Arquivo da tag: cerveja

Ashby: a história do físico americano que trouxe ao Brasil a primeira microcervejaria do país

Scott Ashby se formou como Cervejeiro Practico na Universidade da Califórnia no ano de 1990, e em 1993, criou a cervejaria Ashby

A cerveja norte-americana é considerada a mais nova escola cervejeira, e foi ela que originou alguns estilos que são apreciados pelos cervejeiros hoje em dia como American Pale Ale e Hop Lager. Sua história teve início quando os europeus levaram aos Estados Unidos as primeiras técnicas de produção de cerveja.

Foi então que a cerveja alemã ganhou espaço no país, e a lager tomou o espaço da ale britânica no país. O mercado da cerveja então se consagrou nos EUA, tanto que em 1915 já eram 1.300 cervejarias norte-americanas. Porém, a Lei Seca que começou em 1920 e durou por 13 anos, fez com que o mercado sofresse uma queda e desacelerasse. Foi só em 1978, quando o presidente Jimmy Carter legalizou as cervejas produzidas em casa, que o mercado foi reaquecido e impulsionou as cervejas especiais.

“Os americanos estavam interessados em consumir novas receitas e cervejas diferenciadas, e isso fez com que nos anos 80 e 90 surgissem diversas cervejarias por todo o país”, afirma Scott Ashby, criador da cervejaria Ashby. Americano, físico e apaixonado por cervejas, se formou como Cervejeiro Practico na Universidade da Califórnia no ano de 1990 e, logo em seguida começou a trabalhar na cervejaria americana Wasatch, onde permaneceu por dois anos.

Antes disso, Scott já era homebrewer e produzia cervejas para seus amigos, que rapidamente consumiam toda a produção caseira. Ele estava tão encantado com o universo das cervejas especiais que no ano de 1993 decidiu trazer essa ideia para o Brasil, e criou na cidade de Amparo (SP) a primeira microcervejaria do país, batizada de Ashby. “Nessa época no Brasil, as cervejas industrializadas dominavam o mercado, poucos consumidores conheciam cervejas especiais, então foi uma novidade”, explica Ashby.

A ideia de trazer as cervejas especiais para o país era ser uma porta de entrada para os cervejeiros tradicionais que tinham um pouco de receio de experimentar cervejas de estilos diferenciados. No início da empresa, a marca decidiu seguir as escolas americanas, inglesas e europeias, algo inédito para a época. Tanto que a primeira Pale Ale fabricada no Brasil foi em 1994 pela Ashby. Estima-se que hoje em dia são sete mil cervejarias em atividade nos Estados Unidos.

Hoje a Ashby possui em seu portfólio 13 tipos de estilos de cerveja, incluindo algumas americanas:

American Pilsen

Também conhecida como American Pilsner, no começo era produzida nos EUA por imigrantes que usavam ingredientes americanos e leveduras originais em sua produção. Por conta da Lei Seca e o longo período sem pode beber cervejas mais elaboradas, fez com que os americanos procurassem estilos mais suaves, então elas acabaram conquistando o paladar dos consumidores. Ela harmoniza com petiscos como amendoim e queijos leves, churrasco e peixe assado.

American Pale Ale

A American Pale Ale (também conhecida como APA), é uma puro malte bem peculiar. Tem uma cor âmbar que brilha os olhos – resultado da combinação entre o malte de cevada e os lúpulos cítricos e florais norte-americanos – e é bem macia no paladar. Por conta disso, ela é excelente para quem está iniciando a travessia para as cervejas mais amargas. Na hora de saborear uma APA, carne com chilli, calabresa e hambúrguer são boas combinações.

Weiss

Weiss é feita com 50% de malte de trigo e de cevada. Além disso, como é comum no estilo, ela não é filtrada – o que a deixa naturalmente turva e acumula leveduras no fundo da garrafa. É uma Weiss única, com boa carbonatação e muito fácil de beber. Ou melhor: de apreciar. A Weiss harmoniza com casquinha de siri, comida alemã e peixe frito.

Ashby

Foi no ano de 1993 que Scott Ashby, americano que chegou ao Brasil em 1992, decidiu montar, na cidade Amparo, SP, a primeira Micro Cervejaria do Brasil, a fim de trazer ao país o conceito de cervejas especiais dos EUA. Scott, físico, apaixonado por cervejas, ingressou no curso Cervejeiro na Universidade da Califórnia no ano de 1990 e, logo em seguida começou a trabalhar na cervejaria americana Wasatch, onde permaneceu por dois anos. Antes disso, Scott já era homebrewer e produzia cervejas para seus amigos, que rapidamente consumiam toda a produção caseira.

