Arquivo da categoria: culinária

Wafu Number 1: sushi bar e izakaya em um único lugar

O Wafu Number 1 possui uma junção única em um ambiente intimista, dividido em duas partes: sushi bar e izakaya. A área do Sushi Bar conta uma linha de sushis especiais muito criativa liderada pelo chef Marcel Sasaki. O espaço externo izakaya dedica-se para os drinks e petiscos, com uma coquetelaria excepcional e variada, dividida entre clássicos e alguns drinks autorais assinados pelo barman Jackson Araújo.

O Massagô Spaghetti é apenas um dos diversos pratos inovadores do Wafu Number 1, uma releitura das tradicionais comidas servidas nas ruas do Japão. A versão da massa italiana no estilo japonês leva spaghetti italiano bavette, creme de leite, shitake, ovas de capelim (massagô), pingos de limão siciliano e nori, no valor de R$49,00. Uma explosão de sabores que vale a pena experimentar.

Sobre o Wafu Number 1

Wafu Number 1, localizado no bairro de Pinheiros, é a nova casa dos sócios do Restaurante Dô Culinária Japonesa, que são os 3 sushiman que estão no dia a dia Osmar Tanaka e Kazuo Ozaki (vieram do Dô Pinheiros), Marcel Sasaki (do Dô Jardins); e Marcelo Tanaka, que cuida da operação do Jardins.

Wafu significa: wa = japanese e fu = style. A cozinha moderna e efervescente do Japão oferece a mesma relação de sushis especiais do Dô, no entanto com uma pegada mais criativa e fusion, porém com opções diferentes, como com wagyu de Kagoshima, foie gras com figo, entre outras iguarias do Japão etc.

massago spaghetti.jpg

Conta também com a inserção de pratos quentes inovadores, como WAFU Spaghetti, que são versões da massa italiana com estilo japonês, que levam ovas, algas, massagô, shisso, missô, ebi, cogumelos, carne de porco etc – que foi uma inspiração de uma viagem ao Japão. O Wafu em a liberdade criativa de inserir pratos da Ásia inteira, como por exemplo o prato coreano Kimchi Bokkeum – Bap.

Wafu Number 1 (Japanese Style) – Rua Ferreira de Araujo, 323, Pinheiros, São Paulo.  Horários: segunda a sexta das 12h às 15h / 18h30 às 24h. Sábado: 13h às 16h / 18h30 às 24h. Domingo: fechado.

Aprenda a preparar fusilli integrale ao creme de espinafre e gorgonzola

A Barilla preparou a receita de Fusilli Integrale ao creme de Espinafre e Gorgonzola. A massa integral oferece mais proteína e fibras, com o mesmo sabor e textura que a tradicional.

O sabor único da gorgonzola e do espinafre, combinado com o Fusilli Integrale Barilla, proporciona uma experiência única ao paladar, digna de um Masters of Pasta.

Fusilli Integrale ao Creme de Espinafre e Gorgonzola

Ingredientes:

500g de Fusilli Integrale Barilla
300g de espinafre congelado
100g de creme de ricota
40g de amêndoas sem pele
2 dentes de alho
50g de parmesão
80g de gorgonzola
Sal e pimenta do reino preta a gosto

Modo de preparo:

Descongelar o espinafre e espremê-lo para tirar toda a água. Em uma frigideira antiaderente, refogar o alho no azeite. Adicionar o espinafre e temperar com sal e pimenta do reino preta moída. Bater no liquidificador o espinafre refogado, com metade das amêndoas, o creme de ricota e o parmesão, até formar um creme homogêneo. Cozinhar a massa Barilla em abundante água salgada fervente e retirar dois minutos antes do tempo indicado na embalagem (de 11 minutos). Juntar a massa e o creme de espinafre e metade do gorgonzola em uma frigideira, com duas conchas da água do seu cozimento e mexer vigorosamente por dois minutos. Ajustar sal e pimenta. Servir imediatamente com o gorgonzola e as amêndoas sobre a massa.

fusilli

Rendimento: 6 porções
Tempo de preparo: 20 min
Nível: Fácil

Fonte: Barilla

 

Secretaria de Agricultura dá dicas para evitar a compra de azeites fraudados

Você sabe o que analisar na hora de comprar azeite de oliva extravirgem? Consegue reconhecer se o azeite está fraudado ao prová-lo? Sabe armazenar o produto de forma correta? A Secretaria de Agricultura e Abastecimento do Estado de São Paulo mantém o grupo Oliva SP que desenvolve pesquisas multidisciplinares na área de produção de azeite de oliva.

