Arquivo da tag: Gastronomia

Restaurante Camarões, tradicional em Natal, chega a São Paulo

Com 350 lugares, restaurante faz sua primeira expansão e chega a São Paulo

Desde 1989, o restaurante Camarões é um dos maiores representantes da gastronomia potiguar. Com 5 unidades na cidade, acaba de abrir seu primeiro espaço fora de Natal e chega a São Paulo em um projeto de 1400 m² com 350 lugares na Avenida Juscelino Kubitschek.

Camarões tornou-se sinônimo de Natal e parada obrigatória para os turistas que visitam a cidade ao longo do ano. “Não é coincidência que potiguar – termo utilizado para quem nasce no Rio Grande do Norte – significa ‘comedor de camarão’ em tupi. Ficamos muito felizes com a oportunidade de levar nossa história, serviço e receitas para ainda mais pessoas. É um sonho antigo de expansão, que se concretiza com a inauguração em São Paulo”, explica Clara Medeiros, sócia-diretora do Camarões.

Fundado pelo empresário Fernando Medeiros, com apoio de sua então companheira, Vânia Bezerra, o restaurante Camarões inaugurou sua primeira casa no ainda pouco conhecido bairro de Ponta Negra, que hoje é o local mais turístico de Natal. Atualmente, sob o comando dos filhos Clara, Gabriel e Júlio, o Camarões inaugura sua sexta casa e chega a São Paulo com seu cardápio tradicional e também alguns pratos exclusivos.

Nesta primeira fase, o espaço funcionará seguindo todos os protocolos sanitários para a visita do público e com capacidade reduzida. Serviços de entrega e retirada ainda não estão disponíveis.

Cardápio

Crocante com Risoto Brie
Camarão Internacional

Com mais de 40 receitas à base de camarão, entre entradas e pratos principais em porções para compartilhar, não há como se apontar um só carro-chefe. Desde a tradicional Moqueca de Camarão ao mais sofisticado Crocante com Risoto Brie – camarão empanado com quinoa e ervas, servido com risoto de queijo brie, damasco, abobrinha e amêndoa – passando pelos queridinhos Pastel de Camarão e Camarão Internacional, há opções para todo paladar.

Seguindo a mescla de mar e sertão e para os amantes de peixe e frutos do mar, o cardápio traz ainda outras preparações que vão muito além do camarão. O Polvo Mar e Sertão, por exemplo, chega salteado na manteiga de garrafa com tomate, cebola roxa, alcaparras, nata fresca e coentro. Ou ainda o Peixe Vila Flor, grelhado e regado com suave molho de manteiga com castanha do Pará laminada. Acompanha arroz integral com grãos e purê de banana da terra.

Para a unidade de São Paulo, foram criadas receitas exclusivas. Entre elas, o Ravioli de camarão é feito com massa artesanal recheada com camarão e queijo catupiry e ervas com molho rústico de tomate, azeite e manjericão. Já a Salada de carne de sol que reúne folhas verdes, tomate cereja, pepino agridoce, cenoura e rabanete, finalizada com lascas de filé mignon de sol e queijo de coalho empanados e finalizada com molho balsâmico e mel de engenho.

O projeto

Assinado pelo arquiteto Jayme Lago Mestieri, o projeto traz as memórias afetivas da família fundadora do Camarões, inspirado em suas raízes, mas conectado à São Paulo e à movimentada Avenida Juscelino Kubitschek, onde está localizado. Para isso, a fachada com brise em vidro permite uma interação entre externo e interno, criando um ambiente iluminado e que mantém um clima agradável graças a amplitude dos 1400m².

À designer social Cris Ribeiro coube a missão de levar o DNA da marca potiguar ao novo projeto de São Paulo, trazendo referências do mar e do sertão, numa construção afetiva que revela traços da essência do Camarões nos pequenos detalhes. A estampa das cadeiras, por exemplo, foi idealizada com exclusividade pela artista potiguar Ariell Guerra, inspirada nas flores do sertão potiguar. “Mar e Sertão” também é tema das obras do artista plástico potiguar Demétrius Montenegro, que colorem as paredes desta nova unidade.

