Arquivo da categoria: culinária

Pão de hambúrguer sabor Brioche é novidade Wickbold

Um pão de hambúrguer para quem cozinha mais em casa durante a quarentena e procura inovações para incrementar suas receitas. Com maciez diferenciada, toque gourmet e textura do tipo caseira, o Do Forno Brioche chega às gôndolas brasileiras como nova aposta da Wickbold, líder no segmento de pães especiais e saudáveis.

O lançamento atende duas tendências do setor alimentício brasileiro, segundo a pesquisa Food Trend Report 2021 desenvolvida pela Galunion. A primeira é a estima pela comida feita em casa, pois a novidade complementa a experiência do consumidor, que pode fazer um lanche artesanal do seu próprio jeito e gosto, com praticidade.

Outro ponto é que o produto está alinhado com a atratividade pela descoberta de novas culinárias. Isso porque, além do sabor diferenciado, ele é inspirado nas hamburguerias especiais, e possibilita a criação de inúmeras receitas.

“Esse lançamento vai de encontro a propósitos muito claros com a marca Do Forno: oferecer produtos de qualidade dentro de um portfólio cada vez mais amplo e diverso e ouvir o que o público nos pede em nossos canais de comunicação. A marca nos permite explorar o que há de melhor em termos sensoriais e de versatilidade”, conta Denise Pacheco, Gerente de Marketing e Sustentabilidade da companhia.

Ainda de acordo com a executiva, os consumidores e clientes enviaram muitas mensagens solicitando o lançamento do produto, cuja apresentação também conta com um diâmetro maior, favorecendo receitas e bons momentos em família – algo muito valorizado durante o isolamento social.

O lançamento pode ser encontrado nos principais pontos de venda do Brasil por um preço sugerido de R$ 8,99.

Informações: Wickbold

Como aproveitar todas as mil e uma possibilidades do arroz; confira receitas

Alimento mais consumido no mundo, o grão possui uma enorme variedade de tipos e pode abrir um leque de oportunidades para variar a alimentação do dia a dia; confira dicas dos especialistas da Camil

Ele é utilizado para desejar felicidade aos noivos e consumido em todo o mundo, mas é mais conhecido mesmo por estar presente no dia a dia do brasileiro: na mais famosa dupla com o feijão, o arroz faz parte da cultura do país, e é um alimento muito nutritivo.

O arroz branco do tipo agulhinha é o mais consumido no Brasil, mas poucos conhecem todas as outras variedades deste grão: dentre os milhares de tipos, podemos encontrar desde o integral até os mais especiais, como arroz preto, o vermelho e o selvagem, além da combinação em um mix com outros grãos, como o 7 grãos integrais.

Mas como aproveitar todas essas possibilidades para variar também o cardápio do dia a dia? A Camil procura incentivar e valorizar o cozinhar em casa por meio da campanha “Comida de Casa é Camil” e traz dicas práticas para aproveitar tudo o que esse alimento muito versátil tem a nos oferecer. Confira abaixo:

• O arroz é um grão extremamente versátil, é possível fazer muitas receitas tendo este alimento como ingrediente principal, como: salada de arroz, arroz de forno, arroz-doce etc;
• Complementar o arroz com alguns ingredientes ajuda a trazer novos sabores para o dia a dia: incluir castanhas, cúrcuma e outras especiarias, e até beterraba para que o arroz fique super colorido! Para este último, outra dica é colocar um pouco de vinagre para que a cor fiquei ainda mais brilhante e viva;
• Preparações que ajudam a reaproveitar o grão: pode ser uma salada com 7 grãos ou os deliciosos bolinhos de arroz, que podem ser incrementados com os sabores de preferência de cada um;
• A tradicional sobremesa de arroz doce também pode ser uma deliciosa opção: a dica é deixar o arroz de molho por 30 minutos, para ajudar na cremosidade. Além disso, ele precisa ficar mais caldoso para que depois de frio não absorva todo o líquido e acabe ficando seco.

“O arroz é um dos alimentos mais versáteis que existem e que está presente na rotina do brasileiro. É importante sempre lembrar que o arroz e feijão são parte da cultura do nosso país e seu consumo é recomendado pelo Guia Alimentar para População Brasileira, pois apresentam diversos nutrientes. Ao aumentar a frequência deles no prato do dia a dia, colaboram para reduzir o consumo dos alimentos ultra processados e assim auxiliam tanto com o aspecto nutricional quanto com o emocional da nossa alimentação”, declara Ivy Oliveira, Gerente de Serviços de Marketing da Camil e que coordena a cozinha experimental da marca.

Além disso, muitas informações são divulgadas em redes sociais sobre o arroz e muitas vezes elas não são verdadeiras, confira algumas das afirmações mais comuns e a verdade sobre elas explicadas pelos especialistas da Camil:

Cookpad

Comer arroz e feijão engorda?
Mito.
Muitas pessoas acreditam que o carboidrato presente no arroz pode levar ao ganho de peso, mas isso é uma ideia errada, visto que nenhum alimento de forma isolada é responsável pelo ganho de peso, e sim quando consumimos alimentos em excesso, em uma quantidade maior do que o corpo necessita. Além disso, muitas pessoas acabam substituindo o arroz e o feijão, alimentos in natura, por lanches ou outros alimentos que consideram melhores para perda de peso, muitas vezes optando por produtos industrializados e menos nutritivos.

É necessário lavar o arroz antes de cozinhar?
Mito.
Esse é um hábito brasileiro que passa de geração em geração, inclusive quem inventou o escorredor de arroz foi uma brasileira no ano de 1959, para retirar as impurezas contidas no alimento que vinha direto do produtor, porém muitas coisas mudaram desde essa época, e hoje em dia não é necessário pois esse processo de limpeza já ocorre na fábrica que elimina essas impurezas. No caso do arroz branco, este apresenta um pó, que é resultado do processo de polimento, ou seja, esse pó não é uma sujeira e sim resquício do próprio arroz, e também não precisa ser lavado.

