Arquivo da tag: abacate

Torradas no café da manhã: confira cinco motivos para consumi-las diariamente + receitas

Além das dicas, Adria ensina também três receitas práticas com torradas que transformarão a refeição em um momento único

As torradas são perfeitas com geleias, manteigas e até puras, com textura diferenciada e apresentação que dão origem a um café da manhã nutritivo e repleto de sabor. A Adria separou cinco dicas sobre as torradas e ensina receitas para uma refeição prática e especial:

Torradas são fontes de carboidratos, portanto, fornecem energia para atividades diárias, como estudar, trabalhar e praticar atividades físicas;
-Podem ser consumidas no café da manhã como substituição ao tradicional pão francês, com recheios salgados e doces;
-Um café da manhã equilibrado deve ser composto por alimentos fonte de carboidratos, proteínas e fibras. Você pode, por exemplo, servir torradas com queijo branco, caottage, ovo mexido ou margarina, além de uma fruta como mamão, maçã ou frutas vermelhas. O cafezinho, o chá ou a vitamina também não podem faltar nessa composição.
-As torradas integrais possuem fibras, que diminuem a velocidade com que o açúcar é absorvido pelo organismo, causando maior controle do açúcar no sangue;
-Por serem crocantes, torradas exigem mais da mastigação e podem ser mais eficientes para alcançar a saciedade, ou seja, é mais um motivo para inclui-las nas suas refeições.

Com tantos motivos, fica ainda mais fácil incluir as torradas na alimentação. Agora, que tal aprender a fazer Torradas com Patê de Tofu, Crostini de Cottage e Avocado e Torrada com Frutas Vermelhas? As receitas são fáceis e ficam prontas rapidinho. Confira abaixo:

Torradas com Patê de Tofu

Ingredientes:
2 colheres (sopa) de azeite
1 talo de alho-poró picado
400 g de tofu macio
2 colheres (sopa) de ervas picadas (salsa, cebolinha, dill)
1 cenoura média ralada fino
1 embalagem de Torrada Light Adria
Sal a gosto

Modo de Preparo:
Em uma frigideira aqueça o azeite e refogue o alho-poró. Desligue o fogo, tempere com o sal e deixe amornar.No processador coloque o tofu, as ervas e junte o alho-poró. Bata para obter uma pasta mais homogênea. Misture a cenoura e sirva acompanhando as torradas.

Rendimento: 16 torradas
Tempo de Preparo: 30 minutos

Crostini de Cottage e Avocado

Ingredientes:
400 g de queijo cottage
3 colheres (sopa) de ervas (tomilho, alecrim e salsa)
½ embalagem de Torrada Multigrãos Adria
2 avocados em fatias finas
Azeite para finalizar
Sal a gosto

Modo de preparo:
Em uma tigela, misture o cottage com as ervas e o sal.Sobre cada torrada coloque uma porção do cottage temperado e acomode o avocado. Finalize com um fio de azeite e sirva em seguida.

Rendimento: 8 porções
Tempo de Preparo: 20 minutos

Torrada com Frutas Vermelhas

Ingredientes:
3 gemas
½ xícara (chá) de leite
3 colheres (sopa) de açúcar
200 g de ricota fresca, amassada
2 colheres (chá) de essência de baunilha
¼ xícara (chá) de mel
1 colher (sopa) de suco de limão
1 embalagem de Torrada Light Adria
2 xícaras (chá) de frutas vermelhas frescas (mirtilos, amoras e framboesas)

Modo de preparo:
Em uma panela, misture as gemas com o leite e o açúcar. Leve ao fogo baixo, mexendo sempre, e cozinhe até engrossar. Desligue o fogo, junte a ricota, a essência de baunilha e misture. Deixe esfriar e reserve. À parte, prepare uma calda, misturando o mel com o suco de limão. Sobre cada torrada, espalhe uma porção do creme, acomode as frutas vermelhas e regue com a calda. Sirva em seguida.

Dica do Chef: caso não encontre os mirtilos, substitua-os por morango picado.

Rendimento: 16 porções
Tempo de preparo: 30 minutos

Fonte: Adria

Oito alimentos que combatem o cansaço físico e mental

Do abacate ao macarrão Shirataki, alimentos energizantes ajudam a combater a sensação diária de fadiga

O cenário de pandemia e confinamento que assola o mundo há mais de um ano pode exigir um grande desafio mental e psicológico por parte de todos. Entretanto, poucos sabem que possuem aliados fortíssimos dentro de casa: os alimentos. Uma boa refeição pode gerar uma sensação de bem-estar quase que automaticamente, estando intimamente ligada ao humor. 

De acordo com David Wiener, especialista em nutrição do Freeletics, aplicativo líder em exercícios físicos e estilo de vida com uso de inteligência artificial, é preciso enxergar os alimentos como muito mais do que algo para saciar a fome.

“O que você come afeta a capacidade do seu cérebro de se manter ativo. A comida não serve só para alimentar seu corpo, você também precisa de certos nutrientes para permanecer mentalmente focado e alerta. Se ultimamente você anda se sentindo muito sonolento, cochilando na hora do almoço ou se anda bebendo mais café que o normal na tentativa de se manter acordado, está na hora de parar de jogar a culpa no clima ou na sua possível falta de sono”, alerta.

Ao invés disso, o especialista destaca hábitos alimentares que aumentam a eficiência dos nutrientes e cita oito alimentos energizantes como opções.

1. Abacate

Além de delicioso e versátil, o abacate também é extremamente energético. “Ele até pode ser bastante calórico, mas tem um alto teor de gordura saudável, incluindo ácidos graxos, ômega 3 e ômega 6, que combatem o colesterol ruim, aumenta o fluxo sanguíneo para o cérebro e ajudam o corpo a absorver outros nutrientes”, destaca Wiener. Além disso, o abacate tem mais proteína do que a maioria das frutas. “E já que a gente precisa de carboidratos, gorduras e proteínas para uma energia sustentável, é essa combinação de nutrientes que faz do abacate uma bomba energética”, ressalta.

