Arquivo da tag: drinques

Bar Carrasco: uma maneira singular de enaltecer a coquetelaria

Atrás do Guilhotina, no Baixo Pinheiros, um conceito trendy que mistura os códigos de bar e bistrô, sem esquizofrenia

Um bar é um estado de espírito, uma faceta boêmia da alma. E o que seria um neo-bar? Para além da junção de dois termos, em parte, o conceito vanguardista implica convívio, boa coquetelaria, cozinha sincera e preços honestos. Em parte, a abertura oficial do Carrasco o explica por si só.

Detrás das cortinas do festivo Guilhotina, o espaço não adere ao rótulo de speakeasy. Contudo, a passagem pela escada e pelo jardim de inverno dá acesso a um universo reservado, que se contrapõe à personalidade transbordante do premiado irmão mais velho e que concede privacidade a outras vivências.

A aposta na qualidade e na generosidade das receitas, seja de drinques, seja de pratinhos, destaca a autenticidade de seu estilo etílico-gastronômico. Nessa direção, o menu permite diferentes caminhos que, sem confrontos, podem se cruzar à mesa.

A ala coqueteleira é assinada por Spencer Amereno. Repetidamente eleito melhor bartender da cidade, a bagagem acumulada ao longo de 21 anos se reflete em 21 drinques — sendo 9 criações inéditas, que expõem seu respeito aos clássicos, sua criatividade e, ao mesmo tempo, inspiração pela sazonalidade de ingredientes brasileiros e pelo garimpo de acessórios e guarnições para atuais as montagens.

Sob o preço único de R$ 43, elas são ecléticas e incluem o Fix (bourbon, fruta da época, abacaxi e solução ácida), o refrescante Income (gim, vermute de jasmim, mel de agave, limão-siciliano e amargos aromáticos da casa), o irreverente Collins (Aperol, shochu, palma de coco, limão-siciliano, hortelã bicolor, vinho espumante e spray de aquavit) e o encorpado Negroni alla Fragola (gim, marsala seco, vermute tinto, Campari com morango e tintura de imbiriba).

Drinque jardim Elétrico, leva gim, mel de agave, limão siciliano, hortelã, folha de gergelim, kinkan e nigauri – Foto: Rodolfo Regini

A vocação gastronômica dos novos coquetéis, por sua vez, evidencia-se com os lúdicos Waffle Cocktail (com waffle bourbon, calda de bordo e amargos aromáticos de chocolate e laranja, guarnecido por um mini-waffle) e Buck (gim, folha de limão-kaffir, licor de cupuaçu e ginger beer com mini-rocambole de matcha e pérola comestível). E mais ainda quando se combina livremente com as criações da cozinha.

Couve-flor assada com especiarias e tahini – Foto: Rodolfo Regini

Cabe dizer: no Carrasco, a ideia é não pensar em entrada, principal e sobremesa, mas percorrer sabores líquidos e comestíveis. No caso desses, há hommus com legumes assados, toque de mel e de zaatar; patê de campagne com pão de fermentação natural e mostarda l’ancienne; atum ao missô com arroz negro; t-bone de cordeiro com vinagrete de banana da terra; couve-flor ou endívias assadas tanto para serem servidos com calma ou de uma só vez.

Aliás, é exatamente o serviço outro grande trunfo do neo-bar. Mais do que sobre o balcão, onde apenas duas pessoas se acomodam, é o atendimento no salão, às mesinhas e ao sofazão, que estabelece uma atmosfera de confiança e, a partir dela, ajuda o comensal a construir as próprias experiências.

Quanto à atmosfera, ela se complementa pelo visual bohemian noir, intimista e atemporal. Como consequência, às vezes é possível se sentir num bar saído do set de Casablanca; às vezes, na sala de um amigo. Privacidade com descontração, aconchego com sofisticação. Como com as bebidas e comidas, no Carrasco as inspirações se misturam, sem esquizofrenia. A chave é fazer uma reserva e descortiná-lo sem preconceitos.

