Arquivo da categoria: São Paulo

Cacau Noir agora também na Vila Madalena

No Dia Mundial do Chocolate, 7 de julho, a Cacau Noir inaugurou uma unidade no charmoso bairro da Vila Madalena, em São Paulo. Fica na Rua Harmonia, onde está localizado o icônico “Anjo da Vila”, par de asas grafitado por Celso Campos, o Gatuno.

A loja possui um aconchegante café onde os clientes podem relaxar enquanto degustam os tão desejados macarons da marca, tradicional receita francesa, em diversos sabores como: caramelo com flor de sal, blueberry, amêndoas e chocolate.

INAUGURAÇÃO CACAU NOIR VILA MADALENA
Foto: Edna Marcelino

Já as perfeitas ganaches da marca levam três dias para ficarem prontas, por meio de um primoroso processo em busca da textura exata da receita, nos sabores 80% cacau, pistache, avelã, limão siciliano, entre outros.

A Cacau Noir prioriza os produtos com baixo teor de açúcar, alta concentração de cacau e sabores frescos e exclusivos. As embalagens encantam e tornam-se o presente perfeito.

A marca, que já conta com uma loja no shopping Morumbi, continuará se expandindo na cidade, e a próxima loja será inaugurada no Shopping Pátio Paulista.

INAUGURAÇÃO CACAU NOIR VILA MADALENA
Foto: Edna Marcelino

Cacau Noir – Rua Harmonia, 150. Loja 5 – Vila Madalena, São Paulo/SP

Margot Bistrot lança pratos perfeitos para o frio de São Paulo

Nada mais convidativo para os dias frios do inverno do que pratos quentinhos e saborosos. Para aquecer o paladar e o coração, a chef Yasmine Bahiense, à frente do restaurante Margot Bistrot no Campo Belo, incluiu recentemente três pratos especiais de inverno no menu, que serão servidos até o fim da estação.

SOPA CREMOSA DE BATATA COM ALHO PORÓ_2

Entre eles está a sopa cremosa de batata com alho poró (acompanhada de vieiras grelhadas e bacon crocante), receita francesa – (R$ 42,00).

GALETO DESOSSADO

Outra opção é o galeto desossado (acompanhado de polenta cremosa com gorgonzola e quiabos tostados) – (R$ 73,00).

OSSOBUCO DE VITELO

Por fim, há o ossobuco de Vitelo (servido com uma deliciosa farofa de pinhão e saladinha de miniagrião), prato tradicional italiano da região da Lombardia, especialmente da cidade de Milão – (R$ 81,00)

MARGOTBISTRO_2017_09_BAIXA

Margot Bistrot, Café e Bar R. Antônio de Macedo Soares, 1683 – Campo Belo/SP. Horário de funcionamento: almoço – sábado (12h às 16h) e domingo (12h às 17h). Jantar: quarta a sábado (19h às 00h)

Boteco Todos os Santos oferece cardápio para amenizar o frio

Com três opções de caldos, feijoada e drink especial, o estabelecimento está preparado para aquecer o clima da Vila Madalena neste inverno

Os apaixonados pelo frio já estão comemorando a chegada do inverno. As baixas temperaturas pedem ambientes aconchegantes e uma alimentação apropriada. Pensando nisso, o Boteco Todos os Santos – um dos mais famosos bares de São Paulo, localizado na Vila Madalena, tradicional bairro boêmio da zona oeste da cidade – traz em seu cardápio três opções de saborosos caldos, feijoada e drinques preparados especialmente para aquecer a estação.

caldo todos os santos.jpg

Com sabores marcantes e temperos acentuados, o caldo de mandioca com carne seca (R$ 12) é uma das estrelas do inverno, mas – além dele – o cremoso caldo verde (R$ 9) e o tradicional caldinho de feijão (R$ 9) são uma uma ótima pedida para esquentar um pouco na estação mais fria do ano. Feitos especialmente pelo Chef da casa, Manoel Vicente da Silva, os pratos são as melhores escolhas para as baixas temperaturas e todos são acompanhados por pão francês.

feijoada todos os santos.jpg

Para quem não abre mão de uma boa e saborosa feijoada no inverno, o bar oferece – das 12 às 17 horas de todos os sábados – a melhor da região, que acompanha arroz, feijoada light, bisteca, torresmo, couve, banana a milanesa, molho apimentado, farofa e laranja, em porções individuais (R$ 45) ou para duas pessoas (R$ 80).

drinque todos os santos.jpg

E, na carta de drinques, o estabelecimento conta com a chegada de uma novidade superespecial para mandar o frio embora. O drinque flame foi criado pelo barman Bruno Luiz dos Santos Souza para homenagear a estação. Com sabor doce e delicado, a bebida ficará disponível no cardápio durante todo o inverno (R$ 30).

