Arquivo da tag: carne moida

Chef Carole Crema ensina como preparar Bolinho de Inhame com Carne Moída

A convite de Finna, Carole sugere receita prática, com ingredientes facilmente encontrados na despensa

Os dias em casa podem ganhar um novo sabor quando se usa o tempo disponível para atividades que vão fazer a diferença na vida da família. Preparar receitas deliciosas e práticas, por exemplo, é uma forma de tornar o dia de todos mais agradável. Além disso, aproveitar os alimentos que estão na despensa e na geladeira evita o desperdício, além de poupar a saída de casa para a reposição de mantimentos.

Para te inspirar nessa missão, a Chef Carole Crema, convidada pela Finna, marca de farinhas e misturas para bolo, ensina como fazer os irresistíveis Bolinhos de Inhame com Carne moída.

A receita é composta por ingredientes básicos, como cebola, alho e o azeite, que é importante para o organismo, pois contribui para o controle do colesterol e favorece a saúde cardiovascular, além de ser fonte de antioxidantes. Outro ingrediente fundamental, e um dos segredos da receita, é a Farinha de Trigo Finna, por ser mais branquinha, soltinha e fofinha, acaba dando ao preparo um toque especial. Além disso, com Finna sempre dá certo.

Confira a receita completa do Bolinho de Inhame com Carne moída, disponível também em vídeo. Para ficar por dentro das demais dicas que serão postadas nas redes sociais da marca, siga @cozinhafinna no Instagram e Cozinha Finna no Facebook.

Bolinhos de Inhame com Carne moída

Bolinhos-de-Inhame-com-Carne-moida22

Ingredientes:
150 g de carne moída
3 inhames (cerca de 350g)
½ cebola picada fino
1 dente de alho picado fino
1 colher (sopa) de azeite
1 colher (sopa) de salsinha picada a gosto
Sal e pimenta-do-reino moída a gosto
½ xícara (chá) de farinha de trigo Finna tipo 1 sem fermento
500 ml de óleo para fritar os bolinhos

Modo de Preparo:
Coloque o inhame lavado e cortado em rodelas para cozinhar em uma panela com água e 1 colher (chá) de sal. Assim que a água ferver, abaixe o fogo e deixe cozinhar por mais 10 minutos, até o inhame ficar macio. Escorra e passe por um espremedor ainda quente.
Acrescente a essa massa a carne moída já pronta e cozida, mexa por 2 minutos para a massa ficar sequinha. Desligue o fogo, prove e tempere com sal e pimenta-do-reino. Deixe amornar um pouco para conseguir modelar os bolinhos. Passe os bolinhos na farinha de trigo e bata com a mão para tirar o excesso. Frite em uma panela funda com óleo, mergulhando 4 bolinhos de cada vez com a ajuda de uma escumadeira. Quando dourar, transfira para a travessa forrada com papel toalha e repita com o restante. Sirva a seguir.

Fonte: FinnaSAC: 0800 702 5509

Chef ensina receita rápida e prática para ajudar a enfrentar período de isolamento

Nada como uma comida caseira para nos confortar e nos fortalecer nesse momento onde a preocupação mundial gira em torno do combate ao coronavírus. A recomendação é a de ficar em casa e pensando em dar uma mãozinha para aqueles que não querem fazer feio na cozinha, o chef Melchior Neto separou uma receita para ser compartilhada com a família. “A união é essencial para enfrentarmos essa crise e já que estamos isolados, vamos reunir a família para uma refeição cheia de amor e esperança”, diz.

Feijão com carne moída e legumes por Chef Melchior Neto

Ingredientes
2 xícaras (chá) de feijão
1 litro de água
250 gramas de carne moída
4 colheres de sopa de azeite
1 cebola roxa picada
2 dentes de alho picados
2 folhas de louro
1 lata de tomate pelado picado
Queijo coalho cortado em cubos ( 2 espetos )
1 batata sem casca picada
1 cenoura em cubos
100 g de vagem
1 pitada de cominho
Coentro a gosto
Sal e pimenta do reino a gosto

Modo de preparo
Cozinhe o feijão com água e o louro na pressão por 10 minutos. Em uma panela, aqueça o azeite e frite a carne moída até ficar soltinha. Acrescente a cebola roxa, o alho, o cominho e refogue. Coloque o tomate pelado, a batata, a cenoura e a vagem picada. Junte o feijão cozido e o caldo do cozimento, misture e deixe em fogo baixo até que os legumes estejam macios. Tempere com sal e pimenta. Desligue o fogo e coloque o queijo coalho e o coentro. Tampe e deixe descansar 10 minutos para servir. Sirva com arroz e ovo frito.