2. Maçã

As maçãs são um lanche impressionantemente energético. “O que poderia torná-las um pouco mais eficazes do que o seu pãozinho habitual é que elas fornecem calorias ao seu corpo: a principal fonte de energia que alimenta seu corpo e seu cérebro”, pontua o especialista. As maçãs também são ricas em frutose, o açúcar predominante encontrado nas frutas. “Como a frutose é a fonte preferida de energia do corpo, ainda que comer uma maçã pela manhã não te dê aquele impulso inicial que você está acostumado a sentir com uma xícara de café, ela vai te fornecer uma quantidade constante de energia para o seu cérebro e corpo por mais tempo, além de reduzir todas as sensações de fome que você possa vir a sentir mais tarde”, explica. 

3. Grãos integrais e germinados

Ao contrário de açúcares simples, grãos integrais como arroz integral, aveia e trigo sarraceno são uma forma de carboidrato que o organismo quebra lentamente para convertê-los em energia, fornecendo uma fonte de energia constante em vez de um pico seguido de uma queda, que gera sonolência e cansaço. Além disso, os grãos germinados são ainda melhores. “Os grãos germinados são grãos integrais que foram encharcados e deixados germinar. O processo torna mais fácil para o corpo absorver os nutrientes que ele quer e precisa, fazendo com que as vitaminas B, C e folato sejam mais facilmente acessíveis ao organismo”, explica Wiener. 

4. Nozes de macadâmia

Nozes de macadâmia – e a maioria das nozes e sementes – são alguns dos melhores lanches quando o assunto é vencer a fadiga e combater a fome. De 160 a 200 calorias em um punhado, as nozes de macadâmia são uma fonte concentrada de energia, contendo todos os macronutrientes principais, como proteínas, carboidratos e gorduras boas. “Mas não se esqueça que, embora as nozes sejam boas para você, elas também são uma bomba calórica e, portanto, devem ser comidas com moderação. Tudo o que você precisa é de um punhado para sentir seus efeitos energéticos”, alerta o especialista. 

5. Mirtilos

Os mirtilos são super energizantes e podem até elevar a função cerebral, sendo uma ótima fonte de manganês, um elemento químico frequentemente encontrado em minerais combinados com ferro, que desempenham um papel importante na assistência a determinadas atividades metabólicas no corpo, como a conversão de carboidratos e gorduras em energia. Estudos também revelam que os mirtilos podem prevenir a perda de memória e o declínio cognitivo. 

6. Matcha

Enquanto que uma xícara de chá verde extrai apenas alguns dos benefícios nutricionais disponíveis, o matcha é feito a partir de folhas de chá inteiras que foram moídas em um pó verde fino, contendo todos os minerais poderosos, antioxidantes e aminoácidos encontrados dentro da própria folha. Ao contrário do café, a cafeína no matcha é absorvida bem devagar, dando um impulso de energia sustentado e não apenas um pico de energia. “É a combinação de cafeína e l-teanina, um aminoácido raro, que resulta nos efeitos milagrosos, como o aumento da concentração e da atenção”, explica o especialista. 

7. Macarrão Shirataki

Feito a partir de glucomanano, uma fibra que vem da raiz da planta de konjac que cresce no Japão, esta alternativa com baixo teor de carboidratos é composta por 97% de água. “Isso significa que você pode desfrutar do seu prato preferido de macarrão sem a necessidade de cochilar depois do almoço”, destaca Wiener. 

8. Couve

A couve é uma das fontes de nutrientes mais ricas, repleta de vitaminas e minerais essenciais que o cérebro precisa. A couve é uma fonte vegetal de ferro, um nutriente necessário – especialmente para vegetarianos e veganos – para transportar oxigênio aos tecidos e células. Baixos níveis de ferro no corpo podem levar à exaustão e à sensação de cansaço. “Para aumentar a absorção de ferro da couve, consuma com uma fonte de vitamina C, como o suco de limão”, finaliza. 

Fonte: Freeletics

Sete superfoods para complementar o seu cardápio diário

Além de nutrir o corpo, alguns alimentos contribuem para a manutenção da saúde mesmo em pequenas quantidades

Não é segredo que alguns alimentos são capazes de fornecer nutrientes essenciais para prevenção de doenças e manutenção da saúde. Nessa categoria entram as “superfoods”, que são os alimentos que concentram grandes quantidades de nutrientes em pequenas quantidades favorecendo o metabolismo, a saúde mental, o sistema imunológico e prevenindo contra o envelhecimento das células.

As superfoods podem ser facilmente encontradas e até entregues na porta de casa. A Boa Terra oferece este serviço, além de ter uma vasta lista com frutas, verduras e legumes que vão complementar o cardápio. Confira abaixo:

GreenMe

=Linhaça: a semente é rica em ômega 3, minerais como potássio, fósforo, magnésio, cálcio e enxofre e vitaminas E, D e do complexo B. O consumo favorece as defesas do organismo e reduz o risco de doenças cardíacas e na redução do LDL (o colesterol ruim).

=Chia: apresenta boas doses de ômega-3, antioxidantes, cálcio, proteínas, fibras, vitaminas e minerais. As sementes ajudam a controlar níveis de glicose no sangue, colesterol e triglicerídeos.

=Azeite: concentra vitamina E, polifenóis e ácidos graxos monoinsaturados, que ajudam a prevenir o risco de doenças cardiovasculares, ao mesmo tempo que favorecem o controle dos níveis de colesterol. Estudos indicam que o azeite também reduz o risco de Alzheimer.