Arroz e feijão se complementam?
Verdade.
Além de trazerem muitos nutrientes e benefícios, quando são consumidos juntos, eles se complementam em sabor e textura (já que um traz o caldo em sua preparação e o outro tem uma textura mais ‘sequinha’). E também em relação ao lado nutricional, pois o arroz tem o nutriente que falta no feijão para que juntos formem uma proteína completa e, portanto, de alta qualidade no nosso organismo.

O arroz é um alimento nutritivo?
Verdade.
O arroz faz parte do grupo alimentar dos cereais, este grupo abrange os principais alimentos fontes de carboidratos, como o arroz, milho (incluindo grãos e farinha) e trigo (incluindo grãos, farinha, macarrão e pães), além de outros cereais, como a aveia e o centeio. O carboidrato é a principal fonte de energia para o corpo, além disso, os cereais também são fontes de fibras, vitaminas (principalmente do complexo B) e minerais. Combinados ao feijão ou outra leguminosa, os cereais, como o arroz, constituem também uma fonte de proteína de excelente qualidade.

O consumo equilibrado do arroz ajuda na imunidade do corpo?
Verdade.
O arroz é um tipo de cereal, que por possuir carboidratos, é uma ótima fonte de energia. Combinado com o feijão, que possui ferro, potássio, fósforo, magnésio, além de manganês, zinco, selênio e vitaminas do complexo B, torna a refeição muito nutritiva. Todos esses nutrientes, principalmente as vitaminas do complexo B e o zinco, estão intimamente ligados ao funcionamento do sistema imune. Este cereal também é uma ótima fonte de fibras em sua versão integral, que tem atuação no funcionamento adequado do intestino, órgão também relacionado com a defesa do corpo, e ainda apresenta compostos que combatem os radicais livres, protegendo, assim, as células de lesões, inclusive as células do sistema de defesa. O stress é um fator que pode comprometer o sistema imunológico. Comer arroz pode aumentar os níveis de serotonina, um hormônio que pode ajudar na melhora do humor, e até mesmo, auxiliar o sistema de defesa.

Foto: Daniel Dan Outsideclick/Pixabay

Arroz e feijão são fonte de proteínas?
Verdade.
Quando consumidos juntos, o arroz e o feijão possuem todos os aminoácidos essenciais e constituem uma ótima fonte de proteínas. Atualmente, a qualidade das proteínas é verificada pela digestibilidade dos aminoácidos, ou seja, o quanto dessa proteína é efetivamente digerida e absorvida, para ser utilizada no organismo. Dessa forma, as proteínas do arroz com o feijão, quando comparadas a alimentos fontes de proteínas de origem animal, como o frango ou o ovo, mostram ter uma qualidade similar.

Para conferir estas e outras dicas de Comida de Casa Camil, você pode acessar os perfis da marca no YouTube e Instagram.

Veja abaixo três receitas do site de Camil práticas e saborosas para você testar em casa e conferir toda a versatilidade do arroz:

Tomate Recheado com 7 cereais

Ingredientes:
• 6 unidades médias de tomate
• 2 colheres (chá) de azeite de oliva
• 1 unidade de cebola pequena picada
• 1/2 xícara (chá) de espinafre picado
• 1 xícara (chá) de Arroz 7 Cereais Integrais Camil cozido
• sal a gosto
• Pimenta do Reino (Pó) a gosto

Modo de preparo:
Lave os tomates, retire a tampa e as sementes. Vire os tomates para retirar a água e reserve. Preaqueça o forno em temperatura média (180ºC). Em uma panela, aqueça o azeite em fogo médio e refogue o alho e a cebola até dourar levemente. Junte o espinafre e refogue até murchar. Tempere com o sal e a pimenta. Retire do fogo, acrescente os 7 Cereais Integrais Camil cozidos e misture delicadamente. Distribua o recheio entre os tomates e coloque-os em uma assadeira média (33 x 23 cm). Cubra com o papel-alumínio e leve ao forno por 15 minutos. Retire o papel-alumínio e leve ao forno por mais 10 minutos. Sirva a seguir.

Dicas: você pode servir os tomates frios como salada.

Arroz integral de forno

Ingredientes:

Arroz
• 1 colher (sopa) de óleo
• 1/2 unidade pequena de cebola picada
• 1 xícara (chá) de Arroz Integral Camil
• 1 colher (chá) de sal
• 2 e 1/2 xícaras (chá) de água fervente

Molho
• 1 colher (sopa) de óleo
• 1 unidade de Alho picado
• 1/2 unidade pequena de cebola picada
• 1 lata de Tomate pelado
• 1/2 xícara (chá) de água
• sal
• 200 gramas de peito de frango cozido e desfiado
• 1 colher (sopa) de salsinha picada
• 1 unidade de requeijão cremoso light (200g)
• 200 gramas de queijo minas frescal fatiado

Montagem
• queijo parmesão ralado light

Modo de preparo:

Arroz
Em uma panela, aqueça o óleo em fogo médio e doure levemente a cebola. Adicione o Arroz Integral Camil e refogue bem. Junte a água fervente e o sal. Tampe parcialmente a panela e cozinhe em fogo médio por 30 minutos ou até o líquido secar e os grãos ficarem cozidos. Reserve.

Molho
Em uma panela aqueça o óleo em fogo médio, e frite o alho e a cebola até dourarem levemente. Junte os tomates, a água e o sal, e cozinhe até começar a ferver. Separe meia xícara (chá) do molho e reserve. Adicione o frango e cozinhe por mais 2 minutos. Retire do fogo e misture a salsinha. Reserve.