Deixando o clima nas alturas, o estabelecimento conta com música ao vivo de quarta a domingo. Com uma contagiante programação que conta com samba de raiz, pagode e sertanejo, o que não vai faltar neste inverno é música boa para dançar e esquentar até os mais friorentos.

O local é dividido numa área interna com salão grande e confortável, nove televisores e dois telões estrategicamente localizados; tem o espaço Jardim, onde o público fica próximo aos grupos aproveitando a música; e o Piso Superior bem espaçoso com visão privilegiada do palco, banheiros exclusivos, três televisores e caixa próprio para não pegar fila na hora de pagar – camarote ideal para festas de aniversário e confraternizações.

*A programação está sujeita a alterações, mas respeitando sempre o estilo e padrão musical dos artistas. Confira a programação de música ao vivo e promoções, atualizadas diariamente, no site e no perfil do Instagram.

Boteco Todos os SantosRua Aspicuelta, 585 – Vila Madalena

SP Lovers Coffee & Wine comemora Queda da Bastillha com autêntico churrasco à La Française

Casa abre as portas especialmente neste domingo com um cardápio preparado pelo chef francês Jacques Faure

Neste domingo, 14, o SP Lovers Coffee & Wine vai se transformar num pedacinho da França no Brasil por meio de um delicioso evento pilotado por um chef francês. A casa abre as portas para receber Jacques Faure, natural de Lyon e radicado no país, e que traz toda a sua bagagem como chef internacional, imprimindo seu estilo nos pratos que cozinha.

O feriado francês da Queda da Bastilha inspirou o menu do SP Lovers Coffee & Wine que terá o tradicional churrasco à La Française. De entrada, a salada lyonnaise (rúcula, bacon, ovos e croutons), sai a R$ 14,99; como prato principal o entrecôte com batatas fritas e três molhos para acompanhar (gorgonzola, pimenta do reino verde e mostarda), e que custa R$ 48,90; e de sobremesa, a famosa tarte tatin de maçã com sorvete de baunilha por R$ 14,99.

adega---bx.jpg

Para acompanhar, o sommelier da casa pode indicar vinhos franceses ou outras opções da adega, que conta com mais de 500 rótulos. Para quem preferir, pode apreciar por ali mesmo apenas uma taça (R$ 15,00) para acompanhar as comidinhas do enxuto cardápio, como tortas, quiches e saladas, antepastos e tábua de frios. E se preferir uma opção doce, as tortas e bolos estão entre as pedidas.

Festa-Francesa.jpg

Festa Nacional Francesa
Local: SP Lovers Coffee & Wine
Endereço: Rua Oscar Freire, 1921 – Pinheiros – São Paulo (SP)
Quando: 14/7, domingo
Horário: a partir das 12h30 até às 18h
Valor do menu completo por pessoa: R$ 78,88

Pavilhão da Bienal de São Paulo será palco da maior feira de chocolate do Brasil

Festival Internacional do Chocolate e Cacau recebe chefs e marcas do mundo todo na primeira edição em São Paulo

Entre os dias 12 e 14 de abril, São Paulo recebe marcas e produtores nacionais e internacionais e reúne na Bienal toda a cadeia produtiva do cacau. Além da grande exposição e venda de chocolates de Origem, Premium, Gourmet e outras, o festival tem programação completa com experiências sensoriais, uma série de atividades culturais, exposição de arte, cursos e palestras.

