Arquivo da tag: minerais

MultiGold Molico restaura nutrientes para preservar potência do corpo e mente do público 50+

O envelhecimento é uma realidade, mas é só mais um ciclo natural da vida, assim como a infância, a adolescência, a fase adulta. O número de pessoas com idade acima de 50 anos é uma crescente constante, e dados do IBGE revelam que o público entre 50 e 59 anos já corresponde a 12,4% da população brasileira. Da mesma forma, a expectativa de vida, que em 1940 era de 45,5 anos passou para 76,3 anos em 2018 (IBGE, 2019). Existe até um nome para este fenômeno: Revolução Prateada. Trata-se de uma realidade global que abraça o envelhecimento saudável da população e, portanto, o aumento da longevidade.

A alimentação é uma das principais aliadas da saúde, sobretudo, nesses anos de vida que vamos, pouco a pouco, ganhando a mais. É por isso que quanto mais cedo cultivarmos hábitos alimentares saudáveis, maiores são as chances de termos uma saudabilidade resistente e, por consequência, uma melhor qualidade de vida

“Porém, junto ao crescimento da expectativa de vida e do avanço da idade, outros fatores evoluem em comunhão: ganhamos maturidade, novas prioridades, segurança de escolher o que queremos, mas, ao mesmo tempo, temos que acompanhar os fatores fisiológicos”, explica Gisele Pavin, Gerente Sênior de Nutrição, Saúde e Bem-Estar da Nestlé.

A energia não é mais a mesma, a concentração diminui e as escolhas alimentares e o estilo de vida passam a ser ainda mais relevantes nessa fase da vida. Quanto antes começarmos, mais sucesso teremos na manutenção da nossa saúde.

E, se por um lado há chances desses fatores acometerem, por outro há uma série de ações, comportamentos e marcas dedicadas a oferecer soluções necessárias para preservar a saúde, física e mental, a independência e o bem-estar do corpo, da mente e da alma. São escolhas que se fazem hoje para que o estado saudável se perpetue.

Molico oferece aos consumidores um portfólio completo, que atende diferentes necessidades. Todas as versões contêm o Mix Restaura+: 12 vitaminas e minerais que ajudam a restaurar o que os adultos perdem todos os dias. E pensando na evolução dessa jornada de nutrição adulta, Molico apresenta um lançamento exclusivo para o Canal Farma: Molico Multigold: a combinação das funcionalidades de Molico em um único produto, especialmente desenvolvido para restaurar os principais nutrientes dos brasileiros 50+. Saúde dos ossos, formação dos músculos, mobilidade, apoio à imunidade e fibras para o equilíbrio do corpo, além do MIX Restaura+.

“De acordo com uma pesquisa realizada em 2020 pela Plataforma Gente, 68% dos brasileiros acima de 55 anos, se identificam com a frase: “Nunca pensei que chegaria tão bem na idade em que estou”. Molico Multigold anda de mãos dadas com este público para oferecer restauração multibenefícios para preservar o bem-estar físico e mental. E é assim que os adultos 50+ ganham liberdade para escolher o que querem fazer, aonde querem ir e quem querem ser: esportistas, artistas, turistas, empresários, chefs de cozinha…” detalha Stephanie Arnesen, Head de Marketing de Leites da Nestlé Brasil.

Conheça seis nutrientes essenciais e entenda como seu corpo precisa deles

Uma dieta equilibrada é fundamental para que o nosso corpo tenha a quantidade suficiente dos nutrientes necessários. A nutróloga Marcella Garcez comenta um pouco sobre cada nutriente que não pode faltar ao organismo

Você sabe quais são os nutrientes essenciais para o nosso organismo? Esses nutrientes são compostos que o nosso corpo ou não produz, ou produz, mas em quantidade insuficiente. De acordo com a Organização Mundial da Saúde, esses nutrientes devem vir dos alimentos e são vitais ao crescimento, à prevenção de doenças e à manutenção da boa saúde. Eles podem ser divididos em duas categorias: macronutrientes e micronutrientes.

“Os macronutrientes ajudam a fornecer energia e são necessários diariamente e em grandes quantidades. Água, carboidratos, gorduras e proteínas são classificados como macronutrientes. Já os micronutrientes são os minerais e as vitaminas. São necessários ao organismo, porém em menor quantidade se comparado aos macronutrientes”, explica Marcella Garcez, médica nutróloga e professora da Associação Brasileira de Nutrologia.

Stocksy

Proteínas: presentes em alimentos de origem vegetal e animal, contribuem para a formação dos tecidos. Integram diversas reações metabólicas (na forma de aminoácidos) e são utilizadas na síntese de alguns hormônios. “As proteínas constituem de 15 a 20% da dieta, e a quantidade exata de proteína necessária diariamente depende de uma variedade de fatores, incluindo a sua atividade física e a idade. Algumas fontes do macronutriente são: carne bovina, aves, peixes, ovos, leite, queijos, iogurtes, soja e leguminosas (feijão, lentilha, ervilha, grão de bico)”, afirma Marcella.

