Arquivo da categoria: Alimentação

Farovitta lança linha de snacks proteicos veganos

Marca aposta em sabores salgados e proteicos de snacks e crisps

A Farovitta, marca brasileira de superfoods, alimentos funcionais e proteicos, lançou recentemente uma linha de snacks proteicos, com produtos saborosos e práticos para adicionar mais proteína no dia a dia das pessoas. À base de proteína da ervilha, os dois produtos da nova linha – Protein Snack e Protein Crisps – são veganos, assados e temperados naturalmente com “superfoods”, além de serem sem glúten.

Outro destaque é o sabor. “Quando se pensa em snack proteico saudável as opções são sempre doces. Nós conseguimos desenvolver produtos clean label com bons valores de proteína em versões salgadas. Era o que faltava para quem não abre mão de um lanche nutritivo com uma dose extra de proteína. E eles são feitos com proteína da ervilha e superfoods apenas, sem adição de farinhas ou grãos”, revela Luana Stein, diretora de Marketing e Inovação do Grupo Revel Foods, detentor da marca Farovitta.

O Protein Snack pode ser consumido como um salgadinho. Possui baixo índice glicêmico, cerca de 15 gramas de proteína e apenas 130kcal em cada pacote. É possível encontrar o novo snack em 3 sabores, dois salgados (Páprica e Cúrcuma; Nutritional Yeast, que tem um gostinho de queijo) e um doce (Coco e Canela). Esse último é adoçado apenas como eritritol.

Já o Protein Crisps é indicado para ser polvilhado em saladas, sopas, vegetais e refeições diversas adicionando uma porção extra de proteína. São dois sabores salgados, Cúrcuma e Sal do Himalaia e Alecrim e Alho, ambos com 6,5g de proteína e apenas 55kcal na porção.

As novidades já podem ser encontradas em diversas lojas e também no site da marca.

 

Águas saborizadas conferem ação antiaçúcar, termogênica e anti-idade

Em três sabores diferentes, os lançamentos da Biotec Dermocosméticos são águas formuladas com ingredientes funcionais capazes de exercerem diferentes ações no organismo

Uma porção significativa de nosso organismo é composta de água. Dessa forma, o consumo diário de, no mínimo, dois litros do líquido é capaz de conferir uma série de benefícios, incluindo a melhora do funcionamento renal e da circulação sanguínea, regulação da temperatura corporal, diminuição do inchaço, entre diversos outros. Como se todos estes benefícios já não bastassem, a Biotec Dermocosméticos apresenta o Kit Águas Sabor Saúde, que consiste em três garrafas de água saborizada formuladas com ingredientes funcionais.

De acordo com Mika Yamaguchi, farmacêutica e diretora científica da Biotec Dermocosméticos, as três águas são extremamente benéficas para o organismo, pois cada uma delas atuam para promover saúde e bem-estar de forma global. Abaixo a especialista explica melhor a ação de cada um dos produtos. Confira:

*Água saborizada de maracujá: formulada com In.Cell, esta água com sabor de maracujá é capaz de repor nutrientes importantes para o organismo, conferir ação anti-idade à pele e ajudar no crescimento capilar. Isso por que o ativo age na nutrição e reparação celular e no aumento da produção das fibras de colágeno e elastina, responsáveis pela sustentação da pele. Além disso, o ingrediente melhora a hidratação da pele, fornecendo ácidos graxos essenciais para formação da boa barreira cutânea. Por fim, o In.Cell ainda é rico em aminoácidos, vitaminas e minerais, fornecendo assim as quantidades ideais desses nutrientes para o consumo humano.

