Arquivo da tag: máscara

Vegano e 100% plant-based: conheça cosméticos capilares naturais de alta performance

Nesta segunda-feira (1º) celebramos o Dia Mundial do Veganismo, data que surgiu em 1994 por meio da ativista dos direitos dos animais Louise Wallis. A britânica era presidente da Vegan Society do Reino Unido na época, e nesse ano comemora 27 anos da criação da comemoração.

Um movimento que cresce a cada dia, o veganismo também levou ao aumento da procura por cosméticos naturais que sejam 100% plant-based e ecológicos, uma tendência que hoje engloba até mesmo pessoas que não aderem totalmente à causa, mas buscam consumir produtos sem derivados animais e ingredientes artificiais.

No entanto, muitas pessoas se preocupam com a eficácia e performance de cosméticos naturais. Por isso, a Keune Haircosmetics criou a linha Keune So Pure, desenvolvida especialmente para aqueles que buscam coloração e cuidados diários com os cabelos da forma mais natural – 100% vegana e cruelty-free – com respeito ao meio ambiente e sem nenhum derivado animal.

Os produtos da So Pure, como as tintas So Pure Color e o pó descolorante So Pure Blonde Lift Powder, não possuem amônia nem sulfatos, também sendo ideais para clientes que possuem algum tipo de alergia às colorações convencionais. Além disso, são enriquecidos com óleo de argan para hidratar e nutrir os fios mesmo durante o processo de tingimento.

O hairstylist e Keune Talent Jeff Moslinger sempre prioriza o uso de cosméticos naturais, como a linha So Pure da Keune. “Há 8 anos eu me apaixonei pela naturalidade dos produtos e hoje eu não abro mão de oferecer um tratamento vegano”, comenta o cabeleirero. E completa: “A maior vantagem da So Pure é a leveza e bem estar que ela proporciona para os fios, o que me dá muito mais conforto e segurança para oferecer resultados fantásticos”.

Para os cuidados diários com os cabelos, a Keune So Pure oferece 5 tipos de xampu para atender a todas as necessidades dos diferentes tipos de cabelo.

O So Pure Energizing Shampoo, por exemplo, traz uma mistura de limão, ginseng e óleo de argan para limpar e fortalecer os fios finos e propensos à queda, recuperando também os cabelos danificados.

Já o So Pure Exfoliating Shampoo proporciona uma esfoliação suave ideal para aliviar a coceira e irritação do couro cabeludo com tendência a escamação e caspa.

Outros xampus da linha incluem o So Pure Color Care Shampoo, ideal para quem tem os cabelos tingidos. So Pure Moisturizing Shampoo, próprio para cabelos secos; e o So Pure Recover Shampoo, que repara os fios danificados com ativos poderosos como óleo de abacate, óleo de coco orgânico e quinoa.

Para completar a rotina de haircare, o So Pure Color Care Conditioner ou o So Pure Moisturizing Conditioner são ótimas opções para manter as fibras capilares fortes, sedosas e com brilho natural, sendo o primeiro ideal para preservar a cor de cabelos tingidos e o segundo para cabelos ressecados e que embaraçam facilmente.

Além desses itens, a linha conta com duas máscaras de tratamento intensivo – a So Pure Moisturizing Treatment, que repara fios ressecados e danificados sem afetar a coloração, e a So Pure Recover Treatment, extremamente nutritiva e hidratante para trazer de volta a beleza dos fios de dentro para fora. O So Pure Argan Oil e os sprays leave-in da linha, como o So Pure Recover Conditioning Spray Leave-In, o So Pure Color Care Leave-In Spray e o So Pure Moisturizing Overnight Repair Leave-In complementam os tratamentos da linha atendendo às necessidades de vários tipos de cabelos.

Todos os produtos da Keune Haircosmetics são cruelty free, portanto não são testados em animais, e podem ser adquiridos no site e nos salões parceiros da marca.

Fast Escova lança máscara matizadora com açaí e mirtilo

Fast Matizze chega ao mercado para revolucionar o segmento

Com o intuito de sempre entregar os melhores produtos e serviços para suas clientes, a Fast Escova, rede especializada em escovas e penteados, está lançando um novo produto de tratamento para todas loiras que desejam ter cabelos com cores mais vivas e hidratados todos os dias.