Montagem
Preaqueça o forno em temperatura média (180ºC). Em um refratário retangular (23 x 12 cm), faça camadas com a metade do arroz reservado, espalhe o requeijão, e distribua as fatias de queijo e o molho de frango. Em seguida coloque a outra parte do arroz, o molho de tomates reservado, e polvilhe o queijo ralado. Leve ao forno por 20 minutos e sirva em seguida.

Arroz Doce Romeu e Julieta

Ingredientes:

Creme de queijo
• 2 embalagens de cream cheese pequena
• 1/2 xícara (chá) de açúcar refinado
• 1 unidade de creme de leite caixinha

Arroz doce
• 1/2 xícara (chá) de Arroz Camil
• 2 xícaras (chá) de água
• 600 mililitros de Leite
• 1/2 xícara (chá) de Leite Condensado
• 1 tira de Casca de Limão

Creme de goiaba – montagem
• 300 gramas de goiabada cascão cremosa

Modo de preparo:

Creme de queijo
• Coloque no liquidificador o cream cheese, o açúcar, o creme de leite e bata até ficar homogêneo. Reserve.

Arroz doce
Em uma panela, coloque o Arroz Camil, e a água. Cozinhe em fogo médio, com a panela parcialmente tampada, por 10 minutos ou até começar a secar o líquido. Adicione o leite, o leite condensado e a casca de limão. Misture e cozinhe até ferver. Reduza o fogo e cozinhe, mexendo algumas vezes, por 20 minutos ou até ficar cremoso. Adicione o creme de queijo reservado e misture bem. Reserve.

Creme de goiaba – montagem
Em uma panela, coloque a goiabada e a água e leve ao fogo médio, mexendo sempre até ficar homogêneo. Em 10 taças para sobremesas, coloque camadas alternadas de arroz doce e creme de goiabada, terminando com o arroz doce. Leve à geladeira por, no mínimo 1 hora. Sirva em seguida.

Fonte: Camil Alimentos

Dia Nacional do Chef de Cozinha: Plínio Viana ensina receitas para serem feitas em casa

Para comemorar a data, além de mostrar a relevância desse profissional, a Sodexo On-site traz pratos assinados pelo chef

Hoje, 13 de maio, é comemorado o Dia Nacional do Chef de Cozinha. Esses profissionais, que muitas vezes atuam longe dos olhos do consumidor, são extremamente importantes para garantir uma alimentação nutritiva e de qualidade para milhares de pessoas todos os dias. Mesmo com os desafios da pandemia, causada pela Covid-19, o setor de refeições continuou importante para a economia. Segundo a Abia (Associação Brasileira da Indústria de Alimentos), o setor de Food Service faturou R$ 139,9 bilhões em 2020, representando 24,4% do mercado interno da indústria alimentícia.

Além das cozinhas tradicionais de restaurantes e bares, os chefs estão presentes em empresas, escolas, hospitais entre outros espaços, servindo em grande escala, e ao contrário do que muitos acreditam, o trabalho desse profissional vai além de apenas dominar as técnicas culinárias e ser criativo na montagem dos pratos e receitas.

Eles também tem a responsabilidade de gerenciar custos das receitas, precisam ter a visão de todo processo produtivo da cozinha, desde o recebimento da matéria-prima até o controle do desperdício, controlar indicadores, verificar as condições ambientais de limpeza e manutenção dos equipamentos, conhecer restrições alimentares de seus clientes, além da liderança para administrar sua equipe a fim de garantir a entrega.

O Chef Plínio Viana

“O Chef é um cozinheiro experiente com alta habilidade na aplicação de técnicas gastronômicas, mas precisamos ir além do conhecimento técnico para ser um bom profissional e atender em grande escala com excelência. É necessário dominar outras responsabilidades importantes como organização, coordenação e supervisão de todas as etapas do processo de preparo das refeições e da equipe também. Essas qualidades não só contribuem para qualidade e sabor dos pratos como também proporcionam um bom ambiente de trabalho”, afirma o Chef Plínio Viana.

Na Sodexo há nove anos, ele atua como consultor gastronômico da Plataforma Food, área de inteligência da Sodexo On-site, que conta com profissionais capacitados para desenvolver novas receitas e cardápios, aplicando as tendências gastronômicas para levar novos sabores e experiências aos consumidores brasileiros. “Nosso trabalho é identificar a melhor forma de aplicabilidade e usabilidade das tendências gastronômicas, levando em consideração a regionalização e hábitos alimentares de cada parte do Brasil”, conta.

E para comemorar essa data especial, a Sodexo On-site, líder em serviços de qualidade de vida por meio de soluções em alimentação e facilities, elencou algumas receitas exclusivas assinadas pelo Chef Plínio Viana, para diversos momentos do seu dia. “Temos uma opção de prato mais requintado, perfeito para ocasiões especiais, um prato prático e saudável, que oferece um alto valor nutricional e uma receita tipicamente brasileira”, ressalta o chef.

Filé de Tilápia ao limão com batatas bolinhas

Foto meramente ilustrativa/Loveinmyoven

Ingredientes
800 g de filé de tilápia
12 batatas bolinhas
2 cenouras cortadas
2 cebolas
1 pimentão verde
1/2 pimentão vermelho
Suco de 2 limões
Pimenta-do-reino
Azeite

Modo de preparo
Tempere o filé de peixe com limão, sal e pimenta-do-reino. Corte as batatas ao meio e as cenouras em palitos, todos com casca. Dê uma pré-cozida em uma panela com água, escorra e reserve. Regue o fundo de um refratário com azeite. Distribua rodelas de cebola, batata e cenoura, formando uma cama. Coloque os filés de peixe temperados por cima. Cubra com pimentões cortados em rodelas. Regue com mais 1/2 xícara de azeite. Leve para assar no forno preaquecido por 30 minutos. Sirva.