Carrasco: Rua Costa Carvalho, 84 — Pinheiros — São Paulo/SP | Horário de funcionamento: de terça a sábado das 19h às 24h | Reservas por DM — Instagram | @ocarrascobar

Água Doce Sabores do Brasil lança combinações focadas no outono e inverno

Consumidores podem degustar de diferentes opções de combos que são destinados ao delivery

Para entrar no clima de outono e inverno, com os dias mais frios se aproximando, a Água Doce Sabores do Brasil lança opções de combos, pratos, caldos, sobremesas e coquetéis para essa época do ano focado no delivery. A lista para esse ano conta com 15 itens e duas opções de combinações para agradar os paladares de todos os clientes. Com 80 restaurantes em sete estados brasileiros, a marca é referência em gastronomia brasileira e oferece aos consumidores porções e receitas fartas para toda família. O cardápio destinado aos meses mais gelados será implementado em locais que já esperam a chegada do frio. Dessa forma, o cliente deverá entrar em contato com a unidade mais próxima para verificar a disponibilidade dos itens.

Na seção de pratos, o cardápio deste ano conta a receita de Mignon ao Molho de Queijo, com bastante cremosidade e com o sabor acentuado da carne; o tradicional Feijão Tropeiro, prato típico de Minas Gerais e região Sudeste; e com a Parmegiana Água Doce, um prato que leva de frango e queijo. Já os combos são divididos em duas opções: o combo Inverno em Campos do Jordão composto por Iscas de Frango, Salada Refrescante e a Carne de Sol cremosa, com queijo gratinado por cima e o combo Inverno em Monte Verde, que leva Bolinhos de Carne de Sol, Salada Refrescante e o Filé Divino, filé mignon suíno coberto com molho branco e mussarela gratinada.

Tradicionais durante o Inverno, os caldos também fazem parte do Festival de Inverno da Água Doce. Os clientes podem optar pelas versões de Feijão à Mineira, Palmito, Verde, Mandioquinha e Mandioca com Carne de Sol. Para os coquetéis, a marca traz para o cardápio ingredientes que combinam bem com essa época do ano, como o chocolate, o mel e a canela.

O coquetel Canela é composto por conhaque, canela e leite; Petrópolis conta com whisky, gengibre e mel; Monte Verde com whisky, café e creme de leite; o drinque Campos do Jordão é criado com conhaque, chocolate e leite; o coquetel Holambra conta com conhaque, licor de cacau e creme de leite e o Choco-Lamour, formado por whisky, leite e chocolate.

Sem deixar a sobremesa de fora, o cardápio de outono e inverno oferece aos consumidores Minichurros de Doce de Leite.

“As estações do ano e o clima mais frio é a oportunidade perfeita para adaptarmos o cardápio da marca de forma temática. Esse tipo de ação aproxima ainda mais o consumidor e traz opções ideais para manter o conforto, além da praticidade de consumir os pratos e drinques em casa. Além disso, o cardápio permite ao franqueado aumentar o tíquete médio, já que oferece combos, receitas exclusivas, drinques e caldos, que são perfeitos para montar uma refeição saborosa, de qualidade e variedade. Sempre buscamos oferecer ao cliente opções diversificadas e combinadas com as estações do ano ou datas comemorativas. Dessa forma, a Água Doce se faz presente tanto nos restaurantes de forma presencial, como na residência dos clientes, sem perder o sabor característico dos pratos da marca”, finaliza o diretor de franquias da rede, Julio Bertolucci.

Informações: Água Doce

Ca’d’Oro São Paulo abre Sky Bar

Bar contemporâneo com drinques clássicos está localizado no rooftop de um dos primeiros hotéis cinco estrelas da capital paulista

O vigésimo sétimo andar do Ca’d’Oro São Paulo recebe uma nova atração: o Sky Bar. Um bar contemporâneo aberto aos hóspedes e público geral, no rooftop, com um visual deslumbrante da cidade, e que desfila uma carta de drinques clássicos, para agradar a todos os gostos.

