Arquivo da tag: cabelo

Cabelegria retorna ao Santana Parque Shopping para doações de perucas e cortes de cabelo

Objetivo da ação é transformar a vida de pessoas que passaram por tratamentos de câncer ou outras doenças

No dia 14 de maio, o Santana Parque Shopping recebe mais uma vez o Banco de Peruca Móvel da ONG Cabelegria. A ação acontece das 11h às 19h, na entrada principal do empreendimento.

O projeto, que retorna ao shopping a cada dois meses, tem como principal objetivo transformar a doação de cabelos em perucas para serem distribuídas às pessoas que passaram por tratamentos de câncer ou que foram diagnosticadas com outras doenças que causam queda de cabelo.

“É sempre muito gratificante poder ser um ponto de apoio da Cabelegria e ver quantas pessoas se solidarizam com as doações, assim como a alegria no rosto de todas aquelas que recebem uma peruca. Em cada ação esperamos transformar um número maior de vidas”, afirma Rodrigo Rufino, gerente de marketing do Santana Parque Shopping.

Os interessados em abraçar a causa podem realizar cortes de cabelos gratuitamente no local. Não existem restrições para doação, todos os tipos de cabelos com no mínimo 15cm são aceitos, podendo ser natural, com química ou tintura. Além disso, quem doar terá isenção no preço do estacionamento.

Cabelegria no Santana Parque Shopping
Quando: Dia 14 de maio
Horário: 11h às 19h
Local: Entrada principal do Santana Parque Shopping
Endereço: Rua Conselheiro Moreira de Barros, 2780 – Santana – SP
Mais informações: site ou pelo telefone: (11) 2238-3002 ou WhatsApp: (11) 96588-3226.

Confira escovas de cabelo desenvolvidas especialmente para a hora do banho

Linha Shower Flex Ricca é ideal para espalhar condicionador ou máscara capilar no chuveiro, além de desembaraçar os fios e auxiliar na lavagem perfeita!

O tratamento Nº1 de cuidado com os fios é penteá-los diariamente. Isso ajuda a remover resíduos acumulados durante o dia, auxilia no crescimento e, por consequência, torna o cabelo mais saudável. Mas este cuidado pode ser inserido também no chuveiro!

A nova linha Shower Flex Ricca é perfeita para ser usada durante a aplicação do condicionador ou máscaras capilares, ajudando a espalhar os produtos por todo o cabelo, além de garantir uma menor quebra dos fios. E o melhor: as novas escovas proporcionam aquela massagem no couro cabeludo que deixa o momento do banho ainda mais relax!

Os novos modelos possuem base aberta e flexível, pontas arredondadas e acompanham o formato da cabeça, trazendo mais conforto durante seu uso.

Uma imagem contendo escova

Descrição gerada automaticamente
Uma imagem contendo pente

Descrição gerada automaticamente

As novidades podem ser encontradas em duas cores: Shower Flex Turquesa e Shower Flex Pink. Na dúvida de qual escolher, por que não uma de cada?!

Informações: Ricca

Spray Clareador com camomila e vitamina C é novidade da Maria Natureza

Em outubro de 2021 a linha Maria Natureza foi relançada com a nova proposta de dar mais foco aos seus ativos naturais. A marca, agora com venda exclusiva online, conta também com a tecnologia Bio 360, que forma um escudo nos fios garantindo ação antipoluição, antioxidante, proteção térmica e proteção UV.

O portfólio possui seis linhas até o momento: Hidratação Sem Pesar com óleo e água de coco, Detox com tecnologia micelar, Nutrição Extraordinária com murumuru e abacate, Reconstrução Reparadora com CB2 e queratina, Crescimento Saudável com jaborandi e biotina e Brilho Iluminador com camomila e vitamina C. Além disso, as linhas Hidratação Sem Pesar e Nutrição Extraordinária ganharam também a versão travel size de shampoo e condicionador e necessaires personalizadas da marca.

A novidade da vez fica por conta da linha Brilho Iluminador. Antes ela possuía apenas shampoo e condicionador, mas agora traz o Spray Clareador, que clareia e reaviva a cor dos cabelos claros gradativamente sem agredir os fios, deixando-os leves, macios e brilhantes, além de ser dermatologicamente testado e vegano. Na fórmula, a camomila proporciona maciez, propriedades clareadoras e hidratantes e a vitamina C, um poderoso antioxidante que garante o fortalecimento dos fios. Vale lembrar que a linha é vegana e cruelty free.