Coordenado pela Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios (Apta), o grupo busca incentivar a produção paulista de azeites de alta qualidade e conscientizar os consumidores sobre as características de um bom produto. Pesquisas desenvolvidas pelo Instituto de Tecnologia de Alimentos (Ital-Apta) e Unicamp mostra que o produto fraudado além de doer no bolso do consumidor, também traz prejuízos para a saúde.

De acordo com a pesquisadora do Ital, Ana Maria Rauen Miguel, o Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) estabeleceu em 2012 legislação que traz as características de classificação do azeite de oliva em extravirgem, virgem e lampante, este último considerado inadequado para o consumo humano.

azeite

“O azeite extravirgem não pode ter a mistura de outro tipo de óleo, porém, uma fraude comum que ocorre no Brasil é a mistura de óleo de soja ao azeite, já que este é o mais barato dos óleos vegetais e tem sabor e odor neutros que não modificam o cheiro e o gosto do azeite. Na Europa é muito comum também a fraude com a mistura de óleo de amêndoas”, explica.

Além de doer no bolso do consumidor, o azeite fraudado também pode causar impacto na saúde. Pesquisa desenvolvida pelo Ital, em conjunto com a Unicamp, mostrou que os contaminantes ésteres de monocloropropanol e glicidol, cuja formação é induzida pelo calor, foram encontrados em azeites comercializados como extravirgens. Essas substâncias, porém, são formadas durante o refinamento de óleos vegetais sob alta temperatura e não deveriam ser verificadas em azeites sem a mistura desse tipo de óleo.

Além de identificar um novo método para verificação de fraude, o trabalho prova que o produto adulterado pode causar prejuízos para a saúde do consumidor. Essas substâncias são consideradas carcinógenas e algumas delas podem levar à supressão da função imunológica.

Segundo a pesquisadora da Apta, Edna Bertoncini, que coordena o Oliva SP, a grande dica para os consumidores é preferir os produtos brasileiros, que passam por um processo de logística mais rápido do que os produtos importados. “Diferentemente do vinho, um bom azeite de oliva precisa ser novo. Quanto mais novo, melhor. O Brasil – e São Paulo – produzem ótimos produtos, muitos deles premiados em concursos internacionais”, conta.

Edna explica que a melhor forma para identificar a fraude e a qualidade dos azeites é a realização de análises sensoriais. “O consumidor precisa aprender a degustar o produto. Com técnicas simples ele descobre com facilidade os produtos fraudados”, afirma.

Confira algumas dicas na hora de comprar e armazenar os produtos.

Supermercado

azeite

– Compre azeites envasados em embalagens bem escuras. A luz é um dos fatores que prejudicam a qualidade dos azeites.

– Produtos envazados em embalagens de metal (lata) podem ser uma boa opção.

– Verifique se os produtos estão expostos no supermercado em locais frescos e sem a incidência direta de luz.

– Analisar o índice de acidez não ajuda muito na compra do azeite, isso porque o produto é analisado no momento do envase e na logística de transporte até chegar a mesa do consumidor os índices de acidez podem não ser aquele expresso na embalagem.

– Opte por produtos com data de envase mais recente e só consuma azeites dentro do prazo de validade. A pesquisadora da Apta ressalta, porém, que a data de envase do azeite nem sempre corresponde ao dia em que ele foi extraído. É sabido que algumas empresas demoram muito a fazer o envase após a colheita das azeitonas.

 

– Prefira comprar embalagens menores do produto, assim é possível consumi-lo de forma mais rápida e dentro do prazo de validade.

– Desconfie de produtos muito baratos. Um litro de azeite extravirgem produzido na Europa custa de 6 a 10 Euros, ou seja, de R$ 30 a R$ 50, isso sem as taxas de importação e lucro do importador e revendedor. Produtos importados da Europa e vendidos no Brasil com preço abaixo disso, podem não ter a qualidade esperada. Os azeites da América do Sul podem chegar a preços menores no mercado brasileiro, em função da redução de impostos para o Mercosul.

