Arquivo da tag: dia mundial do café

Especialista apresenta curiosidades sobre a bebida mais querida do mundo

Uma boa xícara de café pode ser preparada por diversos métodos. Se você tem esta bebida como a sua favorita, vale a pena conhecer as curiosidades sobre o assunto. Aliás, você sabia que o café é a segunda bebida mais consumida no mundo, ficando somente atrás da água?

Ontem, 14 de abril, foi o Dia Mundial do Café, e o especialista Ensei Neto, autor do livro Receitinhas para você – Café (Sesi-SP Editora), apresenta cinco importantes dicas aos apreciadores de um bom cafezinho, mas que valem para o ano todo. Afinal, qual o melhor café? Qual a melhor forma para apreciá-lo?

Adoçar ou não adoçar?

Pixabay

Um bom café é resultado da colheita de frutas maduras, portanto, ele deve ser naturalmente adocicado. Se há certeza sobre a boa qualidade do café, tente adoçar cada vez menos. O açúcar e os adoçantes, em geral, modificam o sabor original de qualquer bebida, inclusive do café. Entretanto, se a preferência é pelos cafés tradicionais e extrafortes, o açúcar minimiza o amargo medicinal.

Torrado em grãos ou moído?

O ideal é moer os grãos no momento em que o café é preparado. Uma vez moído, as partículas se oxidam mais facilmente, tornando o café menos saboroso, se tiver a torra muito intensa ou escura. Caso você não tenha um moedor em casa, compre o seu café predileto em menor quantidade.

Café se bebe apenas quente?

Um bom café fica melhor quando esfria. Na verdade, percebe-se melhor os sabores quando uma bebida ou comida fica morna, próximo à temperatura do corpo. E nada de garrafa térmica. É melhor que o café esfrie lentamente em um jarro, pois, se estiver quente em uma garrafa térmica, a bebida se oxida mais rapidamente, tornando-se menos saborosa.

Como conservar?

Pixabay

A melhor maneira de conservar o café, principalmente se ele for torrado e moído, é em local fresco e seco, sempre com a embalagem bem fechada. Fácil e prático.

Explore o desconhecido

Vale a pena experimentar café de diferentes origens ou produtores. Assim com o vinho, a produção do café é muito influenciada pelo clima, fazendo com que a bebida seja diferente a cada safra. Aproveite este dia para apreciar um bom café!

Sobre a obra e o autor

Todas estas dicas estão no livro Receitinhas para você – Café, que apresenta ainda informações importantes como: a seleção e o manejo, os sabores e os aromas, e a torra do café. Deliciosas e práticas receitas também integram esta obra.

No mundo do café há 30 anos, além de autor do livro Receitinhas para você – Café, Ensei Neto realiza consultoria na área de bebidas e alimentos, ministra cursos e treinamentos em análise sensorial de bebidas e alimentos, ciência da torra do café e processos industriais.

Título: Receitinhas para você – Café
Autor: Ensei Neto
Editora: Sesi-SP Editora
Ano: 2018
Páginas: 112

Comemore o Dia do Café preparando um Espresso Martini de primeira

Sócio-proprietário do Cafe Hotel, especializado em curadoria de cafés especiais, indica a receita deste novo clássico

Como todo bom amante de café sabe, todo dia é dia de curtir uma xícara de sua torra especial. Porém, 14 de abril é uma das muitas datas que celebram a bebida mais brasileira de todas. Além de vários benefícios para a saúde, o líquido que embala as nossas manhãs é extremamente saboroso e versátil. Prova disso é que a coquetelaria mundial considera incluir café em toda receita que for possível.

Assim, Caio Tucunduva, mestre de torra, especialista em cafés especiais e sócio-proprietário do Cafe Hotel, em São Paulo, sugere a combinação ideal para um dos coquetéis mais tradicionais dos bares: o Espresso Martini.

Inventado por Dick Bradsell em 1983, o drinque foi batizado, naquela época, de Vodka Espresso. De acordo com as lendas de balcão, a receita teria sido criada para uma garota, futura supermodel, que visitara Dick e pedira um coquetel que levasse café. “Como fazemos uma curadoria em cafés especiais brasileiros, sempre colhidos a mão e na safra do ano, gosto de usar gim premium nacional porque combina melhor com os os perfis que escolhemos, também brasileiros”, explica Tucunduva sobre a receita de Espresso Martini do Cafe Hotel.

