Arquivo da categoria: turismo

Vinícola de Campo Largo aposta no enoturismo

A diversidade de atividades atrai visitantes que desejam conhecer mais sobre os processos de elaboração de vinhos

vinicola 2
Além da produção e comercialização de vinhos finos e espumantes, a Vinícola Legado também oferece opções de lazer para famílias, amigos e enófilos apaixonados. Com uma área aconchegante e reservada para piqueniques em bosques próximos aos vinhedos.

Os visitantes têm a oportunidade de viver diversas experiências com enoturismo e passeios guiados pelo vinhedo, além de eventos “hands on”, que oferece aos participantes a oportunidade de conhecerem os processos da colheita.

O conceito é de uma vinícola boutique, localizada em Campo Largo, na estrada de Bateias, nos arredores de Curitiba, no Paraná. O projeto surgiu em 1998 com apenas 200 pés de Cabernet Sauvignon, importados da França. Após um estudo de clima e solo, a empresa percebeu que havia potencial para elaborar vinhos finos na nossa região.

A Vinícola Legado tem a missão de elaborar vinhos autênticos, fiéis às características da região, por meio de práticas sustentáveis do ponto vista ambiental e econômico, mas que mantenham as características rurais do local, proporcionando uma experiência única para os clientes.

vinicola

Para isso, a empresa faz um alto investimento em tecnologias de manejo do vinhedo , como a utilização de telas de proteção aos cachos no período de maturação, garantindo a qualidade da uva e diminuindo a necessidade de tratamentos com produtos químicos e o aproveitamento das cascas e resíduos na propriedade.

“No nosso setor quem define [o que será produzido] é o clima, nós apenas cuidamos e acompanhamos, adaptando os planos a cada dia”, Heloíse Merolli, sócia-proprietária da vinícola.

vinicola 3

Vinícola Legado
Horário de atendimento: sábados e domingos, das 11h às 18h.
Visitas Guiadas: todos os sábados e domingos às 11h e 15h.
Visitas personalizadas para grupos: disponíveis com agendamento prévio.
Endereço: Rodovia Engº Raul Azevedo de Macedo, 5.800 – Campo Largo – Paraná

 

Seis dicas para se economizar com viagens

Kayak separou as melhores dicas para ajudar os viajantes a economizarem desde o planejamento da viagem

Economia é um dos fatores mais importantes para a maioria dos viajantes. Seja com a escolha do destino, seja com o voo, seja com as diárias do hotel, economizar já está na lista de prioridades na hora de planejar uma viagem. Por este motivo, o Kayak, maior ferramenta de buscas de viagens do mundo, separou essas dicas que vão auxiliar nessa tarefa. 

dreamstime trabalho mesa notebook mulher 2

  1. Antecedência: em relação às passagens aéreas, acompanhar a evolução dos preços com cerca de seis meses de antecedência é importante para saber quando as passagens estão mais baratas. “O histórico do Kayak revela que a antecedência ideal para se comprar passagens nacionais é de um mês; para internacionais, de 3 ou 4 meses. Comprando com essa antecedência, os viajantes podem garantir uma economia de até 15-25% no valor das passagens”, afirma Eduardo Fleury, Country Manager do Kayak no Brasil.

mulher no aeroporto

  1. Dia/Horário de Voo: evitar “horários de pico” de voos também é uma dica importante: ir em um sábado e voltar em uma segunda em vez de ir sexta e voltar num domingo, por exemplo, pode garantir uma boa economia, já que voos com maior demanda são mais caros. Para os que têm tempo e disponibilidade, optar por um voo com escalas também reduz o preço da passagem e pode até proporcionar a oportunidade de se conhecer um novo destino aproveitando o stopover que hoje muitas companhias aéreas disponibilizam.

hotel

  1. Hotel: em relação a hotelaria, é preciso atentar para a data da viagem. Para um feriado em uma sexta-feira, por exemplo, o viajante pode ir na quinta-feira à noite ou na sexta-feira de manhã. Viajando na quinta-feira, pagará uma diária adicional de hotel e mal aproveitará o destino, pois já chegará para dormir. Indo na sexta-feira de manhã, economiza uma diária, sem prejudicar muito o roteiro de viagem. Também é importante lembrar que hotéis com perfil mais corporativo são mais caros durante a semana, em que a demanda é maior, e hotéis de lazer têm diárias mais caras aos finais de semana.