Feijao-com-carne-moida-e-legumes (1)

Tempo de preparo: 40 minutos
Serve até 6 pessoas

Prepare receita de berinjela recheada com carne moída do Divino Fogão

Dizem que o simples é mais difícil de ser feito. Será? Aqui, a rede Divino Fogão ensina a preparar berinjela recheada com carne moída. Simples? Sim, mas bem gostoso. Confira a receita abaixo:

Berinjela Recheada com Carne Moída

Ingredientes:
3 berinjelas
350g de carne moída
½ cebola
2 dentes de alho
Um fio de azeite
Sal e pimenta a gosto
Salsa a gosto
500ml de molho de tomate

Modo de Preparo:
Corte as berinjelas ao meio no sentido do comprimento, retire o miolo. Depois passe o azeite e salpique sal. Deixe pré-assar em forno médio por uns 15 minutos. Pique o miolo da berinjela e reserve.

Modo de Preparo da carne moída:
Em uma panela, coloque o fio de azeite, o alho e deixe dourar. Logo depois, coloque a carne moída e o miolo da berinjela picado e deixe refogar bem por alguns minutos. Acrescente o sal, a pimenta e reserve. Tempere o molho de tomate a gosto e reserve.
Recheie a berinjela com a carne moída. Em um refratário coloque o molho de tomate e as berinjelas recheadas. Leve ao forno médio em 180ºC por 25 a 30 minutos. Salpique a salsa e sirva.

beringela

Dica: sirva com arroz branco e salada
Tempo de preparo: 45 minutos
Rendimento: 6 porções

Fonte: Divino Fogão

Receita de macarrão gratinado com carne moída

Quinta-feira e deu aquela preguiça de prepara algo muito elaborado para jantar? A rede Divino Fogão ensina receita de macarrão gratinado com carne moída, confira:

Macarrão Gratinado com Carne Moída

Ingredientes:

Carne Moída:
2 colheres de sopa de óleo de girassol ou canola
300g de carne moída bovina
½ cebola picada
2 dentes de alho picados
Sal e pimenta a gosto

Macarrão:
350g de macarrão (parafuso, penne ou de sua preferência)
250g de mussarela ralada
50g de parmesão ralado
Cheiro verde a gosto

Molho Branco:
2 ½ xícaras de leite integral
3 colheres de sopa de farinha de trigo
2 colheres de sopa de margarina
Noz moscada ralada a gosto

Modo de preparo:
Cozinhar o macarrão conforme as instruções da embalagem e deixar al dente. Reservar.

Molho Branco: em uma panela, coloque a margarina, espere derreter. Coloque a farinha e deixe cozinhar, mexendo sempre, por alguns minutos. Adicione o leite aos poucos e deixe engrossar. Tempere a gosto com sal e noz moscada, e retire do fogo.

Carne Moída: aqueça o óleo e doure a carne, mexendo sempre. Junte a cebola e o alho, e refogue bem. Refogue a carne, até dourar. Tempere a gosto com sal, pimenta e cheiro-verde, e retire do fogo.

Montagem: em um refratário untado com margarina, coloque metade do macarrão, metade do molho branco, a carne e polvilhe com metade da mussarela. Espalhe o macarrão restante, o creme branco e a mussarela. Polvilhe o parmesão e leve ao forno em 200ºC, preaquecido, por uns 20 minutos, até o queijo derreter e ficar dourado.

macarrão-gratinado-com-carne-moída.jpg

Tempo de Preparo: 30 minutos
Rendimento: 4 pessoas

Fonte: Divino Fogão

Dez dicas para comer bem e barato

O país vem passando por uma séria crise econômica, o que impede muitos brasileiros de viver adequadamente. No quesito alimentação, as pessoas tendem a pensar que a falta de dinheiro pode ser um impeditivo para se comer de maneira saudável, haja visto que o senso comum acredita que apenas alimentos caros compõem uma dieta que visa à boa saúde.