Espresso Martini, por Caio Tucunduva do Cafe Hotel

Ingredientes

50 ml de gim premium nacional (recomendado Jardim Botânico)
50 ml de café espresso tirado na hora50 ml de licor de café artesanal (veja abaixo como preparar)

Modo de preparo

Coloque todos os ingredientes em uma coqueteleira. Adicione gelo e bata vigorosamente. Em seguida, sirva em uma taça martini com a ajuda de um coador. Como preparar o licor de café artesanal: Em um pote de vidro, coloque 75 gramas de café especial moído, 300 ml de vodka orgânica (recomendada TIIV) e deixe infusionar por cerca de 60 min. Depois, passe a infusão por um filtro de café. Para finalizar, adicione o mesmo volume de xarope simples de açúcar e misture.

Fonte: Cafe Hotel

Foto: Bruno Marconato

Dia Mundial do Café: aprenda a preparar trufa de café com leite

Hoje, 14 de abril, é o Dia Mundial do Café. A data foi criada para valorizar a indústria cafeeira. Segundo a Associação Brasileira da Indústria de Café (ABIC), o produto é consumido por nove entre 10 pessoas com mais de 15 anos no Brasil. Para deixar o dia ainda mais gostoso, confira como preparar uma receita de trufa de café com leite, o queridinho dos brasileiros, da Água Doce Sabores do Brasil.

Trufa de Café com Leite

Ingredientes
200g de leite condensado
120g de leite em pó
15g de café solúvel
200g de chocolate do padre

Modo de preparo
Em um recipiente misture o leite condensado e o café solúvel até homogeneizar. Acrescente o leite em pó até obter uma consistência de enrolar. Faça bolinhas e passe no chocolate do padre. Coloque em forminhas e sirva. Acrescente um grão de café para decorar.

Foto: Bruno Marconato
Foto: Bruno Marconato

Grau de dificuldade: Fácil
Tempo de preparo: 40min
Rendimento: 15 unidades

Fonte: Água Doce Sabores do Brasil

Dia Mundial do Café: receitas com novas formas de saboreá-lo

Sterna Café libera receitas para comemorar o dia sem sair de casa

Hoje, 14 de abril, comemora-se o Dia Mundial do Café, e para os amantes da bebida, que cada vez mais ganha adeptos pelo mundo, o Sterna Café, rede de franquias de cafés especiais, compartilha três receitas usando a fruta que agrada os mais diversos paladares, para que todos possam celebrar sem sair de casa.

Mocha Biscuit

Mocha-Biscuit

Ingredientes
11g de café
45g de bolacha Oreo
100ml de leite vaporizado
20g de chantilly
10g de calda de chocolate

Modo de preparo
Em uma taça bill (taça para café ou similar) coloque 2 bolachas quebradas, adicione a calda, coloque o leite vaporizado e o espresso no centro, para que fique trifásico. Coloque um caracol de chantilly e decore com uma bolacha.

Cappuccino do Oriente

IMG-7897-edit

Ingredientes
30g de doce de leite
10ml de xarope de especiarias (chai)
30ml de espresso
100ml de leite vaporizado
1g de canela

Modo de preparo
Em uma caneca americana, espalhe o doce de leite. No fundo da caneca, coloque duas bombadas de xarope de chai (especiarias). Extraia um espresso de 30ml em uma pitcher (leiteira) pequena, e em outra pitcher (leiteira), coloque o leite e vaporize. Coloque o creme na caneca e no centro da bebida, coloque delicadamente o café. Polvilhe suavemente canela em pó.

Estrogonofe de morango e chocolate belga
estrogonofe
Ingredientes
50g de morango
10g de calda de morango
50g de chocolate belga amargo 54% (caso não tenha, substitua por chocolate amargo que tiver)
100ml de leite vaporizado

Modo de preparo
Em uma taça bolinha, coloque o morango no fundo picado, acrescente a calda. Coloque em uma tigela o chocolate belga e o creme de leite, misture e leve ao micro-ondas por 30 segundos. Retire e misture bem até que o chocolate incorpore no creme de leite e fique um creme homogêneo. Jogue por cima do morango. Em uma pitcher (leiteira), coloque o leite e vaporize. Acrescente o creme do leite vaporizado sobre o chocolate delicadamente para que fique trifásico.