Instalado no Pavilhão da Bienal, no Parque Ibirapuera, o Chocolat Festival terá grandes nomes nacionais e internacionais do universo do chocolate, entre os quais estão a francesa Chloé Doutre Roussel, Maria Fernanda di Giacobbe, da Venezuela, e a brasileira Luisa Abram, que ministram um curso com o tema Bean To Bar, nos dias 10 e 11 de abril, na Universidade Anhembi Morumbi.

chocolate cacau

Além delas, o festival terá chefs e especialistas presentes em todos os espaços. Na Cozinha Show, oferecido pela Callebaut e apresentando o Chocolate Ruby, participam da programação Bertrand Busquet – que dará a aula de abertura, sobre os fundamentos do chocolate ruby e com receita de bombom de coco banhado com ruby – Diego Lozano, Mariana Corbetta, André Bispo, Carole Crema, Tassiana Fernandes, Zilma Helena, e Gigi Louzada. No Espaço Kids, a chocolatier Karla Leal comanda as aulas para crianças a partir de 5 anos, que aprendem a fazer ovos de Páscoa, pirulitos e coelhinhos de chocolate.

SHUTTERSTOCK_chocolate

No Ateliê do Chocolate, oferecido pela marca Harald, com produtos Unique, nomes como Rafael Barros, Lucas Corazza, Alessandro Lira, Alexandre Bispo e Tati Benazzi farão esculturas de chocolate ao vivo para os visitantes da feira, que também podem participar do Fórum do Cacau (dia 12/4) – com painéis sobre a cacauicultura no Brasil e no mundo, a produção de cacau fino, sustentabilidade da cultura e avanços tecnológicos – e do Chocoday, dia dedicado à discussão de tendências no mundo do chocolate.

chocolate

Além dos espaços fixos, os expositores terão stands próprios para interagir com os visitantes, como é o caso da Dengo, que oferece uma experiência de realidade virtual, na qual os visitantes poderão fazer um passeio pela fazenda de um dos produtores, mostrando as etapas da produção, além de trazer ao público sua linha especial de Páscoa.

chocolate branco

Na belga Callebaut, a grande novidade para o Chocolat Festival será o lançamento do chocolate ruby – considerada a primeira grande inovação do mercado desde o chocolate branco. Desenvolvido ao longo de dez anos, o ruby tem coloração rosada e sabor frutado, e sua amêndoa é obtida através de uma seleção específica e processo de fabricação controlado.

chocolates

Outras marcas que também estarão presentes na primeira edição do Festival Internacional do Chocolate e Cacau são a Harald, primeira fábrica de chocolates do Brasil, as orgânicas Chokolah e Amma, Mendoá, ChOr, Sagarana, Espírito Cacau e Cacaway.

Idealizado pelo baiano Marco Lessa, eleito em 2016 e 2018 uma das 100 personalidades mais influentes do agronegócio no Brasil, o Chocolat Festival teve sua primeira edição em 2009, em Ilhéus, e desde então marca o calendário turístico da cidade, considerada a capital do cacau e eternizada pelas obras de Jorge Amado. Após grande sucesso, o evento chegou à Belém do Pará em 2013, e já reuniu mais de 420 mil visitantes nas 15 edições realizadas nos dois maiores Estados produtores do fruto.

Em 2019, exatamente 30 anos após o desastre causado pela praga Vassoura de Bruxa, que comprometeu as plantações em Ilhéus, o festival desembarca na maior cidade do país tendo impulsionado o surgimento de mais de 70 marcas de Origem em Ilhéus e aquecido o mercado de chocolates do Pará, que após cinco edições do evento dobrou a produção de cacau.

SP-Chocolate.png

Chocolat Festival São Paulo 2019
Dias 12, 13 e 14 de abril
Pavilhão da Bienal – Av. Pedro Álvares Cabral, s/n
Entrada: R$ 20,00

SPRW valoriza ingredientes do campo e fusões gastronômicas em sua 24ª edição

Maior evento gastronômico do país terá mais de 170 restaurantes participantes na capital paulista, de 29 de março a 21 de abril, com menus a preços fixos para jantar e almoço

É o festival mais aguardado por todos: pelos amantes da boa gastronomia, que ampliam suas possibilidades de conhecer restaurantes reconhecidos, e pelas casas participantes, que veem o evento como um “Natal” em seu faturamento. A 24ª edição da São Paulo Restaurant Week, de 29 de março a 21 de abril, chega para aquecer todo o segmento no maior polo gastronômico do país.

São mais de 170 restaurantes com menus a preços fixos no almoço (R$ 46,90 e R$ 68,00) e no jantar (R$ 58,90 e R$ 89,00), com pratos elaborados especialmente para a edição, seguindo o tema “do campo à mesa”, que enfatiza a importância de insumos frescos e de produtores locais.