Carboidratos: conhecidos como a principal fonte de energia do ser humano, os carboidratos são responsáveis por diversas funções de nosso metabolismo. Por atuarem como combustível para o corpo, seu baixo consumo pode causar diversos prejuízos. São classificados em 3 tipos: monossacarídeos (glicose, frutose e galactose), dissacarídeos (sacarose, maltose e lactose) e polissacarídeos (amido, glicogênio, dextrina e celulose). “A falta de carboidratos nos dificulta de realizar qualquer atividade física, já que são eles que fornecem energia para as células do organismo. A carência do macronutriente pode causar, além disso, dificuldade de concentração, fraqueza, cansaço excessivo, tonturas e dor de cabeça. Apesar de ser necessário ao organismo, o ideal é dar preferência para os alimentos desse grupo que contribuam para uma melhor qualidade de vida. Exemplos de boas fontes saudáveis de carboidratos: mandioca, batata doce, cereais integrais, aveia, abóbora, quinoa, centeio, amaranto, arroz integral, milho, legumes e frutas”, destaca.

Gorduras: “São moléculas complexas compostas por ácidos graxos e glicerol. O organismo precisa de gordura para se desenvolver e produzir energia, mas ela deve ser consumida de maneira consciente. O corpo também usa a gordura para sintetizar os hormônios e outras substâncias necessárias para realizar as atividades do organismo. As gorduras boas são aquelas de origem vegetal, insaturadas, e podem ser encontradas em: azeite de oliva, castanha-de-caju, nozes, chia, sementes oleaginosas, amendoim, abacate. Essas gorduras boas são fontes de ômega 3 e 6, que tem como vantagem a redução do colesterol ruim e o aumento do colesterol bom (HDL), além de auxiliar na prevenção cardíaca e metabólica e na absorção das vitaminas.”

Vitaminas: são substâncias orgânicas que o nosso organismo não consegue produzir. Necessárias em pequenas quantidades e obtidas através de uma alimentação equilibrada, são classificadas em dois grupos: as lipossolúveis (A, D, E, K) e as hidrossolúveis (H,C e complexo B). “Entre os benefícios das vitaminas, estão a melhora da pele e mucosas; fornecimento de energia; melhora da oxigenação celular; auxílio nos processos de cura e rejuvenescimento; ação nos glóbulos vermelhos, células nervosas e no equilíbrio hormonal; ação no tecido conjuntivo; poder oxidante; combate o estresse; e funciona como antibiótico natural e auxilia na cura de doenças e infecções. A melhor maneira de consumir todas as vitaminas necessárias para o bom funcionamento do corpo é fazendo uma alimentação saudável e variada, de preferência incluindo alimentos frescos e biológicos. A suplementação vitamínica também é uma alternativa para prevenir ou tratar a falta de vitaminas e suas consequências – embora o consumo não deva substituir uma boa alimentação”, detalha a médica.

Minerais: “São substâncias de origem inorgânica e possuem função reguladora, contribuindo para a função osmótica, equilíbrio do ácido-básico, estímulos nervosos, ritmo cardíaco, atividade metabólica, construção de ossos e dentes saudáveis, manutenção da hidratação, entre outros. Entre os principais minerais estão: cálcio, magnésio, sódio, potássio, fósforo, ferro, cobre, manganês, iodo e zinco.”

Adobe Stock

Água: é a substância mais abundante em nosso organismo, correspondendo a mais de 60% do nosso peso, e está presente em quase todos os alimentos, exceto em óleos, sais e açúcares. “A água é essencial para todas as funções do corpo, como: digestão, absorção e transporte de nutrientes, eliminação de resíduos, controle da temperatura corporal e para diversos outros processos químicos. Está presente em todos os tecidos do organismo e é a base do sangue e de todas as secreções fluídas, como lágrimas, saliva etc. Não existe uma quantidade correta de água a ser ingerida diariamente; isso depende de inúmeros fatores, como o seu nível de atividade física, o clima do local em que vive ou está, seu metabolismo, seu peso, sua dieta, suas condições físicas gerais, se consome álcool ou não, entre outras”, diz.

“Somente o médico poderá lhe ajudar a determinar qual o volume de água que é apropriado para você, assim como toda a sua dieta, que deve ser baseada nas recomendações de um nutrólogo responsável e de confiança. Ele saberá, por meio do acompanhamento clínico e dos exames, quais as necessidades alimentares e suplementares de cada paciente”, finaliza a nutróloga.

Fonte: Marcella Garcez é médica Nutróloga, Mestre em Ciências da Saúde pela Escola de Medicina da PUCPR, Diretora da Associação Brasileira de Nutrologia e Docente do Curso Nacional de Nutrologia da ABRAN. Membro da Câmara Técnica de Nutrologia do CRMPR, Coordenadora da Liga Acadêmica de Nutrologia do Paraná e Pesquisadora em Suplementos Alimentares no Serviço de Nutrologia do Hospital do Servidor Público de São Paulo.

Conheça nutrientes essenciais e entenda como seu corpo precisa deles

Uma dieta equilibrada é fundamental para que o nosso corpo tenha a quantidade suficiente dos nutrientes necessários. Marcella Garcez comenta um pouco sobre cada nutriente que não pode faltar ao organismo

Você sabe quais são os nutrientes essenciais para o nosso organismo? Esses nutrientes são compostos que o nosso corpo ou não produz, ou produz, mas em quantidade insuficiente. De acordo com a Organização Mundial da Saúde, esses nutrientes devem vir dos alimentos e são vitais ao crescimento, à prevenção de doenças e à manutenção da boa saúde. Eles podem ser divididos em duas categorias: macronutrientes e micronutrientes.