aeroporto viagem mulher pixabay 2

  1. Escolha de destinos: considerar destinos nacionais interessantes ao invés de destinos estrangeiros pode ser uma opção para famílias com um orçamento mais restrito. Este ano tivemos muitos feriados, o que faz com que muitas famílias prefiram pulverizar o orçamento em várias viagens menores em vez de guardá-lo para uma maior no final do ano. “Em função da alta do dólar, instabilidade do câmbio e desvalorização do real, os viajantes têm dado preferência para viagens pelo Brasil e pela América Latina, opções menos dolarizadas e mais em conta”, completa Eduardo Fleury.

campo bahia hotel

  1. Pacotes: escolher passeios e refeições na hora ou montar um roteiro prévio dificilmente apresentarão uma diferença significativa no preço da viagem. Neste caso, a diferença está mais no perfil do viajante: há os que preferem pacotes e opções pré-definidas por um operador, por exemplo, e os que preferem personalizar todos os detalhes da viagem de acordo com as próprias preferências. Essa customização vem sendo cada vez mais possibilitada pela tecnologia, mas não há fórmula certa de como viajar neste sentido.

kaiak.png

  1. Ferramentas: além do site e do aplicativo (disponível para Android e iOS) que já facilitam a primeira busca pelas melhores opções de voo, hospedagem, aluguel de carros e pacotes completos de viagem, o Kayak possui também algumas ferramentas que podem ajudar os viajantes a economizar, de uma forma intuitiva e organizada. O Explore mapeia voos de ida e volta para todos os principais destinos do mundo a partir do orçamento do viajante. Já no site, basta fazer uma pesquisa de voo que a função Previsão de Preços (no canto superior esquerdo) mostra um gráfico com a mensagem “Compre” ou “Observe”, assim o viajante pode aproveitar a oportunidade ou esperar o preço diminuir. Quando o destino for escolhido, o viajante pode ativar o Alerta de Preços, que envia avisos sobre as oscilações de preços de passagens e informa usuários sobre a melhor data para compra-las – quando os preços estão mais baixos.

 

Carnaval: destinos a uma hora de São Paulo, especiais para quem gosta de vinho

Quem mora em São Paulo e não tem viagem marcada para o feriado ou não gosta de Carnaval, pode desfrutar de lugares com clima bucólico próximos da Capital

As pessoas que planejam passar o Carnaval em São Paulo podem aproveitar para conhecer destinos bucólicos a uma hora da Capital. Cercadas pelo verde, com opções gastronômicas e atividades para toda a família, as cidades de Jundiaí e São Roque são sugestões de passeios ‘bate e volta’ ou para aproveitar o feriado todo.

Em Jundiaí tem O Villa Brunholi – um complexo turístico e gastronômico, onde o visitante pode conhecer no museu do vinho, a história da plantação de uva da família italiana que dá nome ao lugar, e a adega com rótulos de vinhos e licores, além do gin e da Caipirinha Brunholi, todos produzidos no local.

Para as crianças, há brinquedoteca e mini fazenda com galinha, mini-horse, coelho e porco, onde os pequenos podem interagir com os ‘bichinhos’. Já o restaurante oferece café da manhã colonial, rodízios de massas e parmegiana, além de cardápio com diversos pratos, como carnes, aves e peixes.

Em São Roque, o centro gastronômico Vila Don Patto é destino certo para conhecer a culinária europeia, uma vez que dispõe de restaurantes italiano e português, choperia com influência belga e boulangerie (padaria com inspiração francesa) – tudo cercado por cenário rebuscado.

As opções de entretenimento incluem redário e playground. Há também espaço onde artesãos locais comercializam suas produções, enquanto no empório e adega o visitante pode levar para casa produtos como queijos, embutidos, compotas, biscoitos finos e diversos rótulos de vinho nacionais e importados.

Villa Brunholi

museu do vinho

Complexo turístico formado por adega, mini fazenda, brinquedoteca, restaurante e museu do vinho. A história do espaço começou em 1897, quando Antônio e Emma Brunholi chegaram da Itália e compraram uma propriedade no bairro de Caxambu em Jundiaí.

O lugar, que passou por muitas transformações desde então, também faz parte do desenvolvimento do turismo rural e do agronegócio. O espaço, além de ser uma opção para os turistas, faz a produção de vinhos de mesa, massas, licores, vinagre e caipirinha que leva o nome da família na marca.

