Arquivo da categoria: sem glúten

Pão Multigrãos sem lactose e sem glúten para ser preparado em casa

Farinha à base de Arroz Tio João facilita o preparo de pães muito mais saudáveis de maneira rápida e prática em menos de uma hora

Muito consumido por pessoas que buscam uma dieta mais equilibrada, o pão multigrãos também pode ser facilmente preparado em casa com a linha Padaria Tio João Sem Glúten e Sem Lactose, que oferece a mistura pronta para ter aquele pão quentinho e saboroso a qualquer hora do dia, especialmente para quem segue dietas restritas ou buscam uma alimentação mais saudável e com fibras.

pao tio joao

A mistura para Pão Multigrãos é perfeita para complementar a dieta, pois leva grãos e cereais em sua composição. Essas fibras são excelentes para o organismo, para o processo digestivo e ajudam na saciedade.

Pão Multigrãos Sem Glúten e Sem Lactose

Ingredientes
1 pacote de Preparo para Massa de Pão Multigrãos Tio João
2 colheres (sopa) de fermento biológico
1 ½ xícara (chá) de água morna
1 ovo
5 colheres (sopa) de óleo vegetal

Modo de preparo
Misture o fermento ao conteúdo do pacote e separe. Em outra travessa, coloque a água, o ovo e o óleo. Junte tudo e bata na batedeira por 5 minutos, em velocidade máxima. Coloque em uma fôrma de pão (9x20cm) untada com óleo. Cubra a massa com uma embalagem plástica e deixe fermentar por 15 minutos. Asse em forno preaquecido a 210 – 240 graus por 40 minutos.

pao sem gluten.jpg

Fonte: Josapar

 

Flormel lança caixas personalizadas para público com restrição alimentar

A Flormel começou a vender em seu e-commerce, para todo o país, quatro caixas temáticas visando satisfazer necessidades específicas cada vez mais comuns entre os consumidores: zero adição de açúcares (Doces Momentos), sem glúten (Delícias Sem Glúten), sem lactose (Lac Zero) e vegetariano (Vida Veg).

O lançamento comercial integra o projeto Flormel do Meu Jeito, que reforça o zelo cultivado pela empresa para com seus públicos, desta vez oferecendo caixas de produtos selecionados pela equipe de nutricionistas para atender as demandas de quem tem restrição alimentar e, assim, facilitar a escolha e a compra.

“Este segmento de mercado é tendência no mundo e o Brasil vê essa demanda crescer a cada ano. Alguns fatores ajudam como a maior preocupação com o consumo consciente, a popularização do conceito clean label e o boom do estilo de vida saudável que reflete imediatamente na alimentação”, avalia Alexandra Casoni, CEO da empresa que é líder nacional em sobremesas sem adição de açúcares.

6 - BOX VEGETARIANO
Box Vegetariano
2 - BOX 0 ACUCAR
Box Zero Açúcar
8 - BOX ZERO GLUTEN 1
Box Zero Glúten

 

4 - BOX LACTOSE
Box Zero Lactose

As novas caixas custarão R$ 129,90 e são compostas de produtos que conquistaram o paladar de crianças, adultos e idosos, tais como chocolates, cremes de avelã, doces tradicionais, bombom, chips de coco, crispy de ervilha, crispy de grão de bico, barras de castanha e bananada. Além do mix selecionado, os 50 primeiros compradores ganharão uma lancheira exclusiva da Flormel.

Tendências do Mercado de Alimentação Saudável

• Segundo dados da pesquisa Q.Trends, realizada em 2017 pela consultoria Equilibrium, 49% dos brasileiros se mostram preocupados em consumir produtos mais saudáveis, embora o sabor ainda seja o fator determinante para a escolha. A mudança de comportamento também foi impulsionada pelos “processados do bem”, produtos com ingredientes mais naturais e inovadores contendo rótulo com comunicação mais transparente (clean label).

• Segundo dados da Euromonitor Internacional, as vendas de produtos naturais, orgânicos e funcionais movimentaram R$ 93,9 bilhões no Brasil em 2018, com um crescimento médio de 8,8% ao ano.

• Em 2015, a mesma Euromonitor mostrou que o Brasil ocupava o 5º lugar no ranking de vendas para o mercado de saudáveis, com crescimento de 98% entre 2009 e 2014.

• As soluções customizadas também decorrem de um maior nível de conhecimento do consumidor sobre valor nutricional, funcionalidade, saudabilidade e sustentabilidade, além de o consumo ser cada vez mais uma maneira de fortalecer a identidade cultural pessoal e tribal.