“Os macronutrientes ajudam a fornecer energia e são necessários diariamente e em grandes quantidades. Água, carboidratos, gorduras e proteínas são classificados como macronutrientes. Já os micronutrientes são os minerais e as vitaminas. São necessários ao organismo, porém em menor quantidade se comparado aos macronutrientes”, explica Marcella Garcez, médica nutróloga e professora da Associação Brasileira de Nutrologia.

ovos pixabay cozido casca

Pixabay

Proteínas: presentes em alimentos de origem vegetal e animal, contribuem para a formação dos tecidos. Integram diversas reações metabólicas (na forma de aminoácidos) e são utilizadas na síntese de alguns hormônios. “As proteínas constituem de 15 a 20% da dieta, e a quantidade exata de proteína necessária diariamente depende de uma variedade de fatores, incluindo a sua atividade física e a idade. Algumas fontes do macronutriente são: carne bovina, aves, peixes, ovos, leite, queijos, iogurtes, soja e leguminosas (feijão, lentilha, ervilha, grão de bico)”, afirma Marcella.

chips de batata pixabay
Pixabay

Carboidratos: conhecidos como a principal fonte de energia do ser humano, os carboidratos são responsáveis por diversas funções de nosso metabolismo. Por atuarem como combustível para o corpo, seu baixo consumo pode causar diversos prejuízos. São classificados em 3 tipos: monossacarídeos (glicose, frutose e galactose), dissacarídeos (sacarose, maltose e lactose) e polissacarídeos (amido, glicogênio, dextrina e celulose). “A falta de carboidratos nos dificulta de realizar qualquer atividade física, já que são eles que fornecem energia para as células do organismo. A carência do macronutriente pode causar, além disso, dificuldade de concentração, fraqueza, cansaço excessivo, tonturas e dor de cabeça. Apesar de ser necessário ao organismo, o ideal é dar preferência para os alimentos desse grupo que contribuam para uma melhor qualidade de vida. Exemplos de boas fontes saudáveis de carboidratos: mandioca, batata doce, cereais integrais, aveia, abóbora, quinoa, centeio, amaranto, arroz integral, milho, legumes e frutas”, destaca.

amendoim pixabay

Gorduras: “São moléculas complexas compostas por ácidos graxos e glicerol. O organismo precisa de gordura para se desenvolver e produzir energia, mas ela deve ser consumida de maneira consciente. O corpo também usa a gordura para sintetizar os hormônios e outras substâncias necessárias para realizar as atividades do organismo. As gorduras boas são aquelas de origem vegetal, insaturadas, e podem ser encontradas em: azeite de oliva, castanha-de-caju, nozes, chia, sementes oleaginosas, amendoim, abacate. Essas gorduras boas são fontes de ômega 3 e 6, que tem como vantagem a redução do colesterol ruim e o aumento do colesterol bom (HDL), além de auxiliar na prevenção cardíaca e metabólica e na absorção das vitaminas.”

suplementos vitaminas Jeltovski
Foto: Jeltovski

Vitaminas:  são substâncias orgânicas que o nosso organismo não consegue produzir. Necessárias em pequenas quantidades e obtidas através de uma alimentação equilibrada, são classificadas em dois grupos: as lipossolúveis (A, D, E, K) e as hidrossolúveis (H,C e complexo B). “Entre os benefícios das vitaminas, estão a melhora da pele e mucosas; fornecimento de energia; melhora da oxigenação celular; auxílio nos processos de cura e rejuvenescimento; ação nos glóbulos vermelhos, células nervosas e no equilíbrio hormonal; ação no tecido conjuntivo; poder oxidante; combate o estresse; e funciona como antibiótico natural e auxilia na cura de doenças e infecções. A melhor maneira de consumir todas as vitaminas necessárias para o bom funcionamento do corpo é fazendo uma alimentação saudável e variada, de preferência incluindo alimentos frescos e biológicos. A suplementação vitamínica também é uma alternativa para prevenir ou tratar a falta de vitaminas e suas consequências – embora o consumo não deva substituir uma boa alimentação”, detalha Marcella.

food15
Ilustração: 123RF

Minerais: “São substâncias de origem inorgânica e possuem função reguladora, contribuindo para a função osmótica, equilíbrio do ácido-básico, estímulos nervosos, ritmo cardíaco, atividade metabólica, construção de ossos e dentes saudáveis, manutenção da hidratação, entre outros. Entre os principais minerais estão: cálcio, magnésio, sódio, potássio, fósforo, ferro, cobre, manganês, iodo e zinco.”

água com frutas

Água: é a substância mais abundante em nosso organismo, correspondendo a mais de 60% do nosso peso, e está presente em quase todos os alimentos, exceto em óleos, sais e açúcares. “A água é essencial para todas as funções do corpo, como: digestão, absorção e transporte de nutrientes, eliminação de resíduos, controle da temperatura corporal e para diversos outros processos químicos. Está presente em todos os tecidos do organismo e é a base do sangue e de todas as secreções fluídas, como lágrimas, saliva etc. Não existe uma quantidade correta de água a ser ingerida diariamente; isso depende de inúmeros fatores, como o seu nível de atividade física, o clima do local em que vive ou está, seu metabolismo, seu peso, sua dieta, suas condições físicas gerais, se consome álcool ou não, entre outras”, diz.

Marcella ressalta: “Somente o médico poderá lhe ajudar a determinar qual o volume de água que é apropriado para você, assim como toda a sua dieta, que deve ser baseada nas recomendações de um nutrólogo responsável e de confiança. Ele saberá, por meio do acompanhamento clínico e dos exames, quais as necessidades alimentares e suplementares de cada paciente”.

