Arquivo da tag: cerveja

Cervejaria Nacional prepara cerveja de cacau para o feriado de Páscoa

Rótulo comemorativo estará disponível no salão e serviço de entrega

Especialmente para o feriado de Páscoa, a Cervejaria Nacional entra no clima e apresenta, nos dias 14, 15 e 16 de abril, a Mula Cacau, nas unidades de Pinheiros e Tatuapé. O rótulo temático para ocasião estará disponível no salão e via delivery.

Cerveja queridinha do público da casa, a versão comemorativa de Páscoa, é uma cerveja de alto corpo. Mula Cacau (R$ 25 – 330 ml, R$ 36 – 570 ml e R$ 51,10 – 1L delivery) proporciona na boca amargor, presença de caramelado, com 60 de IBU e 7,5 ABV. Já no aroma, as notas são de cacau e chocolate, assim como a manda a data.

Além do rótulo, a Nacional oferece como opção de comidinhas para harmonização, a Bruschetta de Bacalhau marinada na cerveja Domina Weiss (R$ 29 – 4 unidades), servida no pão ciabatta com azeite, lascas de Bacalhau Gadus Morhua na Domina, finalizada com queijo mussarela de búfala, tomate cereja e pesto de manjericão.

Os clientes ainda podem ampliar a experiência na casa com o Combo de Páscoa (R$ 49), que incluí a Bruschetta de Bacalhau com a escolha outra cerveja clássica da carta. Ainda no delivery da Nacional, os valores promocionais de segunda a quarta, é com o desconto de 50%, e de quinta a domingo, com 30%.

Informações: Cervejaria Nacional

Confira dicas para harmonizar as delícias da Páscoa com cervejas artesanais

A Páscoa é um dos feriados mais saborosos, com iguarias para ninguém colocar defeito. Para tornar esse momento em família ainda mais perfeito, a cervejaria mineira apresenta algumas sugestões de harmonizações com seus rótulos.

As opções indicam cervejas que acompanham perfeitamente pratos com bacalhau, com camarão, com peixes e, claro, com chocolates diversos. Afinal, quem já provou sabe que a combinação de cervejas artesanais com as variações do chocolate é uma das experiências gastronômicas mais prazerosas que existem.

“Em uma harmonização, é preciso identificar as principais características de cada um dos elementos que serão degustados. Por exemplo, o chocolate branco é bem adocicado e tem sabor de leite e manteiga de cacau, o que combina muito bem com uma cerveja que tem adição de frutas vermelhas. Já no caso do chocolate meio amargo, uma cerveja com perfil de torrefação é uma combinação mais interessante ”, explica Fernando Del Campo, sócio da cervejaria Doktor Brau.

Confira abaixo as possibilidades de combinações:

Bolinho de Bacalhau – Foto: Lisa Roos

Bolinho de Bacalhau
Não vamos deixar o peixe milenar da Páscoa de fora. De baixa fermentação e amargor moderado, a Pilsen Low Carb harmoniza perfeitamente com um bolinho de bacalhau.

Robalo com batata-doce
Uma cerveja aromática e de corpo leve como a Low Carb IPA, pede uma harmonização por similaridade. Com sabores frutados e cítricos, a cerveja complementa o peixe e a batata, como um adicional ao tempero com ervas.

Colomba Pascal
Sobremesas é onde a Páscoa realmente acontece, e a colomba pascal é um dos exemplos mais tradicionais e acaba por lembrar muito um panetone, com suas frutas cristalizadas e aroma de baunilha. Vai muito bem junto com a Hemorragipa que traz aromas e sabores de maltes remetendo a caramelo.

Cheesecake de frutas vermelhas com chocolate branco
Para acompanhar essa sobremesa indicamos a Isotonic fruit beer. A acidez da cerveja complementa a acidez das frutas vermelhas cheesecake ao mesmo tempo que quebra o dulçor do chocolate branco, uma experiência incrível.

Fonte: Doktor Brau

Restaurante 12 Burger and Beer volta a receber clientes em seu salão

Com reabertura já é possível degustar os hambúrgueres, a coxinha de rabada e o sofisticado bolovo, criados pela casa

Carro-chefe do restaurante 12 Burger and Beer, o The Jack (Burger, queijo Monterey Jack apimentado e empanado, cebola roxa, bacon e maionese), abre o cardápio cheio de receitas sofisticadas e equilibradas. Entre os pratos são servidos fartos hambúrgueres artesanais, que foram sendo criados e aperfeiçoados ao longo de 11 anos de existência da casa.