“É uma oportunidade para as pessoas que cortaram o restaurante de seu orçamento, durante a crise, voltarem a comer fora de casa – e com qualidade”, enfatiza Fernando Reis, CEO da Restaurant Week.

Os participantes têm aumento de 80% no público e de 60% no faturamento, na Restaurant Week. Ao todo, o evento movimenta aproximadamente R$ 25 milhões, nas quatro semanas, na capital paulista.

Fusões e vegetarianos

Cozinhas do mundo todo estão representadas no evento em que os chefs têm liberdade de criação nos menus. Entre os participantes, há cozinha contemporânea, italiana, francesa, argentina, árabe, peruana, e de regiões brasileiras como a amazônica.

Ao mesmo tempo em que o mote é valorizar ingredientes frescos e locais, a edição tem o caráter cosmopolita da cidade de São Paulo, que é um dos maiores polos gastronômicos do mundo.

“Por esse aspecto, encontramos muitas fusões nos menus da edição. Há pratos que carregam informações culturais de três e até quatro lugares”, comenta o curador Arian Carneiro de Mendonça. Exemplo dessa sinergia é um menu que apresenta lasanha de pato ao tucupi, jambo e farofa de laranja como prato principal, que usa uma base italiana com ingredientes no norte brasileiro.

Vegetarianos também terão opções no maior evento gastronômico do país, em entradas, pratos principais e sobremesas. “Há cada vez mais restaurantes que inserem opções vegetarianas nos menus”, diz Arian.

Menu Premium

Além do menu Restaurant Week, o evento proporciona o Menu Premium, com pratos elaborados a partir de ingredientes sofisticados, em casas premiadas. O Menu Premium também conta com preços fixos no almoço (R$ 68) e no jantar (R$ 89), e requer reserva no site da Restaurant Week.

“A proposta da Restaurant Week é gerar mais oportunidade de acesso à boa gastronomia e, a cada edição, organizamos temas e menus para que o público sempre tenha novidades e experiências completas à mesa”, afirma Fernando Reis.

Social

O maior evento gastronômico do país também gera transformação social. O Instituto Cesar Cielo vai receber R$ 1 por menu degustado. A doação é opcional, acrescida à conta final do cliente. O montante final será destinado para projetos que visam a incentivar e desenvolver a natação no país, entre eles, o de fomentar novos talentos no esporte, que hoje atende a 200 crianças e adolescentes.

As notas fiscais sem CPF também podem ser doadas à Apae-SP (Associação de Pais e Amigos dos Excepcionais), por meio do aplicativo da Nota Fiscal Paulista.

As doações para o Instituto Cesar Cielo e para a Apae-SP, ambas opcionais, devem ser informadas ao restaurante no momento do pagamento.

Todos os restaurantes participantes e seus menus para almoço e jantar estão no site do evento, confira aqui.

sprw

24ª edição da São Paulo Restaurant Week
De 29 de março a 21 de abril
Menu Restaurant Week: R$ 46,90 no almoço e R$ 58,90 no jantar
Menu Premium: R$ 68,00 no almoço e R$ 89,00 no jantar
Reservas: Restaurante Week

Cacau e Café, dupla de ouro dos paulistanos, volta a São Paulo

Uma das duplas mais aguardadas deste ano adoçará a cidade com altas doses de gostosuras a partir de R$ 3,00. A animação será garantida pelo conceituado DJ das baladas paulistanas Dinho Garcia. Em local coberto e de fácil acesso, com entrada gratuita

Os chocólatras de plantão e os amantes de café podem comemorar. A combinação perfeita e mais saborosa para todos os paladares estará de volta para a alegria geral! O consagrado Festival do Cacau e do Café do Espaço As Meninas, em sua 8º edição, acontecerá no dia 24 de Março, das 12 às 19 horas, na Rua Joaquim Távora, 605 , Vila Mariana – a poucos metros da estação Ana Rosa do metrô. Para confirmar presença e conferir quem estará lá, basta clicar aqui.

“O cacau e o café promovem bem estar e alegria. Então vamos animar a população, que anda meio abalada com o noticiário ultimamente, com uma verdadeira explosão de sabores e aromas dessa dupla. E nada como comemorar a chegada do outono com esses dois super companheiros das temperaturas mais amenas. Além disso, alguém sobrevive sem cacau ou café? Eu acho impossível!”, comemora Elaine Vilela, sócia-proprietária do Espaço As Meninas Feiras e Eventos.

