Arquivo da categoria: vegana

Almond Breeze amplia portfólio e lança primeiro Creme com Amêndoas do Brasil

O produto cumpre o papel do tradicional creme de leite

Estrogonofe, mousse, cobertura, goiabada com creme… essas e muitas outras receitas ganham, a partir de agora, uma nova opção de ingrediente saboroso e sem leite: o Creme com Amêndoas Almond Breeze, em embalagem de 200g. O produto é um lançamento da Blue Diamond, em parceria com o Laticínios Bela Vista, que licencia, no Brasil, a marca Almond Breeze.

Cremoso, naturalmente sem lactose e sem glúten, o lançamento apresenta alta performance em receitas doces e salgadas. O Creme com Amêndoas Almond Breeze é uma alternativa ao creme de leite de origem animal, tanto para receitas doces como salgadas, inclusive em preparos que precisam ser aquecidos.

“Em sua formulação, não há presença de amendoim, soja, leite ou qualquer outro tipo de proteína animal. Sendo assim, apresentamos um produto que é ideal para o público vegetariano, vegano ou alérgicos à proteína do leite, e que faz questão de apreciar preparos deliciosos. A performance deste creme sem leite em receitas é surpreendente!”, destaca o Diretor da Blue Diamond para a América Latina, Edgar Fernandes.

Novo sabor da Bebida com Amêndoas Almond BreezeTM

Além do lançamento inédito no Brasil, a marca oferece mais uma novidade na sua linha de bebidas vegetais: o Almond Breeze Amêndoa e Coco, uma inovadora e deliciosa combinação de ingredientes e sabores, disponível na embalagem de 1 litro. Além de ser naturalmente sem lactose e livre de proteínas de origem animal, o produto é rico em vitaminas e cálcio, sendo ideal para quem procura uma alimentação mais leve e saudável.

“Quando a Almond Breeze chegou ao Brasil, apresentamos para o público a bebida de amêndoas em três sabores: Original, Baunilha e Chocolate. Por ser uma opção de bebida saudável e ao mesmo tempo muito saborosa, ela caiu no gosto dos consumidores e, para atender diversos pedidos, desenvolvemos um novo produto, misturando as amêndoas da Califórnia com a brasilidade do coco. O resultado é um produto gostoso, saudável e refrescante, no ponto do paladar brasileiro”, conta Ricardo Ebel, Executivo da marca para o Brasil e o Cone Sul.

Os consumidores brasileiros poderão conhecer o primeiro Creme com Amêndoas do país e escolher o novo sabor da bebida vegetal Almond Breeze Amêndoa e Coco nas gôndolas dos principais pontos de vendas, além das opções de compra pelos sites de e-commerce, como Magazine Luiza, Extra, Amazon, Americanas.com.

Informações: Almond BreezeTM

Consumo de carne diminui durante a pandemia; saiba como substitui-la sem prejuízo nutricional

Nutricionista do Centro Especializado em Obesidade e Diabetes do Hospital Alemão Oswaldo Cruz dá dicas de como manter uma dieta saudável sem carne

Segundo pesquisa realizada pelo Ibope e coordenada pelo Good Food Institute Brasil, metade dos brasileiros reduziu o consumo de carne bovina, suína, aves e peixes em 2020. De acordo com Thaís Sarian, nutricionista do Centro Especializado em Obesidade e Diabetes do Hospital Alemão Oswaldo Cruz, adotar uma rotina alimentar com menor consumo de carne promove vários benefícios para a saúde a longo prazo. “Podemos destacar, entre diversos benefícios, a melhora da saúde intestinal e a redução da ingestão de gorduras saturadas”, explica a especialista.

O hábito de reduzir o consumo de produtos de origem animal sem interrompê-lo completamente é chamado de flexitarianismo. Ainda de acordo com a pesquisa, das pessoas que diminuíram o consumo de carne, ao menos 47% substituíram a proteína animal por vegetais como legumes, verduras e grãos. Na análise da nutricionista, este é outro ponto positivo da substituição. “Quando ocorre o aumento da ingestão de alimentos vegetais, também aumenta a densidade nutricional dos alimentos e sua consequente ingestão de vitaminas, minerais, fibras e compostos bioativos”, explica Thaís.

O que não pode faltar no meu prato?