Vila Don Patto

adega villa don patto

Em São Roque, o centro gastronômico conta com restaurantes italiano e português, choperia e cervejaria, boulangerie, cafeteria, sorveteria, pastifício, empório e adega. Para entreter toda a família, o espaço oferece playground e redário.

Cercado pela natureza, o local recebe eventos como corporativos e casamentos, além de dispor de comodidades como heliponto. Fundado em 2010 por Julio Patto, o objetivo inicial era reviver as origens portuguesas, porém, atualmente, também possui influências italianas.

Carnaval gastronômico: guia para saborear delícias brasileiras

Carnaval é época de folia, de felicidade e muita viagem. Uma boa forma de descobrir um pouco mais da cultura do local é se deliciando com os pratos típicos. Roberta Saldanha, autora do livro Culinária brasileira, muito prazer (ed. Alaúde), preparou um guia de cinco destinos brasileiros e os pratos típicos para conhecer ainda mais o seu destino. Confira:

Salvador-BA

acaraje tastemade

Acarajé: bolinho de feijão-fradinho frito no azeite de dendê, servido com camarão seco, cebola e molho ardente de pimenta. Típico da culinária baiana, o famoso bolinho foi tombado pela Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan) em 2004.O ofício das baianas do acarajé também foi reconhecido e regulamentado como profissão.

bebidas drinques
foto: Bebidas e Drinks

Capeta: bebida que mistura mel, guaraná em pó, limão-Taiti espremido e uma dose de bebida alcoólica (gim, rum, uísque, cachaça, conhaque ou tequila).

Rio de Janeiro-RJ

bolinho_bacalhau

Bolinho de bacalhau: herança portuguesa, iguaria apreciadíssima nos botecos cariocas, a massa que leva batata e bacalhau dessalgado desfiado é moldada na forma de pequenas bolinhas, fritas em óleo bem quente.

bombeirinho cocktail para todos
Foto: Cocktail Para Todos

Bombeirinho: drinque de botecos dos anos 1980, é uma mistura de cachaça com xarope de groselha.

Recife – PE

chegadinho veja sp
Foto: VejaSP

Chegadinho: biscoito de massa crocante, feito de farinha, açúcar e água em forma de canudo ou de cone, que leva nomes como cavaco chinês, biju, taboca, cascalho ou cavaquinho. Seco e quebradiço, o biscoito é comercializado por ambulantes, que anunciam a iguaria tocando triângulo pelas ruas.

capile comidas caseiras
Foto: Comidas Caseiras

Capilé: refresco de verão, feito com um pouco de vinho tinto, água e muito açúcar.

São Paulo – SP

bolovo godelicias
Foto: Gordelícias

Bolovo: bolinho frito de ovo cozido e carne moída, empanado com farinha de rosca, é tradição nos botecos da cidade paulista.

catuaba ibahia
Foto: Ibahia

Catuaba: destilado feito à base da planta que promete efeito afrodisíaco. Pode ser consumido quente ou gelado.

Fortaleza – CE

maxixada helena peixoto ed globo
Foto: Helena Peixoto/Editora Globo

Maxixada: prato que leva cebola, coentro e maxixe: leguminosa verde, redonda e de sabor suave, é ingrediente tradicional do Nordeste brasileiro, onde é largamente consumido em refogados e cozidos. O prato sofre variações em alguns estados nordestinos. No Ceará, é feito com carne seca.

aluás o mel e pimenta
Foto: Mel e Pimenta

Aluá: também chamado de aruá, tem origem indígena e é preparo com milho ou casca de abacaxi, água, raiz de gengibre (esmagada ou ralada) e açúcar. A mistura é posta para fermentar em pode de barro por no mínimo três dias. No Ceará é comumente preparada com farinha de milho e água.

Ouro Preto – MG

file a jk div

Filé à JK: filé mignon à milanesa, recheado com queijo e presunto, acompanhado de arroz com ervilhas e ovos, batata e banana fritas. Reza a lenda que o prato foi criado pelo ex-presidente Juscelino Kubitschek em uma de suas inúmeras visitas a Minas Gerais.

pinga RODRIGO BARK getty
Foto: Rodrigo Bark/Getty Images

Pinga: bebida feita a partir da garapa, do caldo de cana fermentado. Recebe as mais variadas denominações, dependendo da região em que é consumida. As pingas artesanais da região de Salinas, em Minas Gerais, representam a excelência da bebida.