Dica para o leite vaporizado: leite vaporizado é um creme mais denso, mais adocicado. Um leite bem vaporizado tem um brilho que lembra o marshmallow. Ele pode ser feito em uma máquina de café expresso caseira, com um mixer ou cremeira. Tem que usar leite integral, pasteurizado de garrafa ou se caixinha, quanto mais gordura tiver, mais cremoso fica. Tem leite integral que chega a ter 13% de gordura. Coloque para esquentar, não pode ferver, o ponto é quando começa a fazer aquelas bolinhas do lado da leiteira (65 graus), daí tem que desligar. No mixer bata por 10 a 20 segundos e já está pronto.

Na cremeira é o mesmo processo para esquentar o leite, mas precisa bater para cima e para baixo, por 1 minuto para ter o leite bem aerado, pois ele passa entre as peneiras e fica o creme. O ponto exato do leite, é quando se pega na colher a espuma e ela não cai.
Na máquina, o leite deve estar gelado. Coloque metade da leiteira. Coloque o bico do vapor da máquina na beirada da leiteira e deixe aerar. Não precisa mexer, balançar, nada. A temperatura se sente na mão.

Fonte: Rede Sterna Café

Dia Mundial do Café: Chef Alex Sotero ensina receita de bebida favorita

No dia 14 de abril é comemorado o Dia Mundial do Café, a bebida queridinha dos brasileiros. Segundo pesquisa realizada em 2018 pela Associação Brasileira da Indústria do Café (ABIC), a população está tomando mais café, já que os dados apontam crescimento de 1 % no consumo em um ano.

Desta forma, o Brasil se mantém como o segundo maior consumidor da bebida no mundo. Esse novo retrato da demanda se explica em função da maior qualidade do café e da produção de grãos diferenciados.

Aproveitando a data, o Chef Alex Sotero revelou a receita de uma das bebidas favoritas dele, o Café gelado com limão. Confira:

Café Gelado com Limão

café gelado com limão

Ingredientes

2 xicaras (80ml) café expresso
2 fatias limão thaiti
Gelo

Modo de preparo

Encha um copo grande (300ml) de gelo e coloque as fatias de limão. Depois coloque o café quente sobre o gelo. Se quiser adoce.

Sobre o chef

Alex Sotero, apaixonado por comida criativa e de excelência, é um dos participantes do reality show Top Chef Brasil, exibido pela Record TV. O chef é conhecido por somar métodos tecnológicos e físicos para o preparo de suas receitas sob um olhar contemporâneo, além de ser um dos únicos a usar o processo de sistematização na cozinha.

Dia Mundial do Café: receita fácil para preparar na Cafeteira Italiana

Neste domingo, 14 de abril celebra-se o Dia Mundial do Café, a bebida mais consumida do mundo, depois da água. Segundo pesquisa realizada em 2018 pela Associação Brasileira da Indústria do Café (Abic), o Brasil é o segundo maior consumidor da bebida no mundo e o maior produtor.

Durante o período da manhã, o primeiro café do dia é muito importante. Geralmente, é só depois dele que os brasileiros saem de casa. Entretanto, é notável que nos tempos atuais o dia a dia tem se tornado cada vez mais corrido. Ainda bem que existem métodos bem práticos para se preparar um café incrível em casa. A cafeteira italiana, ou também conhecida como moka, está entre esses métodos práticos para serem utilizados no dia a dia.

A Cafeteira Italiana

Em 1919, Afonso Bialetti abriu uma pequena oficina em Crusinallo, para fabricar produtos utilizando alumínio. Posteriormente, essa pequena oficina se tornou em um estúdio para projetar e produzir itens em alumínio. Foi em 1933 que Afonso inventou a Moka Express, a famosa cafeteira italiana. Entretanto, a empresa cresceu e ficou conhecida mundialmente quando Renato Bialetti assumiu os negócios. Renato é filho de Afonso Bialetti e foi o grande responsável por propagar a Moka Espress pelo mundo. Um fato curioso sobre a cafeteira italiana é a caricatura de um senhor que vem estampada na parte superior. A inspiração da caricatura é o próprio Renato Bialetti.

Além da cafeteira italiana ser conhecida pela praticidade de se fazer um excelente café, ela também se tornou um símbolo do design. Em 2019 a marca completa 100 anos. A tradição se mantém mais viva do que nunca e, a cada ano, são lançadas versões repaginadas, com design mais contemporâneo com o uso de novas cores.

