Arquivo da tag: Itália

Dia dos Pais com vinícolas familiares

Para celebrar uma das datas mais importantes do ano, a Gran Cru selecionou vinhos feitos por vinícolas familiares – aquelas que passam de geração para geração a arte de fazer bons rótulos. Tudo com promoção de 50% de desconto na compra da segunda unidade

Vai até dia 11 de agosto a ação mais que especial da Grand Cru em comemoração ao Dia dos Pais. Na campanha, a importadora prestigia as vinícolas familiares que compõem o portfólio da empresa, líder na América Latina. “Escolhemos algumas de nossas vinícolas e seus rótulos para homenagear produtores que têm em seu DNA toda a história e herança que passa de uma geração para outra, sobre a arte em fazer vinhos e o amor pela terra e pelas uvas”, diz a gerente de marketing da Grand Cru, Maria Fernanda Trentini.

Para presentear os pais, a Grand Cru lança a irresistível campanha “compre uma garrafa, ganhe 50% na segunda garrafa”. A ação engloba rótulos produzidos por empresas familiares em vários países, bem avaliados, pontuados e reconhecidos com prêmios mundo afora.

Conheça um pouco sobre algumas vinícolas participantes dessa incrível ação e a tabela dos vinhos. Rótulos certificados, produtos com denominação de origem e com todo o respeito e cuidado na produção. Tudo pensado para ser um presente genuíno, artesanal e que carrega história. Pois, não basta dar um presente. Tem que presentear com história.

Vinícola Allegrini

alegrini

Localizada na região do Veneto, mais precisamente em Valpolicella, a família Allegrini tem desempenhado o papel de protagonista viticultora na região desde o século XVI. No local também se encontra a vinícola Corte Giara, lançada em 1989 pela família. Em seguida, na Toscana estão as outras duas propriedades, Poggio al Tesoro em Bolgheri e San Paolo, na região de Montalcino.

Vinícola Zuccardi

vinedos_santarosa

Jovem e competente, Sebastian Zuccardi conhece tudo sobre os negócios da família através de seu pai, o carismático Pepe Zuccardi. mSebastian, que é enólogo, assina todos os bem sucedidos projetos da vinícola de sua família. Tanto que recebeu o título de Melhor Enólogo pelo Guia Descorchados 2019. E, para completar, comemora a pontuação de um de seus vinhos, o Zuccardi Finca Piedra Infinita 2016, que levou 100 pontos do crítico americano Robert Parker.

A vinícola é uma das mais importantes da Argentina, com a qualidade dos vinhos largamente reconhecida, tanto que pelo segundo ano consecutivo venceu como a melhor vinícola – World’s Best Vineyard 2019 – e em 2020 conseguiu os selos de “A melhor vinícola da América do Sul” e “A melhor vinícola do mundo”. Representada exclusivamente pela Grand Cru, Zuccardi foi fundada em 1963 e reúne três gerações em torno da paixão pelo vinho. Desde sempre se distingue pela inovação e pesquisa que influenciaram e continuam a influenciar a viticultura argentina.

Informações: Grand Cru

Com maior concentração de resveratrol do mercado, sérum Ada Tina combate rugas

Combinando dois tipos de resveratrol, além de ácido hialurônico e Difendiox, Resveratrol Active 10, da Ada Tina Italy, rejuvenesce, uniformiza e regenera a pele, devolvendo vitalidade, melhorando a firmeza e diminuindo a aparência de manchas, rugas e linhas de expressão

Ao longo dos anos nossa pele sofre com uma série de danos que favorecem o envelhecimento e o surgimento de rugas, linhas de expressão, manchas e flacidez. Para combater esse problema, o ideal é investir em um cosmético capaz de prevenir e tratar com eficiência essas alterações, como o Resveratrol Active 10, da marca italiana de dermocosméticos Ada Tina Italy.

Resveratrol-saiba-mais-para-que-serve-os-beneficios-desde-antioxidante-para-pele_v3

“O Resveratrol Active 10 é um sérum que conta com a maior concentração de resveratrol total do mercado para rejuvenescer e restaurar a pele, melhorando a firmeza e a elasticidade, tornando a pele mais clara e uniforme e combatendo rugas, manchas e linhas de expressão,”, explica o farmacêutico Maurizio Pupo, diretor de Pesquisa e Desenvolvimento da Ada Tina Italy.

De acordo com o especialista, o produto traz todo o poder do resveratrol graças à combinação entre o resveratrol puro e o resveratrol estabilizado, conferindo assim potente ação antioxidante, antienvelhecimento e clareadora, além de prolongar a vida das células e tornar a pele mais resistente às agressões diárias.

