Arquivo da tag: doação

Outubro Rosa: Ikesaki promove maratona de cortes de cabelo

Ação Fios de Solidariedade, promovida pela varejista em parceria com o Instituto Amor em Mechas, oferece cortes realizados gratuitamente por profissionais em todas as lojas da rede, além de coleta de cabelo no EBC Atacado de Beleza

Para espelhar o amor e conscientizar a população sobre o câncer de mama, a Ikesaki Cosméticos desenvolveu nesse mês de “Outubro Rosa” a ação Fios de Solidariedade, que oferece gratuitamente cortes de cabelo feitos por profissionais nas nove hiperlojas da rede localizadas em diferentes regiões de São Paulo, Campinas, Osasco e Santo André.

A maratona de cortes desenvolvida em parceria com o Instituto Amor em Mechas tem como objetivo a arrecadação de mechas de cabelo, que serão coletadas e armazenadas em urnas, transformadas em perucas pelo instituto e, posteriormente, enviadas de forma totalmente gratuita para mulheres em tratamento quimioterápico ou que convivem com alopecia.

A ação ocorre nos dias 17, 24 e 31 de outubro, durante todo o horário de funcionamento das lojas. “Para quem quer renovar o visual, essa é uma ótima oportunidade de cortar o cabelo com um de nossos profissionais parceiros e fazer o bem ao próximo, participando desta campanha do Outubro Rosa e ajudando a elevar a autoestima e a qualidade de vidas das mulheres”, afirma Edilaine Godoi, Head de Marketing da Ikesaki.

Doação solidária

Também é possível participar da campanha levando doação de cabelo para as urnas do Instituto Amor em Mechas, disponíveis nas 9 hiperlojas Ikesaki participantes, ou para a unidade do EBC Atacado de Beleza durante todo o mês de outubro. Para doar, é simples: os cabelos precisam estar secos e lavados; a mecha cortada deve atingir pelo menos 15 cm; para o corte, basta amarrar firme com um elástico e cortar acima, deixando 1 cm entre o elástico e o corte. Por fim, basta colocar a doação em um saco plástico e entregar em um dos postos de coleta Ikesaki.

Ações parceiras

Em parceria com os Shoppings Metrô Tucuruvi e Metrô Tatuapé, a Ikesaki convida os clientes para participarem da doação de mechas de cabelo e também para a campanha de arrecadação de lenços para mulheres que enfrentam o câncer de mama. Além do corte profissional oferecido gratuitamente nos dias 22 de outubro, no Shopping Tucuruvi, e em 28 de outubro, no Shopping Tatuapé, os participantes poderão doar adereços (lenços) na caixa personalizada disponível nas lojas Ikesaki.

Corte de cabelo e doação:

Ikesaki Liberdade: Rua Galvão Bueno, 37 – São Paulo
Ikesaki Praça Japão Liberdade: Av. Liberdade, 146 – São Paulo – SP
lkesaki Santo Amaro: Praça Floriano Peixoto, 112 – São Paulo – SP
Ikesaki São Miguel: Av. Marechal Tito, 1.015 – São Paulo – SP
Ikesaki Tucuruvi: Avenida Doutor Antônio Maria Laet. 566
Ikesaki Tatuapé: Rua Domingos Agostim, 91 – Shopping Metrô Tatuapé, Piso Tatuapé
Ikesaki Campinas: Rodovia D. Pedro I, km 137 – loja L 109/11/12/13 – Campinas – SP
Ikesaki Osasco: Rua Antônio Agú, 800 – Osasco – SP
Ikesaki Santo André: R. Luís Pinto Fláquer, 521 – Santo André – SP

Apenas doação:

lkesaki Atacado EBC: Av. Morvan Dias de Fiqueiredo. 2875, Vila Maria – São Paulo – SP

Para consultar os horários de funcionamento, acesse aqui.

Atrium Shopping recebe doações de lenços e cabelos em ação do Outubro Rosa

Salão de cabeleireiros do empreendimento dá escova para quem cortar para doação

Outubro Rosa é marcado pela união em prol do cuidado com a saúde da mulher e o alerta para a prevenção do câncer de mama e de colo do útero. O Atrium Shopping, em parceria com a Casa Ronald McDonald ABC, entra nesta campanha com a arrecadação de lenços e cabelos, com no mínimo 10cm, para confecção de perucas, as quais serão repassadas às mulheres em tratamento.