Para garantir os produtos, basta acessar o e-commerce da Salon Line.

Cuidados com os cabelos: 12 erros que cometemos diariamente

Dermatologista responde perguntas sobre cuidados diários com o cabelo

Existem vários tipos de cabelo e, seja qual for o seu e as necessidades individuais dele, as práticas e tendências com os cuidados aos fios seguem viralizando e sendo disseminadas na Internet. Junto com isso, existe o esforço para que a cabeleira fique saudável e em bom estado. Apesar da utilização de novas técnicas e produtos, a rotina corrida e a falta de cuidado podem levar a alguns deslizes que, ao longo do tempo, comprometem a saúde capilar.

Por isso, a Doctoralia em parceria com a dermatologista especializada em tricologia e membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia, Rita de Cássia Rossini, lista os principais erros e enganos que cometemos diariamente com os cabelos e como resolvê-los.

Lavar o cabelo com água gelada ou quente?
Rita:
O ideal é usar água morna ou gelada, evitando a água quente, uma vez que a temperatura mais alta estimula a produção de sebo nas glândulas, deixando o couro cabeludo mais oleoso. Isso também pode prejudicar a estrutura dos fios, que ficam mais frágeis e quebradiços.

Não lavar o cabelo com frequência pode danificar os fios?
Rita:
É recomendado fazer a limpeza, no mínimo, três vezes na semana, pois se lavarmos pouco o cabelo pode ocorrer acúmulo de sebo e de produtos no couro. Isso pode levar a uma irritação da pele e do folículo, favorecendo algumas doenças como a dermatite seborreica – inflamação que causa principalmente descamação e vermelhidão.

E o contrário, a limpeza muito frequente dos cabelos pode causar algum efeito negativo?
Rita
: Não há contraindicação em lavar os cabelos com maior frequência, como todos os dias. Realmente vai depender do tipo dos cabelos e das particularidades de cada indivíduo, mas recomendo que se use um produto de limpeza, como o shampoo, apenas uma vez ao dia.

Conair

É preciso limpar ou trocar a escova de cabelo?
Rita:
Com certeza! A limpeza da escova de cabelo é essencial para que sejam eliminadas secreções, restos celulares e microrganismos que podem crescer nestes itens de uso pessoal.

É verdade que ficar com os cabelos presos por muito tempo pode estragar os fios?
Rita:
Sim, é verdade. Quando prendemos o fio, principalmente de cabelos molhados, danificamos sua estrutura, o que favorece a quebra e queda. Além disso, cabelos presos com força e diariamente podem levar a um tipo de afinamento e queda do fio da região mais próxima à face, a linha de implantação dos cabelos na fronte, levando a uma alopecia de tração que pode ser irreversível.

Ficar com a toalha na cabeça após o banho é ruim? Por quê?
Rita:
Não é recomendado, pois o uso pode gerar atrito entre os fios e danificá-los. Além disso, o ambiente úmido pode estimular o crescimento de alguns fungos no nosso couro cabeludo.

O que o excesso de shampoo e condicionador na hora da lavagem pode causar?
Rita:
O excesso de shampoo, que por ter uma ação detergente, desengordurante, pode retirar água e óleos da parte mais externa do fio, deixando-os mais secos e frágeis, o que pode levar à quebra dos fios. Por outro lado, usar muito condicionador, principalmente, na raiz dos cabelos, pode ocasionar uma obstrução da abertura do folículo, e assim, piorar quadros de dermatite seborreica e outras alopecias do couro cabeludo, além de deixar o fio pesado e não maleável.

Muitos afirmam que a hidratação com óleo de coco no cabelo não faz bem, pois é muito pesado. Mito ou Verdade?
Rita:
Mito, o óleo de coco é um dos poucos ativos que tem propriedades de penetrar na estrutura do fio para o objetivo de hidratar os cabelos.

O uso de produtos inadequados para o tipo de cabelo pode trazer danos aos fios? Por exemplo, uma cacheada usando condicionador para cabelos lisos.
Rita:
Sim! Esta regra vale principalmente para pacientes com cabelos crespos ou cacheados e que usam com frequência shampoo antirresíduo, que por sua vez são mais detergentes, então como fazem uma limpeza mais profunda dos cabelos, podem agredir ainda mais o cabelo.