“Além do resveratrol, o sérum também traz em sua composição ácido hialurônico de baixo peso molecular e Difendiox, ingrediente antioxidante exclusivo da Ada Tina Italy obtido a partir das folhas das olivas. Enquanto o primeiro promove o estímulo de colágeno e da produção natural de ácido hialurônico, aumentando a firmeza da pele e reduzindo rugas e linhas de expressão, o segundo é capaz de impedir o surgimento de manchas, rugas, linhas de expressão e flacidez”, explica o diretor de Pesquisa e Desenvolvimento da Ada Tina Italy.

Graças a sua poderosa combinação de ativos, o Resveratrol Active 10 ainda é um potente regenerador do tecido cutâneo, devolvendo vitalidade e juventude à pele. Em testes de eficácia, o produto mostrou, após 28 dias de uso, ser capaz de tornar a pele 92% mais saudável, 88% mais resistente às agressões diárias, 84% mais firme e elástica e 88% mais uniforme, além de apresentar redução de 80% das rugas e linhas de expressão.

Com textura fluida, não oleosa e de rápida absorção, podendo então ser usado por todos os tipos de pele, inclusive as oleosas, o Resveratrol Active 10 é livre de parabenos e ingredientes de origem animal, além de também não ser testado em animais.

380831_940761_resveratrol_active_10

“Dermatologicamente testado, o produto deve ser aplicado sobre a pele da face e do pescoço previamente limpa e seca. O Resveratrol Active 10 pode ser utilizado diariamente de manhã e à noite, mas seu uso no período diurno deve ser seguido pela aplicação de um fotoprotetor capaz de oferecer proteção contra a radiação solar por 12h, como os produtos da Ada Tina Italy”, finaliza Pupo.

Informações: Ada Tina Italy  / SAC: 0800-7742404 / Whatsapp: (19) 98111-0105

MMV Importadora lança no Brasil vinho orgânico com personalidade marcante

Edição será limitada e contará com apenas mil garrafas, sendo estas dos tipos rosé e branco

Atuando há mais de 20 anos no mercado nacional, a MMV Importadora traz para o país uma nova linha de vinhos orgânicos cheios de personalidade e ideais para o verão. São os vinhos da vinícola italiana Inserrata, característicos por sua refrescância, aroma e paladar frutado, além de contarem com garrafa e rótulo cheios de originalidade.

Oriundos de uma pequena vinícola localizada no vilarejo de San Miniato, na Toscana, Itália, os vinhos Inserrata são produzidos sem o uso de defensivos químicos ou qualquer fertilizante sintético.

“Estão chegando quatro rótulos de vinhos Inserrata, dois brancos e dois rosés. São vinhos orgânicos que casam perfeitamente com o verão, pois são consumidos gelados e são extremamente refrescantes”, afirma Jonas Martins, sommelier da MMV.

vinho inserrata 2

Na categoria de vinhos rosé, o Inserrata chega em duas versões. O primeiro é o Inserrata Inebriante, produzido com a uva Sangiovese e que possui um delicado aroma de pêssego e frutas brancas. Fresco e elegante, é leve ao paladar e finaliza com tons de frutas frescas.

vinho inserrata

O segundo é o Inserrata Indaco, que traz um corte de uvas, sendo 70% Merlot e 30% Sangiovese. Com intenso aroma de morango e lichia, este vinho é muito aromático e completo ao paladar, com finalização intensa e vibrante.

vinho inserrata 3

A MMV passa a oferecer ainda em seu portfólio dois vinhos brancos da mesma vinícola. Intenso e envolvente, o Inserrata Intrigo é um Chardonnay puro e tem um rico buquê de aromas frescos e frutados, como framboesa, frutas tropicais e gengibre. É elegante e completo, com uma finalização longa e aromática.

inserrata inusuale

Por fim, o Inserrata Inusuale, também feito de uvas Sangiovese, é de delicado aroma cítrico, leve e genuíno ao paladar, com finalização vívida e abrangente – este último uma curiosidade, já que é muito raro a produção de vinhos brancos com esta casta.

“Os vinhos orgânicos estão ganhando espaço no Brasil. Com o aumento de consumo desse tipo de produtos, os vinhos Inserrata ganham destaque nesse cenário e oferecem uma excelente oportunidade para o consumidor de vinho brasileiro saborear bebidas de extrema qualidade. Somado a isso, a Inserrata é uma vinícola muito pequena, familiar, o que torna estes produtos ainda mais exclusivos”, diz Jonas Martins.

Vale ressaltar que os vinhos Inserrata terão edição limitada, e estarão presentes em clientes selecionados. Serão oferecidas ao mercado brasileiro cerca de 1.000 unidades, com preços que variam entre R$ 250,00 e R$ 350,00.