*Água saborizada de uva: com sabor de uva, esta água possui a capacidade de acelerar o metabolismo e auxiliar na perda de gordura, já que conta com Slim Green Coffee em sua composição, um extrato padronizado de café verde com ação termogênica que melhora o desempenho físico, aumenta o metabolismo e auxilia na redução de medidas de forma natural, pois colabora para que o organismo realize lipólise (quebra de gordura) e deixe de armazenar gordura, além de fornecer mais disposição e energia.

agua_sabor_saude_1_fundo_branco.jpg

*Água saborizada de tangerina: é capaz de reverter os danos que o açúcar causa na pele, pois é formulada com glycoxil, ativo que possui ação antiglicante (impedindo que as moléculas de glicose se liguem e quebrem as fibras de elastina e colágeno), desglicante (promovendo a separação da glicose já ligada a essas fibras) e antioxidante (combatendo a ação dos radicais livres). Dessa forma, o ativo atua em todas as fases desse processo de glicação, ajudando assim a prevenir o envelhecimento precoce dos tecidos e a manter a saúde da pele em dia.

Por fim, a farmacêutica ressalta a importância da consulta com um médico, que poderá prescrever diversos ativos de acordo com a necessidade do paciente.

Fonte: Biotec Dermocosméticos – SAC: 0800-7706160

Primeiro teste de sangue do mundo para doença celíaca à vista

Cientistas identificaram biomarcadores que podem formar a base do primeiro exame de sangue do mundo para doença celíaca. Eles descobriram que a exposição ao glúten em pessoas com doença celíaca provoca um aumento de certas moléculas inflamatórias na corrente sanguínea que se correlaciona com sintomas comuns.

O método atual para diagnosticar a doença celíaca pode levar semanas ou meses. Envolve pessoas que consomem glúten e experimentam os efeitos colaterais desagradáveis ​​durante todo esse tempo. Um exame de sangue poderia reduzir esse tempo para horas.

A empresa de biotecnologia ImmusanT Inc., de Cambridge, Massachusetts, nos EUA, liderou a equipe internacional por trás da descoberta recente, que aparece na revista Science Advances.

EXAME DE SANGUE MNT
MedicalNewsToday

“Pela primeira vez”, diz o coautor sênior do estudo Dr. Robert P. Anderson, diretor científico da ImmusanT, “nós descrevemos a reação inflamatória que os pacientes com doença celíaca experimentam nas horas imediatas depois que eles são expostos ao glúten”.

Anderson sugere que as descobertas também podem levar a métodos que ajudem a localizar pessoas sem doença celíaca – mas que apresentam sintomas semelhantes – e as orientar para tratamentos mais adequados.

A doença celíaca é uma condição vitalícia que afeta cerca de 1% das pessoas nos países ocidentais, de acordo com dados da Organização Mundial de Gastroenterologia.

Glúten desencadeia ataque autoimune ao intestino

pão sem lactose e gluten

Pessoas com doença celíaca têm uma reação imune adversa ao glúten, uma proteína que está presente no trigo, centeio, cevada e alimentos que os contêm, como macarrão e pão. A presença de glúten no intestino faz com que o sistema imunológico ataque o intestino delgado. O ataque danifica o sistema digestivo e reduz sua capacidade de absorver nutrientes, causando uma série de sintomas.

Os sintomas da doença celíaca incluem inchaço, diarreia, vômito, a presença de muita gordura nas fezes (esteatorreia), anemia devido à deficiência de ferro e perda de peso. Em crianças, também pode resultar em falha de crescimento. Pessoas com doença celíaca têm que seguir uma dieta sem glúten para o resto de suas vidas.

Especialistas sugerem que o número de pessoas com doença celíaca diagnosticada não reflete a verdadeira prevalência da doença. Eles acreditam que muito mais pessoas permanecem sem diagnóstico.

Aumento de moléculas inflamatórias

mulher deitada dor

Anderson e seus colegas descobriram que a injeção de peptídeos de glúten em pessoas com doença celíaca levou a sintomas, como náuseas e vômitos, bem como níveis mais altos de certas moléculas do sistema imunológico. Peptídeos são cadeias curtas de aminoácidos.

