Arquivo da categoria: chá

Seis chás para amenizar sintomas da menopausa

A nutricionista Angela Federau lista seis opções naturais que ajudam as mulheres a ganharem qualidade de vida nesse período

A menopausa é um marco na vida da mulher. A última menstruação acontece, geralmente, entre 45 e 55 anos, marcando o fim da fase reprodutiva. Ela pode vir mais cedo ou mais tarde, porém, acompanhada com frequência por sintomas desagradáveis, e até mesmo traumáticos para a mulher como: ressecamento vaginal, perda da libido, depressão, ondas de calor, insônia e dores musculares, entre outros.

“Vários tratamentos farmacológicos são procurados por mulheres em menopausa, com objetivo substituir os hormônios que baixam de nível nesta fase da vida. Entretanto, estudos recentes mostram que existem opções naturais que podem cumprir o papel dessa reposição hormonal”, enfatiza Angela Federau, nutricionista.

Para ajudar a melhorar a qualidade de vida das mulheres, Angela preparou uma lista com seis chás de ervas naturais que podem atuar amenizando os sintomas da menopausa. Confira:

Chá de folha de amoreira

Shutterstock

A folha de amoreira tem vários compostos químicos que ajudam a regular os hormônios femininos. Além de propriedades que amenizam os sintomas mais desagradáveis da menopausa. Pode ser consumido quente ou frio, de preferência em menos de 24 horas após ser feito, e a infusão é normalmente feita com uma colher de sopa de folhas de amoreiras secas em um litro de água.

Chá de aquileia, alquemila e sálvia

A sálvia tem propriedades calmantes antioxidantes e ansiolíticas. A alquemila melhora o trânsito intestinal e seus flavonoides ajudam a repor níveis hormonais. A aquileia mantém a hidratação natural da pele que fica dificultada na menopausa e tem propriedades anti-inflamatórias e analgésicas. O chá deve ser feito com a infusão de quatro colheres de chás das três folhas secas em um litro de água.

Chá de hipericão

Organic Facts

O chá de hipericão é excelente no combate dos sintomas dos sintomas da menopausa, principalmente no que diz respeito a mudanças de humor. Em resumo, a planta alivia a ansiedade e estresse decorrentes de mudanças hormonais.

Chá de erva-de-são-cristóvão

A erva-de-são-cristóvão também chamada de cimicifuga ajuda na regulação do ciclo menstrual. Além disso, ela alivia as ondas de calor comuns no climatério e menopausa.

Chá de Ginseng

Getty Images

É uma raiz de prioridades potentes e seu chá pode aliviar ondas de calor e ansiedade. Ela é anti-inflamatória e pode ajudar no controle do peso, ou seja, aliviando o ganho de peso que comumente acontece nessa fase.

Chá de Trevo-vermelho

Etsy

É um tipo de leguminosa rica em isoflavonas, substâncias também presentes na soja. Excelente para o alívio dos sintomas da menopausa. O chá deve ser feito em forma de infusão.

Fonte: Angela Federau é nutricionista clínica, pós-graduada em fitoterapia aplicada à nutrição, especializada em nutrição funcional, pediátrica e escolar. É palestrante, escritora de livros, artigos e colunas em jornais e revistas. Nutricionista responsável pela APSAM – Associação Paranaense Superando a Mielomeningocele. Além disso, a nutricionista é empresária do segmento alimentício e atua como parceira da Polícia Militar do Paraná e de clínicas de fertilidade.

Chás: conheça os benefícios do consumo diário

Bio Mundo apresenta as diferentes funcionalidades dos chás da linha BIO 365

O mercado de chá apresenta cada vez mais variedades desse item pelo mundo. A bebida, que tem sido constantemente recomendada por inúmeros nutricionistas, é uma poderosa fonte de nutrientes. Feito através da infusão de flores, raízes, frutos e plantas, o chá é uma bebida que, por ser extraída de maneira natural, consegue proporcionar diversos benefícios para a saúde através de uma gama de tipos e sabores. Além disso, e e seu consumo diário auxilia quem busca uma vida mais saudável.

O chá de hortelã, por exemplo, auxilia no combate ao inchaço, aumenta a secreção do suco digestivo e por isso é um bom aliado para quem sofre com a Síndrome do Intestino Irritável. A erva mate, que também é benéfica para o sistema digestivo, atua sobre nervos, músculos e elimina a sensação de fadiga. Já a camomila, é um importante agente para o fortalecimento da imunidade e antibactericida. O consumo da bebida pode ser quente ou gelado, sendo assim, é uma alternativa saborosas para quem procura se hidratar ao longo do dia.

Pensando nisso, a Bio Mundo – rede de produtos naturais e saudáveis – apresenta os benefícios de alguns chás, que fazem parte da linha Bio 365 – lançamento exclusivo da marca que possui produtos voltados para a manutenção e prevenção da saúde.