Informações: MMV 

Saiba um pouco mais sobre o queijo grana padano

É um dos alimentos italianos mais apreciados e conhecidos na Itália e no exterior. O Grana Padano é um queijo com um sabor delicado e perfumado que, como o nome indica claramente, é produzido em grandes áreas do vale do Pó, incluindo 27 províncias que variam de Cuneo a Veneza, de Trento a Forlì.

Entre os queijos italianos Dop, a grana padano é a que possui maior produção. Existem dois tipos: “maggengo” produzido com leite da primavera e do verão e “vernengo” feito com leite do outono e do inverno.

Características

É um queijo duro semigordo produzido com leite de vaca a partir de duas ordenhas diárias. A forma vem com uma crosta dourada, oleada e grossa – pesa entre 24 e 40 kg.

A seleção do queijo Grana Padano exige que as formas sejam batidas com um martelo e uma agulha especial para verificar sua consistência e aroma. Somente aqueles que atendem aos padrões legais são marcados com a marca original do trevoque, que sinaliza a província e os laticínios, ambos com uma marca de qualidade em forma de diamante que atesta as características típicas e uma formulação repetida em toda a crosta de queijo.

grana padano italia.it
Foto: Italia.it

Processamento

O leite de vaca é aquecido, calorias e coalho são adicionados após atingir 31ºC-33°C. Em seguida, a coalhada é quebrada, purgada e cozida a 53ºC-55°C.

Quando a massa fica azeda e elástica é dividida em duas formas de salga, que ocorre imergindo as formas de salmoura saturada de sal por 25 a 30 dias, posteriormente os formulários entram em tempero por um período que varia de 12 a 14 meses ou mais.

História

O termo “grana” nasceu originalmente para indicar o queijo caracterizado pela estrutura granular da massa produzida no vale do Pó desde o século XI. A propagação progressiva deste queijo levou ao surgimento de diferentes variedades de Grana (Grana Lodigiano, Emiliano, Lombardo, Veneto etc.).

Nos anos 1950, as denominações de origem dos queijos foram estabelecidas e o reconhecimento da denominação de origem “grana padano” foi solicitado, desde então todas as variedades de grãos foram unificadas no termo “padano”.

À mesa

grana padano 2 italia ir
Foto: Italia.it

Grana padano é usado principalmente ralado ou em flocos. Seu sabor não se sobrepõe a outros, portanto, é muito adequado para a preparação de recheios de carne, vegetais e omeletes, mas também é usado em flocos em aperitivos ou pratos principais de carne, como carpaccio e filé de carne.

Curiosidades

Nem todo mundo sabe que Grana Padano Trentino também existe . É um queijo semelhante ao Grana Padano, mas a especificação Trentino indica que é produzido na província de Trento usando leite de vacas que pastam nos vales alpinos circundantes. Possui sabor e aroma mais pronunciados.

Fonte: Agenzia Nazionale Turismo

Últimas trufas negras do ano no Supra di Mauro Maia

Chef Mauro Maia assina menu especial com itens que acabaram de chegar ao Supra para encerrar a temporada 2019 dessa iguaria italiana

As trufas negras “di Norcia”, importadas diretamente da região da Umbria (Itália), ganharam destaque no Supra di Mauro Maia ao longo do ano e chegam ao fim nesta última remessa de 2019. “Após estas, somente as brancas em Novembro”, afirma o chef Mauro Maia. E para fechar com maestria essa temporada, Mauro assina cardápio especial com criações e pratos clássicos, em harmonia com o sabor inconfundível das trufas negras e sempre com massas produzidas artesanalmente no próprio Supra.

SUPRA di Mauro Maia_Carne Cruda allAlbese_ II

As entradas, todas finalizadas com trufa negra fresca fatiada na hora, são: Carne Cruda all’Albese, prato típico de Asti – semelhante ao steak tartare francês – é elaborado com filé mignon, picado na ponta da faca e temperado com azeite extravirgem de oliva, sal, pimenta do reino, alcachofra, alcaparra e cebola picadas, um levíssimo toque de alho, pasta de trufas e suco de limão siciliano (R$ 128).

Há também Uova Fritte su Purea di Patate al Tartufo Nero e Porcini Freschi (R$ 118) que traz ovos fritos servidos sobre cremoso purê de batatas aromatizado com azeite extravirgem tartufado e pasta de trufas, guarnecido por cogumelos Porcini frescos. Polenta con Uova al Profumo di Tartufo Nero, cremosa polenta amarela recheada com gema de ovo caipira quente e pasta de trufas (R$ 105).

Trufas Negras_Supra di Mauro Maia

E o famoso Uovo nel Tortello al Profumo di Tartufo Nero do Supra, um dos mais pedidos na casa, um grande ravióli recheado com ricota, espinafre e uma gema de ovo quente aromatizada com pasta de trufas, servido ao molho de manteiga trufada. Ele pode ser pedido como entrada (R$ 105) ou prato principal (R$ 165).