Este novo ponto de encontro busca promover a união dos frequentadores da região central da cidade para degustar o drinque favorito de John Lennon, o Alexander (R$ 38), a tradicional Caipirinha feita com cachaça Yaguara (R$ 32), o Fitzgerald – criado por Dale Degroff no Rainbow Room durante os anos 90 ou ainda um Long Island Iced Tea – como aqueles dos tempos de Grey Garden, entre outros que remetem às mais diferentes memórias.

Já a cozinha vai trabalhar apenas com aperitivos para acompanhar um bom papo, entre eles: Canapés de Carpaccio, o clássico com molho de alcaparras e parmesão (R$ 46), Arancini de Ossobuco (R$ 48), Buffalo Wings em molho picante (R$ 48), além de trazer a tradicional Batata Frita com aroma de trufas negras (R$ 49). Para fechar a noite, um Espresso Martini (variação do Martini com espresso e licor de café, R$ 38).

Fundado por Fabrizio Guzzoni em 1956, o Ca’d’Oro São Paulo, hoje revitalizado, é administrado pelo seu neto, que além de levar o legado da família ao futuro, também tem a responsabilidade de carregar o nome do avô. Por isso, na decoração do Sky Bar, Guzzoni fez questão de manter objetos exclusivos usados no hotel antes da revitalização, que remetem à sua memória afetiva, que é parte da história de São Paulo e de diversas famílias que passaram por lá, como: uma antiga chave dos quartos, placas decorativas, cofre e relógio da época.

O projeto contemporâneo foi criado pela dupla de arquitetos Camila Oliveira e Diego Katsurayama. Na decoração ainda há um mural desenhado a mão pelo designer e artista visual brasileiro especialista no abstrato e monocromático, Giuliano Martinuzzo.

Sky Bar no Ca’d’Oro São Paulo: Rua Augusta, 129 27º andar – Horário de funcionamento: 17h às 23h de quarta a sábado.

Restaurante 12 Burger and Beer volta a receber clientes em seu salão

Com reabertura já é possível degustar os hambúrgueres, a coxinha de rabada e o sofisticado bolovo, criados pela casa

Carro-chefe do restaurante 12 Burger and Beer, o The Jack (Burger, queijo Monterey Jack apimentado e empanado, cebola roxa, bacon e maionese), abre o cardápio cheio de receitas sofisticadas e equilibradas. Entre os pratos são servidos fartos hambúrgueres artesanais, que foram sendo criados e aperfeiçoados ao longo de 11 anos de existência da casa.

Além de entradas como a coxinha de rabada servidas com molho de agrião, porções de batatas fritas rústica com alho e alecrim, e uma sofisticada versão do bolovo de boteco, a casa serve pratos executivos de quarta a sexta-feira na hora do almoço.

Todos os pratos podem ser acompanhados pelas cervejas da casa: o chope Pilsen e as cervejas IPA nas versões tradicional e com notas de Maracujá, sucesso em dias quentes para quem gosta de uma cerveja mais amarga. A 12 Burger também oferece as tradicionais geladas do mercado e para aqueles que preferem uma bebida diferente, a pedida é o drinque Cranberry Vodka, feito com suco de cranberry, limão siciliano, laranja e vodca, além dos tradicionais Aperol Spritz e Negroni.

Para quem quer desfrutar de um happy hour entre amigos, a casa também oferece petiscos: além do bolovo e da coxinha de rabada, vale experimentar o croquete de tapioca, bem como, os novos croquetes de mandioca frita cremosa, que acompanha geleia de pimenta, e os minipastéis de carne e queijo.

No quesito sobremesas, o 12 Burger and Beer tem três opções no cardápio: Mousse de Chocolate com Crocante de Macadâmia, o Pudim da Vovó (pudim de pão com creme inglês, sorvete de baunilha, açúcar, canela e laranja), que possui um toque caseiro, mas criativo, e o tradicional brigadeiro que, juntamente com uma xícara de café, podem fechar todas as refeições.