A Fast Matizze é a evolução que todas loiras precisavam, o produto é uma máscara matizadora que hidrata, dá brilho e devolve a cor dos fios loiros naturais e tingidos. Diferente das outras máscaras presentes no mercado, a Fast Matizze, possui em sua composição açaí e mirtilo, que possuem diversos benefícios para a saúde do cabelo.

“Após uma extensa pesquisa para encontrarmos os melhores produtos para complementar a nossa máscara matizadora, chegamos até a fruta açaí, que possui polifenóis e antioxidantes que podem proteger os cabelos da abrasão causada por fatores externos como luz solar, poluição e umidade. E a fruta mirtilo, que possui proantocianidinas e vitamina B, que ajudam o cabelo na maciez, no brilho, no comprimento e na espessura”, comenta Michelle Wadhy, CEO da rede.

O açaí ainda combate o envelhecimento capilar, devolve o brilho e a vitalidade aos fios, promove nutrição, condicionamento e possui tantos antioxidantes, quanto os óleos capilares.

A Fast Matizze, pode ser usada tanto como uma máscara de hidratação como uma máscara matizadora para loiras. O produto está disponível em todas as unidades da rede pelo preço de R$ 59,00.

Informações: Fast Escova

“Sorrir com o olhar” é o conceito dos lançamentos de maquiagem da Hinode

Kajal, máscara de cílios e lápis para sobrancelha são as novidades da marca

O segundo semestre começa com novidades da Hinode, que apresenta lançamentos na sua linha de maquiagem Dazzle. Os produtos fazem parte do reposicionamento da marca, com foco em inovação, qualidade e resultados.  As novidades seguem o conceito de “Sorrir com o olhar”, trazendo toda atenção para a região dos olhos já que no mundo das máscaras eles estão cada vez mais em evidência.

Apostando na versatilidade, o Lápis Retrátil Kajal da Dazzle à prova d’água possibilita desde os looks mais delicados até os mais intensos com alta cobertura e pigmentação. Seu traço macio e preciso pode ser utilizado para marcar a linha d’água ou ainda para fazer um traço fino. Se o desejo é um olhar intenso sem correr o risco de borrar o make, o Kajal também é o produto ideal. Para as amantes de um bom esfumado o lançamento conta com uma esponja em sua ponta, que além de esfumar, ajuda a corrigir as imperfeições e traz apontador para deixar a ponta do lápis fina e precisa. Custa 35,90 reais.

Para realçar ainda mais o olhar a Máscara para Cílios Long Lash, por 53,90 reais, traz volume e definição. Seu aplicador de silicone evita o acúmulo de produto, evitando a formação de grumos que atrapalham o acabamento da make. A fórmula combinada com o aplicador deixa os cílios com o efeito leque, garantindo definição e alongamento e abrindo o olhar para que ele sorria ainda mais.

Com os olhos prontos é hora de trabalhar a moldura deles com a Lapiseira Retrátil para sobrancelha, que possibilita cobrir as falhas, corrigir e preenche-la com acabamento natural. A lapiseira ainda possui uma escova que ajuda a esfumar a marcação feita pelo produto, além de pentear os fios da sobrancelha. Sai por 48,90 reais.

Todos os itens da marca podem ser encontrados no e-commerce ou com consultores oficiais Hinode.

Depois de tomar a vacina, ainda preciso usar máscara?

Alguns países ao redor do mundo já suspendem o uso de máscaras após avanço da vacinação; entenda como esse cenário não se aplica ao Brasil

Imagens simbólicas têm viralizado recentemente na internet com repórteres tirando as máscaras ao vivo ao noticiar que, nos Estados Unidos, o uso de máscaras não é mais obrigatório para a população já vacinada com as duas doses. Um gesto simples e tão esperado por milhões de pessoas ao redor do mundo que traz esperança de volta à normalidade. Mas, no Brasil, essa realidade ainda está distante. Confira abaixo alguns motivos pelos quais deve-se manter o uso de máscaras e o distanciamento social no Brasil mesmo com a vacinação.