– Observe o rótulo. Evite comprar azeites que foram produzidos e envasados em locais diferentes. Apenas a informação do local de envase não é suficiente para identificar a procedência do produto.

– Fique atento as pequenas letras do verso da embalagem. Alguns azeites são propagandeados como extravirgens na frente da embalagem e atrás, com letras pequenas, é explicado que o produto é refinado, ou seja, possui mistura de óleo.

Em casa

oleo de oliva

As análises degustativas ou sensoriais, segundo a pesquisadora da Apta, são as mais eficientes na hora de identificar se um azeite é mesmo extravirgem. Assim que comprar o produto, faça alguns testes para identificar seus defeitos:

– Coloque um pouco de azeite em um copo plástico. Ao cheirá-lo verifique se sente odor de ranço (de óleo velho, manteiga estragada), aquecimento (cheiro de azeitona em conserva), acético (cheiro de vinagre) e mofo. Esses odores ou defeitos não podem ser encontrados em azeites extravirgem. Se sentir algum desses odores, mesmo que em intensidade baixa, o azeite não é mais classificado como extravirgem.

– Os azeites extravirgens possuem os odores de frutado verde como folha verde, grama recém-cortada ou de frutado maduro, como banana e maçã. Lembre-se, a azeitona é uma fruta, então quanto mais cheiro de fruta verde o azeite tiver, melhor será sua qualidade.

– Após sentir o odor do azeite verificando se não há defeitos (ranço, aquecimento, acético, mofo) e se há qualidades (frutado verde ou maduro), deve-se colocar uma pequena quantidade do óleo na boca, rodá-lo pela boca e sentir se é amargo (percebido na lateral da língua) e picante (picadinhas sobre a língua e na garganta). Quanto mais amargo e picante for o azeite mais benefícios trará para a saúde, pois terá maior quantidade de polifenóis.

– Caso tenha comprado um azeite e ele apresentar defeitos e não ter as qualidades de frutado verde ou maduro ou o amargor e picância, não compre mais esta marca. Denuncie o produto e o seu lote para o supermercado, Procon e Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa). Assim estará contribuindo para a seleção de bons azeites no mercado brasileiro.

azeite-de-oliva-76
Foto: Oliva

– Fique tranquilo se ao consumir o azeite perceber que o óleo não está translúcido. Essa é uma característica comum nos azeites e não é indicativo de fraude ou má qualidade. Fique atento, porém, se o produto não está fora da data de validade. Se tiver, não o consuma.

Armazenamento

azeite de oliva

Não adianta comprar um bom produto e armazená-lo de forma incorreta. O melhor azeite do mundo ficará rançoso um dia e, se mal conservado, esse dia será breve. Deixe o azeite sempre longe de locais quentes. Opte por guardá-lo em armários frescos e longe da luz. A temperatura correta de armazenagem é menor que 15ºC.

Outra coisa importante: não guarde o produto destampado.

Fonte: Apta

Receitas para comemorar o Dia Mundial da Alimentação

O Dia Mundial da Alimentação, comemorado hoje (16), serve para olharmos com cuidado para nossa alimentação diária e refletir o quão saudável é nossa rotina. Para ajudar nesta caminhada à saúde, a Gomes da Costa separou três receitinhas incríveis. Dá só uma olhada nesses pratos maravilhosos, saudáveis e que cabem no seu bolso.

Salada Grega com Frango

Salada-Grega1.jpg

Ingredientes:
· 2 colheres (sopa) de azeite (30ml)
· 1 colher (sopa) de vinagre (15ml)
· Sal a gosto
· 1 colher (chá) de orégano (0,8g)
· Meio pepino tipo japonês médio com casca cortado em cubos (100g)
· 1 tomate maduro e firme cortado em cubos (80g)
· 3 colheres (sopa) de pimentão verde cortado em cubos (33g)
· ¼ de cebola roxa pequena cortada em rodelas finas (25g)
· 4 a 6 unidades de azeitona preta com caroço (cerca de 25g)
· Meia colher (sopa) de alcaparras (6g)
· 1 embalagem de Peito de Frango em Cubos ao Natural Gomes da Costa (170g)

Modo de Preparo:
Numa tigela junte o azeite, o vinagre, o sal e misture bem. Por último acrescente o orégano. Reserve. Numa tigela junte o pepino, o tomate, o pimentão, a cebola, as azeitonas, as alcaparras e o Frango Gomes da Costa escorrido. Misture. Tempere a salada e misture bem de maneira que os ingredientes fiquem bem envolvidos pelo molho.