Para ajudar também, neste mês, o Hair Salon, localizado no Piso 1, adere à campanha e oferece – a quem cortar com eles as madeixas para doação – a finalização com uma escova, para sair ainda mais radiante depois de contribuir com uma causa tão importante.

“O empreendimento está com a iluminação externa toda rosa para lembrar ao público a importância dos exames periódicos para detecção precoce do câncer de mama e de colo do útero. O cuidado com as mulheres deve ser o ano todo e o Outubro Rosa está aí para lembrar a todos disso”, comenta Kalime Matos, coordenadora de marketing do empreendimento.

“A parceria é sempre muito bem-vinda. Distribuímos os lenços para os hóspedes, tanto para a criança/adolescente como para a acompanhante. As mechas de cabelos, temos uma parceria com a confecção das perucas e, tanto aqui na Casa, como para quem precisa, doamos as perucas feitas”, conta Rosemeiri Silva, supervisora da Casa Ronald ABC.

Foto: TLC Direct

Atrium Shopping: Rua Giovanni Battista Pirelli, 155 – Vila Homero Thon, Santo André
Telefone e WhatsApp: (11) 3135-4500

West Plaza faz cortes de cabelo gratuitos em prol do Outubro Rosa

West Plaza lança uma campanha com programação especial em parceria com o Instituto Amor em Mechas. Durante todo o mês haverá oficinas e rodas de conversa

O West Plaza deu início no dia 1º de outubro à campanha de conscientização sobre a prevenção dodiagnóstico precoce do câncer de mama, doença que atinge milhares de mulheres em todo o mundo e é abordada mais enfaticamente através de ações no Outubro Rosa.

O shopping firmou parceria com o Instituto Amor em Mechas para realizar diversas atividades programadas e totalmente gratuita durante todo o mês,em uma loja temporária e exclusiva. Serão oferecidos cortes de cabelo para arrecadação de mechas que podem compor perucas e rodas de conversas com especialistas de diversas áreas. Além de oficinas de brincos e artesanatos, lançamento de livros, e outras atividades. A ideia é promover a interação entre pacientes de quimioterapia e doadoras de mechas durante o evento, bem como conscientizar sobre a importância do checkup para prevenção do diagnóstico da doença.

Ao longo do mês, em dias determinados, os cabeleireiros estarão à disposição para realizar os cortes gratuitos em diferentes horários. No espaço também serão feitas entregas dos kits do amor e um bazar do Instituto Amor em Mechas para arrecadação de fundos que ajudam a manter a gratuidade dos kits e a atuação da ONG.

“Preparamos um ambiente com muito carinho e nos estamos nos dedicando a essa campanha para atingirmos o máximo possível de visitantes, tanto aqueles que possam ser beneficiados com informação e cuidado, quanto pessoas que consigam beneficiar compartilhando o que for possível. É um momento de união extremamente marcante em todo o mundo e, mais do que iluminar e tematizar, nosso objetivo é envolver e acolher, confortar mulheres que estejam em tratamento contra um câncer”, comenta Silvia Alencar, gerente de marketing do West Plaza.

A agenda de atividades gratuitas, com horários das rodas de conversa, cortes de cabelo e oficinas será disponibilizada nos canais de comunicação do shopping:site e redes sociais.

Outubro Rosa no West Plaza
Quando: até 31 de outubro
Loja social: 2º Piso – Bloco B
Endereço: Avenida Francisco Matarazzo, s/nº – Água Branca, São Paulo – SP

Dia Nacional de Doação de Órgãos: rim doado faz falta? Veja quem pode doar

Transplante renal é capaz de mudar a vida do receptor do órgão para muito melhor. E, acredite, se o doador for vivo, ele terá uma vida normal! Nefrologista explica tudo sobre o procedimento

Opção de tratamento para pacientes que sofrem com a doença renal crônica em estágio avançado, o transplante renal é uma cirurgia em que o paciente receptor recebe o órgão de um doador vivo ou falecido.

