Arquivo da tag: a tal da castanha

Panquecas de coco para um café da manhã reforçado

A receita é da nutricionista Alessandra Luglio

Esta deliciosa receita pode ser consumida no café da manhã ou como lanche intermediário reforçado. A refeição combina fibras, energia, proteínas vegetais. gorduras saudáveis e antioxidantes.

Na lista de ingredientes usamos a bebida vegetal Caju+Coco da A Tal da Castanha que apresenta apenas três ingredientes: castanha de caju, leite de coco e água. Essa mistura tropical é naturalmente rica em ômega 9, vitaminas, minerais e uma fonte de proteínas de alta qualidade e fibras.

O mesmo sabor pode ser encontrado na versão de pasta com a adição de um pouco de açúcar demerara. A pasta Caju+Coco apresenta 4 gramas de proteína, zero aditivos e sal.

Panquecas de Coco

Ingredientes:
• 1 e ½ xícara de farinha de trigo integral;
• ½ xícara de farinha de coco;
• ½ xícara de açúcar demerara;
• 2 colheres de sopa de chia;
• ½ xícara de óleo de coco;
• 1 xícara de chá de bebida A Tal da Castanha Caju+Coco;
• 1 xícara de coco fresco ralado;
• 1 colher de sopa de vinagre branco;
• 1 colher de sopa de fermento em pó;
• 3 colheres de sopa de Pasta A Tal da Castanha Caju+Coco.

Modo de fazer:
Bata todos os ingredientes no liquidificador, exceto a chia e o fermento. Bata até misturar bem. Em seguida, incorpore o fermento e a chia delicadamente. Aqueça uma frigideira antiaderente pequena e despeje a quantidade de massa suficiente para fazer uma panqueca, asse dos dois lados. Monte uma sobreposição de panquecas em um prato. Transfira a Pasta de Castanha de Caju+Coco para um recipiente de vidro e aqueça-a no micro-ondas por 40 segundos e despeje sobre as panquecas.

Fonte: A Tal da Castanha

A Tal da Castanha ensina a fazer shake energético

O que acha de saborear um shake supergostoso e que ainda por cima dá uma dose extra de energia para o seu treino? A Tal da Castanha ensina como fazer shake energético com a bebida de Caju + Amendoim composta por apenas três ingredientes: amendoim, amêndoas de castanha-de-caju e água no caju+amendoim.

A dose extra de energia fica por conta da maca peruana, um pozinho extraído de uma raiz andina, rica em vitaminas e minerais importantes para a manutenção do organismo, além de apresentar compostos bioativos de ação estimulante. Vamos à receita?

Shake Energético

Ingredientes:
1 copo da bebida Caju + Amendoim da A Tal da Castanha;
1 colher de chá de maca peruana;
1 dose de café expresso ou normal ;
1 banana;
1 pitada de canela em pó.

Preparo:⠀
Coloque todos os ingredientes no liquidificador e bata até ficar encorpado. É uma explosão de energia e sabores!

Imagem: The Dreaming Foodie

Fonte: A Tal da Castanha

Aprenda a preparar Cookie Vegano de Abóbora para o lanche da tarde

A receita é da empresária Amélia Whitaker

Esta receita é para os apaixonados por cookies. Amélia Whitaker, empresária e entusiasta da alimentação saudável mostra como fazer cookie vegano de abóbora para o lanche da tarde. Os ingredientes podem ser adquiridos sem sair de casa pelo delivery da A Boa Terra, uma empresa delivery de produtos orgânicos que leva até a sua família o melhor da roça e sem venenos.

É possível montar a sua cesta orgânica 100% personalizada ou há cestas montadas de diversos tamanhos. As entregas podem acontecer semanalmente ou conforme necessidade de cada pessoa. Os pedidos podem ser realizados por WhatsApp no número (19) 99169-7729 ou pelo site do A Boa Terra.

Cookie Vegano de Abóbora

Ingredientes:
• 4 xícaras de abóbora orgânica descascadas e cozida;
• 1 xícara de uvas passas;
• suco de 1 laranja orgânica;
• ½ colher de chá de noz-moscada;
• 1 colher de chá de canela;
• 2 xícaras de farinha de coco feita em casa;
• 3 colheres de sopa de melado;
• 3 colheres de sopa de Pasta de Castanha de Caju da A Tal da Castanha.

Modo de preparo:
Amasse com garfo a abóbora cortada e cozida. Acrescente o restante dos ingredientes e misture bem. Porcione os biscoitos com uma colher, coloque na assadeira e leve ao forno por aproximadamente 20 minutos. Em seguida, leve para gelar por 12 horas e sirva com um copo de leite vegetal de sua preferência da A Tal da Castanha.

