Arquivo da tag: mulheres

Chocolate afrodisíaco promete aumentar desempenho sexual de homens e mulheres

Com 70% de cacau e adoçado apenas com stevia e manitol, Chocolove Men e Women, da Pharmapele, é formulado com ativos 100% naturais que potencializam o desejo e a atividade sexual

Com o dia dos namorados próximo, a busca por produtos e mimos para presentear o amado começa. E um dos grandes procurados neste momento é o chocolate, afinal, é difícil encontrar quem não goste da guloseima. O problema é que o chocolate, apesar de ser sempre uma boa pedida, se tornou um presente clichê para o dia 12 de junho. Pensando então em trazer uma inovação capaz de ganhar corações, a Pharmapele desenvolveu o Chocolove, um chocolate 100% natural com ativos estimulantes de poder afrodisíaco.

362066_884586_lAmina_de_apoio___choco_love__a5_

“Com 70% de cacau em sua composição, o Chocolove está disponível em duas versões, sendo uma voltada para o público masculino e a outra para o feminino. E o melhor é que o produto é adoçado com apenas com manitol e stevia, o que, em combinação a grande concentração de cacau, torna o chocolate muito saudável, podendo ser ingerido até por aqueles que não querem sair da dieta”, afirma Luisa Saldanha, farmacêutica e diretora técnica da Pharmapele.

Segundo a especialista, o Chocolove Men é capaz de potencializar a atividade sexual masculina e aumentar o desejo sexual do homem, já que aumenta sutilmente a liberação de testosterona, principal hormônio sexual masculino, no organismo. “Isso por que o produto conta com ingredientes como o Tribulus terrestris, erva rica em esteroides e flavonoides capaz de restaurar a libido sexual, prolongando a duração da ereção e estimulando a espermiogênese, o que aumenta o número e a locomoção dos espermatozoides.

O ativo também é capaz de aumentar em 33% os níveis de testosterona no organismo, sendo então comumente utilizado no tratamento de infertilidade, disfunções sexuais e baixa libido”, explica. O produto também traz como destaque o Black Nocaute, um suplemento natural potencializador da libido. “O ativo ajuda a manter os níveis normais de testosterona organismo, assim melhorando a performance sexual masculina e aumentando a vascularização e fluxo sanguíneo, o que tem impacto na prolongação do desempenho sexual.”

Já o Chocolove Women atua no aumento da função sexual e da libido feminina através de um mix de ativos 100% naturais com propriedades afrodisíacas. “Além do Tribullus terrestris, que nas mulheres restaura a libido sexual através do estímulo da ovulação, a função do Chocolove Women deve-se também a presença do Ginkgo Biloba, que, por meio do aumento da circulação microvascular e do fluxo sanguíneo para a vagina, melhora a função sexual”, ressalta a farmacêutica.

“O produto também é formulado com Maca Peruana, uma raiz comestível capaz de melhorar disfunções sexuais e a libido por possuir um composto semelhante a molécula da testosterona, e Mucuna pruriens, que conta com propriedades afrodisíacas, promovendo o aumento da atividade sexual e da libido”, completa.

Sobre o modo de uso, Luisa Saldanha explica que o Chocolove Men deve ser ingerido uma vez ao dia, enquanto o Chocolove Women é indicado para ser usado de uma a duas vezes ao dia. Porém, o uso do Chocolove Men não deve exceder 12 semanas contínuas.

“É importante ressaltar também que o produto é contraindicado para menores de idade, gestantes, lactantes e pessoas que sofrem de câncer, disfunções hormonais, doença de Parkinson, hipertensão, hipertrofia da próstrata e doenças cardiovasculares, de tireoide, rim e fígado. Além disso, os produtos não devem ser combinados com outros boosters de testosterona e medicamentos antidepressivos e inibidores de monoamina oxidase (MAO)”, finaliza.

362066_884587_whatsapp_image_2019_05_28_at_2.52.42_pm__1_

As caixas com 10 unidades do Chocolove Men e Women custam, respetivamente, R$ 65,90 e R$ 58,60, mas têm 15% de desconto quando compradas em conjunto.

