Arquivo da tag: infancia

Quais fragrâncias remetem à infância? Confira quais são as notas clássicas

Uma fagrância pode despertar boas lembranças da infância e até render ótimas risadas: seja naquele produto muito usado quando criança, ou de cheiros naturais como o da terra molhada

Boas lembranças da infância são recordadas por aqueles já passaram pela melhor fase da vida. E para resgatar os bons momentos dessa época, a Ginger Fragrances, casa nacional de fragrâncias, apresenta as fragrâncias clássicas da infância, capazes de despertar na memória lembranças que ficaram marcadas e que, ocasionalmente, são recordadas com sorrisos e nostalgia.

Quando se fala em perfumes da infância, o cheiro vai muito além de um bom perfume ou creme usado. “Cada um de nós tem suas próprias memórias pessoais, que remetem à infância e a fases diferentes da vida. O bolo no forno, a terra molhada de chuva, o perfume que a nossa mãe usava”, explica Fernanda Faigle, perfumista da Ginger.

Lavanda com abelhas
Lavanda

Além disso, a profissional também explica que a lavanda, a camomila e a nota clássica de talco são perfumes que lembram a infância, pois são capazes de trazer sensação de conforto e segurança emocional. “O cheiro de caramelo, baunilha e chocolate também são relacionados a essa época, pois essas notas possuem uma ligação com cérebro que ativam sensações de prazer e autoindulgência, sendo desejados também nos perfumes adultos”, admite.

jasmim verão pixabay
Jasmim

Todos esses sentidos e emoções são traduzidos em notas delicadas em produtos para os bebês, muitas vezes seguindo o conceito care que traz lavanda, amêndoas, camomila, calêndula, leite, mel e algodão. Notas cítricas e florais como rosa, gerânio, lilás, flor de laranjeira, lírio e jasmim, com fundos transparentes de madeiras e musks leves também aparecem.

Já para crianças maiores, as fragrâncias se assemelham mais com as dos adultos, porém mais leves e menos marcantes. Muitas vezes são compostas por notas frutais como abacaxi, melão e pera; aquosas como notas de mar e cachoeira; cítricas como bergamota, limão e mandarina, ou herbais como alecrim, erva-doce e lavanda.

Vanilla sticks and flower on grey background
Baunilha

Segundo Fernanda, para as meninas as fragrâncias tendem a levar notas de baunilha, mel e caramelo, com estruturas florais, frutas vermelhas ou amarelas. Esses perfumes podem ser encontrados em colônias e cosméticos infantis, sachês para gavetas, aromatizadores de ambientes e até em lojas de roupa que tenham identidades olfativas. Para dar um toque especial durante o desenvolvimento desses produtos, a Ginger possui em seu catálogo notas de talco, camomila e mel voltados para os bebês.

Olfato dos bebê

mae e bebe.jpg

Desde bebê, o ser humano já começa desenvolver a memória olfativa, considerada, inclusive, a mais forte, capaz de despertar emoções e mais fáceis de reativar. Os recém-nascidos conseguem reconhecer a mãe e seu ambiente pelo cheiro, pois isso está ligado ao seu instinto de sobrevivência.

“Isso acontece porque na infância a maioria das situações têm grande relevância emocional para nós, pois a nossa percepção de mundo está em formação. E quando um cheiro é percebido dentro de uma situação de grande relevância emocional, ele fica muito marcado na nossa memória. Ao longo da vida, cada vez que sentirmos o cheiro, essa memória será reativada, desencadeando o mesmo tipo de emoções”, finaliza Fernanda.

Sobre a Ginger

Uma casa de fragrâncias 100% brasileira. Assim é a Ginger, que nasceu atendendo com exclusividade grandes empresas consolidadas do mercado, com produtos e serviços de alta qualidade. A Casa de Fragrâncias possui centro criativo, laboratório com cromatógrafo de última geração (GC-MS) e equipamentos para o desenvolvimento e aplicação de novas fragrâncias. Utiliza ingredientes de altíssima qualidade, incluindo especialidades da perfumaria e óleos essenciais 100% naturais, comprados diretamente dos principais fornecedores globais. A Ginger tem sede em Monte Mor, região metropolitana de Campinas, a 120 km de São Paulo, e filial no sul do país.

 

Como identificar a depressão em diferentes fases da vida

A depressão é uma doença grave que afeta hoje grande parte da população. A palavra tem sido usada para tudo, o que banaliza e atrapalha o diagnóstico de quem realmente tem a doença. Ela pode se manifestar em diferentes fases da vida, cada uma delas com as suas peculiaridades.

Quanto antes perceber os sintomas, mais fácil  de tratar e de melhorar a qualidade de vida da pessoa doente. Confira neste infográfico, preparado pela Clínica Sadeb, os sintomas e dicas de como identificar a depressão nas diferentes fases da vida:

Como-identificar-a-depressao-em-diferentes-fases-da-vidaComo-identificar-a-depressao-em-diferentes-fases-da-vida2Como-identificar-a-depressao-em-diferentes-fases-da-vida3Como-identificar-a-depressao-em-diferentes-fases-da-vida 4)