Fonte: A Boa Terra

Farmácia na cozinha: alimentação saudável é cultivar saúde

Mais feira e menos processados podem prevenir doenças cardiovasculares

Adotar uma alimentação saudável com mais produtos de feira e menos industrializados pode significar mais saúde e menos gastos com remédios. Essa máxima vale para pessoas de todas as idades, já que uma dieta fresca com alimentos orgânicos, além de sono reparador, atividade física e hidratação vale para qualquer um.

Para começar, a dica é eliminar a dieta monocromática e dar mais cor ao cardápio, incluindo frutas, verduras, legumes e evitar alimentos gordurosos, açucarados e ultraprocessados. Alimentos ultraprocessados, em sua maioria, apresentam muitos aditivos artificiais e uma quantidade muito alta de sódio que pode comprometer a saúde com o tempo.

Jill Wellington/Pixabay

É aquela máxima: dificilmente um problema de saúde começa de um dia para o outro. Normalmente, é o resultado de uma dieta desregrada, sedentária e com alguns vícios, como o tabagismo e o álcool. Para ser ter ideia, o infarto agudo do miocárdio, evento cardiovascular que mais mata no mundo, é responsável por mais de 100 mil óbitos por ano, em média, no Brasil. Mulheres, idosos e diabéticos precisam ficar ainda mais atentos a esses sintomas, segundo informações da Agência Einstein.

O que poucos sabem é que a maior causa de óbitos do século pode ser tratável e, em alguns casos, até revertida com alimentação. As nossas artérias podem relaxar e ficar livres de gordura quando damos prioridade para vegetais verdes, frutas e alimentos naturais e integrais. Prevenção é sempre a melhor escolha.

O chá, por exemplo, é o remédio preferido das avós. A bebida de camomila, erva doce, erva cidreira ou hortelã é capaz de acalmar as pessoas mais agitadas. Uma boa dieta deve ter vegetais frescos no almoço e jantar, sendo 70 % cru e 30% refogado ou levemente cozido. Não se esqueça do tomate, da beterraba e cenoura.

Dê preferência para alimentos fontes de proteínas mais magras e saudáveis como as de origem vegetal: feijão, lentilhas, grão de bico, ervilha, cereais integrais, sementes, castanhas e vegetais verdes escuros, procure escolher de origem orgânica. Tempere generosamente com cúrcuma, coentro, orégano, cebola e abuse do azeite. A ingestão de brócolis, por exemplo, pode reduzir o risco de câncer. Na hora da sobremesa, prefira frutas, dando preferência as cítricas, como acerola, laranja, mexerica, kiwi e abacaxi.

Você não fica sem leite? Troque o alimento animal pelo vegetal, como o de castanha-de-caju ou amêndoas produzidos pela A Tal da Castanha. A marca trabalha apenas com rótulos clean label que são aqueles produzidos apenas com ingredientes naturais, de forma sustentável e sem nenhum aditivo químico. As bebidas vegetais também atendem ao público alérgico e intolerante ao leite de vaca. Para quem não sabe, a castanha-de-caju é rica em antioxidantes que neutralizam a ação dos radicais livres, inibindo ou diminuindo o processo de estresse oxidativo, além de auxiliar na prevenção do envelhecimento celular precoce e doenças degenerativas, coronarianas e alguns tipos de cânceres.

E não se esqueça da hidratação. A regra é consumir — ao menos — dois litros de água por dia para manter o corpo em pleno funcionamento. Refletir sobre o que comemos é muito importante, assim como ter disciplina para que possamos ter momentos de prazer.

O que você acha de começar a ter uma alimentação mais saudável e alcançar o equilíbrio do seu corpo? A Boa Terra produz e comercializa de forma orgânica frutas, legumes e verduras. Há também produtos de mercearia e de primeira necessidade como arroz, feijão, café e azeite. E tem mais: as cestas são entregues na modalidade delivery quando encomendadas pelo site ou por mensagem WhatsApp.

O cliente pode personalizar ou escolher a sugestão do sítio (R$ 32,00 a R$ 115,00) – assinaturas semanais custam de R$ 50 a R$ 163 reais. As encomendas podem ser feitas diretamente no site. No Instagram, o cliente pode matar a curiosidade de como é a rotina de produção orgânica.

Sobre A Boa Terra:

A Boa Terra é pioneira na agricultura orgânica no Brasil e na entrega de cestas orgânicas na porta de casa. Em 1981 os fundadores Joop e Tini seguiram o sonho de uma sociedade e agricultura mais justa, respeitando o equilíbrio com a natureza, e o homem que produz e que se alimenta da terra. Tudo isso em uma época que a grande maioria das pessoas não sabia, nem nunca tinha ouvido falar o que era um alimento orgânico. Atualmente, centenas de famílias são atendidas por semana na grande São Paulo, Ribeirão Preto e cidades mais próximas ao Sítio.

