Arquivo da tag: culinária crioula

Saiba como preparar o Ratatouille do Alma Jazz Club

O Alma Jazz Club, localizado no bairro do Cambuí, em Campinas (SP,) trouxe à cidade um ambiente aconchegante e inovador ao ser a primeira e única casa de jazz da região. A casa também apresenta um cardápio diferenciado, inspirado na cozinha crioula de New Orleans, com combinações de sabores e ingredientes, que podem ser encontrados em pratos durante o café da manhã, brunch, almoço e jantar.

Um dos aperitivos favoritos do público é o Ratatouille, preparado pelo chef Leandro da Silveira. Confira a preparação:

Ratatouille

Ingredientes
100g de abobrinha
100g de berinjela
2g de azeite
1g de orégano
100g de tomate
50g de mozarela bolinha
150g de torradas

Modo de preparo
Higienize os legumes e corte-os em rodelas de 2cm. Em uma frigideira, grelhe os legumes temperados com azeite e sal. No prato, tempere com orégano e organize os legumes intercalados, com a mozarela e as torradas. Está pronto.

ratatouille.jpg

Alma Jazz Club: Rua Santo Antonio, 452, Cambuí, Campinas-SP. Horário de funcionamento: quarta a sexta das 18 às 24h, sábado das 10h às 24h e domingo das 10 às 17h

Alma Jazz Club oferece gastronomia crioula em Campinas

Receitas de New Orleans, berço do jazz mundial, inspiram cardápio de bares no Brasil; pratos misturam influências da cultura negra, francesa e italiana

Alma musical e boa comida. Assim é a cultura da cidade que é o berço mundial do jazz e do blues, a cidade de New Orleans, nos Estados Unidos. Da alta culinária a receitas mais populares, pratos novos e tradicionais se revezam para nos apresentar as mais variadas e originais combinações de ingredientes, numa profusão de cores e sabores, que valorizam e resgatam a história local.

A lista de receitas, que misturam influências da cultura negra, francesa e italiana, pode ser ainda mais extensa que a de estilos musicais. Há muito o que saborear. Para que os brasileiros conheçam um pouco mais dessas combinações, casas de jazz do país têm se aperfeiçoado na gastronomia crioula e apresentado ao público diversas opções adaptadas ao paladar nacional, mas com tempero original creole e cajun. Já é possível provar por aqui excelentes pratos, que atendem aos mais diversos gostos: há opções com frango, frutos do mar, sanduíches e receitas veganas.

No Alma Jazz Club, em Campinas, a chef Vittoria Volonte é responsável pelo cardápio, executado pelo chef Leandro Souza, que apresenta receitas tradicionais de New Orleans, com pitadas de brasilidade. É o caso, por exemplo, do Gumbo, um tradicional guisado cajun, feito com camarões, frango e linguiça calabresa, servido com arroz branco e quiabo assado.

alma jazz 3

Um prato que não poderia faltar é o Jambalaya. No Alma, Vittoria e Leandro fizeram uma adaptação, e recriaram a receita crioula, que originalmente leva arroz branco, com arroz arbóreo, transformando-a em um risoto Jambalaya (arroz arbóreo preparado no caldo de camarões com holy trinity – cebola, salsão e pimentão), linguiça calabresa, peito de frango e camarões.

alma jazz 2

Para apreciadores de carne bovina, a pedida é a Carna na Stout, carne desfiada feita na cerveja stout, servida com purê de mandioquinha e vagem.

alma jazz1

Como entrada, não podia faltar quiabo! No Alma Jazz Club, servidos fritos com tempero de especiarias. Outra opção é o espetinho Mama Says I´m Special, montado com seis unidades de camarão rosa grelhado, acompanhados de molho barbecue flambado no Jack Daniel´s e talos de salsão ao molho blue cheese.

“O Brasil é sinônimo de diversidade cultural. E essa fusão se encontra aqui no Alma, sempre com atenção aos detalhes. As pessoas vão encontrar aqui vibrações artísticas que trazem influências diversas, e o mesmo acontece com nossa gastronomia. Podem esperar sempre criações inovadoras, com receitas e drinks que completem essa atmosfera do jazz e faça da experiência um momento muito especial”, avalia Vittoria.

Alma Jazz Club: Rua Santo Antônio, 452, Cambuí, Campinas-SP – Horário de funcionamento: quarta a sexta, das 18 às 24h; sábado das 10h às 24h e
domingo das 10 às 17h