Funcionando há 11 anos em uma aconchegante, descontraída, despojada e bem decorada casa localizada entre os bairros de Pinheiros e Vila Madalena, o restaurante 12 Burger and Beer recebe famílias e grupos de amigos para comer, de quarta-feira a domingo para o almoço, happy hour e jantar. Com música ao vivo (MPB e pop rock) nas noites de sábado.

“A casa já é uma tradição paulistana para os amantes de hambúrguer. Procuramos oferecer boa comida, ambiente agradável e acolhedor para toda a família. E quando falamos família, estamos levando o assunto à sério. A casa também é dog friendly e recebe os peludos com o mesmo carinho, que recebe seus donos. Também temos um espaço bike friendly”, orgulha-se Giovanni Avilla, sócio do 12 Burger and Beer, que toca a casa junto com a sócia Vera Campos.

12 Burger and Beer – Rua Simão Álvares, 1018 – Pinheiros – São Paulo. Horário de atendimento: quarta e quinta-feira, das 12h às 21h, sexta-feira e sábado, das 12h às 23h; aos domingos, das 12h às 22h. Delivery: iFood e Rappi

Wine dá dicas de receitas de drinques inspirados nos quatro elementos do zodíaco

Os 12 signos astrológicos se dividem entre quatro elementos. A sequência do zodíaco começa com uma inspiração, o Fogo; que se materializa, a Terra; que se espalha, o Ar; e se dilui, a Água. Segundo especialistas, cada elemento responde por funções internas dos seres humanos e podem ser desenvolvidas e visíveis para outras pessoas. Pensando nisso, Marina Bufarah de Souza, Sommèliere da Wine – maior clube de assinatura de vinhos do mundo – separou as dicas mais especiais de drinques utilizando os elementos do zodíaco.

O elemento Fogo é o primeiro da lista, que engloba os signos de Áries, Leão e Sagitário, e tem como natureza o entusiasmo, a criatividade e a autoestima. A indicação é o Kir Royal – Fogo, um drinque simples, leve, saboroso e muito sofisticado, o preferido pela realeza francesa da época em que foi criado.

Expansivo e caloroso, assim como os nativos do signo de fogo, ele é feito com 90ml do Champagne Jacquart Mosaïque Brut, 15 mil de Licor de Cassis e cereja. Uma verdadeira delícia super sofisticada.

A Terra abrange os signos de Touro, Virgem e Capricórnio, e tem como características principais a praticidade, a capacidade de realização e de lidar com a realidade. A sugestão é o drinque Stargazer – Terra, excelente para ser apreciado em momentos relax e de autocuidado, ideal para os nativos do signo de terra que prezam por aquele momento de bálsamo.

Ele é feito com 125 ml de Chardonnay gelado – Altivo Classic Chardonnay 2020, ¼ xícara de rum escuro, 3 colheres (de sopa) de suco de abacaxi, 3 colheres (de sopa) de xarope de baunilha e cubos de gelo a gosto. Para decorar, use uma rodela de limão, coloque o restante dos ingredientes com o gelo em uma coqueteleira e agite bem. Sirva nos copos decorados e aprecie essa maravilha.

Já o elemento Ar, que reúne os signos Gêmeos, Libra e Aquário, tem em sua natureza o pensamento e traz qualidades como a sociabilidade e a clareza mental. Neste caso, o drinque aconselhável é o Limoncello Spritz – Ar, uma bebida energética e super refrescante, perfeita para viver momentos festivos e compartilhar boas experiências, o que combina muito bem com os nativos do signo de ar.

Para fazer o seu, use 50 ml Limoncello (licor italiano de limão siciliano), 75 ml Espumante – Espumante Manos Negras Extra Brut, 25 ml de água com gás, cubos de gelo, meia fatia de limão e um ramo de hortelã. Encha um grande copo ou taça de vinho flûte com cubos de gelo, despeje o espumante, o licor de limão siciliano e a água com gás, e mexa bem. Decore com meia fatia de limão e um raminho de hortelã para apreciar o sabor único que o drinque pode proporcionar.