O cacau e o café continuam no topo das pesquisas dos mais “queridinhos” em todo o mundo, principalmente no Brasil. Segundo nutricionistas e pesquisadores, juntas, as substâncias destes dois produtos garantem o que cada uma tem de melhor em sua composição.

O cacau melhora a saúde cardiovascular, reduz a pressão arterial, diminuindo o risco de infarto agudo do miocárdio e a insuficiência cardíaca, além de aumentar a vasodilatação. Já o café, quando consumido moderadamente, eleva em cerca de 10% a probabilidade de se passar dos 90 anos. A cafeína promove muitos benefícios energéticos. Ela atinge o córtex cerebral diretamente, atuando na redução da fadiga, na melhora da concentração e da capacidade de raciocínio.

Cardápio de dar água na boca

ovo pascoa chocolate.jpg

Para acompanhar essas estrelas da gastronomia, o Festival traz um cardápio recheado de gostosuras e tentações: chocolates; bombons e trufas; cookies e biscoitos; bolos decorados e confeitados, como os especiais de café, cappuccino, chocolate; carolinas; brigadeiros; brigadeiros gourmets; tortas doces; chips de bacon com chocolate; éclair com recheios diversos; doces (miniovos de colher normal e low carb, cookie recheado, brownie na marmitinha ); brownies, balas de coco; cannolis; minichurros; biscoito alemão artesanal de baunilha com raspas de limão, cardamomo cravo e canela e castanha-do-pará; fudges; cupcakes; bombas de chocolate, mini bolos, bolo de pote; tiramissu e esferas de chocolate; biscoitinhos e mantecal; pão de mel Gourmet (vários recheios); pipoca e algodão doce; hot dogs; crepes doces e salgados; lanches de pernil e linguiça artesanal; escondidinho; porções; lanche de fraldinha desfiada; hambúrguer com queijo canastra e pimenta biquinho; queijos especiais e massas frescas secas; geleias, doce de leite, kits de café (utensílios de café e café em grão), chutney e purê de frutas com especiarias; batata rosti; temaki; poke; macarrão com shimeji; pães recheados; tortas salgadas; pastéis.

Além de cervejas artesanais, cachaças e é claro, diversos produtores artesanais de café, como: o Café Gourmet Alta Paulista; Café em cápsulas Vó Ditinha; Café Cófi Gourmet (café moído, em grãos, moído na hora, expresso e bolacha de nata); Café Delta; Café da Serra da Canastra; Café Berzoti, entre outros. E ainda, Café Espresso, Café em cápsulas, Café em grãos, Café gelado (cold brew) e molho de pimenta com café; Chocolate quente, cappuccino e cerveja de chocolate (kaffa kakaw de campos do jordão)e o famoso Café Caramello.

Para animar, o som fica a cargo do consagrado DJ das noites paulistanas Dinho Garcia, com a melhor seleção de ritmos de todos os tempos. E tudo com entrada gratuita!

O Festival do Cacau e do Café traduz bem um dos conceitos do Espaço As Meninas: promover um dia agradável com o melhor da gastronomia, em ambiente acolhedor, amplo e familiar. É uma ótima oportunidade para relaxar, confraternizar, fazer novos e encontrar antigos amigos.

Responsabilidade Social

Mantendo a parceria de vários anos com o Centro de Convivência Início de Luz, que abriga uma creche, serão arrecadados alimentos não perecíveis para a entidade sem fins lucrativos, que cuida de mais de cem crianças carentes das regiões do Cambuci e do centro da capital paulista.

Selo Paixões Paulistanas

O 8º Festival do Cacau e do Café do Espaço As Meninas tem a certificação dos eventos e ações idealizados sob medida para o gosto dos paulistanos. Para criar o selo e o calendário de eventos, os organizadores fizeram uma vasta pesquisa e identificaram os temas que mais atraem o público da cidade de São Paulo, terra de todos os gostos e sabores. Este selo está produzindo uma variedade de festivais inéditos qu e acontecem desde 2012 e continuarão ao longo de 2019.

festival cacau café

8° Festival do Cacau e do Café
Data: 24 de Março de 2019 (domingo)
Horário: 12h às 19h
Local: Rua Joaquim Távora, 605, Vila Mariana – próximo ao metrô Ana Rosa
Entrada Gratuita