E a diferenciação da empresa já começou quando pensou em montar uma fábrica na cidade de Amparo, SP, circuito das Águas Paulistas. Como essas bebidas são compostas por 95% de água, a qualidade desta na fabricação é extremamente relevante. Por isso, a Ashby, escolheu estrategicamente o melhor lugar para suas instalações. As águas de Amparo, além de conservar a pureza que brota da terra, têm um equilíbrio excelente entre sais e minerais tornando-a perfeita para a fabricação de chopes e cervejas de qualidade ímpar.

Foi graças à Ashby que o cenário do mercado nacional começou a experimentar um novo conceito de cervejas diferenciadas, o que antes era privilégio para poucos.

Madalena lança cerveja zero álcool

Produto já está à venda em mais de mil pontos pelo Brasil

A Cervejaria Madalena lança no Brasil a primeira cerveja premium zero álcool da marca. A Madalena Lager Zero Álcool é leve, de baixa fermentação, com aroma de malte e pão, espuma de média duração e equilibrado sabor do malte. O lançamento vem de encontro com os 10 anos que a cervejaria vai comemorar em 2022.

Renan Leonessa, gerente de marketing da marca, lembra que o novo produto da Madalena segue a qualidade premium que é a essência da cervejaria. “O sabor é nosso diferencial e essa nova cerveja é resultado do nosso empenho de trazer o melhor sabor mesmo em uma cerveja sem álcool”, explica. Além disso, vale lembrar que as bebidas produzidas pela marca são livres de qualquer aditivo químico utilizado a fim de encurtar o tempo de sua fabricação. A marca desenvolve processos específicos para a produção das diferentes cervejas sem a adição de antioxidantes e estabilizantes de espuma.

Quem quiser experimentar a novidade já pode comprar a bebida no e-commerce da Cervejaria Madalena ou até mesmo visitar a loja de fábrica que fica em Santo André, no ABC Paulista, ou no Empório Madalena, que fica no Jardins, na capital paulista. Além desses locais, a cerveja também já está disponível na Rede Graal e em mais de mil pontos de vendas pelo Brasil (o que envolve estados como São Paulo, Rio de Janeiro, Santa Catarina, Minas Gerais, Amazonas, Paraíba e Maranhão).

Vale reforçar que a cervejaria segue com o drive-thru aos finais de semana e feriados em vários pontos pela cidade de São Paulo. Para conferir o ponto mais próximo é só baixar o aplicativo na Apple Store, no Google Play ou consultar na página do Instagram da marca: @cervejamadalena.

Madalena Lager Zero Álcool – R$ 13,00

Cervejaria Madalena: R. Araçatuba, 137 – Santa Maria – Santo André – SP – Horário de atendimento: terça a sábado, das 11h às 23h; e aos domingos, das 18h às 23h – Telefone: (11) 4800-0500. Instagram: @cervejamadalena

Cervejaria Madalena tem programação de Halloween com direito a chope roxo

Evento acontece nos dias 30 e 31 de outubro com prêmios e música ao vivo

O clima de Halloween chega com tudo no bar de fábrica da Cervejaria Madalena, em Santo André. Nos dias 30 e 31 de outubro é realizada a tradicional festa em comemoração ao Dia das Bruxas com premiações e música boa ao vivo.

Nos dois dias a cervejaria promove um concurso para premiar as fantasias mais criativas e bem elaboradas. Os escolhidos ganham produtos exclusivos da marca. Além disso, todos que forem fantasiados ganham um vale chope roxo desenvolvido especialmente para entrar no clima do evento.

No sábado (30), as bandas Diet Music, cover do grupo de rock cômico Mamonas Assassinas, e Willi Rock, que apresenta os clássicos do rock and roll agitam a noite. Já no domingo (31), o show é por conta da banda Beer Rock, que traz os hits das décadas de 1980 e 1990.

A festa é ideal para família e amigos aproveitarem juntos essa data. A entrada, que custa R$ 20,00 por pessoa, dá direito a uma caneca personalizada do evento que foi desenvolvida para o encontro.