“Os sintomas desagradáveis associados à doença estão ligados a um aumento das moléculas inflamatórias na corrente sanguínea, como a interleucina-2 (IL-2), produzida pelas células T do sistema imunológico”, explica. “Esta resposta é semelhante ao que acontece quando uma infecção está presente; no entanto, para pessoas com doença celíaca, o glúten é o gatilho”, acrescenta o médico.

Cientistas do ImmunanT. identificaram as moléculas inflamatórias enquanto realizavam um teste de um possível tratamento celíaco. Eles viram como a injeção de peptídeos de glúten levou a sintomas que se correlacionaram com os níveis elevados dos marcadores de sangue.

Em outros testes, os pesquisadores também mostraram que quando as pessoas com doença celíaca consumiam glúten, elas experimentavam o mesmo aumento na IL-2.

O trabalho de usar as descobertas para desenvolver um simples exame de sangue para a doença celíaca já está em andamento, diz o autor do estudo, Dr. Jason A. Tye-Din, professor associado e chefe de pesquisa celíaca no Instituto Walter e Eliza Hall, na Austrália.

Tye-Din, que também é gastroenterologista no The Royal Melbourne Hospital, acrescenta que “para muitas pessoas que seguem uma dieta sem glúten sem um diagnóstico formal de doença celíaca, tudo o que pode ser necessário é um exame de sangue antes e quatro horas depois, uma pequena refeição de glúten”.

“Isso seria uma melhora dramática na abordagem atual, que exige que as pessoas consumam ativamente o glúten por, pelo menos, várias semanas antes de passar por um procedimento invasivo para amostrar o intestino delgado”, finaliza Tye-Din.

Nota da Redação: a notícia é muito boa, mas é preciso lembrar que esse exame pode demorar para chegar por aqui. 

Por Catharine Paddock PhD, com checagem de Paula Field – Fonte: Medical News Today

Salted Caramel Mocha é novidade de inverno da Starbucks

Bebida artesanal preparada com caramelo e flor de sal é o destaque da temporada, disponível nas versões quente, gelada e Frappuccino

Já é inverno no Brasil e, para receber os consumidores durante os dias de temperaturas mais baixas, oferecendo o melhor da Experiência Starbucks®, a marca se inspirou no amor pelo café para trazer novidades que prometem aquecer o coração dos coffee lovers.

O destaque da nova campanha é o Salted Caramel Mocha, uma bebida artesanal preparada com caramelo e flor de sal. Já que no Brasil o clima pode variar durante as estações, a bebida pode ser apreciada nas versões quente, gelada e Frappuccino.

O Salted Caramel Mocha mistura base de café mocha (espresso, chocolate e leite vaporizado) com um toque de nozes caramelizadas, com finalização em chantilly de baunilha, calda de caramelo e cobertura de caramelo flor de sal – o resultado é uma deliciosa combinação de sabores e texturas em um só copo da Starbucks.

salted.png

As bebidas estão disponíveis nas 121 lojas em São Paulo e Rio de Janeiro, onde ficam por tempo limitado.

Informações: Starbucks

 

 

Dez alimentos que pioram as taxas de colesterol

Este mês, comemoramos o Dia Nacional do Combate ao Colesterol. O assunto merece total atenção, já que de acordo com dados do DataSUS, em 2017 ocorreram 358 mil mortes causadas por doenças do aparelho circulatório no Brasil. Significa dizer que um a cada três óbitos tem como causa problemas cardiovasculares.

“É um número alto e simboliza uma morte a cada 40 segundos, proveniente de doenças que, em sua maioria, podem ser diagnosticadas e tratadas”, afirma José Francisco Kerr Saraiva, presidente da Sociedade de Cardiologia do Estado de São Paulo (Socesp).

Por isso, é importante lembrar que a alimentação saudável é a principal estratégia para manter as taxas de colesterol controladas, reduzindo-se as chances de Acidentes Vasculares Cerebrais (AVC) e infarto.