Tortelli di Anatra ai Funghi Porcini e Tartufo Nero Freschi

Já entre os pratos principais, todos também finalizados com trufas fatiadas na hora, estão: um dos destaques desse menu exclusivo, o Tortelli di Anatra ai Funghi Porcini e Tartufo Nero Freschi (R$ 175) composto por massa recheada com carne de coxa de pato, cozida lentamente em sua própria gordura, servida com molho de “funghis porcinis” frescos salteados na manteiga e pasta pura de trufas.

O carro chefe do Supra, aqui na versão tartufado, Agnolotti dal Plin alla Monferrina con Tartufo Nero, feito com exclusiva massa Piemontesa recheada com carnes, verduras e ervas ao molho de manteiga tartufada (R$ 155). O Gnocchi alla Norcina ai Funghi Porcini Freschi (R$ 175) traz o clássico Nhoques de batata aromatizado com trufas ao molho de linguiça toscana, vinho branco, um toque de alho e de creme de leite, finalizado com pasta de trufas e cogumelos porcini frescos italianos.

Especialidade do chef Mauro Maia, Risotto con Porcini Freschi e Pecorino al Tartufo o risoto que, neste festival, é elaborado com cogumelos Porcini italianos frescos e queijo pecorino (R$ 175). Já os Tajarin Ricchi al Tartufo Nero frescos e produzidos exclusivamente com farinha de “grano duro” e gemas de ovos caipira, temperado com manteiga fresca e pasta de trufas (R$ 150).

Supra Di Mauro últimas trufas negras

Dentre as combinações irresistíveis, Filetto di Manzo alla Rossini con Gnocchi Tartufati (R$ 215) é produzido com filé mignon ao molho de fundo de vitelo, vinho marsala, pasta de trufas negras e manteiga, finalizado com um escalope grelhado de foie gras, acompanhado de nhoques de batata trufados. E, finalizando a seleção, Anatra nel Pignato al Porto con Prataiolo e Gombo al Tartufo Nero (R$ 170) é pato confit ao molho de vinho do Porto, pasta de trufas negras, cogumelo prataiolo e quiabos marinados e grelhados.

Supra di Mauro Maia: Rua Leopoldo Couto de Magalhães Jr., 681, Itaim Bibi. Horário de funcionamento do restaurante: segunda a quinta,das 12h às 15h e 19h30 às 23h. Sexta,das 12h às 15h e 19h30 às 23h30. Sábado, das 12h30 às 16h30 e 19h30 às 23h30.
Domingo e feriados das 12h30 às 16h30.

Rotisseria e Loja: diariamente, exceto aos domingos e feriados, das 11h às 23h.

SP Lovers Coffee & Wine apresenta vinhos italianos em noite de degustação

Amanhã, 1º de agosto, das 20h às 22h, a SP Lovers Coffee & Wine abre suas portas para mais um evento de experiência enológica. Desta vez serão os sabores únicos da Itália que serão apresentados ao público, num evento exclusivo. Na ocasião, um sommelier falará sobre cada tipo de vinho, uvas, região produtora, pratos que harmonizam, oferecendo uma degustação de quatro rótulos. São eles:

Vinhos-Italianos

Chianti DOCG 2016: este vinho saboroso ficou entre os Top 100 Wine Entusiast 2018 – Best Buy e é a escolha perfeita para acompanhar diversas refeições como carnes, queijos, massas, pizza margherita ou cogumelos, aves assadas, risotos e aperitivos.
Memoro Rosso: Um tinto que combina uvas de quatro regiões da Itália – Primitivo, Montepulciano de Abruzzo, Sicília e Veneto. Vai bem com carne vermelha e de caça, pizzas como calabresa ou pepperoni.
Orvieto Classico DOC 2017: com o mesmo estilo cativante e fácil de gostar dos vinhos de Piccini, este Orvieto é um branco seco e leve e aromático. Uma ótima escolha para iniciar para acompanhar aperitivos como antepastos, massas como spaghetti ao vongole e mariscos.
Rosso Toscana Orange Label 2015: este saboroso e cativante tinto de Piccini combina notas de frutas silvestres maduras com uma refrescante acidez. Bastante versátil, combina muito bem com uma grande diversidade de pratos, incluindo massa, pizza e carnes.