Além de entradas como a coxinha de rabada servidas com molho de agrião, porções de batatas fritas rústica com alho e alecrim, e uma sofisticada versão do bolovo de boteco, a casa serve pratos executivos de quarta a sexta-feira na hora do almoço.

Todos os pratos podem ser acompanhados pelas cervejas da casa: o chope Pilsen e as cervejas IPA nas versões tradicional e com notas de Maracujá, sucesso em dias quentes para quem gosta de uma cerveja mais amarga. A 12 Burger também oferece as tradicionais geladas do mercado e para aqueles que preferem uma bebida diferente, a pedida é o drinque Cranberry Vodka, feito com suco de cranberry, limão siciliano, laranja e vodca, além dos tradicionais Aperol Spritz e Negroni.

Para quem quer desfrutar de um happy hour entre amigos, a casa também oferece petiscos: além do bolovo e da coxinha de rabada, vale experimentar o croquete de tapioca, bem como, os novos croquetes de mandioca frita cremosa, que acompanha geleia de pimenta, e os minipastéis de carne e queijo.

No quesito sobremesas, o 12 Burger and Beer tem três opções no cardápio: Mousse de Chocolate com Crocante de Macadâmia, o Pudim da Vovó (pudim de pão com creme inglês, sorvete de baunilha, açúcar, canela e laranja), que possui um toque caseiro, mas criativo, e o tradicional brigadeiro que, juntamente com uma xícara de café, podem fechar todas as refeições.

Funcionando há 11 anos em uma aconchegante, descontraída, despojada e bem decorada casa localizada entre os bairros de Pinheiros e Vila Madalena, o restaurante 12 Burger and Beer recebe famílias e grupos de amigos para comer, de quarta-feira a domingo para o almoço, happy hour e jantar. Com música ao vivo (MPB e pop rock) nas noites de sábado.

“A casa já é uma tradição paulistana para os amantes de hambúrguer. Procuramos oferecer boa comida, ambiente agradável e acolhedor para toda a família. E quando falamos família, estamos levando o assunto à sério. A casa também é dog friendly e recebe os peludos com o mesmo carinho, que recebe seus donos. Também temos um espaço bike friendly”, orgulha-se Giovanni Avilla, sócio do 12 Burger and Beer, que toca a casa junto com a sócia Vera Campos.

12 Burger and Beer – Rua Simão Álvares, 1018 – Pinheiros – São Paulo. Horário de atendimento: quarta e quinta-feira, das 12h às 21h, sexta-feira e sábado, das 12h às 23h; aos domingos, das 12h às 22h. Delivery: iFood e Rappi

Cervejaria Doktor Brau lança linha de cervejas que aliam sabor e saúde

Pilsen e Ipa low carb e Isotonic Fruitbeer com baixo teor alcoólico chegarão aos pontos de vendas agora em janeiro

Depois de um final de ano com muitos exageros etílicos e gastronômicos, nada melhor que lançamentos que nos farão curtir com leveza e que reforçam um consumo consciente. A preocupação com ter uma vida saudável e consumir produtos de qualidade também nunca teve tanta importância como nos últimos anos. Segundo a Associação Nacional das Administradoras de Benefícios (Anab) 81% dos brasileiros passaram a cuidar ainda mais da saúde. Pensando nesse cenário, a Cervejaria Doktor Brau, fundada em 2015 por um médico e um farmacêutico, lança agora a linha que irá aliar o sabor e a saúde.

Entre as novidades estão a Pilsen e a Ipa low carb, ambas com apenas 42 Kcal, com baixo teor alcoólico, leves, refrescantes e mantendo as famosas características dos estilos. As cervejas foram pensadas para serem uma alternativa para quem quer degustar das tradicionais Pilsen e Ipa, porém com o menor impacto calórico e alcoólico possível. Outra cerveja que completará a linha é a Isotonic Fruitbeer, também low carb, com apenas 12 kcal, com concentração de sais, com carga de proteína (não presente em outros isotônicos), harmonizando perfeitamente com o pós-treino.