Panqueca com spirulina para o café da manhã

Seja no café da manhã ou lanche da tarde, a panqueca é uma refeição completa que pode trazer saciedade por horas. Existem muitas variações, por isso, que tal conhecer a opção sem glúten, vegana e com spirulina. A receita é da empresária e entusiasta da alimentação saudável Amélia Whitaker, que semanalmente compartilha seu cardápio e sua rotina de treinos.

Na receita foi usada a Zaya Flour, que é uma farinha de mandioca, feita com apenas um ingrediente. O produto é integral, rico em fibras, sem glúten, sem conservantes e livre de transgênicos. Também foi incluída a bebida A Tal da Castanha Original para incrementar o sabor.

A bebida possui uma lista de ingredientes reduzida, sendo feita apenas com amêndoas de castanha-de-caju e água. São as castanhas que entregam nutrientes, sabor, cor e o aspecto cremoso do prato apresentado. Elas também possuem proteínas de alta qualidade e são uma ótima fonte de boas gorduras e minerais. Confira a seguir o passo a passo.

Panqueca com spirulina

Ingredientes:
• 1 copo de leite de castanhas @ataldacastanha original;
• 1 colher de chá de vinagre balsâmico;
• 1 colher de chá de baunilha;
• 1 pitada de sal;
• ½ xícara de agave;
• 1 banana bem madura orgânica @aboaterra;
• 1 e ½ xícara de farinha multiuso @zaya_flour;
• 1 colher de chá de fermento;
• 1 colher de sopa de spirulina.

Preparo:
Misture todos os ingredientes, começando pelos molhados. Bata no liquidificador e, com uma colher concha, coloque as porções em uma frigideira untada com óleo de coco. Sirva com pasta de castanhas, maple syrup ou o acompanhamento de sua preferência.

Gosta de leite vegetal? Conheça a opção mais nutritiva com cálcio em sua composição

Se há alguns anos o leite vegetal era sinônimo de bebida feita de soja, hoje a variedade presente nas prateleiras dos supermercados é muito mais nutritiva fazendo com que mais pessoas repensem o consumo do leite animal. Com grande presença em São Paulo, A Tal da Castanha apresenta em seu portfólio bebidas à base de castanha-de-cajú, castanha–do-pará, coco, amêndoa, amendoim, além de combinações entre um ingrediente e outro.

O Mixed Nuts, por exemplo, é o leite vegetal mais nutritivo da marca com apenas seis ingredientes: castanha- de-caju, amêndoa, castanha-do-pará, cálcio, proteína da ervilha e água.

Sunnysun0804/Pixabay

=A castanha-de-caju é o blend da bebida. Ela adiciona proteínas de boa qualidade e são uma ótima fonte de boas gorduras e minerais;

Foto: Clara Sander/Pixabay

=A amêndoa é amada no mundo todo, e não seria por menos. Ela tem um sabor suave, possui nutrientes como a vitamina E e o magnésio;

Pixabay

=A castanha-do-pará entrega sabor e fornece 100% do que você precisa de selênio em um dia inteiro;

Foto: MegUnprocessed

=O cálcio foi adicionado aqui para tornar essa bebida rica do nutriente, substituindo totalmente outras fontes de cálcio animal;

Rachel Gorjestani/Pixabay

=A proteína de ervilha, como o próprio nome sugere, oferece boas quantidades de proteínas provenientes de origem vegetal;

Romy Michaud/Pixabay

=A água está presente para tornar essa bebida realidade.

Todos os produtos A Tal da Castanha são livres de ingredientes de origem animal, portanto são ideais para veganos e vegetarianos, além também atender ao público alérgico e intolerante ao leite de vaca.

Fonte: A Tal da Castanha

Dia das Crianças: A Tal da Castanha mostra como fazer Picolé Choconuts

Uma marca que pensa na saúde de todos e dedica atenção especial para aos pequenos, não abriria mão de apresentar uma receita pensando especialmente para o Dia das Crianças. O Picolé Choconuts é saudável e nutritivo, sendo ideal para o lanche da tarde.

A sobremesa que irá refrescar os dias mais quentes combina fonte de energia proveniente da banana e de gorduras saudáveis, da bebida de castanha de caju, garantindo dulçor e saciedade, sem abrir mão de ingredientes naturais e saudáveis. O Choconuts da A Tal da Castanha leva apenas quatro ingredientes: castanha-de-caju, cacau, açúcar demerara e água.

As castanhas-de-caju entregam proteínas de alta qualidade e são uma ótima fonte de boas gorduras e minerais; o cacau fornece sabor único e nutrientes, como o ferro, manganês, magnésio, cálcio e fósforo, além de ser rico em minerais; o açúcar demerara adoça na medida certa, sem exagero; e a água torna a bebida possível. A receita foi criada especialmente pela nutricionista Ale Luglio.