Festa de Halloween Madalena
Data: Sábado (30/10) das 13h às 23 e Domingo (31/10) das 15h às 22h
Valor: R$ 20,00 por pessoa
Atrações: Diet Music, Willi Rock e Beer Rock
Endereço: Rua Araçatuba, 132 – Santa Maria, Santo André
Telefone: (11) 4800-0500
WhatsApp: (11) 96640-5588

Pabst lança concurso #AzaradoDaPabst: ganhador participará de filme

Ganhador participará do filme Sistema Bruto e será um dos primeiros brasileiros a ter um exclusivo Pack de 99 latas da Pabst

A Pabst, maior cervejaria independente dos EUA, lança a promoção #azaradodaPabst. O ganhador fará uma participação no filme Sistema Bruto, do diretor Gui Pereira, e entrará para a seleta de artistas que, como Anya Taylor-Joy e Clint Eastwood, já tiveram o prazer de contracenar com uma Pabst Blue Ribbon no cinema. De quebra, será uma das primeiras pessoas do Brasil a levar para casa um Pack de 99 latas – embalagem com 99 latinhas que é sucesso de vendas nos EUA.

Para participar, é preciso ser maior de 18 anos e caprichar na criatividade. O participante deve criar um vídeo, no estilo de um comercial, acompanhado de latas da cerveja e publicá-lo no seu feed do Instagram com a hashtag #azaradodapabst. As inscrições vão até 10 de novembro.

“Finalmente chegou a vez dos azarados tentarem a sorte, ou melhor, capricharem na criatividade. Agora, é a chance que tanto esperavam de serem uma estrela de cinema e dizerem adeus para o azar”, brinca Thiago Lima, Head de Comunicação da Pabst no Brasil. “Se grandes artistas da cena cinematográfica já contracenaram com Pabst na mão, nada mais justo, divertido e alucinante do que dar a oportunidade dos consumidores viverem isso também”, complementa.

Pack de 99 latas

A embalagem exclusiva de 99 latas de Pabst Blue Ribbon, um dos prêmios do concurso cultural, foi sucesso imediato nos EUA e agora chega ao Brasil. A caixa, que mede 2,20 metros de comprimento por 20 centímetros de altura, estará disponível no comércio a partir da Black Friday. “O Pack de 99 latas é algo diferente de tudo o que o consumidor já viu. Além de ser enorme, chama atenção também pelo inusitado. Logo após seu lançamento nos EUA, as redes sociais foram inundadas por pessoas desejando seu Pack. Acreditamos que essa novidade tem tudo para ser bem recebida no mercado brasileiro”, conta Lima.

Pabst no cinema

A Pabst fará sua estreia no cinema brasileiro com o filme Sistema Bruto, apesar de a marca já ter uma longa trajetória nas telinhas e nas telonas. Recentemente, contracenou com Anya Taylor-Joy na série O Gambito da Rainha. A atuação da Pabst Blue Ribbon no já clássico Gran Torino, dirigido e protagonizado por Clint Eastwood, também foi marcante. Isso para não falar do cult Veludo Azul, de David Lynch, e a lendária cena em que Dennis Hopper deixa claro qual sua cerveja preferida.

Sistema Bruto

Sistema Bruto é uma comédia de ação que acompanha Bruna e Rosa, duas amigas que, além de frequentarem os mais badalados bares e festas sertanejas do interior, também são apaixonadas por velocidade e adrenalina. Em uma determinada noite, as amigas fazem uma aposta com seus amigos homens. Bruna e Rosa decidem participar de uma competição de corridas de caminhonetes para provar que são melhores que os rapazes atrás do volante. O longa estreia nos cinemas em 2022.

Sobre a Pabst

Fundada em 1844 na cidade de Milwaukee, localizada no estado de Wisconsin, no Centro-Oeste dos EUA, a Pabst Brewing Company é a maior cervejaria independente norte-americana – tendo sua sede situada em Los Angeles, na Califórnia. Ícone do segmento no país, sendo quase um elixir hipster, a cerveja Pabst Blue Ribbon carrega atitude de marca historicamente identificada com o público underground e, consequentemente, com a expressão de sua identidade (pautada na diversidade e na valorização da liberdade individual). A Pabst tem como grande aliada a promoção da cultura urbana, incluindo aí movimentos de artistas de rua, como os grafiteiros, músicos e skatistas.

Emagrecentro lança linha de bebidas alcoólicas livres de carboidrato e açúcar

A cerveja artesanal e as Hard Seltzer já estão à venda nas 240 unidades da rede e também de forma online

Manter a dieta nem sempre é uma tarefa fácil, principalmente em momentos de lazer e descontração. Pensando nisso, a Emagrecentro, uma das maiores redes de emagrecimento e estética corporal do país, está lançando uma linha de bebidas alcoólicas zero carboidrato e zero açúcar.