“A doença renal crônica consiste em lesão renal e perda progressiva e irreversível da função dos rins. Esses pacientes necessitam de diálise, mas aqueles que recebem um rim doado têm, geralmente, uma maior sobrevida ao longo dos anos. Por esse motivo, a doação de órgãos é uma atitude nobre e deve ser encorajada. E a boa notícia é que as funções renais do doador vivo podem ser realizadas de forma normal por um único rim”, explica a médica nefrologista Caroline Reigada, especialista em Medicina Intensiva pela Associação de Medicina Intensiva Brasileira.

A médica explica que, no transplante renal, o rim saudável de uma pessoa viva ou falecida é retirado por meio de cirurgia e implantado no paciente, de forma que o órgão passa a exercer as funções de filtração e eliminação de líquidos e toxinas.

“É claro que toda pessoa que se submete a uma cirurgia e anestesia geral corre riscos, mas estes são minimizados com os exames pré-operatórios e os avanços nas técnicas anestésicas e cirúrgicas, que tornaram o procedimento muito seguro. Por outro lado, existem cuidados que o paciente receptor deve tomar. Após o transplante de rim, os remédios imunossupressores são prescritos para diminuir a chance de rejeição do órgão que ele recebeu. Os pacientes transplantados devem usar medicações durante todo o tempo que forem transplantados. O abandono da medicação pode ter sérias consequências como a perda do rim transplantado e outras complicações”, explica a médica nefrologista.

Quem pode ser um doador vivo?

Parentes e não parentes podem ser doadores, mas é necessária uma autorização judicial. “Vários exames são feitos pelo doador para se certificar que apresenta rins com bom funcionamento, não possui nenhuma doença que possa ser transmitida ao receptor e que o seu risco de realizar a cirurgia para retirar e doar o rim seja reduzido. O sangue do doador será cruzado com o dos receptores, para evitar riscos de rejeição”, explica a médica nefrologista. “As condições necessárias para ser um doador vivo é manifestar desejo espontâneo e voluntário de ser doador. É necessário enfatizar que a comercialização de órgão é proibida”, destaca Caroline.

Como é a doação de um falecido?

No caso de doadores falecidos, os rins são retirados após se estabelecer o diagnóstico de morte encefálica e após a permissão dos familiares. “O Conselho Federal de Medicina tem padrões rigorosos sobre a definição de morte encefálica”, explica a médica. Para receber um rim de doador falecido é necessário estar inscrito na lista única de receptores de rim, da Central de Transplantes do Estado onde será feito o transplante.

Quais são as orientações para o doador?

A vida de quem doa é mais comum do que se pode imaginar. “Não há comprometimento da vida e da saúde, desde que, o outro rim continue saudável. Mas orientamos o acompanhamento frequente junto ao médico nefrologista”, explica.

O doador pode beber?

O doador do rim pode consumir álcool, mas não é recomendado, uma vez que o consumo excessivo de bebidas alcoólicas é maléfico para os rins e pode ser perigoso para o doador e o receptor do órgão.

A doadora pode engravidar?

Não há restrição ou impedimento para as mulheres que doam o rim nesse sentido. “Elas podem engravidar normalmente (não haverá nenhum impedimento). Porém, é importante estar atenta à pressão arterial, buscar evitar a pré-eclâmpsia, diminuir e controlar ao máximo fatores de risco como a diabetes, obesidade etc.”, explica a médica nefrologista e intensivista.

Precisa tomar remédio após a doação?

Diferentemente do receptor, o doador não precisa tomar medicações contínuas. “Recomendamos apenas remédios para o alívio de dor e desconforto após a cirurgia”, diz a médica.

O rim transplantado dura para sempre?