Para montar a refeição ideal sem carne, a especialista recomenda a seguinte proporção para um prato vegetariano saudável: 50% de legumes e verduras, 25% de fontes de proteínas vegetais (especialmente presentes no grupo do feijão, lentilha, ervilha, grão de bico, soja) e 25% de carboidratos (como o arroz integral, milho, batata, mandioca, entre outros). Para quem segue uma dieta ovolactovegetariana, a inclusão de ovos também é bem-vinda. Ter isso em mente é importante para não correr o risco de substituir a proteína animal por carboidratos mais pobres em nutrientes, uma tendência quando a transição de dieta é feita sem o devido acompanhamento profissional.

Outro risco na substituição da carne é optar por receitas e pratos que contenham grande quantidade de laticínios e derivados do leite, já que o consumo excessivo desses produtos eleva substancialmente a ingestão de gorduras saturadas. “Acontece com frequência da pessoa simplesmente excluir a carne e não mudar o restante da alimentação. Por isso é tão importante um bom planejamento alimentar. Já sabemos que dietas vegetarianas, quando bem planejadas, são saudáveis e nutricionalmente adequadas”, completa a especialista.

Miroro/Pixabay

Segundo pesquisa do Ibope Inteligência conduzida em abril de 2018, 14% da população brasileira se declara vegetariana. Uma opção de proteína tanto para vegetarianos, quanto flexitarianos dispostos a fazer a transição de dieta é a carne vegetal. O alerta da nutricionista é com relação à frequência de consumo do produto, já que a carne vegetal também é um alimento processado. “Na hora de comprar, uma dica é dar atenção à lista de ingredientes do produto e optar por aqueles que tenham menor quantidade de aditivos químicos, mas o ideal é que as refeições sejam preparadas em casa e com ingredientes naturais.”

Reposição de B12

Foto: Jeltovski

Quem pensa em adotar uma alimentação vegetariana estrita (onde não há consumo de alimentos de origem animal), não pode esquecer da vitamina B12, única vitamina que não se pode obter a partir de plantas. Além de ser importante para a formação das células vermelhas do sangue, ela também é necessária para o desenvolvimento e manutenção das funções do sistema nervoso. “Para repor esse nutriente, é necessário fazer a suplementação sempre com acompanhamento profissional, onde também é avaliado o estado de saúde geral do indivíduo”, finaliza a nutricionista.

Fonte: Hospital Alemão Oswaldo Cruz

Dieta baseada em vegetais e pouca quantidade de carne e laticínios ajuda a diminuir pressão arterial

Queijos e outros produtos lácteos, além da carne, são alimentos que devem ser consumidos com muita moderação por pacientes hipertensos. Estudo, publicado em julho no Journal of Hypertension, avaliou que mais importante que não comê-los é priorizar os vegetais na dieta.

“Segundo o estudo, qualquer esforço para aumentar alimentos à base de plantas em sua dieta e limitar produtos animais provavelmente beneficiará sua pressão arterial e reduzirá o risco de ataques cardíacos, derrames e doenças cardiovasculares”, diz a médica nutróloga Marcella Garcez, professora e diretora da Associação Brasileira de Nutrologia (Abran).

Os pesquisadores da Universidade de Warwick conduziram uma revisão sistemática de pesquisas anteriores de ensaios clínicos controlados para comparar sete dietas à base de plantas, várias das quais incluíam produtos de origem animal em pequenas quantidades, a uma dieta de controle padronizada e o impacto que estes tiveram na pressão arterial dos indivíduos.

Foto: Olga’s Flavor Factory

“As dietas à base de plantas sustentam o alto consumo de frutas, vegetais, grãos integrais, legumes, nozes e sementes, limitando o consumo da maioria ou de todos os produtos de origem animal (principalmente carne),” afirma a médica. A pressão alta é o principal fator de risco global para ataques cardíacos, derrames e outras doenças cardiovasculares. Uma redução na pressão sanguínea traz importantes benefícios à saúde, tanto para indivíduos quanto para populações.

Segundo a médica, dietas não saudáveis são responsáveis por mais mortes e incapacidades, globalmente, do que o uso de tabaco, alto consumo de álcool, uso de drogas e sexo inseguro juntos. Segundo o estudo, um aumento no consumo de grãos integrais, vegetais, nozes, sementes e frutas, como alcançado em dietas à base de plantas, poderia evitar até 1,7, 1,8, 2,5 e 4,9 milhões de mortes globalmente a cada ano, respectivamente, anualmente, de acordo com pesquisas anteriores.

“Já se sabe que dietas vegetarianas e veganas com total ausência de produtos de origem animal diminuem a pressão arterial em comparação com dietas onívoras. Sua viabilidade e sustentabilidade são, no entanto, limitadas. Até agora, não se sabia se era necessária uma completa ausência de produtos de origem animal nos padrões alimentares baseados em plantas para obter um efeito benéfico significativo na pressão sanguínea”, diz Marcella.