“Após vários testes de produção, chegamos a um equilíbrio entre o teor alcoólico reduzido e uma concentração proteica adequada, deixando o menor nível de carboidratos entre todas as cervejas, são produtos pouco calóricos mas com muito sabor, mantendo as propriedades dos estilos que o brasileiro tanto gosta” afirma Nuberto Hopfgartner.

Para a elaboração da linha, a cervejaria utilizou equipamentos específicos recém-importados e técnicas bem elaboradas de produção em várias etapas para conseguir produzir cervejas com menos álcool, menos calórica do mundo.

“Queremos focar em cervejas que tragam bem estar, mas diferente do que já existe no mercado. Essa nova linha tem muita sinergia com a nossa essência, nosso storytelling. Uma cervejaria fundada por médico, para consumidores que querem se manter plenos e 100% funcionais no dia seguinte após o consumo, pois o consumo de low carb de baixo teor alcoólico traz consequências ínfimas para o dia seguinte e para seu acúmulo de calorias. Se trabalha bastante, é muito produtivo, valoriza o esforço que você faz para manter seu corpo em dia, esses lançamentos da Doktor Bräu são para você”, finaliza Hopfgartner.

Fonte: Doktor Brau

Folia em casa: pratos umami que harmonizam com cervejas para curtir o Carnaval

O Carnaval ainda está diferente, mas com o avanço da vacinação já é possível colocar o glitter no rosto, tirar a fantasia do armário e aproveitar a folia nem que seja com alguns amigos mais próximos. Ao pensar em deixar a festa mais prazerosa, o Comitê Umami convidou a doutora em Ciência dos Alimentos pela Unicamp, Hellen Maluly, para indicar quais são as melhores combinações de receitas “umami” com cervejas especiais.

Primeiramente, Hellen explica que a harmonização vem da palavra “abbinamento”, em italiano, e se refere à combinação de gostos básicos e aromas presentes em alimentos, temperos e bebidas. Também destaca que a ciência tem estudado a preferência das pessoas por tais efeitos sensoriais. “As teorias e práticas científicas relatam que quanto mais similares os compostos aromáticos e palatáveis presentes nos ingredientes alimentares, melhor se dá a harmonização. No entanto, o contraste extremo também é válido, pois a aceitação dependerá de inúmeros fatores, que incluem a cultura e disponibilidade de produtos em determinadas regiões”, explica Maluly.

Assim, separamos duas receitas fáceis para a folia, bruschetta de cogumelos e bauru especial. Ambas harmonizam com diversas cervejas, inclusive a refrescante pilsen, mas a especialista traz algumas especiais para os entusiastas cervejeiros.

Pela intensidade de sabor, os cogumelos harmonizam muito bem com cervejas mais escuras, que possuem notas de especiarias e caramelos, além das referências frutadas de lúpulos mais aromáticos, como as “red ale” ou “brown ale”.

“Essas cervejas possuem amargor médio na boca, que com o aumento dos goles tende a pedir algo que intensifique a salivação para não se tornar desagradável”, ressalta a doutora em Ciência dos Alimentos. Maluly ainda explica que quando os cogumelos são colocados na frigideira, o gosto umami e a textura delicada do alimento se destacam e promovem a intensificação dos aromas caramelados da bebida.

Para carnes pouco assadas, como o rosbife, recomenda-se as deliciosas Geuze, que são cervejas tipo lambics, produzidas na Bélgica, mas que têm feito sucesso entre os brasileiros. “A Geuze, especificamente, é uma cerveja refermentada espontaneamente com micro-organismos, geralmente selvagens, que promovem um leve caráter ácido na bebida”, esclarece Hellen. “No verão, são bem refrescantes e junto com a receita de bauru especial, que além do rosbife também leva queijos prato e suíço, fornecem a combinação ideal para intensificação da água na boca, tão esperada tanto pela acidez da cerveja, como pelo gosto umami agradável”, finaliza Maluly.