A degustação dos vinhos italianos tem valor de R$ 60,00, sendo R$ 40,00 revertidos em compras na Adega do SP Lovers Coffee & Wine, que tem 500 rótulos nacionais e de vários países. Além da experiência, a casa possui em seu menu comidinhas como tortas, quiches e saladas, antepastos e tábua de frios, além de doces como bolos e banoffee, que estão entre as pedidas.

coffee lovers fachada.jpg

Degustação de Vinhos Italianos
Local: SP Lovers Coffee & Wine
Endereço: Rua Oscar Freire, 1921 – Pinheiros – São Paulo (SP)
Quando: 1º de agosto, quinta-feira
Horário: das 20h às 22h
Valor: R$ 60,00, sendo R$ 40,00 revertidos em compras na adega

Dolce Garden de Dolce&Gabbana: a primavera siciliana engarrafada

Dolce&Gabbana é famosa por suas criações sempre muito elegantes, mas também muito inspiradas pelo seu país de origem: a Itália. Assim, a coleção de perfumes Dolce, iniciada em 2014, nos dá desde o lançamento uma imagem muito siciliana. Este opulento buquê floral foi seguido por uma versão mais fresca, em 2015, chamada Dolce Floral Drops.

Um ano depois, Dolce Rosa Excelsa apresentou o aroma de uma rosa pura e graciosa. Dolce&Gabbana decidiu oferecer-nos uma nova fragrância perfumada em 2018 e que chega agora no Brasil. Prepare-se para conhecer o novo Dolce Garden.

Tal como os seus predecessores, o perfume Dolce Garden nos oferece uma viagem sensorial no coração da identidade de Dolce&Gabbana e, mais precisamente, nas profundezas da Sicília.

Para o criador da marca, Domenico Dolce, Dolce Garden contém “a nobreza da alma, a elegância dos gestos diários, a alegria de compartilhar de geração em geração, mas também a perfeição óbvia de uma simples flor branca. Tal é a imagem da Sicília que eu carrego no meu coração. É a imagem que expus a este perfume delicado. Dolce Garden é um suco floral e gourmet, radiante de prazer e oferece às mulheres uma nova experiência divertida e cheia de alegria de vida”.

Dolce Garden, uma fragrância floral sinônimo de prazer

Dolce Garden é inspirado diretamente por um jardim siciliano de flores. Assim, evoca o sol do Mediterrâneo e abre com uma associação floral, solar e frutada de tangerina, magnólia e neroli. Este voo floral continua em outro lugar em seu coração, mas desta vez é carregado com o exotismo. É um pouco como se o sol estivesse no zênite. Frangipani é associado com ylang-ylang e coco. é precisamente esse fruto que dá a esse suco toda a sua gulosice.

Este efeito é ainda amplificado pela presença de uma baunilha doce na base do perfume. O leite de amêndoa envolve tudo com uma cremosidade sem meia medida. As notas de saída de Dolce Garden são elaboradas por uma aliança arborizada mais profunda e misteriosa.

O frasco icônico de Dolce&Gabbana é tingida de rosa

Como sempre, o Dolce Garden é apresentado no frasco icônico coleção Dolce de Dolce&Gabbana. Seu vidro grosso e transparente diz muito sobre o seu refinamento. Suas linhas ligeiramente curvas estão de acordo com a generosidade feminina. Dolce Garden oferece uma silhueta um pouco retro, mas também contemporânea. A pureza do vidro revela a beleza de um néctar rosa.

Assim, o Dolce Garden, sem dúvida, aparece como uma das fragrâncias mais femininas de toda a coleção. A parte superior do frasco em forma de flor, homenageia as tradições sicilianas e, mais precisamente as esculturas tradicionais da ilha feitas em pasta de amêndoas pelos chefes de pastelaria. Finalmente, uma elegante fita preta está amarrada em torno de sua gola, à maneira das gravatas que já eram a assinatura dos primeiros desfiles Dolce&Gabbana.

dolce garden

Sugestão de preços: 30ml – R$ 429,00 / 50ml – R$ 563,00

Feira Buona Cucina valoriza cultura gastronômica italiana em São Paulo

O evento será realizado nos dias 8 e 9 de dezembro, sábado e domingo, e contará com pequenos produtores artesanais influenciados pela cultura gastronômica italiana, praça de alimentação e produtos importados e com entrada franca

O Istituto Italiano di Cultura di San Paolo e Grupo FSN têm o prazer de convidar para a segunda edição da Feira Buona Cucina, nos dias 08 e 09 de dezembro, na sede do Istituto – um charmoso casarão de 1922, localizado em Higienópolis.

Após o êxito da primeira edição, serão reunidos, novamente, cerca de 50 expositores, entre eles produtores gastronômicos brasileiros influenciados pela cultura italiana, alimentos e bebidas importados da Itália e restaurantes de tradição italiana da cidade que servirão suas consagradas receitas para nossos visitantes

A ideia é promover ainda mais a Cultura Gastronômica Italiana, por meio de suas tradições de produção artesanal transplantadas ao Brasil. A feira associa a imagem da Itália às tradições da alimentação genuína e sustentável, e se inspira nas excelências italianas como o movimento slow food e a agricultura orgânica.