O estudo estima que uma redução na escala da pressão arterial causada por um maior consumo de dietas à base de plantas, mesmo com produtos de origem animal limitados, resultaria em uma diminuição de: 14% nos acidentes vasculares cerebrais, 9% nos ataques cardíacos, e 7% na mortalidade geral. “Esta é uma descoberta significativa, pois destaca que a erradicação completa de produtos de origem animal não é necessária para produzir reduções e melhorias na pressão arterial. Dessa forma, fica mais fácil para o paciente colocar em prática uma mudança em direção a uma dieta baseada em plantas”.

A pesquisa ainda sugere ações multissetoriais por parte de governos e sociedade para aumentar a disponibilidade e diminuir os custos de alimentos vegetais com a intenção de promover mudanças de políticas com foco na sustentabilidade ambiental da produção de alimentos, coleta de informações científicas e consequências para a saúde. “Introduzir mais vegetais à dieta trará uma série de benefícios à saúde. Independente da opção alimentar pessoal, as escolhas devem compor um hábito de consumo variado, equilibrado e o mais natural quanto possível”, finaliza a médica.

Fonte: Marcella Garcez é médica nutróloga, Mestre em Ciências da Saúde pela Escola de Medicina da PUCPR, Diretora da Associação Brasileira de Nutrologia e Docente do Curso Nacional de Nutrologia da Abran. Membro da Câmara Técnica de Nutrologia do CRMPR, Coordenadora da Liga Acadêmica de Nutrologia do Paraná e Pesquisadora em Suplementos Alimentares no Serviço de Nutrologia do Hospital do Servidor Público de São Paulo.

Sephora Collection lança linha vegana de maquiagem Care Make Up

Feita especialmente para quem se preocupa com o planeta, coleção apresenta um mix completo de produtos para uma beleza consciente

A Sephora Collection, marca própria da rede de lojas francesa Sephora, lança no Brasil a linha Care Make-Up, com produtos veganos, de alta performance, formulados especialmente para quem se preocupa com a sustentabilidade e com a formulação dos cosméticos que aplica na pele.

Seguindo a tendência de clean beauty, a linha Care Make-Up traz um mix de maquiagem livre de silicone, óleos minerais, parafina, petrolatos e fragrâncias. A base principal da formulação está em ingredientes de origem natural para hidratar, nutrir e suavizar a pele ao mesmo tempo em que colorem na hora do make.

Composta por mais de 90% de ingredientes de origem natural e sem nenhum tipo de ingrediente animal, os produtos podem ser aplicados em todos os tipos de pele, inclusive as mais sensíveis. Soma-se a essa preocupação o cuidado com as embalagens: todas são feitas com plástico oriundo de reciclagem e madeira de florestas sustentáveis.

A linha Care Make-Up é composta por quatro produtos. Todos veganos e com fórmulas de alta performance e qualidade:

Care Foundation l R$ 99,00


A base Care Foundation oferece acabamento natural e de longa duração. Sua fórmula é vegana, composta por 97% de ingredientes de origem natural. A base não tem fragrância e está disponível em 16 tons. A embalagem da base Care Foundation é feita com 67% de plástico derivado dos resíduos de cana-de-açúcar.

Beautiful Lash Mascara l R$ 79,00

A Beautiful Lash Mascara é de longa duração e dá volume aos cílios. Sua fórmula é vegana e contém extrato de pó de bambu para dar volume e óleo de avocado para nutrição dos cílios. Composta por 96% de ingredientes de origem natural, sua embalagem é feita com 70% de plástico reciclado.

Liquid Eyeshadow l R$ 69,00


A Liquid Eyeshadow é uma sombra líquida composta por 90% de ingredientes naturais. A fórmula à base de Chá Matcha proporciona uma textura mais suave. Com longa duração (cerca de 12h), é também à prova d´água. 98% de sua embalagem é feita de plástico reciclado. Disponível em 6 cores.

Intense & Gentle Eye Pencil l R$ 49,00

Feito com pó de arroz para maior maciez, o Intense & Gentle Eye Pencil é um lápis para os olhos de cor intensa e à prova d´água. Formulado com 90% de ingredientes de origem natural e conta com madeira de florestas sustentáveis. Disponível em 8 cores.

Todos os produtos da linha Care Make Up estão disponíveis via e-commerce.