Confira o modo de preparo das receitas:

Bruschetta de Cogumelos

Ingredientes
6 fatias de pão italiano (filão), levemente torradas (180 g)
1 dente de alho (3 g)
3 colheres (sopa) de azeite de oliva (45 ml)
1 xícara de cogumelos paris, cortados em 4 partes (40. g)
1 xícara (chá) de cogumelos shimeji frescos, separados (70 g)
1 xícara (chá) de cogumelo shiitake seco, hidratado e picado (25 g)
2 pitadas de sal (0,8 g)
1 pitada de pimenta-do-reino (0,2 g)
1 colher (sopa) de salsa picada (5 g)

Modo de preparo
Em uma travessa, disponha as fatias de pão e esfregue levemente a superfície com o dente de alho. Reserve. Em uma panela média, coloque o azeite e leve ao fogo alto para aquecer. Junte os cogumelos frescos e o shiitake seco, e refogue por 5 minutos, ou até os cogumelos ficarem macios. Acrescente o sal e a pimenta-do-reino, e misture delicadamente. Disponha o refogado de cogumelos sobre as fatias do pão, salpique a salsa e sirva em seguida.

Dicas: esfregar levemente o dente de alho na superfície do pão tostado é uma forma de deixar o pão com um suave sabor e aroma de alho. Para hidratar o cogumelo shiitake seco, coloque-o em uma tigela e cubra-o com água quente. Deixe por 25 minutos e escorra.
Tempo de preparo: 15 minutos
Serve: 6 porções

Bauru Especial

Ingredientes
4 pães tipo francês (200 g)
300 g de rosbife fatiado
1 tomate médio cortado em rodelas (150 g)
2 pepinos em conserva (picles), em fatias (50 g)
2 xícaras (chá) de água (400 ml)
150 g de queijo prato fatiado
150 g de queijo suíço fatiado
Confira a lista de alimentos ricos em umami

Modo de preparo
Corte os pães ao meio, no sentido horizontal. Sobre uma das metades de cada pão, disponha o rosbife, o tomate e o picles. Reserve. Em uma frigideira antiaderente grande, coloque a água e leve ao fogo baixo para aquecer. Quando a água começar a borbulhar, junte o queijo prato e o queijo suíço e vá misturando com um garfo até que os queijos derretam e formem uma massa uniforme e elástica. Escorra, desprezando todo o excesso de líquido que restou na frigideira. Distribua o queijo sobre as outras metades de pão, feche os sanduíches e sirva em seguida.

Tempo de preparo: 10 minutos
Rende: 4 porções

Fonte: Umami

Como harmonizar cerveja com os tradicionais pratos das ceias de fim de ano

Cervejaria Madalena tem diversos rótulos ideais para as comidinhas de Natal e Ano Novo

Se engana quem pensa que os pratos servidos nas ceias de Natal e Ano Novo combinam apenas com vinhos, espumantes e frisantes. A cerveja, bebida predileta dos brasileiros, também traz no seu preparo diversos componentes que harmonizam perfeitamente com as tradicionais receitas desta época festiva.

A Cervejaria Madalena tem rótulos artesanais diversificados, indicados para cada receita típica presente nas mesas da maioria das casas. Confira qual deles é o ideal para cada iguaria e harmonize sem medo de errar na frente dos seus convidados.

Entradas como mix de nozes, castanhas, amêndoas e pistache pedem uma cerveja mais leve, de baixa fermentação e menos amarga como a Madalena Lager, ou ainda dourada e um pouco mais encorpada, como a Madalena Bohemian Pilsner. 

Para os tradicionais peru, pernil, tender e acompanhamentos, como farofa, batatas assadas, legumes grelhados ou os pratos com lentilha do Réveillon, as cervejas mais maltadas, com notas de caramelo, como a Madalena Amber Ale são ideais.

Para os doces, a harmonização varia de acordo com os ingredientes de destaque de cada um deles. Para pavê ou qualquer outra sobremesa que leve chocolate no preparo, Madalena Stout. Manjar de cocô ou rabanada, Madalena Weiss. 

Quem quiser comprar os rótulos da Cerveja Madalena, todos estão disponíveis pelo e-commerce da cervejaria. Outras opções são a loja de fábrica, que fica em Santo André, no ABC Paulista, o Empório Madalena, que fica no Jardins, na capital paulista ou em mais de mil pontos de vendas pelo Brasil (o que envolve estados como São Paulo, Rio de Janeiro, Santa Catarina, Minas Gerais, Amazonas, Paraíba e Maranhão).