Aumento constante no número de casos

Em mais de um ano de pandemia do novo coronavírus, o país vive o pior momento no número de contágios e mortes diárias por causa da Covid-19. São mais de 70 mil novos casos diários, enquanto nos Estados Unidos a curva de contágio tem diminuído conforme a vacinação avança no país. O infectologista do Hospital Universitário Cajuru, João Telles, explica que o aumento no Brasil se deve a três fatores principais. “A presença de variantes de cepas circulando no território nacional, somado ao baixo número de pessoas vacinadas com as duas doses e o aumento da circulação da população economicamente ativa acabam culminando no alto número de casos de Covid no Brasil”, diz.

Baixo índice de vacinados no país

A suspensão do uso de máscaras entre os norte-americanos é resultado do alto número de pessoas já completamente vacinadas no país, que contempla inclusive adolescentes a partir de 12 anos de idade. Enquanto isso, o Brasil ainda vacina idosos e pessoas com comorbidades.

O infectologista explica que, para suspender as máscaras, é necessário que uma alta parcela da população esteja imunizada. “Se tivermos um alto índice de vacinação, com uma curva baixa de contágios e baixa ocupação hospitalar, os riscos de transmissão comunitária são menores. É preciso que esses três fatores estejam andando juntos. Mas essa é uma realidade completamente diferente do Brasil, onde não temos uma grande parcela da população vacinada, com número de casos variando bastante e taxa de ocupação hospitalar muito alta, na maioria das cidades”, afirma.

Crescimento de casos em jovens

Outro fator que justifica o constante uso de máscaras no Brasil é a queda de idade entre os casos mais graves da Covid-19. “Como a vacinação completa está entre as pessoas acima de 70 anos, eles têm menores chances de desenvolver o estágio grave da Covid se forem contagiados pelo vírus. Dessa forma, há uma tendência da curva aumentar entre a população mais jovem, além de serem as pessoas em maior circulação nas ruas devido à necessidade de voltar ao trabalho e também por causa das variantes que podem desenvolver casos mais graves em pacientes nessa nova faixa etária”, finaliza o infectologista.

A orientação dos médicos é, de acordo com a situação da pandemia no Brasil, que a população continue usando máscaras em ambientes abertos e fechados e mantenha o uso constante de álcool em gel e distanciamento social. Uma vez que a vacinação está no início, essas ainda são as formas mais efetivas de evitar o vírus da Covid-19.

Fonte: Hospital Universitário Cajuru

Máscara AquaHair promove hidratação e recuperação intensiva de cabelos danificados

Formulada com ativos naturais e livre de componentes tóxicos, a máscara AquaHair, da Éclairé, é capaz de hidratar, proteger e fortalecer os fios enquanto reverte os danos causados pelos agressores externos, tornando os cabelos mais saudáveis, bonitos e sedosos

Assim como a pele, os cabelos também sofrem com uma série de danos causados por fatores como a exposição ao sol, poluição e vento e o uso de químicas, tinturas, chapinha e secador. Como resultado, a saúde dos fios é prejudicada, o que faz com que se tornem mais fracos, quebradiços e sem brilho. Mas é perfeitamente possível prevenir e reverter tais danos por meio do cuidado diário dos fios, principalmente por meio do uso de máscaras capilares, que proporcionam um tratamento intensivo dos cabelos.

Um ótimo exemplo é a máscara de hidratação capilar AquaHair, criada pela Éclairé. “Desenvolvida a partir de mais de uma década de estudos e pesquisas sobre saúde capilar, a máscara AquaHair possui uma potente fórmula capaz de proporcionar altíssima hidratação, fortalecer os fios e restaurar a saúde capilar para tornar os cabelos mais bonitos, sedosos e revitalizados, sendo assim especialmente indicada para o tratamento de fios fracos, ressecados, opacos, quebradiços e porosos”, explica Lucas Fustinoni, médico divulgador científico nas áreas de Tricologia e Estética e membro da World Trichology Society.

Segundo o especialista, a ação do produto deve-se a sua composição exclusiva, que traz ativos naturais com eficácia cientificamente comprovada na recuperação dos fios danificados, como a Cera de Abelha Branca, que possui alta propriedade hidratante, a Manteiga de Castanha do Brasil, que estimula o crescimento dos fios e previne a queda, e a Queratina Hidrolisada, que, por possuir baixo peso molecular, é capaz de penetrar profundamente na fibra capilar danificada, protegendo-a das agressões externas enquanto repõe os aminoácidos perdidos.