“O colesterol é sintetizado em diversos tecidos do nosso corpo, mas é no fígado onde ocorre sua maior síntese, sendo transportado para todo o corpo pelas lipoproteínas. As mais importantes são as Lipoproteínas de Baixa Densidade [LDL] e as Lipoproteínas de Alta Densidade [HDL]”, explica a nutricionista Regina Helena Marques Pereira, do Departamento de Nutrição da Sociedade de Cardiologia do Estado de São Paulo (Socesp).

493ss_thinkstock_rf_artery_clogged_with_cholesterol
Thinkstock

LDL é o chamado “colesterol ruim” porque está associado com o maior risco de desenvolver doenças cardiovasculares. “O ideal é que sua taxa sanguínea fique abaixo de 130 mg/dl”, afirma a especialista. HDL é o “colesterol bom”, que ajuda a remover o excesso de colesterol do corpo, favorecendo sua excreção. O indicado é manter a taxa superior a 40 mg/dl. Temos, ainda, as VLDL, que são relacionadas ao transporte principalmente de triglicerídeos, que também oferecem risco à saúde do coração.

Segundo Regina, manter uma alimentação saudável e praticar atividades físicas são as principais ações a serem realizadas para diminuir o risco de doenças cardiovasculares causadas pelo colesterol. “O colesterol dos alimentos contribui com 30% do colesterol do organismo humano”, complementa a nutricionista.

Ela elaborou uma lista com os 10 vilões na luta contra o colesterol, e ressalta que o equilíbrio continua sendo o principal segredo de uma dieta saudável. “Todos esses alimentos podem ser consumidos e apenas se tornam prejudiciais à saúde quando ingeridos em grandes quantidades e com bastante frequência. Por isso, é importante lembrar: mantenha um padrão alimentar saudável, rico em frutas, verduras e legumes”.

Confira a lista:

bombom

1 – Bombom: é uma versão de chocolate com pouquíssimo cacau e muitos ingredientes, dentre eles gorduras adicionadas – principalmente hidrogenada – trans, que é a mais aterogênica.

picanha

2 – Carnes gordas: a gordura animal está intimamente ligada com o aumento de colesterol e formação de placas de aterosclerose, pois é rica em gorduras saturadas.

MANTEIGA

3 – Manteiga: fonte exclusiva de gorduras saturadas de origem animal. Altamente aterogênica.

creme de leite.png

4 – Creme de leite: mesmos princípios da manteiga.

nugget.jpg

5 – Nuggets: são empanados, pré-fritos em gordura vegetal hidrogenada, a mais aterogênica de todas as gorduras presente em alimentos industrializados.

oleo de coco

6 – Óleo de coco: rico em gorduras saturadas conhecidas como principal gordura relacionada ao aumento de colesterol total, LDL colesterol e HDL colesterol. Porém, esta elevação de HDL não é suficiente para reduzir os efeitos negativos do aumento das LDL que este tipo de gordura promove.

salame-espanhol
Foto: Own work

7 – Produtos de charcutaria: salames, presuntos, linguiças. Ricos em gorduras saturadas de origem animal – devem ser evitados.

parmesao__1_

8 – Queijos ricos em gorduras: (> 10% de gorduras saturadas por porção) – devem ser evitados.

pate-brisee massa podre.jpg

9 – Salgados e tortas elaborados com massa podre:  massa podre – pâte brisée-, é composta por farinha de trigo, gorduras (normalmente manteiga, às vezes banha ou gordura vegetal), água e sal.

sorvete

10 – Sorvete cremoso industrializado: elaborado com gordura vegetal hidrogenada em sua maioria. Alguns artesanais podem levar outro tipo de gordura menos nociva.

Fonte: Socesp – Sociedade de Cardiologia do Estado de São Paulo é uma entidade sem fins lucrativos, fundada em 1976. Regional da Sociedade Brasileira de Cardiologia e Departamento de Cardiologia da Associação Paulista de Medicina.

