Arquivo da tag: clássicos

Dia do Livro: dez autores indispensáveis para conhecer (ou reler) durante a quarentena

Bookplay, streaming de educação, faz lista com clássicos das literaturas brasileira e portuguesa; todos estão disponíveis na plataforma

bookplay

Ficar em casa durante o período de quarentena é uma oportunidade para aumentar o vocabulário, melhorar o próprio texto, aprimorar discursos e apresentações, colocar a leitura em dia e, ainda, conhecer (ou reler) clássicos de autores indispensáveis. A editora de livros Jenkins Group, dos Estados Unidos, publicou uma pesquisa sobre os hábitos de leitura e constatou um dado curioso: a maior parte das pessoas que verdadeiramente leem preferem best-sellers com, no máximo, dez anos de lançamento, deixando de lado os “bons e velhos” clássicos.

Bookplay, primeira plataforma de streaming 100% brasileira de educação, porém, pode ajudar a mudar este panorama e ainda trazer todos os benefícios acima. Confira a lista com dez obras de autores clássicos, das literaturas brasileira e portuguesa. A seleção – normalmente lembrada apenas em época de vestibular, mas que carrega histórias importantes e agrega ao conhecimento de forma geral – está disponível para leitura e em audiolivro na plataforma.

1. Machado de Assis – Dom Casmurro

dom-casmurro-34
Narrado em primeira pessoa, o personagem principal é o carioca de 54 anos Bento de Albuquerque Santiago, advogado solitário e bem estabelecido que pretende contar, na meia idade, seus momentos de moço. O título, segundo o autor, é uma homenagem a um poeta que, certa vez, o importunou com seus versos em um trem e lhe chamou de “Dom Casmurro” por ter fechado os olhos durante a recitação.

2. José de Alencar – O Guarani
Situa-se na primeira metade do século XVII. O fidalgo português D. Antônio Mariz, que participou da fundação do Rio de Janeiro, tem dois filhos: Diogo e Cecília. Diogo, sem querer, mata uma índia durante uma caçada, fato que inicia uma guerra entre a tribo Aimoré e a família. Cecília é o alvo da fúria dos índios, que querem vingança. Cecília, porém, tem um “aliado”: o índio Peri é apaixonado por ela, mas não tem seu amor correspondido. Cecília ainda é alvo da ira de Loredano, servo de D. Antônio, líder de um motim entre os empregados.

3. Aluísio Azevedo – O Cortiço
A obra descreve a ascensão do comerciante português João Romão – dono de uma venda, uma pedreira e um cortiço – próximo à casa do endinheirado comendador Miranda. A rivalidade entre os dois aumenta à medida que cresce o número de moradores do cortiço, na sua maioria, empregados da pedreira que também fazem compras na venda, enriquecendo João rapidamente.

4. Lima Barreto – Recordações do Escrivão Isaías Caminha
Isaías Caminha é um mulato nascido no interior e, em certo momento, lê um artigo contendo ofensas às pessoas de sua raça. Ele resolve, então, partir para a capital para estudar e combater o preconceito. Percebendo o prestígio de cronistas e repórteres, aproveita-se de um contato e consegue um convite para trabalhar na redação de um jornal.

5. Castro Alves – Espumas Flutuantes

Download-Espumas-Flutuantes-Castro-Alves-em-ePUB-mobi-e-PDF
Os 54 poemas reunidos em Espumas Flutuantes sintetizam todas as características inovadoras de Castro Alves. O título transmite a ideia de transitoriedade: as espumas de um mar agitado funcionam como uma metáfora de quem sente a iminência da morte, a vida se esvaindo.

6. Jorge Amado – A Morte e a Morte de Quincas Berro D’Água
O livro conta a história de Joaquim Soares da Cunha, funcionário público e cidadão respeitado, casado e com filhos, que levava uma vida tranquila. Um dia, resolve mudar seu destino: abandona a família e entrega-se ao vício da bebida. Recebe o apelido de “Berro D’água” após curioso episódio: em uma de suas bebedeiras, vira uma cachaça, toma um susto e berra para todos que era água.