Cervejaria Madalena: Rua Araçatuba, 137 – Santa Maria – Santo André, SP
Instagram: @cervejamadalena
Empório Madalena: Rua Padre João Manoel, 974 – Jardins SP
Instagram: @emporiomadalenasp
Mais informações pelo telefone: (11) 4800-0500 e Whatsapp: (11) 9.7133 – 4650

Ashby: a história do físico americano que trouxe ao Brasil a primeira microcervejaria do país

Scott Ashby se formou como Cervejeiro Practico na Universidade da Califórnia no ano de 1990, e em 1993, criou a cervejaria Ashby

A cerveja norte-americana é considerada a mais nova escola cervejeira, e foi ela que originou alguns estilos que são apreciados pelos cervejeiros hoje em dia como American Pale Ale e Hop Lager. Sua história teve início quando os europeus levaram aos Estados Unidos as primeiras técnicas de produção de cerveja.

Foi então que a cerveja alemã ganhou espaço no país, e a lager tomou o espaço da ale britânica no país. O mercado da cerveja então se consagrou nos EUA, tanto que em 1915 já eram 1.300 cervejarias norte-americanas. Porém, a Lei Seca que começou em 1920 e durou por 13 anos, fez com que o mercado sofresse uma queda e desacelerasse. Foi só em 1978, quando o presidente Jimmy Carter legalizou as cervejas produzidas em casa, que o mercado foi reaquecido e impulsionou as cervejas especiais.

“Os americanos estavam interessados em consumir novas receitas e cervejas diferenciadas, e isso fez com que nos anos 80 e 90 surgissem diversas cervejarias por todo o país”, afirma Scott Ashby, criador da cervejaria Ashby. Americano, físico e apaixonado por cervejas, se formou como Cervejeiro Practico na Universidade da Califórnia no ano de 1990 e, logo em seguida começou a trabalhar na cervejaria americana Wasatch, onde permaneceu por dois anos.

Antes disso, Scott já era homebrewer e produzia cervejas para seus amigos, que rapidamente consumiam toda a produção caseira. Ele estava tão encantado com o universo das cervejas especiais que no ano de 1993 decidiu trazer essa ideia para o Brasil, e criou na cidade de Amparo (SP) a primeira microcervejaria do país, batizada de Ashby. “Nessa época no Brasil, as cervejas industrializadas dominavam o mercado, poucos consumidores conheciam cervejas especiais, então foi uma novidade”, explica Ashby.

A ideia de trazer as cervejas especiais para o país era ser uma porta de entrada para os cervejeiros tradicionais que tinham um pouco de receio de experimentar cervejas de estilos diferenciados. No início da empresa, a marca decidiu seguir as escolas americanas, inglesas e europeias, algo inédito para a época. Tanto que a primeira Pale Ale fabricada no Brasil foi em 1994 pela Ashby. Estima-se que hoje em dia são sete mil cervejarias em atividade nos Estados Unidos.

Hoje a Ashby possui em seu portfólio 13 tipos de estilos de cerveja, incluindo algumas americanas:

American Pilsen

Também conhecida como American Pilsner, no começo era produzida nos EUA por imigrantes que usavam ingredientes americanos e leveduras originais em sua produção. Por conta da Lei Seca e o longo período sem pode beber cervejas mais elaboradas, fez com que os americanos procurassem estilos mais suaves, então elas acabaram conquistando o paladar dos consumidores. Ela harmoniza com petiscos como amendoim e queijos leves, churrasco e peixe assado.

American Pale Ale

A American Pale Ale (também conhecida como APA), é uma puro malte bem peculiar. Tem uma cor âmbar que brilha os olhos – resultado da combinação entre o malte de cevada e os lúpulos cítricos e florais norte-americanos – e é bem macia no paladar. Por conta disso, ela é excelente para quem está iniciando a travessia para as cervejas mais amargas. Na hora de saborear uma APA, carne com chilli, calabresa e hambúrguer são boas combinações.

Weiss

Weiss é feita com 50% de malte de trigo e de cevada. Além disso, como é comum no estilo, ela não é filtrada – o que a deixa naturalmente turva e acumula leveduras no fundo da garrafa. É uma Weiss única, com boa carbonatação e muito fácil de beber. Ou melhor: de apreciar. A Weiss harmoniza com casquinha de siri, comida alemã e peixe frito.

Ashby

Foi no ano de 1993 que Scott Ashby, americano que chegou ao Brasil em 1992, decidiu montar, na cidade Amparo, SP, a primeira Micro Cervejaria do Brasil, a fim de trazer ao país o conceito de cervejas especiais dos EUA. Scott, físico, apaixonado por cervejas, ingressou no curso Cervejeiro na Universidade da Califórnia no ano de 1990 e, logo em seguida começou a trabalhar na cervejaria americana Wasatch, onde permaneceu por dois anos. Antes disso, Scott já era homebrewer e produzia cervejas para seus amigos, que rapidamente consumiam toda a produção caseira.