 

Chocolate sustentável e naturalmente lilás

A novidade, 100% artesanal, funcional e sustentável, combina chocolate branco com farinha de uva fermentada

Referência no mercado nacional de chocolates artesanais, a chocolateria curitibana Cuore di Cacao, comandada pelas irmãs Bibiana e Carolina Schneider, apresenta ao público uma novidade que se destaca tanto pela beleza, quanto pelo sabor: o chocolate naturalmente lilás. 100% artesanal e sustentável, o produto tem em sua composição chocolate branco e farinha de uva fermentada, dando ao doce um sabor delicado e exclusivo no segmento.

barra_lilas_01

A novidade foi criada inicialmente para o Clube do Chocolate da Cuore di Cacao, onde assinantes de todo o país recebem mensalmente produtos exclusivos. “Barrinhas contendo matchá e erva mate já fizeram parte dos lançamentos do nosso clube, mas pela primeira vez a aposta foi na utilização de farinha à base de fruta, que resultou no chocolate lilás”, conta Bibiana Schneider, sócio proprietária da Cuore di Cacao.

O chocolate lilás da marca curitibana é produzido com a farinha U-Vita, criada por uma parceria entre pesquisadores da Universidade Positivo e a Vinícola Franco Italiano, da cidade de Colombo (PR). O produto é proveniente do bagaço de uvas fermentadas utilizadas na produção de vinho.

“Além de saudável, rica em nutrientes e fibras solúveis e insolúveis, a U-Vita é um produto que contribui para a sustentabilidade, uma vez que é resultante do reaproveitamento total do alimento. Na Cuore, buscamos sempre aliar qualidade e consciência ecológica, apresentando soluções que tragam sabor e respeito ao meio ambiente”, explica Bibiana.

De acordo com Marcelo Apene, um dos profissionais envolvidos na produção da farinha de uva, além de saborosa, tendo várias aplicações na cozinha, ela traz vários benefícios. “Conseguimos manter de 75% a 80% de resveratrol na U-Vita, resultando em uma grande concentração de antioxidantes e fibras. E é lógico que esses benefícios são encontrados no chocolate, que ganha muito mais do que um gostinho especial”, destaca.

barra_lilas_03

Com o grande sucesso do lançamento, a Cuore di Cacao já está preparando novos microlotes do chocolate lilás. Cada barrinha (50 g) custa R$ 14,00 e, além da farinha de uva, leva em sua composição nibs de cacau, responsável pela crocância e suavidade no sabor do preparo.

A Cuore di Cacao tem seus produtos espalhados por diversos pontos de venda no país. Além disso, pessoas de outras partes do Brasil podem fazer encomendas por meio do site da chocolateria ou pelo WhatsApp (41) 98788-1633.

Cuore di Cacao – Rua Fernando Simas, 347 – bairro Batel – Curitiba

 

Para um mundo mais sustentável, é preciso diminuir o consumo de carne

Grupo da Faculdade de Saúde Pública da USP traz dados e dicas sobre como assumir uma alimentação sustentável e acessível

Por Yasmin Oliveira – Editorias: Universidade – Jornal da USP

20190729_sustentarea
O ideal é substituir a carne por leguminosas, ovos e comer mais cereais integrais no dia a dia – Foto: Reprodução Sustentarea

Pelo bem do meio ambiente, você deveria reduzir seu consumo de carne. Pelo menos, é o que recomenda o Manifesto Sustentarea, documento produzido pelo Núcleo de Apoio às Atividades de Cultura e Extensão da USP (Nace) da Faculdade de Saúde Pública (FSP) da USP, em São Paulo.

O manifesto traz recomendações de hábitos saudáveis e sustentáveis, além de informações sobre o assunto. O grupo é formado por alunos de graduação, pós-graduação e profissionais da saúde que são responsáveis pela disseminação do conteúdo.