Fonte: Pharmapele 

Retirada da tireoide pode levar ao hipoparatireoidismo

O hipoparatireoidismo acomete de 20 a 30 pessoas em cada 100 mil, sendo mais comum em mulheres, e uma das causas para o surgimento da doença é a lesão cirúrgica das paratireoides durante a retirada da glândula tireoide.

Entre os sintomas estão: formigamentos na região da boca, mãos ou pés, cãibras, que podem chegar a convulsões, e contrações musculares involuntárias e frequentes. Em geral, estes sintomas aparecem logo após a cirurgia, mas em alguns casos podem levar meses ou anos para aparecer.

Em outros casos mais raros, o hipoparatireoidismo pode acontecer por destruição da glândula por doença autoimune ou por má-formação genética. A presença de catarata ou calcificações cerebrais deve levantar esta suspeita, especialmente quando aparecem em jovens com quadro clínico compatível. As dosagens sanguíneas de cálcio e PTH baixos definem o diagnóstico.

A redução na produção de hormônios pelas glândulas paratireoides, que são responsáveis pela regulação do metabolismo do cálcio e fósforo no organismo, gera desequilíbrio que causa problemas nos músculos, coração e terminações nervosas. “O tratamento padrão é feito com sais de cálcio e vitamina D.

Em alguns casos, podemos lançar mão de tiazídicos (fármacos diuréticos) para diminuir a perda urinária de cálcio e necessitar de quelantes de fósforo nos quadros mais graves. É importante ter acompanhamento especializado para monitorar o tratamento e as complicações crônicas da doença”, explica Sergio Setsuo Maeda, presidente da Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia Regional São Paulo (SBEM-SP).

miolo_tireoide
Ilustração: SBEM

As complicações crônicas do hipoparatireoidismo estão relacionadas à progressão da doença e ao seu tratamento e incluem manifestações renais, oculares, cardiovasculares, ósseas e neuropsiquiátricas.

Endocrinologistas e cirurgiões de cabeça e pescoço elaboraram o Consenso Brasileiro para o Diagnóstico e Tratamento do Hipoparatireoidismo publicado em 2018, que visa educar e instruir os médicos que acompanham esta condição. Ele versa sobre diagnóstico, investigação, tratamento e monitorização das complicações, com uma parte dedicada à esfera cirúrgica. “Esse consenso traz informações atualizadas que vão beneficiar os pacientes, tendo por base as recomendações nele descritas”, conclui Maeda.

Fonte: SBEM-SP

Beleza madura: dicas de make para mulheres 50+

Para cada fase da vida há uma beleza especial a ser evidenciada, e uma boa produção no make gera autoconfiança em todas as idades. Com essa máxima em mente, o beauty artist do salão C.Kamura SP, Roosevelt Vanini, destaca os melhores métodos e dicas para ressaltar a beleza madura, aquela que chega a partir dos 50 anos.

“Se quiserem, mulheres maduras podem, sim, ousar no make e apostar nas possibilidades das cores, detalhes e acabamentos, sempre com muita elegância. Depois de uma vida de regras, é hora de se reinventar”, comenta Vanini.

gettyimages- mulher pele meia idade

A primeira dica é aceitar a pele madura, não tentando encobrir totalmente as marcas do tempo, para ele “cobrir tudo e usar produtos em excesso, acaba causando o efeito contrário, destacando ainda mais os sinais da pele, como as rugas”.

A opção é apostar em bases com pouca cobertura e mais fluída, que corrige imperfeições com leveza, não acumulando nos vincos. Esses produtos mais leves, recuperam o viço da pele de forma mais natural.

Para looks do dia a dia, o profissional sugere para a pele um corretivo emoliente e pó fixador sem cor na zona T do rosto, retirando o excesso de brilho. Para os olhos, a sugestão é investir em tons marrons para a pálpebra toda e, para o delineado, iluminar o canto interno e o supercílio, levantando o olhar.

maquiagem-pele-madura mulher

Já para a noite, a dica é apostar em cores fortes e diferentes para a boca e os olhos. Uma ótima combinação é o clássico smokey eyes combinado com um batom vermelho mate, na versão líquida. Para acompanhar toda essa produção, um penteado mais alto colabora com a imagem de uma mulher elegante a confiante.