• Segundo pesquisa do Ibope Inteligência e da Sociedade Vegetariana Brasileira, realizada em 2018, cerca de 30 milhões de pessoas ou 14% da população brasileira declaram-se adeptas ao vegetarianismo, o que justifica a notoriedade crescente de entidades como a SVB. A pesquisa ainda diz que 55% dos entrevistados consumiriam mais produtos veganos se estivessem indicados na embalagem.

• A Q.TRends 2017-2018 também aponta outras tendências: em alguns países estrangeiros como os Estados Unidos tem crescido a inclusão de etiquetas veganas nos produtos; e o mercado se prepara para o desafio de atender os chamados flexitarians, as pessoas que substituem parcialmente o consumo de produtos de origem animal por alternativas mais naturais ou veganas.

• Já a versão 2018-2019 da Q.TRends indica que a categoria snack industrializado tem a maior taxa de crescimento da indústria alimentícia e abre espaço para a criatividade e inovação. Dentre os entrevistados, 97% haviam consumido ao menos um produto deste tipo no último mês; 21% haviam ingerido mais snacks que o ano anterior, número que sobe para 32% entre os jovens.

Informações: Flormel

Aprenda a receita de um coringa para lanches: pão australiano sem glúten

Quem não gosta de um bom pão caseiro para fazer um lanche? E que tal preparar sua própria versão livre de glúten? Nessa receita você aprenderá a fazer um pão australiano que, além de fácil, também surpreende pelo sabor. Uma boa dica é aproveitar essa delícia, tanto no café da manhã, como no lanche da tarde.

Confira abaixo o passo a passo e os ingredientes:

Pão Australiano Sem Glúten

Ingredientes
2 ovos
3 col. de sopa de mel
10 g fermento biológico seco
1/2 xícara de água morna
1 xícara de Farinha multiuso sem glúten Schär
2 col. de sopa de cacau em pó
1 col. de sopa de fubá amarelo
1/2 col. de café de sal

Modo de preparo
Em uma tigela, misture os ovos com o mel, o fermento e a água. Mexa até dissolver o fermento por completo. Adicione o restante dos ingredientes mexendo delicadamente até obter uma massa homogênea. Despeje a massa em uma forma de bolo inglês untada com manteiga e polvilhada com cacau. Polvilhe um pouco de fubá e leve para assar em forno preaquecido (180 °C) por cerca de 35 minutos. Retire do forno, espere amornar e desenforme.

pao australiano.jpg

Tempo de preparo: 45 min – 50 min
Tempo de cozimento: 35 min
Temperatura: 180°C
Dificuldade: fácil
Rendimento: 6 porções

Fonte: Schär

G.Hair Cosméticos dá descontos durante todo o mês de novembro no e-commerce

A Black Friday deste ano já tem data marcada: 29 de novembro. Mas como todo dia é dia de cuidar dos cabelos, a G.Hair Cosméticos dará descontos durante todo o mês! Todo mundo que fizer uma compra online aproveitará todos os produtos da marca com preços promocionais, no e-commerce da G.Hair.

E para quem adora descontos, a dica é estar atento ao site todos os dias! “A G.Hair preparou uma série de novidades e surpresas para os consumidores.” adianta Alfredo Miras, diretor da G.Hair Cosméticos. Vale lembrar que desde 4 de novembro todos os itens de todas as linhas já estão em promoção: “Este é o momento de aproveitar para comprar aquele produto indispensável. Além dos mais vendidos: Linha Top 10, + Que Necessário, Sun Care e For Men, os lançamentos da G.Hair, como a Linha Botânica, também estão com valores promocionais super atraentes.” completa.

g hair.png

Os produtos podem ser encontrados no site e o frete é grátis para todo o Brasil nas compras acima de R$ 99,00.

Informações: G.Hair – SAC 11 4771-2117 

Pizza de Frigideira sem glúten

Pizza é boa de qualquer jeito, né? No jantar preguiçoso, na noite de sábado e até na manhã seguinte, uma fatia de pizza quentinha sempre cai muito bem. Confira essa receita prática, rápida e sem glúten para fazer na frigideira. Anote o passo-a-passo e os ingredientes:

Pizza de Frigideira sem glúten

Ingredientes

Para a massa:
1 e 1/2 xícaras de Farinha multiuso sem glúten
1 ovo
1 col. de chá de sal
1 col. de sopa de manteiga
1/4 xícara de leite morno

Para a montagem:
Queijo mussarela a gosto
Tomate cereja a gosto
Azeitona preta picada a gosto
Folhas de manjericão a gosto