Rodrigo Polesso, idealizador do site Emagrecer de Vez, especialista em emagrecimento e certificado em Nutrição Otimizada e Saúde e Bem-estar pela Universidade Estadual de San Diego, contesta essa tese e sugere dez dicas para quem deseja manter o peso de forma saudável ou emagrecer corretamente sem gastar muito dinheiro.

Antes das sugestões, deve-se lembrar que Polesso é adepto do conceito de “Alimentação Forte”, que defende, entre outras coisas, que as pessoas consumam “alimentos de verdade” (carnes, legumes, folhas, gorduras naturais etc) e não aquilo que ele chama de “substâncias comestíveis”, ou seja, refinados, processados e industrializados, tais como açúcares, adoçantes artificiais, farináceos, massas e óleos vegetais. Nesse sentido, as indicações do especialista em emagrecimento são de alimentos naturais, de alto teor nutritivo, mas com o preço que caiba na maioria dos bolsos.

batatas e figado.jpg
Pixabay

Órgãos de animais. Esta é a primeira dica oferecida por Polesso. Entre eles: fígado, coração, rim e moela. “Muita gente torce o nariz para esse tipo de alimento, mas órgãos vêm sendo aproveitados por nós seres humanos ao longo da história e são muito baratos. Além disso, são muito nutritivos e eficazes para quem deseja emagrecer. Fígado, por exemplo, é o alimento de maior densidade nutricional existente e muita gente não sabe”, explica.

carne moida pixabay.jpg
Pixabay

Outra dica de alimento nutritivo cujo preço não pesa no orçamento é a carne moída. “Você pode escolher o tipo que de sua preferência”, diz Polesso. Carnes de cortes mais duros também são boas sugestões para quem deseja se alimentar de maneira saudável sem gastar muito. “Basta um esforço maior para cozinhar a carne de forma apropriada a fim de ‘derrete-la’ e aproveitar o sabor e a nutrição”, recomenda.

frango coxa assada
Pixabay

Para quem não gosta de carne bovina, o frango é uma ótima opção, segundo Polesso. “E nem me refiro ao peito, que é a parte mais cara e, na minha opinião, a mais seca e menos saborosa. Asa, coxa e sobrecoxa são mais baratas e deliciosas”, afirma. A carne de porco é outra excelente alternativa para quem não é muito fã de carne bovina. E não precisa ser o pernil. “Alguns cortes de porco, que são menos nobres, como a costelinha de porco, são extremamente saborosos e mais fáceis de preparar”, destaca o especialista.

Em relação à procedência da carne, Polesso afirma que não é preciso, necessariamente, procurar alimentos com certificações. Segundo o especialista, entre carnes “premium” e normais não há uma grande diferença nutricional e o preço de uma é bem mais caro do que da outra. Sem falar que o Brasil é um país de sorte, pois a maioria das carnes bovinas são de pasto e não confinadas, o que, em tese, as torna mais seguras para o consumo, já que os animais são criados mais livres e de forma mais natural, sem tantos hormônios ou antibióticos.

organicos legumes

Da mesma maneira, de acordo com Polesso, os legumes e folhas consumidos em uma dieta nutritiva e de baixo custo não precisam ser orgânicos, certificados, hidropônicos ou de estufa. “Tente priorizar na sua feira os alimentos que estão em oferta. Nesse sentido, fique de olho na estação atual de verduras, legumes e frutas”, recomenda. Se a preocupação com o uso de produtos químicos nos alimentos é um obstáculo intransponível, o especialista sugere a procura por itens cuja produção dispensa agrotóxicos, como: cogumelos, abacate, abacaxi etc.

salmao

Caso carne bovina, suína ou de frango não satisfaçam as necessidades e peixes e frutos do mar sejam imprescindíveis para a dieta, é possível garimpar alimentos mais baratos do que aquele camarão pistola ou salmão selvagem. “O salmão de fazenda, por exemplo, além de ter um custo mais acessível, apresenta quase o mesmo perfil lipídico do que o salmão selvagem assim como outros peixes menos nobres e frescos da área”, explica Polesso.