=Abacate: a fruta é repleta de nutrientes, além de ter fibras, potássio, magnésio e vitaminas do complexo B, K e C, ideias para o bom funcionamento do organismo. O abacate também apresenta um aminoácido chamado triptofano que ajuda na produção de serotonina, responsável pela sensação de bem-estar no corpo.

Foto: Clara Sander/Pixabay

=Espinafre: as folhas apresentam boas doses de ferro, cálcio, fósforo, potássio, magnésio, fibras, proteínas, carboidratos, além de vitaminas A, K e B2. O consumo regular contribui para a saúde dos olhos e pode prevenir doenças cardiovasculares. Para a absorção de todos os minerais, é recomendado ingerir a hortaliça com alimentos ricos em vitamina C, tais como laranja, abacaxi ou acerola.

=Aveia: contém fibras solúveis que auxiliam no controle da glicemia, sendo excelente para os diabéticos. Os cereais também são ricos em cálcio, ferro, magnésio e vitaminas do complexo B. Entre os benefícios para a saúde estão: controle da pressão arterial, redução do colesterol ruim, melhora na digestão e na saúde do coração, incluindo mais energia e diminuição do cansaço.

Foto: Gadini/Pixabay

=Alho: é um dos temperos que mais colaboram para uma vida saudável. O alho é rico em minerais que nutrem o organismo, como potássio, cálcio e magnésio. A alicina presente ajuda a saúde do coração ao reduzir os níveis de colesterol e coágulos no sangue. As funções respiratórias também são beneficiadas graças às suas propriedades expectorantes e anti sépticas.

Como receber sua cesta em casa?
No site A Boa Terra, o cliente consegue visualizar a lista de produtos disponíveis que variam entre frutas, legumes, verduras e produtos de mercearia. O cliente ainda pode personalizar ou escolher a sugestão do sítio (R$ 36 a R$ 124) – assinaturas semanais custam de R$ 50 a R$ 163 reais. A Boa Terra entrega em São Paulo, Barueri, Osasco, Guarulhos, Santo André, São Bernardo, São Caetano, Ribeirão Preto e cidades mais próximas ao Sítio na região de Itobi.
.

Dia da Saúde e Nutrição: aprenda a fazer ovo de Páscoa saudável

Sobremesa com chocolate amargo, abacate e nozes, do chef Flávio Duarte, tem aprovação do Centro de Pesquisas e Análises Heráclito como alimento benéfico para a saúde

Hoje (31) comemora-se o Dia da Saúde e da Nutrição e, a cada momento, percebemos como essas duas coisas estão fortemente associadas. Nossos hábitos alimentares impactam diretamente na nossa qualidade de vida, refletindo em melhora ou piora da nossa saúde, a depender do que comemos. Neste semana também celebra-se a Páscoa, período em que doces e chocolates são consumidos com mais abundância.

Será então que é possível aliar saúde e sabor em uma sobremesa? O chef confeiteiro Flávio Duarte garante que sim. “Para provar que é possível, vou ensinar uma receita de ovo de páscoa com chocolate amargo e recheio de abacate com nozes”, revela. “Além de muito saudável, é muito saboroso e leve”, garante.

A receita foi aprovada pelo comitê do Centro de Pesquisas e Análises Heráclito. Para o diretor do Centro, Fabiano de Abreu, doutor em neurociências, neuropsicólogo e especialista em nutrição clínica, a receita possui uma série de benefícios pela riqueza dos ingredientes.

“O cacau é vasto em flavonoides, que melhoram a memória de curto prazo, processamento de informações, o desenvolvimento cognitivo e ajudam a retardar o envelhecimento. Além disso, eles trazem benefícios para a saúde do coração, aumentando a quantidade de sangue presente no giro denteado, área específica do hipocampo, estrutura responsável pelo filtro da memória e relacionada ao envelhecimento”, explica o especialista.

“O abacate é uma excelente fonte de gorduras monoinsaturadas, vitaminas B6, B12, selênio, previne a deterioração cognitiva (relacionado a inteligência) devido a este tipo de ácido graxo e também de certos fitoquímicos. Ele melhora as conexões neurais, além de aumentar o fluxo de sangue no cérebro, o que ajuda para seu bom funcionamento”, completa.

“Já as nozes são ricas em ômega 3, chamado ácido alfalinolênico, que reduz a pressão arterial e as protege. Também são ótimas para o processo de memorização e desenvolvimento da inteligência, assim como o selênio e a vitamina E, que também são encontrados nas nozes e que estão relacionados a atenção e aprendizagem”, finaliza.

Aprenda a receita:

Ovo de Páscoa Saudável

Ingredientes (casca do ovo)
• 1 xícara de chocolate amargo (mínimo 70 % cacau), picado ou em gotas (aproximadamente 240 gramas)

Modo de preparo
Faça a temperagem do chocolate. É importante para que ele cristalize de forma correta, fique brilhante e não derreta com facilidade quando exposto em temperatura ambiente. Para isso, derreta o chocolate em banho-maria. Mantenha o fogo baixo. É importante que o fundo da tigela não encoste na água. Se usar um termômetro culinário, a temperatura de derretimento do chocolate amargo deve ficar entre 45ºC e 50ºC. Prepare um recipiente com água e gelo e coloque a tigela sobre essa água. Coloque o chocolate derretido na tigela que está dentro da água e mexa até que atinja a temperatura de 30ºC. Despeje o chocolate em uma fôrma de acetato em formato de ovo de Páscoa. Leve à geladeira até endurecer. Se achar que a espessura não ficou de seu agrado, recomece o processo. Quando o ovo estiver pronto, ele deverá se soltar facilmente da fôrma.