O objetivo do evento é mostrar a influência da autêntica gastronomia italiana na produção artesanal nacional, histórias por trás das receitas, a tradição e a troca de conhecimentos.

A Buona Cucina marca presença no calendário dos principais eventos gastronômicos da cidade e faz a ponte cultural de sabores, trazendo um pouco mais desta rica cultura.

O evento tem entrada gratuita e contará com a presença dos seguintes expositores

=Abra a Boca e Feche os Olhos: biscoitos com receitas tradicionais vindas da Toscana
=Aguzzo Trattoria: massas, molhos e sobremesas com receitas típicas italianas prontas pra serem preparadas em casa
=A. Mar: projeto de pesca artesanal e valorização de comunidades pesqueiras, resgata técnicas milenares dos antigos romanos
=Cannoleria Brasil: cannoli com receita tradicional italiana
=Azeite Borrielo: azeite extravirgem e extra fresco feitos em Minas Gerais seguindo a tradição italiana de família
=A Italianinha: padaria fundada em 1896 no Bixiga e que faz histórias com seus pães de linguiça, doces e antepastos
=Casa Bonometti: biscoitos finos, pães e focacce
=Café Campo Místico: café arábico de montanha produzido no sul de MG
=Cancian Artesanal: embutidos que seguem as técnicas de preparo e receitas da família de imigrantes italianos que se instalaram na cidade de Tietê, interior de SP
=Cannelle Design: objetos criados pela paixão no design e por todo processo de criação, utilizam materiais naturais e construção artesanal nas suas criações
=Desenrolha: bike que servirá taças de vinhos italianos
=Deliciss: embutidos variados feitos em São Paulo, com toda a tradição italiana

do terra
=Do Terra: óleos essenciais naturais utilizados na gastronomia com aromas como o limão siciliano
=Estúdio Avelós: panos de pratos, jogos americanos, toalhas e cestarias com a cara da cozinha da mamma
=Empório Chiapetta: tradicional empório existente desde 1908 em São Paulo, hoje no Mercado Municipal, apresenta sua linha própria de produtos italianos
=Fazenda Atalaia: queijos fabricados em Amparo – SP, que seguem receitas italianas
Favo: alternativa ecológica aos plásticos de cozinha, reutilizável e 100% natural
=Feito a Pão: padaria artesanal especializada em pães de fermentação natural
Frentano: molhos de tomates e antepastos feitos artesanalmente
=Funghi Caruso: família italiana há mais de 100 anos no Brasil e que produz funghi utilizando técnicas sustentáveis em toda a sua cadeia de produção

giardino
=Giardino: empório localizado em Higienópolis que comercializa produtos italianos
=Jais Hand Made: conservas, geleias, manteigas temperadas, condimentos e defumados
=Il Cello Limoncello: o famoso licor de limão siciliano produzido aqui no Brasil, seguindo a receita dos bisavôs do italiano Giuliano
=Ivini Enoteca: vinhos das mais respeitadas vinícolas italianas, com carta selecionada para agradar os consumidores brasileiros
=La Bottega di Nino: molhos, antepastos e outras receitas feitas pelo calabrês Nino
=Le Botteghe di Leonardo: renomada gelateria fundada na Itália e conhecida por sua qualidade, tradição artesanal e ingredientes 100% naturais
=Laticínio Montezuma: queijos e derivados de leite de búfala produzidos seguindo tradição italiana
=Luisa Abram Chocolates: utilizam cacau selvagem da Amazônia na criação dos seus chocolates premiados internacionalmente
=Moscatel: doceria do Bixiga especializada em doces italianos como o tiramisu, panna cotta e palia italiana
=Negroni Ricetta 45: drinque com receita italiana produzido e engarrafado no Brasil
=Oficina Vovôio: brinquedos artesanais que trazem as memórias da infância, com releituras que fazem sucesso até hoje
=Pardinho Artesanal: queijos elaborados com leite cru e premiados internacionalmente
=Riccio Cucina: grissini e pães especiais
=Rima Queijos: produção artesanal de queijos de ovelhas feitos em Porto Feliz – SP
=Salud Chopp Bike: bike de chopp artesanal
=Sonheria Dulca: doceria fundada em São Paulo em 1951, de origem na cidade de Torino, e especializada em doces, bolos, tortas e panetones
=Tartuferia San Paolo: produtos à base de trufas feitos aqui em São Paulo
Troppo Artesanal: geleias, relishes, antepastos e molhos com receitas especiais