“Outro ativo de destaque no produto é o Óleo de Macadâmia, que tem grande similaridade com o sebo humano, permitindo assim o controle da produção de oleosidade pelas glândulas sebáceas, além de estimular a circulação sanguínea do couro cabeludo, melhorar a elasticidade dos fios, proteger contra a radiação solar e a perda d’água, promover ação calmante e regenerar os danos na estrutura capilar”, destaca o tricologista. Como se não bastasse, a máscara AquaHair ainda traz Aloe Vera e Óleo de coco em sua composição.

“Enquanto o Aloe Vera promove uma limpeza suave e eficaz da haste do cabelo, preservando sua integridade e estimulando a renovação celular para promover crescimento acelerado dos fios, o Óleo de Coco melhora a textura do cabelo, confere ação anti-inflamatória e retarda o crescimento de bactérias e fungos nocivos”, completa o médico.

Por meio da combinação sinérgica destes ativos, a máscara de hidratação AquaHair é capaz de corrigir os danos causados na cutícula e restaurar as proteínas perdidas devidos às agressões do dia a dia, além de fornecer componentes emolientes fundamentais para tornar os fios mais saudáveis, macios e brilhosos.

“O produto é 100% natural e livre de componentes químicos, além de não ser testado em animais e não ter contraindicações, podendo ser utilizado por pessoas de qualquer idade”, ressalta o tricologista. Quanto ao modo de uso, Fustinoni recomenda que uma pequena quantidade da máscara AquaHair seja retirada da embalagem com o auxílio de uma colher de plástico, o que ajuda a manter a qualidade dos ativos, e, em seguida, aplicada no comprimento dos fios, evitando a raiz.

“Para maximizar os resultados, deixe o produto agir por cerca de 5 a 10 minutos, de preferência enquanto utiliza uma touca térmica, e enxágue abundantemente”, finaliza o médico.

Máscara de hidratação capilar AquaHair Éclairé – 500g – Preço: R$ 89,00

Informações: Éclairé – SAC: poderdabeleza@grupodenc.com.br

Estudo confirma que óculos protegem contra o novo coronavírus

Quer se proteger da Covid-19? Use óculos. Estudo feito por pesquisadores da China mostra que esses acessórios podem ser uma barreira de proteção contra o vírus; especialista do Hospital Cema explica essa relação

A rotina do que fazer antes de sair de casa mudou bastante, nos últimos meses, em decorrência da pandemia de coronavírus. Agora, não basta lembrar de pegar as chaves, os documentos, o cartão. É preciso lembrar de colocar a máscara, que tem sido uma essencial barreira de proteção contra a disseminação da Covid-19.

Porém, juntamente com as máscaras, um outro acessório também pode ser útil: os óculos. Pelo menos é o que mostra um estudo recente, realizado por pesquisadores da Universidade de Nanchang, na China. O estudo confirmou que os óculos podem ser barreiras de proteção contra o novo coronavírus. O oftalmologista do Hospital Cema, Leonardo Marculino, explica essa relação.

“Os óculos são uma barreira de proteção ocular contra as partículas que podem entrar em contato com a mucosa. No hospital mesmo a gente usa óculos como forma de se proteger dos micro-organismos do ambiente”, detalha. O estudo feito na China descobriu que a proporção de pacientes internados com Covid-19 que usam óculos por longos períodos era menor do que os índices da população em geral, o que pode sugerir que os óculos têm esse efeito protetivo. “Eles podem funcionar, sim, como essa barreira para qualquer doença que seja transmitida via aerossol”, afirma o oftalmologista.

Ivabalk/Pixabay

No entanto, o médico ressalta que os olhos não são tão suscetíveis quanto as outras partes do corpo. “Todas as mucosas podem ser uma porta de entrada para a Covid, mas as principais são boca e nariz. A mucosa conjuntiva não é a porta de entrada principal desse vírus, mas pode acontecer”, detalha o oftalmologista.

O estudo foi divulgado na revista JAMA Ophthalmology e chama a atenção para o fato de que os olhos podem ser uma rota de infecção para Covid-19 também. “Nesse caso, quanto maiores forem os óculos, maior será a proteção. Na rua, como a quantidade de aerossol é menor que em um hospital, por exemplo, esses acessórios funcionam como uma proteção ainda melhor”, afirma Marculino.