Modo de preparo
Em uma tigela, misture a farinha com o ovo, o sal e a manteiga. Misture com as pontas dos dedos até amolecer toda a manteiga. Em seguida adicione o leite aos poucos e mexa com as mãos até obter uma massa lisa e homogênea. Abra a massa com um rolo e corte em círculos. Aqueça uma frigideira e asse a massa de um lado até dourar levemente e depois do outro. Acrescente as fatias de queijo, os tomates, a azeitona e regue com um fio de azeite. Tampe a frigideira e aguarde o queijo derreter. Acrescente o manjericão e sirva.

pizza schur

Tempo de preparo: 40 min
Dificuldade: fácil
Rendimento: 1 porção

Fonte: Schär

Retirar o glúten da alimentação pode fazer mal?

O consumo de glúten vem sendo amplamente discutido na alimentação diária. Ingeri-lo ou não? No Brasil a doença celíaca atinge mais de 2 milhões de pessoas, de acordo com a Federação Nacional das Associações de Celíacos do Brasil e para esta porcentagem da população a restrição à proteína é inevitável, é uma questão de saúde.

Além das pessoas que possuem Doença Celíaca, a retirada do glúten também é indicada para quem possui sensibilidade ao glúten não celíaca e para quem faz tratamento para Síndrome do Intestino Irritável. Nestes casos, a retirada da proteína é necessária e deve ser realizada sob orientação de um nutricionista. Mas e quem apenas opta por retirar o glúten sem possuir sensibilidade à substância?

dieta-sem-gluten

A nutricionista Luiza Carvalho, da Schär, explica que não existem efeitos colaterais ou malefícios em adotar uma dieta sem glúten. “O glúten é uma proteína de baixo valor nutricional, portanto, ao excluí-la, a pessoa não apresentará déficit na alimentação, mas é sempre importante que, qualquer mudança ou restrição alimentar, seja acompanhada por um nutricionista, já que cada pessoa tem necessidades específicas”.

A especialista ainda reforça que é sempre bom buscar por alimentos sem glúten que possuam ingredientes nutricionalmente interessantes, com adição de fibras, por exemplo, e sem aditivos artificiais, como conservantes, aromatizantes e corantes.

Luiza explica que o glúten é a única proteína que o corpo humano não é capaz de digerir completamente. Por esse mesmo motivo, pessoas que buscam um estilo de vida mais equilibrado ou que têm dificuldade na digestão, optam pela alimentação isenta de glúten, evitando o processo de má digestão e reduzindo o nível de inflamação do organismo. Estudos apontam que atletas de alta performance também se beneficiam da retirada do glúten da alimentação, melhorando seu rendimento.

gluten_free-pao

A nutricionista ainda lembra que retirar glúten não tem nenhuma relação com perda de peso. “A perda de peso não depende exclusivamente do glúten, mas, sim, das escolhas alimentares realizadas. Quando uma pessoa opta por uma dieta sem glúten, muitas vezes ela tem uma perda de peso devido à exclusão de alimentos calóricos e ricos em carboidratos, como pães, massas e farinhas refinadas”, finaliza Luiza.

Fonte: Schär

Receita de pão multigrãos sem lactose e sem glúten para ser preparada em casa

Farinha à base de Arroz Tio João facilita o preparo de pães muito mais saudáveis de maneira rápida e prática em menos de uma hora

tio joao.jpg

Muito consumido por pessoas que buscam uma dieta mais equilibrada, o pão multigrãos também pode ser facilmente preparado em casa com a linha Padaria Tio João Sem Glúten e Sem Lactose, que oferece a mistura pronta para ter aquele pão quentinho e saboroso a qualquer hora do dia, especialmente para quem segue dietas restritas ou buscam uma alimentação mais saudável e com fibras.

A mistura para Pão Multigrãos é perfeita para complementar a dieta, pois leva grãos e cereais em sua composição. Essas fibras são excelentes para o organismo, para o processo digestivo e ajudam na saciedade.

