Arquivo da tag: cuidados

Conheça os principais hábitos que prejudicam o couro cabeludo

Especialista da Mahogany aponta o que deve ser feito para evitar o aparecimento de problemas como a caspa e o enfraquecimento dos fios

Ondulados, crespos, lisos ou cacheado, independentemente do tipo de cabelo, as mulheres apostam em tudo que pode ajudar no crescimento, força e aspecto dos fios. Prova disso é a grande quantidade de produtos das mais variadas categorias, como shampoo, condicionador, hidratantes, máscaras, óleos e finalizadores, criados justamente para satisfazer esse público, que está a cada dia mais exigente e preocupado com a saúde capilar.

Carlos Correa, gerente de pesquisa e produtos da Mahogany, marca especializada em produzir e comercializar cosméticos de alto padrão, explica que a raiz dos cabelos é a base para fios fortes e o excesso de uso de produtos, aliado à falta de informação, podem causar o surgimento de diversos problemas no couro cabeludo como a caspa e a oleosidade. “É dele que os fios se originam e se esse local estiver com excesso de oleosidade, por exemplo, não há corte que resolva, as madeixas serão afetadas sempre pelos mesmos problemas”, explica.

A boa notícia é que basta um pouquinho de atenção para garantir um couro cabeludos saudável. Confira abaixo alguns vilões capilares e a forma correta para driblar esses problemas:

Lavar com água quente
A água também pode ser uma vilã do cabelo saudável, se estiver na temperatura errada. Um banho quente pode ser bom, mas o calor estimula a produção de oleosidade no couro cabeludo e aumenta o ressecamento das pontas. Segundo o especialista, o ideal para a saúde capilar é priorizar água de morna a fria na higienização, pois não são agressivas para o couro cabeludo nem para os fios. “Quando extremamente quente pode ser muito prejudicial à região, provocando a perda de nutrientes e interferindo na saúde da cútis”, afirma.

486339964

Realizar vários procedimentos químicos de uma vez
Coloração, permanentes e relaxamento são procedimentos químicos que penetram profundamente na fibra capilar, alterando sua estrutura interna. “Para evitar danos, o indicado é esperar pelo menos duas semanas entre os procedimentos e fazer grandes mudanças de forma mais gradativa”, diz. Quando se trata de pintar os cabelos, o expert destaca que a melhor saída é optar por uma transformação gradual e utilizar shampoos específicos para cabelos coloridos. “Hidratar os fios pelo menos uma vez por semana também é fundamental para madeixas com qualquer tipo de química”, aconselha.

Dormir de cabelo molhado
Ao dormir de cabelo úmido ou molhado, deixamos o ambiente perfeito para a proliferação de bactérias, que precisam de calor e umidade. “O travesseiro prolonga o tempo de secagem dos fios e dificulta a dissipação do calor, criando um ambiente úmido e abafado. Para tentar controlar esse crescimento excessivo dos fungos, o organismo mobiliza suas células de defesa gerando inflamação. O quadro inflamatório que se desenvolve, chamado dermatite seborreica, é o responsável por sintomas como coceira, dor, caspa e queda de cabelo”, esclarece.

Usar condicionador no couro cabeludo
O erro é comum principalmente em quem tem cabelo mais curto. O produto deve ser aplicado somente no comprimento e pontas, evitando os excessos. A raiz do cabelo já é naturalmente hidratada, pois recebe oleosidade de forma natural. “O pior erro é aplicar condicionador diretamente no couro cabeludo. Essa prática pode causar problemas como oleosidade excessiva e obstrução dos poros, podendo levar até à queda dos fios”, alerta.

Veja abaixo produtos da Mahogany essenciais na rotina de cuidado com os fios:

Tônico Antiqueda Enerfol Vital Dermo 120 ml – R$ 125,00

Enerfol é o tônico antiqueda da Mahogany, um produto tecnológico especialmente formulado com ativos modernos que auxiliam no fortalecimento da estrutura do cabelo. Melhora a densidade capilar (número de fios por cm²), estimula o crescimento de novos fios, retarda o envelhecimento do folículo e ativa a microcirculação das células do bulbo capilar. Com eficácia comprovada*, é um tratamento cosmético para a queda da raiz até a pontas.

Máscara Repair Recuperação e Hidratação 300 g – R$ 99,90

Os tratamentos mais intensos exigem uma ação de reparação constante. A Máscara Repair trata os danos mais profundos reestruturando intensivamente as fibras capilares, através da penetração de ativos diretamente na cutícula do fio, restaurando desde o córtex capilar, até a camada mais externa, ao mesmo tempo, forma um filme que protege sua superfície. Fórmula rica em ingredientes de alto poder de hidratação e reparo, atua na reposição da massa capilar, fortalece e aumenta a resistência do fio, prevenindo a quebra e a formação de pontas duplas. Protege o cabelo contra danos térmicos, químicos, ambientais e mecânicos. Ação antipoluição que evita a deposição de resíduos ambientais nos fios, tornando-os mais luminosos. Mantém e realça a cor. Indicada para todos os tipos de cabelos principalmente cabelos com danos profundos. Recomendamos o uso por aproximadamente 2 ou 3 vezes na semana.

Fonte: Mahogany

Saiba como cuidar das roupas de inverno

Após meses guardados, chegou a hora de tirar os casacos do guarda-roupa. Aprenda algumas dicas para manter as peças sempre novas

O inverno nem chegou, mas o frio já se espalhou por quase todo Brasil. Na época mais gelada do ano, as roupas leves dão espaço para os casacos mais pesados, tricôs e luvas. Após meses no fundo do guarda-roupa, as peças podem apresentar mofo, poeira e o famoso “cheiro de guardado”. Para resolver estes problemas, o CEO da rede de lavanderias self-service Lavô, Angelo Max Donaton, separou algumas dicas para mantê-las sempre com cara de nova.

Foto: Pixabay

Trocando o guarda-roupa: o inverno começa oficialmente no dia 21 de junho, mas a melhor hora de organizar as roupas de frio é agora. Para evitar a rinite, o ideal é pegar as peças mais quentes e avaliar quais precisam ser lavadas e quais precisam ser estendidas para arejar um pouco. Deixar para conferir se aquele casaco de lã está bom apenas quando a temperatura abaixar pode ser a receita para um dia de espirros e alergias.