Trio de Legumes ao Pesto de Hortelã e Atum

trio-de-legumes-ao-pesto-de-hortela-e-atum-desktop.jpg

Ingredientes:

Legumes:
· 1 berinjela média cortada em rodelas (200g)
· Sal a gosto
· 1 abobrinha tipo italiana média cortada em rodelas (250g)
· 2 tomates médios maduros (200g) cortados em rodelas

Pesto de Hortelã e Atum:
· 1 xícara (chá) de hortelã fresca (15g)
· 1 dente pequeno de alho amassado
· Meia xícara (chá) de Azeite Extra Virgem Carbonell
· Sal a gosto
· 2 colheres (sopa) de amêndoas moídas
· 1 lata de Atum em Pedaços em Óleo Gomes da Costa (170g)

Modo de Preparo:

Legumes:
Distribua a berinjela numa peneira ou escorredor e salpique sal a gosto. Deixe escorrendo enquanto prepara o pesto. Numa frigideira antiaderente frite as rodelas de abobrinha de maneira que fiquem douradas dos dois lados. Reserve. Frite as berinjelas da mesma maneira.

Pesto de Hortelã e Atum:
Lave bem a hortelã e seque-a (com papel toalha ou pano de prato). Com o auxílio de uma faca, pique bem a hortelã. Numa tigela junte a hortelã picada, o alho, o Azeite Carbonell e o sal. Acrescente a amêndoa e misture bem. Junte o Atum Gomes da Costa com seu óleo e misture bem.

Montagem:
Numa travessa distribua as rodelas de berinjela, abobrinha e tomate. Regue toda a preparação com o pesto de hortelã e Atum. Enfeite a preparação com torradas de pão italiano regadas com Azeite e douradas no forno. Sirva em seguida.

Salada de Palmito e Radicchio ao Creme de Atum

salada-de-palmito-e-radichio-ao-creme-de-atum-desktop.jpg

Ingredientes:
· 1 radicchio
· 1 vidro de palmito cortado ao meio (300g)
· 1 embalagem de creme de leite light (200g)
· 1 lata de Atum Ralado ao Natural Gomes da Costa 170g
· ½ xícara (chá) de iogurte natural
· 1 tomate (sem pele e sementes) em cubinhos
· sal a gosto
· 2 colheres (sopa) de cebola picadinha

Modo de preparo:
Numa travessa coloque as folhas de radicchio e o palmito. Reserve. Bata no liquidificador o creme de leite, o Atum Gomes da Costa e o iogurte. Passe para uma tigela. Acrescente o tomate, o sal, a cebola e misture. Cubra a salada reservada.

Dica de chef
Se preferir acrescente croutons.

Fonte: Gomes da Costa

Dia Mundial do Pão: aprenda a preparar o tostex de pão de semolina da rede Frango Assado

Hoje, 16 de outubro, comemora-se o Dia Mundial do Pão. Um dos mais tradicionais é justamente o pão de semolina, criado há 65 anos, produto ícone da rede Frango Assado que está presente nas principais rodovias de São Paulo. Para a data especial, a marca compartilha uma das suas principais receitas: tostex de pão de semolina.

Repleto de sabor e cheio de história, o pão de semolina é produzido com a mesma receita há mais de seis décadas. Em três versões – tradicional, calabresa e torresmo (R$ 18,50) – o tostex pode ser preparado com qualquer um dos sabores e ser reproduzido em casa. Confira a abaixo como fazer a receita, ensinada pelo chef Daniel de Ugarte.

Tostex de pão de semolina

Ingredientes:
2 fatias grandes de Pão de Semolina
2 fatias de queijo muçarela
2 fatias de presunto
Manteiga

Modo de preparo
Comece passando a manteiga dos dois lados do pão. Na sequência, leve à sanduicheira ou frigideira. Sem pressionar o pão, deixe um lado de cada fatia ficar dourado e reserve. Sobre a parte tostada, adicione as fatias de presunto e queijo e cubra com o outro pão. Se estiver na sanduicheira, feche a tampa, de maneira que o sanduíche fique levemente prensado, até derreter o queijo e o pão ficar tostadinho. Já na frigideira, vire o pão, de tempos em tempos, para derreter o queijo e ficar dourado. Depois disso é só servir.

