Arquivo da tag: camila moulin

Saiba como cuidar da pele na primavera

Dermatologista Camila Moulin esclarece que características da época refletem no bem-estar da pele e que por isso merece cuidados especiais

Primavera, conhecida como a estação das flores, começou no dia 23 de setembro, e costuma ter temperaturas agradáveis e dias ensolarados. Porém, algumas das características da estação refletem no bem-estar da pele que por isso merece cuidados especiais.

A dermatologista Camila Moulin faz um alerta sobre os cuidados com a pele neste período. Com a primavera os dias ficam mais longos e a quantidade de radiação ultravioleta oscila assim como as temperaturas. Num mesmo dia podemos ver sair o sol forte e sofrermos uma mudança repentina acompanhada de uma chuva forte. Mudanças de estação significam mudanças no cuidado com a pele.

“Apesar de não estarmos ainda no alto verão é recomendado não descuidar do uso regular do filtro solar. Este item é obrigatório! Mesmo que você tenha diminuído suas reaplicações de filtro solar durante o dia, nos dias de inverno, recomendo voltar a reaplicar seu filtro de eleição a cada 4/4 horas, como você já fazia no último verão. Abuse de sombrinhas, roupas com filtro solar, chapéus e óculos escuros para ter uma maior proteção”, explica Camila.

A dermatologista elaborou algumas dicas para manter a pele sempre bem cuidada:

mulher meia idade creme

Hidrate a pele: o clima ainda está seco e é preciso repor a água que perdemos, mesmo que a pele seja oleosa. Lembre-se que óleo e água não são a mesma coisa. Há excelentes hidratantes para uma pele mista ou oleosa, que podem ser prescritos por dermatologista após uma análise minuciosa do seu tipo de pele. Produtos à base de ácido hialurônico são imbatíveis.

mulher rosto esfoliante liveabout
Foto: LiveAbout

Esfoliação: é importante para remover a pele morta. Primavera é período de renovação. Evite esfoliantes muito abrasivos. Nesta época mesmo a esfoliação deve ser suave para garantir o melhor resultado e não danificar a pele. Recomendo duas vezes por semana no período entre o inverno e verão.

Primavera é uma época interessante para uso de hidroxiácidos, menos irritantes que o ácido retinóico. Excelente momento também para iniciar depilação definitiva visando o uso de biquínis no verão – o que também ajuda a controlar casos de foliculite.

O segredo dos cuidados nesta época do ano é que ainda podemos realizar tratamentos de cor, textura e renovação celular, que muitas vezes não recomendamos no verão. É uma época ótima para tratamentos como peelings, lasers fracionados e microagulhamento. A pele, quando renovada na primavera, chega ainda mais brilhante no verão.

preenchimento

Tratamentos cosméticos que ajudam a retardar os sinais do envelhecimento são recomendáveis na primavera: ajudam a minimizar os danos que o tempo seco do inverno provocou. Toxina botulínica e preenchimento costumam ter uma excelente resposta nessa época. Outro tratamento interessante é o Ultraformer 3, que pode realizar uma espécie de “lifting sem cortes” nos mais velhos ou até mesmo uma espécie de “banco de colágeno” em pacientes mais jovens interessados em envelhecer com uma pele saudável.

É importante certificar-se de que os produtos utilizados em casa são mesmo os recomendados para a estação. Não deixe de se consultar com um médico especialista da Sociedade Brasileira de Dermatologia para saber se você está no caminho certo.

camila moulin.jpg

Fonte: Camila Moulin é especialista em Dermatologia pela Associação Médica Brasileira (AMB) e Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD). No exterior, fez Dermatologia Clínica, Cirúrgica e Cosmética no Mount Sinai Medical Hospital, em Nova York, e no Ackerman Academy of Dermatopathology, na mesma cidade. É graduada em Medicina e pós-graduada em Dermatologia pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ) e formada em Cirurgia Dermatológica pelo Hospital Geral de Bonsucesso, no Rio de Janeiro.

Dermatologista lista segredos para ter a pele facial hidratada no inverno

Camila Moulin, que atende na Barra da Tijuca, no Rio, aponta: “Uma coisa é certa: qualquer hidratação é melhor do que nenhuma hidratação!”

Basta a temperatura cair um pouco para a pele ficar seca, áspera e irritada. Principalmente a pele do rosto, não é mesmo? E essa situação pode piorar no inverno, estação em que o frio prevalece. Por isso, pensando em uma saúde do rosto e ressaltando a importância da hidratação, a dermatologista Camila Moulin – que atende na Dermajour, no Rio de Janeiro – listou alguns segredos que vão ajudar a manter a pele facial hidratada no inverno.

camila moulin

Para ela, uma frase é básica e importante de ser guardada: “Uma coisa é certa: qualquer hidratação é melhor do que nenhuma hidratação”.

E, pensando nisso, a dermatologista dá a dica: “Muitas pessoas têm “medo” (isso é real, a gente vê no consultório) de hidratar a pele por ela ser oleosa. No entanto: óleo e água são imiscíveis, a gente aprendeu na escola, lembra? Busque na embalagem os dizeres ‘livres de óleo’ e você estará entregando a água que sua pele precisa nesse inverno, sem no entanto piorar a sua oleosidade ou desencadear acne. O medo paralisa é só piora o quadro. Se estiver na dúvida, uma consulta com sua dermatologista de confiança pode ajudar. Mas por favor: não deixe de hidratar!”

Quando o assunto é pele seca, Camila aponta: “Elas sofrem ainda mais no inverno. Vejo dermografismo, eczema, disidrose – enfim, um sem número de condições relacionadas a secura da pele que piora no inverno. Para estas eu indico hidratantes mais densos, máscaras faciais e até mesmo hidratação injetável no consultório. É preciso hidratar para manter a pele integra e protegê-la de todas as condições que podem surgir no inverno mais rigoroso”.

Devo insistir em um óleo facial?

“Somente, única e exclusivamente se sua pele não tiver tendência a acne. Se você for mulher e já estiver na menopausa, sem acnes, é bem provável que o óleo facial lhe traga muitos benefícios, sim”, responde Camila

Água micelar e termal substituem o hidratante?

mulher agua termal pele beleza

“Não mesmo. Veja bem: água micelar é utilizada para limpeza, já a água termal para inflamação (ela tem propriedades anti-inflamatórias). Apesar do nome conter ‘água’, não entram na categoria hidratantes. É preciso usar, pelo menos, um tônico hidratante após a utilização de ambas as águas”, diz a médica.

É preciso que o hidratante tenha proteção solar?

shutterstock mulher pele rosto

“O hidratante com proteção solar facilita (e muito!) a vida de quem está sempre correndo e não tem muito tempo para de dedicar aos cuidados com a pele. No entanto, ele fica restrito ao dia. Um hidratante comum pode ser tanto utilizado pela manhã antes do filtro, quanto à noite, antes de dormir”, aponta a dermatologista.

E, por fim, que tal uma dica de hidratação caseira?

Para a pele seca é possível fazer hidratação caseira. Não recomendo (mesmo!) fazer máscara de hidratação em casa se sua pele for oleosa.

Máscara para pele seca

máscara facial abacate rosto

1 abacate
2 colheres de sopa de iogurte
1 colher de sopa de azeite de oliva
1 colher de sopa de mel

A pele seca ficará mais hidratada com essa máscara. As gorduras do abacate e do azeite ajudam a selar possíveis rachaduras entre as células. Para completar, o mel e o iogurte vão deixar a pele suave ao toque. Preste atenção para proteger a raiz dos cabelos. Deixe por cinco a dez minutos e retire com seu sabonete de preferência.