Dia do Beijo: Bio Mundo ensina receitas de batons veganos para você mesma fazer em casa

Sempre pensando em opções mais naturais para o dia a dia, a marca de alimentos saudáveis traz combinações para preservar a saúde dos lábios e ainda dar cor

Nessa terça-feira (13), comemora-se o Dia do Beijo. E, pensando em opções sustentáveis, a Bio Mundo, franquia de alimentos naturais e saudáveis, traz receitas caseiras de batons veganos para ajudar a preservar a saúde dos lábios e ainda dar cor, escolhendo a ideal para cada mood.

Além da praticidade em fazer um batom novinho, as opções veganas são livres de toxinas ou conservantes. Dentre os ingredientes estão presentes óleo de coco, manteiga de cacau e frutas, como amora, framboesa e romã, além de óleos essenciais.

Confira as receitas abaixo:

Batom Vermelho

Ingredientes
1 colher (sopa) de manteiga de cacau
2 colheres (sopa) de óleo de coco
1 amora
2 gotas de óleo essencial de amora

Modo de preparo:
Primeiro amasse a amora e misture as gotas do óleo essencial. Reserve. Enquanto isso, ferva em banho-maria a manteiga de cacau e acrescente o óleo de coco. Depois, misture tudo e espere esfriar. Mantenha refrigerado.

Batom Rosa

Ingredientes:
1 colher (sopa) de manteiga de cacau
2 colheres (sopa) de óleo de coco
½ limão
1 folha de repolho roxo pequeno
½ xícara (chá) de água
2 gotas de óleo essencial de limão

Modo de preparo:
Em um pilão ou triturador, bata o repolho com o limão, ferva e misture com a água. Reserve. Em banho-maria, derreta a manteiga de cacau e misture ao óleo de coco. Depois, em um recipiente coloque uma colher de chá da água tonalizada com repolho e limão, acrescente as gotas do óleo essencial e o restante dos ingredientes. Espere esfriar. Mantenha refrigerado.

Batom Alaranjado

Ingredientes:
1 colher (sopa) de manteiga de cacau
2 colheres (sopa) de óleo de coco
1 colher (chá) de colorau
2 gotas de óleo essencial de sua preferência

Modo de preparo:
Ferva em banho-maria a manteiga de cacau e acrescente o óleo de coco. Depois, misture a colher de colorau e as gotas do óleo essencial e esperar esfriar. Mantenha refrigerado.

Lip Tint Natural

Foto: Thrive Market

½ colher (chá) de óleo de coco
3 amoras
1 framboesa
3 sementes de romã

Modo de preparo:
Amasse as amoras e framboesas e reserve. Esprema as sementes de romã e misture tudo com o óleo de coco. Depois é só usar o líquido para dar um tonzinho à boca enquanto a hidrata.

Fotos meramente ilustrativas

Fonte: Bio Mundo

Novos sabores de pizzas veganas chegam ao cardápio da Kadalora

Com forte presença entre o público vegano, a rede de pizzarias Kadalora apresenta a partir de hoje quatro novos sabores de pizzas veganas ao cardápio. As novidades, disponíveis em todas as lojas da rede em São Paulo. Com valores a partir de R$ 53,90, os lançamentos podem ser encontrados no app da rede, Kadalora Pizzaria, disponível para IOS e Android, além das marketplaces, iFood e Rappi.

Combinações de sabores

Os lançamentos visaram atender pedidos antigos do público e também acrescentar novos ingredientes ao cardápio. Na linha de mais pedidos, chegam a Baiana Vegana (R$ 53,90), preparada com cheddar vegano, calabresa moída vegetal, molho de pimenta artesanal e cebola roxa e Frango Cheddar Vegana(R$ 53,90), preparada com frango vegano à base de vegetais, milho e cheddar vegano.

Como acréscimo à uma linha mais gourmet dentro desta sessão do menu, as novidades são a Alcachofra Vegana (R$ 62,90), preparada com a flor da alcachofra previamente cozida e temperada, requeijão vegano, tomate cereja, manjericão e azeitona e Mix de Cogumelos (R$ 58,90). O menu vegano já faz parte do cardápio da rede há pouco mais de três anos. Com os lançamentos, somam-se no total nove opções veganas disponíveis.

A rede conta com aplicativo próprio, “Kadalora Pizzaria”, disponível para IOS e Android, que além de tornar mais ágil o atendimento, possibilita ao cliente acumular pontos para resgatar em novos pedidos. Também em 2020, o aplicativo passou por atualização, possibilitando o pagamento online. O cardápio da rede segue o lema de pizza para todos, com opções que vão desde sabores clássico, até criações da casa com a linha premium e variado cardápio vegano.