O lustre de cabaças, campeão de cliques e marca registrada da entrada dos salões de uma das unidades em Natal, estará presente no novo restaurante.

Camarões: Avenida Juscelino Kubitschek, 627 – Vila Nova Conceição – São Paulo. Horário de funcionamento:Segunda a quinta: 11h30 às 15h30 / 18h Às 21h Sexta a sábado: 11h30 às 16h / 18h às 21hDomingo e feriados: 11h30 às 16h / 18h às 21h – Telefone: (11) 3508-8080

Celebre o Dia Mundial do Whisky com Jim Beam

Aproveite a data para preparar diferentes drinques com o Bourbon número 1 do mundo

Para comemorar o Dia Mundial do Whisky, celebrado sempre no terceiro sábado do mês de maio, Jim Beam, bourbon número 1 em vendas no mundo, ensina a preparar drinques clássicos para aproveitar a data.

Com cinco rótulos disponíveis no mercado brasileiro – Jim Beam, Jim Beam Black, Jim Beam Honey, Jim Beam Fire e Jim Beam Rye – cada um apresenta peculiaridades, aromas e sabores distintos, que traduzem o espírito da marca, da tradição de uma família que está há sete gerações no comando da destilaria, no Kentucky, EUA.

O que define um bom whisky não é a sua idade. A maturidade e o material do barril em que é destilado são mais importantes, ou seja, o processo de fabricação se sobressai ao tempo. Para ser considerado bourbon, o líquido precisa ser produzido nos Estados Unidos, conter no mínimo 51% de milho, ser envelhecido em barril de carvalho virgem, e envasado sem interferências.

Confira as receitas preparadas com a série completa de Jim Beam e aprecie com moderação.

Jim Beam Highball

Ingredientes:
50 ml de Jim Beam
150 ml de água tônica
1 fatia de limão siciliano
Modo de preparo:
Em um copo alto de Highball coloque Jim Beam, uma fatia de limão sciliano e complete com tônica e gelo.

Jim Beam Honey & Lemonade

Ingredientes:
15 ml de Jim Beam Honey
60 ml de suco de limão siciliano
¼ de limão siciliano
Club Soda
Modo de preparo:
Em um copo alto de highball, coloque os quatros ingredientes e mexa.

Jim Beam Rye Perfect Manhattan

Ingredientes:
60 ml de Jim Beam Rye
15 ml de vermute tinto
10 ml de vermute seco
2 dashs de Angostura
coin de laranja (isso é uma tampinha da casca da laranja)
Parafernália para misturar (mixing glass, bailarina etc.)
Modo de preparo:
juntar os ingredientes no mixing glass. Acrescentar gelo e mexer .
passar o líquido sem o gelo para uma taça previamente gelada.
aromatizar com um coin de laranja Bahia e servir junto com o coquetel

Old Fashioned

Ingredientes:
45 ml de Jim Beam Black
2 gotas de bitter Angostura
1 cubo de açúcar (ou 10 ml de xarope simples)
Lances de água mineral
1 fatia de laranja ou cereja fresca
Modo de preparo:
Ponha o cubo de açúcar em um copo baixo e hidrate com o bitter e a gotas de água. Macere. Encha o copo com gelo e coloque o uísque. Misture levemente. Finalize com uma fatia de laranja, um twist de casca de laranja ou com uma cereja.

Great Beam on Fire

Ingredientes:
45 ml de Ginger Ale
15 ml de Jim Beam Fire
¼ de limão
Modo de preparo:
Misture todos os ingredientes em copo de Highball com gelo, enfeite com uma rodela de limão

Receita de iogurte com cereais, frutas vermelhas e azeite para o café da manhã

Nada melhor do que receitas fáceis, práticas e com um toque especial, para tornar o café da manhã um momento ainda mais saboroso, não é mesmo?