Foto: Depositphotos

Aproveite para doar: a mudança do guarda-roupa de verão para o de inverno é sempre um bom momento para separar algumas peças em bom estado para doação. Pelo Brasil, existem diversos pontos que recebem este tipo de material, que podem ser associações de bairro, igrejas, terminais de ônibus e estações de metrô.

iStock

Lavanderia não é luxo: lavar roupas pesadas durante o frio é um pesadelo. A água gelada e os dias no varal sem secar desanimam qualquer um. Até pouco tempo atrás, lavanderias eram luxo, mas hoje existem modelos self-service, como a Lavô, que democratizam o serviço. Se na etiqueta estiver que podem ir à máquina, a dica é apostar nesta solução: em uma hora as peças saem limpas, secas e praticamente passadas, pagando em média 14 reais por 10 quilos de roupa.

Não guarde peças úmidas: não guarde as peças imediatamente após usá-las para evitar que mofem por conta da chuva ou do suor do corpo. Coloque-as em um cabide e deixe tomar um ar para não armazená-las úmidas. No entanto, se o local também for muito úmido, vale colocar pedaços de giz ou cal em saquinhos de tule para absorver um pouco a umidade.

Quando o inverno acabar: na hora de voltar ao guarda-roupa, utilize sacos de TNT ou outro tipo de tecido que permita a ventilação da peça, assim, evita o acúmulo de pó. De tempos em tempos, também é interessante deixar as portas do guarda-roupa abertas para aumentar a ventilação, assim as peças estarão prontas para o próximo inverno.

Fonte: Lavô

Hoje é o Dia Mundial da Esclerose Múltipla

Saiba por que o conhecimento sobre a doença é fundamental, inclusive para a saúde bucal do paciente

O Dia Mundial da Esclerose Múltipla é em 30 de maio, data escolhida para a divulgação de informações sobre a doença, que atinge atualmente cerca de 2,3 milhões de pessoas no mundo. O conhecimento acerca da esclerose múltipla é fundamental, inclusive na Odontologia, uma vez que a condição ocasiona limitações que prejudicam até mesmo o processo de higienização bucal.

Saber mais sobre a esclerose múltipla também é importante para avaliar e definir o melhor tratamento e quais as orientações adequadas para cada fase da doença. Mas, afinal, o que é esclerose múltipla?

A doença e os sintomas mais comuns

A esclerose múltipla (EM) é uma doença autoimune, neurodegenerativa, que acomete o sistema nervoso central levando à incapacidade progressiva, problemas pessoais, familiares, sociais e profissionais, de origem desconhecida. Afeta em geral adultos na faixa de 18 a 55 anos de idade, sendo observada no Brasil uma taxa de prevalência de aproximadamente 15 casos por 100 mil habitantes.

A doença apresenta quadros de agravo e remissão, caracterizados por surtos ou ataques agudos da atividade. Os sintomas mais comuns são a neurite óptica, paresia ou parestesia de membros, disfunções da coordenação e equilíbrio, mielites, disfunções esfincterianas, alterações cognitivas e comportamentais, espasticidade, ataxia, tremor, fadiga, fraqueza muscular, depressão, levando à deficiência progressiva e dependência de cuidados.

A cirurgiã-dentista Juliana Franco, do Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da USP (Hospital Auxiliar de Suzano e Instituto Central – HCFMUSP) e Doutora em Patologia Oral e Maxilofacial e Pacientes Especiais pela FOUSP, explica que, em relação à Odontologia, o paciente portador de esclerose múltipla pode apresentar sinais e sintomas pertinentes à região da face e cavidade oral, como neuralgias cranianas, paralisia facial, disfunções temporomandibulares, complicações visuais, disfagia, disartria, espasmos hemifaciais, distonias e dormência em face. “As alterações orofaciais encontradas ou reportadas pelo paciente, juntamente com uma anamnese bem realizada, são importantes e servem de alerta para que o cirurgião-dentista tenha a esclerose múltipla como hipótese diagnóstica auxiliando no diagnóstico precoce pelo médico neurologista, com melhor prognóstico da evolução da doença”.

A esclerose múltipla em suas fases de progressão

A especialista esclarece que a esclerose múltipla apresenta quatro formas de evolução e, de acordo com o tratamento, da resposta ao mesmo e às morbidades apresentadas, é possível encontrar o paciente em diversas situações clínicas. “Atualmente, sabe-se que os tratamentos controlam bem os surtos da doença, melhorando o prognóstico e qualidade de vida do paciente”.

Com relação ao atendimento, Juliana explica que ele será efetuado de acordo com a fase da doença. “Quando no estado inicial, o atendimento será o convencional, realizado no consultório odontológico. Com a evolução da doença, principalmente os pacientes com dificuldade de adesão ao tratamento multidisciplinar/farmacológico ou do tipo de esclerose múltipla, podemos ter um paciente dependendo de cuidados e que necessite do atendimento odontológico domiciliar. Já no caso em que há agravamento, podemos ter um paciente hospitalizado, em que o dentista habilitado em Odontologia Hospitalar realizará o atendimento na internação”.

Neste contexto, a cirurgiã-dentista destaca que a Odontologia, hoje, se apresenta de forma muito mais acessível, possibilitando o atendimento do paciente em qualquer lugar e condição clínica.

Medicações utilizadas no tratamento e seus possíveis efeitos

O tratamento da esclerose múltipla é multidisciplinar, baseado na reabilitação do paciente, associado ao tratamento farmacológico com o uso de corticoides, imunossupressores e imunobiológicos de uso contínuo, ou na forma de pulsoterapia nos momentos de surto da doença. Esses medicamentos, segundo a Dra. Juliana, ocasionam uma modulação do sistema imune, diminuindo a sua atividade, aumentando o risco de infecções, no geral, incluindo as infecções orais. “O cuidado odontológico de rotina é fundamental para o tratamento e prevenção das infecções dentárias, que podem ser agravadas e apresentarem uma rápida evolução por conta da imunossupressão medicamentosa, assim como nos casos do desenvolvimento de infecções oportunistas em cavidade oral, como a candidíase oral e herpes simples”.