Segundo Caroline, alguns pacientes permanecem com os rins transplantados funcionando por vários anos (mais de dez anos), mas em alguns casos o tempo de duração de funcionamento do órgão não é tão longa. “Características relacionadas ao paciente que recebeu o órgão, como número de transfusões sanguíneas, transplantes anteriores; intercorrências ocorridas no momento do transplante renal e ao próprio órgão que foi doado terão impacto na duração do funcionamento do órgão. O rim transplantado também pode ser acometido com algumas doenças que poderão alterar sua função, como as infecções urinárias, obstruções na via de saída de urina e rejeições agudas ou crônicas (nesta situação, o organismo do paciente passa a reconhecer o rim recebido como estranho). Cada uma dessas situações tem um tratamento específico, e quanto mais cedo for iniciado, maiores as chances de manter o funcionamento do rim. Bons hábitos de vida são indicados para preservar esse órgão”, finaliza a médica.

Fonte: Caroline Reigada é médica nefrologista formada pela Faculdade de Medicina da Universidade de Santo Amaro, com residência médica na Irmandade da Santa Casa de Misericórdia de São Paulo e em Nefrologia no Hospital das Clínicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo. Especialista em Medicina Intensiva pela Associação de Medicina Intensiva Brasileira. Participou do curso “The Brigham Renal Board Review Course” em Harvard. Integra o corpo clínico de hospitais como São Luiz, Beneficência Portuguesa de São Paulo e Hospital Alemão Oswaldo Cruz. Instagram: @dracaroline.reigada.nefro

M·A·C Cosmetics lança campanha Pride e reafirma seu compromisso com a comunidade   

Em 27 anos, a marca já arrecadou mais de R$500 milhões pelo mundo e R$7 milhões no Brasil com as vendas dos batons Viva Glam, que têm 100% do valor doado para as instituições parceiras da marca

O M·A·C Viva Glam Fund, considerado a alma da M·A·C Cosmetics, foi idealizado e criado pela marca em 1994. No início, pioneira no financiamento de campanhas em torno do HIV/AIDS, hoje contempla também causas que amparam pessoas em situação de vulnerabilidade, igualdade de gênero, saúde sexual e direitos iguais para a comunidade LGBTQIA+. “O objetivo do programa reflete o nosso compromisso diário dentro da marca. Nosso ideal é apoiar instituições que abraçam e ajudam pessoas de todas as idades, todas as raças e todos os gêneros e, assim, de alguma forma transformar vidas”, Ana Bernabe, diretora da MAC no Brasil.

Assim como no começo dos anos 90, hoje 100% das vendas de qualquer batom Viva Glam é doado para as instituições parceiras da marca. Até o momento, a campanha já arrecadou mais de US$500 milhões pelo mundo e R$ 7 milhões no Brasil.

Em mais de duas décadas de Viva Glam, muitas celebridades participaram como embaixadoras da causa. Diversas estrelas mundiais encabeçaram a campanha Viva Glam, como a cantora Sia, Dita Von Teese, Fergie, Chloe Sevigny, Mary J. Blige, Boy George e, mais recentemente, Rosalía.

Em 2021, as ONGs Casa 1, Cedaps e Gerando Falcões chegaram para compor o time de instituições beneficiadas pelo programa. O valor arrecadado destinado a elas, cerca de R$ 1 milhão, apoiou e continua apoiando ações realizadas por cada uma, como workshops de maquiagem para jovens e lideranças comunitárias, projetos que acolhem jovens que foram expulsos de casa pela família por suas orientações afetivas sexuais e identidade de gênero e com cestas básicas para pessoas em situação de vulnerabilidade, principalmente durante a pandemia.

Em dezembro de 2020, Jonas Pádua, treinador M·A·C e embaixador do projeto no Brasil, participou da primeira turma de formandas das meninas trans e travestis da Casa 1, o programa Babadeira “Poder ver nos olhos das meninas o quanto a M·A·C pode ajudar fazendo a diferença na vida delas, não tem preço”, fala Jonas. Nessa ação, além da M·A·C contribuir com apoio financeiro, colaborou com produtos e cada uma delas recebeu uma mala da marca repleta de itens. “Quando entreguei os produtos elas me abraçaram e falaram: você não tem ideia de quanto isso mudou a nossa vida, então estar lá fisicamente, vendo aquele ato e celebração acontecendo foi um marco. E assim vemos o quanto nosso trabalho tem impacto na vida das meninas, e isso para mim foi muito importante”, complementa Jonas.