Seis lugares para se esbaldar de tanto comer durante o Carnaval

Restaurantes, hotéis ou até mesmo all inclusive… saiba onde comer bem durante a folia

Nem só de confete, serpentina, bloquinhos de rua e cerveja vive o folião durante o carnaval. Comer – e bem – também é um essencial e excelente programa para se fazer entre um bailinho e outro. E como a ocasião festiva permite alguns excessos (Rsrs), confira aqui algumas boas opções de restaurantes, hotéis ou até mesmo all inclusive com delícias de dar água na boca.

Suri Ceviche & Bar, São Paulo – SP

Ambiente SuriCeviche Azteca - Suri
Na capital paulista, em meio ao agitadíssimo carnaval de rua que tomou conta da cidade nos últimos anos, a dica é deixar os fastfoods para “outros carnavais” e apreciar as delicias servidas pelo Suri, em Pinheiros, especializado em gastronomia latino americana. O carro-chefe da casa, obviamente, é o Ceviche, mas por lá é possível encontrar arepas e outros pratos de origem mexicana, venezuelana, colombiana e peruana cheios de latinidade. Quem gosta de beber e pretende continuar farreando depois pode aproveitar para tomar Pisco Sour ou drinks preparados com esta típica bebida. Endereço: Rua Mateus Grou, 488 – Pinheiros -Telefone: (11) 3034 – 1763

Fazenda Capoava, Itu – SP

Fazenda Capoava, em ItuTradicional feijoada da Fazenda Capoava, em Itu
Partindo da capital em direção ao interior, em Itu, a histórica Fazenda Capoava é opção para quem deseja ter uma refeição típica de fazenda e totalmente fiel à culinária brasileira. A gastronomia, aliás, é um dos pilares do empreendimento, reconhecido por fundir influências de povos que já passaram por ali em diferentes épocas, resgatando a história culinária de nosso país. Uma vez no local, é possível encontrar delícias como a tradicional feijoada e o leitão à pururuca. A carta de vinhos também merece destaque, pois segue à risca a proposta de valorizar a cultura brasileira ao oferecer apenas rótulos nacionais aos clientes, como a Era dos Ventos Peverella, da Serra Gaúcha ou o Lídio Carraro Elos, também do Rio Grande do Sul.
Endereço: Rodovia Dom Gabriel Paulino Bueno Couto, km 89,9 – Bairro Pedregulho, Itu/SP. Reservas: reservas@fazendacapoava.com.br ou (11) 2118-4142.

Pestana Rio Atlântica, Rio de Janeiro – RJ

Mesa de café da manhã no Pestana Rio Atlântica, no Rio de Janeiro
Entre um bloquinho e outro, o Rias Restaurante, do Pestana Rio Atlântica, surge como opção para os foliões que desejam almoçar antes de cair na folia ou até mesmo jantar antes de curtir o desfile das escolas de samba na Sapucaí. Há opções de pratos para todos os gostos, incluindo carnes, massas e saladas. No rooftop do hotel, inclusive, há ainda o Deck lounge Bar, um das áreas mais cool de todo o Rio de janeiro. A vista, aliás, não decepciona. Ótima pedida para um drink durante o dia ou de noite, quando costuma ter festinhas com DJ… Endereço: Pestana Rio Atlântica – Avenida Atlântica, 2964 – Copacabana. Reservas: 0800 7378262 – guest.brasil@pestana.com

Pratagy Beach All Inclusive Resort – Wyndham, Maceió – AL

DCIM/106MEDIA/DJI_0317.JPGBuffet do Pratagy Beach All Inclusive Resort, de Maceió - AlagoasEspetinho de camarão, servido no buffet do Pratagy Beach All Inclcusive
Quem for curtir o carnaval em Maceió, Alagoas, pode optar por uma abordagem um pouquinho diferente e enfiar o pé na jaca ao aproveitar o regime all inclusive do Pratagy Beach, que está situado à beira da paradisíaca praia de Pratagy. Com uma grande variedade de pratos e refeições (café da manhã, almoço, jantar e petiscos durante todo o dia), o serviço oferece ainda bebidas sem limite de consumo, incluindo cerveja, destilados em geral, uísque 8 anos, vinhos e coquetéis de frutas. Afora isso, é possível curtir a folia desfrutando outros atrativos do hotel, como a praia, piscina, as piscinas naturais, o rio e a programação de lazer do empreendimento. Endereço: Rodovia AL 101 Norte, km 10 – Pescaria, Maceió – AL. Reservas e informações: vendas@pratagy.com.brou (82) 3029-9416