C.Kamura SP – Rua da Consolação, 3679 – Cerqueira César – São Paulo

Ikesaki promove palestras em parceria com grupo Mulheres no E-commerce no VTEX DAY 2019

Nos dias 30 e 31 de maio, a rede de hiperlojas promoverá ciclo de palestras com profissionais de destaque no e-commerce. Marca também irá apresentar tecnologia de realidade aumentada xAR, exposição da Maurício de Sousa Produções e mais

A Ikesaki, rede de hiperlojas de beleza profissional, irá apresentar na 7ª edição do VTEX DAY, evento de tecnologia em e-commerce que ocorrerá nos dias 30 e 31 de maio, no São Paulo Expo, uma série de ações que destacam inovação e empoderamento. No Meeting point das Mulheres no E-commerce, a Ikesaki idealizou um espaço exclusivo para receber as profissionais do setor.

“O grupo Mulheres no E-commerce surgiu com o objetivo de auxiliar mulheres que empreendem ou trabalham com e-commerce. A iniciativa já reúne aproximadamente 4 mil mulheres e promove o crescimento das profissionais, estimula o networking, e oferece suporte às mulheres”, afirma Carolina Moreno, Diretora de Marketing na Original.io e Fundadora do Mulheres no E-commerce.

Confira a agenda de Palestras da Ikesaki no VTEX DAY 2019:

30 de maio – 14h30 – Palestra de Virginia Vieira – A Gestão das Emoções
30 de maio – 16h – Palestra de Elaine Dias – Os cuidados da saúde no dia a dia das mulheres
31 de maio – 10h – Palestra de Andrea Iorio – Relacionamento com o Cliente na Era Digital
31 de maio – 12h – Palestra de Cristiano Santos – A incrível arte de gerar negócios através do Linkedin
31 de maio – 13h – Palestra de Virgínia Vieira – A Gestão das Emoções
31 de maio – 14h – Palestra de Liliane Ferrari – Pinterest: diga-me o que pinas que te direi quem és
31 de maio – 14h40 – Palestra de Renata Melhen – Empreendedorismo Feminino

Para participar das palestras, as interessadas deverão se inscrever no estande da Ikesaki, das 12h às 14h, nos dois dias do evento.

mulher executiva

Além das palestras, a Ikesaki irá apresentar as seguintes atrações em seu estande no VTEX DAY 2019:

Área de realidade aumentada – Por meio da incorporação da solução de Realidade Aumentada xAR, desenvolvida pela xGB, a Ikesaki lançará um game que consiste em apontar o dispositivo, seja um smartphone ou tablet, para marcadores que estarão disponíveis em um painel durante o evento. Por meio de uma matriz de escolha, os jogadores avançarão até concluírem a jornada proposta. Ao final, os usuários serão premiados com brindes das marcas de beleza parceiras.

Exposição Somos Todas #donasdarua, da Maurício de Souza Produções – A exposição da empresa criada por Mauricio de Sousa, o pai da Turma da Mônica, agrega conteúdos que demonstram, por meio de histórias e exemplos, como meninas do Brasil e do mundo podem exercitar seu direito de ser o que quiserem e entender melhor conceitos como empoderamento e igualdade de oportunidades.

Espaço Empodere-se

Nesta área, a Ikesaki irá oferecer sua experiência de salão de beleza gratuitamente aos visitantes do VTEX DAY. Nos camarins, profissionais aplicarão serviços de análise capilar, de tendências em cabelos, como o corte ‘bordado’; maquiagem e esmaltação. No espaço Barber Shop, serão oferecidos serviços de corte e barba. Haverá também máquinas de fliperama e estúdio de tatuagem. As ações ocorrem em parceria com as marcas Bio Extratus, Dailus, Impala, Barba Forte, Bilhares Mercedes e Okashi San.

Entregas em 2 horas

Nos dois dias de VTEX DAY, os produtos profissionais de beleza da Ikesaki serão encontrados a preços promocionais, com brindes e opção de serviço de entrega rápida – em 2 horas – dentro do pavilhão, para compras efetuadas no totem ou no tablet no estande.