TOSTEX FRANGO ASSADO.jpg

O tostex de pão de semolina é servido nas 26 lojas localizadas nas principais cidades do interior de São Paulo: Aparecida, Atibaia, Caieiras, Cajamar, Cesário Lange, Cubatão, Cambuí, Campinas, Cravinhos, Itu, Itupeva, Jacareí, Jaguariúna, Louveira, Mogi Guaçu, Roseira, São José dos Campos, São Sebastião, Sorocaba, Sumaré e Taubaté.

Fonte: Frango Assado

Aprenda a preparar Cheesecake de Morango 

Pensando naquela sobremesa gostosa para servir em uma data especial ou no almoço dos finais de semana? Para ajudar na escolha, o Clube de Receitas Atilatte traz uma dica fácil de Cheesecake de Morango preparada pela Chef Mari Rezende, um doce saboroso, rápido de ser preparado e que vai deixar todo muito satisfeito.

Cheesecake de Morango

Ingredientes

Base:
100g de biscoito (pode ser qualquer bolacha/cookies sem recheio)
80g de manteiga sem sal

Recheio:
400g de cream cheese
300ml de iogurte de morango Atilatte
100g de açúcar demerara
3 ovos

Calda:
1 caixinha de morango
1/2 xícara de água

Modo de preparo:
Coloque os ingredientes da base em um processador de alimentos e bata bem. Reserve.
Com um mixer, misture o cream cheese, o iogurte e o açúcar. Acrescente 1 ovo de cada vez, misturando bem. Em uma forma pequena de 15 cm de diâmetro, preencha o fundo com a base da torta, deixando a massa compacta e lisinha. Despeje o recheio por cima da massa e leve ao forno preaquecido a 150° por cerca de 1h10min. Para fazer a calda, basta colocar os morangos e a água e cozinhar por cerca de 10 minutos, mexendo sempre para não grudar no fundo da panela. Depois, é só servir e degustar.

cheesecake.jpg

Fonte: Clube Atilatte

Dicas fáceis para preparar macarrão

O dia foi corrido, os filhos ainda não desligaram da tomada e levou aquele restinho de trabalho para casa? Não dá para pensar muito no jantar, então, já pega aquele pacote de macarrão e prepara a imaginação.

Para te ajudar a preparar uma comidinha deliciosa e fácil, três receitas maravilhosas, saudáveis e que cabem no seu bolso.

Penne com Escarola e Atum

penne-com-escarola-e-atum-desktop

Ingredientes:
· 200g de macarrão tipo penne
· 1 colher (sopa) de azeite
· 2 dentes de alho amassados
· 2 xícaras (chá) de escarola fatiada
· 1 lata de Atum Sólido em Óleo Baixo Teor de Sódio Gomes da Costa (170g)

Modo de Preparo:
Cozinhe o penne conforme recomendação da embalagem. Escorra. Enquanto isso, numa frigideira grande aqueça o azeite e doure o alho. Junte a escarola e refogue até começar a murchar. Reserve. Acrescente o penne e o Atum Baixo em Sódio Gomes da Costa com seu óleo. Misture bem. Cozinhe por alguns minutos. Sirva em seguida.

Espaguete Mediterrâneo com Filés de Atum

espaguete-mediterraneo-com-files-de-atum-desktop

Ingredientes:
· 1 berinjela média com casca, cortada em cubos médios (com cerca de 2 cm) (220g)
· Sal a gosto
· 2 colheres (sopa) de azeite
· 1 lata de Filé de Atum em Azeite de Oliva com Alho Gomes da Costa (125g)
· 1 cebola média cortada em gomos finos
· 2 tomates, sem pele e sem sementes, cortados em cubos médios (160g)
· Manjericão fresco rasgado a gosto
· 200g de macarrão tipo espaguete