Pensando nisso, Azeite Gallo ensina a preparar uma receita bem prática e colorida, com Azeite Gallo Extra Virgem Clássico, para torná-la ainda mais nutritiva. Esta combinação é deliciosa e traz muitos benefícios à saúde, já que o azeite é uma gordura saudável que reduz o colesterol ruim, é rico em vitaminas e ômega 9. Vamos ao passo a passo:

Iogurte com cereais, frutas vermelhas e Azeite Gallo Extra Virgem Clássico

Ingredientes:
● 300 g de iogurte grego sabor morango
● 125 g de cereais da sua escolha
● 100 g de frutas vermelhas da sua escolha, como: morangos, amoras e framboesas.
● 20 ml de Azeite Gallo Extra Virgem Clássico

Modo de preparo:
Em um bowl, coloque metade do iogurte grego de morango, adicione os cereais e em seguida, a outra metade do iogurte, misturando bem os ingredientes. Após, por cima, acrescente as frutas vermelhas e finalize com o Azeite Gallo Extra Virgem Clássico. Sirva em seguida.

Dica de chef:
O Azeite Gallo Extra Virgem Clássico sugerido para esta receita pelo chef, s pode ser substituído por outras variedades dos azeites Gallo da sua preferência. Experimente e compartilhe as suas combinações.

Produto utilizado:
O Azeite Gallo Extra Virgem Clássico é o sabor original do azeite Gallo. Com notas frutadas, amargas e picante muito equilibradas, é ideal para harmonizar qualquer receita.

Fonte: Gallo

Dia Mundial do Whisky: BurgUP lança milkshake alcoólico em parceria com Johnnie Walker

Neste sábado, 15 de maio, é celebrado o Dia Mundial do Whisky. Aproveitando a data, em parceria com a marca Johnnie Walker, a BurgUP lança o primeiro milk-shake alcoólico, tendo como base o Red Label, um whisky com leves toques de especiarias e um blend entre os whiskies leves da Costa Leste da Escócia e os whiskies mais turfados do Oeste.

Para combinar com as especiarias aromáticas do Red Label, a nova estrela do cardápio da casa é o Milk Label, preparado com sorvete e calda de morango, dose de Red Label, finalizado com cobertura de chantilly e cerejas maraschino. Além da composição de sabores, a apresentação do drinque também chama a atenção, usando a Copa de Balon de 400ml, taça que se popularizou com as Gin Tônicas.

Como ação de lançamento, neste final de semana o drinque terá 50% de desconto, saindo de R$ 32 por R$ 16. Além do drink, a casa participa da ação de 50% de desconto na primeira dose do whisky promovida pela Johnnie Walker – de R$ 24 por R$ 12.

A casa retornou com o atendimento em salão há pouco mais de uma semana, adotando todos os protocolos de prevenção ao coronavírus, com horário de funcionamento, rigorosamente, das 17h30 às 21h.

BurgUP Matriz – Av. Corifeu de Azevedo Marques, 1164 – Butantã, São Paulo-SP. Telefone (11) 3721-3456 – Delivery: Todos os dias, das 18h às 24h

Mangaba reabre o salão com clássicos revisitados

O restaurante, comando pelo chef Antônio Albaneze, aposta em versões de pratos conhecidos do paladar brasileiro

O recém-aberto Mangaba – restaurante comandado pelo chef Antônio Albaneze, em Moema – apresenta novos pratos em sua reabertura, após o período de restrições de funcionamento imposto pela pandemia. A casa conta com um cardápio repleto de itens inusitados, que nos convidam a conhecer as regionalidades brasileiras pelo paladar, e traz agora também tradicionais pedidas da comida brasileira.

Estão disponíveis dez novos pratos, que vão desde receitas já conhecidos pelos pratos feitos paulistanos, como Picadinhos de mignon com molho roti, arroz, farofa de torresmo, ovo estalado e banana à milanesa (R$ 44) ou Filé mignon à parmegiana empanado, molho de tomate caseiro, arroz e batatas (R$ 44), até combinações mais inusitadas, como o Polpetonne recheado com banana da terra e queijo, acompanhada por um fetuccine ao pesto de rúcula, jambu e castanhas (R$ 44), trazendo o toque autoral próprio do Mangaba. As porções podem ser para uma (R$ 44) ou duas (R$ 79) pessoas, e ainda são oferecidas cinco opções congeladas que podem ser desfrutadas em casa.