Desde então, a cafeteira italiana é um utensílio utilizado por várias pessoas diariamente na hora de preparar o seu café.

Mecanismo da Moka

A cafeteira italiana tem o corpo dividido em oito lados, o que permite a melhor distribuição do calor. Essa divisão auxilia na hora de extração do café, melhorando o aroma e sabor.

Preparando o Café na Cafeteira Italiana

Débora Reis é barista e cofundadora da marca Coffee & Joy Cafés Especiais e ensina como ter um café perfeito extraído na cafeteira italiana em apenas 6 passos.

café11

Primeiro, adicione água na parte inferior da cafeteira italiana, sem ultrapassar a válvula de segurança (1). Em seguida, insira o pó de café no compartimento, até encher ele todo, não é necessário pressionar o pó (2 e 3). Quando o pó é pressionado a água pode encontrar dificuldades para passar e a extração não vai ficar homogênea (uma parte pode extrair mais do que outra).

É importante mencionar que a moagem deve ser ligeiramente mais grossa que os furos do compartimento onde o café é adicionado. Isso facilita a passagem da água pelo pó de café e ocasionará uma extração mais uniforme. Por fim, encaixe bem todos os compartimentos da cafeteira italiana.

café22.jpg

Uma dica importante, adicione um pouco de água na parte superior assim que terminar de encaixar tudo (4). Isso não deixará o café queimar quando ele entrar em contato com o alumínio quente. Agora é só levar ao fogo. Deixe a chama baixa e mantenha a tampa da cafeteira italiana aberta (5). Quando o café começar a espirrar, feche a tampa e retire a cafeteira do fogo (6). Agora é só aproveitar o café.

cafeteria italiana

De acordo com Débora, o segredo, na verdade, para se ter um bom café está em “selecionar café de origem, com a torra fresca. A soma disso tudo é essencial para garantir que o consumidor terá uma bebida excelente e um alimento de qualidade. Nenhum método de preparo de café fará milagres se a matéria prima utilizada não for de qualidade.”

Fonte: Coffee and Joy

Aprenda a fazer um delicioso pudim de café

Aproveitando que amanhã é comemorado o Dia Mundial do Café, a rede Divino Fogão ensina você a preparar um delicioso pudim de café. Confira:

Pudim de Café Divino Fogão

Ingredientes:
1 lata de leite condensado
400ml de leite integral
3 ovos
1 colher sopa de café solúvel

Calda:
6 colheres de sopa de açúcar

Modo de preparo:
Faça a calda de açúcar na própria fôrma de pudim, vá girando a fôrma para que fique em toda a volta da fôrma. Reserve. Bata todos os ingredientes no liquidificador por alguns minutos. Coloque na fôrma caramelizada, tampe com papel alumínio e asse em banho-maria, em forno médio, por 45 minutos. Espere esfriar, desenforme e sirva.

divino_fogao pudim café

Tempo de Preparo: 1h20
Rendimento: 8 pessoas

Fonte: Divino Fogão

Cafeterias para celebrar o Dia Mundial do Café em Curitiba

Amanhã, dia 14 de abril, será comemorado o Dia Mundial do Café. A data tem como objetivo homenagear uma das bebidas mais adoradas em todo o mundo, especialmente no Brasil onde, segundo a ABIC, o produto é consumido por 9 entre 10 brasileiros com mais de 15 anos.

E por que não aproveitar o final de semana tão especial para tomar um delicioso café especial? Com diversas opções, desde as mais tradicionais até criações exclusivas, Curitiba se transformou na capital nacional dos cafés especiais e possui cafeterias que agradam todos os gostos e bolsos.

Confira uma lista imperdível para celebrar o final de semana do Dia Mundial do Café nos empreendimentos que servem os melhores cafés da capital paranaense:

Foto: Priscilla Fiedler
Foto: Priscilla Fiedler

1 – Barista Coffee Bar: uma das principais casas de cafés especiais da cidade, o estabelecimento é comandado pelo barista tetracampeão brasileiro, Leo Moço, e conta uma grande variedade de preparos da bebida. O menu do empreendimento possui uma carta de cafés onde o cliente pode selecionar o grão e modo de preparo da bebida. Outros destaques são os drinks gelados e as versões de café alcóolicos assinadas pelo barista Igor Salles. O Barista Coffee Bar fica na Rua Moyses Marcondes (nº 609) e funciona de segunda a sábado, das 8h às 20h, e aos domingos, das 10h às 18h.

