Arquivo da categoria: vinho

Esfriou: veja opções de bebidas para tomar em casa

Aproveite as baixas temperaturas, pegue sua mantinha, escolha sua série ou filme favorito e sirva uma dose de sua bebida favorita. Confira uma seleção com vinhos, uísques e até tequila entre R$ 120,00 e R$ 2.500,00 para você levar para casa e garantir que só sai de lá quando o calor voltar.

R$ 120,00 – Marques de Casa Concha Malbec

malbec.png

O lançamento Marques de Casa Concha Malbec é a prova viva de que a linha segue inovando e incorporando nos últimos anos mudanças na vinificação de algumas cepas mais emblemáticas. Da família Concha Y Toro, este vinho se caracteriza pela sua diversidade aromática, taninos firmes e notas de cereja ácida e ameixas negras. É frutoso, denso e vibrante, porém mantendo a complexidade no paladar com um final persistente.

R$ 300,00 – 1800 Tequila Añejo

-Anejo-F-750ML

De sabor picante e equilibrado, com notas de carvalho torrado, baunilha e caramelo, a tequila 1800 Añejo é envelhecida exclusivamente em barricas de carvalho francês por um período mínimo de 14 meses. De coloração dourada e sabores acentuados é ideal para pais que apreciam degustar tequila gelada, em estado puro.

R$ 348,00 – Triple Cask 12 anos

MAC-2018-Triple-Cask-12YO-Bottle-RGB-PNG-4

Mesmo sendo feito exclusivamente com cevada maltada e exclusivamente na destilaria da The Macallan, o líquido batizado de Triple Cask 12 anos visitou 3 diferentes tipos de barris de carvalho antes de ir para a garrafa. Disponível ao público brasileiro, é possível perceber delicadas notas adocicadas que remetem à baunilha e também suavidade em uma complexa combinação. Os barris utilizados na produção são de três tipos: carvalho americano que recebeu vinho de Jerez antes do whisky, carvalho europeu também com Jerez e ainda barris de carvalho americano que receberam Bourbon antes.

R$ 2.560,00 – The Macallan Rare Cask

Macallan-Rare-Cask-Batch-No2-2018-Pack-and-Bottle-700ml

Menos de 1% entre os 230 mil barris da The Macallan são os responsáveis pela preciosidade do Rare Cask, um single-malt da destilaria escocesa que carrega já no nome o destaque para um dos seis pilares da marca. O uso de barris excepcionais chegou a um patamar ainda mais especial nesta criação, que a cada lançamento recebe em seu rótulo o número do batch – seu lote de engarrafamento – e o ano no qual foi engarrafado. Ou seja, agora nas prateleiras brasileiras, será possível encontrar o segundo lançamento deste whisky, que foi envelhecido em barris tão raros que nunca mais existirão

Onde encontrar

Marques de Casa Concha: St. Marché (SP), Ville du Vin (SP), Empório Frei Caneca (SP).

1800 Tequila: Empório Santa Luzia (SP).

The Macallan Triple Cask e The Macallan Rare Cask: Loja de Whisky

Mais amor (e mais vinho), por favor

Um vinho para amadores: essa é a proposta dos rótulos I heart, que chegaram ao Brasil para embalar os apaixonados, os encontros com os amigos, o date ou aquele momento em que tudo o que se quer é curtir a própria companhia.

Por aqui, desembarcaram quatro versões – um tinto, um branco, um rosé e um prosecco – que vêm em rótulos cheios de amor, trazendo em destaque o nome da uva que compõe o vinho. E a experiência de consumo do I heart vai além dos seus aromas e sabores: a charmosa garrafa pode virar peça de decoração e também harmonizar perfeitamente com aquele close certeiro que vai direto para as redes sociais.

vinhos

Leve e refrescante, o branco I heart Sauvignon Blanc tem um toque picante de dar água na boca. Se a ideia é harmonizar a dica é: experimente. Ouse. Com carne levemente apimentada ou uma saladinha com salmão defumado e abacate vai ficar uma delícia.