Em último da lista, mas obviamente não menos importante, aparece o elemento Água, que abarca os signos de Câncer, Escorpião e Peixes. Em sua natureza, estão a emoção e a conexão com as próprias emoções e com as dos outros. O drinque sugerido para a ocasião é a Água de Valência – Água, muito famoso na Espanha, com um apelo afetivo às memórias do local onde foi criado, capaz de despertar sensações e sensibilizar os seus sentidos, assim como os nativos dos signos de água.

A receita precisa de 1 limão (em rodelas), 2 laranjas, 3 canelas em pau, 30 mL de vodca 100 mL de espumante – Espumante Real de Aragón DO Cava Brut, 200 mL de suco de laranja e gelo. Para preparar, descasque as duas laranjas e reserve as cascas delas. Com a polpa da fruta, faça um suco e reserve 200 ml. Coloque quanto gelo desejar numa jarra e encha com os líquidos (suco de laranja, vodca e espumante). Feito isso, adicione a canela. Utilize as cascas e rodelas de limão para decorar a jarra e as taças, e aproveite para surpreender seu paladar.

Agora é só escolher os elementos e os drinques para saborear em qualquer ocasião. Fogo, Terra, Ar e Água – com a Wine – proporcionam experiências incríveis para viver momentos de alegria com quem mais gostamos.

Para ver os vinhos/espumantes clique sobre os nomes:
Champagne Jacquart Mosaïque Brut
Altivo Classic Chardonnay 2020
Espumante Manos Negras Extra Brut
Espumante Real de Aragón D.O. Cava Brut

Drinques com Vinho do Porto é tendência para o verão

Os drinques com vinho do Porto prometem conquistar o paladar dos brasileiros. Além de agradável e refrescante, atende às exigências do novo consumidor de bebida alcoólica.

Grande sucesso no verão europeu, os drinks com vinho do Porto prometem conquistar o paladar dos brasileiros. Não só por ser uma opção agradável e refrescante, mas também por atender às exigências do novo consumidor de bebida alcoólica. De acordo com Paula Daidone, embaixadora do Vinho do Porto no Brasil e especialista em mercado de vinhos, existe um movimento, liderado pelos millennials e que está se propagando para geração Z, de diminuição no consumo de álcool.

“O novo consumidor está dando preferência por consumir bebidas menos alcoólicas e que tenham um sabor agradável e também um viés saudável e sustentável. Não é só mais o álcool pelo álcool, tem que haver um propósito por trás desse consumo”, explica a especialista.

E os drinks com Vinho do Porto marcam pontos em quase todas as categorias exigidas por esse consumidor: o Vinho do Porto tem um grau alcoólico menor em comparação aos destilados utilizados para drinks e quando misturado a outra bebida, como suco de fruta, refrigerante ou água com gás, perde a potência alcoólica, deixando 20% de álcool para cerca de 7%; tem um sabor mais agradável que o destilado, e muitas vezes remete a memórias afetivas; e dispensa o uso de açúcar nas receitas, pois já apresenta um dulçor marcante originário da própria uva. 

E para não ficar apenas na vontade, a embaixadora compartilha algumas de suas receitas preferidas com vinho do Porto. São releituras de coquetéis clássicos em que o destilado foi substituído pelo Vinho do Porto. Confira as receitas:

Portonic
Em um copo de gim coloque gelo, 40 ml de Porto branco extra seco, 60 ml de água tônica e misture devagar. Decore com ramos de hortelã ou alecrim e uma rodela de limão. 

Mojito 
Em um copo longo coloque o suco de um limão e 10 folhinhas de Hortelã, macere bem. Preencha metade do copo com gelo, coloque 50 ml de Porto branco seco, coloque mais gelo e mais 50 ml de água com gás ou refrigerante de limão e mexa delicadamente. Decore com ramo de Hortelã.

Cosmopolitan
Em uma coqueteleira coloque 30 ml de Porto Ruby, 30 ml de infusão de chá de hibisco, 30 ml de suco de cranberry e 20 ml de suco de limão siciliano, coloque gelo e bata para homogeneizar. Coe duas vezes e sirva em taça do tipo Martini.