Pestana Convento do Carmo, Salvador – BA

Mesa do Pestana Convento do Carmo, em Salvador
Sinônimo de agitação, Salvador abriga uma das festas de rua mais populares do país e atrai milhares de foliões todos os anos para curtir os bloquinhos, desfiles e apresentações artísticas de famosos. Mas outro importante pilar oferecido pela capital baiana é a gastronomia. E uma boa dica é o Restaurante Tonico, no Pestana Convento do Carmo. Recém inaugurado, o empreendimento, que é comandado pelo Chef Dudu Prado, explora a gastronomia brasileira em suas receitas oferece delicias como o Robalo com curry a brasileira e arroz de castanhas com banana e pimenta biquinho.
Endereço: Rua do Carmo, 01 – Pelourinho – Salvador / Bahia. Reservas: 0800 7378262 – guest.brasil@pestana.com.

Botanique Hotel & SPA, Triângulo das Serras – SP

Restaurante Mina - Botanique Hotel & Spa

Não é preciso ser hóspede do espetacular Hotel Botanique, na Mantiqueira para usufruir de suas belas paisagens e passar um dia rodeado de montanhas, muito verde, pássaros e flores, e desfrutar da elegância de interiores recheados de design, brasilidade e autenticidade. No restaurante Mina, o chef convida os clientes que optarem pelo sossego do campo durante o carnaval a colherem ingredientes e temperos das mais de 300 caixas da bela e generosa horta que circunda a propriedade, sugerindo a experiência da cozinha “farm to table”- do campo para a mesa. O Hotel fica a duas horas e meia de São Paulo e aceita passantes para o almoço, mediante reserva antecipada. Endereço: Rua Elídio Gonçalves da Silva, 4000 | Bairro dos Mellos, Campos do Jordão – SP. Reservas: (12) 3662.5800 ou reservas@botanique.com.br

 

 

Dicas para não descuidar das finanças no Carnaval

Muita gente conta os dias para a chegada do Carnaval e se divertir nos bloquinhos, mas há quem prefira aproveitar os dias de folga para viajar. No entanto, para isso é preciso colocar tudo na ponta do lápis e saber quanto será possível gastar com passagens, hospedagem, passeios e alimentação. Quando falta organização financeira, as contas podem sair do controle e se transformar em dívidas atrasadas que são uma verdadeira bola de neve.

Neste ano o Carnaval será nos dias 4 e 5 de março e ainda há tempo para se programar. Deixar de se divertir por estar sem dinheiro não é mais desculpa, pois existem fintechs que fazem empréstimos a partir de 200 reais de forma rápida, sem burocracia e 100% online, como é o caso da Ferratum. A startup libera o dinheiro na conta em até 24 horas permitindo curtir o Carnaval de forma organizada, sem apertos financeiros. Veja algumas dicas para aproveitar ao máximo o feriado mais aguardado do ano:

1 – Estabeleça um limite de gastos

calculadora cartões

Existe a velha máxima: ‘Nunca dê um passo maior do que as pernas’. Com dinheiro é a mesma coisa: não gaste mais do que tem. Crie uma planilha com os gastos mensais fixos como aluguel, condomínio, luz e até cartão de crédito e faça um controle mensal do que é possível diminuir e até cortar. Assim você saberá quanto sobra para gastar com lazer e se programa para não extrapolar com a viagem do Carnaval.

2 – Pesquise antes de fechar negócio

Precipitar-se comprando a primeira oferta que aparece nunca é um bom negócio para o bolso. Muitas vezes uma passagem pode sair pela metade do preço em outra companhia aérea ou em um horário com menor procura. Isso também vale para hotéis, hostels e pousadas. Deixar para comprar em cima da hora também não é boa ideia, pois tudo fica muito mais caro. O ideal é se planejar e comprar passagens e reservar hotel com antecedência de pelo menos dois meses.

3 – Aproveite para conhecer destinos menos badalados

paisagem5

No Carnaval e em outros feriados, as pessoas geralmente optam por viajar para cidades famosas pelas festas como Rio de Janeiro, Salvador, Olinda e Recife, o que encarece bastante o valor de passagens e hospedagem destes lugares. Mas em um país tão grande quanto o Brasil, existe um sem número de destinos interessantes e bem mais em conta para conhecer, basta procurar. Existem opções de locais para amantes da natureza, para quem quer curtir praia, se refugiar na montanha e até mesmo passear no shopping. O melhor de tudo é que será bem mais barato!