O VTEX DAY é um dos maiores eventos do mercado digital. Um público de mais de 15 mil pessoas é esperado na edição de 2019. O VTEX DAY terá mais de 24 horas de conteúdos inéditos, distribuídos em dois dias de programação e apresentados por mais de 80 especialistas em diversos assuntos. Entre os destaques de palestrantes está o criador da Turma da Mônica, Maurício de Sousa.

Ikesaki no VTEX DAY 2019
Datas: 30 e 31 de maio
Local: São Paulo Expo
Endereço: Km 1,5 da Rodovia dos Imigrantes
Horário: 30/05 (8h) e 31/05 (9h)

Feminicídio: é essencial que as vítimas de violência doméstica e familiar registrem BO*

Dados divulgados recentemente revelaram que os casos de feminicídio aumentaram 76% no primeiro trimestre de 2019 em São Paulo, se comparados ao mesmo período do ano anterior.

Há quatro anos entrou em vigor a Lei 13104/15 que alterou o Código Penal para incluir mais uma modalidade de homicídio qualificado, o feminicídio, ou seja, quando o crime for praticado contra a mulher por razões da condição de sexo feminino, esclarecendo que ocorrerá em duas hipóteses: (i) quando o crime envolve violência doméstica e familiar; (ii) quando há menosprezo ou discriminação à condição de mulher. A pena estabelecida é de 12 a 30 anos de reclusão, tendo sido incluído no rol de crimes hediondos.

Desde que a lei entrou em vigor, os casos de feminicídio vêm aumentando, mas isso não significa um aumento na quantidade de mortes de mulheres em função do gênero, mas a conscientização sobre a tipificação do feminicídio.

Embora seja um passo necessário, a punição mais severa não é suficiente para o combate à violência contra a mulher. É necessária uma ação conjunta, com a adoção de políticas públicas de acolhimento da mulher que é vítima de violência doméstica e educação de gênero para conscientização sobre a questão, o que é previsto na Lei Maria da Penha.

As medidas protetivas de urgência previstas na Lei Maria da Penha são fundamentais e têm relação direta com a diminuição de números de feminicídio. Inclusive, desde abril de 2018, o seu descumprimento passou a ser tipificado como crime.

É essencial que as vítimas de violência doméstica e familiar registrem Boletim de Ocorrência e busquem ajuda na rede de atendimento. Dados estatísticos revelam que a maioria de vítimas de feminicídio nunca registrou boletim de ocorrência ou obteve uma medida de proteção, sendo que romper o silêncio e deferir medidas de proteção é uma das estratégias mais efetivas na prevenção do feminicídio.

casal tristeza

*Daniela S. Martins Cavalcante é graduada em Direito pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo em 1997. Pós Graduada em Direito Penal pela Pontifícia Universidade Católica de São Paulo – PUC/SP. Possui grande experiência na área penal, atua na defesa de casos concretos em todas as esferas, instâncias e tribunais.

 

Aplicativo classifica locais considerados com risco de assédio a mulheres

Plataforma tem o objetivo de reduzir casos de violência e foi selecionada como finalista do programa Campus Mobile, iniciativa do Instituto NET Claro Embratel

SafeGirl é um aplicativo desenvolvido para contribuir na prevenção de assédio sexual. Pensada para o público feminino, a solução faz parte dos projetos finalistas do Campus Mobile, concurso de inovação e empreendedorismo do Instituto NET Claro Embratel, em parceria com a Associação do Laboratório de Sistemas Integráveis Tecnológico (LSI-TEC/USP) e o apoio da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo, que incentiva a formação de talentos junto a alunos universitários e recém-formados para atuação no mercado de conteúdos e novos serviços de telefonia móvel.

A solução, criada por Mateus Bezerra da Silva, estudante da Universidade Federal do Amapá, e Vitor Hugo Moraes e Brenda Sá, da Universidade Federal do Maranhão, incentiva mulheres a compartilhar no aplicativo a experiência que vivenciam nos lugares que frequentam, a partir de uma classificação com diferentes graus de segurança.