Fonte: Hospital Cema

Produto promete higienizar máscaras de proteção para uso prolongado

Durante a quarentena, o uso de máscaras de proteção tornou-se essencial para a prevenção contra a Covid-19 e sua propagação. E o que antes era facultativo, agora tornou-se obrigatório e seu uso deverá ser mantido por um longo período.

O Ministério da Saúde recomenda a troca das máscaras de proteção a cada duas horas de uso para manter a efetividade e segurança. Pensando nisso, o Limpmask foi desenvolvido para facilitar a vida das pessoas que estão se adaptando a essa nova realidade, sendo um produto prático e versátil para higienizar máscaras de tecido e TNT, eliminando 99,9% de fungos, bactérias e vírus, incluindo o da Covid-19.

O Limpmask pode ser utilizado em qualquer momento e lugar, prolongando o uso da máscara antes da lavagem, mantendo a segurança das pessoas durante todo o dia. O processo é simples e rápido. A cada duas horas de uso contínuo, com as mãos limpas, basta borrifar 2 vezes o produto na parte interna da máscara e aguardar de 3 a 5 minutos para reutilizar a máscara. O Limpmask é aprovado pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária) com teste de eficácia e segurança, além de ser dermatologicamente testado.

A responsabilidade social está integrada na missão do Limpmask, que irá reverter parte da renda para o movimento Gerando Falcões, que é responsável por uma rede de ONGs conveniadas e idôneas, que fazem a distribuição de cestas básicas para famílias em situação de vulnerabilidade.

Informações e vendas: Limpsmask pelo valor de R$ 29,90.

Maybelline: Máscara The Falsies Lash Lift é inspirada em procedimentos estéticos

A novidade oferece efeito lifting de cílios em apenas um produto

Inspirada nos procedimentos de alongamento de cílios, Maybelline NY lança The Falsies Lash Lift, a máscara de cílios para um olhar destacado com pouco esforço. Sua combinação de alongamento e volume foi feita para quem deseja uma solução fácil e prática, apenas aplicando o produto nos cílios.

As cerdas da máscara possuem duas curvas e alcançam até aqueles cílios difíceis e teimosos. O volume de The Falsies Salon Lift é criado por conta da grande quantidade de ceras que aderem aos fios rapidamente, da raiz à ponta, proporcionando o efeito volumoso após a secagem do produto.

maybellinemaybelline2

The Falsies Lash Lift pode ser encontrada nas versões lavável e à prova d’água pelo valor sugerido de R$ 74,90

Para conhecer mais os produtos e obter dicas de maquiagem visite o site Tudo Sobre Make.

Informações:Maybelline – SAC: 0800 701 0114

Médica dá dicas de como sair da quarentena de maneira segura

O anúncio da possível flexibilização da quarentena progressiva no estado de São Paulo não permite que o sinal de alerta da população seja desligado. Conforme afirmado pelas autoridades, a retomada só será possível nas cidades e regiões que apresentarem redução consistente do número de casos.

Para isso, é extremamente necessário um esforço consciente de toda a população. Para ajudar nessa missão, a da médica nutróloga Ana Luisa Vilela, de São Paulo, dá algumas dicas para reabrir a economia sem prejudicar a saúde.

mulher usando mascara cirurgica health magazine
Foto: Health Magazine

• Jamais esquecer ou deixar de lado os cuidados rigorosos com a higiene como usar máscaras sempre sem tocar nas mesmas e trocando-as a cada 2 horas de uso;
• Fazer uso do álcool 70% frequentemente na ausência de torneiras com água e sabão para lavar as mãos;
• Não tocar olhos, nariz e boca enquanto estiver na rua;

depositphotos mulher banho cabelo chuveiro
Depositphotos

• Assim que chegar em casa, continua sendo essencial lavar as mãos, higienizar os sapatos, tomar banho e lavar toda a roupa que foi para a rua;
• Os que podem sair precisam ter atenção com as crianças e idosos, que devem contar com ajuda para conseguirem se manter em casa seguros. O mesmo vale para pessoas com saúde debilitada ou doenças crônicas, que devem se manter em isolamento;
• Não interromper tratamentos e uso de medicações – mesmo que eles não tenham nenhuma ligação com o vírus do momento. Os cuidados com outros problemas de saúde não podem ser negligenciados;

mulher bicicleta mascara freepik
Freepik

• Movimente-se mais, sem se unir ou provocar aglomerações;
• Tente reduzir os quilos a mais que foram adquiridos durante a quarentena com dieta regrada e saudável – sem restrições e nem exageros;
• Mantenha-se sempre em um ambiente arejado, mesmo nos dias mais frios;

mulher mascara oculos touca sol ivabalk por Pixabay
Ivabalk/Pixabay

• Tome banho de sol em horários recomendados para se nutrir de vitamina D.