A partir de nutrientes funcionais, a rede desenvolveu suplementos alimentares com o objetivo de enriquecer a dieta do consumidor. Entre os mais de 50 itens da nova linha, estão os 8 tipos de chás com diferentes funcionalidades que se complementam e elevam a saúde e bem-estar. O consumidor adquire a unidade com trinta sachês por R$ 30,00. Confira:

Special Tea Levity
Blend que estimula o metabolismo. O mix de ingredientes é um importante ativo no combate ao envelhecimento precoce das células, além de auxiliar na digestão, insônia, prevenção de doenças cardiovasculares e diminuição da ansiedade.
Ingredientes: chá misto de hortelã, mate verde, chá verde, hibisco, laranja amarga, gengibre, sálvia e alecrim.

Special Tea Womem
Um blend para combater a TPM. O mix com sabor de frutas vermelhas auxilia na digestão, acalma o sistema nervoso e reduz a ansiedade.
Ingredientes: chá misto de hibisco, carqueja, maçã, chá verde, alecrim, manjerona e camomila.

Special Tea Harmony
O blend de sabor maracujá é indicado para combater o estresse. Com recomendação de uso ao longo do dia, o mix age contra insônia, ansiedade e dores causadas por tensão.
Ingredientes: chá misto de cidreira, camomila, hortelã, sálvia, laranja e maracujá.

Special Tea Protected
Com sabor de mel, o blend estimula a imunidade. O mix de anis age contra a gripe, cólica, gastrite, tosse e bronquite, além de diminuir inchaço e eliminar toxinas do corpo.
Ingredientes: chá misto de anis estrelado, cúrcuma, lima, erva doce e gengibre.

Special Tea Active
Blend com sabor de abacaxi criado para combater a constipação intestinal. O mix facilita na digestão e alivia dores.
Ingredientes: chá misto de hortelã, funcho, erva doce, endro, abacaxi e camomila. Sabor de abacaxi

Special Tea Action
Pensado para proporcionar mais energia para o corpo, o bland de sabor guaraná é rico em nutrientes, aumenta o metabolismo e age como um antioxidante.
Ingredientes: chá misto de chá verde, hortelã, sálvia, carqueja, gengibre, hibisco, erva mate e guaraná.

Foto: fresh design pedia

Special Tea Good Night
Blend que possui efeito calmante, pensado exclusivamente para quem sofre de insônia.
Ingredientes: chá misto de cidreira, hortelã, erva doce, laranja, melissa, limão, jasmim, sálvia.

Special Tea Satisfaction
Blend com sabor de abacaxi que auxilia no combate a má digestão.
Ingredientes: chá misto de carqueja, funcho, abacaxi, hortelã, boldo, sálvia e noz-moscada. Sabor Abacaxi.

Fonte: Bio Mundo

Chá de hibisco proporciona vários benefícios e pode ser utilizado em receitas

Algumas famosas são adeptas do consumo de chá de hibisco por vários motivos, entre eles estão: amenizar a retenção de líquido, os sintomas da TPM e para emagrecer. Original da África e Ásia, o hibisco foi trazido pelos escravos para o Brasil. A flor pode ser encontrada em várias regiões do país, principalmente no Nordeste. Na Europa ficou conhecido no século XX, e o item está presente na maioria dos chás aromáticos.

Preparada com o cálice do botão seco da flor chamada de Hibiscus sabdariffa, que também é comestível e pode ser utilizada para preparação de pratos (não é aquela encontrada em jardins), a bebida conta com diversas substâncias antioxidantes, como os flavonoides, especialmente as antocianinas, que possuem efeito cardioprotetor e vasodilatador. Por esses resultados, pode ajudar a melhorar a imunidade, a saúde do coração, a controlar a pressão arterial e o perfil lipídico, tem efeito hepatoprotetor e melhora a perfusão sanguínea.

“Não há evidências científicas que o consumo de chá de hibisco ajuda no emagrecimento. A união de boa alimentação, bons hábitos e consumo adequado do chá, pode contribuir nessa jornada. A flor possui ação diurética, uma aliada valiosa para diminuir a retenção, que, de forma indireta, contribui na redução do peso corporal. Estudos mostram que o flavonoide quercetina presente na bebida é um dos nutrientes que ajudam a proporcionar esta ação. Outras pesquisas citam que o chá de hibisco é capaz de reduzir a adipogênese, ou seja, inibe que células pré-adipócitas se convertam em adipócitos maduros. E quanto menos adipócitos, menos gordura corporal”, esclarece Daniela Lasman, nutricionista da Bodytech Iguatemi São Paulo.