A cirurgiã-dentista lembra, também, que nos pacientes com doenças neurodegenerativas pode haver a associação de um quadro de hipossalivação (diminuição da produção de saliva) ocasionado pela polifarmácia e de uma perda progressiva e gradual da força muscular e coordenação motora. Segundo ela, a simples diminuição do volume da saliva traz riscos para os dentes (aumento do número de cáries), para as gengivas (progressão da doença periodontal), para as mucosas orais (traumas e infecções oportunistas) e de qualidade de vida do paciente (dificuldade para mastigar, deglutir os alimentos, falar, utilizar próteses dentárias).

A importância da higienização bucal do paciente com esclerose múltipla

A higienização bucal do paciente com esclerose múltipla é um item de extrema importância para a prevenção de doenças bucais. Alguns estudos associam à doença uma maior prevalência de cáries e problemas orais. Com relação a isso, Dra. Juliana explica que a dificuldade de higienização pode ser proveniente da falta de orientação do paciente e do cuidador sobre a importância da higiene bucal ou da melhor técnica para realizá-la, da perda progressiva da força muscular ou do déficit cognitivo que resultarão em uma higiene bucal deficiente, levando a danos cumulativos à saúde bucal do paciente.

“O aumento de cáries e de doenças bucais é devido a uma associação de fatores que deve ser diagnosticada pelo cirurgião-dentista, o qual deve elaborar um plano terapêutico contemplando o tratamento odontológico, consultas de rotina para prevenção e trabalho conjunto com o paciente e cuidador para adequar forma e estratégias para a realização da higiene bucal”.

De acordo com a cirurgiã-dentista, além do treinamento voltado aos cuidadores e familiares com relação à higiene bucal do paciente, existe a possibilidade de recorrer a adaptações das escovas dentárias, à utilização de dispositivos para manter a boca do paciente aberta durante a realização da higiene, às técnicas de escovação mais indicadas para cada paciente e ao uso de escovas elétricas. “A aspiração da cavidade oral durante e após a higiene bucal para evitar a possível broncoaspiração da saliva e espuma da pasta dentária, além do uso de colutórios e outros dispositivos para realizar a higiene oral, como os swabs orais de esponja, estão entre os recursos disponíveis”.

O importante, segundo Dra. Juliana, é deixar que o paciente faça o seu autocuidado e, caso comece a ser observada deficiência para realizá-la, o cuidador/familiar pode completar a higiene oral.

A especialista chama a atenção para a frequência da higienização. “Além da orientação de como realizar a higiene oral, é importante alertar para a frequência e momentos em que a mesma será feita, pois muitos pacientes podem fazer o uso de alimentação por sonda, ou seja, não comem pela boca, o que leva muitos familiares a não realizarem os cuidados orais por não saberem que, independentemente da forma que o paciente se alimenta, é essencial fazer a higiene oral”.

Cuidados gerais

Orientações sobre a dieta também são indispensáveis, especialmente em relação ao açúcar e carboidrato, que aumentam o risco de cárie, assim como o não consumo de dieta não condimentada, ácida ou gaseificada por conta da hipossalivação.

Conforme Dra. Juliana, a Odontologia deve ser baseada em cuidados gerais preventivos e curativos nos pacientes com deficiências. O cirurgião-dentista especialista em Odontologia para Pacientes com Necessidades Especiais é o profissional capacitado para entender de forma global o processo de saúde-doença e a sua evolução, devendo adequar o atendimento desde o preventivo, curativo e adaptações de acordo com as fases de doença. “Acolhimento, comunicação, empatia e humanização são fundamentais para a criação de vínculo com o paciente e sua família, possibilitando maior aderência ao tratamento odontológico, às orientações sobre higiene oral, à dieta e aos cuidados orais”.

Fonte: Conselho Regional de Odontologia de São Paulo (Crosp)

Natura dá dicas valiosas para uma rotina de cuidados com os cabelos

Com a agitada rotina do dia a dia, às vezes não dedicamos o tempo e os cuidados necessários para cuidar dos cabelos. Dúvidas relacionadas sobre como lavar, hidratar e pentear os fios do jeito certo, bem como os produtos mais adequados para a rotina de cuidados, são extremamente comuns. Por isso, a Natura preparou algumas dicas valiosas para a rotina de cuidados com as madeixas, sugerindo os produtos ideais para cada tipo de fio.

Lavar o cabelo do jeito certo

O primeiro passo para lavar as madeixas é identificar qual o seu tipo de cabelo, e em seguida, selecionar os produtos adequados para o seu tipo de fio, já que cada fio tem uma especificidade que precisa ser levada em consideração, sejam eles lisos, ondulados, cacheados ou crespos. Já algumas dicas, são fundamentais e válidas para todos os tipos de fios, como evitar usar água muito quente ao lavar a cabeça, pois altas temperaturas estimulam a produção de sebo no couro cabeludo; na hora da aplicação do shampoo, não esfregue os fios, apenas massageie o couro cabeludo com as pontas dos dedos gentilmente; e para evitar que o cabelo fique com um aspecto pesado, o condicionador deve ser usado apenas nas pontas dos fios. Outra dúvida recorrente é sobre dormir com o cabelo molhado, e a resposta é não. O hábito pode, inclusive, desencadear problemas capilares como caspa e dermatite seborreica.

O produto ideal para os cuidados com o cabelo

É fundamental proporcionar aos fios o cuidado que eles merecem, e isso inclui oferecer os cuidados para cada necessidade. A linha Lumina traz um portfólio completo para tratar as necessidades dos fios, e é a única com a exclusiva biotecnologia Pró-teia, uma proteína vegana biomimética inspirada na teia, e conta com ação inteligente, que regenera o cabelo de dentro para fora, na medida exata de cada dano. Conheça mais sobre a linha:

Lisos: costumam ser mais maleáveis e oleosos na raíz, por isso precisam de limpeza e hidratação na medida certa. O Shampoo Purificante Cabelos Lisos (R$ 35,90) é a sugestão ideal para reduzir a oleosidade por mais tempo, sem ressecar as pontas. O Condicionador Protetor de Cabelos Lisos (R$ 38,90) complementa o tratamento com sua fórmula com Ativo Antipoluição, que protege o cabelo contra a poluição e ação de radicais livres.