7. Mário de Andrade – Macunaíma
Narrativa mítica cujo mote é caracterizar o povo brasileiro por meio de um herói sem caráter. Macunaíma, preguiçoso e mágico, desde pequeno, transformando-se em adulto, busca prazeres com a mulher de seu irmão Jiguê. Pelas traquinagens excessivas, é abandonado pela mãe e pelos dois irmãos, e passa a viver inúmeras aventuras na Floresta Amazônica, onde nasceu: ganha corpo de homem, mas com cabeça de menino; corre atrás de um amuleto; conhece a tribo das índias sem marido; e se envolve em lutas e combates.

8. Gregório de Matos – Obras Poéticas
Nascido em 1636, Gregório de Matos é considerado o maior poeta barroco do Brasil. Conhecido por ser ousado, satírico e moderno para a época, sempre gerou muita polêmica ao criticar temas políticos e religiosos. “Obras Poéticas” reúne grande parte da produção do autor.

9. Eça de Queirós – O Primo Basílio
Jorge, bem-sucedido engenheiro e funcionário de um ministério, e Luísa, moça romântica e sonhadora, protagonizam o típico casal da classe média da sociedade portuguesa do século XIX. Casados e felizes, sentem a falta apenas de um filho para completar a alegria do lar. Ao mesmo tempo em que cultiva a união formal e feliz com Jorge, Luísa mantém amizade com uma antiga colega, Leopoldina, conhecida por seus adultérios. A felicidade e a segurança de Luísa passam a ser ameaçadas quando Jorge precisa viajar a trabalho para o Alentejo.

10. Fernando Pessoa – Cancioneiro

cancioneiro__9788525410375_9788525417015_hd
As poesias do escritor, além de prestar uma homenagem à tradição lírica lusitana de preservar os seus mais antigos textos literários, também se relacionam com cantigas medievais, pois o ritmo e a métrica dos versos deixam esses poemas tão harmoniosos que eles se transformam, também, em verdadeiras letras de música. A obra é composta por poemas líricos, rimados e metrificados, de forte influência simbolista.

Sobre o Bookplay

Primeira plataforma de streaming 100% brasileira voltada para o conteúdo de educação, reúne mais de 4 mil livros, mil cursos – inclusive de inglês -, 1,5 mil audiolivros, 600 videoaulas, banca completa com revistas e jornais e área kids com livros, audiolivros e jogos para as crianças. Tudo 24 horas por dia e com acesso liberado para até três pessoas via computador, tablet ou celular, sendo compatível com iOS e Android. O Bookplay também conta com clube de benefícios, pelo qual mais de 200 parceiros proporcionam ofertas e descontos exclusivos. O aplicativo também permite a leitura dos livros em modo off-line. Com mais de 120 mil usuários já cadastrados, a plataforma deve fechar 2020 com mais de 200 mil.

The Blue Pub renova cardápio com clássicos do mundo

O chef Julio César Carneiro – formado em gastronomia na Universidade Presbiteriana Mackenzie e ex- aluno de um dos mais premiados institutos de culinária do mundo – Culinary Institute of America – acaba de renovar o cardápio do The Blue Pub – típico pub inglês localizado a dois quarteirões da avenida Paulista.

São mais de 50 novos pratos e bebidas; o cardápio, antes com 318 itens, agora, mais enxuto, tem 283. “O conceito foi trazer clássicos que países que têm pubs e que eu e os proprietários frequentamos, como por exemplo nos Estados Unidos e Europa” conta o chef. “Adaptados, claro, com a cara do The Blue Pub: porções grandes, bem servidas. Comida para compartilhar, curtir com um show, tomar uma cerveja, bater papo”, diz Carneiro, que passou pelo Hotel Unique Garden, além de atuar em Washington, Estados Unidos e chef consultor, na Califórnia.

“Agora temos clássicos americanos; um pouco de comida mexicana, de influência texana e clássicos franceses”, diz o chef. Mas, como é um pub inglês, que está no Brasil, não poderia deixar de ter petiscos tradicionais, como o pastelzinho. Outra brasilidade é a linguiça artesanal bragantina.

Os pratos que permaneceram no cardápio – agora mais enxuto – ganharam nova apresentação, com toque mais contemporâneo para acompanhar a linha dos novos. Para melhor identificação, as opções vegetarianas recebem um “V” na descrição e as veganas, “VV”.