E a diferenciação da empresa já começou quando pensou em montar uma fábrica na cidade de Amparo, SP, circuito das Águas Paulistas. Como essas bebidas são compostas por 95% de água, a qualidade desta na fabricação é extremamente relevante. Por isso, a Ashby, escolheu estrategicamente o melhor lugar para suas instalações. As águas de Amparo, além de conservar a pureza que brota da terra, têm um equilíbrio excelente entre sais e minerais tornando-a perfeita para a fabricação de chopes e cervejas de qualidade ímpar.

Foi graças à Ashby que o cenário do mercado nacional começou a experimentar um novo conceito de cervejas diferenciadas, o que antes era privilégio para poucos.

Madalena lança cerveja zero álcool

Produto já está à venda em mais de mil pontos pelo Brasil

A Cervejaria Madalena lança no Brasil a primeira cerveja premium zero álcool da marca. A Madalena Lager Zero Álcool é leve, de baixa fermentação, com aroma de malte e pão, espuma de média duração e equilibrado sabor do malte. O lançamento vem de encontro com os 10 anos que a cervejaria vai comemorar em 2022.

Renan Leonessa, gerente de marketing da marca, lembra que o novo produto da Madalena segue a qualidade premium que é a essência da cervejaria. “O sabor é nosso diferencial e essa nova cerveja é resultado do nosso empenho de trazer o melhor sabor mesmo em uma cerveja sem álcool”, explica. Além disso, vale lembrar que as bebidas produzidas pela marca são livres de qualquer aditivo químico utilizado a fim de encurtar o tempo de sua fabricação. A marca desenvolve processos específicos para a produção das diferentes cervejas sem a adição de antioxidantes e estabilizantes de espuma.

Quem quiser experimentar a novidade já pode comprar a bebida no e-commerce da Cervejaria Madalena ou até mesmo visitar a loja de fábrica que fica em Santo André, no ABC Paulista, ou no Empório Madalena, que fica no Jardins, na capital paulista. Além desses locais, a cerveja também já está disponível na Rede Graal e em mais de mil pontos de vendas pelo Brasil (o que envolve estados como São Paulo, Rio de Janeiro, Santa Catarina, Minas Gerais, Amazonas, Paraíba e Maranhão).

Vale reforçar que a cervejaria segue com o drive-thru aos finais de semana e feriados em vários pontos pela cidade de São Paulo. Para conferir o ponto mais próximo é só baixar o aplicativo na Apple Store, no Google Play ou consultar na página do Instagram da marca: @cervejamadalena.

Madalena Lager Zero Álcool – R$ 13,00

Cervejaria Madalena: R. Araçatuba, 137 – Santa Maria – Santo André – SP – Horário de atendimento: terça a sábado, das 11h às 23h; e aos domingos, das 18h às 23h – Telefone: (11) 4800-0500. Instagram: @cervejamadalena

Cervejaria Madalena tem programação de Halloween com direito a chope roxo

Evento acontece nos dias 30 e 31 de outubro com prêmios e música ao vivo

O clima de Halloween chega com tudo no bar de fábrica da Cervejaria Madalena, em Santo André. Nos dias 30 e 31 de outubro é realizada a tradicional festa em comemoração ao Dia das Bruxas com premiações e música boa ao vivo.

Nos dois dias a cervejaria promove um concurso para premiar as fantasias mais criativas e bem elaboradas. Os escolhidos ganham produtos exclusivos da marca. Além disso, todos que forem fantasiados ganham um vale chope roxo desenvolvido especialmente para entrar no clima do evento.

No sábado (30), as bandas Diet Music, cover do grupo de rock cômico Mamonas Assassinas, e Willi Rock, que apresenta os clássicos do rock and roll agitam a noite. Já no domingo (31), o show é por conta da banda Beer Rock, que traz os hits das décadas de 1980 e 1990.

A festa é ideal para família e amigos aproveitarem juntos essa data. A entrada, que custa R$ 20,00 por pessoa, dá direito a uma caneca personalizada do evento que foi desenvolvida para o encontro.