Dica da especialista

Uma dose segura é de até 500 ml por dia; e é importante variar os tipos de chá, já que o consumo crônico de algumas ervas pode levar a efeitos adversos que vão desde eliminação excessiva de sais minerais até alteração hormonal. O ideal é consumir a bebida sem utilizar açúcar ou adoçante, pois, mesmo não somando calorias, o adoçante pode prejudicar o objetivo por conta de sua composição (pensando nos edulcorantes artificiais) e pelo fato do seu consumo, ao longo do dia, aumentar a absorção de carboidrato pelo organismo. Dê preferência à flor in natura para usufruir de todos os benefícios proporcionados pelo chá.

Como preparar

Coloque a água para ferver; quando começarem a aparecer as primeiras bolhas, desligue e acrescente uma colher de sopa da erva. Deixe abafando por 10 minutos, coe e está pronto. Compre o chá num local de confiança e deixe bem armazenado em pote de vidro fechado, em local seco e arejado.

Não existem contraindicações claras sobre o consumo do hibisco. “A pessoa que irá consumir não deve apresentar intolerância aos principais componentes da planta. Alguns estudos mostram que o consumo excessivo pode comprometer a fertilidade. Mas quase todas as pesquisas foram conduzidas em ratos fêmeas, nenhum estudo foi extrapolado para mulheres. Por isso, não há consenso de quanto seja o consumo ideal. De qualquer forma, sempre sugiro não consumir o mesmo chá seguidamente por tempo prolongado. Varie com outras ervas e consuma um mesmo tipo por até uma semana”, orienta a nutricionista.

Daniela listou duas receitas para variar a utilização do Hibisco. Veja como fazer:

Bala de gelatina de hibisco

Pinterest

Ingredientes
Duas colheres de sopa de hibisco, 450ml de água fervente, dois envelopes de gelatina em pó incolor hidratada e dissolvida. Adoçar com stevia ou eritritol.

Modo de Preparo
Deixar o hibisco na água fervente em infusão por cinco minutos; depois, coe.
Adicionar a gelatina dissolvida ao chá. Dispor em uma forma ou refratário retangular e levar à geladeira por duas ou três horas, ou até endurecer. Endurecido, cortar em quadradinhos.

Suchá de hibisco com morangos

Reprodução

Ingredientes
209 ml de chá de hibisco pronto, três morangos picados em rodelas, suco de meio limão, adoçante (stevia ou eritritol – opcional) e gelo.

Modo de preparo
Acrescente todos os ingredientes no chá de hibisco e se delicie. Consuma gelado. Se gostar, é possível incluir folhinhas de hortelã ou raspas de gengibre. Pode substituir os morangos por uvas sem sementes ou uma fatia fina de abacaxi em pedaços.

Fonte: Bodytech

Cinco plantas medicinais que auxiliam a tratar ansiedade e insônia

O estresse desencadeado pelas multitarefas da nossa rotina pode desencadear na ansiedade, que muitas vezes leva a uma noite mal dormida e, até mesmo, à insônia, que é um distúrbio caracterizado pela dificuldade de começar a dormir, manter-se dormindo ou acordar antes do horário desejado.

As plantas medicinais são recursos naturais, muito utilizadas pela população por apresentarem efeitos terapêuticos, praticidade e até mesmo pelo uso tradicional, ou seja, aquele que passa de pais para os filhos. O ditado popular “se é natural, não faz mal” traz uma sensação de que essas plantas são isentas de toxicidade, porém sabe-se que não é verdade. Muitas delas, se mal utilizadas, podem trazer problemas graves à saúde humana.

Em relação à ansiedade e à insônia, o uso de algumas plantas medicinais pode trazer reais benefícios para esses transtornos. Abaixo, uma lista de cinco plantas que se utilizadas corretamente na forma de chá, colaboram com os sintomas causados pelo estresse.

Foto: chamomileteaonline

• Camomila: uma das plantas mais conhecidas e mais utilizadas na rotina, possui ação sobre a ansiedade e pode colaborar com a insônia, além de ajudar no sistema digestivo. Recomenda-se 2 colheres de chá da flor seca em 250 ml de água, de 3 a 4 vezes durante o dia para ansiedade.

Foto: Green Valley Spices

• Capim limão ou Capim Santo: é uma planta com aroma bem característico, e sua utilização na forma de chá, além de muito saborosa pode reduzir a ansiedade e colaborar com a insônia, recomenda-se utilizar até 4 vezes ao dia.


• Maçã: fruta muita apetitosa, quando seca pode auxiliar nos transtornos da ansiedade, colaborando com a saciedade, ou seja, diminuído a vontade de comer.


• Maracujá ou passiflora: conhecida principalmente pelo seu suco, os benefícios terapêuticos do maracujá são provenientes das folhas, para uso nos sintomas de ansiedade e insônia recomenda-se 1 a 2 gramas até 4 vezes ao dia.