Sobre a casa

“Coisa boa de comer” – é o significado da palavra mangaba, que deriva do tupi-guarani. Levado ‘ao pé da letra’ pelo chef executivo Antonio Albaneze, – e pelos sócios-proprietários, o lema do novo restaurante de São Paulo se aplica a qualquer pedida de seu menu, cuja proposta é valorizar os mais diferenciados ingredientes de todos os cantos do Brasil. Um lugar para descobrir novos sabores e texturas, explorar os sentidos e expandir o paladar, com pratos que são preparados com técnicas de alta gastronomia, mas apresentados de forma despretensiosa em um ambiente acolhedor e charmoso.

A origem do chef, na região central do país, sua experiência e sua inventividade na combinação de insumos brasileiros, possibilita que o Mangaba realize esse encontro de sabores e de ingredientes em cada prato. São todas receitas autorais e cheias de afeto, com algumas saídas diretamente do caderninho escrito à mão pela avó de Antônio.

Mangaba: Rua Canário, 1301 – Moema – São Paulo – SP. Telefone|WhatsApp: (11) 93272-0840. Delivery: iFood e WhatsApp. Horários de funcionamento (sujeitos a alterações durante a pandemia – verificar no perfil do Instagram): segunda a sexta: das 12h às 15h; terça a sábado: das 18h às 20h; sábado: das 12h às 16h. Domingos: das 12h às 17h

Pão de hambúrguer sabor Brioche é novidade Wickbold

Um pão de hambúrguer para quem cozinha mais em casa durante a quarentena e procura inovações para incrementar suas receitas. Com maciez diferenciada, toque gourmet e textura do tipo caseira, o Do Forno Brioche chega às gôndolas brasileiras como nova aposta da Wickbold, líder no segmento de pães especiais e saudáveis.

O lançamento atende duas tendências do setor alimentício brasileiro, segundo a pesquisa Food Trend Report 2021 desenvolvida pela Galunion. A primeira é a estima pela comida feita em casa, pois a novidade complementa a experiência do consumidor, que pode fazer um lanche artesanal do seu próprio jeito e gosto, com praticidade.

Outro ponto é que o produto está alinhado com a atratividade pela descoberta de novas culinárias. Isso porque, além do sabor diferenciado, ele é inspirado nas hamburguerias especiais, e possibilita a criação de inúmeras receitas.

“Esse lançamento vai de encontro a propósitos muito claros com a marca Do Forno: oferecer produtos de qualidade dentro de um portfólio cada vez mais amplo e diverso e ouvir o que o público nos pede em nossos canais de comunicação. A marca nos permite explorar o que há de melhor em termos sensoriais e de versatilidade”, conta Denise Pacheco, Gerente de Marketing e Sustentabilidade da companhia.

Ainda de acordo com a executiva, os consumidores e clientes enviaram muitas mensagens solicitando o lançamento do produto, cuja apresentação também conta com um diâmetro maior, favorecendo receitas e bons momentos em família – algo muito valorizado durante o isolamento social.

O lançamento pode ser encontrado nos principais pontos de venda do Brasil por um preço sugerido de R$ 8,99.

Informações: Wickbold

MMV distribui vinhos Viapiana, vinícola gaúcha com mais de 100 anos de história

Importadora passa a distribuir para todo o Brasil vinhos – com qualidade certificada – da vinícola localizada em Altos Montes (rota do vinho no Rio Grande do Sul)

O Brasil tem se destacado nos últimos anos não apenas como um país consumidor de vinhos, mas, também, como um produtor de excelentes vinhos. Segundo dados do Instituto Brasileiro do Vinho (Ibravin), hoje são mais de 1.200 vinícolas no país.

A maioria dessas vinícolas (61%) estão concentradas no Rio Grande do Sul, único estado que possui 3 regiões certificadas com o selo de Indicação de Procedência (IP), da Embrapa (Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária), que indica, com base na localização geográfica, clima e terreno, a procedência e a qualidade da produção vinícola a partir de critérios estabelecidos pela Organização Internacional da Uva e do Vinho (OIV).