Modo de Preparo:
Distribua a berinjela numa peneira e salpique sal. Deixe descansando por cerca de 1 hora. Com o auxílio de papel toalha, seque a berinjela. Numa frigideira grande antiaderente, aqueça metade do azeite e frite metade da quantidade de berinjela até começar a dourar, mexendo de vez em quando. Repita o mesmo procedimento com o restante do azeite e da berinjela. Reserve. Na mesma frigideira, aqueça o azeite do Filé de Atum Gomes da Costa e doure aí a cebola.Acrescente os tomates e continue refogando até começarem a murchar. Junte a berinjela reservada e tempere com sal, pimenta do reino e manjericão a gosto. Reserve. Cozinhe o espaguete conforme recomendação da embalagem. Escorra a massa e despeje sobre o refogado de legumes. Junte o Atum Gomes da Costa e misture.

Dica de chef
Os legumes devem ficar inteiros e macios. A berinjela temperada com sal deve descansar na peneira, para que o sal retire do legume o excesso de água.

Variação
Acrescente alcaparra ao refogado.

Macarrão ao Molho Cremoso de Espinafre e Atum

macarrao-ao-molho-cremoso-de-espinafre-e-atum-desktop.jpg

Ingredientes:
· 1 lata de Filé de Atum com Azeite e Alho Gomes da Costa (125g)
· 1 xícara (chá) de espinafre cozido e picado
· 1 colher (sopa) de farinha de trigo
· Meia xícara (chá) de leite
· Meia xícara (chá) de creme de leite fresco
· 2 colheres (sopa) de queijo tipo parmesão ralado
· Sal a gosto
· 250g de macarrão tipo penne

Modo de Preparo:
Aqueça o óleo do Filé de Atum. Acrescente o espinafre e refogue demoradamente.  Junte a farinha dissolvida no leite e o creme de leite. Cozinhe mexendo sempre até o creme encorpar levemente. Junte o queijo e tempere com sal se necessário. Cozinhe a massa conforme recomendação da embalagem. Escorra a massa e envolva-a no molho de espinafre bem quente. Acrescente os Filés de Atum Gomes da Costa. Misture. Sirva em seguida.

Dica de chef
Dê preferência para massas curtas como penne ou fusilli, porque envolvem melhor neste tipo de molho. Limpe o espinafre, separando as folhas dos talos. Lave bem as folhas e coloque-as em uma panela tampada e cozinhe em fogo bem baixo até murcharem. Retire do fogo e pique. Para se obter 1 xícara (chá) de espinafre cozido usamos 1 maço grande de espinafre.

Variação
Substitua o espinafre por abobrinha ou escarola.

Fonte: Gomes da Costa

Diversão e saúde na mesa: receitas criativas para as refeições das crianças

Com sugestões de lanches e sobremesas, página Cozinhando com as Crianças inspira preparo de pratos nutritivos em família

A chegada do Dia das Crianças é uma oportunidade para pais e filhos se juntarem no preparo de receitas nutritivas e divertidas. Para ajudar nessa tarefa, o time de Receitas Nestlé e a página Cozinhando com as Crianças reuniram quatro ideias de pratos saudáveis e equilibrados.

Confira abaixo:

Opção que inclui frango entre os ingredientes é a Coxinha com Ninho Levinho. Nutritivo, saboroso e com uma mistura de proteínas, legumes e muitas vitaminas, o prato tem tudo para ser um sucesso entre os pequenos. Receitas Nestlé/ Sheila Oliveira

Coxinha com Ninho Levinho

coxinha-alta.jpg

Ingredientes

Massa
2 colheres (sopa) de Leite em Pó Ninho Levinho (23 g)
2 batatas descascadas, cozidas e espremidas (250 g)
2 colheres (sopa) de farinha de mandioca torrada
meia colher (sopa) de creme vegetal
meia colher (chá) de sal
1 pitada de colorau em pó

Recheio
1 colher (sopa) de azeite
2 colheres (sopa) de cebola picada
meia xícara (chá) de frango desfiado
1 tomate sem pele e sem sementes, picado
1 colher (sopa) de salsa picada
1 colher (sopa) de Leite em Pó Ninho Levinho (11,5 g)

Montagem
meia xícara (chá) de farinha de milho amarela flocada
1 colher (chá) de colorau em pó

Modo de preparo

Massa:
Em um recipiente, misture todos os ingredientes até obter uma massa homogênea.