Fonte: Ana Luisa Vilela é graduada em Medicina pela Faculdade de Medicina de Itajubá – MG, especialista pelo Instituto Garrido de Obesidade e Gastroenterologia (Beneficência Portuguesa de São Paulo) e pós graduada em Nutrição Médica pelo Instituto Ganep de Nutrição Humana também na Beneficência Portuguesa de São Paulo e estágio concluído pelo Hospital das Clinicas de São Paulo – HCFMUSP. 

Máscara x óculos: saiba usá-los ao mesmo tempo sem embaçar as lentes

Óticas Diniz dão dicas para o item de proteção não incomodar (muito) quem utiliza o acessório

Com a pandemia do novo coronavírus, a máscara facial passou a ser uma peça indispensável e até obrigatória à população. E é quase inevitável não embaçar os óculos ao vesti-la, já que se respira dentro dela e o ar quente que sai pelo nariz escapa pela fresta superior, indo direto para as lentes. Como consequência, tudo fica embaçado.

mulher mascara oculos embaçado MZ

Para amenizar essa situação e conciliar o uso do acessório com a máscara caseira, que passou a ser obrigatória em diversas cidades brasileiras como medida complementar para evitar a disseminação da Covid-19, Óticas Diniz explica como resolver a questão.

Nada substitui a higienização das mãos com água e sabão ou álcool em gel 70%, mas as máscaras contribuem nesse momento, pois muitas pessoas assintomáticas podem espalhar a doença sem saber. Normalmente, quando você sai de um lugar quente e vai para fora, por exemplo, o ar encontra as lentes mais frias, criando condensação na superfície e o aspecto embaçado. A mesma lógica vale para as máscaras e óculos. Para que as lentes não fiquem embaçadas, é importante vestir os acessórios corretamente.

Abaixo, algumas dicas das Óticas Diniz:

• Ajuste os elásticos ou laços: molde a máscara ao rosto para evitar que o vapor suba e embace as lentes dos óculos por causa da respiração;

orna wachman pixabay mascara facial profissional
Orna Wachmann/Pixabay

• Atenção ao clip nasal: algumas máscaras vêm com uma tira de metal dobrável na altura do nariz, o que ajuda a ajustar e moldar a peça no rosto;

micropore aliexpress
• Cole a máscara na pele: já para os modelos que não têm esse item, a saída é essa: esparadrapos ou micropore ajudam a deixar a máscara ‘colada’ na parte superior do nariz;
• Fácil e prático: coloque um pedaço de papel absorvente por dentro da máscara para absorver a umidade causada pelo ar quente, evitando que os óculos embacem;

oculos embaçados fotos do depart policia metropolitana de toquio
Foto: Departamento da Polícia Metropolitana de Tóquio

• Use o peso dos óculos para bloquear o ar: em último caso, puxe a máscara, o máximo que conseguir, para cima do nariz, sem prejudicar a visão e mantendo a parte debaixo na parte interior do queixo. Por fim, deixe seus óculos descansaram em cima da máscara para bloquear o ar e não embaçar as lentes. Essa dica vai depender do modelo da armação, pois com óculos menores essa técnica não funciona.

Lembre-se que antes de colocar a máscara é necessário lavar bem as mãos com água e sabão ou usar álcool em gel 70%. Depois, prenda a peça atrás das orelhas, seja com elástico ou amarrando as tiras e certifique que nariz e boca estão cobertos. Evite tocar a parte da frente da máscara enquanto estiver colocando-a e durante a utilização.

lavar as mãos

O mais recomendado é que a máscara seja usada por cerca de duas horas ou até ficar úmida, após desse tempo é preciso trocá-la. A higienização das mãos também deve ser feita antes e depois de retirar ou substituir a máscara, inclusive ao colocá-la para lavar.

Fonte: Óticas Diniz