“A plataforma serve para empoderar as mulheres, reduzindo o número de casos de violência, combatendo diversas formas de opressão e proporcionando um espaço de promoção e proteção dos Direitos Humanos”, comenta Mateus.

celular carro pixabay
Pixabay

Além da classificação dos locais, outras funcionalidades devem ser adicionadas no aplicativo, como descontos para usuárias, acesso às leis que garantem seus direitos e também o contato de organizações de combate à violência contra mulher.

Viagem ao Vale do Silício

O aplicativo dos estudantes concorre com outros dois projetos na categoria Diversidade do Campus Mobile. Os vencedores do concurso serão premiados pelo Instituto NET Claro Embratel com uma viagem ao Vale do Silício, na Califórnia, Estados Unidos, para uma imersão nas principais empresas de tecnologia do mundo, como Google, Facebook, Twitter e até mesmo a Universidade de Stanford, para finalizarem os projetos. O resultado final, com a indicação dos vencedores, será divulgado no dia 6 de maio.

Na sétima edição, o Campus Mobile, concurso de ideias e soluções para telefonia móvel, já premiou 18 aplicativos ao longo dos últimos anos. Durante o programa os participantes selecionados recebem monitoria de especialistas da área de inovação para o aperfeiçoamento dos projetos. Eles também participam de uma semana presencial em São Paulo, que conta com maratona de programação, palestras e visitas a empresas parceiras.

Fonte: Instituto Net Claro Embratel

Maioria das mulheres sente desconforto com algum sinal no rosto, mostra pesquisa

A pesquisa “O que sua pele conta” realizada em 2015 pelo Ibope Inteligência, revelou que 94% das mulheres, com idade entre 30 e 60 anos, têm algum sinal na pele do rosto que as incomoda e, que duas em cada três mulheres, têm medo de envelhecer.

Ainda no estudo, as linhas de expressão foram apontadas, por 56% das mulheres, como o sinal que mais incomoda. O surgimento delas e das rugas varia de pessoa para pessoa e diversos fatores podem influenciar na aparição desses sinais. De qualquer forma, é importante cuidar da pele desde a infância, com uso regular de protetor solar. Na adolescência, fase em que as alterações hormonais podem provocar alterações e o surgimento de acne, os cuidados devem ser redobrados.

A partir dos 25 anos, os tratamentos anti-idade podem ser iniciados como forma de prevenção, pois é quando a produção de colágeno começa a diminuir e os efeitos causados pelo sol dão seus primeiros sinais. Nessa época, a higienização da pele, o uso de protetor solar e a hidratação podem auxiliar na prevenção do envelhecimento.

A pesquisa também mostrou que 52% das entrevistadas começam a sentir as mudanças na pele do rosto a partir dos 30 anos. Já quando atingem o período da menopausa, há uma aceleração, que resulta no aspecto de envelhecimento e intensificação das rugas.

Quando a pele amadurece, a capacidade de renovação celular diminui. Ela se torna mais seca, sem firmeza e menos radiante. Nesses casos são indicados os cremes anti-idade, firmadores ou tensores e tratamentos mais específicos para rugas e linhas de expressão.

Confira abaixo a sugestão dos melhores produtos anti-idade disponíveis no mercado:

Liberté Nuit Hydratant Pour Le Visage, de Akmos

akmos-liberte-hidratante.png

Elaborado com matérias-primas selecionadas, age recuperando a pele das exposições sofridas durante o dia. Enriquecido com ureia, possui alta eficiência no quesito hidratação e é capaz de se unir à água e reter umidade na pele além de estimular a produção de colágeno endógeno. O colágeno solúvel presente na fórmula, foi projetado para atravessar facilmente os poros e reduzir os efeitos do envelhecimento a medida que é absorvido. O D-pantenol produz um efeito eutrófico dérmico elevando a resistência das fibras de colágeno ajudando na firmeza da pele, além de hidratação e rápida absorção. A vitamina E age fortalecendo a barreira da pele, protegendo o equilíbrio de lipídios na barreira cutânea e reduzindo a perda de água transepidérmica, além da atividade antioxidante. Os extratos de mel e amêndoas, garantem a tonicidade, emoliência e suavidade da pele. Todos os produtos da Akmos são regularizados pela Anvisa e são livres de testes em animais. Preço: R$ 79,99