Festa de Halloween Madalena
Data: Sábado (30/10) das 13h às 23 e Domingo (31/10) das 15h às 22h
Valor: R$ 20,00 por pessoa
Atrações: Diet Music, Willi Rock e Beer Rock
Endereço: Rua Araçatuba, 132 – Santa Maria, Santo André
Telefone: (11) 4800-0500
WhatsApp: (11) 96640-5588

Pabst lança concurso #AzaradoDaPabst: ganhador participará de filme

Ganhador participará do filme Sistema Bruto e será um dos primeiros brasileiros a ter um exclusivo Pack de 99 latas da Pabst

A Pabst, maior cervejaria independente dos EUA, lança a promoção #azaradodaPabst. O ganhador fará uma participação no filme Sistema Bruto, do diretor Gui Pereira, e entrará para a seleta de artistas que, como Anya Taylor-Joy e Clint Eastwood, já tiveram o prazer de contracenar com uma Pabst Blue Ribbon no cinema. De quebra, será uma das primeiras pessoas do Brasil a levar para casa um Pack de 99 latas – embalagem com 99 latinhas que é sucesso de vendas nos EUA.

Para participar, é preciso ser maior de 18 anos e caprichar na criatividade. O participante deve criar um vídeo, no estilo de um comercial, acompanhado de latas da cerveja e publicá-lo no seu feed do Instagram com a hashtag #azaradodapabst. As inscrições vão até 10 de novembro.

“Finalmente chegou a vez dos azarados tentarem a sorte, ou melhor, capricharem na criatividade. Agora, é a chance que tanto esperavam de serem uma estrela de cinema e dizerem adeus para o azar”, brinca Thiago Lima, Head de Comunicação da Pabst no Brasil. “Se grandes artistas da cena cinematográfica já contracenaram com Pabst na mão, nada mais justo, divertido e alucinante do que dar a oportunidade dos consumidores viverem isso também”, complementa.

Pack de 99 latas

A embalagem exclusiva de 99 latas de Pabst Blue Ribbon, um dos prêmios do concurso cultural, foi sucesso imediato nos EUA e agora chega ao Brasil. A caixa, que mede 2,20 metros de comprimento por 20 centímetros de altura, estará disponível no comércio a partir da Black Friday. “O Pack de 99 latas é algo diferente de tudo o que o consumidor já viu. Além de ser enorme, chama atenção também pelo inusitado. Logo após seu lançamento nos EUA, as redes sociais foram inundadas por pessoas desejando seu Pack. Acreditamos que essa novidade tem tudo para ser bem recebida no mercado brasileiro”, conta Lima.

Pabst no cinema

A Pabst fará sua estreia no cinema brasileiro com o filme Sistema Bruto, apesar de a marca já ter uma longa trajetória nas telinhas e nas telonas. Recentemente, contracenou com Anya Taylor-Joy na série O Gambito da Rainha. A atuação da Pabst Blue Ribbon no já clássico Gran Torino, dirigido e protagonizado por Clint Eastwood, também foi marcante. Isso para não falar do cult Veludo Azul, de David Lynch, e a lendária cena em que Dennis Hopper deixa claro qual sua cerveja preferida.

Sistema Bruto

Sistema Bruto é uma comédia de ação que acompanha Bruna e Rosa, duas amigas que, além de frequentarem os mais badalados bares e festas sertanejas do interior, também são apaixonadas por velocidade e adrenalina. Em uma determinada noite, as amigas fazem uma aposta com seus amigos homens. Bruna e Rosa decidem participar de uma competição de corridas de caminhonetes para provar que são melhores que os rapazes atrás do volante. O longa estreia nos cinemas em 2022.

Sobre a Pabst

Fundada em 1844 na cidade de Milwaukee, localizada no estado de Wisconsin, no Centro-Oeste dos EUA, a Pabst Brewing Company é a maior cervejaria independente norte-americana – tendo sua sede situada em Los Angeles, na Califórnia. Ícone do segmento no país, sendo quase um elixir hipster, a cerveja Pabst Blue Ribbon carrega atitude de marca historicamente identificada com o público underground e, consequentemente, com a expressão de sua identidade (pautada na diversidade e na valorização da liberdade individual). A Pabst tem como grande aliada a promoção da cultura urbana, incluindo aí movimentos de artistas de rua, como os grafiteiros, músicos e skatistas.