Entre as novidades estão a Cerveja Best Shape, produzida de forma artesanal e com teor alcoólico de 4,8%, vendida em embalagens de 275ml preço sugerido de R$ 12,00. Sensação nos Estados Unidos, a Hard Seltzer, água com gás alcoólica saborizada, também passa a fazer parte do portfólio da rede no Brasil.

Disponíveis em dois sabores, limão e frutas vermelhas, a linha Best Drink é comercializada em long neck de 275ml e tem teor alcoólico de 4,5%, preço indicado para o consumidor final é de R$ 11,00. Os lançamentos estão à venda nas 240 unidades da marca.

Com 35 anos de experiência, o médico, fundador e CEO da Emagrecentro, Edson Ramuth, comenta sobre os lançamentos. “Investimos continuamente em pesquisas, inovação e tecnologia para sempre oferecer aos nossos clientes o que há de mais atual e moderno quando se fala em saúde, estética e bem-estar. Chegar ao corpo desejado não precisa ser algo sofrido e agora a barriguinha de cerveja virou algo do passado”, comemora.

Sobre a Emagrecentro

Referência nas áreas de emagrecimento e estética corporal, a Emagrecentro foi fundada pelo médico, Edson Ramuth, em 1986 e entrou para o franchising em 1994. A rede que oferece tratamentos a preços acessíveis, atualmente conta com 210 operações no Brasil e cinco nos Estados Unidos com a bandeira de Best Shape.

Verace aumenta portfólio com bebidas destiladas

Maior capacidade de produção, novas bebidas no portfólio e sabores ainda mais surpreendentes. É seguindo essa receita que a cervejaria mineira Verace vem conquistando cada vez mais consumidores por todo o Brasil. Prova disso é que a capacidade de adega da fábrica, localizada em Nova Lima, Minas Gerais, já saltou dos 80 mil litros para 110 mil litros. Além disso, a Verace anunciou sua entrada no mercado de bebidas destiladas, com a produção de gin, drinks enlatados e as chamadas hard seltzers.

Segundo o mestre-cervejeiro e sócio da Verace, Túlio da Silva, essas novidades são resultado de muito estudo, pesquisas e experiências, com foco sempre na qualidade. “Tudo isso faz com que nossas bebidas sejam muito bem elaboradas. Fazemos investimentos importantes, como em um laboratório próprio que conta com profissionais como microbiologista e engenheiro químico, o que nos permite ter um processo de produção muito mais controlado e rigoroso. O resultado final do produto faz com que a Verace seja, hoje, a mais premiada de Minas Gerais e esteja entre as três melhores do Brasil”, comemora.

De acordo com Silva, alguns estilos já acumulam diversas medalhas no Concurso Brasileiro de Cervejas (CBC), realizado todos os anos em Blumenau, o mais importante do Brasil e um dos mais importantes do mundo. A Verace Pilsen, por exemplo conquistou medalha de ouro no CBC 2021 na categoria “Other origin lager styles”; a Berry Splash levou a prata na categoria “Fruit wheat beer”; enquanto que o bronze veio em dose dupla: para a Nice Hop, na categoria “Session beer”, e para a Disturbed, na categoria “Double Ipa”.

O mestre-cervejeiro revela que ele e sua equipe são os responsáveis por desenvolver as receitas da Verace. “O processo de desenvolvimento das receitas, feito dentro da Verace, passa pela seleção dos melhores insumos e pela realização de testes na planta piloto para que o produto final seja o mais perfeito possível”, afirma. Para isso, ele acredita que, além da inspiração, é preciso muita experimentação. “Não tem jeito de criar sem experimentar. E também é preciso estudar muito. Busco referências frequentando bares, empórios, eventos cervejeiros, faço muitos experimentos na fábrica… Esse processo nunca pode parar. Tem que ter quilometragem de copo”, brinca. E isso vale para toda a equipe, que está sempre sintonizada com as novidades do mundo cervejeiro.

Como resultado, a Verace já acumula 15 rótulos de linha, que são vendidos o ano todo, tanto em supermercados, bares e restaurantes de Minas Gerais quanto no e-commerce, que distribui para todo o Brasil. Além desses, há os rótulos sazonais, comercializados apenas em datas específicas. Entre todas, a cerveja mais vendida da marca, e também uma das mais premiadas do Brasil em sua categoria, é a Verace Pilsen (American Lager), seguida de perto pela Kings Cross (English Pale Ale) e pela Nice Hop (Hop Lager).