Fonte: Marcella Garcez é médica nutróloga, Mestre em Ciências da Saúde pela Escola de Medicina da PUCPR, Diretora da Associação Brasileira de Nutrologia e Docente do Curso Nacional de Nutrologia da Abran. A médica é Membro da Câmara Técnica de Nutrologia do CRMPR, Coordenadora da Liga Acadêmica de Nutrologia do Paraná e Pesquisadora em Suplementos Alimentares no Serviço de Nutrologia do Hospital do Servidor Público de São Paulo.

Conheça as deficiências nutricionais mais comuns e saiba como evitá-las

Sempre ouvimos falar da importância de consumir uma ampla variedade de vitaminas e minerais, mas muitas vezes só nos damos conta da importância desses nutrientes quando temos problemas de saúde.

“Algumas deficiências nutrológicas se manifestam através de sintomas, como cansaço excessivo, falta de energia, palidez e queda no sistema imunológico. Outras, não se manifestam através de sintomas perceptíveis e podem passar despercebidas pelos portadores, que, só mais tarde, podem perceber a deficiência quando estiverem com a saúde debilitada”, afirma Marcella Garcez, médica nutróloga e professora da Associação Brasileira de Nutrologia.

Conheça as deficiências nutritivas mais comuns, os sintomas que elas trazem e saiba quais alimentos consumir para evitá-las:

damasco

Ferro: a principal função do ferro no organismo é transportar o oxigênio no sangue por meio da hemoglobina existente nos glóbulos vermelhos. “A consequência mais comum desse déficit é a anemia, na qual ocorre uma diminuição no número de glóbulos vermelhos e, consequentemente, a diminuição da capacidade do sangue de transportar oxigênio. Os sintomas geralmente incluem: cansaço, fraqueza, enfraquecimento do sistema imunológico e prejuízo da função cerebral”, explica a Marcella. Segundo ela, as melhores fontes alimentares de ferro são: carne vermelha, vegetais verde-escuros, leguminosas, algas, cereais integrais, castanhas, sementes de gergelim e abóbora, açúcar mascavo, coentro, uva passa e damasco seco.

peixe com açafrao jacek chabraszewski

Iodo: é um mineral necessário para a síntese dos hormônios tireoidianos que regulam as funções do organismo. “Os hormônios da tiroide estão envolvidos em muitos processos do corpo, tais como o crescimento, a regulagem metabólica, o desenvolvimento do cérebro e a manutenção dos ossos”, diz a nutróloga. Segundo ela, a deficiência do mineral tem como consequência mais comum o aumento da glândula tireoide, também conhecido como bócio; essa condição pode ocasionar aumento da frequência cardíaca, falta de ar e ganho de peso. “Há várias boas fontes alimentares de iodo, como as algas, peixes e ovos. O Brasil, a fim de prevenir e controlar o problema, adotou a medida de adicionar o micronutriente ao sal de cozinha. Isso causou uma redução na taxa de prevalência de pessoas com bócio”, completa.

lox-deli-salmao-defumado-laqueado-com-mel

Vitamina D: é produzida a partir da pele quando exposta à luz solar, e sua ação clássica é regular o fornecimento de cálcio e fósforo ao organismo. Dessa forma, ela atua nos ossos, no intestino e nos rins. Além disso, estudos têm mostrado que a deficiência de vitamina D está associada ao maior risco de várias doenças crônicas, como tumores, problemas cardiovasculares, imunológicos e infecciosos. “A falta da Vitamina D muitas vezes não provoca sintomas perceptíveis; em outras situações, os sintomas só se desenvolvem ao longo dos anos. Entre eles estão: queda na imunidade, fraqueza muscular, perda óssea e aumento do risco de fraturas. Em crianças, pode causar atrasos de crescimento e raquitismo”, alerta a nutróloga. Infelizmente, poucos alimentos contêm quantidades significativas de vitamina D. Algumas fontes do nutriente são: óleo de fígado de bacalhau, peixes gordos (como salmão, cavala, sardinha ou truta) e gema do ovo. Por isso, além da alimentação, muitas vezes é recomendado ao paciente aumentar a exposição ao sol e ingerir vitamina D por meio de suplemento alimentar”, complementa.

leite

Vitamina B12:  vitamina necessária para o desenvolvimento e manutenção das funções do sistema nervoso. Sem ela, a mielina que recobre os nervos sofre um desgaste chamado desmielinização, processo que ocorre tanto em neurônios de nervos periféricos, quanto naqueles da substância branca do cérebro. “A deficiência de vitamina B12 causa anemia, acompanhada ou não por dificuldade para andar e parestesias ou formigamentos de distribuição simétrica, principalmente nas pernas, pés e mãos. Pode haver ainda palidez, inchaço, hiperpigmentação da pele, icterícia e fraqueza muscular. Outros problemas são menos frequentes, mas podem ocorrer: má absorção de nutrientes, infertilidade, trombose, alterações de memória, confusão mental e demência.” A vitamina B12 está presente em boas quantidades nos alimentos de origem animal, especialmente no salmão, atum, fígado, carne de porco, leite e derivados, ovos e ostras.