espresso new york

2 – New York Cafe: um dos estabelecimentos mais tradicionais da cidade, que oferece o melhor da gastronomia e da cultura nova-iorquina, também traz diversas opções diferentes e saborosas de café. Com mais de 20 opções de bebidas à base de café, os destaques da casa são o Iced Dolce Latte, feito com latte gelado, doce de leite e essência de caramelo, e o clássico preparo na French Press, que proporciona um café com sabor intenso e incomparável. O New York Cafe funciona na Rua Gonçalves Dias nº 151, de segunda a sábado, das 10h às 22h, e aos domingos, das 14h às 20h.

cookies

3 – Cookie Stories: para quem adora um delicioso café acompanhado com doces de dar água na boca, a Cookie Stories é a escolha perfeita. A casa é especializada em cookies e trabalha com diversas releituras do preparo, além de oferecer cafés especiais e iguarias tradicionais da gastronomia norte-americana. No cardápio podem ser encontrados preparos clássicos como Affogato, Machiatto e Mocha, até criações próprias como Oreo Coffee Shake, um milkshake de café com bolacha Oreo, e Nutella Mocha. A Cookie Stories fica na Rua Moyses Marcondes nº 429, no bairro Juvevê, e funciona de segunda a sexta, das 12h às 19h, aos sábados, das 11h30 às 18h, e nos domingos das 14h às 18h30.

degusto café.jpg

4 – Degusto Café: implantado no Fresh Live Market (Alameda Doutor Carlos de Carvalho, nº 1502), complexo gastronômico localizado no bairro Batel, o Degusto é um dos cafés mais tradicionais da capital paranaense. O empreendimento oferece um grande cardápio de cafés especiais, com grãos selecionados com excelência. O Degusto funciona de segunda a sexta, das 6h às 22h, e aos sábados e domingos, das 9h às 22h.

FUC_3

5 – Espresso Station: o empreendimento é a loja conceito do Franck’s Ultra Coffee na capital paranaense, marca que ganhou destaque nacional por ser a primeira do país a trabalhar com grãos maturados em barris de destilados e lupulados. A Espresso Station fica na Avenida Anita Garibaldi nº 775 e funciona de segunda a sexta, das 10h às 19h, e aos sábados, das 14h às 19h.

café zurich.jpg

6 – Café Zurich: Com quase 40 anos de história, o Café Zurich é uma das primeiras casas de cafés especiais do Brasil. Além de uma grande quantidade de grão e métodos de preparo, o empreendimento oferece uma grande quantidade de acompanhamentos para a bebida, entre eles tortas e doces. O Zurich fica na Alameda Dom Pedro II nº 255, no Shopping Novo Batel, e funciona de segunda a sábado, das 11h às 21h.

 

Bebidas para comemorar o Dia Mundial do Café

Em comemoração ao Dia Internacional do Café, duas sugestões de bebidas que levam a substância.

 

Amarula Shake Cabana Burger – R$ 31,00

Amarula Shake (R$31)

Amarula, licor de café e custard de baunilha. Custard, um sorvete tipicamente americano, mais denso, rico e mais cremoso. Preparado todos os dias.

Cerveja Blondine Volcano – 100% Café Arábica – R$ 18,00 

Volcano 300 (1).png

O rótulo Volcano da Blondine possui em sua receita café premium 100% arábica. É uma Coffee Stout do estilo inglês com adição de grãos de café. 7,5% vol 40 IBU. Recebeu medalhas no Festival Brasileiro da Cerveja e no South Beer Cup.

Paixão mundial, café é presença obrigatória na vida da maioria pessoas

No café da manhã, depois da refeição, no meio da tarde, não existe um horário predeterminado para o consumo do café. Tem quem tome o dia todo e tem quem não goste. Mesmo assim, ele continua sendo o rei soberano na vida da população, e até ganhou um dia só dele. Hoje, 14 de abril, o mundo inteiro irá comemorar o Dia Mundial do Café.

Originário da Etiópia, suas propriedades estimulantes foram descobertas por um pastor, que observou alterações no comportamento de seu rebanho, depois que os animais ingeriram uma plantinha vermelha. O pastor, então, decidiu provar o alimento e logo ficou encantado com seu sabor e aroma. A partir daí, conquistou os países árabes, sendo contrabandeado para a Europa e trazido para o Brasil, onde se adaptou muito bem ao clima do país.