O documento é direto: o maior problema é um alimento comum à mesa. Estudos do grupo revelam que o brasileiro come mais carne vermelha e processada do que deveria – muito mais do que a média recomendada. Também deixa de lado verduras e legumes.

O problema é que a produção de carne bovina tem impactos significativos para o meio ambiente. “Gera gases de efeito estufa, devastação de florestas e consome grande quantidade de água”, comenta a nutricionista Aline Carvalho, coordenadora do grupo. “É o ponto principal, porque representa 50% do impacto ambiental da dieta.”

Cópia de Manifesto
Capa do Manifesto Sustentarea – Foto: Reprodução

Na saúde, o consumo exagerado aumenta o risco de câncer, como diz estudo da Organização Mundial da Saúde (OMS). O ideal é substituir por leguminosas, ovos e comer mais cereais integrais no dia a dia, como pão ou arroz. Para quem não quer abandonar a carne vermelha, o Sustentarea aconselha o consumo de até 500 gramas por semana.

Entretanto, o problema não é apenas a carne processada, mas a maneira que a produzimos e consumimos como um todo. “Se continuarmos consumindo do jeito que fazemos hoje, não haverá recursos suficientes para todos em 2050”, explica Aline, baseada em um artigo produzido em Harvard e publicado na revista The Lancet.equipe-sustentarea

Equipe do projeto de extensão Sustentarea coordenando pela nutricionista Aline Martins de Carvalho – Fotos: Cedidas pela Equipe Sustentarea

Como mudar o hábito e a alimentação?

O grupo reconhece que convencer as pessoas a mudar seus hábitos é um processo lento e difícil. Por isso, o manifesto traz o capítulo “O que você pode fazer?” para aproximar o leitor de uma rotina mais sustentável. As recomendações são simples, como evitar desperdícios ou prestar atenção nos rótulos de alimentos.

O Sustentarea também procura outras medidas práticas, como lançamento de revistas on-line de receitas sazonais, que priorizam pratos sem carne e com motivos para sua recomendação. Para Aline, essa é uma forma prática de disseminar informação de qualidade na mesa do brasileiro.

20190729_receitas_sustentare-1
Livros de receita e revista ajudam público a mudar hábitos – Foto: Reprodução

Apesar de ser difícil abandonar todos os alimentos industrializados em rotinas cansativas, é possível avaliar o que se compra de uma forma mais crítica, avaliando como foi produzido e o número de químicos na composição. Quanto mais natural, melhor. A nutricionista também recomenda que se cozinhe mais – uma forma de se conectar com o alimento.

“Quando a população se empodera desse conhecimento, tece o caminho para um futuro sustentável”, finaliza.

Cópia de Manifesto

Mais informações: FSP – USP

Os incríveis benefícios da “Dieta Japonesa da Manhã”

Um dos obstáculos de muitas dietas está no orçamento, conta o portal Visa Saúde. A maioria das pessoas não quer ou não pode gastar muito com uma alimentação saudável. No entanto, há programas de perda de peso que não exigem muito dinheiro. Uma prova está na Dieta Japonesa da Manhã.

Você já percebeu como é difícil encontrar alguém que nasceu no Japão e esteja acima do peso. E não é apenas questão de genética. Mas de manter um cardápio equilibrado. Nessa dieta, o mais surpreendente é o segredo utilizado para ajudar no emagrecimento: a banana.

Criado por Hitoshi Watanabe, o método chegou a ganhar um livro. Entenda como funciona a seguir.

O que é a dieta japonesa da manhã

banana

Chamada também de regime japonês da manhã, a dieta se tornou um sucesso online nos últimos meses. E não é à toa. Sua premissa é simples. Para emagrecer e ter mais saúde, a fórmula seria simples:

=comer 1 banana pela manhã;
=beber muita água em temperatura ambiente ao longo do dia.