Ingredientes (recheio)
• 1 abacate bem maduro
• 2 colheres de sopa de açúcar de coco ou de beterraba
• 3 colheres de cacau em pó
• Nozes trituradas para decorar

Modo de preparo
Bata no liquidificador o abacate com o açúcar, por último acrescente o cacau em pó e bata até obter uma mistura homogênea. Conserve na geladeira até o momento de usar.

Montagem
Posicione a casca de chocolate de preferência sobre a embalagem que será transportada, isso evitará que a casca quebre com o manuseio desnecessário. Preencha a casca com o recheio e em seguida decore com nozes trituradas.

Abacate: conheça 13 benefícios desta fruta considerada um superalimento

Enquanto a maioria das frutas consiste principalmente de carboidratos, o abacate é rico em gorduras saudáveis

É uma fruta deliciosa, rica em fibras, potássio, sódio, magnésio, vitamina A, C, E, K 1, folato, B-6, niacina, ácido pantatênico, riboflavina, colina, luteína, zeaxantina, criptoxantina, fitoesteróis e gorduras monoinsaturada, que ajudam a reduzir os riscos de doenças crônicas. É frequentemente citado como um superalimento, o que não é surpreendente, dadas as suas propriedades para a saúde.

Existem centenas de tipos de abacates que variam em formas, tamanhos, cores e texturas. No Brasil, são produzidas as variedades Breda, Fortuna, Geada, Margarida, Ouro Verde, Quintal e Hass (conhecida como avocado).

Saiba um pouco mais sobre os benefícios da fruta com a nutricionista Adriana Stavro:

Protege contra danos ao DNA

Foto: Szafirek/Morguefile

Um estudo com 83 pilotos de avião do sexo masculino de uma companhia aérea Americana, sobre biomarcador de exposição à radiação cósmica e danos ao DNA, (esta população é exposta a altos níveis de radiação ionizante [RI] conhecida por danificar o DNA, acelerando o processo de envelhecimento), mostrou que a alta ingestão de vitaminas C e E, betacaroteno, beta criptoxantina, luteína e zeaxantina, podem proteger contra danos cumulativos ao DNA em pessoas expostas a RI.

Diminui hipertensão

Os abacates são ricos em potássio. Uma porção de 100 gramas contêm 14% da dose diária recomendada (RDA), em comparação com 10% na banana, que é um alimento típico com alto teor de potássio. Na revisão sistemática e meta-análises sobre o efeito do aumento da ingestão de potássio na prevenção de doenças cardiovasculares, que incluiu 22 ensaios clínicos randomizados com 1.606 participantes com hipertensão e lipídios altos no sangue, e 11 estudos de coorte com 127.038 participantes relatando doença cardiovascular, acidente vascular cerebral ou doença cardíaca, mostrou que o aumento da ingestão de potássio reduziu a pressão arterial sistólica em 3,49 e a diastólica em 1,96.

Diminui colesterol total e LDL e aumenta HDL

Foto: Avocado.org

O abacate é uma excelente fonte de ácidos graxos monoinsaturados em dietas destinadas ao tratamento da hipercolesterolemia. O abacate é rico em esteróis vegetais, que demonstraram diminuir o colesterol ao bloquear sua absorção na corrente sanguínea. Eles também são ricos em vitaminas e minerais, incluindo vitamina E, C, magnésio, folato e zinco. O consumo do abacate mostrou redução dos níveis de colesterol total, triglicerídeos, colesteróis LDL e aumento do colesterol HDL (bom).

Extrato de abacate pode aliviar os sintomas da osteoartrite (OA)

A OA é uma doença crônica comum, dolorosa e debilitante, que atinge milhares de indivíduos. Estudos sugerem que o consumo de 300mg de insaponificáveis de abacate (ASU), podem reduzir a OA de quadril e joelho.

Reduz risco de doença cardíaca

Uma meta-análise com 50 estudos sobre o efeito da dieta mediterrânea na síndrome metabólica mostrou que, uma dieta rica em gordura monoinsaturada era eficaz na prevenção da síndrome metabólica. Outro estudo sobre dieta mediterrânea e incidência e mortalidade por doença cardíaca e derrame, acompanhou por de 20 anos e seguiu mais de 74.000 mulheres com idades entre 38 e 63 anos. Os autores relataram que as mulheres que aderiram a uma dieta no estilo mediterrâneo tinham menor risco de derrame.

Ajudar a absorver melhor os antioxidantes

Silverstylus/Pixabay

Os lipídios dietéticos são considerados um fator importante para a biodisponibilidade de carotenoides. No entanto, a maioria das frutas e vegetais ricos em carotenoides são pobres em lipídios. No estudo de 2005 que avaliou o consumo de óleo de abacate ou abacate e a absorção de carotenoides, mostrou que o consumo de 150g de abacate ou 24g de óleo de abacate na salada, aumentou a absorção de alfacaroteno, betacaroteno e lluteína.

Pode prevenir e ajudar a tratar o câncer

Um estudo de 2015 publicado na Cancer Research mostrou que a abacatina B, um composto derivado do abacate, pode ajudar a matar as células de leucemia. Uma revisão de pesquisa de 2015 publicada no Journal of Agricultural and Food Chemistry descobriu que, os fitoquímicos presentes no abacate os tornam potencialmente benéficos para a prevenção desta doença.

Saúde ocular

Foto: California Avocado Comission

Os abacates contêm luteína e zeaxantina, dois fitoquímicos importantes para a saúde dos olhos. Incluir a fruta na alimentação, ajuda a reduzir o risco de desenvolver degeneração macular relacionada à idade.

Mantém o açúcar no sangue estável

Os abacates são ricos em nutrientes com propriedades que podem impactar favoravelmente o balanço energético. Adicionar abacate à sua alimentação ajuda a manter os níveis de açúcar no sangue controlados. A gordura presente na fruta não altera a glicemia. Isso significa que os pacientes diabéticos podem se beneficiar com o consumo. Um estudo realizado por pesquisadores da Universidade Loma Linda descobriu que, os participantes que comeram meio abacate no almoço relataram se sentir satisfeitos por mais tempo. Também mostrou que comer abacate não resultou em aumento nos níveis de açúcar no sangue. Os pesquisadores acreditam que o consumo pode ser benéfico na manutenção do peso e controle do diabetes.