Creme Facial Antirrugas Renew Ultimate Multiação Noite, de Avon

renew-ultimate-multiacao-creme-facial-antirrugas-noite-50g-AVN2757
O Creme Facial Antirrugas Renew Ultimate Multiação Noite foi desenvolvido para a coleção Renew Ultimate, da Avon Skin Care Institute, para tratar e conferir resultados comprovados à pele. A fórmula contém Minerais de Ouro e Celluvive Plus Complex, com extrato de Pérola Negra, proveniente das águas exóticas do Taiti. O produto retém a umidade da pele, deixando-a jovem e hidratada e restaurando seu brilho natural. Preço: R$ 77,99

Neo Dermo Etage Total Regenerate Sérum Concentrado, de Eudora

Neo_Dermo_Etage_Serum_Evolucao_818751
Recomendado para todas as idades, o Neo Dermo Etage Sérum Evolução acelera o tratamento anti-idade e faz parte de uma linha de tratamento expert. O sérum facial estimula a produção de colágeno e elastina que dão estrutura à pele. Sua fórmula de textura leve e livre de óleo contém a tecnologia Block Effect, que bloqueia os sinais de envelhecimento. Além disso, ainda promove reconstrução e combate as linhas de expressão e rugas profundas, deixando sua pele mais firme, uniforme e rejuvenescida.
Preço: R$ 124,99

AK Beauty Young, da Akmos

ak-beauty-young
O colágeno Young é um suplemento de colágeno hidrolisado em cápsulas que combate o envelhecimento precoce da pele, proporciona ossos e dentes mais resistentes e atua na manutenção das cartilagens. Além disso o produto diminui as marcas de expressão e previne e trata estrias. O colágeno é um elemento fundamental para a manutenção da estrutura da pele, ossos, tendões, cartilagens e dentes. Fornece sustentação, dá forma e resistência aos tecidos e órgãos humanos. Preço: R$ 89,99

Salvar

Saúde: quais cuidados as mulheres devem ter após os 50 anos

Normalmente, a maioria das mulheres atinge a menopausa entre os 48 e os 52 anos. Nesta fase, elas se tornam um grupo de risco para a osteoporose. Por isso, ter um cuidado especial com os ossos é importante. Atividade física, alimentação rica em cálcio, não fumar e ter a taxa de vitamina D adequada são imprescindíveis para a prevenção.

O aumento na incidência de Doença Arterial Coronariana na mulher após os 50 anos, está relacionado às modificações hormonais, circulatórias e sanguíneas. Essas modificações, constituem a principal causa de mortalidade entre a população de meia-idade.

coração estetoscopio
Foto: Imelechon

No processo de envelhecimento das mulheres, ocorrem alterações no perfil metabólico que resultam em modificações na composição e distribuição do tecido adiposo, favorecendo tanto o aumento de peso, quanto também a progressão de eventuais processos ateroscleróticos. Dentre os principais fatores de risco para as doenças cardiovasculares estão: idade, obesidade, tabagismo, hipertensão arterial sistêmica, dislipidemias, diabetes mellitus, histórico familiar, estresse e sedentarismo.

papada pescoço mulher meia idade

Para a pele, além da hidratação com a ingestão adequada de água, capriche na hidratação do pescoço, colo e mãos, regiões que, com o passar do tempo, acabam evidenciando sinais de envelhecimento. Cosméticos indicados por profissionais e tratamentos estéticos, como a toxina botulínica (botox), luz pulsada e laser fracionado auxiliam na manutenção da pele rejuvenescida, ao corrigir linhas de expressão, clarear manchas e melhorar a flacidez.

O câncer de mama não tem somente uma causa, por exemplo. A idade é um dos mais importantes fatores de risco para a doença (cerca de quatro em cada cinco casos ocorrem após os 50 anos).