Carnaval: destinos a uma hora de São Paulo, especiais para quem gosta de vinho

Quem mora em São Paulo e não tem viagem marcada para o feriado ou não gosta de Carnaval, pode desfrutar de lugares com clima bucólico próximos da Capital

As pessoas que planejam passar o Carnaval em São Paulo podem aproveitar para conhecer destinos bucólicos a uma hora da Capital. Cercadas pelo verde, com opções gastronômicas e atividades para toda a família, as cidades de Jundiaí e São Roque são sugestões de passeios ‘bate e volta’ ou para aproveitar o feriado todo.

Em Jundiaí tem O Villa Brunholi – um complexo turístico e gastronômico, onde o visitante pode conhecer no museu do vinho, a história da plantação de uva da família italiana que dá nome ao lugar, e a adega com rótulos de vinhos e licores, além do gin e da Caipirinha Brunholi, todos produzidos no local.

Para as crianças, há brinquedoteca e mini fazenda com galinha, mini-horse, coelho e porco, onde os pequenos podem interagir com os ‘bichinhos’. Já o restaurante oferece café da manhã colonial, rodízios de massas e parmegiana, além de cardápio com diversos pratos, como carnes, aves e peixes.

Em São Roque, o centro gastronômico Vila Don Patto é destino certo para conhecer a culinária europeia, uma vez que dispõe de restaurantes italiano e português, choperia com influência belga e boulangerie (padaria com inspiração francesa) – tudo cercado por cenário rebuscado.

As opções de entretenimento incluem redário e playground. Há também espaço onde artesãos locais comercializam suas produções, enquanto no empório e adega o visitante pode levar para casa produtos como queijos, embutidos, compotas, biscoitos finos e diversos rótulos de vinho nacionais e importados.

Villa Brunholi

museu do vinho

Complexo turístico formado por adega, mini fazenda, brinquedoteca, restaurante e museu do vinho. A história do espaço começou em 1897, quando Antônio e Emma Brunholi chegaram da Itália e compraram uma propriedade no bairro de Caxambu em Jundiaí.

O lugar, que passou por muitas transformações desde então, também faz parte do desenvolvimento do turismo rural e do agronegócio. O espaço, além de ser uma opção para os turistas, faz a produção de vinhos de mesa, massas, licores, vinagre e caipirinha que leva o nome da família na marca.

Vila Don Patto

adega villa don patto

Em São Roque, o centro gastronômico conta com restaurantes italiano e português, choperia e cervejaria, boulangerie, cafeteria, sorveteria, pastifício, empório e adega. Para entreter toda a família, o espaço oferece playground e redário.

Cercado pela natureza, o local recebe eventos como corporativos e casamentos, além de dispor de comodidades como heliponto. Fundado em 2010 por Julio Patto, o objetivo inicial era reviver as origens portuguesas, porém, atualmente, também possui influências italianas.

Carnaval gastronômico: guia para saborear delícias brasileiras

Carnaval é época de folia, de felicidade e muita viagem. Uma boa forma de descobrir um pouco mais da cultura do local é se deliciando com os pratos típicos. Roberta Saldanha, autora do livro Culinária brasileira, muito prazer (ed. Alaúde), preparou um guia de cinco destinos brasileiros e os pratos típicos para conhecer ainda mais o seu destino. Confira:

Salvador-BA

acaraje tastemade

Acarajé: bolinho de feijão-fradinho frito no azeite de dendê, servido com camarão seco, cebola e molho ardente de pimenta. Típico da culinária baiana, o famoso bolinho foi tombado pela Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) em 2004.O ofício das baianas do acarajé também foi reconhecido e regulamentado como profissão.

bebidas drinques
foto: Bebidas e Drinks

Capeta: bebida que mistura mel, guaraná em pó, limão-Taiti espremido e uma dose de bebida alcoólica (gim, rum, uísque, cachaça, conhaque ou tequila).

Rio de Janeiro-RJ

bolinho_bacalhau

Bolinho de bacalhau: herança portuguesa, iguaria apreciadíssima nos botecos cariocas, a massa que leva batata e bacalhau dessalgado desfiado é moldada na forma de pequenas bolinhas, fritas em óleo bem quente.

bombeirinho cocktail para todos
Foto: Cocktail Para Todos

Bombeirinho: drinque de botecos dos anos 1980, é uma mistura de cachaça com xarope de groselha.