Foto: Ivabalk/Pixabay

• Melissa: uma planta medicinal que além de ter efeito relaxante, colabora com os sintomas da ansiedade e insônia. Recomenda-se 1 colher de chá das folhas secas em 250 ml de água.

O uso correto das plantas medicinais pode trazer diversos benefícios a nossa saúde, porém, vale ressaltar que deve ser realizado de forma moderada e nunca substituindo a ingestão de água por chás.

Fonte: Vinícius Bednarczuk de Oliveira é farmacêutico, coordenador dos Cursos de Farmácia e Práticas Integrativas e Complementares do Centro Universitário Internacional – Uninter.

Aposte em chás naturais para aumentar a hidratação durante o inverno

Além de manter o corpo hidratado, bebida quente feita com ingredientes naturais proporciona outros benefícios para a saúde, segundo a nutricionista do Oba Hortifruti, Renata Guirau

Há quem espere o ano inteiro para a chegada do inverno. E entre todos os costumes que a temporada mais fria do ano traz, existe um hábito que praticamente vai embora: o de beber água. Ainda que não se sinta sede, a hidratação durante as baixas temperaturas deve ser constante e os chás naturais podem ser grandes aliados nessa tarefa, como sugere a nutricionista do Oba Hortifruti, Renata Guirau.

“Apesar de nada substituir a ingestão de água em si, os chás naturais são uma alternativa para favorecer a hidratação do corpo no inverno. Além disso, ainda fornecem outros benefícios para a saúde, que vão desde melhorar a digestão, o sono e a função intestinal, até reduzir a inflamação do organismo e a diminuir a retenção de líquidos. Vai depender do objetivo e da planta escolhida”, comenta a especialista.

Chá Indiano (002)

Um estudo de 2019* incluindo dados de chás de lavanda, fenogrego, camomila, hortelã, hibiscus, erva mate, camomila, chá verde e suas combinações, encontrou benefícios relacionados à saúde da mulher, prevenção de diabetes, de doenças cardiovasculares, de alterações no fígado e até alguns tipos de câncer.

Quer mais motivos para apostar no preparo das bebidas naturais? As receitas de chás com cascas de frutas podem ser uma ótima oportunidade para reduzir o desperdício de alimentos e aproveitar melhor todos os nutrientes que eles podem oferecer. E dá até para consumir gelado, para quem prefere bebidas mais fresquinhas mesmo no frio.

Vale ressaltar que mesmo que os chás naturais somem muitos pontos positivos, devem ser ingeridos com cautela. “Por terem efeitos terapêuticos, os chás devem ser consumidos de forma adequada, tanto no que diz respeito à forma de preparo, quanto na escolha do chá. Os estimulantes, como o de gengibre, chá verde, de hibiscus, preto e branco, devem ser consumidos apenas no período da manhã”, orienta a especialista. “Também é importante destacar que o ideal é que os chás sejam feitos sem adição de açúcares e que gestantes e crianças não devem abusar do consumo de nenhum tipo”, finaliza.

Para quem já era adepto aos chás, mas na opção de sachê, a profissional explica que essa versão não consegue preservar os efeitos terapêuticos da bebida, entretanto, ajudam na hidratação.

Por fim, Renata ensina o passo a passo de quatro opções de chás naturais e ainda dá dicas espertas de preparo. Confira:

Dicas de preparo

•Os chás feitos com as folhas das plantas, chamados de infusão, devem ser preparados com o aquecimento da água até que comece a formar as primeiras bolhas; em seguida, desliga-se o fogo e acrescenta-se a folha escolhida, deixando descansar por cerca de 10 minutos com o recipiente tampado.
•Os chás feitos com as raízes das plantas, como gengibre, canela, cravo ou com frutas, devem ser preparados com o aquecimento da água com a planta junto, por alguns minutos após levantar fervura.

Chá de casca de abacaxi com cravo

Chá de casca de abacaxi (002)

Ingredientes
1 xícara de cascas de abacaxi picadas
5 cravos da índia
500 ml de água

Modo de preparo:
Leve todos os ingredientes ao fogo, cozinhando por 10 minutos após levantar fervura. Coe e sirva em seguida.

Chá de frutas

Chá de Frutas (002)

Ingredientes
1 rodela de abacaxi
1 maracujá
1 maçã picada com casca
3 paus de canela
800 ml de água

Modo de preparo:
Leve todos os ingredientes ao fogo, cozinhando por 10 minutos após levantar fervura. Coe e sirva em seguida.