Há um senso comum de que o cabelo deve ser cortado periodicamente. Mito ou verdade? Por quê?
Rita:
Não existe uma regra para frequência dos cortes. Vai depender do estilo, formato e dano do cabelo.

Deixar o cabelo secar naturalmente ou com o secador, qual a melhor opção?
Rita:
O ideal é deixar o cabelo secar naturalmente, lembrando que existem vários tipos de secador e quanto maior a temperatura maior o dano ao fio, deixando-o mais frágil, quebrado e sem brilho.

Foto: All4Women

A máscara pode ser um substituto para o condicionador?
Rita:
Não! A máscara hidratante pode ser utilizada entre uma e duas vezes na semana, conforme o tipo e dano existente no cabelo. Para uso diário, o condicionador tem maior capacidade de selar as cutículas garantindo brilho, maciez e facilidade na hora de escovar.

Fonte: Doctoralia

Compare cortes de cabelo de antigamente com as versões atuais

Shaggy Hair e Mullet são alguns dos cortes do passado que são tendência novamente

Todos sabemos que moda é algo cíclico. As peças de cores neon, que tiveram seu auge nos anos 80, voltaram à moda, e a calça pantalona, popular nos anos 70, também retornou ao guarda-roupa de muita gente várias décadas depois. Mas não é somente com as roupas que há essa revisitação do passado.

A atriz francesa, e hoje ativista pelos animais, Brigitte Bardor, a precursora do corte shaggy

Os cabelos também passam pelo mesmo tipo de revival. Cortes e penteados que surgiram no passado ou que foram populares em certa época retornaram aos holofotes, mas em versões modernizadas que consideram a forma que vivemos hoje em dia. Refletindo essa tendência, o time do Tudo Pra Cabelo, hub de conteúdo da Unilever, criou uma lista de 10 cabelos do passado que estão em todos os lugares atualmente.

A cantora e atriz Cher em 1987 – Foto: Elisa Leonelli/REX/Shutterstock

Um dos cabelos tendência no momento é o shaggy hair. Democrático e moderno, ele fica bem em todas as texturas e comprimentos, apresentando um ar meio bagunçado. Mas, na verdade, ele surgiu no final dos anos 1970 e se popularizou na década de 1980, quando tinha uma característica mais pesada.

“O original tinha um ar exagerado, carregado e com camadas altas. A finalização geralmente era elaborada com bob e escova. Já atualmente ele é mais natural, menos volumoso e fica bem em qualquer pessoa”, explica Greta Rincon, hairstylist do Cabtudo, ao comparar os estilos.

Outro cabelo que voltou com tudo atualmente lembra o estilo que a atriz Farrah Fawcett usava nos anos 1970, quando ficou conhecida por estrelar o seriado As Panteras. O cabelo da atriz recentemente se popularizou no canal de mídia social TikTok e também no Instagram, onde a hashtag farrahfawcetthair tem mais de 16 mil postagens.

Farrah Fawcett – 1975 – Foto Kobal/REX/Shutterstock

As pessoas ficaram muito tempo em casa devido à pandemia e queriam usar a criatividade e provavelmente por isso investiram no estilo da atriz, que veio um pouco diferente do original.

“No passado, ele era muito escovado, ondulado e armado. Por sua vez, hoje em dia ele tem um ar mais suave e a franja vem menos acentuada, já que atualmente as pessoas buscam por penteados versáteis e práticos, possíveis de estilizá-los tanto para uma festa quanto para o dia a dia. Isso é um contraste com a década de 70, quando as pessoas passavam mais tempo arrumando o cabelo”, pondera Greta Rincon.

A atriz Jennifer Lopez com uma versão mais atualizada do corte shaggy – Reprodução Instagram
A atriz Mandy Moore na festa do Emmy de 2019 – Foto: Image Press Agency/NurPhoto/REX/Shutterstock

Outros estilos, como o mullet, por exemplo, também passou por modificações, mas a versão atual não é muito diferente da original, dos anos 80.

Acima, a atriz Jane Fonda, em foto de 1971; ao lado dela, a cantora e atriz Liza Minelli, em 1983. Abaixo, cantora e atriz Miley Cyrus, em foto deste ano, e a nova versão do corte mullet – Fotos: Getty Images

“O mullet de hoje em dia lembra bastante o do passado, mas ele vem um pouco mais colorido, como com uma cor fantasia ou platinado”, conclui a hairstylist.