O médico responsável por essa indicação afirma ter testado vários tipos de planos alimentares ao longo de sua vida. No entanto, a fruta teria dado mais resposta. Desenvolvida ao lado de sua esposa farmacêutica, essa dieta seria livre de efeitos colaterais, podendo ser seguida por qualquer pessoa.

Porque a banana está na dieta

Ainda que nem sempre recebam seu devido valor, as bananas são muito ricas para a saúde. Contando com uma grande quantia de amido dentre seus nutrientes, contribuem tanto para a perda de peso quanto para a sensação de saciedade.

Quando consumida, a banana segue diretamente para o intestino grosso, sem se dissolver no intestino delgado. Assim, o amido começa a fermentar no intestino grosso, onde as bactérias do órgão a transformam em ácidos graxos de cadeia curta. Esses ácidos reduzem a síntese de colesterol no fígado e são absorvidos como nutrientes. Além disso, a banana melhora as funções do trato intestinal, alimentando as células. Portanto, deixa o organismo mais saudável.

Quais são os 6 passos da dieta japonesa da manhã

Embora sua base seja simples, há uma lógica específica por trás do método. É preciso seguir algumas regras e entender como elas funcionam. São seis passos:

=Ainda em jejum, você precisa comer 1 banana, e então tomar um copo de água em temperatura ambiente logo em seguida. A ideia é que não consuma mais nada até o horário do almoço. Você deve esperar 20 minutos após comer a banana. Se ainda sentir fome, pode comer mais uma;

=Beba o máximo de água em temperatura ambiente ou morna para acelerar seu metabolismo naturalmente. Não beba nada com álcool e evite a ingestão de leite;
Seu jantar não pode ser consumido depois das 20h. Depois desse horário, é ideal que não comer mais nada.

=Lembre de não sobrecarregar seu estômago. Pense sempre em uma regra de 80/20. Consuma apenas 80% do que está no seu prato e deixe 20%. Para evitar o desperdício, tente diminuir o tamanho de seus pratos.

dormir sono despertador relogio

=Vá para a cama antes da meia-noite. A falta de sono está diretamente relacionada ao aumento de peso.

=Você pode comer o que quiser no almoço e jantar, mas entre as refeições, os lanches só podem ser frutas. Nada de pão, biscoitos ou outras guloseimas.

Embora possa parecer difícil, a verdade é que se você tem muitas frutas à disposição, fica mais fácil não sentir falta de outros alimentos, especialmente com adição de açúcar. E como os resultados vão aparecer em pouco tempo, vai perceber que vale a pena.

Quais são os outros benefícios da banana

banana

Além de contribuir muito para o emagrecimento saudável, o consumo de banana é aliado de todo o organismo. Comer a fruta regularmente ajuda a:

-acelerar o metabolismo;
-aumentar a sensação de saciedade;
-garantir muito nutrientes para o organismo;
-fornecer fibra e potássio;
-reduzir a aparência da celulite;
-diminuir a vontade e o impulso por doces.

Na prática, a promessa é de que a dieta japonesa da manhã vai te ajudar a se sentir com mais energia, com os níveis de açúcar controlados. Para a perda de peso, será um aliado para evitar que coma além do necessário. Para acelerar ainda mais o processo, considere alguns suplementos naturais como cromofina ou zero caps.

Sem contar que nossa alimentação precisa sempre priorizar os alimentos in natura. Quanto mais conservantes são adicionados à dieta, mais chance de ter inchaço e de deixar seu metabolismo mais lento.