ovos

Ovos também não podem faltar na mesa de quem pretende se alimentar de modo saudável e gastando pouco. “Tudo bem, hoje em dia existem uma imensa variedade de ovos, – gourmet, orgânicos, certificados – mas não é preciso comprar esses tipos. Se o impacto no orçamento for alto, adquira os normais, de granja mesmo.”, afirma Polesso, destacando que o ovo é uma fonte completa de proteínas e de gorduras essenciais.

azeite-oliva

A última dica apresentada por Polesso refere-se à gordura utilizada para cozinhar os alimentos. Não é preciso comprar um óleo de coco virgem para se manter saudável. O azeite de oliva é suficiente e nem precisa ser o mais caro, conforme o especialista. Outra boa alternativa é a banha de porco ou o sebo da vaca. “Fuja apenas dos itens mais baratos como os óleos vegetais (canola, soja, milho, semente de algodão etc.). São todos proinflamatórios, oxidando facilmente quando você cozinha”, diz

Polesso reitera que comer barato não significa comer mal. “Veja, a alternativa ao filé mignon e ao salmão selvagem não é o biscoito recheado e nem o sanduíche de bauru com presunto.”, brinca. Conforme o especialista em emagrecimento, alimentos mais densos nutricionalmente geram maior saciedade, o que, por sua vez, fazem a pessoa comer em menor quantidade e gastar menos. Por fim, Polesso afirma que comer de maneira saudável não é caro. “O que é caro é viver mal, viver doente, viver acima do peso”, conclui.

Salvar

Comemore o Dia Internacional da Cerveja com receitas de comidas e bebidas

Hoje (3) é o Dia Internacional da Cerveja, data comemorada na primeira sexta-feira de agosto. Que tal aproveitar a data e experimentar algo novo com a bebida? Desde carne moída até sangria com cerveja, o Pinterest tem incontáveis receitas de comidas e bebidas deliciosas que usam a cerveja como ingrediente especial.

No Brasil, Pinterest tem visto receitas de drinques com cerveja como uma tendência, com aumento de 65% no número de ideias salvas no último ano. Não apenas para bebidas gostosas, a cerveja também pode ser um ingrediente saboroso para refeições. E a Pinterest tem visto receitas de comida com cerveja bombar no Brasil, com crescimento de 30% no número de ideias salvas sobre isso nos últimos três meses.

Confira algumas:

Receitas de comida

carne moida com cerveja pinterest
Foto: Dom Manjericão/Pinterest

Carne moída

Frango assado

Pao-de-cerveja-preta-e-especiarias-3-Baixa
Foto: Mel e Pimenta/Pinterest

Pão integral

Redução

Carne com cerveja preta

Receitas de drinques

caipirinha com cerveja pinterest mdemulher
Foto: MdeMulher/Pinterest

Margarita

Caipirinha

sangria de cerveja
Foto: Pinterest

Sangria

Chelada

Bloody Mary

 

 

Práticas e deliciosas: confira cinco receitas de refeições no pote

“Sua refeição sempre à mão”, esse é o lema da Dabba Meal, empresa parceira da LocalChef que é especializada em vender comidas saudáveis em potes de vidro. A alternativa é perfeita para aqueles que têm a vida corrida e, mesmo assim, não querem largar os bons hábitos com a alimentação.

Fundada em 2016, pela Engenheira de Alimentos Francine Conte, o carro-chefe são as saladas: mais de 25 opções para os clientes montarem a sua preferida. E a novidade são as refeições completas. Confira algumas ideias da chef :

Estrogonofe de Frango

estrogonofe no pote

Ingredientes
3 peitos de frango cortados em cubos
1 col. (café) de açafrão-da-índia
1 col. (café) de colorau
1 pitada de sal do Himalaia
½ copo de ketchup
1/3 copo de mostarda
1 copo de cogumelos
1 copo de creme de leite
½ copo de leite
Batata palha
Arroz integral cozido

Modo de preparo
1. Em uma panela, refogue o frango com sal, açafrão-da-índia, colorau e uma gota de óleo.
2. Após refogado o frango, junte o leite, o ketchup, a mostarda e os cogumelos. Deixe no fogo por mais 5 minutos, para apurar o sabor.
3. Adicione o creme de leite e retire do fogo antes de ferver.
4. Coloque no pote uma camada de estrogonofe, uma camada de arroz e por último a batata palha.