Fonte: Tudo Pra Cabelo

Parece, mas não é: conheça a diferença entre produtos usados na rotina de cuidados

Sabonete ou shampoo em barra? Make com FPS ou protetor solar com cor? Fio dental ou escova interdental? Descubra quais as diferenças entre esses e outros produtos de autocuidado, que, apesar de parecidos, não são intercambiáveis.

A rotina diária de beleza, seja com o rosto, o corpo, os cabelos ou até os dentes, é um momento de autocuidado muito importante para a manutenção da saúde dessas estruturas. No entanto, às vezes, realizar esses cuidados pode ser complicado, especialmente para principiantes, que podem facilmente se confundir com a grande quantidade de produtos disponíveis hoje no mercado, principalmente pelo fato de muitos desses produtos serem parecidos à primeira vista, apesar de possuírem diferenças importantes.

E utilizar os produtos errados pode ser realmente catastrófico, com consequências que vão desde a perda da eficácia até a agressão das estruturas. Então, para ajudar você a realizar sua rotina de beleza sem complicações, reunimos um time de especialistas para apontar as principais diferenças entre produtos de autocuidado que, apesar de parecidos, possuem indicações diferentes. Confira:

Getty Images

Sabonete convencional X sabonete facial: muitas pessoas acreditam que o sabonete facial é apenas uma jogada de marketing, mas não é bem assim. O sabonete convencional e o sabonete facial possuem diferenças importantes, sendo recomendado que você tenha os dois. “O pH do sabonete convencional é incompatível com a pele do rosto. Logo, se utilizado nessa região, pode causar desidratação e, em seguida, o efeito rebote. E o mesmo vale no caso contrário, já que, por ser mais suave, o sabonete facial pode não ser eficaz na remoção de sujidades e oleosidade do corpo”, afirma a dermatologista Paola Pomerantzeff, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia. E mesmo entre os sabonetes faciais, é importante prestar atenção para escolher um produto adequado a sua pele.

Peles oleosas, por exemplo, podem apostar em produtos que controlem a produção de sebo, como o Sabonete Poros com Ácido Glicólico, da Be Belle, enquanto peles mais secas devem investir em produtos mais hidratantes, como o Sabonete Poros Hidratante, também da Be Belle.

Pinterest

Esfoliante facial X esfoliante corporal: novamente, a existência de um esfoliante para cada parte do corpo não é apenas uma jogada de marketing. “A pele do corpo é diferente da pele do rosto e, por isso, deve ser tratada com produtos específicos. Um esfoliante próprio para ser usado no corpo geralmente contêm partículas maiores para conseguir tratar a pele da região, que é mais grossa, com eficácia. Consequentemente, esses esfoliantes corporais são mais abrasivos, podendo causar lesões quando usados no rosto, que tem uma pele mais sensível”, afirma o dermatologista Abdo Salomão Jr, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

O ideal então é que o esfoliante facial contenha partículas menores, como é o caso do Esfoliante Tribeca, da BURB, que conta com sementes de Apricot (damasco) em sua composição.

Água micelar X tônico adstringente: tanto o tônico facial quanto a água termal funcionam, de acordo com Paola, como um complemento à higienização da pele, removendo impurezas que não saíram apenas com o sabonete, além de normalizarem o pH da pele, o que também contribui para melhor absorção dos ativos cosméticos que serão aplicados. A diferença desses produtos está na indicação. “A água micelar possui micelas que atraem as partículas de sujeira, poluição e oleosidade sem a necessidade de atrito, sendo assim ideal para ser usada por peles mais secas e sensíveis. Já o tônico adstringente possui uma ação de controle da oleosidade, sendo assim recomendado para peles oleosas e mistas”, aconselha a dermatologista, que afirma também que a água micelar ainda pode ser usada como demaquilante.