Zena tem novidades refrescantes para este fim de verão

O restaurante italiano oferece pedidas leves para comer e beber, que podem ser apreciadas no salão aberto ou em sua disputada varanda a céu aberto, no Jardins

Conhecido pelo premiado gnocchi e as clássicas focaccias, assinados pelo chef Carlos Bertolazzi, o restaurante italiano Zena também aposta em opções leves e refrescantes para os dias mais quentes da capital paulista.

Disponíveis de terça a domingo, para almoço ou jantar, as novidades incluem o Carpaccio di Pesce (R$ 63), a Pasta Fresca com Frutos do Mar (R$ 89) ou ainda a porção de Ostras ao bafo e a in natura, que chegam frescas nas quintas-feiras para serem servidas no final de semana (12 unidades – R$ 69 / 6 unidades – R$ 39).

Os lançamentos continuam na carta de bebidas, com o Spritz Ice, bebida refrescante à base de sorvete de limão, Aperol e Prosecco (R$ 37), e também com a carta de drinques autorais, que ganha reforço com uma nova seleção que homenageia as principais cidades da Ligúria, na Itália – cidade que serviu de inspiração para Bertolazzi desde o início da casa, ao lado de seu sócio Dudu Pereira.

O Riomaggiore leva whisky, mix passion, limão siciliano e Contreau (R$38) e o Sanremo traz Averna, Jerez Oloroso, Campari e Vermute Dry (R$ 42).

Zena: Rua Peixoto Gomide, 1901 – Jardins, São Paulo – SP. Horário de funcionamento: terça a domingo – das 12h às 18h / das 18h às 00h.

Drinques com erva-mate aumentam a energia no Carnaval

É Carnaval e muitos se preparam para celebrar a festa, com todo o cuidado, é claro, por conta da pandemia da Covid-19. Seja para quem pretende sair e sambar ou aos que comemoram de outras formas, uma bebida refrescante e potente pode ser especialmente interessante para curtir o feriadão.

Natural e, também, brasileira, a erva-mate é uma planta com alto potencial energético e pode justamente suprir as necessidades orgânicas de quem vai cair na folia ou acompanhar a festa à distância. A planta pode ir muito além do chimarrão. A literatura mostra que a composição química da erva-mate é complexa, apresentando vitaminas, minerais, ácidos graxos, fenóis, glicose e cafeína (a cafeína é um alcaloide estimulante que acelera o metabolismo e, neste caso, é supernatural).

Estudando a anatomia da erva-mate e tudo o que ela pode oferecer, a Gourmate, marca que inclui a planta em uma linha especial de produtos e que foi lançada no fim de 2021, preparou de modo inédito no Brasil blends para o Carnaval. São chás cuja base é a erva-mate e que reúnem outros sabores em suas embalagens, correspondendo à temática da série 4 Estações. Quando misturado com bebidas alcoólicas, o chá se torna um drink altamente energético, refrescante e saboroso.

“Queremos mostrar que é possível usar a erva-mate também no Carnaval. As pessoas podem fazer o blend com álcool e, depois, com o próprio blend que usou, fazer um chá para revigorar”, explica a empresária e MateBlender da Gourmate, Carla Mikolaiewski. “Por conta da pandemia, voltamos a ficar sem a festa tradicional, mas podemos ter a experiência do Carnaval em casa, com drinques especiais”.

A marca vai disponibilizar em suas redes sociais receitas da combinação blend + cachaça ou gin + acessórios. Quem comprar o produto via site, recebe, ainda, as receitas impressas. Outra atividade de preparação ao Carnaval é um workshop que acontecerá no dia 24, em uma colaboração exclusiva da Gourmate com Paulo Silva, um excelente e impecável bartender da região de União da Vitória (PR), que está criando drinques exclusivos com erva-mate. Confira o vídeo no YouTube da marca.