Ouse também nas combinações com o tinto I heart Cabernet Sauvignon. Ele é versátil e democrático, podendo combinar ou descombinar (aka ‘harmonizar por contraposição’) com o menu ou, ainda, ser apreciado sozinho.

Para sentir estrelas no céu da boca, escolha o I heart Prosecco. Suas borbulhas são perfeitas para acompanhar petisquinhos e frutos do mar. La vie en rose na taça, que tal? Então opte pelo I heart Rosé! Fresquinho e jovem, fica delicioso com salmão.

A regra é consumir sem regras – mas com responsabilidade! Como o amor.

vinhpos

Os vinhos I heart podem ser encontrados em supermercados, lojas de vinho e empórios. Tinto, branco e rosé têm preço médio para consumidor final de R$ 59,90, e o Prosecco R$ 110,00.

#Iheart #iheartvinho #cantuimportadora #ch2a

Informações: Cantu Importadora – (11) 2144-4464

Acordo entre Brasil e Chile simplificará importação de vinhos orgânicos

Inédita no mundo, medida dará equivalência de produtos orgânicos comercializados entre os dois países

Um acordo de equivalência de produtos orgânicos de origem vegetal in natura e processados entre Brasil e Chile, que vigora desde o mês de abril, permitirá a simplificação da importação de vinhos chilenos orgânicos por distribuidoras, importadoras e lojas.

O acordo, assinado em setembro do ano passado, em forma de memorando pelas autoridades dos ministérios da agricultura dos dois países, estabelece que o Chile reconhecerá a certificação realizada no Brasil para produtos orgânicos e o Brasil também reconhecerá a certificação do Chile. O acordo é inédito na América do Sul e no mundo.

O acordo inclui produtos vegetais e processados de origem vegetal, para consumo humano, nos quais os vinhos são incluídos e é resultado do Memorando, assinado em setembro de 2018 pelos dois países, de reconhecimento dos sistemas de certificação e controle para a produção orgânica dos dois países.

O memorando determina que o Chile reconheça que o Sistema de Certificação de Produto Orgânico do Brasil cumpre as normas e objetivos do sistema de certificação agrícola orgânica chilena e, por sua vez, o Brasil reconhece que o Sistema Chileno de Certificação de Produto Orgânico está em conformidade com os padrões e objetivos do sistema de certificação de produtos agrícolas orgânicos no Brasil. Dessa forma, um produto que atenda ao padrão de certificação orgânica chileno terá garantia suficiente para o Brasil reconhecê-lo e vice-versa.

wines_of_chile_brasil___vinhedo_biodinamico.jpg

O acordo será válido por cinco anos e, segundo Claudio Cárdenas, chefe do departamento de Agricultura Orgânica, do SAG-Servicio Agrícola e Ganadero, do Chile, é inédito em diversos sentidos. Trata-se do primeiro deste nível assinado entre os países da América do Sul e é o primeiro no mundo que reconhece, sem restrições, os dois tipos de certificação orgânica: certificação de terceiros, na qual uma empresa certifica a operação orgânica de acordo com os regulamentos atuais de origem, e também o outro sistema, que é o de certificação própria (ou de primeira parte), realizado por meio de Organizações de Produtores, os chamados Sistemas Participativos, que cumprem os requisitos regulamentares que são estabelecidos e, consequentemente, a certificação é concedida. Este último sistema de certificação é garantido pela autoridade competente de cada país (SAG-Serviço Agrícola y Ganadero, do Chile e MAPA-Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, do Brasil).

O acordo abre a possibilidade de os produtos receberem uma certificação válida dos Sistemas Participativos de Garantia (organizações de agricultores orgânicos). Para poder exportar um produto orgânico, será necessário estar acompanhado do respectivo Certificado de transação, que deve ser emitido por um Organismo de Certificação reconhecido pelo Serviço Agrícola e Pecuária, sendo este um certificado de primeira parte ou uma organização de agricultores ecológicos.