Picolé Choconuts

Ingredientes:
• 1 xícara de banana nanica madura em rodelas;
• 2 xícaras de Choconuts A Tal da Castanha;
• 3 colheres de sopa de chocolate 60% picado.

Modo de fazer:
Bata a banana com o Choconuts no processador ou liquidificador e junte os pedacinhos de chocolate. Em seguida, coloque em forminhas de picolé e leve ao freezer por 4 horas.

Fonte: A Tal da Castanha

Shake de café com cacau é ótima opção para refrescar

A nutricionista Ale Luglio ensina como fazer um shake saboroso e estimulante, ideal para os lanches intermediários. O café e o cacau possuem propriedades estimulantes, que podem oferecer uma energia extra entre as refeições, além de apresentarem ações antioxidantes.

A bebida Choconuts, da A Tal da Castanha, é rica em gorduras saudáveis, proporcionando maior sensação de saciedade e controle do apetite. A castanha-de-caju é o ingrediente secreto do Choconuts. Ela é responsável pela entrega de nutrientes, sabor, cor e pelo aspecto cremoso do alimento.

Além da castanha-de-caju, a bebida apresenta somente água, cacau e açúcar demerara como ingredientes, diferente da maioria das bebidas achocolatadas do mercado que, além de alto teor de açúcar, tem aditivos adicionados, como aromatizantes, corantes, espessantes e conservantes. Confira o passo a passo da receita e a faça em casa.

Shake de café com cacau

Ingredientes:
• 200 ml da bebida Choconuts da A Tal da Castanha;
• 1 colher de sobremesa de café solúvel;
• 1 colher de sobremesa de cacau;
• 5 gotas de strevia (opcional)
• 1 colher de café de extrato de baunilha;
• Gelo a gosto.

Modo de preparo:⠀
Bata todos os ingredientes no liquidificador e consuma em seguida.

Fonte: A Tal da Castanha

Nutricionista indica lanche rápido para o home office

Ale Luglio atendeu um pedido de A Tal da Castanha para ajudar quem precisa manter uma melhor alimentação em casa

Apesar da flexibilização de algumas regras no isolamento social, muitas pessoas ainda continuam trabalhando de casa. E é aquela história: café da manhã reforçado, repetição do almoço, um docinho aqui e uma massa para fechar o expediente. Com tantas delícias ao alcance, fica até difícil manter uma alimentação equilibrada e saudável.

Mas como resistir a tanta tentação? A dica é tentar manter o equilíbrio e, eventualmente, incluir algumas guloseimas para não deixar a rotina carregada de obrigações e deveres.

bananaquente

Para dar uma maneirada na comilança, a nutricionista Ale Luglio, que é uma das embaixadoras dos produtos A Tal da Castanha, mostra que um café orgânico com leite vegetal de castanha de caju no aerador pode ser uma ótima companhia com banana quente, castanha-de-caju e canela.

Fonte: A tal da Castanha

 

Nutricionista ensina a fazer matcha latte com ingredientes saudáveis

Além de milenar, a bebida pode ser um ótimo ingrediente para fortalecer a saúde

O matcha é o chá verde preferido dos japoneses, especialmente por estar ligada a uma tradição milenar que é conhecida por chanoyu, que significa cerimônia do chá.

O consumo regular da bebida pode melhorar a saúde, já que uma xícara pode conter 10 vezes mais antioxidantes do que o chá verde puro. O matcha também apresenta outros benefícios, como a diminuição do risco de doenças cardiovasculares, controle da pressão arterial e redução dos níveis de colesterol.

A nutricionista Ale Luglio ensina como fazer a versão vegana do matcha latte usando como base a bebida vegetal recém-lançada pela A Tal da Castanha, o Barista Profissional. A composição do produto não apresenta soja, lácteos, glúten, conservantes, gomas, ou qualquer outro aditivo artificial. Confira.

Matcha Latte Vegano

Como consumir no dia a dia?

Para obter todos os benefícios duas xícaras por dia são o suficiente. O consumo não é recomendado para pessoas com ansiedade, hipertensão e dificuldade para dormir por apresentar cafeína em sua composição. Gestantes e lactantes devem consultar o médico antes de tomar. Confira a receita:

Matcha Latte

Ingredientes

• 1 café de chá de matcha em pó;
• 1 colher de sopa de água quente;
• 150 ml de leite Barista.

Modo de preparo

Em uma xícara de chá dissolva o matcha na água fervente. Vaporize o leite. Com uma colher retenha a espuma do leite vaporizando e despeje-o na xícara para que se misture ao matcha. em seguida, despeje a espuma por cima. Adoce a gosto.

matcha

Fonte: A tal da Castanha