Arquivo da tag: adélia mendonça

Os benefícios da vitamina C para a pele

Essencial para a produção de colágeno, ela tem ação rejuvenescedora e antioxidante

A vitamina C é muito conhecida e ótima para a saúde de modo geral. Por não ser sintetizada pelo organismo, ela deve ser inserida por meio da alimentação ou de uso tópico. A vitamina C é essencial para a produção natural de colágeno no corpo, a proteína que dá sustentação e firmeza para a pele, cabelos, unhas e articulações.

frutas-citricas

Ela pode ser encontrada nas frutas e vegetais como a acerola, goiaba, kiwi, morango, laranja, pimentão, brócolis, couve-de-bruxelas e caju. No entanto, hoje, ela não existe apenas para consumo oral; os estudos evoluíram e surgiu a Vitamina C de uso tópico. Estudos provaram que com a Vitamina C oral o organismo absorve em torno de 10% de seus benefícios e no uso tópico constatou-se que ela pode ser reaproveitada em até 60% de seus benefícios.

Adélia Mendonça, especialista em dermocosméticos de alta performance, sendo pioneira no Brasil nas áreas de estética íntima e skincare de alto percentual ativo e fundadora da Adélia Mendonça Cosméticos, explica que é importante lembrar que a Vitamina C tem uma especificidade que necessita de uma atenção: ela é muito volátil e oxida facilmente.

“Por exemplo, se fizer um suco de laranja e não tomar ele na hora, deixando passar alguns minutos, você irá tomar apenas água com gosto de laranja, pois, ele já irá ter perdido todos os benefícios da vitamina C”, aponta Adélia.

Hoje, na área dos cosméticos, é possível encontrar a Vitamina C estabilizada. Adélia Mendonça explica que ela vem em nanopartículas e em cápsulas. “Isso é a nanotecnologia, que é a evolução dos cosméticos em nanopartículas e lipossomadas que preservam o ester da vitamina C em 100%. Ela deve ser medicamente fechada sem nenhum contato com a luz e ar, porque se acontecer o contato ela irá oxidar e perder suas propriedades”, esclarece.

Por isso, hoje é possível industrializar um produto com o princípio ativo da Vitamina C em até 30% da vitamina pura, mas, para isso, é necessário que ela tenha sido medicamente fechada em uma embalagem especial, para manter suas propriedades microbiológicas e físico químicas.

Benefícios para a pele

270054_560069_mascara_de_vitamina_c_web_

Adélia lembra que a vitamina C possui diversos benefícios para a pele, mas que os mais importantes são:

– Ação clareadora: no Brasil, existe uma miscigenação oriundas de várias raças, por isso, a pele brasileira tem uma predisposição muito grande para manchar, além de ser um país tropical com sol forte que favorece as manchas. Assim, é importante essa ação clareadora da vitamina.
– Ela estimula a síntese do colágeno: a vitamina C estimula o fibroblasto a produzir mais fibras de sustentação na pele, que são o colágeno e elastina. Assim, teremos uma pele mais firme, menos flácida, mais hidratada, mais luminosa.
– Ação oxidante: uma pele oxidada tem uma disposição maior para envelhecer, porque a oxidação é a “ferrugem” da célula, assim ela vai envelhecer a célula. Então, a vitamina C tem ação rejuvenescedora.
– Poder de regenerar a pele: ela tem a capacidade de regenerar as células danificadas, como cicatrizes, rugas e estrias.

Adélia lembra que, hoje, a vitamina C é um produto multifuncional e é muito conhecida e difundida na mídia. No entanto, cabe ao consumidor ficar atento a sua qualidade. “Por exemplo, algumas vitaminas C vêm em um conta-gotas, assim ela perde sua eficácia muito rápido, pois quando em contato com o ar e luz ela não consegue manter a estabilidade”, finaliza.