Cremes X séruns: ambos os produtos têm como principal função hidratar a pele, podendo também trazer na composição uma série de ingredientes escolhidos conforme as características de cada pele. “Esses produtos utilizados podem ser formulados com uma série de ativos para atender às necessidades de cada pele, como substâncias calmantes, anti-inflamatórias, clareadoras, rejuvenescedores e, principalmente, antioxidantes”, explica Roberta Padovan, médica pós-graduada em Dermatologia e Medicina Estética. A grande diferença desses dois produtos está no veículo, isto é, a textura do cosmético, e, consequentemente, em sua indicação. “Os séruns, assim como os géis, são veículos mais leves indicados principalmente para o tratamento de peles oleosas e mistas, enquanto os cremes, e também as loções, são veículos mais espessos, ideais para peles secas”, completa a médica.

Quem tem pele oleosa e está à procura de um cosmético rejuvenescedor, por exemplo, pode apostar no sérum Be Hialuronic, da Be Belle, enquanto o Be Young, também da Be Belle, é um creme antirrugas ideal para peles mais secas.

Shutterstock

Maquiagem com FPS X fotoprotetor com cor: apesar de parecerem a mesma coisa, as maquiagens com FPS não têm a mesma eficácia na fotoproteção que os protetores solares com cor. “Geralmente, o FPS das maquiagens é muito baixo, sendo insuficiente para proteger a pele. Então, para quem usa maquiagem, o ideal é optar mesmo pelo protetor solar com cor de alta cobertura, que, além de ser eficaz na proteção, também atua como base”, alerta Daniel Cassiano, dermatologista da Clínica GRU Saúde e membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia. E a boa notícia é que filtro solar com cor protege mais a pele do que a versão tradicional. “Isso porque a tonalidade do filtro solar é proporcionada pela presença de óxido de ferro na composição, substância capaz de absorver a radiação visível do sol. Hoje, sabemos que a luz visível tem uma participação importante no processo de pigmentação da pele, favorecendo o desencadeamento de dermatoses pigmentárias, como melasma e hipercromia pós-inflamatória”, diz o médico.

486339964

Sabonete X shampoo em barra: mais uma vez, o shampoo em barra não é apenas uma estratégia para você comprar um sabonete por um valor mais caro. São produtos bem diferentes. “Usar um shampoo sólido ou em barra não tem nada a ver com lavar o cabelo com sabonete. Os sabões ou sabonetes passam por um processo de saponificação, têm mais aditivos químicos e pH mais alcalino, sendo assim agressivos aos fios. Já os shampoos em barra foram especificamente desenvolvidos para serem usados no couro cabeludo. A base de óleos vegetais pode até ser a mesma do sabonete, mas os componentes estão em quantidade mais adequada para o tratamento dessa região, além da fórmula ser mais nutritiva e o pH ser mais equilibrado”, acrescenta a dermatologista Patrícia Mafra, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

Fio dental X escova interdental: apesar de ambos atuarem na limpeza da região entre os dentes, o fio dental e as escovas interdentais, como a CPS Prime da Curaprox, possuem ações diferentes que se complementam. “Enquanto o fio dental auxilia na remoção de detritos alimentares e pontos de contato muito apertados, a escova interdental realiza a desorganização da placa bacteriana nas irregularidades e depressões interdentais que o fio dental não consegue higienizar”, finaliza Hugo Lewgoy, cirurgião-dentista e doutor pela USP.

Fast Escova lança produto para cacheadas e crespas que estão em transição capilar

A Fast Cachos chega ao mercado para revolucionar o segmento

Com o intuito de sempre entregar os melhores produtos e serviços para suas clientes, a Fast Escova, rede especializada em escovas e penteados, está lançando um novo produto de tratamento para todas as cacheadas e crespas que estão em transição capilar.

Houve um tempo em que era muito difícil encontrar cacheadas e crespas exibindo os cabelos naturais, mas, atualmente, isso tem mudado. Um movimento de aceitação tem ganhado força e muitas mulheres decidiram largar os alisamentos e relaxamentos para assumir a real textura dos fios – entrando assim, no processo conhecido como transição capilar.

E com esse movimento, a Fast Escova decidiu lançar a Fast Cachos, que é a evolução que todas cacheadas e crespas precisavam, o produto é um spray que a cliente usa depois do leave in, que hidrata, nutre, define e dá memória os cachos. Com diversos óleos em sua composição, o Fast Cachos, apresenta uma fórmula que deixa os fios cheios de vida.