Cuscuz Marroquino

Foto meramente ilustrativa/ Cooking Classy

Ingredientes
500 g de cuscuz marroquino pré-cozido
500 g de peito de frango
½ xícara de chá de azeite de oliva
5 dentes de alho picados
2 abobrinhas pequenas
1 berinjela média
½ pimentão vermelho
3 colheres de sopa de uvas-passas sem sementes
½ xícara de chá de damasco seco em tiras
½ xícara de chá de castanhas-do-pará cortadas ao meio
Sal a gosto
½ xícara de chá de hortelã fresca
1 colher de chá de canela em pó
1 colher de chá de páprica doce

Modo de preparo
Ferva um litro de água. Espalhe o cuscuz numa assadeira de maneira uniforme. Regue o cuscuz com água fervente, até ficar bem úmido. Cuidado: não coloque toda a água de uma só vez. Vá acrescentando aos poucos para não empapar.Junte do azeite. Solte o cuscuz com um garfo, misturando-o com o azeite. Deixe de repouso por aproximadamente 10 minutos. Solte novamente com o garfo. Reserve. Corte os legumes em cubos médios. Descarte o miolo da berinjela e da abobrinha.Corte o frango em cubinhos e tempere-o com alho e sal. Refogue no restante do azeite até dourar.Adicione todos os legumes, alho e as especiarias. Refogue por mais 2 minutos.Tampe a panela e deixe cozinhar até que os ingredientes estejam macios, mas não muito moles.Adicione as uvas-passas, os damascos e as castanhas-do-pará. Mexa de leve e retire-os do fogo.Adicione a mistura ao cuscuz. Tempere com sal, misture bem e disponha em uma travessa bonita.Decore com bastante hortelã.

Feijão-tropeiro

Foto meramente ilustrativa/Simple Living recipes

Ingredientes
500 g de feijão carioquinha
150 g de farinha de mandioca torrada
200 g de bacon
500 g de linguiça calabresa
400 g de toucinho de barriga
3 dentes de alho
2 cebolas grandes
Pimenta-do-reino a gosto
Sal a gosto
3 colheres de sopa de cheiro-verde
1 pimenta-malagueta em conserva

Modo de preparo
Corte o toucinho de barriga em cubos médios, tempere com sal e alho. Reserve.
Após 30 minutos, coloque o toucinho numa panela ainda fria e leve ao fogo médio com um fio de óleo. Deixe fritar na própria gordura que se formará. Assim que ficar dourado e crocante, retire o toucinho com ajuda de uma escumadeira e coloque em um prato forrado com papel toalha para escorrer o excesso de gordura. Reserve.
Cozinhe o feijão por cerca de 20 minutos até que os grãos fiquem cozidos, mas firmes e inteiros.
Escorra todo o caldo utilizado no cozimento e reserve o feijão. Corte o bacon e a linguiça calabresa em cubinhos. Coloque-os em uma panela e frite-os até dourarem.
Uma vez dourados, acrescente uma cebola cortada em tiras finas e o alho picado. Refogue.
Acrescente o feijão escorrido, a farinha de mandioca torrada, o cheiro-verde, o sal, a pimenta-do-reino e a pimenta-malagueta em conserva esmagada. Mexa de forma delicada para que o feijão não desmanche.Sirva bem quente.

Fonte: Sodexo On-site Brasil

Dia do Chef de Cozinha: profissão movida pela paixão entrou em novos lares e famílias

Pandemia transformou rotinas e trouxe gastronomia e culinária para mais perto dos brasileiros

Com 15 anos de idade, Ana Spengler já estava habituada com o ambiente de cozinha e se aventurava em pratos para a família, mas foi lendo uma reportagem de jornal sobre o curso de Gastronomia que viu ali uma porta para a vida profissional. Há 20 anos atuando na área, hoje Ana se intitula como cozinheira e ressalta que, muito mais do que o preparo do prato, a culinária é a degustação de uma experiência.

“A culinária, mais do que técnica, é uma linguagem de afetos. Cozinhar me dá um prazer enorme, degustar um prato bem feito também. Mas, nada se compara ao prazer do encontro, do servir, do partilhar estes prazeres que, de outra forma, seriam experiências individuais”, conta.

E, com a necessidade do isolamento social e o afastamento de atividades em grupo, as famílias precisaram inovar na forma de compartilhar momentos, principalmente cuidando uns dos outros.

“Muitas pessoas em isolamento tiveram que passar a pensar em cuidados para não adoecer física ou mentalmente. Eu acho que cozinhar é uma ótima forma de cuidar de si, porque você pode buscar uma alimentação saudável e ao mesmo tempo praticar uma atividade que desafia o intelecto, amplia seus horizontes culturais, instiga sua percepção e desperta sua criatividade”, explica Ana, que é responsável também por criar receitas usando os ingredientes das cooperativas que fazem parte da Unium e incentivar o gosto pela cozinha em mais pessoas.

Cozinhando em casa

E para quem passou a cozinhar, seja por hobby ou necessidade, Ana deixa claro que errar faz parte. “A técnica do cozinheiro não é feita apenas de acertos, mas principalmente dos erros. É preciso ter passado por momentos ruins para saber evitá-los”, conta. Por isso, é preciso manter o foco e não desistir da atividade nos primeiros desafios.

Além disso, aos que estão precisando inovar no cardápio, a cozinheira tem uma dica. “Explore várias possibilidades com um mesmo ingrediente, variando os preparos, para entender como um mesmo ingrediente muda de aspecto (sabor, cor , textura) dependendo da forma de preparo. Assim, dá aumentar tanto o repertório de receitas quanto explorar técnicas variadas”, ressalta.

E, claro, além das dicas e da história inspiradora, fica também uma sugestão de receita elaborada pela Unium e pela indústria de produtos suínos Alegra para a próxima refeição em família. Bom apetite e feliz Dia do Chef de Cozinha.

