Arquivo da tag: jose cuervo

Cinco drinques em jarra à moda das Gilmore Girls

Fáceis na hora de preparar e práticos ao servir, conheça aqui 5 drinks em jarra para turbinar o seu “help hour” às sextas-feiras

Quem é fã da série”Gilmore Girls”, disponível na Netflix , certamente sentiu água na boca ao ver os jantares que Richard e Emily Gilmore ofereciam à filha e neta, Lorelay Gilmore e Rory Gilmore, todas as sexta-feiras. Antes do jantar, eram servidos drinques elegantes no salão da luxuosa mansão dos Gilmore, mas o que dava mais vontade de provar era a jarra de martini que Emily Gilmore preparava, e que azeitava para o bem ou para o mal, o tom das conversas e intrigas o resto da noite.

Drinques em jarra são fáceis de preparar, práticos na hora de servir e deliciosos na hora de beber. Com o clima quente do momento são perfeitos para testar em casa no fim de semana durante o “help” hour, ao final do dia. Confira aqui cinco versões fáceis de preparar, escolha uma bela jarra para encher bons copos, e se possível, assista “Gilmore Girls”, uma série despretensiosa e divertida, em que a gente se vê o tempo todo com vontade de comer guloseimas, tomar café ou preparar drinques vistosos.

Para aproveitar as tardes ensolaradas que o verão oferece o Restaurante Bacalhau & Vinho, com unidades na Barra Funda e no Itaim, desenvolveu uma sangria de vinho verde, perfeita para aplacar o calor em companhia de saborosos quitutes portugueses servidos por lá. Elaborado com limão siciliano, melão, cravos e um bom vinho verde português, o drinque harmoniza perfeitamente com bolinhos de bacalhau, camarões à paulista e com as famosas porções de iscas de bacalhau da casa. @bacalhauevinhocia

No resort Enjoy Punta del Este, não há quem resista às coloridas jarras de Clericot, a bebida musa do verão no charmoso balneário uruguaio, servida no restaurante Las Brisas. O drink lembra a sangria, mas é preparado com vinho branco. Basta colocar em uma jarra o conteúdo de uma garrafa de 750 ml de vinho branco Chardonnay, juntar 2 doses de vermuth branco, 5 uvas, 1 banana, uma maçã, uma pera, um kiwi, um abacaxi e 5 morangos, todos cortados em pedaços pequenos, 4 a 5 colheres de açúcar e gelo em cubos. @enjoypuntadeleste

Outra bebida típica uruguaia, que você pode provar em jarra quando as fronteiras reabrirem é o Medio Y Medio, preparado com medidas idênticas de vinho branco e espumante. O interessante da mistura é que você atenua o efeito gasoso do espumante com a untuosidade e maciez de um belo vinho branco, resultando em um drink delicioso para o fim de tarde. Corra atrás de um bom Chardonnay ou Sauvignon blanc e de um espumante bacana, e teste em casa. Quando der, conheça o Guappa @guappa_pde, um charmoso bar/restaurante, com vista para o bucólico Porto de Punta del Este, conhecido pelo por do sol incrível que oferece. E compre o Medio Y Medio pronto na seção de bebidas do famoso mercado Tienda Inglesa, outra atração da cidade.

iStock

Para entrar no clima dos Gilmore da série Gilmore Girls, prepare seus elegantes Martinis em jarra com partes iguais de gim, vermute e água. Reserve por alguns dias na geladeira, para ganhar sabor. Incremente à hora de servir, com azeitonas verdes ou limão, para que cada um finalize a bebida com o que mais gostar. E para viver o clima perfeito, assim que der e as viagens internacionais voltarem à normalidade, não deixe de conhecer o The Loyal, brasserie charmosa em Nova York, local perfeito para provar este emblemático coquetel, que é servido em uma pequena jarra, e chega escoltado por um exército de azeitonas, picles, cebolinha para coquetel, queijos e frios.

iStock

Por fim, caem sempre bem ao final da tarde as alegres e festivas Margaritas, principalmente se usarmos uma bela e boa tequila como ingrediente. Saiba que para fazer um jarro, digamos com 4 a 5 doses, você deve utilizar a mesma porção da receita de um copo e multiplicá-la para o número de drinks que quer preparar. Em geral, para um copo, são usados 60 ml de Tequila, 30 ml de limão, e 30 ml de Triple Sec (licor de laranja). Basta juntar todos os ingredientes com bastante gelo na jarra, agitar bem e servir. @1800tequilabrasil @josecuervobr

Conheça fatos curiosos sobre a margarita

Sem dúvida, a tequila é a legítima bebida mexicana, o drinque mais icônico do país não poderia ser outro se não a margarita, a clássica combinação do destilado com licor de laranja e um pouco de suco de limão, sem esquecer a inconfundível crosta de sal na borda da taça.

Considerada a primeira bebida alcoólica comercializada na América do Norte, a tequila, e o drinque mais emblemático feito com ela, ganharam o mundo, chegando a originar um dia para comemorá-lo – 22 de fevereiro. Ou seja, na última segunda-feira, comemoramos o Dia Internacional da Margarita.

Para comemorar a data, conheça cinco fatos curiosos sobre um dos mais célebres drinques de todos os tempos!

1) Jose Cuervo traduz o que é a tequila. A marca criou o destilado em 1795, um feito de Don Jose Antonio de Cuervo, que há mais de 200 anos adquiriu do Rei da Espanha terras enriquecidas pela lava do vulcão de Tequila, localizadas no estado de Jalisco, no México. Seu intuito era cultivar a sagrada planta indígena – o Agave Azul – naquelas terras ricas em minerais vulcânicos e criar uma bebida única no mundo: a Tequila Cuervo. Até hoje, na mesma destilaria, a 10ª geração da família Cuervo continua produzindo sua surpreendente família de Tequilas.

Getty Images

2) Começamos pelo destilado, pois a margarita não tem uma certidão de nascimento precisa. Existem diferentes versões sobre onde, como e quando o drinque foi criado. Por isso não é possível creditar a invenção da margarita a uma pessoa específica em uma data exata – apesar de a maioria das histórias apontarem o nascimento do coquetel nos anos 1940.

3) Uma delas chama atenção por envolver a grande diva de Hollywood, Rita Hayworth. Essa lenda alega que o bartender Danny Negrete é o criador do drinque, inspirado na jovem dançarina mexicana – sim, mexicana! – que arrebataria corações alguns anos mais tarde. Mas seja uma socialite americana ou um barman apaixonado, entre outras versões, em todas as prováveis histórias a bebida nasce de uma amálgama de momentos e inspirações com os ingredientes certos.

4) A tradução do nome margarita do espanhol para o inglês é daisy. Sendo assim, encontrar o momento exato de criação da bebida pode ser complicado (como acontece com a maioria dos coquetéis), mas podemos facilmente enquadrá-la na categoria de coquetéis com delicadeza floral – uma combinação de destilado, ácido (limão) e doce (neste caso, licor de laranja) que remonta a um estilo de coquetel da era vitoriana.

5) Para comemorar a data em grande estilo e com praticidade, aposte na Margarita Mix, uma combinação de sabores que contém uma mistura de suco de limão com outros ingredientes necessários para o preparo da Margarita ideal. Não tem erro, é só combinar 150ml do produto com 50ml da Tequila Jose Cuervo e misturar em uma coqueteleira com gelo.

Fonte: Jose Cuervo