Palavra derivada do árabe, “gahwa” (aquilo que impede o sono), era consumida em planta, pelo deserto, envolta em gordura animal. Na Turquia, tomou a forma líquida e veio conquistando todos os paladares até hoje. Uma das principais ações do café no organismo humano é ajudar na diurese. A cafeína excita o sistema nervoso central, age sobre o sistema muscular (principalmente sobre o músculo cardíaco) ajuda no rendimento físico e intelectual, aumentando a concentração. Especialistas já estão encontrando outras formas do uso do café em diversos segmentos como na estética e em tratamentos de saúde.

Na estética e na saúde, a cafeterapia é indicada para peles com oleosidade e também relaxamento, pessoas com depressão, desintoxicação, reposição das energias térmicas após exposição solar, hidratação, nutrição e para dar mais tônus à pele. Mari Di Chiara, enfermeira especializada em estética, explica que a bebida tem grandes propriedades cosméticas.

Celulite

“A cafeína não engorda, ao contrário, ajuda a perder medidas e também é uma poderosa máscara anti-idade. Seu princípio ativo também está sendo usado, cada dia mais, em produtos como sabonetes, xampus, hidratantes e outros. Além disso, é superindicado contra a celulite, compondo muitos produtos desenvolvidos para combater esse mal, o café também tem propriedades esfoliantes e ajuda a acelerar a eliminação natural de gordura das células”, conclui Mari.

Além de ajudar a conservar a beleza exterior, o café também é usado na Medicina. Em dois tipos diferenciados, arábico, intenso e de sabor nobre, e o robusto, com aroma suave, após ser colhido, torrado e moído, deve ser misturado à água, em filtro de papel, coador, na versão instantânea e a expressa. A bebida contém cafestol e kahweol, substâncias que aumentam o colesterol sanguíneo. Portanto, o mais indicado é que seja consumida filtrada ou coada, pois parte desses compostos ficam retidos no processo de filtragem.

Por outro lado, é indicado evitar o consumo de café expresso, árabe, turco e grego, pois contêm alta concentração destas substâncias. O impacto negativo ao colesterol, só ocorre se o consumo for maior do que três xícaras por dia, já as calorias são originárias da quantidade de açúcar utilizado.

cafeina-cafe-verde-dieta

Elaine Ferraz, graduada pela Faculdade de Medicina Dr. Domingos Leonardo Cerávolo, pós graduada em endocrinologia (Lato Sensu), pelo IDEF – Instituto de Diabetes e Endocrinologia de Florianópolis, explica que, o consumo excessivo de café, está associado a doenças como hipertensão arterial (pressão alta), osteoporose e doenças cardiovasculares. A substância característica, a cafeína, é responsável pelo efeito estimulante da bebida. Mas, tudo tem o lado positivo, pois estudos mostram que a cafeína tem a capacidade de melhorar o metabolismo, na ajuda da perda de peso.

Uma xícara de café, pode ajudar no combate aos sintomas da enxaqueca. Consumido em doses regulares, ajuda na prevenção de doenças como as doenças de Alzheimer e de Parkinson. Contém substâncias antioxidantes, que elimina radicais livres e defende o sistema imunológico. Uma xícara pequena de café, com 180ml, contém apenas 2 calorias. Porém, deve-se calcular, pela quantidade de açúcar utilizado.

café

Tabela nutricional do café :

Café – Composição por 100 g de Alimento
———————————Café bebida sem açúcar ———-Café – grão torrado
Calorias                               2 cal.                                                 226 cal.
Proteínas                             0,3 g                                                  12,6 g
Gorduras                             0,1 g                                                  14,8 g
Carboidratos                      0,8 g                                                   63,5 g
Fibras                                     0                                                         7,6  g
Água                                      98,8 %                                                1,6  %
Cálcio                                    5 mg                                                 148 mg
Fósforo                                  5 mg                                                 198 mg
Ferro                                    0,2 mg                                                  2,9 mg
Sódio                                     1 mg                                                   72 mg
Vitamina A                             0                                                           0
Vitamina B1                      0,01 mg                                                0,07 mg
Vitamina B2                      0,01 mg                                                0,05 mg
Vitamina B3                       0,9   mg                                                 17 mg
Vitamina C                           0                                                             0
______________________________________________________________
Fonte:Dutra-de-Oliveira,J.E. & Marchini,J.S.,”Ciências Nutricionais”