Restaurantes:

restaurantes

=Basilicata: aberta em 1914 no Bixiga como padaria, se transformou em um grande empório e restaurante comandado pelo chef Rafael Lorenti
=Da Moóca Pizza Shop: pizzas com receitas italianas e que despertam lembranças afetivas assinadas pelo chef Felipe Zanuto
=Friccò & Sauro D’Itália: restaurante aberto em 1997, do chef italiano Sauro, vai servir o famoso sanduíche de porchetta e focacce
=Spadaccino: restaurante aberto 1998 pelos irmãos Paula e Roberto Lazzarini em São Paulo, vai servir seu famoso arancini e massa com receita tradicional de Bologna
=Jardim de Napoli: cantina tradicional aberta na capital em 1949 pelo italiano Francesco Buonerba e que ficou famosa pelo seu polpettone
=Pescaria: o chef Pedro Pineda construiu sua formação na vivência da família e também no trabalho em restaurantes renomados na Itália. Na Buona Cucina vai servir misto com frutos do mar, risotto al polpo e panna cotta

Oficinas:

oficinas
Sábado – 8 de dezembro

Das 15h00 às 16h00 – Fusão Gastronômica Itália e Brasil
O uso de ingredientes tipicamente brasileiros em receitas clássicas italianas
Sid Dionello – chef e restaurateur
Público alvo: adultos

Domingo – 9 de dezembro

Das 14h00 às 16h00 – Massas e Cores
Oficina de produção de massas coloridas com pigmentos vegetais naturais
Oquecabeaqui?
Público alvo: crianças de 3 a 12 anos

*As oficinas serão gratuitas, com vagas limitadas e as inscrições serão feitas com os organizadores nos dias das atividades

buona cucina

Feira Buona Cucina
Datas: dias 8 e 9 de dezembro
Horário : das 10 às 16 horas
Local: Istituto Italiano di Cultura di San Paolo
Endereço: Av. Higienópolis, 436 – São Paulo
Entrada gratuita

 

La Pastina lança panetone recheado com creme de prosecco

Todos ficarão com água na boca neste fim de ano. A La Pastina traz da Itália seu panetone, este ano ainda mais recheado com creme de Prosecco DOCG. Um produto surpreendente e diferente de todos do mercado.

A receita, criada especialmente para a marca, tem como base as tradicionais fórmulas artesanais italianas, utilizando processos de fermentação longos e ingredientes naturais.

A cada novo preparo, um pedacinho do Lievito Madre, base para o fermento que se mantém vivo há muitos anos, é misturado à água e à farinha e descansa por dois dias, dando origem ao fermento natural que será utilizado na preparação. Além de todos os ingredientes especialmente selecionados, mistura-se unicamente manteiga. Para completar este produto único, o aroma utilizado na massa, chamado de Spumadoro, é uma receita especial que combina óleos cítricos e um blend de essências e açafrão. O resultado é um panetone 100% artesanal, com uma massa leve e macia.

O toque final e especial é o Prosecco DOCG, a matéria-prima do creme que recheia o panetone, finalizando com excelência este produto com sabor inigualável e inesquecível.

Um panetone delicioso e especial, assim como são as festas de fim de ano. Em uma linda caixa, o Panettone de Prosecco da La Pastina é uma ótima opção para presentear. O produto está disponível nas principais lojas do Pão de Açúcar, no Eataly, Santa Luzia, Varanda, nas lojas da World Wine, empórios, delicatessens e varejos especializados em todo Brasil.

Panettone LP (6)

Preço médio: R$ 150,00 (900 gramas).

Informações: La Pastina –  SAC: 0800-7218881

Seis deliciosos destinos mundiais para comemorar o Dia Mundial do Macarrão

Clássicos pratos de macarrão têm feito parte do almoço e do jantar há muitos anos e, agora, este adorado alimento tem sua própria data, o Dia Mundial do Macarrão, comemorado amanhã, 25 de outubro. Atualmente, 71% dos viajantes brasileiros afirmam escolher um destino por sua ótima gastronomia, enquanto 40% planejam viajar para um destino apenas pela comida.

Então, por que não escolher um destino culinário como sua próxima aventura? A Booking.com, líder mundial em conectar os viajantes com opções incríveis de lugares para ficar, mergulhou em seus mais de 29 milhões de anúncios em mais de 141.000 destinos espalhados pelo mundo para apresentar 6 deliciosos, e às vezes surpreendentes, destinos onde os viajantes podem apreciar os pratos mais gostosos de macarrão.