Recheio:
Em uma panela, aqueça o azeite, refogue a cebola e o frango. Acrescente o tomate, a salsa e mexa até apurar. Adicione o Leite NINHO e mexa bem até obter um recheio cremoso. Desligue o fogo e espere esfriar.

Montagem:
Abra pequenas porções da massa na palma da mão e coloque 1 colher (sopa) do recheio. Modele como coxinhas e umedeça-as com água. Passe-as na mistura de farinha de milho com o colorau e coloque-as em assadeiras antiaderentes untadas com azeite. Leve ao forno médio (180°C), preaquecido, por cerca de 30 minutos.

 

Minicupcake Colorido de Beterraba e Suco de Limão é uma opção criativa para facilitar a ingestão de nutrientes em uma só refeição. De fácil preparo, o prato conta com detalhes na decoração que estimula e desperta o interesse da criança para experimentar novos sabores. Receitas Nestlé / Carol Quintanilha

Minicupcake Colorido de Beterraba e Suco de Limão

minicupcake-beterraba.jpg

Ingredientes
2 ovos
3 colheres (sopa) de óleo
1 xícara (chá) de beterraba crua, picada
1 e meia colher (sopa) de suco de limão
raspas da casca de 1 limão
meia colher (sopa) de essência de baunilha
meia xícara (chá) de açúcar demerara
meia xícara (chá) de Aveia Flocos Finos Nestlé
meia xícara (chá) de farinha de trigo
1 colher (chá) de Cacau em Pó Nestlé Dois Frades
1 colher (chá) de fermento em pó

Modo de preparo
Em um liquidificador, bata os ovos, o óleo, a beterraba, o suco e as raspas de limão e a essência de baunilha, até obter uma mistura homogênea. Despeje em um recipiente e adicione o açúcar, a Nestlé Aveia, a farinha de trigo, o Cacau e o fermento e misture bem. Coloque a massa em forminhas, de papel ou de silicone, para cupcake n°3, enchendo-as até a metade, e coloque dentro de formas para empada, ou em assadeiras próprias para cupcake. Leve para assar em forno médio-alto (200°C), preaquecido, por cerca de 30 minutos.

Dica: se desejar prepare um glacê para decorar os bolinhos, com 3 colheres (sopa) de açúcar de confeiteiro e meia colher (sopa) de suco de limão.

 
Nada melhor do que despertar a curiosidade para conquistar a atenção da criançada, não é mesmo? É isso o que o Bolinho de Limão com Chia e Geleia de Morango promete. Com um visual atrativo, o prato leva limão com chia e geleia de morango. Receitas Nestlé/ Marcelo Resende.

Bolinho de Limão com Chia e Geleia de Morango

bolinho_limao_alta33d5091f83b963b0a6c0ff0000205b53

Ingredientes

Massa
2 ovos
4 colheres (sopa) de açúcar demerara
meia xícara (chá) de óleo
meia xícara (chá) de leite
3 colheres (sopa) de suco de limão
1 xícara (chá) de farinha de trigo integral
raspas da casca de 1 limão
meia colher (sopa) de fermento em pó
3 colheres (sopa) de semente de chia

Geleia de Morango
1 xícara (chá) de morango picados

Modo de preparo

Massa
Em um recipiente misture bem todos os ingredientes até obter uma massa homogênea. Coloque a massa em forminhas de cupcake (n°0), e leve ao forno médio-alto (200°C), preaquecido, por cerca de 30 minutos.

Geleia de Morango
Em uma panela pequena, coloque os morangos e meia xícara (chá) de água e leve ao fogo alto até iniciar fervura. Abaixe o fogo, e cozinhe por cerca de 8 minutos com a panela tampada. Retire a tampa e cozinhe por mais 2 minutos. Sirva sobre os bolinhos.

 

Para quem procura uma opção de receita saudável para fazer para toda a família ou servir para os pequenos e seus coleguinhas, o Gelado de Frutas é a escolha certa. Feito com frutas diversas, ele alia nutrição e diversão. Receitas Nestlé/ Carol Gherardi.

