteção nas janelas de casa.

Feirinha de adoção com Amigo Animal
Quando: sábado, 23 de março, das 11h às 16h

Aula especial de Agility com Dog Walker Passos de Cão
Quando: sábado, 23 de março, das 17h às 19h30
Entrada: apresentação de cupom fiscal do HiperZoo
Vagas: 20 tutores acompanhados de seus cães

Oficina de slime para crianças
Quando: sábado, 23 de março, com turmas às 14h, 14h30, 15h, 15h30, 16h e 16h30
Entrada: R$25,00 por criança/turma
Vagas: 15 crianças por turma

Encontro de Animais Exóticos e Não-convencionais com Exotic World
Quando: domingo, 24 de março, das 14h às 18h
Entrada: gratuita. Para participar com um pet não-convencional é preciso apresentar nota fiscal e certificado de origem do animal, conforme normativas do Instituto Ambiental do Paraná (IAP).

HiperZoo – Rua Desembargador Westphalen, 3.448 – Curitiba/PR

Tem bloCão com pets neste fim de semana com desfile de fantasias e adoção

Evento gratuito será realizado neste sábado (23), das 13h às 19h, na Petz Ricardo Jafet

Para quem já está com saudade do carnaval, agora é a vez de levar os bichinhos de estimação para um bloco especial. A Petz promove neste sábado (23), das 13 às 19 horas, na loja Ricardo Jafet, um evento aberto ao público com concurso de fantasias para os pets que dará uma viagem ao primeiro colocado. Além disso, terá estúdio fotográfico para criar looks diferentes, costumização de bandanas, sessão de fotos com a influenciadora Taciele Alcolea, show de agility do Alternativa’s Dog Show, caricaturas e food-trucks.

Para participar do concurso, que será promovido das 16h às 17h, basta levar os pets fantasiados e fazer a inscrição um pouco antes do desfile. Já o encontro com a influenciadora Taciele Alcolea, das 14 às 16 horas, será limitado para as primeiras 200 pessoas que retirarem pulseirinha.

Adoção

Outra atração é o evento de adoção em parceria com a ONG Instituto Amor em Patas. Os cães resgatados das ruas ficarão nos recintos envidraçados dentro da loja, onde poderão interagir com os visitantes e conquistar uma nova família. Todos são castrados, vacinados e vermifugados. Para adotar, o interessado passa por uma entrevista com a equipe da ONG, que orienta e auxilia a tirar as dúvidas sobre os bichinhos e o processo de adoção.

Mix de bem-estar

A Petz Ricardo Jafet é a mais moderna da rede, funciona 24 horas e oferece serviços de hotel e day care para os pets. Além de inovações tecnológicas como um sistema de curadoria com dicas de bem-estar em totens digitais, QR code e realidade aumentada nos setores de vidas, holograma com orientações veterinárias e caixa de autoatendimento. Conta também com um centro de estética com sala exclusiva para banho de felinos, playground, área especial de garden e um setor de adoção permanente de cães e gatos.

A unidade foi a primeira a receber o Centro Veterinário Seres, rede de serviços veterinários do grupo Petz, com atendimento de alta complexidade, tecnologia e equipamentos de última geração para consultas, exames e cirurgias.

fantasia diabinha

BloCão da Petz
Data: 23/03
Horário: 13h às 19h
Endereço: Avenida Dr. Ricardo Jafet, 1.750
Telefone: (11) 2181-7495

Virada Aunimal no Shopping Metrô Boulevard Tatuapé

O Complexo Tatuapé, formado pelos Shoppings Metrô Tatuapé e Metrô Boulevard Tatuapé, está sempre de portas abertas para receber diferentes raças e portes do melhor amigo do homem, o cão. E outra vez traz uma das atrações do mundo pet de maior sucesso, a Virada Aunimal. Totalmente gratuito, o evento conta com uma divertida estrutura coberta, em que brinquedos, circuitos, piscina de bolinhas e outras atividades proporcionam lazer e interatividade para os cães.

Além da tradicional feira de adoção, e da doação de sangue pet, em parceria com a idealizadora do evento, Cris Freire, os empreendimentos preparam atrações incríveis. Haverá brigadeiro gourmet para cães, palestras sobre a preservação de animais silvestres e presença de espécimes exóticos, como serpentes, ratazanas e rã-touro. “O amor não se resume a cães e gatos. Como nosso objetivo é sempre promover alegria em família, estamos aprimorando as atrações do evento para que todos se sintam em casa”, comenta Danilo Senturelle, gerente de marketing do Complexo Tatuapé.

Confira a lista de atrações do evento:

Palestras e animais exóticos

Durante todo o evento, youtubers do canal “A Liga Animal” farão apresentações de alguns animais exóticos (serpentes, ratazanas e rã-touro) de uma em uma hora. Esses animais não ficarão expostos, pois o evento preza por sua saúde e segurança. Foi pensando exatamente nisso, que o evento traz também palestras sobre o projeto de educação ambiental, que visa à preservação dos animais silvestres com autorização legal para serem pets, e sobre como cuidar deles. O projeto pertence aos cinco integrantes de “A Liga dos Animais” – Thomaz Girotto, Marcus Farah, Victor Basilio, Carlo Colorni e Raphael Fortino. E as orientações serão dadas nas palestras que eles farão.

Food truck para pets

A cachorrada vai poder se lambuzar com as sobremesas que serão vendidas pela Brigalícia, empresa que criou incríveis “brigaudeiros” de frutas e cereais para fazer a alegria dos peludos.

virada aunimal 333.png

Feirão de adoção: encontre seu “cãopanheiro”

A ONG Amigos 4 Patas realizará uma feira de adoção de cães e gatos, durante os quatro dias do evento. Portanto, para quem está procurando um amor sincero para completar a família e levar felicidade à sua vida, a hora é esta. Para realizar a adoção é preciso ter idade superior a 21 anos e estar com RG e comprovante de residência em mãos.

A expectativa da organização é receber 6 mil pessoas, que poderão passear tranquilamente com seus pets, não só nas dependências dos shoppings, como também na plataforma do metrô (fora das catracas), para realizarem a travessia entre os shoppings e curtirem ao máximo toda atração.

virada aunimal.png

Evento: Virada Aunimal
Quando: 23 e 24 de março
Horário: das 12 h às 20 h
Onde: Shopping Metrô Boulevard Tatuapé – bolsão externo da Rua Gonçalves Crespo, 78 – Tel.: (11) 2225-7000