Cacheados: cachos precisam de cuidados com o controle de frizz e na hora de desembaraçar. O Shampoo Hidratante (R$ 35,90) e o Condicionador Lavante de Lumina (R$ 35,40) contam com Ativo Hidradefinição que proporciona definição aos fios.

Crespos: cabelos crespos necessitam de fórmulas suaves e nutrição profunda para darem força e resistência aos fios. Lumina tem uma linha dedicada a este tipo de cabelo, como Shampoo Suave para cabelos Crespos (R$ 35,90) e o Creme Para Pentear e Fitagem para Cabelos Crespos (R$ 41,90), que fazem parte de um completo sistema de tratamento que entrega nutrição, força e definição aos fios, deixando os cabelos crespos mais saudáveis, com movimento e controle do frizz.

Danificados: E para cabelos danificados, consequência de química, por exemplo, o Shampoo Reestruturante (R$ 35,90) e o Condicionador Provitalidade (R$ 38,90) fazem parte de um sistema completo de tratamento, que recupera a fibra capilar de forma imediata e tem efeito antiquebra. Perfeito para cabelos mais fortes e resistentes.

Cada tipo de fio pede um cuidado específico. Lumina traz um portfólio completo para diferentes necessidades: cabelos lisos, cacheados, crespos, com química, secos, oleosos, com caspas, amarelados e que precisam de uma limpeza profunda.

Hora de aprofundar o tratamento

A hidratação também é fundamental para a saúde dos fios, e por isso é muito importante manter um cronograma capilar de hidratação semanal. Inicie esse passo identificando o nível de dano dos fios, para selecionar o produto mais adequado. Natura Lumina tem uma linha completa para todas as necessidades, como as máscaras de hidratação.

Já para cabelos secos, a sugestão é o Kit Para Cabelos Secos com Creme de Pentear (R$ 116,70), um sistema de tratamento completo com ação antifrizz que repara e nutre os fios profundamente. Composto por shampoo, condicionador e creme de pentear, o kit tem o Ativo Nutrirrevitalização, que hidrata, repara e fortalece a fibra capilar. Complemente o tratamento com a Ampola Reparação Instantânea para Cabelos Secos.

Finalizar sem danificar

Pentear e secar as madeixas também faz parte da rotina de cuidados. Os utensílios e a forma como penteamos também influencia na saúde dos fios. Primeiramente, seja gentil com os cabelos. Com movimentos leves, penteie o cabelo de baixo para cima, começando pelas pontas, enquanto os fios ainda estão molhados ou úmidos. Já para a finalização, cada tipo de fio pede um cuidado diferente. Lumina traz um portfólio completo para todas as necessidades. O Creme de Pentear Brilho Intenso (R$ 41,90), por exemplo, é ideal para finalizar e definir cabelos cacheados e crespos. Já para cabelos secos, Lumina traz o Creme de Pentear Selador de Cutículas (R$ 41,90), para cabelos sem frizz e com mais brilho. E na hora de usar o secador, é fundamental o uso do protetor térmico. O Protetor Térmico Lumina (R$ 59,40), além de proteger os fios, finaliza e ressalta a beleza do cabelo.

Os produtos da marca Natura podem ser adquiridos com as Consultoras, por meio do e-commerce, app Natura, nas lojas próprias ou nas franquias “Aqui tem Natura”. Para mais informações, visite o site da Natura ou acesse os perfis da empresa nas redes sociais: LinkedIn,  Facebook e  Instagram.

Veja produtos que podem salvar suas madeixas dos possíveis estragos do verão

No verão, já é sabido que os cabelos sofrem bastante durante toda a estação e os cuidados precisam ser redobrados para manter as madeixas saudáveis quando expostas ao sol, piscina ou mar.

E já pensou se pudesse tratar seus cabelos sozinha, com itens da mais alta tecnologia do mercado? A Truss possui os melhores produtos para cuidar dos cabelos no período, e melhor, os tratamentos podem ser feitos antes, durante ou depois da exposição solar.

Com o Uso Obrigatório Summer, você pode proteger seus cabelos durante e após a exposição aos agressores do verão (mar, sol e piscina). O reconstrutor capilar possui um filme de proteção UV, essencial contra esses fatores, além de ser perfeito para todos tipos de cabelo, reconstruindo, protegendo e selando os fios proporcionando maciez e brilho.

O Kit La Moda Summer é essencial para os cuidados pós exposição. Sua incrível fórmula com filtro UV age na reparação dos danos provocados pelos raios solares e na prevenção do desbotamento, do ressecamento e da oxidação dos fios, além de promover uma nutrição profunda e proteção de longa duração. Este produto é ideal para te acompanhar durante todo o verão.

O Shampoo e Condicionador Miracle Summer é ideal para proteger contra o desbotamento da cor e raios UV, além de possuir uma fragrância agradável e refrescante, promovendo sensação de limpeza, maciez e vitalidade. Seus ativos Sun Protection possuem um filtro de proteção UV que protege os cabelos contra danos à estrutura capilar e agressões mecânicas (secador e prancha).

A Miracle Summer Mask promove a regeneração e proteção das agressões que os cabelos sofrem no verão: formulada especificamente para quem ama a estação e quer ter cabelos saudáveis durante o ano todo. Efeito imediato de reestruturação e regeneração da fibra capilar, com tratamento preventivo e curativo.