No caso de vinhos, bem como outros produtos vegetais frescos e processados autorizados no âmbito deste acordo, para serem exportados e comercializados no Chile e no Brasil, haverá a necessidade da inclusão, pelos produtores, do selo orgânico chileno e brasileiro. No caso do Brasil serão dois selos: para diferenciar a origem da certificação, que poderá ser uma empresa certificadora ou uma organização de agricultores orgânicos no sistema participativo. Com o objetivo de começar e simplificar a operação, haverá um período de transição e adaptação, onde poderão ser utilizados rótulos com selo orgânico chileno ou selo orgânico brasileiro.

A expectativa de Claudio Cárdenas é que haja um aumento no comércio de produtos orgânicos em geral de ambos os países, já que o acordo tem como principais objetivos a promoção de ações que visem facilitar o comércio, bem como iniciativas e políticas que estimulem o desenvolvimento da produção orgânica de ambos países, mantendo uma comunicação fluida e colaborando mutuamente em questões de controle.

vinho amigos brinde.jpg

Angelica Valenzuela, diretora da Wines of Chile, diz que este acordo representa um grande avanço e que vai em direção às novas tendências do consumidor brasileiro que procura cada vez mais vinhos orgânicos e de qualidade premium. Para ela, esta medida também foi positiva para o trade, formado por importadores e distribuidores, por simplificar todo o processo de importação de vinhos orgânicos, que antes eram mais complexos.

A Wines of Chile foi criada com o nome de Associação de Vinhos do Chile, em abril de 2007, com o propósito de unificar os esforços da indústria chilena de vitivinicultura. A entidade reúne 74 produtores, que abrangem as diversas regiões vinícolas e é presidida por Aurelio Montes.

Site do vinho Rosé Piscine tem 72 horas de frete grátis para regiões Sul e Sudeste

De 28 (domingo) a 30 de abril (terça-feira) todo o site de Rosé Piscine, vinho francês feito para ser bebido exclusivamente com vinho, estará com frete grátis de todos os produdos da linha. São 72 horas dessa oferta imperdível.

A oferta é valida apenas para as regiões sul e sudeste, somente nas capitais (disponibilidade dos produtos enquanto durarem os estoques). Para as demais regiões existe frete promocional. Nas compras acima de 300 reais, o frete fica 10% no valor da compra. (exemplo: compra de R$350,00, frete fica em R$ 35,00).

rose-banner-drink

Perfeito para todos os momentos

Inspirado no verão das praias do mediterrâneo de Côte d’Azur, na França, onde são servidos drinks de vinhos rosés com cubos de gelo, o Rosé Piscine tem ganhado um patamar de glamour entre os brasileiros. Ideal para celebrar a qualquer momento, o vinho rosé é muito consumido, também, pela elite internacional, que frequenta lugares como Ibiza, Saint Barths e Saint-Tropez.

Vinho-Piscine-1

Rosé Piscine – Vinho rose de mesa suave
Origem: França
Região: Sudoeste
Produtor: Vinovalie
Uva: 100% Négrette
Graduação alcoólica: 11%
Temperatura: entre 6º e 8ºC – servir com 2 ou 3 cubos de gelo
Cor: rosa claro com tons salmão
Aroma: levemente frutado com aromas de pêssego, limão e morango
Sabor: toque de lichia com final exótico
Amadurecimento: vinho jovem pronto para consumo

Informações e onde encontrar: Rosé Piscine

Bistrô 558 promove rodízio de vinhos

Todos os dias, nos horários do almoço e do jantar, o Bistrô 558, charmoso restaurante no coração de Santo André, comandado pelo Chef Melchior Neto, promove um rodízio de vinhos brancos e tintos de rótulos chilenos e argentinos para degustar livremente por apenas R$ 49,90.

Para acompanhar a bebida, o bistrô oferece pratos com base na culinária franco-brasileira como o delicioso aligot (purê de batatas com muito queijo) acompanhado de alcatra grelhada e cebola crispy.

aligot com alcatra.jpg

Outra boa pedida é uma bela releitura da comida brasileira, com destaque para o picadinho de filé mignon cozido no vinho com um lindo ovo estrelado.

mil folhas.jpg

Além destes, destaque para os ceviches servidos de entrada e a maravilhosa sobremesa mil folhas com a logo do Bistrô impresso no chocolate.