Foto: Lucas Ferreira

Linha especial de chás para o Carnaval reúne sabores das quatro estações 

Para quem prefere apenas o blend sem álcool, sem problemas. “Cada receita tem a sua peculiaridade. No geral 1 colher de sopa em 200 ml de água quente, antes da fervura já dá pra fazer uma boa infusão. Se deixar na geladeira, vira um chá gelado. É possível fazer a mistura mais concentrada e acrescentar gelo ou, também, utilizar a técnica cold brew [extração a frio], em que o blend é colocado em água natural e deixado na geladeira no mínimo por quatro horas, e mesmo assim haverá extração de sabor e propriedades da erva-mate e dos outros componentes do blend”, sugere Carla Mikolaiewski.

Para quem tem mais de 18 anos e prefere uma dose extra de sabor, é possível acrescer álcool em drinks feitos com os blends. “São opções de bebida natural, saudável, sem açúcar, sem glúten ou lactose. É interessante saber que cada método de infusão/extração escolhido pode trazer variações de sabor e benefícios e isso é perfeito!”.

Para o Paraná, a erva-mate foi fundamental. Ela colocou o estado no mapa do Brasil, chegando a representar 85% da economia no final dos anos 1920. O ciclo econômico da planta começou em 1820 e terminou junto com o restante da economia mundial na crise de 1930. Até o período, foi a base econômica regional.

Conheça a linha 4 Estações

Primavera: É doce e colorido, vibrante como o amarelo da calêndula. Tem erva-mate verde, manga, calêndula, jasmim e quinoa vermelha.

Verão: Refrescante e cítrico. Tem limão, abacaxi e gengibre, além de erva-mate verde e linhaça dourada.

Outono: Delicado e agridoce, além de possuir uma cor única. Estão presentes no blend: camomila, uva branca, cereja e flor de hibisco.

Inverno: Termogênico e levemente picante, para aquecer. Leva coco queimado, cravo-da-índia, rasurado de urucum e amaranto.

Informações: Gourmate

Aprenda drinques para aproveitar o Carnaval; mas com responsabilidade

Água Doce ensina preparar bebida com 100% de brasilidade, a caipirinha de caju

Para curtir o Carnaval de modo bem brasileiro, como a festa pede, a Água Doce ensina a preparar a caipirinha de caju. Aprenda o passo a passo dessa delícia a seguir:

Caipirinha de Caju

Bruno Marconato

Ingredientes
1 caju
1 colher de sopa de açúcar refinado
½ limão rosa
50ml de cachaça natural
5 pedras de gelo

Modo de preparo:
Corte o caju em fatias e o limão em quatro partes. Coloque no copo o limão, as fatias de caju e acrescente o açúcar. Macere bem. Acrescente a cachaça e complete com o gelo. Decore como preferir.
Rendimento: 1 porção
Grau de dificuldade: fácil

Sommelière Érika Líbero sugere drinques para o Carnaval

Receitas refrescantes e perfeitas para os dias de calor e para a folia carnavalesca, mesmo em casa

Mesmo com o adiamento das festividades oficiais de Carnaval para evitar uma nova onda pandêmica, é possível curtir a folia em casa e em grupos pequenos. Para manter a alegria da festa popular, a Sommelière Érika Líbero sugere receitas de drinques com vinho e/ou espumantes que são refrescantes e perfeitos para a temporada de calor.

Aperol Spritz

Pixabay

Receita italiana refrescante, ótima para o verão. A receita original leva Prosecco, mas pode ser substituído por espumante brut.

Ingredientes
1 parte de água com gás
2 partes de Aperol ou Campari
3 partes de Prosecco ou espumante brut
rodelas de laranja
gelo

Modo de preparo: misture tudo e sirva a seguir.

Mimosa

Cookist


Drinque clássico, geralmente consumido em café da manhã ou brunch.

Ingredientes
1 parte de suco de laranja
1 parte de espumante

Modo de preparo: misture tudo e sirva a seguir.

Bellini

O drinque recebeu o nome em homenagem ao pintor Giovanni Bellini. Na receita original o espumante utilizado é o Prosecco, mas pode ser substituído por qualquer espumante brut.

Ingredientes
1 dose de suco ou purê de pêssego
2 doses de espumante

Modo de preparo: misture tudo e sirva a seguir.