Melhora a saúde digestiva

A fibra do abacate não só estabiliza o açúcar no sangue, mas também ajuda a melhorar a saúde digestiva, e ajuda a mudar o equilíbrio de bactérias no intestino, aumentando as saudáveis e diminuindo as prejudiciais que podem ser a chave de alguns problemas digestivos. A gordura do abacate também nutre o revestimento do intestino, o que diminui a chance de constipação e os sintomas da síndrome do intestino irritável (SII).

Melhora a função cognitiva e mantém sistema nervoso saudável

Os ácidos graxos são cruciais na manutenção do sistema nervoso saudável, sistema reprodutivo e processos cognitivos. Como seus ácidos graxos são um dos melhores benefícios do abacate, isso o torna um excelente alimento para o cérebro. Esses ácidos ajudam a equilibrar os hormônios que afetam diretamente o humor. Dietas com mais gordura podem reduzir os riscos de depressão, ansiedade e outros transtornos mentais, pois facilitam os mecanismos adequados de processamento de pensamentos, produção de hormônios e redução de estresse que ocorrem no cérebro. Consumidores de abacate têm maior colesterol HDL, menor risco de síndrome metabólica, menor peso, IMC e circunferência da cinturaAuxilia na perda de peso

Um estudo randomizado publicado no Nutrition Journal em 2013, para avaliar o efeito do consumo de abacate Hass na saciedade, mostrou que a adição de 150g de abacate Hass (avocado) no almoço, influenciou a saciedade pós-ingestão durante um período subsequente de 3 e 5 horas em adultos com sobrepeso.Proteção contra doenças crônicas


De acordo com o Programa do Departamento de Medicina Interna e Ciências Nutricionais da Universidade de Kentucky , a ingestão elevada de fibras está associada a menores riscos de desenvolver doença cardíaca, hipertensão, diabetes, obesidade, doenças gastrointestinais, derrame, sensibilidade à insulina, hipercolesterolemia, e ajuda na perda de peso. Apesar de sua textura cremosa, o abacate contém aproximadamente 3g de fibras a cada 100g da polpa.

Fonte: Adriana Stavro é Nutricionista Funcional e Fitoterapeuta Especialista em Doenças Crônicas não Transmissíveis (DCNT) pelo Hospital Israelita Albert Einstein – Mestranda do Nascimento a Adolescência pelo Centro Universitário São Camilo.

Presunto alemão e abacate rendem tostada deliciosa para um brunch especial

A maciez e o aroma do presunto nobre são o ponto de partida para esta receita

Sabe aquele sábado ou domingo em que a família acorda tarde e quer uma refeição ao mesmo tempo substanciosa, deliciosa e saudável? A combinação de ingredientes nobres, como presuntos produzidos com carnes selecionadas, além de frutas e verduras fáceis de encontrar nas feiras e supermercados, como abacate e repolho roxo, rende um brunch (mistura de café da manhã e almoço) completo. Se o presunto for do tipo alemão, aromático e com textura muito macia, a refeição fica ainda mais especial.

O presunto alemão que conhecemos no Brasil é inspirado no Presunto Floresta Negra, típico do sul da Alemanha, que só pode receber esta denominação se for produzido na região demarcada. No Brasil, a Frigor Hans, marca de embutidos e defumados premium, produz um presunto especial com sabor e receita únicos.

O produto tem como principal ingrediente um corte especial de pernil suíno, em peça única, sem pele, mas com uma fina camada de gordura. É marinado por mais de um dia em um tempero que leva zimbro e folhas de louro, o que o torna bem aromático. Depois, o presunto passa por um banho com corantes alimentícios naturais, como carmim e beterraba,é cozido e, posteriormente, defumado, até atingir textura bem macia e suculenta.

Aprenda a tirar proveito desta verdadeira iguaria e prepare um toast alemão com abacate e repolho roxo que vai deliciar a todos.

Toast alemão com abacate

Ingredientes:

Para o creme de abacate:
1 abacate maduro
2 colheres de sopa de azeite
1 colher de sopa de suco de limão
1 colher de chá de coentro fresco picado
Sal e pimenta-do-reino a gosto

Para o repolho roxo agridoce:
½ repolho roxo pequeno fatiado finamente (150 g)
1/2 cebola roxa picada
1 unidade de cravo
1/3 de xícara de cháde vinagre ou vinho tinto
1 colher de sopa de açúcar
1 colher de chá de tomilho fresco
Pimenta-do-reino a gosto

Para a montagem:
4 fatias de pão preto alemão cortado no sentido do comprimento (240 g)
16 fatias de Presunto Alemão Hans (240 g)
4 ovos caipiras

Modo de Preparo:
Amasse o abacate e adicione o azeite, o sal, a pimenta, o suco de limão e o coentro. Reserve o creme de abacate na geladeira até a hora do uso. Junte todos os ingredientes do repolho roxo em uma panela funda e deixe cozinhar em fogo baixo até que o líquido reduza cerca de 80%. Reserve em recipiente esterilizado em geladeira. Toste as fatias de pão na chapa e reserve.
Sobre cada fatia, espalhe o creme de abacate e disponha as fatias de presunto, intercalando com punhados do repolho roxo agridoce. Ladeie com um ovo caipira frito com gema mole. Sirva.