Como consumir banana diariamente sem enjoar

Por mais que uma dieta seja eficiente, a verdade é que nosso paladar pode precisar de uma ajudinha. Comer banana todos os dias é desafiador em longo prazo. Por isso, ainda que o ideal seja consumir a fruta naturalmente, você pode prepará-la de diferentes maneiras.

banana com canela canadutch
Canadutcg

Uma receita bastante básica é cortar a banana ao meio, salpicar um pouco de canela e levar ao micro-ondas por um minuto. A textura já será diferente, e a canela também funciona como um meio de acelerar o metabolismo.

banana com aveia frigideira smittenkitchen
Smittenkitchen

Também é possível amassar meia banana, colocar uma colher de farinha de aveia e levar à frigideira. Você terá uma panqueca funcional com preparo simples, e ainda muitos nutrientes. Para evitar que você perca em valor nutricional, por ter aquecido a fruta, deixe metade in natura, para funcionar como uma espécie de recheio.

banana com chia eatwell101
Eatwell101

Outra possibilidade é cortar em rodelas e salpicar com chia. A semente é excelente para aumentar a sensação de saciedade. Logo, se você sente muita fome pela manhã, não vai precisar comer a segunda unidade, pois estará mais cheio.

Por que apostar numa dieta que não gasta muito

bananas- pixabay

O segredo de uma dieta bem sucedida não está no valor financeiro de seus alimentos. Na verdade, é possível seguir um plano alimentar gastando menos do que você imagina. A questão é que muita gente usa o dinheiro como desculpa.

Ainda que uma pessoa esteja acima do peso e compre uma pizza de R$ 45,00 por semana, é possível que ela reclame por ter que gastar em frutas e verduras. Ao final do mês, serão R$ 180,00 que poderiam ter sido gastos na feira, por exemplo.

Ao seguir uma dieta que não gasta muito, a mente é mais facilmente convencida de que dá para emagrecer sem precisar se preocupar com o orçamento. Esse impulso psicológico é muito importante para que a perda de peso seja bem-sucedida.

Fonte: VivaSaúde – Karina Lobo é nutricionista com 15 anos de experiência, formada pela UFSC com MBA em Gestão de Negócios pela UNIP. Apaixonada por comida e por alimentação saudável.

Receita de lámen com legumes, prática e fácil

A Nissin preparou uma receita deliciosa, prática e rápida. Confira abaixo como prepará-la.

Nissin Lámen com Legumes

Ingredientes:
· 01 pacote de Nissin Lámen sabor Galinha
· ½ cebola pequena
· 01 batatinha média
· 01 cenoura pequena
· 03 ramos médio de brócolis cozidos
· 500 ml de água

Modo de preparo:
·Corte a cebola, a batatinha e a cenoura em cubos pequenos e reserve. Em uma panela coloque 500ml de água e ¼ do sachê de tempero, quando a água estiver fervendo coloque a cebola, as batatas e a cenoura e para cozinhar até todos os ingredientes amolecerem. Acrescente na panela a massa do lámen e o brócolis cozido e cozinhe por 3 minutos adicione o resto do tempero e retire do fogo.

Sabor Galinha

Sugestão: incluir peito de frango (25g): corte em cubos ou tiras e tempere com sal e pimenta do reino a gosto e cozinhe junto com a cebola, a batatinha e a cenoura. Depois siga o restante da receita.

Variação: caso queira variar, utilize o produto Nissin Lámen sabor Carne, com cubos de músculo na receita.

Fonte: Nissin

Fran’s Café e Amarula unidos para dar novo sabor ao inverno

A rede Fran’s Café trouxe novos sabores de bebidas para quem passar pelas suas lojas nos próximos meses. São dois novos produtos que ganharam o toque especial da bebida.

Franccino_Amarula.png

Os novos são Franccino Amarula – café expresso, leite, licor Amarula, gelo e chantilly e canela (opcional).

Mochaccino_Amarula.png

E o Amarula Mochaccino – café expresso, calda de chocolate, licor Amarula, chocolate quente, chantilly e canela.

Latte_Amarula.png

Os fãs da linha Latte, há algum tempo no cardápio, também podem comemorar. O licor foi adicionado a duas versões: Amarula Latte Chocolate – calda de chocolate, café expresso, leite, licor Amarula e chocolate em pó; e Amarula Latte Doce de Leite – doce de leite, café expresso, leite, licor Amarula e canela.

Informações: Fran’s Café