4 – Viaje com um grupo de amigos

Transporte, alimentação, gasolina, diária de hotel são apenas algumas das despesas que temos quando viajamos. Aproveite a animação do carnaval para convidar os seus amigos e familiares para a viagem. Neste caso, quanto mais pessoas viajarem, melhor, pois será mais economia para o seu bolso. Isso sem contar que a diversão será muito maior, não é mesmo?

5 – Curta os blocos e festas da sua cidade

carnaval-de-rua

Se você fez as contas e a viagem está fora de cogitação, aproveite as atrações de sua própria cidade. Muitas promovem festas e blocos que garantem a diversão em todos os dias de festa. Claro que ainda haverá gastos com drinques, fantasias, locomoção e uns lanches, mas no final sairá muito mais em conta do que viajar e o melhor: as finanças ficarão sob controle.

Sobre a Ferratum

Ferratum é uma fintech multinacional fundada em 2005 na Finlândia, foi uma das primeiras empresas no mundo a oferecer crédito online com tecnologia inovadora. No Brasil oferece uma plataforma 100% online para solicitar empréstimos de forma rápida e sem burocracia.

Drinques à base de gin ganham destaque no cardápio do Casa Grande Hotel

De clássica à favorita, bebida conquista espaço em combinações versáteis e refrescantes para o verão

A estação mais quente do ano pede drinques gelados e o Casa Grande Hotel Resort & Spa aposta em receitas especiais à base de gin para refrescar os hóspedes em seu Summer Deck. O queridinho dos bartenders se tornou presença garantida nas melhores cartas de bares e restaurantes de todo o mundo por ser sinônimo de sofisticação.

No resort cinco estrelas de frente à praia da Enseada, no Guarujá, o gin pode ser apreciado em coquetéis que vão muito além do tradicional gin tônica e ganhou combinações tão inusitadas quanto deliciosas.

Durante as sextas e sábados, os hóspedes poderão desfrutar os drinks na famosa piscina do Casa Grande Hotel, com apresentações de música ao vivo e uma incrível vista para a praia. Servido extremamente gelado, o carro-chefe dessa seleção é o Royal Apple (R$ 29), que leva gin, licor de laranja, suco de maçã verde e Schweppes Citrus em doses perfeitamente calculadas. Também entre as opções, Bee’s Knees (R$ 29) – gin, mel e suco de limão siciliano, a Pink Tônica (R$ 29) – gin, chá de frutas vermelhas, limão, mandarineto e tônica, e o Gin Experience (R$ 29) – gin, limão siciliano, anis estrelado, pepino e tônica.

Outros destaques desse cardápio são o colorido Skyline (R$ 29) – gin, curaçao blue, licor de pêssego, hortelã e Schweppes Citrus – e o Sun kiss (R$ 29) – Gin, tangerina, licor de tangerina e manjericão. Outro sucesso do cardápio é o Paradiso (R$ 29), que proporciona uma explosão de sabores ao misturar gin, xarope de romã e kiwi, gengibre, manjericão e club soda, dando a sensação de leveza.

skyline gin.png
Skyline: gin, curaçao blue, licor de pêssego, hortelã e Schweppes Citrus

Casa Grande Hotel Resort & Spa

Opção perfeita para quem busca conforto e tranquilidade sem abrir mão da elegância e do bom gosto, o Casa Grande Hotel Resort & Spa está instalado em uma área de 40 mil m2, de frente para a Praia da Enseada, no Guarujá, uma das mais belas paisagens do litoral paulista, a apenas a 90 km de São Paulo. Construído em 1972, o resort é um ícone da hotelaria no Brasil. Por quatro anos consecutivos, 2014, 2015, 2016 e 2017, o Casa Grande Hotel e o restaurante Thai receberam o Certificado de Excelência da TripAdvisor.

Gastronomia estrelada na Ilha da Madeira

Destino português garante refeições inesquecíveis em restaurantes premiados pelo Guia Michelin

As refeições são parte importante de qualquer viagem, pois fazem com que os turistas conheçam melhor o destino e sua cultura. Mas, enquanto alguns restaurantes deixam uma viagem ainda melhor, outros são tão incríveis que são o motivo de alguém pegar um avião até onde ele está. É o caso de dois consagrados estabelecimentos da Ilha da Madeira, um destino português em meio ao Oceano Atlântico: o Il Gallo d’Oro e o Restaurante William, ambos premiados pelo Guia Michelin.