Rendimento:4 porções
Tempo de pré-preparo: 40 minutos

Fonte: Hans Alimentos

Receita de Guacamole com Parô Flormel

Fim de semana pede uma receita saborosa, não é mesmo? Aprenda como fazer Guacamole para saborear com Parô de Flormel, um snack assado feito com farinha de grão-de-bico, azeite extravirgem e temperos especiais. Isso sem falar na lista de ingredientes naturais que é livre de corantes, aromatizantes e conservantes artificiais.

O Parô pode ser encontrado nos sabores de Multigrãos, Tomate & Manjericão e Parmesão & Gorgonzola, sendo ideais saborear assistindo aquela série ou entre um compromisso e outro. Vamos à receita:

Guacamole com Parô Flormel

Ingredientes:
• 1 abacate médio maduro;
• 1 pimenta jalapeno ou dedo de moça sem sementes fatiado;
• ½ xícara de chá de cebola roxa em cubos bem pequenos;
• 1 colher de sopa de suco de limão;
• ¼ xícara de chá de folhas de coentro frescas picadas;
• ½ colher de chá de sal;
• 1 pitada de cominho;
• 12 unidades de tomate cereja cortado em fatias finas.

Modo de preparo:
Amasse com a ajuda de um garfo o abacate. Junte a pimenta, a cebola, o suco de limão, o coentro, o sal, o cominho e com um garfo misture bem, adicione os tomates no final.

Fonte: Flormel

Especialistas ensinam a preparar receitas equilibradas para festas de fim de ano

Opções de entradas, pratos principais, sobremesas e drinque aliam saudabilidade e nutrição

Os banquetes são as principais atrações de qualquer festa de fim de ano. Mesmo com as confraternizações reduzidas e com caráter intimista, como devem ser em 2020, manter uma alimentação gostosa e balanceada neste período pode ser um desafio e tanto. Mas, não precisa ser assim. Existem diversas receitas que aliam nutrição, equilíbrio e saudabilidade que podem ser feitas durante as ceias – incluindo as clássicas

Com o objetivo de levar sua expertise em alimentação para incentivar melhorias na qualidade de vida, os especialistas de nutrição e chefs da Sodexo On-site Brasil, prepararam diversas receitas de pratos principais, entradas, drinks e sobremesas nutritivas, além de dicas para manter a alimentação equilibrada e segura neste fim de ano que podem ser acessadas na íntegra no ebook Todos Bem.

Tostas de Abacate com Camarão

Ingredientes

Para a base
1 pão baguete
2 col. de sopa de azeite de oliva

Para o camarão
2 col. de sopa de azeite de oliva
1 kg de camarão descascado
1 col. de chá de Sal
Pimenta preta a gosto
Páprica a gosto
Pimenta caiena a gosto
Alho em pó a gosto
Suco de ½ limão

Modo de preparo
Corte a baguete em fatias finas e leve ao forno preaquecido a 180ºC por 10 a 15 minutos. Depois de levemente tostadas, retire do forno e acrescente o azeite de oliva sobre elas e reserve. Tempere os camarões com sal, pimentas e o alho em pó. Refogue ligeiramente os camarões em uma frigideira, adicionando o azeite. Ao finalizar, coloque os camarões em um prato e adicione o suco de limão. Amasse bem o abacate e tempere com sal, pimenta, alho e limão. Em cada tosta de baguete adicione o creme de abacate e os camarões. Finalize com salsinha para decorar.

Bacalhau com Crosta de Castanha-do-Pará

Ingredientes

1 postas grandes de lombo de bacalhau dessalgado
2 dentes de alho picado
100 gramas de castanha-do-pará triturada
½ xícara de chá de salsa, alecrim e manjericão picados
4 colheres de sopa de azeite extravirgem
1 abobrinha cortada em fatias grossas no sentido de comprimento
1 berinjela cortada em fatia no sentido de comprimento
1 pimentão cortado em tiras largas no sentido de comprimento
Sal e pimenta a gosto

Modo de preparo

Em uma frigideira antiaderente, coloque 2 colheres de sopa de azeite e doure as postas de bacalhau com o alho. Retire o bacalhau, e sem lavar a frigideira, misture a castanha-do-pará triturada e as ervas. Cubra as postas de bacalhau com a costa de castanha.Coloque em uma assadeira os legumes, regue com o restante do azeite e leve ao forno preaquecido a 200º até os legumes ficarem macios. Sirva as postas com os legumes assados.

Pudim de Chia com Frutas Vermelhas

Ingredientes

4 col (sopa) iogurte natural
8 col (sopa) de chia
1 ½ xícara de leite de coco (ou outro leite vegetal: amêndoa, quinoa, aveia)
⅔ xícara (chá) de água adoçante Xylitol a gosto (opcional)
1 xícara de frutas vermelhas (mirtilo, morango, amora

Modo de preparo

Pudim
Em um bowl ou pote de vidro misture a chia, o leite de coco, a água e o adoçante (opcional). Leve a geladeira por 1 hora.

Frutas vermelhas
Processar as frutas vermelhas no liquidificador e deixar algumas inteiras, misturar. Acrescente 2 colheres de sopa de mel e misture.Coloque sobre o pudim e leve à geladeira por mais 1 hora.

Coquetel tropical (sem álcool)

Ingredientes

350ml de água com gás
Suco de 1 limão
Suco de 1 laranja
Folhas de capim limão
Fatia de limão e laranja
Gelo

Modo de preparo

Adicione os sucos de laranja e de limão, as folhas de capim limão e misture brevemente. Adicione gelo e complete com água com gás.Finalize com a fatia de limão ou laranja na lateral. Sirva imediatamente.

Fonte: Sodexo On-site Brasil

Versátil: veja como utilizar o abacate em suas receitas

Confira abaixo quatro opções de receitas para utilizar o fruto no seu dia a dia, aliando sabor, textura e bom custo-benefício.