imagem_release_1595966.jpg

Rodízio de vinhos no Bistrô 558
Horário: das 12h às 15h e das 19h às 23h (de terça à sábado)
das 12h às 16h aos Domingos
Valor: R$ 49,90 – Rótulos Chilenos e Argentinos – branco ou tinto
Endereço: Rua Cel. Ortiz, 558 – Vila Assunção, Santo André

Dia Internacional da Mulher: celebre com vinhos e espumantes

8 de março é o Dia Internacional da Mulher, oficializado pela ONU em 1975. A data faz referência às conquistas, porém, o propósito da celebração é reforçar o muito que ainda falta a ser alcançado nos âmbitos sociais e políticos, buscando a igualdade de gênero, independente da etnia, cultura, idioma ou poder econômico.

No mundo do vinho não é diferente, essa busca por equidade vem se mostrando de forma mais efetiva, onde cresce exponencialmente o número de mulheres envolvidas em todas as fases da elaboração do vinho, desde o cultivo da matéria-prima até seu posicionamento no mercado. Segundo a famosa crítica e escritora inglesa, Jancis Robinson, esta é a década da “feminilidade do vinho”.

Na Itália, por exemplo, as mulheres são representadas pela Associação Nacional “Le Donne del Vino”, fundada em 1988, que atualmente conta com 750 integrantes, no país que mais produz vinhos no mundo. O objetivo é divulgar a cultura e o conhecimento do vinho com a formação e a valorização do papel da mulher no setor vitivinícola. Outro dado que reforça a importância das mulheres em relação aos vinhos é o significativo consumo nos Estados Unidos e na Inglaterra, ultrapassando 50% do público.

Se ainda restam dúvidas sobre a sinergia entre o público feminino e os vinhos, saiba que atualmente nas escolas de Enologia do Brasil a parte mais expressiva dos alunos são mulheres. E para complementar a OIV (Organização Internacional da Vinha e do Vinho) é presidida por uma mulher brasileira, a Regina Vanderlinde.

Pensando nisso, a Casa Valduga selecionou alguns de seus melhores rótulos para celebrar os triunfos femininos e inspirar os próximos avanços. Confira:

Casa Valduga Maria Valduga Brut Vintage

maria valduga.jpg

Esse clássico espumante é uma homenagem à matriarca da Famiglia Valduga e idealizadora do sonho de elaborar espumantes no Brasil apenas pelo método tradicional. De excelente cremosidade, com perlage fino e persistente, resulta não apenas da seleção das melhores uvas Chardonnay e Pinot Noir cultivadas no Vale dos Vinhedos, como também da evolução no silêncio e na penumbra das caves subterrâneas da vinícola por longos 48 meses. É límpido e brilhante, de coloração amarelo palha, como laivos dourados. As notas aromáticas revelam nuances de brioche, pão delicadamente tostado e frutas secas, enaltecendo a complexidade adquirida durante a lenta maturação deste espumante.

Casa Valduga 130 Brut Rosé

Casa Valduga_130 Brut Rosé

Para as mulheres que gostam de complexidade e elegância, essa é a indicação da marca. Elaborado com uvas Chardonnay e Pinot Noir de safras especiais, por meio do método tradicional, o espumante é mantido durante 36 meses em autólise de leveduras. Luminoso, possui coloração salmão e bouquet expressivo, denotando frutas confitadas e licor de cereja. Ao longo da degustação as notas de sua maturação revelam amêndoas e brioche. Sua cremosidade e elegância são destacados no paladar, com a acidez suculenta, combinada com o retrogosto evidenciado pelos toques amanteigados.

Casa Valduga Storia Merlot

storia merlot valduga.jpg

Segundo a Amavi (Associação dos amantes da cultura do vinho), realizada através da pesquisa de hábitos diários das espanholas, mulheres preferem vinho tinto. Por isso, que tal um Merlot encorpado e de personalidade marcante? Ele possui coloração intensa e profunda. No aroma, notas de frutas vermelhas e compota de figo estão evidentes com grande nitidez. A passagem por 18 meses em barricas novas de carvalho francês proporciona a este tinto notas de chocolate e café de forma muito sutil e elegante. Na boca, apresenta-se denso e volumoso, feito para que aprecia grandes vinhos.