leite amendoas 2

Cálcio: participa da força óssea, estrutura de ossos e dentes, impulsos nervosos, contrações musculares, coagulação do sangue e da permeabilidade celular. Os sintomas mais evidentes da falta de cálcio se refletem na fraqueza dos ossos, dando origem à osteoporose. Além disso, a falta do mineral pode causar dor na coluna, depressão, ansiedade, unhas fracas, cáries e artrite. “Alguns alimentos ricos em cálcio são: leite e derivados, sardinhas, brócolis, aveia, amêndoas, manjericão, couve, feijão, rúcula, ovo, grão-de-bico, tofu e laranja. É necessário ficar atento, pois alguns alimentos diminuem a capacidade do organismo de absorver cálcio. É o caso do sal, café, alguns tipos de chás, refrigerantes, chocolate e gorduras”, afirma Marcella.

espinafre

Vitamina A: “Ela ajuda a formar e manter a pele saudável, aumenta a imunidade, cuida dos dentes, ossos e membranas celulares, além de trazer benefícios para a visão. Os primeiros sintomas de falta de vitamina A são: dificuldade para adaptar-se à visão noturna, acne, cabelo seco, unhas quebradiças, falta de apetite e prejuízo do sistema imunológico. A deficiência de vitamina A é mais comum em pessoas com desnutrição, idosos e em casos de doenças crônicas, como a doença inflamatória intestinal. Alguns alimentos ricos em vitamina A: ovos, cenoura, fígado, batata doce, manga, espinafre, pimentão, damasco e acerola.”

abacate

Magnésio: considerado o segredo para a longevidade. Participa da síntese de proteínas, do transporte de energia, contribui para o funcionamento de algumas enzimas essenciais, para o equilíbrio do cálcio, potássio e sódio, no funcionamento celular, é necessário para a atividade hormonal e participa mais de 300 reações químicas que ocorrem diariamente no organismo. “A carência de magnésio pode ser perigosa, pois altera o funcionamento do nosso organismo, podendo ocasionar em alterações do ritmo cardíaco, má circulação sanguínea, espasmos musculares, gases, cálculos renais e convulsões. “Alguns alimentos ricos em magnésio recomendados são: abacate, couve, espinafres, beterraba, banana, grão-de-bico, mandioca, lentilhas, quiabo, batata com casca, uva passa, arroz integral, aveia, granola, amendoim, castanhas, nozes e abóbora”, sugere.

Por fim, Marcella ressalta: “O acompanhamento nutrológico é essencial, pois, assim como a falta, o excesso dos nutrientes também pode ser prejudicial. Apenas um profissional saberá montar uma dieta eficiente e indicar suplementos seguros para o paciente”, finaliza.

Fonte: Marcella Garcez é médica nutróloga, Mestre em Ciências da Saúde pela Escola de Medicina da PUCPR, Diretora da Associação Brasileira de Nutrologia e Docente do Curso Nacional de Nutrologia da Abran. A médica é Membro da Câmara Técnica de Nutrologia do CRMPR, Coordenadora da Liga Acadêmica de Nutrologia do Paraná e Pesquisadora em Suplementos Alimentares no Serviço de Nutrologia do Hospital do Servidor Público de São Paulo.

 

Greenpeople apresenta Cracker de Maçã

Presente em grandes sucessos da Greenpeople, a maçã ganha agora sua versão snack. A fruta é destaque no novo Cracker de Maçã, opção ao mesmo tempo saudável, crocante e docinha feita a partir da combinação com amêndoas, tâmaras, banana, agave, limão e cardamomo. A base vem do excedente da produção dos sucos, como um incentivo ao aproveitamento do alimento por completo.

Ótima pedida de lanche para comer em qualquer lugar, a novidade é rica em fibras, minerais e antioxidantes. É também vegana, sem glúten ou lactose, além do diferencial do processo de desidratação.

greenpeople_cracker_de_maA_AGBP_f03

Informações: Greenpeople

Fibra Nutritiva de Banana é novidade que promete agradar

Voltado para o segmento de alimentos funcionais, produto inovador concentra nutrientes da casca de banana madura, rica em fibras, minerais, vitaminas e antioxidantes

A Nova Inglaterra lançou a Fibra Nutritiva de Banana, primeiro produto do mercado elaborado com cascas de banana madura, durante a Fi South America em agosto, São Paulo.

A novidade concentra todos os benefícios da casca da fruta, reconhecida por seu alto teor nutricional e pela grande concentração de fibras insolúveis e sais minerais, além de ser rica em potássio, triptofano e luteína e ter propriedades antibióticas e antifúngicas.

A Fibra Nutritiva de Banana é feita a partir do processamento de cascas de banana maduras que são descartadas pelas indústrias que fabricam banana passa, doces e polpa de banana. Disponível na versão adoçada com açúcar demerara e formato pellet, essa novidade foi desenvolvida para incrementar o sabor dos alimentos e seu valor nutricional.

Para produção da Fibra Nutritiva de Banana as cascas são submetidas a um processo de desidratação osmótica que concentra todos os seus benefícios. Com isso, o que era antes descartado pelo mercado agora é transformado em um ingrediente com altíssimo valor nutricional.

Nesse processo as cascas de banana são higienizadas, mergulhadas em uma solução hipertônica à base de açúcar demerara e, em seguida, colocadas no desidratador. “Usamos açúcar demerara por ser natural e para dar maciez, reduzir o amargor, melhorar o sabor e despertar o aroma da fibra. Com esse processo desenvolvemos o primeiro sistema de reaproveitamento de cascas maduras que, além de concentrar os nutrientes desse produto tão rico, também contribui para reduzir o impacto que o descarte dessas cascas provoca no meio ambiente”, explica John Laurino, criador do produto e gestor da Nova Inglaterra.