Fonte: Adélia Mendonça atua na área de estética há mais de 40 anos. Começou a se dedicar aos estudos em cosmetologia a partir de um problema estético pessoal para o qual não conseguia encontrar solução. Possui especialização em Estética Facial Corretiva, realizada em Buenos Aires (Argentina), e já participou de pesquisas na Europa, Estados Unidos e América do Sul. Fundou seu próprio laboratório, a Indústria de Cosméticos Adélia Mendonça, para aplicar os conhecimentos adquiridos ao longo de seus anos de estudos.

Peles diferentes necessitam de tratamentos diferentes

Brasil possui miscigenação de peles e cada uma precisa de cuidados específicos

O Brasil é um país conhecido por sua mistura de etnias, por isso não existe uma única pele brasileira, mas várias. Desse modo, são encontrados diversos tipos, pois, a pele brasileira é mais complexa por ser oriunda de uma miscigenação de negros, índios e europeus (negros, pardos e brancos). Há, ainda, diferenciações teciduais únicas oriundas da radiação ultravioleta expressiva e altas temperaturas.

Em conjunto, essas ocorrências traduzem a pele brasileira como única no mundo e, por isso, requer tratamentos, composições e blends de ativos extremamente especiais e com concentrações diferenciadas.

Diferentes tratamentos

maquiagem mulher negra shutterstock
Shutterstock

Adélia Mendonça, especialista em dermocosméticos de alta performance, sendo pioneira no Brasil nas áreas de estética íntima e skincare de alto percentual ativo, e fundadora da Adélia Mendonça Cosméticos, aponta que peles diferentes precisam de tratamentos estéticos específicos.

“A barreira córnea tem atuação seletiva de retenção/bloqueio. Porém, sua existência é vital para a proteção aos agentes ambientais. As composições devem saber manejar o tecido sem uma violação ou processo inflamatório agudo, enquanto estimula a proliferação de novas células vivas. Esse manejo é vital para a pele ter qualidade, resistência e tração necessárias. Dependendo do tipo de pele, são necessários produtos específicos para que haja permeação cutânea (absorção profunda dos ativos na pele)”, destaca.

Cuidados

protetor solar creme rosto mulher

Para se ter uma pele saudável, é preciso ter alguns pilares básicos de tratamento, divididos em higienização, tonificação, dermocorreção e fotoproteção. Além disso, Adélia aponta que, para o melhor aproveitamento de dermocosméticos, deve-se utilizar produtos direcionados para o seu tipo de pele e, o ideal, é que os cuidados comecem já a partir dos 18 anos.

Tipos de pele

Adélia ainda lembra que reconhecer qual o seu tipo de pele é fundamental para saber quais produtos usar e que, principalmente no Brasil, uma única pele pode apresentar aspectos de tipos variados.

“Devido a essa miscigenação, uma só pele pode apresentar diversas condições, como manchas, oleosidade, acne e outros aspectos. Portanto, na Adélia Mendonça Cosméticos, desenvolvemos dermocosméticos para atender cada necessidade de pele. Além disso, nossos dermocosméticos são hipoalergênicos, livres de parabenos e oil-free”, explica.

shutterstock mulher pele rosto
Shutterstock

Os tipos de pele são oleosa, mista e seca. Para reconhecer cada tipo, a especialista deu algumas dicas:

Pele oleosa: apresenta uma camada grossa, espessa, com cravos, poros abertos e oleosidade excessiva.
Pele mista: apresenta oleosidade, cravos e poros abertos na região da testa, nariz e queixo (zona T).
Pele seca: no Brasil, esse tipo de pele é mais comum na região sul, por maior influência europeia, onde o clima é mais frio e as peles são claras e apresentam menor quantidade de óleo.

Fonte: Adélia Mendonça atua na área de estética há mais de 40 anos. Começou a se dedicar aos estudos em cosmetologia a partir de um problema estético pessoal para o qual não conseguia encontrar solução. Possui especialização em Estética Facial Corretiva, realizada em Buenos Aires (Argentina), e já participou de pesquisas na Europa, Estados Unidos e América do Sul. Fundou seu próprio laboratório, a Indústria de Cosméticos Adélia Mendonça, para aplicar os conhecimentos adquiridos ao longo de seus anos de estudos. Desde então, desenvolve dermocosméticos de alta performance.