Pão de Batata com Linguiça

Ingredientes
450g de farinha de trigo tradicional Herança Holandesa
10g de fermento biológico seco
200g de batata cozida e amassada
250ml de água
50g de açúcar
10g de sal
50g de manteiga
2 gemas

Ingredientes para o recheio:
1 linguiça calabresa Alegra
1 talo de alho-poró
150g de cream cheese

Modo de preparo:
Ralar a linguiça calabresa, colocar em uma panela e dourar na própria gordura. Juntar o alho-poró cortado em rodelas finas e refogar até murchar. Desligar o fogo e misturar o cream cheese. Misturar o fermento com 100ml de água e 100g de trigo. Reservar por 30 minutos. Juntar os demais ingredientes (pode ser na batedeira, com gancho), até incorporar. Descansar por 10 minutos. Sovar na bancada por 15 minutos (ou 10 minutos na batedeira), moldar uma bola e cobrir com pano. Deixar fermentar por 1 hora. Dividir a massa em 12 pedaços, moldar bolinhas e achatar como minipizzas. Colocar uma colher de recheio e fechar como uma trouxinha, apertando bem. Colocar na forma, untada com óleo, lado a lado, com a emenda voltada para baixo. Cobrir com pano e deixar crescer de 45 minutos a 1 hora. Pincelar as gemas batidas. Assar por 35 a 45 minutos, em forno preaquecido em 180ºC até que estejam dourados.

Rendimento: 12 pães
Tempo de preparo: 120 minutos
Dificuldade: fácil

Fonte: Unium

Tio João oferece linha Cozinha Fácil para quem quer preparar pratos mais sofisticados

A arte de cozinhar envolve diversos conceitos e o mais importante deles é, sem dúvida, a harmonização dos ingredientes. Habilidade e talento de grandes chefs de cozinha, a gastronomia é muito mais uma questão de percepção e experimentação e só quem vivencia a atividade diariamente consegue chegar a conclusões de misturas mágicas, capazes de marcar nossa memória para sempre.

Exatamente por conta disso e para possibilitar esta experiência de forma prática, é que grandes marcas de alimentos, como o Tio João, têm desenvolvido produtos inspirados em receitas da alta gastronomia e superfáceis de preparar em casa.

Entre os produtos oferecidos pela marca está a linha Cozinha Fácil , que apresenta receitas com misturas semiprontas como Arroz com Funghi, Arroz com Brócolis, Arroz com Tomate e Manjericão, entre outras opções, que basta um acompanhamento para que a refeição fique completa e perfeitamente harmonizada.

O Arroz com Tomate e Manjericão, por exemplo, é ideal para acompanhar carnes e aves. Entre seus ingredientes, além do arroz parboilizado e do tomate, o produto conta com um mix de temperos (manjericão em flocos, alho e cebola granulados) e um toque de açúcar, para equilibrar a acidez. Preço pelo Armazém Tio João, e-commerce da marca, é de R$7,48 a embalagem de 250 gramas.

Já o Arroz com Funghi traz os cogumelos, em sua versão desidratada, que apresentam um sabor marcante e agregam personalidade ao prato, harmonizando perfeitamente com carnes vermelhas ou aves. O preço do produto pelo Armazém Tio João é de R$7,48 a embalagem de 250 gramas.

Outro destaque da marca é a linha Cozinha e Sabor, que conta com receitas semiprontas de pratos completos, como Arroz Carreteiro, Arroz com Galinha e uma série de risotos, que embora sejam uma paixão nacional, são pratos mais sofisticados e difíceis de fazer. Por isso, pensando em facilitar o preparo, o Tio João incluiu em seu cardápio opções como Risoto à Valligiana, Risoto Napolitano e Risoto à Parmigiana. O Arroz Carreteiro, por exemplo, leva charque e temperos regionais da cozinha gaúcha. O produto está disponível no Armazém Tio João por R$7,98 a embalagem de 175g.

Para quem não abre mão de um prato mais elaborado, o Risoto à Parmigiana vem com o equilíbrio certo dos ingredientes. Inspirado na culinária de Parma, tem o sabor forte do queijo típico dessa região, além de temperos e especiarias que sintonizam com sua presença. Preço do produto pelo Armazém Tio João: R$7,98 a embalagem de 175g.

Outro risoto que merece destaque é o Milanês. O prato é um dos mais tradicionais da Itália e leva o sabor do açafrão equilibrado com outros temperos e ingredientes naturais. Pode ser encontrado no Armazém Tio João por R$7,98 a embalagem de 175g.

Na linha dos integrais, a marca apresenta uma série de combinações de grãos e cereais, de sabores e texturas que harmonizam entre si. Um dos destaques fica por conta dos 7 Grãos Integrais, que levam arroz integral parboilizado, lentilha, semente de girassol, linhaça, arroz vermelho, quinoa e gergelim. Preço do produto pelo Armazém Tio João: R$8,48 a embalagem de 500g.

Confira estes e outros produtos no site do Armazém Tio João, que sempre promove descontos.

China in Box apresenta novidades no cardápio

Promoção Sabor in Box oferece 50% de desconto na segunda unidade do tradicional ‘poke’

Os amantes do China in Box têm motivo para comemorar. A maior rede de comida chinesa da América Latina reinventa a promoção ‘Sabor in Box’, e apresenta uma novidade no cardápio. O Poke, um prato tradicional havaiano que se popularizou e ganhou espaço em todo o Brasil, entra para os produtos da rede e conta com condições especiais em sua estreia.

Para a nova dinâmica, na compra de um Poke Salmão Grelhado ou Poke Camarão Crispy, somente nas bases ‘arroz’, o consumidor leva a segunda unidade – do mesmo sabor, pela metade do preço.

“Mesmo diante de um cenário adverso, a marca segue sua estratégia de aceleração no crescimento de franquias e entregas. “Enxergo o momento não apenas um aprendizado, mas como oportunidade para nos reinventarmos. Seguimos com o nosso planejamento de expansão e buscamos por alternativas que complementem esse movimento. A entrada do ‘poke’ no cardápio está entre as novidades que traremos para esse ano”, comenta Carlos Sadaki, presidente do Grupo TrendFoods, que detém as marcas China in Box e Gendai.