Escondidinho de mandioca com carne moída

escondidinho de mandioca

Ingredientes
500 g de carne moída
1 cebola grande picada
3 dentes de alho espremidos
1 tomate sem pele picado
1 pacote de molho de tomate com baixo teor de sódio
1 kg de mandioca cozida e espremida
1 caixa de creme de leite
1 col. (sopa) de manteiga
1 copo de leite
50 g de queijo ralado grosso
2 col. (sopa de óleo)
Sal do Himalaia a gosto

Modo de preparo
1. Comece pela carne: em uma panela funda, deixe o alho e a cebola dourarem em um fio de óleo.
2. Acrescente a carne e deixe refogar. Acrescente o sal, tampe e deixe cozinhar um pouco.
3. Adicione o molho e o tomate sem pele e mexa. Desligue o fogo e reserve.
4. Em outra panela, leve ao fogo a manteiga, o sal e a mandioca espremida. Mexa bem e depois misture o creme de leite e o leite. Deixe esfriar.
5. No pote, coloque uma camada generosa de purê, uma camada de carne moída e mais uma de purê. Por cima, salpique queijo ralado e tampe.

Macarrão de abobrinha ao molho pesto

macarrão de abobrinha

Ingredientes
½ xíc. (chá) de castanhas torradas e picadas grosseiramente
2 xíc. (chá) de manjericão fresco
½ xíc. (chá) de azeite extra virgem
1 col. (sopa) de suco de limão siciliano
1 abobrinha pequena cortada em tiras fininhas
Uma pitada de sal do Himalaia

Modo de preparo
1. Bata as castanhas, o manjericão, o azeite e o suco de limão siciliano no liquidificador até virar uma pasta.
2. Transfira esse conteúdo para um recipiente, cubra com filme plástico e guarde na geladeira.
3. Enquanto isso, fatie a abobrinha no sentido do comprimento no formato de espaguete. Essa tarefa fica mais fácil com o auxílio de um cortador de legumes ou um utensílio próprio para fazer macarrão.
4. Em uma panela, aqueça a água e coloque as tiras de abobrinha.
5. Escalde por alguns minutos até começar a amolecer (aproximadamente 5 minutos). Tempere com sal.
6. Desligue o fogo, escorra a água e aperte a abobrinha para ficar bem sequinha. Ainda quente acrescente o molho pesto.
7. Na montagem, você pode adicionar uma porção de carne moída ao fundo e cobrir com a “massa”.

Creme de abóbora cabotiá

creme de abobora

Ingredientes
1 abóbora cabotiá cortada em cubos já descascada
1 cebola grande cortada em cubos
Água o suficiente
Sal do Himalaia a gosto
Gengibre em pedaços a gosto
Salsinha e alho poró

Modo de preparo
1. Corte a cebola e a abóbora em cubos e leve a uma panela grande. Coloque a água até cobrir os ingredientes, junte o sal, a salsinha e o alho poró.
2. Tampe a panela e deixe cozinhar até a abóbora ficar macia.
3. Transfira os ingredientes para o liquidificador e acrescente 1 e ½ xícaras de água em que a abóbora foi cozida e o gengibre. Bata até obter um creme espesso.
4. Acrescente o frango em cubos e, após esfriar, transfira para o pote.

Caldo verde português

caldo verde português

Ingredientes
1 kg de batata
3 gomos de linguiça calabresa fatiada
1 maço de couve fatiada bem fina
1 cebola grande picada
Sal do Himalaia a gosto

Modo de preparo
1. Descasque as batatas e leve para a panela de pressão com a cebola por 20 minutos.
2. Deixe esfriar, amasse e reserve.
3. Acrescente três litros de água, leve ao fogo novamente e desligue só após levantar fervura.
4. Em uma panela adicione ½ litro de água e acrescente a linguiça já fatiada e deixe cozinhar por 15 minutos.
5. Coloque no liquidificador as batatas junto com a água do cozimento e bata até obter um creme homogêneo.
6. Volte a sopa para a panela e acrescente as linguiças cozidas. Deixe ferver por 5 minutos, e então, acrescente a couve e cozinhe mais um pouco.
7. Quando esfriar, transfira para o pote.

Fonte: Localchef