“Estamos produzindo a Fibra Nutritiva de Banana em duas unidades fabris para oferecer esse produto para a indústria que pode utilizá-lo na produção de alimentos funcionais como barras energéticas, de cereais e de proteínas, granolas, snacks e cookies. Esse lançamento também pode ser usado nos setores de food service, panificação e de chocolates e comercializado a granel em empórios e lojas especializadas”, acrescenta.

FIBRA NUTRITIVA DE BANANA 2FIBRA NUTRITIVA DE BANANA

Confira os benefícios

A banana é rica em vitaminas A e C, mas sua casca traz mais nutrientes e benefícios que a própria polpa da fruta. Além de apresentar um teor de minerais superior em relação a própria fruta, contém quantidades elevadas de vitaminas e magnésio que previne a diabetes e mantém a saúde do sistema nervoso.

A casca de banana também contém triptofano, aminoácido essencial que aumenta os níveis de serotonina no corpo e afeta o humor positivamente. Além disso, possui mais fibras solúveis e insolúveis em comparação com as outras frutas que auxiliam na digestão e podem reduzir os níveis de açúcar e colesterol no sangue, ajudando a prevenir doenças cardiovasculares, diabetes e câncer, reduzindo inclusive as chances de ataque cardíaco ou acidente vascular cerebral.

Rica em minerais como o cálcio e potássio, importantes para a formação de dentes e ossos, para evitar fraqueza e fadiga muscular e prevenir cãibras, a casca de banana também possui polifenóis e carotenoides e fitoquímicos com propriedades antioxidantes que reduzem o estresse oxidativo e neutralizam os radicais livres em vários órgãos, incluindo a pele.

A casca também possui luteína, um carotenoide que protege os olhos dos danos dos radicais livres, dos riscos de catarata e de degeneração macular, além de filtrar os raios UV prejudiciais e prevenir o envelhecimento precoce. Além disso, acelera o metabolismo, pois possui amidos resistentes que o organismo demora mais tempo para digerir, e tem propriedades antibióticas, e antifúngicas.

CHOCOLATE COM FIBRA NUTRITIVA DE BANANA
Chocolate com fibra nutritiva de banana

COOKIES COM FIBRA NUTRITIVA DE BANANA
Cookie com fibra nutritiva de banana

Informações: Nova Inglaterra

Linha da Under Skin com pedras preciosas rejuvenesce, repõe minerais e melhora firmeza da pele

261539_532223_packshot_3d_revitalizing

Ouro, platina e diamante nanoencapulados — tecnologia que aumenta a permeação dos ativos – e extratos de pérolas e caviar são destaques da U.SK Revitalizing, linha de dois séruns e quatro elixires da Under Skin, que contam também com Fatores de Crescimento, estimulando a multiplicação celular

Além dos fatores genéticos, a pele sofre influências epigenéticas, de fatores ambientais, sociais e comportamentais. Sob esse aspecto, quando não cuidada, apresenta sinais de envelhecimento cutâneo precoce: surgem as marcas de expressão, as manchas, as rugas, a falta de elasticidade e vitalidade. Outros malefícios como a exposição solar excessiva, a formação de radicais livres, tabagismo, álcool, poluição, também agridem suas estruturas.

Para marcar o processo de cuidados específicos para a pele e fazer a prevenção contra os processos de envelhecimento cronológico e adquirido, a Under Skin™, marca brasileira de dermocosméticos com centro de pesquisa e desenvolvimento italiano, lança Revitalizing, linha composta por dois séruns e quatro elixires que, sozinhos ou em combinações, promovem renovação, remineralização, reposição e regeneração cutânea.

Segundo a marca, os produtos da linha Revitalizing possuem raras coleções (com Pérola, Caviar, Ouro, Platina e Diamante) com os benefícios da nanotecnologia direcionada para cuidado da pele em todas as idades. Não se trata de colocar metais na pele, dar glamour ou luxo, os ativos exercem ação fisiológica profunda por estarem nanoencapsulados. Isso significa que as moléculas desses ativos são muito menores que as dos dermocosméticos comuns, fazendo com que a penetração e absorção sejam muito mais rápidas e efetivas.

Outra característica da linha Revitalizing é a alta concentração de princípios ativos, como os Fatores de Crescimento purificados. Obtidos por engenharia genética, são capazes de estimular a proliferação e diferenciação das células epiteliais, melhorando o processo de cicatrização, promovendo o preenchimento tecidual, além de apresentarem ação despigmentante.
Os produtos contêm os mais diferenciados e inovadores ativos que possuem ações específicas, sendo capazes de promover a renovação celular, hidratação, reposição de vitaminas e oligoelementos, maior longevidade das células, síntese de proteínas estruturais e aumento da defesa imunológica da pele.

Os produtos desta linha são focados no conceito dos 4Rs: Renovação, Remineralização, Reposição e Regeneração, podendo ser usados em peles de todas as idades. A combinação de um sérum com um ou mais elixires vai depender da indicação do médico dermatologista, que avalia cada paciente de maneira única.