Informações: Truss

6 rituais de beleza para adotar antes de dormir

Especialista dermatofuncional lista dicas de como criar uma rotina diária para cuidar da pele e corpo de forma saudável

Os cuidados com o corpo e a pele não devem ser esquecidos durante o período noturno. Inserir alguns hábitos simples na rotina antes de ir dormir pode fazer toda a diferença na aparência. Retirar a maquiagem do rosto, lavar a pele e manter hidratada fazem parte do ritual que ajudam a manter a pele saudável. Esses hábitos se tornaram ainda mais frequentes na pandemia, a rotina skincare virou febre entre homens e mulheres, famosas como Manu Gavassi, Juliana Paes, Isis Valverde e Paolla Oliveira também aderiram a tendência.

Segundo Aline Caniçais, especialista dermatofuncional da HTM Eletrônica – empresa referência na fabricação de equipamentos estéticos – durante a noite, o metabolismo das células da pele aumenta. “Ela absorve mais e melhor os nutrientes do que em qualquer outro período do dia. Além disso, à noite a pele se recupera das agressões sofridas durante o dia por causa de sol, vento, poluição, frio, entre outros”, explica.

Pensando nisso, a especialista separou seis dicas de beleza para colocar em prática antes de dormir:

Lave o rosto e retire a maquiagem
O primeiro passo da rotina de skincare deve ser retirar toda a maquiagem e limpar qualquer resíduo de produtos, poluição, fumaça de cigarro ou outras impurezas que atingem a pele ao longo do dia. O acúmulo de sujeira atrapalha o processo de regeneração da pele e impede que ela absorva os produtos de skincare.

ThatSister

Hidrate a pele antes de dormir
Uma vez que a pele esteja limpa, esse é o melhor momento para uma hidratação facial. Um bom hidratante é essencial para manter o viço da pele. Algumas fórmulas ainda contém ingredientes nutritivos, que ajudam a manter a função das células. Escolha um hidratante de acordo com o seu tipo de pele e orientado por um profissional.

Não esqueça os joelhos e cotovelos
Para uma hidratação da cabeça aos pés, não se esqueça das áreas mais ásperas e secas do corpo, como joelhos, calcanhares e cotovelos. Essa é a hora de aplicar cremes mais consistentes com ativos hiperidratantes e nutritivos – como manteigas e óleos naturais – em regiões como joelhos, calcanhares e cotovelos.

Deixe os lábios bem macios
Não economize no lip balm – hidratante labial que garante benefícios diários – antes de dormir se a intenção for despertar com os lábios bem hidratados. Escolha um que possua textura mais grossa e ativos potentes para deixá-los macios.

Preserve as áreas delicadas
A área dos olhos merece uma atenção especial, pois é uma região de pele muito delicada. Além disso, é a área que primeiro envelhece. Hidrate bem a área usando cremes específicos para essa região. É possível também fazer compressas com chá de camomila geladinho. Você pode usar os saquinhos de chá diretamente no rosto, ou lançar mão de um algodão embebido no líquido. Apenas 15 minutinhos são necessários para que a camomila faça efeito na pele.

Getty Images

Madeixas hidratadas antes de dormir
Qualquer que seja o tipo de cabelo pode se beneficiar de uma hidratação express. Na verdade, ao passar óleo essenciais no cabelo, antes de dormir, a sensação vai ser de uma rápida hidratação, mas, na verdade, o produto passará horas nos seus fios. O que é ótimo para melhor absorção e resultado. Já no caso de quem tem cabelos oleosos deve fazer isso, porém deve lavar pela manhã. Um detalhe importante: os óleos precisam ser vegetais, que conseguem nutrir os fios. Já os minerais criam uma capa protetora no fio, evitando que nutrientes entrem.

Cuidados que potencializam procedimentos estéticos
Vale lembrar que o home care corresponde a continuidade do tratamento estético em casa com a utilização de produtos para a pele, cabelos e corpo. Esses produtos complementam os tratamentos feitos nas clínicas, potencializando os resultados com a mesma qualidade dos procedimentos como: a fototerapia com LED/Laser Vermelho, que é bastante conhecida por promover um aumento da circulação dos fios, aumento do metabolismo folicular e a reativação do crescimento do cabelo; a radiofrequência, flacidez da pele e o tratamento com luz intensa pulsada, específico para o rejuvenescimento do rosto e da pele.

Fonte: HTM Eletrônica

Semijoias: 15 dicas de como limpar e manter as suas sempre como novas

As semijoias são um produto intermediário entre as joias e a bijuteria, mas isso não quer dizer que elas devem ser facilmente descartadas. Alguns modelos permanecem intactos mesmo após anos de uso — e claro que isso vai depender dos cuidados e qualidade das peças.

Se você não acredita, pode testar na sua casa. Neste artigo, acompanhe 15 dicas de como limpar semijoias prolongando a beleza e a durabilidade das peças.

A falta de limpeza prejudica as semijoias?

Mas antes, é importante responder a uma pergunta recorrente: a falta de limpeza prejudica as semijoias? A resposta simples e rápida é: sim. As semijoias, sendo de baixa ou alta qualidade, estão sujeitas a sofrer reações químicas, como a oxidação e corrosão, e até mesmo físicas, como arranhões ou amassados. Essas ocorrências interferem diretamente na conservação das peças.

Sendo assim, a falta de limpeza e manutenção fazem com que os acessórios fiquem mais frágeis e percam brilho. Os principais motivos que aceleram a deterioração das peças são:


-Ácido úrico: composto orgânico presente no suor do ser humano que afeta diretamente anéis, colares e pulseiras;
-Água do mar ou piscina: o cloro e a alta salinidade do mar irá danificar sua peça;
-Poluição da cidade: a longo prazo a poluição do ar escurece as semijoias;
-Produtos químicos: a maioria dos compostos químicos, desde produtos de limpeza até cosméticos, causa danos severos;
-Sujeiras indesejáveis: areia, gordura, entre outros resíduos aceleram o processo de oxidação dos acessórios.
-Sol: o calor prejudica diretamente a qualidade das peças, resultando em perda do brilho.

Dicas de como limpar semijoias

Flanelas secas
Para limpar semijoias corretamente, você pode optar pelo uso de uma flanela seca para retirar as sujeiras mais grossas, como terra e areia. Dispense o uso de panos robustos para não arranhar a peça.