Chá verde com frutas e gengibre

Chá Verde (002)

Ingredientes
3 xícaras de água
3 colheres de sopa de folhas de chá verde
1 pedaço grande de gengibre (3cm)
Suco de 1 limão
Suco de 1 laranja

Modo de preparo:
Aqueça a água com o gengibre picado. Deixe cozinhando por cerca de 5 minutos após levantar fervura. Desligue o fogo e espera cerca de mais 5 minutos. Então, acrescente as folhas de chá verde, o suco de limão e o suco de laranja. Tampe e deixe descansar por 10 minutos. Coe e sirva em seguida.

Chá indiano

Chá indiano 2 (002)

Ingredientes
500 ml de água
2 bagas de cardamomo
2 paus de canela
3 cravos da índia
1 colher de sopa de mel
100 ml de leite de arroz
2 colheres de sopa de folhas de hortelã

Modo de preparo:
Aqueça a água com o cardamomo, a canela, o cravo e o mel. Deixe cozinhando por cerca de 5 minutos após iniciar a fervura. Desligue o fogo e espere cerca de 5 minutos. Então, acrescente as folhas de hortelã e o leite de arroz. Tampe e espere mais 5 minutos. Coe e sirva em seguida.

Fonte: Oba Hortifruti

*Referência: Poswal FS, Russell G, Mackonochie M, MacLennan E, Adukwu EC, Rolfe V. Herbal Teas and their Health Benefits: A Scoping Review. Plant Foods Hum Nutr. 2019;74(3):266-276. doi:10.1007/s11130-019-00750-w)

Chás amenizam ansiedade e estresse em momentos de crise

Nutricionista Rodrigo Moreira fala sobre os benefícios da bebida

ervas - sunset magazine
Sunset Magazine

A época mais fria do ano chegou e nada melhor do que um chazinho para esquentar. Considerada uma das bebidas mais consumida do mundo, a mistura de ervas e infusões possui propriedades terapêuticas, hidrata e ainda promove aquela sensação de aconchego que o inverno tanto pede. Neste ano, os chás surgem também como um importante aliado no combate de eventuais crises de insônia, ansiedade e outras situações provocadas pelo momento atual.

Um estudo publicado em maio pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ) levou em consideração os impactos dos últimos acontecimentos na saúde mental das pessoas e chegou à conclusão de que a sociedade está sendo afetada negativamente pela crise. Para se ter uma ideia, o estudo mostra que o porcentual de pessoas que relataram sintomas de estresse agudo subiu de 6,9% para 9,7% em apenas um mês. Entre os casos de depressão, o aumento foi de 4,2% para 8%. Já a crise aguda de ansiedade pulou de 8,7% para 14,9%.

Diante deste cenário, o nutricionista Rodrigo Moreira lembra que os chás produzidos a partir de ervas naturais apresentam benefícios, que podem auxiliar a enfrentar esse período. Confira entrevista com o especialista, que ressalta: “o consumo da bebida não substitui tratamentos médicos ou outros necessárias. As ervas servem como complemento de uma dieta saudável, natural e que auxilia no bem estar das pessoas”.

Quais os benefícios terapêuticos dos chás e infusões?
Rodrigo Moreira: Os benefícios são diversos para a saúde, como a possível redução na glicemia em diabéticos, do colesterol em hipercolesterolêmicos, da pressão arterial em hipertensos, além do efeito antibactericida, antifúngico e antiviral de forma geral

chá erva cidreira
Foto: Rickyy Sanne/Morguefile

Quais ervas são mais indicadas para ansiedade, estresse, depressão e imunidade?
Rodrigo Moreira: Camomila com cidreira, hortelã e maracujá são ótimas opções. O chá preto, hibisco e amora, entre outros, podem também compor o seu consumo com esta finalidade. Podendo consumi-los durante todo o dia, separados ou mesmo misturando-os.

Há diferença entre os produtos?
Rodrigo Moreira: Sim, cada produto tem um tipo de erva ou de combinação delas. Possuindo propriedades nutricionais e gosto diferentes.

cha capim limao green valley spices
Foto: Green Valley Spices

Existe algum momento do dia mais indicado para o seu consumo?
Rodrigo Moreira: Os chás com propriedades calmantes podem ser consumidos em qualquer momento do dia e não só no fim do dia para auxiliar no tratamento de insônias leves.

Além das questões terapêuticas, quais outros benefícios dos chás?
Rodrigo Moreira: Hidratam tanto quanto a água e facilitam a sua ingestão pela adição do sabor, tornando a água mais palatável. Enriquecem o valor nutricional com vitaminas e minerais principalmente.

beneficios-do-cha-de-carqueja_35728_l

Há alguma contraindicação ao consumo de chás?
Rodrigo Moreira: Não há nenhuma contraindicação descrita na literatura científica para o consumo moderado.