Os pratos estarão disponíveis nos canais de venda, site oficial, aplicativo oficial, salão (para as lojas que retornaram o atendimento no local), balcão (retirada na loja), delivery e iFood. A promoção não é cumulativa e vai até 31/05/2021.

Oito dicas para montar uma linda e deliciosa tábua de queijos + receitas de cremes

A Escola do Queijo, projeto no Youtube da Tirolez, ensina o passo a passo para uma tábua de queijos de dar água na boca, além de dois patês para o acompanhamento

As tábuas de queijos podem agradar diversos paladares pela variedade de sabores e texturas, portanto, são recomendadas para ocasiões diversas, atendendo como entrada ou petisco para receber amigos e familiares. Mas você sabe como montar uma tábua de queijos? Na Escola do Queijo, um projeto da Tirolez no Youtube, que visa tornar consumidores em especialistas em queijos, há uma videoaula mostrando todos os segredos para montar uma tábua de queijos perfeita.

Confira os oito passos para montar a sua tábua de queijos:

1º passo: é essencial que você pense na situação em que a tábua de queijos será servida, afinal, existem queijos para todos os momentos;

2º passo: escolha o prato que você mais gosta, uma tábua de mármore ou de madeira suficientemente grande para servir os queijos e os seus complementos;

3º passo: utilize de quatro a oito variedades de queijos, para que todos os queijos harmonizem uns com os outros e seus complementos;

4º passo: para não desperdiçar, separe de 150g a 200g de queijo, no máximo, por pessoa;

5º passo: agora é a hora de escolher os queijos para compor sua tábua de queijos. Abuse da criatividade e invista em diferentes combinações de sabores, diferentes texturas, tipos de cascas, maturação e intensidade. Outra dica importante é: nunca jogue fora as cascas dos queijos, pois acrescentam aromas e sabores que diferenciam um queijo do outro.

6º passo: cada queijo tem um tipo de corte, e as formas podem variar, como cubinhos, triângulos, fatias e até pedaços. Para uma experiência completa, vale o investimento em facas especiais para cada tipo de queijo, mas as facas multiuso são ótimas alternativas.

7º passo: agora é hora de montar. O comum é servir seguindo a ordem dos ponteiros do relógio, ou da esquerda para a direita se for um prato retangular. Você pode começar dos sabores mais suaves e deixar os mais fortes para o fim.

8º passo: inclua os acompanhamentos. Você  sabia que é possível suavizar um sabor ou até acentuá-lo ainda mais? Para o Queijo Brie, utilize mel e nozes; já o Queijo Gruyère e o Queijo Reino combinam com focaccia, frutas secas e frescas, como a uva. E para o Queijo Parmesão, o ideal é o acompanhamento com azeitonas e presunto cru.

Outra boa maneira de impressionar seus convidados de um jeito prático e delicioso é preparando Patês variados à base de Creme de Ricota Tirolez. Pensando nisso, que tal aprender a fazer dois patês de sabores diferentes? Veja como fazer um Creme de Ricota com Azeitonas Pretas e um Creme de Ricota com Ervas Finas. Assim, sua tábua de queijos ficará ainda mais apetitosa para receber quem você ama com muito sabor.

Creme de Ricota com Azeitonas Pretas

Food.com

Ingredientes:
1 embalagem de Creme de Ricota Tirolez
10 azeitonas pretas picadas
1 pitada de sal e pimenta-do-reino

Modo de Preparo:
Em um mixer, coloque as azeitonas, o Creme de Ricota Tirolez e uma pitada de sal e pimenta-do-reino e bata até que tudo esteja bem misturado. Sirva em seguida.

Creme de Ricota com Ervas Finas

Foto: GimasShipSupply

Ingredientes:
1 embalagem de Creme de Ricota Light Tirolez
2 colheres (sopa) de ervas finas picadas (dill, salsinha, cebolinha)
1 pitada de sal
1 pitada de pimenta-do-reino

Modo de preparo:
Em um mixer, coloque o Creme de Ricota Light Tirolez, as ervas picadas e uma pitada de sal e pimenta-do-reino e bata até que tudo esteja bem misturado e sirva em seguida.

Fonte: Tirolez

Receitas para um almoço saudável

Conhecida por ser uma data que reúne a família para um almoço em casa ou um jantar no restaurante que elas mais gostam, o Dia das Mães passou a ter um formato comemorativo diferente. O fato de as pessoas estarem em casa, respeitando o distanciamento físico, fez com que a Jasmine se inspirasse em uma forma diferente para homenagear as mulheres que tanto merecem. Por isso, a marca sugeriu um cardápio saudável completo, e que foge do tradicional, para preparar em casa e deixar o dia ainda mais especial.

Confira:

Estrogonofe vegano de PTS:

Ingredientes:

  • 100g de Proteína de Soja Texturizada (PTS) Jasmine
  • 100g de Molho de Tomate Tradicional Jasmine
  • 200ml de BioV Aveia + Cálcio
  • 1 cebola média
  • 3 dentes de alho
  • 2 colheres de sopa de shoyu
  • 2 colheres de sopa de azeite
  • 1 colher de sopa de vinagre branco
  • 2 colheres de sopa de Mostarda
  • 50g de champignon
  • Sal
  • Pimenta-do-Reino (a gosto)
  • Cheiro-verde (a gosto)
  • Arroz Agulhinha Integral Jasmine para acompanhar

Modo de preparo:

Hidrate a PTS em água fervente por 15 minutos. Refogue a cebola e o alho. Ao dourar, acrescente a PTS. Acrescente o vinagre, a mostarda, o sal e a pimenta-do-reino e misture bem. Acrescente o champignon, o molho de tomate e a água. Deixe cozinhar por 5 minutos, mexendo bem. Despeje o Leite de Aveia e cozinhe até engrossar. Tempere com o cheiro-verde e mais sal caso necessário. Prontinho!