Água e detergente
Se você tem dúvidas de como limpar semijoias com detergente, fique tranquila, é simples. Lave a peça em contato com a água corrente e a esfregue suavemente utilizando uma escova de dentes ou até mesmo um pano com detergente, retirando toda a sujeira. Após este processo, retire todo o sabão e seque totalmente a peça.

Produtos para limpar semijoias
Alguns produtos são indicados para a limpeza e recuperação do brilho de joias e semijoias. Procure lojas especializadas que ofereçam o material. Para a aplicação, umedeça um algodão com o composto e aplique-o nas peças, elas ficarão lindas novamente.

Bicarbonato de sódio
Para quem tem dúvidas de como limpar semijoias com bicarbonato, é fácil. Faça uma mistura pastosa de bicarbonato com água, aplique-o na peça utilizando uma escova de dentes e deixe agir por 5 minutos. Após isso, é só lavar bem a peça e utilizar uma flanela para polir. Você vai notar uma grande diferença.

Pasta de dentes
Para limpar semijoias esverdeadas, basta aplicar pasta de dente na peça, e esfregar utilizando uma escova de cerdas macias. Depois, espere cinco minutos até remover o produto.
Após a remoção, é necessário utilizar uma flanela para realizar o polimento e retirar o aspecto esverdeado da peça. Evite usar pasta de dentes com corantes ou pérolas.

Água e sabão de coco
Você também pode utilizar o sabão de coco para uma limpeza completa em sua semijoia. O processo é o mesmo: utilize uma escova de dentes para a aplicação do produto até remover toda a sujeira, em seguida é só secá-las corretamente.

Sempre seque após as lavagens
Utilize guardanapos de papel para se certificar de que os acessórios não estão úmidos para serem guardados. Esta ação evita com que a semijoia perca o brilho e oxide quando armazenada.

Mantenha as semijoias longe da água
Conforme mencionado acima, as semijoias expostas aos produtos químicos, como o cloro da piscina ou a alta salinidade do mar, ficam fragilizadas e estragam com maior facilidade. Se você quiser nadar, lembre-se de retirá-las antes.

Faxina com acessórios? Jamais!
Os produtos químicos utilizados na faxina residencial são fortes o suficiente para deteriorar suas semijoias. Portanto, evite ao máximo fazer limpeza utilizando os acessórios pelo corpo.

Cosméticos também são nocivos
Um dos maiores erros que pode prejudicar sua semijoia é aplicar perfumes, desodorantes, cremes, entre outros produtos em cima dos acessórios. Isso pode causar danos irreversíveis.
O certo é usar os cosméticos e esperar pelo menos 5 minutos antes de colocar as peças. Assim, você garante a vida útil de seus acessórios.

Evite usá-las na praia
A praia é um lugar perfeito para deteriorar suas semijoias, seja pelo contato com a areia, maresia, água salgada ou o sol. Todos eles afetam diretamente seus acessórios. Portanto, é uma boa ideia deixá-los em casa.

O armazenamento é importante
Talvez um dos fatores cruciais para manter uma boa aparência de suas semijoias é o armazenamento. Opte sempre por locais secos, longe do sol e livres de poeira, assim elas vão durar bastante. Uma ótima dica é utilizar saquinhos de veludo.

Cuidado com as quedas
As semijoias são peças frágeis, que riscam ou quebram facilmente quando derrubadas no chão. Tome bastante cuidado para que elas não caiam por descuidos que poderiam ser evitados.

Realize a limpeza com frequência
Mantendo as peças sempre limpas, você evita com que elas sofram com a deterioração e oxidação. Portanto, elas vão durar por mais tempo.

Academia e semijoia? nem pensar
Não é recomendado realizar exercícios físicos utilizando as semijoias. Isso porque o suor que sai do nosso corpo tem uma grande concentração de ácido úrico, escurecendo as peças rapidamente.

Outro fator crucial que garante a longevidade de suas semijoias é optar por peças de alta qualidade. Elas além de duráveis, também são mais bonitas e brilhantes.

Fonte: Francisca Joias

Dicas de como proteger os fios loiros do ressecamento

Especialista da Aneethun destaca a importância de hidratar os fios descoloridos
 

Com tonalidades que variam desde o dourado até o platinado, o cabelo loiro é o queridinho de muitas mulheres, pois suas nuances compõem o visual de pessoas com diferentes estilos. Contudo, alcançar e manter a cor desejada não é uma tarefa fácil, já que o processo da mudança para o tom mais claro exige cuidados redobrados para que as madeixas não fiquem ressecadas, opacas ou amareladas. 

Segundo Renata Lima, Coordenadora de Educação da Aneethun, marca especialista em produtos de alto padrão direcionados para o segmento profissional de beleza e home care, é difícil atingir um loiro bonito e saudável, tendo em vista que o clareamento dos fios se trata de uma alteração química que afeta sua estrutura. “A descoloração, procedimento responsável pela remoção do pigmento natural das madeixas, é capaz de danificar a fibra capilar durante sua ação, removendo água e nutrientes essenciais do cabelo”, declara. 

Além disso, os fios descoloridos ainda correm o risco de ter sua tonalidade comprometida, podendo ficar amarelados ou alaranjados. A especialista aponta que, nesses momentos, é preciso incorporar um novo passo na rotina de cuidados e investir na matização das mechas, intercalando o processo com tratamentos de nutrição e reconstrução. “O uso de matizadores violetas é ideal para cabelos loiros por neutralizar o amarelo indesejado e uniformizar a cor das madeixas. No entanto, muitos desses produtos podem contribuir com o ressecamento dos fios”, adverte.

Para evitar esse problema, a especialista destaca a importância de optar pelo uso de linhas que promovam o tratamento das mechas. “Produtos com Tecnologia Ótica Reflective A e C são ótimos para neutralizar os reflexos indesejados, realçar o tom do cabelo e proporcionar brilho extremo. Melhor do que isso é investir em ampolas de tratamento que também sejam ultra concentradas com agentes condicionantes. Assim, a textura saudável dos fios pode ser recuperada, ao mesmo tempo que o loiro se manterá radiante”, conclui.