Quer aproveitar o café da manhã ou o lanche da tarde com uma receita clássica, fácil e sem abrir mão daquele sabor? Com a Vitamina de Abacate é possível. Seu preparo leva 10 minutos e utiliza pouquíssimos ingredientes. Receita de Marcelo Resende.

Ingredientes
• meio abacate pequeno maduro
• 1 folha pequena de couve
• 2 colheres (sopa) de Leite Molico em Pó
• 1 colher (chá) de mel

Modo de preparo
Em um liquidificador, bata todos os ingredientes com 1 xícara (chá) de água até ficar homogêneo. Sirva.

O abacate pode estar entre os ingredientes curinga que dão um toque diferenciado na salada do dia a dia. É o que ocorre na Salada de batata-doce rústica, frango grelhado, feijão branco e molho de abacate. Receita de Iara Venanzi.

Ingredientes

Batata-doce:
• 2 batatas-doces com casca, em cubos
• 2 colheres (sopa) de azeite
• 1 colher (chá) de sal
• 1 colher (sopa) de alecrim fresco

Molho de Abacate:
• meio abacate
• 2 colheres (sopa) de azeite
• 1 stick de Maggi Meu Segredo

Montagem:
• 600 g de filé de frango grelhado, em tiras finas
• 10 rabanetes cortados em 4
• 1 xícara (chá) de feijão branco cozido
• meia cebola roxa em fatias finas

Modo de preparo

Batata-doce:
Em uma assadeira, coloque as batatas com o azeite, sal e o alecrim. Cubra com papel-alumínio e leve para assar em forno médio (180°C), preaquecido, por cerca de 30 minutos. Retire o papel-alumínio, e volte ao forno por mais 20 minutos, virando na metade do tempo, ou até as batatas estarem macias e douradas. Reserve.

Molho de Abacate:
Em um liquidificador, bata bem todos os ingredientes com 3 colheres (sopa) de água. Reserve.

Montagem:
Em um recipiente de servir, arrume todos os ingredientes. Sirva acompanhado do molho de abacate.

Dica:
Decore com fatias de abacate e alecrim.

Quer inovar no preparo do hambúrguer? Aposte na inclusão do abacate e invista no Hambúrguer Caseiro com Toque Mexicano. É prático, saboroso e, sem dúvidas, irá surpreender seus amigos e familiares. Receita de Marcelo Resende.

Ingredientes

Hambúrguer:
• meio quilo de acém moído
• meio quilo de alcatra moída
• 1 envelope de Maggi Creme de Cebola

Guacamole:
• 1 abacate pequeno picado
• meia cebola roxa picada
• 2 tomates , sem sementes, picados
• 1 stick de Maggi Meu Segredo
• 2 colheres (sopa) de azeite
• suco de 1 limão
• meia pimenta dedo-de-moça , sem sementes, picada
• 2 colheres (sopa) de coentro picado

Montagem:
• 16 minipães de hambúrguer
• 1 xícara (chá) de nachos

Modo de preparo

Hambúrguer:
Em um recipiente, coloque as carnes moídas com o Maggi Creme de Cebola e 2 colheres (sopa) de água. Misture muito bem para temperar por igual. Modele 16 hambúrgueres médios (cerca de 6 cm de diâmetro) e grelhe-os em uma frigideira antiaderente untada levemente com óleo. Reserve aquecido.

Guacamole:
Em um recipiente, misture todos os ingredientes. Reserve.

Montagem:
Corte os minipães ao meio, coloque o Hambúrguer, um pouco de Guacamole e os nachos. Sirva.

Precisa fazer aquela sobremesa rápida e que garanta elogios? Aposte no Creme de Abacate.
Receita de Marcelo Resende.

Ingredientes
• 2 abacates grandes
• 3 colheres (sopa) de suco de limão
• 5 colheres (sopa) de açúcar
• 1 lata de Nestlé Creme de Leite

Modo de preparo
Em um liquidificador, bata todos os ingredientes até obter um creme homogêneo. Sirva a seguir.

Fonte: Receitas Nestlé

Alimentos antienvelhecimento para mulheres 40+

A beleza vem de dentro, quem nunca ouviu isso? A conexão entre nutrição e beleza da pele, ou melhor, o efeito da nutrição no envelhecimento da pele, tem sido um campo de pesquisa ao longo dos últimos anos. O envelhecimento cutâneo consiste em dois processos, intrínseco e extrínseco. A prevenção é a forma mais eficaz de combater os efeitos do tempo na saúde da pele, e a melhor estratégia de autocuidados é incluir um estilo de vida estruturado com ingestão alimentar de qualidade, com boas quantidades de antioxidantes, alimentos anti-inflamatórios, boas fontes de proteínas, vitaminais e minerais essenciais e gorduras saudáveis.

Neste sentido alguns nutrientes são fundamentais, confira com a nutricionista Adriana Stavro:

Foto: ImageParty/Pixabay

Brócolis – os cuidados com a pele não incluem apenas brilho, mas também sua imunidade. Uma vez que o brócolis é uma fonte de antioxidantes e nutrientes como a vitamina C e minerais como cobre e zinco, o brócolis ajuda a manter a pele saudável. Isso significa que também protege a pele contra infecções, além de manter o brilho natural. Além disso a Vit C auxilia na produção de colágeno, tornando a pele mais jovem. Os brócolis contêm uma substância chamada glucorafanina que é convertida em sulforafano, auxiliando na reparação da pele, tornando-a mais saudável. Assim, comer brócolis renova sua pele mais rapidamente, e dá à sua tez um belo brilho natural.