O Il Gallo d’Oro fica no Hotel Porto Bay e é o único da ilha a ter duas estrelas Michelin. Sob o comando do chef francês Benoît Sinthon desde 2004, conquistou a primeira estrela há dez anos e alcançou o patamar das duas estrelas em 2017.

IlGallodOro_sala_DivulgacaoRestaurante Il Gallo Doro 2 - Ilha da Madeira - Credito Divulgacao

Com um ambiente elegante de elementos pastel, terra e dourados que mesclam os estilos clássico e contemporâneo, aposta em uma cozinha aromática de inspiração Ibérica e Mediterrânea considerada excepcional pelo Guia Michelin. Os sabores delicados são obtidos da combinação de produtos regionais como legumes, frutas, ervas e flores com ingredientes de altíssima qualidade da Península Ibérica.

Restaurante Il Gallo Doro 1 - Ilha da Madeira - Credito DivulgacaoTartar de peixe - Chef Benoit Sinthon - Il Gallo Doro - Credito Divulgacao

Os produtos madeirenses frescos têm um papel fundamental nas criações, que surpreendem pela apresentação cuidadosa. Além do menu tradicional, às quartas-feiras o Il Gallo d’Oro trabalha com o menu degustação, que pode incluir cinco, seis, nove ou dez criações.

William Restaurant - Divulgacao

Já a cozinha do Restaurante William, localizado no hotel Belmond Reid’s Palace, está sob comando do primeiro chef madeirense a receber uma estrela Michelin, Luís Pestana. Considerado pelo Guia uma cozinha de grande fineza, conta com um menu impressionante de verdadeiras obras-primas culinárias criadas com ingredientes da estação colhidos na própria Ilha da Madeira.

William Restaurante - DivulgacaoRestaurante William - Belmond Reids Palace - Divulgacao

A decoração predominantemente azul e branca é elegante e requintada, e a localização garante uma vista espetacular para o litoral. O restaurante conseguiu o grande feito de obter sua primeira estrela Michelin em 2017, apenas dois anos após a abertura do estabelecimento.

Sobre a Ilha da Madeira

Considerado o melhor destino insular do mundo, a Ilha da Madeira é um pequeno paraíso português situado em meio à imensidão do Oceano Atlântico. De origem vulcânica, sua localização privilegiada proporciona clima ameno e mar com temperatura agradável o ano inteiro, além de impressionantes cenários de montanhas, vales e penhascos, todos cobertos pela exuberante vegetação Laurissilva, nomeada Patrimônio Natural da Humanidade pela Unesco. O arquipélago é formado por um conjunto de ilhas, sendo as principais e únicas habitadas Madeira e Porto Santo. Há excelentes opções em balneários, monumentos históricos e ótimos hotéis e restaurantes, onde se pode provar a deliciosa gastronomia e os premiados vinhos madeirenses.

Informações: Madeira All Year

Cinco opções para curtir o Aniversário de São Paulo

Cabify oferecerá descontos de 25% durante o feriado e final de semana

O aniversário da cidade pode ser uma ótima oportunidade para conhecer melhor e aproveitar cada canto de São Paulo. A capital tem várias opções de lazer e cultura, além de um visual incrível. Para comemorar os 465 anos da cidade, a Cabify, plataforma de mobilidade urbana, separou cinco dicas de passeios para explorar a selva de pedra.

Para os passageiros curtirem ainda mais o feriadão, a Cabify oferece descontos para quem quiser ir de um ponto a outro com a segurança e conforto. Os usuários terão desconto de 25% (máximo de R$10 por corrida) para viagens originadas em São Paulo. Os descontos são válidos de 25 a 27 de janeiro deste ano e são inválidos para contas corporativas e categoría Easy Táxi.

Para usufruir do benefício, válido para até seis corridas por cadastro, os usuários de Cabify devem inserir o código 465ANOS na aba de “promoções” do app – disponível para download nas versões Android e iOS. Confira as dicas e aproveite a cidade:

1- MASP

masp

Cartão postal da cidade, o Museu de Arte de São Paulo Assis Chateaubriand (MASP) é passagem obrigatória para quem deseja conhecer melhor a cidade. Além disso, o museu terá uma programação especial para comemorar o 465º aniversário de São Paulo. Além do acervo permanente, o museu conta com exposições que estiveram na sua programação de 2018, como o ciclo ‘Histórias afro-atlânticas’. Na próxima sexta-feira, 25/1, a entrada do museu será gratuita e a visitação será estendida até as 22h.