À frente do projeto há quatro anos, Jonas explica que por meio da M·A·C Viva Glam Fund, a marca arrecada com a venda dos batons Viva Glam todos os meses, mas que existem dois momentos importantes durante o ano que se fala mais sobre o tema. “Temos o cuidado de sempre colocar o assunto em pauta no nosso dia a dia, mas, em junho na Pride e no dezembro vermelho, na conscientização sobre HIV e AIDS, colocamos uma força ainda maior para gerarmos mais visibilidade para quem precisa”, fala o embaixador.

Viva Glam vermelho-azulado

As instituições têm impacto social durante todos os meses e o programa cria uma conexão da instituição com a marca. “Realizamos um acompanhamento próximo com as instituições para entender como o impacto vem acontecendo e isso é muito importante, pois sabemos que não se trata apenas de levantar a bandeira, mas fazer com que as ações impactem a ponta na qual estão as pessoas em situação de vulnerabilidade”, finaliza Jonas.

Sobre o impacto, Kátia Edmundo, diretora executiva da Cedaps, uma das muitas instituições beneficiadas pelo programa, fala sobre como o apoio da M·A·C foi importante para a ONG: “Em termos de geração de renda, a gente contou com 32 empreendedores comunitários LGBT e mães solo, que tiveram seus negócios ativados ou ampliados. Ainda estamos contabilizando, mas chega a 2.790 pessoas que foram atingidas e beneficiadas diretamente, como por exemplo, o trio de forró Dona Fulô, que já tem agenda de shows e foi organizada aqui a partir do nosso projeto AtivaAção, então acho que é um pouco por esse caminho”.

Com ações tão expressivas, o principal propósito da campanha Pride é reafirmar e incentivar ainda mais a visibilidade do projeto que ampara organizações que apoiam a comunidade.

Como contribuir

Para fazer parte desse projeto, basta comprar um dos batons da linha Viva Glam – disponível em três tons: vermelho-azulado, bege-rosado e marrom-ameixa -, por R$99 e 100% do valor será doado para o projeto. Os produtos podem ser adquiridos por meio do site oficial da marca ou em uma das lojas físicas M·A·C Cosmetics.

Consumidores e seguidores poderão acompanhar todos os passos e novidades sobre o projeto pelas redes sociais da marca.

Batom Viva Glam – R$ 99,00

Lançamentos batom Viva Glam
1994 – Viva Glam vermelho-azulado
1997 – Viva Glam II bege-rosado
2000 – Viva Glam III marrom-ameixa

Informações: M·A·C Online – SAC 0800 892 1695 – @MACCOSMETICSBRASIL

Cabelegria retorna ao Santana Parque Shopping para doações de perucas e cortes de cabelo

Objetivo da ação é transformar a vida de pessoas que passaram por tratamentos de câncer ou outras doenças

No dia 14 de maio, o Santana Parque Shopping recebe mais uma vez o Banco de Peruca Móvel da ONG Cabelegria. A ação acontece das 11h às 19h, na entrada principal do empreendimento.

O projeto, que retorna ao shopping a cada dois meses, tem como principal objetivo transformar a doação de cabelos em perucas para serem distribuídas às pessoas que passaram por tratamentos de câncer ou que foram diagnosticadas com outras doenças que causam queda de cabelo.

“É sempre muito gratificante poder ser um ponto de apoio da Cabelegria e ver quantas pessoas se solidarizam com as doações, assim como a alegria no rosto de todas aquelas que recebem uma peruca. Em cada ação esperamos transformar um número maior de vidas”, afirma Rodrigo Rufino, gerente de marketing do Santana Parque Shopping.

Os interessados em abraçar a causa podem realizar cortes de cabelos gratuitamente no local. Não existem restrições para doação, todos os tipos de cabelos com no mínimo 15cm são aceitos, podendo ser natural, com química ou tintura. Além disso, quem doar terá isenção no preço do estacionamento.

Cabelegria no Santana Parque Shopping
Quando: Dia 14 de maio
Horário: 11h às 19h
Local: Entrada principal do Santana Parque Shopping
Endereço: Rua Conselheiro Moreira de Barros, 2780 – Santana – SP
Mais informações: site ou pelo telefone: (11) 2238-3002 ou WhatsApp: (11) 96588-3226.