“Após uma extensa pesquisa para encontrarmos os melhores produtos para complementar o nosso spray, chegamos a diversos óleos essenciais que ajudam no fortalecimento, hidratação, umidade, prevenção de quedas, proteínas, vitaminas, antienvelhecimento e antifrizz. A composição do Fast Cachos possui: óleo de abacate, de soja, de algodão, de oliva, de amêndoa doce, manteiga de cacau, manteiga de manga e Silsoft Ax E, um silicone hidrossolúvel que ajuda a fornecer proteção térmica aprimorada, suavidade, toque suave e brilho”, comenta Michelle Wadhy, CEO da rede.

O Fast Cachos foi desenvolvido por meio do entendimento da existência de uma demanda reprimida de mulheres que estão vivenciando a transição capilar. Ele foi desenvolvido para potencializar a hidratação e definir cabelos cacheados e crespos. E ele pode ser usado para a finalização, a fitagem ou a revitalização. O produto chega ao mercado este mês e estará disponível em todas as unidades da rede.

Informações: Fast Cachos

Desmaiar o cabelo: confira alguns ativos que combatem o frizz

Um conceito que se tornou popular já há alguns anos, “desmaiar o cabelo” é o efeito causado por linhas de produtos que trazem como proposta a redução imediata do volume e frizz do cabelo, deixando as madeixas alinhadas.

Esse efeito é atingido com a ajuda de produtos específicos. Ele é indicado para quem quer um cabelo bem saudável, livre do frizz e sem perder o movimento. Já para quem fez algum procedimento químico, usar um produto com a proposta “desmaia cabelo” é fundamental para recuperar os fios dos danos causados pela coloração ou progressiva.

Além disso, para cacheadas em transição capilar, é uma ótima forma de aguardar o tempo de crescimento dos cachinhos, sem precisar recorrer às ferramentas de calor, como a chapinha e o secador, ou à progressiva, que pode danificar seriamente os fios e comprometer o processo.

Mel

Steve Buissinne/Pixabay

O mel é um produto natural anti-inflamatório com grande poder de hidratação. Protegendo o couro cabeludo de dermatites e outras doenças capilares, ele também conta com importantes vitaminas, como as do complexo B, além de antioxidantes, água e aminoácidos, que são importantes para a estrutura dos fios.

Óleo de oliva
Rico em antioxidantes, o óleo de oliva também é um ingrediente que vem sendo usado em cosméticos. Sendo composto por gordura monoinsaturada, ele é capaz de hidratar profundamente os fios dos cabelos, mas, nesse caso, é preciso cuidado: quem tem raiz oleosa, por exemplo, deve usá-lo apenas do comprimento até as pontas.

Queratina
Naturalmente responsável pela formação dos cabelos, a queratina é uma proteína que dá resistência e força aos fios. Por isso, é muito comum estar presente em diversos tipos de produtos, inclusive em uma máscara de tratamento para desmaiar o cabelo. Afinal, ela garante a manutenção da estrutura do fio e serve como uma barreira, mantendo a hidratação interna, o que influencia diretamente na maciez e no brilho.

Óleo de coco
Assim como o óleo de oliva, o óleo de coco é um ingrediente natural, que garante ótimos benefícios para o cabelo. Composto por ácidos graxos e ácido láurico, ele é um poderoso hidratante, que diminui o frizz e as pontas duplas, além de colaborar com a circulação sanguínea do couro cabeludo e sua saúde, favorecendo o nascimento e o crescimento de fios mais fortes.

Açúcar
O açúcar é um polissacarídeo, excelente umectante e hidratante, além de controlar a eletricidade dos fios, garantindo menor frizz. Nos tratamentos, ele também contribui para um maior selamento das cutículas, o que resulta em fios macios e brilhantes. Produtos com esse ativo possui ótima performance no efeito “desmaia cabelo”.

Usando a combinação de poderosos ativos, a Máscara de Tratamento Liso com Força da Haskell é capaz de deixar o cabelo mais sedoso, cheio de brilho e movimento, e bem longe do frizz

Informações: Haskell

Cabelo curto ainda é tabu, mas popularidade deve aumentar

Pesquisa realizada pela plataforma de conteúdo Tudo pra Cabelo, da Unilever, via Instagram, revelou dados interessantes sobre o que as mulheres acham dos cortes de cabelo mais curtos. Os resultados são, em alguns pontos, inusitados: 45% das entrevistadas responderam que, atualmente, estão com o cabelo curto ou querem aderir ao corte.