Salada de Quinoa com alcaparras:

Ingredientes:

Da salada:

  • 2 xícaras (chá) de Quinoa Real em Grãos Jasmine lavada, cozida e fria
  • 4 xícaras (chá) de tomates cereja
  • 15 azeitonas verdes
  • 4 colheres (sopa) de alcaparras
  • 1/2 xícara (chá) de folhas de manjericão
  • 8 folhas de alface


Do molho vinagrete:

  • 1 colher (chá) de mostarda Dijon
  • 5 colheres (sopa) de azeite de oliva
  • 2 colheres (sopa) de vinagre balsâmico
  • 1/2 colher (sopa) mostarda de pimenta verde (opcional)
  • Sal e pimenta a gosto

Modo de preparo:
Prepare o molho vinagrete juntando todos os ingredientes, um a um. Corte os tomates cereja em quatro partes e as azeitonas, em fatias e adicione-os ao molho vinagrete. Misture as alcaparras e o manjericão picado delicadamente com o molho vinagrete e deixe descansar por 30 minutos. Adicione a Quinoa à mistura e sirva a salada em folhas de alface.

Torta de maçã

Ingredientes:

Massa:

  • 150g de farinha de trigo integral Jasmine;
  • 150g de farinha de aveia;
  • 1/2 xícara de óleo de coco;
  • 1/4 xícara de manteiga ghee;
  • 2 col de sopa de água;

Recheio:

  • 2 maçãs;
  • 4 colheres de sopa de açúcar demerara;
  • Suco de 1 limão;
  • Canela a gosto;
  • 1 colher de chá de essência de baunilha;

Modo de preparo:

Misture os ingredientes da massa em um bowl até obter uma mistura bem incorporada e leve ao freezer por 10 minutos. Em seguida abra a massa com um rolo untado e despeje numa assadeira redonda untada com óleo de coco. Corte as maçãs em cubos ou meia lua, misture com os outros ingredientes do recheio e despeje por cima da massa. Asse em forno preaquecido a 180 graus por 35 a 40 minutos.

Fonte: Jasmine

Restaurante Farabbud compartilha receita especial para Dia das Mães

O tradicional prato da culinária árabe é uma receita clássica da família de Paulo Abbud

Para celebrar o Dia das Mães, o consagrado restaurante árabe Farabbud apresenta sua receita do Arroz de Açafrão. Essencial nos encontros das famílias Abbud e Farah – pais de Paulo Abbud, fundador da casa –, o Arroz de Açafrão é cozido em um enorme caldeirão com condimentos tradicionais árabes, galinha caipira, cebola, grão-de-bico e amêndoas douradas na manteiga. Apesar de estar há anos no cardápio da família, o prato foi servido ao público pela primeira vez apenas em 2017, no aniversário de 15 anos da casa, por conta da inauguração da segunda unidade, na Vila Nova.

Aos que apreciam experiências na cozinha, o Farabbud compartilha a receita:

Arroz com Açafrão

Ingredientes:
Frango

• 4 colheres (sopa) de manteiga
• 8 colheres (sopa) de azeite
• 400 g de peito de frango
• 5 colheres (sopa) de cebola bem picada
• Sal a gosto
• Pimenta síria a gosto
• Pimenta-do-reino a gosto
• 5 colheres (sopa) de manteiga para fritas

Arroz
• 2 colheres (sopa) de manteiga
• 5 colheres (sopa) de azeite
• 1 xícara e arroz
• 4 colheres (sopa) de cebola picada
• 1 colher (sopa) de açafrão-da-terra
• 250g de grão-de-bico cozido e sem casca

Finalização
• 70 g de amêndoas em lâminas
• Manteiga a gosto

Modo de preparo:

Frango
Na panela de pressão, doure o frango na manteiga e no azeite. Junte a cebola, o sal e as pimentas, cubra com água cozinhe por 20 minutos, a partir do momento em que der pressão. Desfie o peito em pedaços grandes e doure-os na manteiga. Reserve.

Arroz
Refogue a cebola na manteiga e no azeite. Acrescente o arroz, cubra com água e adicione o açafrão. Misture bem e cozinhe até ficar macio. Junte então o grão-de-bico.

Finalização
Doure as amêndoas na manteiga. Sirva o arroz com as lascas de frango por cima, decorado com amêndoas.

Tempo de preparo: 1 hora
Dificuldade: fácil
Serve: 4 porções

O prato, sinônimo de celebração para a família, pode ser encontrado nas plataformas de delivery da casa, tanto pelo telefone e WhatssApp (11) 5054-1648, na plataforma própria, como nos aplicativos IFood, Rappi ou UberEats. Também é possível que o cliente retire na casa, em sistema de drive thru, na unidade de Moema – Alameda dos Anapurus, 1247.

Nutricionista ensina cardápio fácil, prático e saudável para o Dia das Mães

O dia é especial, o momento é de homenagem, mas como ainda não é o momento, melhor deixar os abraços e beijos para depois, cuide-se

Tradicionalmente o Dia das é Mães é comemorado no segundo domingo de maio. E como a pandemia de Covid-19 continua em alta no país, melhor comemorar a data com quem moramos e preparando os pratos.