Benefícios se refletem nas preferências dos consumidores

De acordo com Marcelo Correa, Head Commercial and Business Development da Leão Alimentos e Bebidas, uma das mais tradicionais empresas e líder absoluta do segmento, as ervas apontadas pelo nutricionista se destacam entre os sabores preferidos dos consumidores.

“Notamos, inclusive, um crescimento exponencial de ervas básicas neste ano, justamente pela associação dos sabores com as funcionalidades”, comenta o executivo, lembrando que a empresa conta com mais de 60 opções disponíveis no país. Considerando os diversos benefícios das ervas, a Leão vem inovando também na combinação de ingredientes, oferecendo produtos como as versões em sachê ou cápsulas de Camomila, Cidreira e Maracujá.

chá camomila
Foto: chamomileteaonline

Seja pelos inúmeros benefícios já conhecidos e até destacados pelo nutricionista, pela busca por um estilo de vida saudável ou pelo simples desejo de consumir o produto, o fato é que a bebida tem caído cada vez mais no gosto do brasileiro. Uma pesquisa divulgada em dezembro de 2019 pela Euromonitor mostrou um crescimento de 60% nas vendas de chá para o consumidor final entre os anos de 2014 e 2019.

Fonte: Leão Alimentos e Bebidas

Nutricionista ensina a fazer matcha latte com ingredientes saudáveis

Além de milenar, a bebida pode ser um ótimo ingrediente para fortalecer a saúde

O matcha é o chá verde preferido dos japoneses, especialmente por estar ligada a uma tradição milenar que é conhecida por chanoyu, que significa cerimônia do chá.

O consumo regular da bebida pode melhorar a saúde, já que uma xícara pode conter 10 vezes mais antioxidantes do que o chá verde puro. O matcha também apresenta outros benefícios, como a diminuição do risco de doenças cardiovasculares, controle da pressão arterial e redução dos níveis de colesterol.

A nutricionista Ale Luglio ensina como fazer a versão vegana do matcha latte usando como base a bebida vegetal recém-lançada pela A Tal da Castanha, o Barista Profissional. A composição do produto não apresenta soja, lácteos, glúten, conservantes, gomas, ou qualquer outro aditivo artificial. Confira.

Matcha Latte Vegano

Como consumir no dia a dia?

Para obter todos os benefícios duas xícaras por dia são o suficiente. O consumo não é recomendado para pessoas com ansiedade, hipertensão e dificuldade para dormir por apresentar cafeína em sua composição. Gestantes e lactantes devem consultar o médico antes de tomar. Confira a receita:

Matcha Latte

Ingredientes

• 1 café de chá de matcha em pó;
• 1 colher de sopa de água quente;
• 150 ml de leite Barista.

Modo de preparo

Em uma xícara de chá dissolva o matcha na água fervente. Vaporize o leite. Com uma colher retenha a espuma do leite vaporizando e despeje-o na xícara para que se misture ao matcha. em seguida, despeje a espuma por cima. Adoce a gosto.

matcha

Fonte: A tal da Castanha

Dia Internacional do Chá: bebida milenar traz diferentes benefícios à saúde

Paraná se destaca como polo de produção no Brasil, tendo respondido, em 2017, por 55,6% do cultivo nacional de erva mate.

O chá é uma das bebidas mais tradicionais do mundo. Algumas evidências indicam seu consumo há a mais de 5 mil anos e, ainda hoje, segue extremamente popular. Estima-se que sejam consumidas 3 bilhões de xícaras de chá por dia, em todo o planeta, colocando-o atrás apenas da água – líder mundial entre as bebidas.

chá pixabay
Pixabay

Ainda que no Brasil o consumo da bebida seja menos expressivo em comparação à Europa, por exemplo, os benefícios associados à bebida, as inovações de formatos de consumo e as opções de misturas e sabores vem impulsionando o crescimento do chá no país ao longo dos anos. Diante da popularidade dos chás no globo terrestre, a FAO (Food and Agriculture Organization) reconheceu, em 2019,  21 de maio como o Dia Internacional do Chá.

A data comemorativa está próxima ao inverno do Hemisfério Sul, que reforça o convite para o consumo desta bebida que traz inúmeros benefícios e uma riqueza de sabores e variações em sua versão bem quente.

“Há uma associação ainda maior do consumidor com o produto em épocas frias, quando bebidas quentes são adotadas com mais elevada frequência. Hoje, com os avanços das inovações de chás no Brasil, já temos também versões para infusão a frio ou mesmo solúvel para dissolução de diferentes formas e até misturado com outras bebidas, entre elas, o leite, por exemplo”, diz Marcelo Correa, Head Commercial and Business Development da Leão Alimentos e Bebidas.

chá gelado2

O executivo lembra ainda do pioneirismo da empresa no país com a inovação do Chá Leão Preparo em Água Gelada, integrando um amplo por portfólio com chás de infusão, granel, solúvel, cold brew, em cápsula, premium e linhas funcionais. “Nossa linha completa atende perfil variado de consumidores e deixa evidente que os chás podem estar presentes durante todo o ano e em diferentes momentos do dia”, afirma.