A vinícola Viapiana é uma das produtoras de vinho que tem essa certificação. Ela faz parte do IP Altos Montes, região que fica localizada entre as cidades de Flores da Cunha e Nova Pádua e é a maior produtora de uvas e vinhos do Brasil, com destaque ao enoturismo também.

Assim como grande parte das vinícolas do Brasil, a história da Viapiana começa com a chegada de uma família italiana no país. Antonio Viapiana imigrou aos 10 anos de idade, de Sardenha, na Itália. Após se instalar em Flores da Cunha, foi na sua juventude que a vinícola teve início, no começo do século 20.

Em 1925, a Viapiana recebeu sua primeira certificação: como comemoração ao cinquentenário da imigração italiana no Brasil, o Consulado italiano de Porto Alegre promoveu uma feira agroindustrial com exposição e concurso de vinhos produzidos por imigrantes italianos no Brasil e a vinícola recebeu a medalha de prata.

Em 1999, veio o registro de rótulo do 1º vinho fino elaborado, um Cabernet Sauvignon. Atualmente, a Viapiana está na quinta geração de produtores de vinhos e, além de produzir vinhos finos e certificados, aposta também no enoturismo, com winebar próprio e uma cave de história, que liga exemplares de todos os vinhos já lançados pela vinícola.

Toda a história, a tradição e a qualidade chamaram a atenção de Jonas Martins, sommelier e gerente comercial da MMV Importadora de Vinhos, de Curitiba. A empresa, que traz ao mercado brasileiro vinhos da Argentina, Chile, Portugal e Itália, viu na Viapiana uma ótima parceira para agregar excelentes produtos ao seu portfólio.

“A tradição da Serra Gaúcha, a certificação e, principalmente, a qualidade dos vinhos da Viapiana logo me chamaram a atenção e foi uma decisão muito acertada em colocar esses vinhos no nosso portfólio”, diz Jonas Martins.

A MMV, inclusive, passa a distribuir um dos vinhos mais refinados da Viapiana, proveniente de uma safra especial. O Viapiana Via 1986 Chardonnay tem uma produção limitada de apenas 800 garrafas e chegará ao mercado com o preço de R$ 500 a garrafa.

O valor um pouco mais elevado tem algumas explicações. Esse vinho estagia por 14 meses em barris de carvalho novo da Eslavônia (região que fica no nordeste da Croácia), com seis meses de bâtonnage (técnica de pegar uma “vara” e mexer o fundo da barrica de vinho, revolvendo as borras que se depositam com o tempo).

De cor brilhante, dourada, com reflexos verdes, é fino ao nariz, remetendo aos grandes Chardonnays do mundo, sendo cremoso e encorpado em boca, com alta maciez e um final bem longo. “Uma obra de arte”, exalta Jonas Martins.

Informações: MMV

Dia do Chef de Cozinha: profissão movida pela paixão entrou em novos lares e famílias

Pandemia transformou rotinas e trouxe gastronomia e culinária para mais perto dos brasileiros

Com 15 anos de idade, Ana Spengler já estava habituada com o ambiente de cozinha e se aventurava em pratos para a família, mas foi lendo uma reportagem de jornal sobre o curso de Gastronomia que viu ali uma porta para a vida profissional. Há 20 anos atuando na área, hoje Ana se intitula como cozinheira e ressalta que, muito mais do que o preparo do prato, a culinária é a degustação de uma experiência.

“A culinária, mais do que técnica, é uma linguagem de afetos. Cozinhar me dá um prazer enorme, degustar um prato bem feito também. Mas, nada se compara ao prazer do encontro, do servir, do partilhar estes prazeres que, de outra forma, seriam experiências individuais”, conta.

E, com a necessidade do isolamento social e o afastamento de atividades em grupo, as famílias precisaram inovar na forma de compartilhar momentos, principalmente cuidando uns dos outros.

“Muitas pessoas em isolamento tiveram que passar a pensar em cuidados para não adoecer física ou mentalmente. Eu acho que cozinhar é uma ótima forma de cuidar de si, porque você pode buscar uma alimentação saudável e ao mesmo tempo praticar uma atividade que desafia o intelecto, amplia seus horizontes culturais, instiga sua percepção e desperta sua criatividade”, explica Ana, que é responsável também por criar receitas usando os ingredientes das cooperativas que fazem parte da Unium e incentivar o gosto pela cozinha em mais pessoas.