Nas bebidas, foram acrescentados novos rótulos de cervejas – importadas da Alemanha, Estados Unidos, Austrália e Inglaterra – além de uísques, gins, licor, cachaças e coquetéis.

Novidades:

chefs burger.jpg

Para começar, novidade em sanduíches: Chef’s Burger V, que se pode escolher entre hambúrguer de carne ou cogumelos grelhados, alface americana, tomate fresco, cebola caramelizada, queijo prato e molho do chef. Servido com fritas (R$ 29).

Típicas da cozinha mexicana, as quesadilhas já chegam com três sabores diferentes: Quesadillas V – tortillas de farinha assadas com blend cheese. Acompanham bowl de nachos com salsa fresca e salsa caliente. (R$ 25), Quesadilla VV – tortillas de farinha assadas com guacamole, beans paste e fajitas veganas. Acompanham bowl de nachos com salsa fresca y salsa caliente. (R$ 25) e Chicken Sriracha Quesadilla – tortillas de farinha assadas com peito de frango grelhado, fajitas de vegetais, queijo prato e molho sriracha (picante). Acompanham bowl de nachos com salsa fresca y salsa caliente. (R$ 26).

“Aquela” saladinha não poderia faltar, e a tradicional Caesar Salad V – vem com alface americana, croutons de pão italiano, tomatinhos cereja, molho caesar e, para escolher, entre cogumelos frescos salteados ou frango grelhado (R$ 32).

bbq.jpg

As porções receberam reforços que dão água na boca, como a BBQ Pork Ribs – costelinhas de porco assadas ao molho barbecue feito com whisky envelhecido; servidas com fritas (R$ 39), típica dos americanos; Pasteizinhos V – carne, queijo ou misto; servidos com vinagrete da casa (R$ 26). Um ícone gastronômico da cidade de Bragança Paulista, interior de São Paulo, também foi incluído no cardápio e incrementado pelo chef: Linguiça Bragantina – linguiça bragantina com pimenta biquinho, grelhada com dadinhos de provolone; servida com pão francês (R$ 35).

steal au poivre.png

Entre os pratos principais, o clássico da cozinha francesa: Steak Au Poivre – medalhões de filet mignon ao molho au poivre (picante); é possível escolher espaguete salteado na manteiga de sálvia ou batatas rústicas com arroz (R$ 43). O outro, dos Estados Unidos: Mac and Cheese – penne rigate ao molho de cheddar, gratinado com parmesão; a pessoa pode optar por bacon ou cogumelos salteados (R$ 31).

De sobremesa, a inspiração também é americana: Red Velvet Cake – bolo de massa aveludada vermelha e recheio de buttermilk (R$ 23) e New York Cheesecake – cheesecake com calda de morango (R$ 24).

Claro que o pub também tem novos exemplares do carro chefe da casa, a cerveja. Só da Alemanha são quatro: Paulaner muncher hell lager (500ml R$29), Hacker Pshorr hefe weissbier (500ml R$ 31), Hacker Pshorr 1417 kellebier (500ml R$ 31) e Furstenberg black Forest pilsen (330ml R$ 19). Da Austrália vem a Belhaven Speyside Oak Aged english strong ale (330ml R$ 31) e da Inglaterra, a Cornish Cider (330ml R$ 21). Dos Estados Unidos são dois rótulos: Samuel Adams lager (355ml R$ 25) e Blue Moon witbier (355 ml R$ 25).

Nos american whiskeys se junta o Bulleit Bourbon (dose R$ 28 /R$ 280 garrafa); nos gins, Tanqueray Ten (dose R$ 35 / R$ 350 garrafa), Tanqueray Sevilla (dose R$ 31 / R$ 310) e Buldog (dose R$ 38 / R$ 410) e nas cachaças, Ypioca 150 (dose R$ 16), Ypioca 160 (R$ 29) e Ypioca 5 chaves (R$ 27).

Entre os cocktails, agora faz parte o Gin & Tonic Tanqueray (R$ 37), Gin & Tonic Tanqueray Ten (R$ 43), Gin & Tonic Tanqueray Sevilla (R$ 39) e Johnnie Highball (R$ 33) – Black Label, água de coco, Schweppes tônica e rodela de laranja.