Gelado de Frutas

gelado_com_salada_de_frutas_alta.jpg

Ingredientes
1 e meia xícara (chá) de manga madura, em cubos, congelada
1 e meia xícara (chá) de morangos maduros, congelados
2 bananas-nanicas grandes, maduras, congeladas
1 pote de Iogurte Nestlé Natural Integral

Dica: se quiser, acrescente 4 xícaras (chá) de outras frutas picadas

Modo de preparo
Em um liquidificador, bata a manga com 3 colheres (sopa) de Iogurte Nestlé até ficar homogêneo e com a consistência de sorvete. Repita o mesmo processo com os morangos e depois com as bananas. Transfira cada um dos sorvetes para um saco de confeitar e sirva sobre as frutas picadas.

Dica: se preferir, deixe os sorvetes no congelador até o momento de servir.

Fonte: Receitas Nestlé

Dia das Crianças: receita de Cake Pop sem glúten

O Dia das Crianças chegou e nada melhor do que aproveitar a data com pratos especiais e que ainda podem ser preparados juntos com os pequenos. Com essa receita você aprenderá a fazer o famoso Cake Pop (bolo no palito), em uma versão totalmente sem glúten, para deixar as festas ainda mais gostosas, especialmente para os celíacos.

Confira abaixo o passo-a-passo e anote os ingredientes:

Cake Pop

cake pop.jpg

Ingredientes

1/2 xícara de leite condensado
1/2 xícara de creme de leite
2 col. de sopa de chocolate em pó

Para a montagem:
1 Bolo de Chocolate sem glúten
1 xícara de raspas de chocolate

Modo de preparo

Em uma panela, leve ao fogo brando, o leite condensado com o creme de leite (sem soro) e o chocolate em pó. Mexa até desprender levemente do fundo da panela.
Desligue o fogo e reserve. Em uma tigela, esfarele o bolo de chocolate e misture delicadamente o brigadeiro reservado. Cubra a tigela e reserve no congelador por cerca de 30 minutos para firmar. Em seguida, retire e com o auxílio de uma colher, pegue pequenas porções e modele bolinhas. Espete o palito e em seguida passe pelo chocolate ou granulado. Disponha em um prato e sirva.

Tempo de preparo: 40 minutos
Tempo de cozimento: 30 min
Dificuldade: fácil
Rendimento: 7 porções

Fonte: Schur

Para o Dia das Crianças: bolo de chocolate com morangos do Divino Fogão

Para comemorar o dia dos pequenos, uma receita que vai agradar também os maiores. Confira a receita da rede Divino Fogão:

Bolo de Chocolate com Morangos

Ingredientes:

Massa:
5 ovos grandes
½ xícara de chá de açúcar
1 xícara de chá de farinha de trigo
3 colheres de sopa de chocolate em pó
1 colher de sopa de fermento em pó

Recheio e Cobertura:
2 caixinhas de morangos (500g a 600g)
1 colher de sopa de manteiga
395g (lata ou caixinha) de leite condensado
4 colheres de sopa de chocolate em pó
600g de chocolate meio amargo
300g (lata) de creme de leite

Modo de Preparo:

Massa bolo: em uma batedeira, bata os ovos até dobrar de volume, acrescente o açúcar e bata bem. Desligue a batedeira, misture aos poucos e delicadamente a farinha de trigo, o chocolate em pó e fermento em pó peneirados. Coloque em uma forma redonda média (24 cm de diâmetro), untada com manteiga e polvilhada com farinha de trigo. Leve ao forno médio-alto (200°C), preaquecido, por 20 minutos.

Recheio: separe uma caixinha de morangos para a decoração, corte em fatias o restante e reserve. Em uma panela, coloque o leite condensado, a manteiga e o chocolate em pó, leve ao fogo médio mexendo sempre até engrossar (ponto de brigadeiro mole). Acrescente o creme de leite e misture até ficar homogêneo. Com uma faca serrilhada, corte a massa do bolo em duas partes, recheie com metade do creme e com os morangos fatiados, e cubra com o restante do recheio.

Cobertura ganache meio amargo: derreter o chocolate meio amargo e reservar. Banhar os morangos no chocolate e deixar na geladeira por alguns minutos. Acrescentar o creme de leite no chocolate derretido e mexer bem. Cobrir o bolo e decorar com os morangos banhados no chocolate.

Dica: para umedecer o bolo, utilize 500ml de leite morno com chocolate em pó com uma colher de sopa de baunilha.

bolo choco morango divino.jpeg

Fonte: Divino Fogão