Por isso reinvente-se, e prepare você mesmo um almoço especial para sua mãe ou esposa. E para te ajudar nesta tarefa, a nutricionista Adriana Stavro montou um cardápio fácil que pode ser adaptado de acordo com a preferência de cada uma. Lembrando: organize suas compras e evite aglomerações de última hora. #proteja-se

Entrada – Creme de Palmito

Ingredientes
1 colher sopa de manteiga
1 cebola média ralada
1 dente de alho bem picadinho
2 vidros de palmito picados em cubos pequenos
1 colher sopa de farinha de trigo ou amido de milho
1 litro de leite ou de caldo de legumes
Sal e pimenta do reino à gosto
Salsinha e cebolinha à gosto

Preparo:
Em uma panela, coloque a manteiga e leve ao fogo até derreter. Acrescente cebola e alho, refogue até a cebola ficar transparente, acrescente o palmito e deixe cozinhar por + ou – 5 minutos, mexendo de vez em quando. Polvilhe com uma peneira a farinha ou amido de milho e misture. Tempere com sal e pimenta-do-reino. Aos poucos, junte o leite ou o caldo de legumes, mexendo sempre até obter um creme homogêneo (se o creme empelotou, bata no liquidificador ou passe por uma peneira grossa). Acerte o sal e finalize com salsinha e cebolinha.

Dica:o palmito pode ser substituído por aspargos ou cebolas.

Prato principal – Risoto de Shitake e Amêndoas Torradas

Ingredientes:
2 litros de caldo de legumes (receita abaixo)
1 cebola grande picada em cubinhos finos
2 dentes de alho picados em cubinhos finos
2 colheres de sopa de azeite
2 colheres de sopa de manteiga
200 gramas de cogumelo tipo shimeji
200 gramas de cogumelo tipo shitake cortado em tiras finas
500g de arroz arbóreo
2 xícaras de chá (400ml) de vinho branco seco
Sal de ervas e pimenta do reino à gosto
Salsinha e cebolinha a gosto
Queijo parmesão ralado a gosto
1 xícara chá de amêndoas torradas e picadas

Modo de preparo:
Para o caldo de legumes: adicione legumes como cenoura, cebola, alho-poró, talos de salsinha e cebolinha ou alho em 2,5 litros de água. Deixe ferver em fogo baixo por 30 minutos. Isso vai render em média 2,0 litros de caldo.

Base: em uma panela aqueça o azeite e 1 colher de sopa de manteiga. Acrescente a cebola e o alho e frite muito lentamente até ficarem macios. Acrescente o arroz e abaixe o fogo. O arroz vai começar a fritar levemente. Continue mexendo lentamente. Depois de aproximadamente 2 minutos, ele vai ficar levemente transparente. Aumente o fogo e acrescente o vinho e continue mexendo até secar. Acrescente o caldo (quente) aos poucos (de concha em concha) mexendo lentamente. Adicione um pouco de sal e abaixe o fogo. Deixe cada concha de caldo secar antes de adicionar a próxima. Prove o arroz. Se estiver al dente, está pronto. Em outra frigideira coloque 1 colher de sopa de azeite e refogue os cogumelos com sal e pimenta do reino.
Retire a panela do fogo e misture o restante da manteiga, o parmesão, e os cogumelos. Mexa bem delicadamente. Tampe a panela e deixe descansar de 2 a 3 minutos, no máximo, tempo suficiente para atingir a cremosidade necessária. Por fim, salpique a salsinha a cebolinha e por último acrescente as amêndoas torradas. Sirva imediatamente.

Dica: cogumelos podem ser substituídos por camarão, rúcula com tomate seco, pera com gorgonzola. Lembrando que se usar frutos do mar, tire o queijo parmesão. Eles não combinam.

Sobremesa – Torta Crua de Castanhas com Recheio de Mousse de Chocolate 70% Cacau

Ingredientes:
200g de castanhas-do-pará
200g de nozes
100g de pistache
200g de ameixas secas ou uvas passas ou tâmaras
1 colher de sopa de óleo de coco ou manteiga de coco
1 pitada de sal ou flor de sal

Recheio – ingredientes mouse 70% cacau:
200g de chocolate 70% cacau
1 pitada de sal ou flor de sal
1 colher de chá de café solúvel (opcional)
½ xícara de leite desnatado (se preferir pode pôr um leite vegetal)
1 lata de creme de leite batido em chantili ou chantili de garrafa com xylitol a gosto
Essência de baunilha a gosto

Cobertura – Ingredientes:
1 xícara de chá de morangos
1 xícara de chá de mirtilos
1 xícara de chá de framboesa
Uva sem caroço (se preferir uma opção mais barata)

Preparo – mouse 70% cacau:
Misture o chocolate com o leite quente. Adicione o café e deixe descansar por 5 minutos. Prepare o chantili com a essência de baunilha. Misture todos os ingredientes até formar um creme homogêneo.

Preparo da base:
Bata todos os ingredientes no liquidificador. Use a tecla pulsar. Não deixe virar uma massa. O ideal é ficar pedaços das sementes. Misture a manteiga de coco ou o óleo de coco. Isso vai ajudar a dar liga. Coloque em uma forma previamente untada com óleo de coco e molde com as mãos. Adicione a mousse de chocolate e leve à geladeira por 4 horas. Retire da geladeira e coloque as frutas vermelhas. Para finalizar jogue nozes e amêndoas cortadas grosseiramente.
OBS. as frutas e as amêndoas podem ser colocadas na hora de servir.

Para beber – Suco de Laranja, Cenoura, Acerola e Gengibre

Ingredientes:
2 laranjas pera sem casca e sem sementes
1 cenoura média descascada
1 pedaço pequeno de gengibre cortado em cubinhos
1 sachê de acerola congelada ou 1 xícara de chá acerolas

Modo de fazer:

Bata todos os ingredientes no liquidificador, com 500ml de água filtrada e gelo a gosto. Passe pela peneira. Sirva em taças, fica lindo e gostoso.

Vinho – sugestões
Vinho Pérez Cruz Reserva Doña Mariana Sauvignon Blanc
Vinho Eternitá Rosa Rosé

Fonte: Adriana Stavro é nutricionista funcional e fitoterapeuta, especialista em Doenças Crônicas não Transmissíveis (DCNT) pelo Hospital Israelita Albert Einstein – Mestranda do Nascimento a Adolescência pelo Centro Universitário São Camilo.