Evino lança nova marca própria, Patas, e doará R$ 10 a cada garrafa vendida à Ampara Animal

A novidade faz parte da campanha de arrecadação em parceria com a Ampara Animal, e traz ao portfólio os vinhos Malbec, Cabernet Sauvignon, White Blend e Torrontés

Em celebração ao Mês Nacional dos Animais e entendendo a importância da conscientização das pessoas sobre os cuidados que devem ser dados, a Evino lança a marca própria Patas. A novidade é composta por quatro rótulos que incluem os vinhos: Malbec, Cabernet Sauvignon, Torrontés e White Blend. Para a ocasião, o maior e-commerce de vinhos da América Latina firmou uma parceria com a ONG Ampara Animal e, com a venda dos novos rótulos, promoverá uma campanha de arrecadação para auxiliar o projeto.

A cada garrafa vendida, R$ 10,00 será revertido à iniciativa. “A criação de Patas surgiu da conexão que os colaboradores da Evino têm com os seus bichinhos e o nosso compromisso com as causas sociais”, explica Ari Gorenstein, cofundador da Evino.

“É importante apoiarmos iniciativas que atuem para a proteção dos animais. No caso desta linha, ela foi desenvolvida para homenagear o amor entre as pessoas e os seus pets. Um sentimento transformador que mudará a realidade de quem ainda não tem uma família para chamar de sua por meio da campanha com a ONG Ampara Animal”, complementa.

A meta inicial estimada para a arrecadação é de 130 mil reais. Com esse valor calcula-se que seja possível realizar cerca de 650 castrações de animais domésticos.

Cães e gatos possuem uma capacidade reprodutiva muito maior que a dos seres humanos. Cadelas entram no cio a cada 6 meses e podem ter ninhadas grandes com 8 a 10 filhotes, já a gatas entram no cio de 3 a 4 vezes por ano, gerando várias ninhadas de 4 a 8 gatinhos. A castração de cães e gatos (machos e fêmeas) evitam o nascimento de ninhadas que podem resultar no abandono e a morte de milhares de animais todos os anos.

Por isso, entre as ações da organização, a castração está entre as mais importantes. O controle de natalidade é a luta que absorve grande parte dos esforços e recursos das entidades de proteção animal.

“A Ampara Animal depende do apoio de empresas para que seus projetos aconteçam. Quanto mais apoio nós tivermos, maior o impacto positivo que a gente consegue gerar na sociedade através dos cuidados com a causa animal que foi a causa que a gente escolheu”, afirma Juliana Camargo, presidente da Ampara Animal. “As empresas que entendem que os animais, meio ambiente e natureza são interligados a nós, a gente tem sem dúvida mais chances de construir uma sociedade mais justa e mais equilibrada﹒Os animais dependem e precisam do nosso apoio”, finaliza.

Os vinhos da linha Patas

Os quatro rótulos de Patas incluem duas versões de vinhos tintos e duas de vinhos brancos, que foram desenvolvidos em Mendoza, na Argentina, pela Fecovita, uma das principais cooperativas do Novo Mundo do e-commerce. Temos um par de rótulos dedicado aos cachorros e outro aos gatos. “O Malbec é frutado e apresenta notas de ameixa madura, cassis e toques de canela. Enquanto o Cabernet Sauvignon possui notas de frutas vermelhas, pimentão e especiarias”, conta Vinicius Santiago, sommelier da Evino.

O exemplar feito com Torrontés, casta branca emblemática da Argentina, é um vinho muito aromático, com notas de pêssego, melão e toques florais; já o White Blend apresenta uma versão delicada e muito refrescante, com notas de maçã verde e peras frescas.

A identidade visual da campanha foi elaborada para estimular a conscientização de que raça não define amor. “As ilustrações produzidas nos rótulos têm a finalidade de representar os cães e gatos, retratando os bichinhos sem raça para promover uma reflexão ao consumidor”, revela Santiago. “No logo a letra P desenha uma patinha com o objetivo de expressar o maior símbolo que une os animais. Um brinde aos animais”, conclui.