A atriz Halle Berry e seu cabelo shaggy

Sobre os estilos favoritos, 37% gostam do repicado/shaggy, enquanto 34% acham o clássico chanel bem interessante. O pixie, modelo mais rente à cabeça, ficou em terceiro lugar na preferência, com 18%. O curto com franja veio na sequência, com 11% dos votos.

Charlize Theron e seu corte pixie

Para 32% das mulheres que participaram da enquete, entretanto, existe a vontade de cortar o cabelo acima da altura dos ombros, só que elas acabam desistindo da ideia por achar que outras pessoas podem julgá-las pelo novo estilo. Tal receio tem raízes sociológicas:

“Ao longo da história ocidental, mulheres com mechas mais curtas foram associadas (erroneamente) ao que a sociedade da época não aceitava bem, como pessoas de classe menos abastadas, com pouca saúde ou rebeldes demais para casar e serem submissas ao marido. Essa herança do machismo lá do passado acaba persistindo até hoje em forma de críticas sobre os cabelos curtos das mulheres. Na década de 1920, entretanto, as ‘influenciadoras’ da época, como cantoras e atrizes, resolveram usar os cabelos curtos como símbolo de emancipação, força e estilo. Isso fez com que tais penteados passassem a ser sinônimo de atitude e descontração”, diz Paula Roschel, autora do livro “#Sororidade – quando a mulher ajuda a mulher”.

Recentemente, durante as Olimpíadas de Tóquio, a discussão voltou à tona com uma série de críticas recebidas pela arqueira sul-coreana An San, adepta do corte bem curto. Todavia, junto com as críticas via rede social, também surgiu uma imensa onda de apoio de outras atletas e público em geral. “O que aconteceu de ruim com An San teve como efeito rebote uma importantíssima onda de sororidade, na qual mulheres levantaram suas vozes para falar que ela pode ser o que quiser, assim como todas as outras mulheres”, completa Paula.

A atriz Mariska Hargitay

Além do statement que o cabelo curto traz, como a ruptura de padrões antigos, o estilo também vem se popularizando entre as mulheres por sua versatilidade. A enquete detectou que para 48% das respondentes o cabelo curto significa praticidade e, para 25%, liberdade.

Jamie Lee Curtis, Meryl Streep, Christine Lagarde e Cássia Kiss

“Cabelo curto é mais do que uma questão estética. É bem-estar. Muitas mulheres se sentem bem com os fios curtos e outras gostariam de aderir, mas não têm coragem. A verdade precisa ser uma só: se estamos bem com nós mesmas, não importa o julgamento das pessoas.” diz Maria Clarice Gaudencio Sobrinho, psicóloga de São Paulo.

Fonte: Tudo pra Cabelo/Unilever

Fast Escova lança máscara matizadora com açaí e mirtilo

Fast Matizze chega ao mercado para revolucionar o segmento

Com o intuito de sempre entregar os melhores produtos e serviços para suas clientes, a Fast Escova, rede especializada em escovas e penteados, está lançando um novo produto de tratamento para todas loiras que desejam ter cabelos com cores mais vivas e hidratados todos os dias.

A Fast Matizze é a evolução que todas loiras precisavam, o produto é uma máscara matizadora que hidrata, dá brilho e devolve a cor dos fios loiros naturais e tingidos. Diferente das outras máscaras presentes no mercado, a Fast Matizze, possui em sua composição açaí e mirtilo, que possuem diversos benefícios para a saúde do cabelo.

“Após uma extensa pesquisa para encontrarmos os melhores produtos para complementar a nossa máscara matizadora, chegamos até a fruta açaí, que possui polifenóis e antioxidantes que podem proteger os cabelos da abrasão causada por fatores externos como luz solar, poluição e umidade. E a fruta mirtilo, que possui proantocianidinas e vitamina B, que ajudam o cabelo na maciez, no brilho, no comprimento e na espessura”, comenta Michelle Wadhy, CEO da rede.

O açaí ainda combate o envelhecimento capilar, devolve o brilho e a vitalidade aos fios, promove nutrição, condicionamento e possui tantos antioxidantes, quanto os óleos capilares.

A Fast Matizze, pode ser usada tanto como uma máscara de hidratação como uma máscara matizadora para loiras. O produto está disponível em todas as unidades da rede pelo preço de R$ 59,00.

Informações: Fast Escova