Independentemente da razão do consumo, que pode ser para aquecer, refrescar, relaxar, recarregar ou socializar, por exemplo, o Dia Internacional do Chá é também uma oportunidade de celebrar a herança cultural e sua importância econômica. Só para se ter uma ideia, a produção dessa bebida milenar mobiliza aproximadamente R$ 95 bilhões por ano, em todo o planeta.

Vale ressaltar ainda que o Paraná se destaca como polo de produção de chá no Brasil. Em 2017, o Estado produziu cerca de 540 mil toneladas, 55,6% da produção brasileira de erva mate. Veja abaixo mais curiosidades da bebida.

Você sabia?

  • A temporada de maior produção de chá começa em maio nos principais países produtores.
  • Existem mais de 3 mil variedades de chás no mundo inteiro.
  • China, Coreia e Japão têm quatro locais de cultivo de chá designados como Sistemas de Patrimônio Agrícola de Importância Global pela FAO.
  • Os pequenos proprietários são responsáveis por 60% da produção mundial de chá.

comida jardim chá café

  • O “Chá das Cinco”, famoso na Inglaterra, surgiu em 1840. Nessa época, era comum as classes altas terem apenas duas refeições por dia: almoço e jantar, perto das oito da noite. Dessa forma, para combater a fome no meio da tarde, foi criado o costume de se realizar uma pequena refeição com bolos e chás.
  • O chá foi utilizado como moeda de troca, há muito tempo em países como China e Sibéria.

chá erva deoce fresh design pedia
Foto: fresh design pedia

  • O desembarque do chá na Europa se deu, a princípio, por intermédio da Ásia Central e da Rússia. Mas foram os portugueses que realmente disseminaram o uso do chá por toda a Europa, a partir do fim do século XV.
  • O chá chegou ao Brasil com Dom João IV, que mandou trazer para o país sementes para plantar no Jardim Botânico.

chá de hortelã

  • Chás são importantes para hidratação, ricos em funcionalidades, como antioxidantes, termogênicos, calmantes, digestivos, imunidade, entre outras.

Fonte: Leão Alimentos e Bebidas

Equilíbrio em meio ao caos, é possível?

Certamente todos acompanham com atenção as notícias sobre o novo coronavírus. No dia 11 de março, a Organização Mundial da Saúde (OMS) declarou que há uma pandemia do covid-19. Essa é a primeira vez que um coronavírus provoca uma pandemia, termo que se refere ao momento em que uma doença já está espalhada por diversos continentes com transmissão sustentada entre as pessoas. O novo vírus já atingiu mais de 270 mil pessoas em todo o mundo, causando mais de 11 mil mortos.

No Brasil, segundo balanço divulgado pelo Ministério da Saúde, são mais de 1.500 casos confirmados. Número que tem subido exponencialmente, já que há dezenas de casos confirmados por hospitais particulares e secretarias estaduais de Saúde ainda não foram contabilizados.

coronavirus 222

Diante desse cenário, cresce também a preocupação da população com a forma de se proteger contra a doença. Como ainda não há vacina ou medicamentos contra o vírus, a melhor defesa é blindar o organismo. É nesta hora que precisamos de equilíbrio. O nosso sistema imunológico é a principal defesa do corpo contra agentes infecciosos, como vírus, fungos, bactérias e até mesmo certos parasitas.

A prevenção contra infecções por vias respiratórias como influenza, mais conhecidas como gripe e Covid-19, depende de medidas que visam evitar o contato com o vírus, como higienizar as mãos com água e sabão ou álcool gel, não compartilhar copos e talheres, além do distanciamento de pessoas que tossem ou espirram.

Dada à forma de transmissão, qualquer indivíduo esta suscetível ao contágio pelos vírus. Fortalecer a imunidade não impede o contágio nem a cura da doença, mas ajuda o sistema imunológico estar mais preparado para enfrentar o vírus. Deficiências nutricionais podem diminuir a capacidade do nosso sistema imunológico de reagir e nos proteger. Algumas atitudes simples na nossa rotina alimentar diária, tem impacto muito positivo em nossa saúde e na nossa imunidade.