Casa Valduga Naturelle Branco Suave

naturelle bco valduga.jpg

Se você, no entanto, prefere vinhos brancos delicados, o Naturelle Branco Suave pode ser uma ótima opção. Elaborado com as variedades Malvasia e Moscato, apresenta coloração amarelo palha, límpido e brilhante. Com predominância de aromas frutados e florais, possui notas de melão, pêssego e limão, complementados com flores brancas. Caracteriza-se pela sua leveza, reflexo do equilíbrio entre acidez e doçura. Além de tudo, é muito refrescante!

Casa Valduga Terroir Merlot Rosé

terroir merlot rose.jpg

Esse rosé seco é produzido 100% com a casta Merlot e tem coloração rosa pêssego, límpido e vivaz. Sua intensidade aromática merece destaque, sendo nítidas as notas de frutas vermelhas maduras, como framboesa, morango e cereja. No paladar, tem um ataque inicial que demonstra todo seu frescor e versatilidade, perfeito para embalar conversas animadas.

Informações: Casa Valduga

Em clima de Carnaval: Magnum Club dá descontos de até 70% em seus vinhos

E-commerce e clube de vinhos de Philippe de Nicolay-Rothschild disponibiliza rótulos renomados para o Brasil

Magnum Club, único clube de vinhos com rótulos de 150 anos de tradição e excelência, criado por Philippe de Nicolay-Rothschild, entrou em clima de carnaval e está oferecendo descontos que vão até 70% em mais de metade do site.

obaya.png

Cerca de 40 rótulos estarão abaixo dos R$ 100,00. Destaque para o Obaya Selección por R$ 29,25.

E os rótulos Aussières Syrah-Mourvèdre 2011 de R$ 118,00 por R$ 33,00, Aussières Rosé 2014 de R$ 95,00 por R$ 33,00 e Aussières Chardonnay 2014 de R$ 99,00 por R$ 33,00.

chablis.png

Outras oportunidades são o Bourgogne Pinot Noir 2014 de R$ 170,00 por R$ 74,63, o Les Vignes d’à Côté Blanc 2014 de R$ 180,00 por R$ 87,75 e o Chablis Vieilles Vignes 2010 de R$ 265,00 por R$ 127,50.

O Magnum Club é o único clube de vinhos com 100% da assinatura revertida em créditos e com o melhor custo benefício por gota de vinho. As categorias de assinatura são divididas em Blason, Château e Impérial.

A promoção para associados é válida até 6 de março de 2019 ou enquanto durarem os estoques pelo site.

Evino apresenta rótulo com a cor do ano eleita pela Pantone

Rosé se diferencia pela sua mescla de cores em tonalidades salmão vibrante

O coral é a cor da vez! A Pantone, empresa com o sistema de cores mais utilizado pela indústria gráfica no mundo, elegeu o Living Coral como a principal aposta de 2019. A tonalidade simboliza um clamor por otimismo e conexões humanas. E a Evino, considerada um dos maiores e-commerces e aplicativos de vinho do país, não podia ficar de fora dessa tendência. A marca anunciou a importação exclusiva de um rótulo que mantém a mesma tonalidade coral vibrante, sendo uma aposta para o verão.

Produzido na região de Lisboa, em Portugal, o rótulo Mirante Leve 2016 é um rosé diferente de todos os outros: flores tomam conta da arte do rótulo e também dos aromas, fazendo deste um exemplar único. A união das uvas Castelão e Aragonês traz ao vinho um rosé perfeito para momentos ao ar livre, de preferência acompanhado de aperitivos.

mirante

Possui visual salmão com reflexos avermelhados, no nariz frutas silvestres como morango e framboesa, além de toques florais. Já em boca apresenta ótimo frescor e persistência. E o melhor de tudo é o preço. Essa novidade exclusiva da Evino no Brasil custa apenas R$ 24,90 no e-commerce da marca.

Guia Adega 2019 elege vinho da Casa Valduga como destaque do ano

Para a Casa Valduga, o ano de 2018 foi marcado por momentos importantes na história da vinícola: a já comentada safra icônica deste mesmo ano, as mais de 500 premiações em concursos internacionais e o recém-lançado Sur Lie eleito o melhor vinho do Brasil.