Fonte: Evino

Petrópolis: ONG Visão Mundial realiza ação humanitária para ajudar vítimas dos deslizamentos

A ONG Visão Mundial vai realizar a doação de 600 cestas básicas, kits de higiene pessoal, kits de desinfecção, 3 mil litros de água potável e materiais de apoio psicossocial às vítimas da tragédia em Petrópolis, na região serrana do Rio de Janeiro.

Diante da pior chuva desde 1932, o território petropolitano observou nesta semana uma forte tempestade de 240 mm de chuva em apenas duas horas. O evento natural ocasionou um desastre que impactou o município com enchentes e deslizamentos de terra.

Segundo os números mais recentes da Secretaria Estadual de Defesa Civil, já são mais de 105 mortos, sendo ao menos 13 crianças. Há ainda 134 registros de pessoas desaparecidas e 400 pessoas desabrigadas ou desalojadas.

“Precisamos unir esforços para ajudar as vítimas dessa tragédia, que serve também de alerta para o sofrimento de populações em várias outras áreas vulneráveis Brasil afora. A Visão Mundial conta com grande experiência em situações de emergência relacionadas a enchentes em todo o território nacional e por isso estamos organizando esta ação de socorro humanitário às necessidades imediatas das famílias impactadas, em especial buscando a proteção de crianças e adolescentes”, explica gerente de programas da Visão Mundial e atuante na resposta à emergência, Andrea Freire.

Desde dezembro, a entidade também vem realizando ações na Bahia e em Minas Gerais: foram distribuídas mais de mil cestas básicas, entre outros benefícios, que já atenderam cerca de 5,6 mil pessoas em 20 dos municípios atingidos pelas fortes chuvas nesses dois estados.

Com a ação humanitária em Petrópolis, realizada em parceria com a Aliança Evangélica, a ONG pretende ajudar 300 famílias, o que impactaria um total estimado de 1.500 pessoas, sendo 800 crianças e adolescentes. Também será realizado o cadastro de pessoas atingidas, para o monitoramento de necessidades.

A Visão Mundial também abriu seus canais para receber doações que serão revertidas na compra de mais itens de necessidade básica para as vítimas de Petrópolis. As doações podem ser feitas pelo site, clicando no botão “Doe Agora”, e também pelos seguintes dados bancários: Banco: 033/Santander, agência 4.500, C/C: 13000134-7, CNPJ.: 18.732.628/0002-28 ou pelo PIX: sos@visaomundial.org.

Sobre a Visão Mundial

A World Vision, conhecida no Brasil como Visão Mundial, é uma organização humanitária dedicada a trabalhar com crianças, famílias e suas comunidades para atingir todo o seu potencial, combatendo as causas da pobreza e da injustiça. A Visão Mundial serve a todas as pessoas, independentemente de religião, raça, etnia ou gênero. A organização está no Brasil desde 1975 atuando por meio de programas e projetos nas áreas de proteção, educação, advocacy e emergência, priorizando crianças e adolescentes que vivem em situações de vulnerabilidades.

Desapegar de objetos atrai boas energias, diz terapeuta

Fim de ano é uma boa época para renovar as energias dentro de casa

Virada de ano é tempo de reflexão e renovação. É também o período ideal para renovar as energias da casa. “Uma boa forma de começar 2022 com o pé direito e atrair bons fluídos é praticar o desapego e começar a restauração pelas coisas de dentro de casa”, ensina a terapeuta radiestesista Erika Thiele.

Segundo a especialista, é importante rever roupas, móveis e objetos que estejam quebrados, não sirvam mais ou simplesmente não são mais usados. “É uma grande oportunidade para exercermos a solidariedade e aproveitar os materiais que não nos servem, mas ainda são úteis, para doar a pessoas que necessitam”, aconselha a terapeuta do Instituto Plasma.

De acordo com a radiestesia, a solidariedade é uma das frequências mais altas e proporciona sensação de bem-estar a quem a pratica. “A gratidão por auxiliar o próximo é uma grande defesa energética. E retirar de casa coisas que estão paradas deixa o local mais leve, favorecendo a circulação da energia vital”, acrescenta.