Determinadas medidas quando feitas de forma continuas podem fazer toda a diferença para o reforço das nossas defesas naturais. Vou citar algumas:

xylitol açucar pixabay

=Evitar açúcares simples como doces, sobremesas, farinha branca e grãos refinados. Estes podem suprimir o sistema imune durante horas.

leguminosas

=Incluir proteínas em todas as refeições. Elas são os blocos de construção do corpo, incluindo sua imunidade. Proteínas de origem animal, magras, assim como proteínas vegetais (leguminosas, nozes, sementes) são importantes para serem consumidas em cada refeição e lanches.

cebola e alho - hot black
Foto: Hotblack

=Adicionar alho, cebola, gengibre na sua alimentação. O alho e a cebola oferecem um amplo espectro de propriedades antimicrobianas. As propriedades do alho são resultado de uma forte concentração de compostos contendo enxofre, como a alicina. O gengibre contém propriedades anti-inflamatórias que atuam no combate a infecções, fungos, vírus e bactérias.

sal de ervas pinterest
Pinterest

=Fazer sal de ervas com várias especiarias como orégano, cúrcuma, salsinha, cebolinha. Use em todas as suas preparações.

frutas e legumes

=Consumir no mínimo 5 porções de frutas, verduras e legumes de cores variadas diariamente.

frutas-citricas

=Laranja, tangerina, lima, limão, kiwi, podem ajudar a diminuir a duração e gravidade de resfriados e episódios de gripe. Acredita-se que a vitamina C aumente a produção de glóbulos brancos, que tem papel essencial no sistema imunológico.

abacate

=Abacate é fonte de vitamina E, uma vitamina solúvel em gordura, com ação anti-inflamatória e estimulante do sistema imunológico.

Agua

=Mantenha-se hidratado. Beber a quantidade adequada de água ao dia (mínimo 2 litros) ajuda as funções do seu corpo, incluindo o sistema imunológico.

chá de hortelã

=Beber chá de ervas, como gengibre, camomila, erva-doce, chá verde. O chá verde se destaca nos seus níveis de epigalo catequina galato, ou (EGCG), um antioxidante conhecido por melhorar a função imunológica.

caju pixabay
Foto: Giovanni42/Pixabay

=Nozes, amêndoas, avelãs, caju etc. são boas fontes de zinco, que é um dos minerais fundamentais para o bom funcionamento do sistema imune.

O melhor remédio para seu bem-estar e longevidade sempre foi e será a alimentação, por isso, nutra o seu corpo e das pessoas que você ama com sabedoria e amor. Faça boas escolhas. Basear a alimentação em frutas, verduras, raízes, grãos, castanhas, azeite e proteínas magras em quantidades adequadas e praticar atividade física de forma regular, é o melhor que você pode fazer por você e pela sua saúde.

Boas escolhas, bom senso, boa alimentação, bom sono, pouco estresse, bons pensamentos, são essenciais para a sua qualidade de vida.

adriana stavro

*Adriana Stavro é formada em Nutrição pelo Centro Universitário São Camilo. Pós-graduada em Doenças Crônicas não Transmissíveis pelo Hospital Albert Einstein. Pós graduanda em Nutrição Clinica Funcional pela VP consultoria, pós graduanda em Fitoterapia pela Course4U.

Suívie lança ice tea de jabuticaba

A startup Suíve, de origem suíço-brasileira, apresenta mais uma novidade para o mercado. A linha de chás gelados ganha um novo sabor de jabuticaba, maçã e gengibre. A mistura tem como objetivo valorizar o fruto nobre nacional, que além de queridinho do paladar brasileiro, possui antioxidantes potentes, controla os radicais livres e o processo de envelhecimento.

Com sabor único, a novidade é feita com a casca seca da jabuticaba e é oriundo do cultivo sustentável em pequenas propriedades. Para o desenvolvimento do chá foi montado uma cooperativa local no interior de São Paulo e realizado um trabalho artesanal de despolpe do fruto. Entre os benefícios do ice tea vale citar que é fonte de vitamina B e C, tem impacto positivo na circulação sanguínea, altamente antioxidante e anti-inflamatório, equilibra a flora intestinal e ajuda a controlar o colesterol.

“Atualmente existem poucos produtos feitos com insumo de jabuticaba no Brasil e, apesar de ser um fruto sazonal, decidimos explorar o ingrediente, que além de ser brasileiro e fazer parte do conceito da Suívie, traz uma memória afetiva, da casa de vó com pés de jabuticabeiras. O ingrediente nos proporcionou criar uma bebida saborosa e saudável ao mesmo tempo, com benefícios para o corpo e a mente”, afirma Elisa Kretzer, Diretora Executiva da Suívie.

Suivie-jabuticaba-baixa

O ice tea de jabuticaba está disponível no Carrefour, na rede St Marche, Cafés Le Manjue, Empório Frutaria, e também online com entregas para todo o Brasil, clicando aqui. O preço de venda sugerido varia entre R$ 9,80 a R$ 12,00. Além do jabuticaba também é possível encontrar a versão de hibiscus com morango.