Baltic Cognac Julep une conhaque e cerveja

Feitos um para o outro: Cervejaria Avós une elegância e complexidade do cognac Martell V.S.O.P à sua premiada Baltic Porter e cria a cerveja , em edição que homenageia coquetéis

Quem já colocou uma gota de Martell V.S.O.P em ostras sabe que os aromas sutis deste elegante cognac elevam o prazer sensorial do comensal às alturas. Agora imagine toda essa riqueza e complexidade do destilado adicionada à uma cerveja do tipo Baltic Porter, que por si só já traz aromas de igual sutileza remetendo à melado, alcaçuz e chocolate escuro e com um leve gosto torrado. E que por cima ainda ganha frescor ao incluir hortelã na sua composição.

A drinkability é certeira e o resultado é uma cerveja única, em lançamento exclusivo da Cervejaria Avós, que acaba de criar a Baltic Cognac Julep, em parceria com o Difford’s Guide, em cuja composição se destaca o Cognac Martell V.S.O.P, do portfólio da divisão Prestige da Pernod-Ricard. Em uma edição especial de cervejas que homenageiam coquetéis, serão produzidas apenas 130 garrafas de 330 ml e disponibilizadas no delivery da Avós, ao custo unitário de R$ 69,00.

“Usamos como base nossa Baltic Porter, eleita em 2020 como a melhor dessa categoria no Brasil. Em uma barrica de madeira acrescentamos folhas de hortelã fresco e o Cognac Martell V.S.O.P., com aroma de uvas leves e madeira, com um toque de baunilha. Deixamos a barrica absorver as características do cognac com o hortelã, e em seguida maturamos nossa Baltic Base para obter uma combinação harmoniosa de hortelã, amêndoas tostadas, chocolate, baunilha e madeira”, comenta Junior Bottura, sócio da Cervejaria Avós. Fã de cervejas e cognacs, naturalmente escolheu para esta empreitada Martell V.S.O.P. , o cognac que já bebe e aprecia. Não é novidade que uvas e cervejas tenham afinidades, tanto que há muitas delas cuja base é o vinho. Segundo Junior, já fizeram uma com vinho do porto e o resultado foi surpreendente.

Para Vic Sarro, da divisão Prestige da Pernod-Ricard, a iniciativa comprova a versatilidade do Cognac não só como base para coquetéis como também para alquimias raras como esta criada em parceria com a Avós. “As deliciosas notas de fruta de Martell V.S.O.P fundem-se em perfeição com notas de madeira e especiarias suaves das barricas vermelhas onde o destilado descansa, criando elegância e equilíbrio perfeito. Seu uso na Baltic Cognac Julep não poderia resultar em nada menos do que uma cerveja espetacular”, comenta.

Sobre Cognac Martell V.S.O.P

Martell VSOP é feito de uma mistura de eaux-de-vies da qual a mais jovem tem idade de pelo menos 4 anos. O cognac apresenta harmonia perfeita de generosas frutas e tons amadeirados refinados e destaca perfeitamente o estilo único de envelhecimento dos cognacs da Maison Martell. Com notas de madeira e especiarias, Martell V.S.O.P tem aromas intensos de fruta amarela madura tais como ameixa do tip Mirabela, damasco, pêssego e greengage, um tipo de ameixa verde. A cor é de um tom cobre intenso com reflexos dourados. Custa R$ 359,90 no site.

Cervejaria Avós: Rua Croata, 679 – Vila Ipojuca – São Paulo – SP. Telefone: (11)3672-4282 Funcionamento: aberta apenas para take-away – de quarta-feira a Sábado, das 12h às 21h e domingo, das 12h às 16h. Delivery.

Arraiá do Espetto Carioca: rede faz promoção de petiscos e cerveja

Com festas juninas e quermesses inviabilizadas por conta da pandemia, a opção é aproveitar um dos meses mais esperados do ano para se deliciar com as comidas típicas que nos trazem tantas lembranças boas.

Pensando nisso, a rede Espetto Carioca preparou uma tábua junina e elaborou uma promoção para os clientes: são dois salsichões, dois queijos coalhos, dois frangos à milanesa, acompanhados de uma porção de dadinhos de tapioca e uma cerveja Amstel 600ml, por R$ 99,95.