Cozinhando em casa

E para quem passou a cozinhar, seja por hobby ou necessidade, Ana deixa claro que errar faz parte. “A técnica do cozinheiro não é feita apenas de acertos, mas principalmente dos erros. É preciso ter passado por momentos ruins para saber evitá-los”, conta. Por isso, é preciso manter o foco e não desistir da atividade nos primeiros desafios.

Além disso, aos que estão precisando inovar no cardápio, a cozinheira tem uma dica. “Explore várias possibilidades com um mesmo ingrediente, variando os preparos, para entender como um mesmo ingrediente muda de aspecto (sabor, cor , textura) dependendo da forma de preparo. Assim, dá aumentar tanto o repertório de receitas quanto explorar técnicas variadas”, ressalta.

E, claro, além das dicas e da história inspiradora, fica também uma sugestão de receita elaborada pela Unium e pela indústria de produtos suínos Alegra para a próxima refeição em família. Bom apetite e feliz Dia do Chef de Cozinha.

Pão de Batata com Linguiça

Ingredientes
450g de farinha de trigo tradicional Herança Holandesa
10g de fermento biológico seco
200g de batata cozida e amassada
250ml de água
50g de açúcar
10g de sal
50g de manteiga
2 gemas

Ingredientes para o recheio:
1 linguiça calabresa Alegra
1 talo de alho-poró
150g de cream cheese

Modo de preparo:
Ralar a linguiça calabresa, colocar em uma panela e dourar na própria gordura. Juntar o alho-poró cortado em rodelas finas e refogar até murchar. Desligar o fogo e misturar o cream cheese. Misturar o fermento com 100ml de água e 100g de trigo. Reservar por 30 minutos. Juntar os demais ingredientes (pode ser na batedeira, com gancho), até incorporar. Descansar por 10 minutos. Sovar na bancada por 15 minutos (ou 10 minutos na batedeira), moldar uma bola e cobrir com pano. Deixar fermentar por 1 hora. Dividir a massa em 12 pedaços, moldar bolinhas e achatar como minipizzas. Colocar uma colher de recheio e fechar como uma trouxinha, apertando bem. Colocar na forma, untada com óleo, lado a lado, com a emenda voltada para baixo. Cobrir com pano e deixar crescer de 45 minutos a 1 hora. Pincelar as gemas batidas. Assar por 35 a 45 minutos, em forno preaquecido em 180ºC até que estejam dourados.

Rendimento: 12 pães
Tempo de preparo: 120 minutos
Dificuldade: fácil

Fonte: Unium

Gelato a céu aberto: Bacio di Latte chega ao Parque Ibirapuera

Com quiosque vintage, gelateria marca presença em um dos cartões postais da cidade de São Paulo

Desde o dia 4 de maio, os paulistanos podem encontrar a Bacio di Latte, gelateria que nasceu em São Paulo, na rua Oscar Freire em 2011, em um dos principais pontos da cidade: o Parque Ibirapuera, atualmente sob gestão da Urbia. Com muito gelato e ar fresco, a Bacio di Latte apresenta sua nova unidade com uma proposta diferenciada. Trata-se do primeiro quiosque a céu aberto da Bacio di Latte, combinado à atmosfera descontraída de um parque ao ar livre e em sintonia com o meio ambiente ao seu redor.

“Escolhemos o Parque Ibirapuera por ser um dos lugares mais amados pelos paulistanos e um cartão postal da cidade. A Bacio di Latte nasceu em São Paulo e traz um pouco da cidade no seu DNA. Abrir um espaço novo em um dos ícones da cidade nos permite estar ainda mais próximos dos nossos consumidores”, conta Fábio Medeiros, diretor de marketing da marca.