Informações: Kadalora

Linha de esmaltes Jardim em Cores Haskell: colorida, vegana e cruelty-free

Os 5 novos tons pastéis, veganos e cruelty free, ganham uma paleta alegre, suave e colorida, nas cores laranja, lilás, amarelo, rosa e verde

De olho nas tendências da moda, e em sintonia com as cores do momento, a Haskell Esmaltes acaba de anunciar a nova coleção Jardim em Cores, inspirado no frescor tropical, para colorir e energizar.

Com nomes sutis, a linha conta com 5 tons pastéis: Bela Flor (laranja), Banho de Lavanda (lilás), Bem-me-quer (amarelo), Dona Rosa (rosa) e Beijo de Menta (verde).

Os esmaltes Haskell possuem excelente durabilidade, secagem rápida, alta cobertura, brilho intenso e é um produto vegano e cruelty-free.

Em tom divertido e poético, com cores frescas e alto astral, a marca soube aproveitar o momento dos florais, em alta no mundo todo, para desenvolver uma coleção encantadora.

Haskell esmaltes Jardim em Cores: R$ 7,90 (unidade) ou o Kit – R$ 38,32
Onde comprar: Meu Haskell

Natura Una #MeuVermelho: linha vegana completa de make em tons exclusivos

A coleção apresenta produtos sofisticados e de alta tecnologia inovadora que reverenciam a união das mulheres e novas possibilidades de expressão do feminino

Natura Una lança a nova coleção #MeuVermelho, movimento que acompanha uma linha completa de maquiagem com tons de vermelho exclusivos e que está presente na categoria de maquiagem da Natura desde 2016. Inspirada pela cor das emoções intensas que as mulheres levam dentro de si, a ação celebra as diversas belezas e jeitos de expressão do feminino unindo as mulheres a se inspirarem umas nas outras e espalharem a força do vermelho.

Com a mensagem “Quanto mais nosso, cada vez mais meu. Meu vermelho. É todo nosso” a coleção apresenta produtos sofisticados, veganos e com tecnologia inovadora reconhecidas de Natura Una. São três tons de batons marmorizados, que unem tecnologia de cor e cuidado com os lábios em um único produto, uma paleta de sombras multifuncionais com tons intensos de alta pigmentação e performance, em acabamento matte e perolado, uma nova cor exclusiva no tom vermelho do Delineador Matte com tecnologia Peel Off e três esmaltes, sendo duas cores sólidas e uma cor com pontos de luz que proporcionam um brilho delicado.

Conheça os produtos:

Batom Marmorizado #MeuVermelho Una – R$ 49,90

União tecnológica de cor e cuidado com os lábios em um só produto. Com manteiga de karité rica em ômega 9, que condiciona e hidrata profundamente por 24hrs. Acabamento cremoso e alta pigmentação. Efeito mármore customizado em cada batom com uma delicada mistura entre cor e balm. Vegano e dermatologicamente testado.
Cores: Vinho Entusiasmo; Vermelho Energia; Vermelho Intensidade.

Palette de Sombras Multifuncional #MeuVermelho Una – R$ 59,90

Alta pigmentação e alta performance em 4 tons intensos. Opções mattes e peroladas que combinam com todos os tons de pele. Tons versáteis, sofisticados e icônicos que podem ser utilizados como sombra e blush. Quatro cores e infinitas possibilidades em um só produto! Vegano. Dermatologicamente e oftamologicamente testado.

Delineador Matte Peel Off #MeuVermelho Una – R$ 59,90

Acabamento matte de longa duração e facilidade da remoção peel off. Lançamento de nova cor exclusiva da coleção no tom Vermelho. Ultrapigmentado. Vegano. Dermatologicamente e oftamologicamente testado.

Esmalte #MeuVermelho Una – R$ 20,90

Hipoalergênico, vegano e 9 free: sem adição de ingredientes que fazem mal à saúde e ao ambiente. Cobertura total e uniforme com máximo brilho e secagem imediata. Longa duração. Com pincel inovador e cerdas arredondadas que proporcionam uma aplicação precisa e uniforme. Cores intensas e vibrantes, sendo 2 cores sólidas e 1 cor com pontos de luz (brilho delicado).

Onde encontrar: os produtos da marca Natura podem ser adquiridos com as consultoras, por meio do e-commerce, do app Natura, nas lojas próprias ou nas franquias “Aqui tem Natura”.