Fruchthandel_Magazin/Pixabay

Sementes de romã – é uma das frutas mais saudáveis. Sua atividade antioxidante parece ser ainda maior do que a do chá verde. Além disso são ricos em vitamina C, que protegem nosso corpo dos danos dos radicais livres, e ajudam a reduzir os níveis de inflamação. Essas frutas contêm um composto chamado punicalaginas, um antioxidante que pode ajudar a preservar o colágeno da pele, retardando os sinais de envelhecimento. Eles também ajudam a proteger a pele dos danos do sol. Além do mais, os pesquisadores sugerem que diferentes partes da romã podem trabalhar juntas para reparar a pele danificada, e aumentar a produção de colágeno.

Silverstylus/Pixabay

Abacate – são ricos em ácidos graxos, que combatem a inflamação e promovem uma pele macia e flexível. Eles também contêm uma variedade de nutrientes essenciais que podem prevenir o envelhecimento, incluindo vitaminas K, C, E e A, complexo B e potássio. O alto teor de vitamina A nos abacates pode ajudar a eliminar as células mortas, deixando uma pele linda e brilhante. Seu teor de carotenoides também pode ajudar a bloquear as toxinas e os danos dos raios solares, e ajudar a proteger contra o câncer de pele. Além disso, os abacates contêm compostos únicos chamados álcoois graxos poli hidroxilados. Eles podem combater a inflamação, proteger a pele do sol, e ajudar a reparar o DNA danificado. Seu alto teor de gordura monoinsaturada, e os antioxidantes luteína e zeaxantina, fornecem proteção adicional à pele e ao DNA.

Shutterstock

Agrião – atua como um antisséptico interno, aumentando a circulação e distribuição de minerais a todas as células, resultando em maior oxigenação da pele. Rico em antioxidantes, o agrião neutraliza os radicais livres prejudiciais, reduzindo as linhas de expressão, as rugas finas. Os isotiocianatos do agrião também podem prevenir o câncer de pele. Esses compostos interferem nas células malignas, e restauram a função celular normal.

Manfred Richter/Pixabay

Pimentão vermelho – os pimentões vermelhos são ricos em antioxidantes chamados carotenoides, além de vitamina C, que ajuda na produção de colágeno. Os carotenoides são pigmentos vegetais responsáveis pelas cores vermelha, amarela, e laranja em muitas frutas e vegetais. Eles têm uma variedade de propriedades anti-inflamatórias, e pode ajudar a proteger a pele da luz solar, poluição e toxinas ambientais.

Foto: S. Hermann & F. Richter/Pixabay

Mirtilos – são ricos em vitaminas A, C e antocianina. Estes antioxidantes combatem os radicais livres da exposição ao sol, estresse e poluição, moderando a resposta inflamatória, e prevenindo a perda de colágeno, que podem causar danos à pele ao longo do tempo, e acelerar o processo de envelhecimento. Os mirtilos também contêm quantidades significativas de zinco e ferro, ambos elementos amigos da pele.

Mamão – rico em vitaminas A, C, K, E e complexo B, cálcio, potássio, magnésio e fósforo. Fonte de antioxidantes, ajuda a combater os radicais livres, retardar os sinais de envelhecimento, reduz as rugas e linhas de expressão, diminui a acne, (principalmente em adolescente) e melasmas.

Foto: Clara Sander/Pixabay

Espinafre – um super-hidratante cheio de antioxidantes, que ajudam a oxigenar e reabastecer o corpo todo. Também é rico em: vitaminas A, C, E, K, magnésio, ferro heme e luteína. O alto teor de vitamina C desta folha verde, aumenta a produção de colágeno para manter a pele firme. A vitamina A promove cabelos fortes e brilhantes, enquanto a vitamina K ajuda reduzir a inflamação nas células.

Foto: Clara Sander/Pixabay

Amêndoas – são ótima fonte de vitamina E, que ajudam a reparar o tecido da pele, reter a umidade e proteger dos raios UV. As amêndoas contém ácidos graxos ômega-3, um anti-inflamatório que ajuda a fortalecer as membranas celulares da pele contra danos dos raios solares, e dão à pele um brilho preservando sua barreira natural. Além disso, fornecem fibras, gorduras essenciais e proteínas. Elas são responsáveis por deixar a cútis macia e flexível, além de dar-lhe um brilho natural e com aparência mais lisa. Portanto, se você ainda não adicionou essas amêndoas em sua alimentação, faça logo para obter uma pele naturalmente brilhante e saudável.

Foto: Atul Prajapati/Pixabay

Temperos e especiarias – as especiarias fazem mais que apenas adicionar sabor à comida. Eles contêm vários compostos que podem ter efeitos benéficos para a saúde. Pesquisas sugerem que algumas especiarias podem até mesmo ajudar a sua pele a parecer mais jovem. É o caso da canela, que demonstrou aumentar a produção de colágeno, e aumentou a firmeza e elasticidade da pele. Além disso, o gengibre contém gingerol. Este composto tem efeitos anti-inflamatórios que podem ajudar a prevenir as manchas senis, que se desenvolvem devido à exposição ao sol.

Foto: Ivabalk/Pixabay

Batata doce – a cor laranja da batata-doce vem de um antioxidante chamado betacaroteno, que é convertido em vitamina A, e pode ajudar a restaurar a elasticidade da pele, promover a renovação das células mortas, e contribuir para uma pele macia e com aparência saudável. A batata doce também é rica em vitamina C e vitamina E, ambas muito importantes para manter a pele saudável, brilhante e flexível. A vitamina C ajuda a aumentar o colágeno, que fortalece a pele. Os antioxidantes presentes na batata-doce também são responsáveis pelo brilho natural da pele. O tubérculo também é uma fonte rica em antocianinas que ajudam a prevenir manchas escuras, mantendo a atividade dos radicais livres sob controle.

Adriana Stavro é nutricionista funcional e fitoterapeuta. Especialista em Doenças Crônicas não Transmissíveis (DCNT) pelo Hospital Israelita Albert Einstein – Mestranda do Nascimento a Adolescência pelo Centro Universitário São Camilo.