O quiosque com ar vintage da Bacio di Latte leva ao ambiente do Parque um pouco das suas raízes italianas. A nova unidade serve os tradicionais gelatos feitos artesanalmente e com ingredientes de alta qualidade e de origem, como Pistaches da Sicília, Morangos do Sul de Minas Gerais, Avelãs de Piemonte e Cacau Amazônico. São dez sabores na unidade, entre eles, os carros-chefe, como Pistacchio e Bacio di Latte, assinatura da marca. Além dos gelatos, os consumidores poderão encontrar o pote de Doce de Leite – compota importada diretamente do Uruguai e Creme Bella – creme de avelã assinado pela marca.

A unidade da Bacio di Latte Parque Ibirapuera fica localizada no setor cultural do Parque, próximo ao Pavilhão das Culturas Brasileiras e da via central, e respeita todos os protocolos de segurança do Plano São Paulo. Além de demarcações sobre distanciamento entre os consumidores, será disponibilizado álcool em gel para o público.

Com o novo quiosque, o objetivo é marcar presença nos momentos de lazer dos paulistanos e tornar ainda mais prazerosos os passeios de bicicleta, corridas, caminhadas a céu aberto ou a mera contemplação da natureza do Parque. A unidade também se preocupa com o descarte adequado e uso sustentável do espaço a fim de contribuir para a preservação da natureza e da fauna urbana. A Bacio di Latte Parque Ibirapuera fica em espaço amplo e não possui mesas nem cadeiras, deixando livre o espaço para saborear os gelatos.

Bacio di Latte Parque Ibirapuera : Avenida Pedro Álvares Cabral, Moema – Próximo ao Portão 3 (para carros) e Portão 10 (para pedestres) – Perto do Pavilhão das Culturas Brasileiras e da via central
@baciodilatte
@ibirapueraoficial

Papila Deli agora também no Tatuapé

A Papila Deli iniciou as operações da nova unidade no dia 3 de Maio, na região do Tatuapé. A dark kitchen, que vem fazendo sucesso desde sua abertura em dezembro de 2019, chega à zona leste com a marca Papila Poke, com foco exclusivo nos pokes havaianos.

O restaurante operará inicialmente de segunda a sábado, das 11h às 22h45, e oferecerá ao cliente um menu com nove combinações pré-definidas de pokes, incluindo opções low carb com base de quinoa ou arroz de couve-flor. Caso o cliente prefira, o restaurante também disponibiliza mais de 20 ingredientes para que o consumidor monte o poke a seu gosto, com opções diferenciadas como o tartar de salmão maçaricado e algas de wakame, uns dos mais pedidos da casa.

Com uma identidade visual colorida e despojada, a marca tem batido recordes de pedidos desde o seu lançamento: “Para nós, a expansão para mais regiões é um caminho natural e coincide com o desejo do público que sempre pediu para ampliarmos a área de entrega. Fizemos a lição de casa de estudar cada região, nos estruturamos internamente e estamos ansiosos para oferecer os pratos da Papila Deli no Tatuapé, que tem se mostrado um ótimo pólo gastronômico”, explica Bruno Kormes, um dos sócios-fundadores da marca.

A marca-mãe Papila Deli absorve em seu portfólio 3 cozinhas: Papila Poke, Papila Fresh, com saladas e sopas sazonais, e Papila Wok, com pratos quentes inspirados no leste asiático e sanduíches diferenciados como o de salmão maçaricado. Inicialmente a operação no Tatuapé contará apenas com a cozinha Papila Poke, com planos de expansão com o passar dos meses.

Papila Deli já tem planos de expansão em 2021 para além da unidade Tatuapé

Até o final do ano, os sócios pretendem inaugurar outras duas unidades e lançar duas novas marcas, totalizando 5 menus e 4 cozinhas.

“Entrar no setor do delivery, com diferentes culinárias e atendendo diferentes paladares, abriu inúmeras possibilidades e queremos explorá-las da melhor maneira possível. Além da nossa expertise no mercado gastronômico, temos 3 pilares que norteiam nosso trabalho: ingredientes de qualidade, agilidade de entrega e variedade de opções”, explica Alex Lewkowicz, um dos sócios-fundadores da Papila Deli.

Papila DeliInstagram
Unidade Tatuapé – Papila Poke: de segunda a sábado, das 11h às 22h45. Pedidos exclusivamente pelo aplicativo pelo Rappi.