Produtos:

U.SK MIRACLE AWAKE SERUM
Miracle Awake Serum é um sérum uniformizador, que apresenta um efeito tensor imediato, Speed Cosmética, diminuindo a aparência de rugas e linhas de expressão. “O sérum Miracle Awake possui na fórmula a associação de ativos capazes de aumentar a elasticidade, tensionar, hidratar e proporcionar um efeito neuroprotetor para pele, que garantem a efetividade da comunicação entre as células e o melhor funcionamento dos mecanismos cutâneos, apresentando como diferencial o complexo ativo TensylTech™”, explica a dermatologista. “Quanto à aplicação, recomendamos duas gotas do produto sobre a região facial, massageando suavemente com movimentos circulares. O sérum também pode ser combinado com uma gota de um dos elixires da linha, ou até mesmo mais de um, e a mistura deve ser feita na palma da mão do paciente antes da aplicação”, indica a Dra. Claudia Marçal. A lista de ativos inclui:
• Sculptessence®: Remodelador cutâneo natural derivado da semente do linho e o único ativo que contém poliosídeos reversos, estruturas capazes de absorver grande quantidade de água (até 30 vezes seu peso) e proteger o colágeno da degradação progressiva. Proporciona o redesenho da face através de um mecanismo “no surgery”.
• Glutrapeptideo®: Peptídeo neuroativador e neuroprotetor cutâneo capaz de aumentar a comunicação celular e restaurar os mecanismos naturais. Apresenta alto poder de penetração tecidual, mais de 40% do ativo é capaz de atingir a derme, e potente ação antioxidante.
• Adipofill®: Aminoácido L-ornitina patenteado e encapsulado capaz de reverter o processo de lipo-atrofia relacionada com a idade no intuito de reduzir o aparecimento do envelhecimento estrutural e preencher o tecido adiposo.
• Instensyl®: Quarta geração de ingredientes tensores, obtido através da biopolimerização de açúcares pela tecnologia de cross-liking. Se espalha rapidamente sobre o microrrelevo cutâneo, promovendo um efeito tensor e suavizador imediato.
• Ácido Hialurônico: Presente em alta concentração na formulação, é capaz de conferir maciez, elasticidade, tonicidade e hidratação à pele. Preço: 270,00

U.SK DESIRE SCULPT SERUM
Sérum revitalizante que promove a redensificação do relevo cutâneo através de sua combinação exclusiva de ativos, que atuam na recuperação da volumetria e hidratação da pele. “O diferencial de Desire Sculpt Serum é o DensylRepair™, complexo de ingredientes que reestrutura a derme, através da redensificação das fibras de sustentação, assim como os elementos da matriz extracelular”, explica a dermatologista. Quanto ao modo de uso: aplicar duas gotas do produto, o qual pode ser associado a uma gota de um ou mais elixires da linha. Além do Sculptessence®, Glutrapeptideo®, Adipofill®, Instensyl® e Ácido Hialurônico, o sérum também conta com os ativos:
• Glyco Repair®: Oligogalactomananas capazes de restaurar o processo fisiológico do sistema de regeneração do tecido e acelerar a reconstrução da pele danificada, favorecendo a recuperação de suas funções essenciais.
• Celldetox®: Alfa-glucanas, que estimulam a formação de autofagossomas, agentes responsáveis por sequestrar tudo que é “ruim” nas células; reforça o processo de detoxificação, ou seja, livra as células de proteínas e lipídeos alterados.
• Telosomyl®: Ativo proveniente de biomassa marinha (algas vermelhas) capaz de estimular a expressão das proteínas telossômicas, limitando o encurtamento dos telômeros e mantendo a longevidade celular. É capaz de recuperar a densidade da matriz extracelular, reduzir rugas e prevenir o envelhecimento precoce da pele.
• Essenskin®: Fonte complementar de cálcio e de aminoácidos essenciais que recria a fisiologia epidermal e restaura as principais funções celulares como diferenciação, proliferação, síntese proteica e lipídica. A pele ganha novamente sua densidade, firmeza, elasticidade e uniformidade. Preço: R$ 270,00

U.SK PRECIOUS ELIXIR INFUSION PEARL & CAVIAR
A Under Skin foi buscar nas pérolas e no caviar os nutrientes necessários para a pele carente de elementos essencias. Precious Elixir Infusion Pearl & Caviar foi especialmente formulado para conferir elasticidade, tonicidade, hidratação e luminosidade à pele. “O alto teor de proteínas e vitaminas provenientes dos extratos de pérola e caviar ativa novas células da pele, reduzindo gradativamente a formação de rugas. Também possui Fator de Crescimento Epidermal, que age sobre os queratinócitos e fibroblastos, promovendo uma ação cicatrizante, de reparo tecidual, preenchedora e despigmentante”, explica a dermatologista Dra. Claudia Marçal. “Uma gota do produto é suficiente, sempre massageando suavemente com movimentos circulares. Pode ser associado a um dos séruns da linha para potencialização dos resultados”, recomenda. O produto conta com os seguintes ativos:
• Provi Marino® (Extrato de caviar): Ativo proveniente de ovas de salmão, também conhecidas como caviar vermelho. Possui quantidades muito elevadas de elementos e substâncias que agem sobre nossa pele como os aminoácidos essenciais, proteínas, peptídeos ácidos, ácidos graxos essenciais (ômega-3), vitaminas E, A e C e oligoelementos. Estimulam a renovação cutânea, proporcionando uma aparência homogênea e elástica a pele.
• Pearlessence® (Extrato de pérolas): Possui ação hidratante, protetora e de defesa cutânea. Composto por 10% de proteína, 17 tipos de aminoácidos e oligoelementos (como magnésio, cobre, zinco, ferro e selênio).
• Fator de Crescimento Epidermal (EGF): Obtido por biotecnologia pela técnica de proteínas recombinantes, é 100% homólogo às proteínas humanas e apresenta ação cicatrizante, de reparo tecidual, preenchedora e despigmentante.
• Fucogel®: Ativo capaz de aumentar a longevidade celular, reduzir a sensibilidade e melhorar a textura da pele.
• Silicone de terceira geração capaz de melhorar o sensorial e promover efeito booster na absorção e eficácia dos ativos. Preço: R$ 180,00