Conheça a linha Blond System, da Aneethun:

Silver Shampoo - Aneethun Profissional

Silver Shampoo 300mlR$ 54,00

Promove neutralização gradativa e brilho intenso, deixando os cabelos macios e vibrantes. Limpeza inteligente com Tecnologia Ótica que retira gradativamente o amarelamento dos fios grisalhos e ilumina o tom claro dos cabelos loiros.
 

Aneethun Blond System - Aneethun Profissional

Blond Dose 30gR$ 33,00

Ultraconcentração de agentes condicionantes e ativos de Tecnologia Ótica que retira gradativamente o amarelamento dos fios grisalhos e ilumina o tom claro dos cabelos loiros. Promove brilho intenso e recupera a textura dos fios.
 

Aneethun Blond System - Aneethun Profissional

Máscara Iluminadora 250gR$ 58,00

Fórmula profissional com Tecnologia Ótica que retira gradativamente o amarelamento dos fios grisalhos e ilumina o tom claro dos cabelos loiros. Atua profundamente, promovendo hidratação e condicionamento intensivo. Promove vitalidade e brilho sublime.
 

Finalizador Termoativado - Aneethun Profissional

Finalizador Termoativado 250gR$ 56,00

Fórmula profissional com Tecnologia Ótica que retira gradativamente o amarelamento dos fios grisalhos e ilumina o tom claro dos cabelos loiros. Desenvolvido para proteção intensiva dos cabelos claros, é rico em agentes condicionantes, antioxidantes e nutrientes necessários à saúde e beleza dos fios.

Informações: Aneethun

Sete cuidados de beleza que os médicos seguem com rigor

Dermatologistas são especialistas quando se trata de pele, cabelo e unhas, diagnosticando e tratando mais de 3.000 doenças e condições, incluindo câncer de pele, acne, psoríase e eczema. Eles também ajudam os pacientes a lidar com suas preocupações estéticas, como remoção de tatuagens, cicatrizes e envelhecimento da pele. Mas você já se perguntou quais dicas de cuidados com a pele os médicos usam para manter uma pele saudável? Consultamos especialistas que entregam os melhores cuidados de beleza pessoais, mas que servem para a população em geral:

Protetor solar diariamente

“Antes de se preocupar com uma rotina que contenha ácidos e antioxidantes, devemos ter o hábito do uso regular do filtro solar: ele é o creme antienvelhecimento mais importante”, explica o dermatologista Daniel Cassiano, da Clínica Gru e membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia. E diariamente é realmente diariamente, ok?

“As consequências dos danos causados pela radiação sobre as estruturas celulares e cutâneas (como fibras de colágeno e elastina, responsáveis pela elasticidade da pele) são flacidez, rugas ou linhas de expressão e manchas”, destaca Roberta Padovan, médica pós-graduada em Dermatologia e Medicina Estética. Para obter a melhor proteção, aplique um protetor solar de amplo espectro resistente à água com FPS 30 ou superior em todas as peles não cobertas por roupas e reaplique a cada duas horas ou após nadar ou suar.

Lembre-se de que, como nenhum protetor solar pode bloquear 100% dos raios ultravioleta do sol, também é importante procurar sombra e usar roupas de proteção ao ar livre, incluindo camisa de mangas compridas, calças, chapéu de aba larga e óculos de sol, quando possível. Durante o inverno, o uso do protetor também se faz necessário: “A radiação ultravioleta mesmo no inverno causa fotoenvelhecimento e possíveis manchas. O fotoenvelhecimento inclui flacidez. Além de, a longo prazo, poder causar câncer de pele. Mesmo no inverno dentro de casa (durante a quarentena) o uso do protetor solar é fundamental. A radiação ultravioleta atravessa vidros e tecidos finos (cortinas) e pode atingir a pele da mesma forma”, acrescenta a dermatologista Paola Pomerantzeff, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

Fugir da exposição solar direta

Foto: Wikimedia

“Não existe bronzeamento saudável que envolva a exposição à radiação ultravioleta, as pessoas acreditam nisso, mas é um grande mito. Todo bronzeamento é uma defesa natural da pele, isto é, resposta a um dano induzido pela radiação ultravioleta”, explica Roberta. A alternativa mais sensata para expor a pele ao sol com menos riscos é respeitar o clássico horário que seria antes das 10h e após às 16h, pois nesse intervalo (das 10h às 16h) a incidência de radiação UVB é maior. “Mas não abuse, pois apesar de boa fama, esse horário também causa rugas e manchas”, diz a médica.

Simplificar a rotina de cuidados com a pele

Menos é mais quando se trata de cuidados com a pele. Usar muitos produtos, especialmente vários produtos antienvelhecimento, pode irritar sua pele. Para a pele, o essencial é: limpeza adequada (lavar), hidratar e proteger (proteção solar com FPS 30 no mínimo).

“Você precisa lavar o rosto de manhã e à noite. Lavar a face pela manhã ajuda a retirar possíveis células mortas que se acumularam durante o sono. Além disso, se a pessoa usou um ácido à noite deve limpar bem a pele pela manhã (ácidos são fotossensíveis). Ainda temos mais uma razão para lavar o rosto ao despertar: preparar a pele para a rotina da manhã: hidratante e protetor solar. À noite, a limpeza facial é essencial para retirar vestígios de maquiagem, protetor solar e resíduos de poluição. Existem diversos trabalhos que mostram a poluição como fator agravante do fotoenvelhecimento cutâneo”, explica Paola.

A introdução de antioxidantes também é bem-vinda. Ativos com essa finalidade podem estar presente nos hidratantes, em fórmulas com vitaminas C e E, ácido ferúlico, resveratrol e alistin, que são ativos clássicos.

Cuidar dos lábios

Além de ser uma região sensível ao câncer, a pele dos lábios também envelhece. Esse envelhecimento começa por volta dos 30 anos de idade e é progressivo. “Ele ocorre devido ao processo de envelhecimento intrínseco da face: há uma perda de colágeno com diminuição da firmeza da pele e diminuição da gordura facial. Além disso, usamos muito a musculatura ao redor da boca (mastigação e mímica facial – sorriso e fala)”, explica Paola.