Comprando o combo, o cliente ainda ganha a segunda cerveja. Promoção válida até o dia 30/06 em todas as unidades da rede.

Informações: Espetto Carioca

Petra Kellerbier ganha versão long neck

Uma cerveja pensada para degustar na estação onde a chuva e o frio começam a aparecer. É com esse objetivo que a Petra lança o rótulo sazonal Petra Kellerbier. Premiado com medalha de prata no Festival Brasileiro da Cerveja de Blumenau/SC, em 2016, o rótulo ganha agora versão long neck e estará disponível para venda apenas no e-commerce.

Seguindo a tradição da cerveja de adega alemã, a Petra Kellerbier possui baixa fermentação, graduação alcoólica de 6,3% v/v, amargor de 22 IBU e temperatura ideal para consumo entre 4°C e 6°C. Com equilíbrio entre amargor e corpo médio, traz no paladar a percepção da cerveja não filtrada com notas de lúpulo, malte e fermentação, que resultam em sensações de frescor e consistência macia na língua. O sabor residual é de uma cerveja fresca e com amargor nobre, que permanece agradável até o próximo gole.

Com tradução direta de “cerveja de adega”, o estilo traz a sensação de degustação dentro da própria adega de maturação. Para a Petra Kellerbier foi utilizado como base o estilo German Märzen, da família Lager. Märzen é um termo usado na Europa, antes de 1840, para cervejas produzidas na primavera, armazenadas a frio durante o verão e consumidas no outono.

“A Petra Kellerbier é composta por maltes Pilsen, água leve das fissuras rochosas das montanhas e lúpulos aromáticos. Os sabores gerados pela sutileza das misturas na brassagem e a delicada robustez da cerveja maturada de adega, não filtrada, conferem à nossa Kellerbier um equilíbrio perfeito proveniente das matérias-primas e da fermentação, além de um frescor intenso das notas florais adquiridas com a escolha minuciosa dos lúpulos, que te convidam sempre para o próximo gole”, explica Diego Gomes, Diretor Industrial do Grupo Petrópolis.

A Petra Kellerbier harmoniza com comidas picantes e condimentadas, frango, salsichas e queijos leves. Para beber, indica-se a tradicional Mug (caneca alemã) ou o copo tulipa.

As versões de 355ml serão comercializadas por R$ 10,90 no site Bom de Beber.

Way Beer lança cerveja em homenagem a cidade de São Paulo

Batizada de IPA Sampa, a bebida exclusiva é uma Session IPA e está disponível nos principais bares de cervejas artesanais da capital paulista

Em ascensão no Brasil nos últimos anos, o mercado de cervejas especiais conquistou um público fiel oferecendo produtos exclusivos e de alta qualidade. Neste contexto, é preciso destacar a importância das cervejas do estilo India Pale Ale (IPA), que contribuíram diretamente para a formação e fidelização de um grande público consumidor. E quando tratamos desse estilo, impossível não citar a cervejaria paranaense Way Beer, responsável pela produção de várias IPAs de sucesso.

Consolidada como uma das principais referências nacionais em cervejas artesanais, a Way Beer acaba de anunciar sua mais nova criação: a IPA Sampa, um rótulo exclusivo em homenagem a cidade de São Paulo. Categorizada como uma cerveja do tipo Session, a IPA Sampa possui uma característica mais leve e refrescante. Fortemente incorporado pelas cervejarias norte-americanas, o termo Session representa versões mais suaves de alguns estilos, característica que tem sido adotada até mesmo na produção de IPAs.

“A Session IPA é um pouco mais refrescante do que uma IPA tradicional, com um teor alcoólico um pouco menor, mas não perde as principais características e a potência do lúpulo”, conta Alessandro Oliveira, mestre cervejeiro da Way Beer.

A IPA Sampa, disponível em garrafas de 600ml, já pode ser encontrada nas principais casas de cervejas especiais e bares da capital paulista. “IPAs são algumas de nossas especialidades, e há muito desejávamos homenagear a maior cidade do país com um rótulo especial, assim nasceu a IPA Sampa, com 5,4% de graduação alcóolica e 38 IBU. Uma receita com elevada drinkability sem abrir mão da complexidade de aromas e sabores”, completa Oliveira.

A IPA Sampa, nova cerveja da Way Beer, custa a partir de R$ 18,00 e está disponível nas principais casas de cervejas artesanais e bares de São Paulo (SP).

Informações: Way Beer ou no perfil oficial da cervejaria no Instagram (@way_beer)