PRECIOUS ELIXIR INFUSION COLLOIDAL GOLD
Do ouro, a Under Skin extrai elementos para uma pele com necessidades de remineralização. Com ação antioxidante, U.SK Precious Elixir Infusion Colloidal Gold remineraliza as camadas da pele e promove estímulo à síntese de proteínas estruturais como colágeno e elastina. “O peptídeo nanoconjugado com partículas de ouro coloidal modificadas revitaliza e uniformiza a textura do tecido cutâneo; como resultado a pele se torna mais uniforme e luminosa”, explica a Dra. Cláudia Marçal. Uma gota do produto é suficiente, podendo ser associado ao Miracle Awake Serum ou Desire Sculpt Serum. Além do Fucogel® e silicone, o produto apresenta:
• Golden Collagenine® (Ouro Coloidal): Mediador celular e estimulador de síntese de colágeno. Proteína nanoconjugada com partículas de ouro modificado, que apresenta um efeito notável sobre o aumento da síntese do colágeno, através da melhora da comunicação celular.
• Oligomix®: Associação de quatro oligoelementos essenciais ao metabolismo celular, zinco (ação antisseborreica e de melhora imunológica), cobre (catalizador da formação de colágeno e elastina, além de ser antioxidante), manganês (combatendo a senescência, o processo de envelhecimento natural) e magnésio (reações biológicas para síntese de elementos essenciais).
• Fator de Crescimento Fibroblasto básico (bFGF): Atua sobre os fibroblastos, sendo capaz de promover a síntese de colágeno e elastina, cicatrização e ação preenchedora. Preço: R$ 180,00

PRECIOUS ELIXIR INFUSION PLATINUM
As propriedades especiais da Platina Coloidal que, através da nanotecnologia, desempenha papéis fundamentais para melhora da fisiologia da pele, são o destaque da composição da U.SK Precious Elixir Infusion Platinum. O produto restaura a barreira cutânea por ser capaz de aumentar a espessura epitelial e diminuir a degradação da matriz celular dermo-epidérmica. “O peptídeo de enzimas nanoconjugado com platina intensifica a produção de proteínas estruturais, hidrata e protege a pele contra o estresse ambiental, conferindo vitalidade e proteção e, em associação com os outros ativos da fórmula, promove o rejuvenescimento”, destaca a diretora científica da marca. Aplicar uma gota do produto ou associar com duas gotas de sérum. Além do Fucogel® e silicone, fazem parte da composição:
• Platinum Matrix-EM®: Peptídeo nanoconjugado com partículas de platina capaz de aumentar a síntese de proteínas da matriz extracelular.
• Menofit®: Peptídeos purificados da alcachofra, capazes de aumentar em 238% a síntese de colágeno tipo I e minimizar os efeitos causados pela deficiência hormonal decorrente da menopausa.
• Trymulen 4®: Peptídeo semelhante ao hormônio da juventude – timopoietina – capaz de aumentar a defesa imunológica da pele e promover o rejuvenescimento.
• Fator de Crescimento Transformador (TGF-b3): Capaz de atuar sobre o crescimento, proliferação e diferenciação de diferentes tipos de células, principalmente fibroblastos. É um dos mais potentes mediadores fibrogênicos, sendo capaz de aumentar consideravelmente os níveis de colágeno e elastina na pele. Preço: R$ 202,50

PRECIOUS ELIXIR INFUSION DIAMOND
Uma das mais importantes pedras preciosas, o diamante é destaque no U.SK Precious Elixir Infusion Diamond, que promove a regeneração e reconstrução das estruturas da pele. “A presença de tetrapeptídeos biomimético, derivados de fator de crescimento, previnem a perda da elasticidade e melhoram a uniformidade e textura epitelial. As microesferas de Dióxido de Silício cobertas com diamantes e peptídeos aumentam a longevidade celular e potencializam a síntese de proteínas de sustentação”, explica a dermatologista Dra Claudia Marçal. A aplicação é de uma gota, massageando suavemente com movimentos circulares, e pode ser associado aos séruns da linha para potencializar as ações. Além do Fator de Crescimento Transformador (TGF-b3), Fucogel® e silicone, fazem parte da composição:
• Diamond Sirt®: Nanoconjugado formado por microesferas de dióxido de silício coberto com um agregado de diamantes e análogos de sirtuína-1, age aumentando a longevidade das células e apresenta resultados mais expressivos que o resveratrol.
• Chronoline®: Tetrapeptídeo biomimético derivado de fator de crescimento capaz de aumentar a produção de componentes chaves da junção dermo-epidérmica como colágeno VII, laminina-5 e fibronectina, que melhora o apoio estrutural da pele. Preço: R$ 202,50