Negroni Sbagliato


Variação do tradicional Negroni, substitui o gim pelo espumante.

Ingredientes
1 dose de vermute tinto
1 dose de Campari
1 dose de espumante
1/2 rodela de laranja para decorar
gelo

Modo de preparo: misture tudo e sirva a seguir.

Clericot

A bebida francesa pode ser feita com espumante, vinho branco ou rosé.

Ingredientes
2 xícaras de frutas picadas (morango, abacaxi, uva, manga, kiwi, etc)
1 garrafa de vinho ou espumante
50ml de licor de laranja
gelo

Modo de preparo: misture tudo e sirva a seguir.

Kir Royal

Também chamado de Kir Royale, é um drink francês feito com licor de cassis e champagne.

Ingredientes
15ml de Licor de Cassis
100ml de espumante
frutas vermelhas

Modo de preparo: misture tudo e sirva a seguir.

Portônica


O vinho utilizado para o drinque é o Vinho do Porto branco seco.

Ingredientes
1 dose de vinho do Porto
2 doses de água tônica
½ rodela de limão siciliano
gelo

Modo de preparo: misture tudo e sirva a seguir.

Érika Líbero dá as seguintes dicas: “Prefira vinhos secos nas receitas para que o açúcar não interfira na bebida. Nas receitas com champagne ou prosecco, você pode substituir por espumante brut.”

Drinques refrescantes para curtir o verão

Receitas aproveitando as frutas da estação com os rótulos dos runs Havana Club e Malibu e dos aperitivos Lillet e Ramazzotti

O verão, além das altas temperaturas, proporciona maior abundância em algumas frutas, como manga, laranja pera, abacaxi e melancia. Pensando na facilidade de encontrar esses insumos nos mercados, a Brand Factory – incubadora de marcas da Pernod Ricard Brasil – apresenta quatro receitas envolvendo seus rótulos – Ramazzotti, Lillet, Havana Club e Malibu – para refrescar a estação mais quente do ano.

Confira as receitas abaixo:

Rose Milan
Ingredientes
• 40 ml de aperitivo Ramazzotti Rosato
• 40 ml de suco de manga
• 100 ml de espumante brut
• 6 framboesas
• 1 ramo de hortelã
• Gelo

Modo de fazer
Em uma taça alta com gelo, coloque o aperitivo Ramazzotti Rosato, o suco de manga e misture. Adicione o espumante brut e misture levemente, para que as borbulhas não se dissipem. Mergulhe as framboesas na bebida. Dê leves batidas com a palma da mão no hortelã, para que solte mais aroma, passe pela boca da taça e decore.

Lillet Tonic
Ingredientes
• 50 ml de aperitivo Lillet Blanc;
• 100 ml de água tônica;
• 2 fatias de laranja pera;
• Gelo

Modo de fazer
Em uma taça com gelo, adicione o aperitivo Lillet Blanc, a água tônica e mergulhe as duas fatias de laranja pera na bebida. Misture levemente para que as borbulhas não dissipem.

Mojito de Abacaxi
Ingredientes
• 50 ml de rum Havana Club 3 Anos
• 25 ml de suco de limão espremido
• 1 fatia de abacaxi cortado em cubos
• 1 fatia de hortelã
• 2 colheres (chá) de açúcar
• Água com gás
• Gelo

Modo de fazer
Em um copo alto, adicione os cubos de abacaxi, hortelã, o suco de limão espremido, o açúcar e macere. Adicione o rum Havana Club 3 Anos e misture. Adicione o gelo e complete o copo com água com gás e misture. Dê leves batidas no hortelã, para que libere mais aroma, e decore o copo.

Malibu Watermelon Splash
Ingredientes
• 50 ml de rum Malibu;
• 50 ml de suco de melancia;
• 15 ml de suco de limão;
• 50 ml de soda;
• Gelo

Modo de fazer
Em um copo alto com gelo, adicione o rum Malibu, o suco de melancia, o suco de limão, a soda e misture.

Todas as bebidas usadas nas receitas podem ser adquiridas pelo e-commerce Drinks and Clubs.