KVD Vegan Beauty lança sombra em bastão

Dazzle Vegan Eyeshadow Stick possui alta pigmentação e acabamento brilhante

A KVD Vegan Beauty, marca de maquiagem vegana de alta performance, acaba de desembarcar ao Brasil o Dazzle Vegan Eyeshadow Stick, disponível em seis cores diferentes. Com partículas peroladas multidimensionais, a sombra em bastão entrega acabamento prismático instantâneo. Seu brilho poderoso revela toda a inovação desta fórmula incrível!

Feita com 36% de água, a sombra traz uma sensação refrescante e leve para a aplicação. Porém, não deixe que a quantidade de água presente na fórmula engane você – o Dazzle Vegan Eyeshadow Stick é super pigmentado e garante cobertura total. Quando ela seca, após a aplicação, o resultado é um acabamento concentrado, lustroso e perolado que fixa sobre a pálpebra, sem craquelar ou esfarelar.

Feito com ingredientes 100% veganos, o lançamento de KVD Vegan Beauty garante um visual poderoso que transforma qualquer look.

Como aplicar

Use os dedos para pegar o pigmento e aplique sobre as pálpebras dando batidinhas até que ela fique uniforme. Para ter mais precisão ou fazer traços gráficos, utilize um pincel vegano de sombra reto. Não precisa de primer.

Dicas da expert Jéssica Gregório

Solte a criatividade para combinar os diferentes tons e criar visuais mais ousados. Finalize o look com o delineador Tattoo Liner e a máscara Go Big or Go Home, de KVD Vegan Beauty.

A maquiagem KVD Vegan Beauty é feita com amor, não com animais – o que significa que somos 100% veganos e cruelty-free

Dazzle Vegan Eyeshadow Stick está disponível por R$ 145,00 nas lojas e no site Sephora.

Nutricionista alerta para tendência de redução de alimentos de origem animal

Para Saiury Carvalho, reducitarianismo poder ser a grande mudança em 2021

A qualidade da alimentação é uma das grandes preocupações atualmente. Além disso, a redução do consumo de alimentos de origem animal se tornou um dos principais motivos de debate. Cada vez mais as indústrias estão se atentando a essa mudança e estão criando alternativas para vegetarianos e veganos.

Para os menos radicais, o reducitarianismo é uma ótima opção, pois é a diminuição do consumo de alimentos de origem animal no cotidiano. É uma alternativa para quem quer começar a ser vegetariano, vegano ou simplesmente melhorar algumas condições de saúde. Esse estilo de vida tem tudo para bombar em 2021.

That’s some good cookin’

Toda mudança alimentar, seja por escolha ou pela saúde, deve ser feita com o acompanhamento de um profissional. A nutricionista e influencer Saiury Carvalho, formada na Universidade Tiradentes, acredita na tendência do movimento e está estudando sobre.

“O reducitarianismo é um movimento um pouco recente, mas vem crescendo com força total e, em 2021, atrairá mais olhares. O propósito é muito bacana, principalmente para quem quer reduzir o consumo de forma mais gradativa e não radical”

Saiury alerta sobre os perigos de fazer uma dieta alimentar drástica e sem o acompanhamento de um profissional da saúde: “A carne é uma excelente fonte de proteína, vitaminas do complexo B e minerais como ferro, zinco, magnésio e ácidos graxos essenciais. Iniciantes em dietas veganas ou vegetarianas devem sempre procurar o acompanhamento de um profissional da área, para equilibrar os aspectos nutricionais com outros alimentos. No reducitarianismo, é um pouco mais tranquilo: a pessoa pode começar com o movimento ‘Segunda Sem Carne’, por exemplo”, acrescenta.

O ex-Beatle Paul McCartney entre as filhas Mary e Stella, defensores da campanha Segunda Sem Carne pelo mundo

Além disso, a nutricionista ressalta que a adaptação varia de pessoa para pessoa. “Conheço pessoas que seguem e que se sentem bem com a redução do consumo, mas também outras que não se adaptaram. É muito relativo. O ideal é seguir o que te faz feliz”, ressalta.

A causa animal também é outro argumento forte para debater esse estilo de vida, já que muitas empresas alimentícias tratam a vida dos animais com descaso. “Acho que é uma causa que deve sim ter uma atenção maior. Os animais também são seres e devem receber todo amor e atenção. Muitos continuam maltratando ou até mesmo abandonando”, desabafou a nutricionista.