Doar objetos e roupas que ainda têm utilidade é uma opção que gera bem-estar – Foto: Depositphotos

Desapegar de objetos que não nos servem é uma das bases do consumo consciente, que busca uma sociedade mais sustentável e que as pessoas possam controlar seus hábitos de consumo, estando atentas às suas reais necessidades. “Realizar essa renovação dentro de casa, liberando espaço para que novas coisas cheguem, gera energia vital e equilíbrio. Tudo isso reflete não apenas dentro do lar, mas no bem-estar de todos que ali habitam”, conclui Erika.

Limpeza da casa

A terapeuta radiestesista recomenda que, após fazer a eliminação das roupas, objetos e móveis desnecessários de dentro de casa, seja feita uma limpeza com ervas no local. “Basta fazer um chá com as ervas alecrim, abre caminho e manjericão e passar um pano molhado com ele no chão, por toda a residência”, indica.

Fonte: Erika Thiele é terapeuta radiestesista

Natal 2021: cinco dicas para promover a solidariedade e realizar doações

O mês de dezembro e a proximidade do Natal acendem, na maioria das pessoas, o espírito natalino. É uma época de união, amor, felicidade, generosidade e solidariedade, e o ato de doar e receber se torna mais incentivado e comum. Pensando em ajudar quem deseja aproveitar o período e o espírito natalino para realizar doações, o Instituto Devolver lista 5 dicas.

Tenha o desejo genuíno de ajudar
O primeiro passo é entender como os seus gestos e ações, por mais simples que pareçam, podem melhorar a vida das pessoas de alguma maneira. Faça com que o desejo de ajudar o próximo se torne algo cada vez mais comum e genuíno para você. Não se deixe mover pelo simples desejo de se promover, provar algo para outras pessoas ou simplesmente postar nas suas redes sociais. Perceba que não há nenhum problema em mostrar as doações que faz – isso pode até incentivar outras pessoas -, porém, não permita que a autopromoção seja o seu principal objetivo.

Seja um doador de sangue
Doar sangue pode até parecer algo simples, porém, é extremamente importante e significativo. Na maior parte do tempo, os bancos de sangue enfrentam baixas devido à pouca adesão, e isso pode custar a vida de muitas pessoas. Aproveite o espírito natalino e vá até o posto de coleta mais próximo, consulte os requisitos para se tornar doador e, se for aprovado, faça a sua contribuição!

Abrace causas que façam sentido para você
Conforme já foi observado, praticar a solidariedade e a doação de maneira genuína é essencial. Por isso, pesquise e busque causas que realmente façam sentido para você: se a sua preocupação maior no momento são os animais de rua, por exemplo, procure ONGs e projetos voltados para esta causa específica. Existem diversos setores precisando de ajuda, desde pessoas em situação de rua, até idosos, crianças e mulheres vítimas de violência – dificilmente uma única pessoa consegue se dedicar a todos de uma única vez, então, veja qual melhor te representa e dê o primeiro passo.

Ajude projetos sociais e ONGs
Caso queira doar, mas não sabe como e nem para quem, os projetos sociais e ONGs são excelentes alternativas. O Instituto Devolver, por exemplo, realiza o E-Commerce Social, criado para dar transparência ao doador, por meio de uma lista de necessidades das instituições certificadas. Desde a sua fundação, em 2018, já foram arrecadados mais de R$ 1,5 milhão em doações, valor revertido em cestas básicas, material de higiene e limpeza e material escolar às crianças, jovens e famílias das casas certificadas. Para doar, basta acessar o site , escolher o produto e/ou instituição e finalizar a ‘compra’. O instituto se responsabiliza pela entrega e envia o comprovante ao comprador.

Pratique o autocuidado!
Por último, mas não menos importante, para que você consiga perpetuar esse espírito natalino e ajudar as pessoas necessitadas sempre, é necessário que continue bem, com saúde física e mental. Por isso, lembre-se de se cuidar, se ajudar e se amar em primeiro lugar. Apenas dessa forma você terá energia o suficiente para fazer brotar muitos frutos na sua vida e, consequentemente, das pessoas à sua volta.