A nova edição do Guia Adega de Vinhos do Brasil 2018/2019 apresenta como destaque o espumante Casa Valduga Sur Lie, que obteve 93 pontos, a maior pontuação da publicação.

Publicado pela Inner Editora, que também edita a revista Adega, o Guia tornou-se a principal referência de vinhos nacionais, não somente para os consumidores, mas também para a própria indústria, pois, a cada ano, traz um amplo panorama do mercado, servindo de termômetro do que está acontecendo de melhor por aqui.

O resultado confirma o quanto a produção nacional vem aprimorando-se cada vez mais na elaboração de espumantes. Dedicação está já reconhecida internacionalmente por renomados concursos e experts do mundo do vinho.

Com apenas um ano de existência, o Sur Lie também foi eleito o melhor espumante da América do Sul pelo Guia Descorchados 2018, evidenciando a consistência da qualidade do produto.

Elaborado pelo método tradicional, com uvas Chardonnay e Pinot Noir, o espumante matura por 30 meses nas caves subterrâneas da vinícola, em sua própria garrafa. A técnica conhecida nome sur lie permite que a bebida permaneça em constante evolução, na presença de leveduras, até a abertura da garrafa, quando o espumante atinge sua plenitude.

Sur Lie_Casa Valduga (1)

Por não passar por dégorgement, a autólise das leveduras ocorre enquanto a garrafa permanece fechada. Esse é o grande diferencial deste exemplar. O novo espumante da Casa Valduga continua envelhecendo por tempo indeterminado e a decisão de interromper esse processo é única e exclusiva do consumidor, que decidirá o tempo de maturação da bebida, para aprecia-la de conforme a preferência do consumidor.

Segundo Daniel Dalla Valle, diretor e enólogo da Casa Valduga, trata-se de um produto que quebrou paradigmas no meio enológico, já que é um espumante em sua forma mais bruta, sem dégorgement e consequentemente, sem dosagem pós-dégorgement de licor de expedição. Uma edição limitada, de apenas 3 mil garrafas e um ano após o seu lançamento, já alçamos o marco de mais de 15 mil garrafas vendidas. Teve alta aceitação, especialmente com nossos consumidores que visitam a vinícola. É ideal para quem busca uma experiência sensorial distinta e singular.

Além do Sur lie, outros rótulos da vinícola foram os vencedores em suas categorias. Confira:

– Casa Valduga 130 Blanc de Noir: melhor espumante brut do Brasil;

– Casa Valduga 130 Brut Rosé: melhor espumante rosé do Brasil;

– Casa Valduga Terroir Exclusivo Viognier 2018: Melhor Viorgnier do Brasil;

– Casa Valduga Terroir Pinot Noir 2017: Melhor Pinot Noir do Brasil.

Todos os produtos Casa Valduga podem ser adquiridos pelo e-commerce da marca. 

Domno apresenta o rótulo Tomero Chardonnay

Localizada no coração de Luján de Cuyo, em Mendoza, a Bodega Vistalba é composta por terras únicas, aclamadas pela presença de valor incalculável das Cordilheiras dos Andes. Suas videiras são irrigadas com a água do degelo da montanha que alimenta este incrível terroir.

Todo o espaço da vinícola é estruturado de modo que o processo da elaboração dos vinhos é realizado por meio da gravidade, sem o uso de bombas. São vinhos únicos que falam de suas origens como poucos vinhos no mundo podem falar.

O rótulo que chega para somar ao portfólio da Domno Importadora é o Tomero Chardonnay. A bebida apresenta uma cor amarela esverdeada. Seu sabor é leve, refrescante e delicado com sutil sensação adocicada, equilibrada pela acidez e a pequena presença de CO2 residual.

O Tomero Chardonnay, é a escolha ideal para harmonizar com carnes brancas, frutos do mar e massas com molhos leve.

Tomero - Chardonnay Vistalba_

Os rótulos da vinícola Bodega Vistalba estão disponíveis para compra por meio do e-commerce da Domno Importadora ou em lojas especializadas.