2- Parque da Independência

msc_independencia_10-02-17
Fotomontagem: Prefeitura de São Paulo

Uma opção para curtir com a família ao ar livre e ao mesmo tempo prestigiar outro marco histórico é passar uma tarde ensolarada no Parque da Independência. O local conta com um vasto gramado – ideal para piqueniques – pista de cooper, aparelhos de ginástica, playground, chafariz com fonte e cascata. Fechado há cinco anos para reforma o Museu do Ipiranga pode ser apreciado e fotografado somente de fora, mas ainda existem outras opções como: o Monumento da Independência, a Cripta Imperial e Casa do Grito que funciona todos os dias das 5h às 20h, com entrada gratuita.

3- Memorial da América Latina

mao- memorial

Com obras desenhadas pelo famoso arquiteto Oscar Niemeyer, o local conta com uma vasta exposição permanente que vão desde artefatos religiosos a objetos de uso cotidiano que representam a arte e cultura do Brasil, Peru, Equador, Guatemala, Bolívia, Paraguai, Chile e Uruguai, no Pavilhão da criatividade. Além disso, exposições temporárias acontecem todo ano e atraem públicos de diversas idades.

4- Centro Histórico

praça da sé 2

Outra opção é ir presencialmente aos locais visitados do alto. O Centro Histórico de São Paulo retrata os 464 anos da cidade com elegância. Dentre as atrações que podem ser visitadas no local estão: O Pateo do Collegio, a Catedral da Sé, o Teatro Municipal, a Basílica de São Bento e a Pinacoteca do Estado.

5- Sambódromo do Anhembi

sambodromo-do-anhembi

O Brasil é conhecido internacionalmente pelas festas de carnaval, destacando os desfiles das escolas de samba do Rio e SP. É possível realizar o mesmo trajeto que os sambistas fazem todo ano e almoçar nos restaurantes do sambódromo.

Fonte: Cabify

Vindima Góes é uma excelente atração para curtir feriado municipal

Para os turistas que querem dar uma escapada da cidade grande, o feriado da comemoração do aniversário de São Paulo (25) é perfeito para curtir a Estância Turística de São Roque. Entre os dias 25 de janeiro e 17 de fevereiro ocorre a Vindima Góes 2019, festa que celebra a safra da uva e na qual é possível colher e até pisar a fruta ao som de músicas típicas italianas e portuguesas.

O passeio começa na sede da empresa, onde a história é contada diretamente para o visitante pela família Góes. Em seguida, todos são levados até os vinhedos em um trenzinho. Lá, os participantes conhecerão os segredos do cultivo, as variedades de uvas e o que é necessário para se ter uma safra digna de comemoração e, consequentemente, um ótimo vinho.

vinicola goes

No tour, o visitante terá o prazer de colher o fruto na parreira e depois pisá-lo em uma enorme tina com a satisfação da boa colheita, como faziam nossos antepassados. Após a tradicional pisa da uva, há um brinde e, em seguida, um delicioso almoço tipicamente português, no qual poderão degustar a gama de produtos da vinícola.

A festa não acaba por aí. Nesta edição, a empresa preparou um espaço com Ilhas Interativas. Um ambiente rural envolto pela Mata Atlântica no qual estarão dispostas Ilhas Interativas compostas por várias atividades, como, por exemplo: wine bar, loja com os rótulos da vinícola, música ao vivo, apresentação de dança, espaço de doces etc. Para os mais aventureiros uma trilha ecológica, para os que procuram descanso haverá pontos confortáveis de repouso, entre outras alternativas de diversão. Os turistas passarão o dia inteiro em clima de festa.

O retorno à sede ocorrerá com o mesmo trenzinho que levou o visitante até a fazenda. Eles sairão com intervalo de 30 minutos entre um e outro.

vinicola goes 2

Evento: Vindima 2019
Local: Vinícola Góes
Endereço: Estrada do Vinho Km 9 – Canguera – São Roque;
Datas: De 25 de janeiro a 17 de fevereiro (sempre aos sábados e domingos;
Horários: 10h, 11h30 e 13h;
Preços: R$ 240,00 – por pessoa – incluindo almoço, taça especial, chapéu, foto personalizada e acesso a todas as atrações;
Crianças de 5 a 12 anos – pagam meia;
Crianças até 4 anos não pagam.