Pão Multigrãos Sem Glúten e Sem Lactose

Ingredientes
1 pacote de Preparo para Massa de Pão Multigrãos Tio João
2 colheres (sopa) de fermento biológico
1 ½ xícara (chá) de água morna
1 ovo
5 colheres (sopa) de óleo vegetal

Modo de preparo 
Misture o fermento ao conteúdo do pacote e separe. Em outra travessa, coloque a água, o ovo e o óleo. Junte tudo e bata na batedeira por 5 minutos, em velocidade máxima. Coloque em uma fôrma de pão (9cmx20cm) untada com óleo. Cubra a massa com uma embalagem plástica e deixe fermentar por 15 minutos. Asse em forno preaquecido a 210 – 240 graus por 40 minutos.

pão sem gluten.jpg

Fonte: Josapar

Dia das Crianças: receita de Cake Pop sem glúten

O Dia das Crianças chegou e nada melhor do que aproveitar a data com pratos especiais e que ainda podem ser preparados juntos com os pequenos. Com essa receita você aprenderá a fazer o famoso Cake Pop (bolo no palito), em uma versão totalmente sem glúten, para deixar as festas ainda mais gostosas, especialmente para os celíacos.

Confira abaixo o passo-a-passo e anote os ingredientes:

Cake Pop

cake pop.jpg

Ingredientes

1/2 xícara de leite condensado
1/2 xícara de creme de leite
2 col. de sopa de chocolate em pó

Para a montagem:
1 Bolo de Chocolate sem glúten
1 xícara de raspas de chocolate

Modo de preparo

Em uma panela, leve ao fogo brando, o leite condensado com o creme de leite (sem soro) e o chocolate em pó. Mexa até desprender levemente do fundo da panela.
Desligue o fogo e reserve. Em uma tigela, esfarele o bolo de chocolate e misture delicadamente o brigadeiro reservado. Cubra a tigela e reserve no congelador por cerca de 30 minutos para firmar. Em seguida, retire e com o auxílio de uma colher, pegue pequenas porções e modele bolinhas. Espete o palito e em seguida passe pelo chocolate ou granulado. Disponha em um prato e sirva.

Tempo de preparo: 40 minutos
Tempo de cozimento: 30 min
Dificuldade: fácil
Rendimento: 7 porções

Fonte: Schur

Mousse de cacau e leite de coco para beber com biomassa de banana verde

Leve, sem glúten e sem lactose, esta versão de mousse com leite de coco pronto para beber, açúcar de coco, coco ralado e chips, marcas Copra é uma excelente opção de sobremesa saudável.

Mousse de Cacau com Leite de Coco para Beber Copra com Biomassa de Banana Verde

Ingredientes:
1 colher (chá) de gelatina incolor
3 colheres (sopa) de água
1 xícara (chá) de Leite de Coco para beber Copra
3 colheres (sopa) de Açúcar de Coco Copra
2 colheres (sopa) de cacau em pó
2 colheres (sopa) de Coco Ralado Copra
1 xícara (chá) de biomassa de banana integral pastosa

Para servir:
Chips de Coco Copra de sua preferência

Modo de preparo:
Hidrate e dissolva a gelatina na água. Reserve. Junte no liquidificador, o Leite de Coco para beber Copra, o Açúcar de Coco Copra, o cacau, o Coco Ralado Copra e a biomassa.
3- Bata por 3 minutos ou até obter uma mistura homogênea. Adicione a gelatina, sem para de bater e bata por mais 2 minutos. Divida a mistura em tacinhas e leve à geladeira por 2 horas ou até firmar. Sirva com Chips de Coco Copra de sua preferência.

Dicas
A leveza da mousse com a crocância do Chips de Coco Copra, formam uma combinação perfeita de textura!! Para essa versão foi utilizado o Chips de Coco Copra com Açúcar de Coco Copra. Sirva bem gelada.

mousse cacau coco.jpg

Rendimento: 4 porções
Tempo de preparo: 30 minutos
Tempo de geladeira: 2 horas
Tempo total de preparo: 2 horas e 30 minutos

Fonte: Copra

Bolachinha de fubá e grão de bico, sem glúten e sem lactose

A chef Iracema Bertoco, do Centro Europeu, principal escola de gastronomia do Brasil, preparou uma receita especial de Bolachinha de fubá e grão de bico. Além de delicioso, o preparo é livre de glúten e lactose.

Bolachinha de fubá e grão de bico

Ingredientes:
– 2 ovos
– 3 colheres de óleo de coco
– ½ xícara de açúcar mascavo
– ½ de farinha de grão de bico
– 1 xícara e ½ de fubá
– 1 colher de fermento químico ou bicarbonato
– Goiabada

Modo de preparo:
Misture bem todos os ingredientes até ficar uma massa homogenia. Faça pequenas bolinhas, aperte no centro com o dedo pra fazer um furinho e coloca um pouquinho de goiabada caseira. Disponha numa assadeira forrada com papel manteiga. Leve ao forno 180 graus por 30 minutos.

bolacha fuba grão de bico

Fonte: Centro Europeu