Pequim, China

Miso Nikomi Udon - Nagoya, Japan

Uma crença comum é que o formato original do macarrão, o spaghetti, é originário da China, descendente dos noodles asiáticos e tenha sido levado para a Itália durante o século XIII. A maioria dos noodles hoje são produzidos à mão e podem ser encontrados em todas as barraquinhas de comida de rua e restaurantes na China. Um dos mais famosos mercados de rua é o Wangfujing Snack Street em Pequim, repleto de noodles, arroz, rolinhos primavera e outros pequenos pratos.

pequim the peninsula beijin

Onde se hospedar: o The Peninsula Beijing está a uma curta caminhada do Wangfujing Snack Street, além de oferecer diversas opções de cafés e restaurantes premiados no próprio hotel para uma melhor experiência de viagem gastronômica. Os hóspedes também podem aproveitar o spa, a piscina e o centro de bem-estar no hotel, ou se aventurar para conhecer alguns dos pontos turísticos locais, como o Templo do Céu e a Cidade Proibida.

Sicília, Itália

massa italiana

Não há nada melhor do que degustar macarrão em um dos destinos onde ele surgiu e com o qual ele é mais associado, a Itália. Seria difícil encontrar um restaurante na Sicília que não sirva o prato, já que a massa é um alimento básico da dieta siciliana. A Sicília também é bem conhecida por seus mercados gastronômicos. O Piazza Caracciolo em Palermo é o lugar perfeito para fazer seu próprio estoque de macarrão, hortifruti, vinhos e até mesmo artesanato local.

cosmopolitan palermo

Onde se hospedar: o Cosmopolitan B&B em Palermo é a hospedagem perfeita para um viajante fã de culinária. Localizado perto do mercado gastronômico Piazza Caracciolo, a propriedade também está a uma curta caminhada da feira local, o Mercato della Vucciria. Além da comida deliciosa bem à sua porta, os hóspedes também podem apreciar um delicioso e farto café da manhã, além de bolos caseiros.

Melbourne, Austrália

Cappelletti with Tomato Sauce

O italiano é um dos idiomas mais falados na Austrália (depois do inglês) e a influência italiana pode ser sentida em quase todas as maiores cidades da Austrália, mas não tanto quanto em Melbourne. A Lygon Street é conhecida como a Pequena Itália em Melbourne e famosa por suas massas. Esta região é lar de alguns dos melhores restaurantes, cafés e mercearias italianas, além de realizar anualmente a Lygon Street Festa, que comemora a influência e culinária italiana em Melbourne.

tyrian melbourne

Onde se hospedar: localizado a pouco mais de 1 km da Lygon Street, o Tyrian Serviced Apartments Fitzroy oferece apartamentos confortáveis independentes com uma cozinha totalmente equipada e um lounge. Os apartamentos estão pertíssimo de uma fantástica seleção de cafés e restaurantes. Também há diversas galerias de arte locais, os Jardins de Carlton e áreas de compras na região, ou seja, há sempre algo para fazer.

São Paulo, Brasil

massa fazendo sp

O Brasil possui o maior grupo de pessoas com descendência italiana fora da Itália e o impacto que essa comunidade teve na culinária de São Paulo vai desde os pratos básicos tradicionais italianos até fusões ítalo-brasileiras.

residencial be paulista

Onde se hospedar: a Bela Vista é um dos bairros italianos mais antigos de São Paulo e recomenda-se que os fãs de gastronomia se hospedem no Residencial Be Paulista. Estes apartamentos possuem uma academia e piscina ao ar livre, além de ficarem a uma curta caminhada das delícias dos restaurantes locais.

Nova York, EUA

carbonara massa pixabay

Os imigrantes italianos levaram os sabores exclusivos de sua terra natal para lugares fora da Itália, e quando falamos de comida ítalo-americana, Nova York é provavelmente o primeiro lugar que vem à cabeça. A Little Italy é um bairro agitado em Lower Manhattan, repleto de restaurantes italianos, onde os viajantes podem saborear autênticos pratos de macarrão.

noble den ny

Onde se hospedar: localizado na região de Little Italy, o NobleDEN Hotel oferece um refúgio completo. Os apartamentos estão a uma curta caminhada de bares e restaurantes premiados.

Manila, Filipinas

Pasta and chicken on the table

Assim como no Brasil, as comunidades italianas nas Filipinas adicionaram uma mistura italiana à culinária nacional. Recomenda-se que os fãs de gastronomia que buscam ter uma nova visão dos sabores antigos visitem qualquer restaurante italiano e peçam macarrão assado.

manila hotel

Onde se hospedar: o Manila Hotel é um belo hotel 5 estrelas localizado em Manila, a uma curta caminhada do icônico Intramuros da impressionante Catedral de Manila. O restaurante Mabuhay Palace serve autênticos pratos cantoneses, enquanto a mercearia do hotel oferece lanches e bebidas leves durante o dia.

Fonte: Booking.com