Segundo Cassiano, os sinais do envelhecimento da região incluem a perda de volume e as rugas “códigos de barras”. “Os lábios tornam-se mais finos, com rugas ao redor da boca (o famoso “código de barras”) e consequente queda do ângulo da boca (“sorriso triste”). Outra medida importante é não traumatizar (morder ou lamber) essa região com frequência de forma repetitiva”, explica Paola.

“A hidratação deve ser endógena (beber pelo menos dois litros de água por dia) e com hidratantes labiais específicos pela manhã, de preferência, com FPS 30 de exposição solar. O hidratante labial pode ser reaplicado ao longo do dia quantas vezes forem necessárias para manter a hidratação adequada”, completa a médica.

Tirar as mãos do rosto

Sempre que você toca seu rosto, você transfere sujeira, germes e óleo das mãos para o rosto. Faça o possível para deixar sua pele em paz ao longo do dia. O toque no rosto pode espalhar sujeira, óleo e bactérias, o que pode entupir os poros. “Suas mãos entram em contato com toneladas de coisas diariamente – maçanetas, telas de celular gordurosas etc. – e essa transferência de bactérias pode facilmente sujar a sua pele, propiciando o entupimento do poro e a inflamação. Isso explica o motivo pelo qual, mesmo no frio e sem produção excessiva de oleosidade, ainda há acne”, afirma o dermatologista Abdo Salomão Jr., membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia.

Vírus e microrganismos potencialmente patogênicos podem ficar nos cabelos, na barba, nas roupas ou objetos. “Então, caso seu cabelo ou sua barba sejam contaminados e você os toque e, em seguida, leve a mão ao rosto, existe a possibilidade de contaminação. Por isso é fundamental também higienizar as mãos frequentemente e evitar tocar a face”, diz Paola.

Verificar a pele regularmente

O câncer de pele é o tipo de câncer mais comum. No entanto, quando detectado precocemente, o câncer de pele – incluindo o melanoma – é altamente tratável. É importante verificar regularmente a sua pele em busca de novas manchas, manchas diferentes das outras manchas do corpo ou manchas que coçam, sangram ou mudam de cor, pois costumam ser sinais precoces de câncer de pele. O fotoprotetor também ajuda a evitar o câncer de pele. “Se você tem dúvida sobre qual o produto mais adequado a sua pele ou acredita que há alguma mancha ou pinta suspeita, visite um dermatologista”, afirma Cassiano.

Cuidados preventivos

Getty Images

Seja por meio de procedimentos injetáveis, lasers, radiofrequência ou ultrassom, os tratamentos preventivos podem ajudar a formar uma ‘poupança de colágeno’, o que mantém a pele mais jovem por mais tempo. “Existem diversas novidades que ajudam nesse processo, com destaque para Ultraction 3D, um ultrassom microfocado, e Pico Ultra 300, um laser de picossegundos. Ambos estimulam a produção de colágeno e não tiram o paciente das atividades diárias”, explica Salomão.

Além disso, nutracêuticos e uma boa dieta podem impactar diretamente na pele. Mesmo uma boa genética necessita de bons hábitos: “Muito do processo inflamatório subclínico é causado por estresse, obesidade, falta de sono adequado, má alimentação e falta de atividade física, por exemplo, o que pode acelerar mais ainda a formação de rugas. Bons hábitos de vida podem modular a expressão de genes, de forma a prevenir alterações de pele”, finaliza o geneticista Marcelo Sady, Pós-Doutor em Genética e diretor geral Multigene.

Inverno: pele e cabelos exigem cuidados redobrados em dias de baixa umidade do ar

Com a queda das temperaturas e a umidade do ar mais baixa, é natural a diminuição da transpiração corporal, que colabora para o ressecamento da pele e cabelo. De acordo com um estudo publicado no British Journal of Dermatology, isso ocorre porque as células encolhem com o frio, prejudicando a proteína filagrina, que age na hidratação. Com a queda das reservas dessa proteína, a pele fica seca e sujeita a doenças como dermatite seborreica, dermatite atópica, psoríase e a ictiose.

Para o dermatologista do Hospital Santa Casa de Mauá, Antônio Lui, outros fatores também colaboram para esse ressecamento, como, por exemplo, os banhos quentes que removem a oleosidade natural e reduzem o manto lipídico, que retém a umidade da pele. “Entre os sintomas da pele ressecada estão a aparência opaca, descamação, sensação de aspereza, coceiras e alergias, além de um aspecto esbranquiçado”, explica.

Pinterest

Alguns hábitos podem amenizar essa aparência como manter uma alimentação saudável, rica em vitaminas, minerais e antioxidantes, que combatem os radicais livres e previnem o envelhecimento; evitar os alimentos mais gordurosos; reforçar a ingestão de líquidos para hidratação do organismo e uma pele macia e elástica; evitar esponjas, usar hidratante após o banho, de preferência com o corpo ainda úmido; evitar a esfoliação nesse período para não piorar o ressecamento; usar hidratante labial para evitar rachaduras e usar filtro solar diariamente.

Vale lembrar que as peles mais oleosas também podem sofrer com o inverno e que oleosidade não é sinônimo de hidratação, já que a condição é uma proteção contra a desidratação. O período é ideal para a realização de tratamentos dermatológicos como peelings, laser, depilação, entre outros.

Depositphotos

O frio também pode atingir o couro cabeludo e os cabelos, promovendo ressecamento, queda e opacidade. Para minimizar essas condições algumas dicas são bastante válidas como não deixar de lavar os fios constantemente, sendo que a água muito quente também não é recomendada, pois abre as cutículas, quebrando os fios, tirando o brilho e aumentando a oleosidade.

O condicionador é um grande amigo dos cabelos nos dias frios, já que sela as cutículas e confere mais brilho e maciez. Também é aconselhável optar por produtos adequados ao tipo de fio; secar bem os cabelos após a lavagem; controlar o uso de toucas e gorros, que podem reter a umidade impedindo a respiração adequada do couro cabeludo; além de ingerir bastante água e fazer uma alimentação saudável.