Na parte de licores a novidade é o Limoncello (dose R$ 24 / R$ 240 garrafa).
as caipirinhas ganham variedade com a Ypioca: Ypioca 150 com limão (R$ 23), Ypioca 150 com frutas (R$24), Ypioca 160 com limão (r$ 27), Ypioca 160 com frutas (r$ 28), Ypioca 5 chaves com limão (r$ 26) e Ypioca 5 chaves com frutas (r$ 27).

The Blue Pub – Alameda Ribeirão Preto, 384 – Bela Vista – São Paulo. Horário de funcionamento: domingo das 15h à 1h, de segunda a quarta, das 16h à 1h, e quinta a sábado, das 16h às 2h

Clássicos Água de Cheiro retornam ao portfólio da marca

Depois de quase dez anos fora do portfólio, a Água de Cheiro traz de volta às lojas alguns clássicos de sucesso. As fragrâncias femininas Duna, Sofist, Cairo e Seducce e as masculinas Mirror, Vértice, Eternus e Absolute revivem ingredientes marcantes e lembranças inesquecíveis dos apaixonados pela marca.

“Respeitamos muito a história da marca e por isso, além de trazermos produtos novos, vamos resgatar clássicos queridos dos consumidores”, afirma Olindo Caverzan Junior, gerente de desenvolvimento e marketing de Água de Cheiro.

Segundo Olindo, as fragrâncias falam muito sobre o DNA da marca e a empresa buscou reativar experiências sensoriais de seu passado.

Fragrâncias femininas

Sinônimo de poder e delicadeza, Duna é um floral poderoso que combina uma saída cítrica com flores brancas, vermelhas, baunilha e muita doçura. A Deo Colônia traz em suas delicadas curvas uma combinação de notas únicas e encantadoras feita para mulheres que acreditam em si mesmas e lutam pela felicidade – fortes e apaixonadas, elas conquistam tudo aquilo que sempre desejaram com graça e bom humor.

duna agua de cheiro

Notas olfativas – Floral
Topo: Tangerina, Ylang Ylang e Jacinto;
Corpo: Flor de Laranjeira; Tuberosa; Cravo Flor, Jasmin e Flores Brancas;
Fundo: Patchouli, Musk, Cedro, Sândalo, Fava Tonka e Flor de Baunilha.

Sofist, floral verde que traduz feminilidade e delicadeza, é a combinação de flores para uma mulher eternamente apaixonada. Doçura, leveza, simplicidade e encantamento são os ingredientes principais desta fragrância. Sofist é como um jardim de flores onde cada pétala, de forma harmoniosa, exala uma fragrância única e inesquecível para mulheres que brilham naturalmente.

sofist

Notas olfativas – Floral verde
Topo: Bergamota, Jacinto, Cassis Ylang Ylang e Gálbano;
Corpo: Muguet, Flor de Laranjeira e Lírio;
Fundo: Vetiver, Musk e Âmbar.

Considerada a mãe de todas as cidades do Egito, Cairo é o contraponto entre o tradicional e o contemporâneo. Assim como suas pirâmides, uma das Sete Maravilhas do Mundo, a Deo Colônia Cairo também é poderosa e marcante – as especiarias e frutas cítricas desta essência exalam modernidade e elegância.

cairo agua de cheiro.jpg

Notas olfativas – Chipre Floral
Topo: Bergamota, Laranja e Cistus;
Corpo: Especiarias, Jasmin e Rosa;
Fundo: Cedro, Musgo e Patchouli.

Por último, Seducce é um convite para que toda mulher mostre o seu poder. Com ingredientes exóticos como romã, damasco e baunilha, a Deo Colônia evidencia a feminilidade à força e independência.

seducce

Notas olfativas – Oriental Amadeirado
Topo: Bergamota, Lichia, Mandarina e Romã;
Corpo: Damasco, Jasmin, Flor de Laranjeira, Sálvia e Ciclâmen;
Fundo: Âmbar, Madeiras Secas, Íris, Baunilha e Pralinê.