Recife – PE

chegadinho veja sp
Foto: VejaSP

Chegadinho: biscoito de massa crocante, feito de farinha, açúcar e água em forma de canudo ou de cone, que leva nomes como cavaco chinês, biju, taboca, cascalho ou cavaquinho. Seco e quebradiço, o biscoito é comercializado por ambulantes, que anunciam a iguaria tocando triângulo pelas ruas.

capile comidas caseiras
Foto: Comidas Caseiras

Capilé: refresco de verão, feito com um pouco de vinho tinto, água e muito açúcar.

São Paulo – SP

bolovo godelicias
Foto: Gordelícias

Bolovo: bolinho frito de ovo cozido e carne moída, empanado com farinha de rosca, é tradição nos botecos da cidade paulista.

catuaba ibahia
Foto: Ibahia

Catuaba: destilado feito à base da planta que promete efeito afrodisíaco. Pode ser consumido quente ou gelado.

Fortaleza – CE

maxixada helena peixoto ed globo
Foto: Helena Peixoto/Editora Globo

Maxixada: prato que leva cebola, coentro e maxixe: leguminosa verde, redonda e de sabor suave, é ingrediente tradicional do Nordeste brasileiro, onde é largamente consumido em refogados e cozidos. O prato sofre variações em alguns estados nordestinos. No Ceará, é feito com carne seca.

aluás o mel e pimenta
Foto: Mel e Pimenta

Aluá: também chamado de aruá, tem origem indígena e é preparo com milho ou casca de abacaxi, água, raiz de gengibre (esmagada ou ralada) e açúcar. A mistura é posta para fermentar em pode de barro por no mínimo três dias. No Ceará é comumente preparada com farinha de milho e água.

Ouro Preto – MG

file a jk div

Filé à JK: filé mignon à milanesa, recheado com queijo e presunto, acompanhado de arroz com ervilhas e ovos, batata e banana fritas. Reza a lenda que o prato foi criado pelo ex-presidente Juscelino Kubitschek em uma de suas inúmeras visitas a Minas Gerais.

pinga RODRIGO BARK getty
Foto: Rodrigo Bark/Getty Images

Pinga: bebida feita a partir da garapa, do caldo de cana fermentado. Recebe as mais variadas denominações, dependendo da região em que é consumida. As pingas artesanais da região de Salinas, em Minas Gerais, representam a excelência da bebida.

Pratos leves para o verão invadem os restaurantes do Hilton

O verão continua com tudo. Em todo o país, altas temperaturas têm sido registradas e é importante adequar a dieta neste período. Para os dias quentes, a recomendação é optar por pratos mais leves e refrescantes.

Os chefs dos restaurantes do Hilton indicam algumas receitas, criadas exclusivamente para o cardápio do verão, que estão fazendo o maior sucesso nos restaurantes dos hotéis nesta estação.

Rodrigo Mezadri, chef Executivo do Hilton São Paulo Morumbi

textura palmito.png

Texturas de palmito com queijo Chèvre, mix de PANCs e crisps de tapioca: Juliènne de palmito marinado no suco de maracujá e galanga, palmito pupunha fresco assado com mel de oliveiras e carpaccio de palmito fresco. Preço: Menu do Artista R$ 99 + taxas (entrada + principal + sobremesa). Horário de funcionamento do restaurante: diariamente, das 19h às 23h30.

Moreno Colosimo, Chef Executivo do Hilton Barra Rio de Janeiro

insalata romana.png

Insalata Romana: Minialface Americana Grelhada, Croutons de Frango, Grana Padano com Molho Caesar e Focaccia. Preço: R$ 33,00 + 10%. Prato serve uma pessoa. Horário funcionamento do restaurante: diariamente, das 19h às 23h.

Pablo Ferreyra, Chef Executivo do Hilton Rio de Janeiro Copacabana

carpaccio de salmão defumado.png

Carpaccio de salmão defumado: Salmão defumado (ou gravlax), maionese de couve, gomos cítricos (laranja, pomelo e lima da pérsia), mirtilos, tomates cereja, rabanetes, sumac em pó e pipoca de milho orgânico. Preço: R$ 40,00 + 10%. Horário de funcionamento: diariamente no The View Bar que funciona de 8h às 23h.