Fragrâncias masculinas

Deo Colônia que foi inspirada em um homem com várias personalidades, Mirror é para um homem sedutor, romântico, elegante ou o que ele quiser. Com o ponto de equilíbrio entre a vontade de ser único e a autenticidade natural, a nova fragrância traz a combinação de especiarias, madeiras e notas aromáticas.

mirror agua de cheiro

Notas olfativas – Fougére Aromático
Topo: Bergamota, Grapefruit e Menta;
Corpo: Gerânio, Cravo, Lavanda e Noz moscada;
Fundo: Patchouli, Musgo, Fava Tonka e Vetiver.

Vértice é o contraste de notas quentes e frias, para um homem audacioso. A Deo Colônia contemporânea e de muita atitude com notas amadeiradas e ingredientes frescos, confere masculinidade e poder ao homem único.

vertice.jpg

Notas olfativas – Amadeirado Aromático
Topo: Bergamota, Sálvia e Grapefruit;
Corpo: Gerânio, Cravo;Lavanda e Cedro;
Fundo: Sândalo, Musk, Patchouli e Âmbar.

O clássico Eternus expressa confiança em uma fragrância cheia de mistérios que combina notas especiadas e amadeiradas. A qualquer hora ou em qualquer lugar, o desejo deste homem que usa a Deo Colônia é ser eterno com sua elegância inexplicável, atitude incomparável e magnetismo sem fim.

eternus

Notas olfativas – Fougére Amadeirado
Topo: Bergamota, Mandarina, Cardamomo e Lavanda;
Corpo: Muguet, Violeta, Sálvia e Especiarias;
Fundo: Âmbar, Musk, Cedro e Patchouli.

Um clássico envolvente, Absolute é viril, fascinante e sedutor, perfeito para um homem que quer deixar sua marca por onde passa. A Deo Colônia possui ingredientes marcantes e únicos, exalando toda a sofisticação da fragrância.

absolute

Notas olfativas – Aromático fougére
Topo: Bergamota, Cassis, Gálbano e Limão;
Corpo: Gerânio, Jasmin Aquoso, Lótus e Acorde Marine;
Fundo: Âmbar, Musk, Patchouli e Sândalo.

Preços sugeridos: colônias femininas e masculinas: 90ml – R$ 79,90 cada

Informações: Água de Cheiro

 

Terraço Itália apresenta menu fit para o verão e pratos clássicos revisitados

O cinquentão mais charmoso da cidade pega carona na onda de novidades para o verão e aposta em diversos pratos leves e frescos, além de opções vegetarianas, mostrando que é possível seguir todos os rituais e dietas sem perder o prazer da boa mesa.

Opções como salada de camarão e quinoa ao perfume de azeite de ervas, burrata com tomate e presunto de Parma crocante e o tartar de mignon com legumes crocantes e creme de parmesão coroam o menu fit, assinado pelo chef Pasquale Mancini.

burrata
Burrata com tomate e presunto de Parma crocante

tartar de mignon

Tartar de mignon com legumes crocantes

Os clássicos do restaurante também foram revisitados e estão à disposição de quem não abre mão de ir ao Terraço Itália e saborear o melhor da gastronomia italiana. Opções como ossobuco de vitela e risoto de açafrão e ervilhas, escalope de filet mignon ao vinho tinto e massas diversas também enchem os olhos e agradam o paladar de quem busca “comfort food”.

ossobuco
Ossobuco de vitela e risoto de açafrão e ervilhas

Destaque para o pappardelle com ragu de pato ao vinho do porto e para o agnolotti com frutos do mar e bisque de lagosta.

papardelle
Pappardelle com ragu de pato ao vinho do Porto

De sobremesa, impossível resistir ao semifredo de chocolate e manga e a baba ao rum.

semifredo de chocolate e manga
Semifredo de chocolate e manga
baba ao rum
Baba ao rum

O menu está disponível no Almoço Gourmet de segunda a sexta-feira, ao valor de R$ 118,00 por pessoa com couvert, entrada, prato principal e sobremesa, no Buffet aos finais de semana e durante o jantar no menu à la carte.

Terraço Itália – Avenida Ipiranga, n°344 – 41° – Centro