Dicas:

-Faça check-up ginecológico e cardiológico anual

medico e paciente uc health
Foto: UC Health

-Acompanhamento com geriatra para prevenção e acompanhamento visando qualidade de vida e envelhecimento saudável

-Check-up dermatológico para tratamento estético e prevenção de câncer de pele

menopausa mulher bicicleta

-Atividade física é fundamental para prevenir osteoporose, doenças cardiovasculares, ganho de peso e Doença de Alzheimer

-Alimentação saudável, rica em ômega 3, reduzida em sal e em gorduras saturadas

mulher meia idade tomando agua

-Hidratação adequada – recomendado 1,5l a 2l de água por dia

-Terapia de reposição hormonal quando não houver contraindicação

tatiana aquino

Fonte: Tatiana Aquino é formada pela Faculdade de Ciências Médicas de Santos
e tem consultório na Rua Sabará, 566, conj. 113 – Higienópolis- SP

Boas noites de sono são fundamentais para o bem-estar da mulher

Dormir bem evita o estresse e melhora a disposição para enfrentar a rotina do dia a dia

Muitas vezes, os compromissos e as tarefas do dia a dia podem deixar a rotina da mulher ainda mais agitada. Para enfrentar essa correria, boas noites de descanso são essenciais. Segundo pesquisa da Universidade de Duke, nos Estados Unidos, quando o assunto é sono, o sexo feminino tem padrões diferentes do masculino.

cama mulher sono dormir pixabay dieter robbins
Foto: Dieter Robbins/Pixabay

“Devido à diferença hormonal, o público feminino precisa de mais horas dormidas para manter a mesma disposição, se comparado ao sexo oposto” explica Renata Federighi, Consultora do Sono da Duoflex.

Outro estudo, realizado pelo Instituto do Sono da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), mostrou que as mulheres levam mais tempo para adormecer, porém o tempo do sono mais profundo (REM) é mais longo. Além disso, elas são mais propensas a terem sonhos ruins, os chamados pesadelos.

“Elas têm alterações hormonais que prejudicam o sono normal, como o período menstrual, a menopausa e a gravidez. A progesterona (hormônio feminino) tem papel fundamental nos mecanismos reguladores do sono. Tanto que as mulheres em pós menopausa, por exemplo, apresentam queda na qualidade e no número de minutos de sono”, esclarece a consultora.

Além disso, as mulheres estão mais propensas a desenvolver doenças cardíacas e depressão quando não dormem bem durante um período longo da vida.

Outra preocupação recorrente entre as mulheres é com a aparência. E ao contrário do que se imagina, sono da beleza não é só uma expressão. De acordo com Renata, o corpo produz hormônios associados ao estresse quando não há repouso adequado.

“Isso altera funções vitais e provoca vasoconstrição, ou seja, palidez e cansaço. Dormir menos do que precisamos deixa a pele sem brilho, com aumento dos vincos e flácida, pois o hormônio do crescimento, que é responsável pelo tônus muscular e pela renovação celular, é liberado em grande quantidade enquanto dormimos. As olheiras também se acentuam, o que faz com que a aparência fique ainda mais abatida”, explica.

Cerca de 40% da população apresenta algum tipo de distúrbio do sono

Conhecer estas particularidades é essencial para se garantir horas de sono realmente reconfortantes e, consequentemente, o bom funcionamento do organismo. Outras práticas podem ajudar a ter boas noites de sono.

“É importante se atentar à postura, usar um travesseiro e colchão que ofereçam conforto e sustentação para a cabeça e corpo, preservando a curvatura natural e alinhando a coluna, seguir uma alimentação saudável e hidratar-se bem, manter o ambiente arejado e o mais silencioso e escuro possível e evitar atividades estimulantes antes de dormir”, orienta a consultora do sono da Duoflex.

Fonte: Duoflex

99 e Peita lançam camiseta exclusiva para mulheres

Estampando a frase “Dirija como uma garota”, aplicativo questiona o estereótipo que difama motoristas mulheres

“Mulher no volante, perigo constante”. Ano a ano, a piada machista usada repetidamente em todos os cantos do Brasil vai perdendo sua força. Afinal, apesar do preconceito, a primeira pessoa na história a dirigir um automóvel a longa distância foi uma mulher. Em 1888, a alemã Bertha Benz dirigiu seu Benz Patent-Motorwagen por 106 quilômetros entre as cidades de Mannheim e Pforzheim.

Segundo o Departamento Nacional de Trânsito (Denatran), nos últimos anos apenas 11% dos acidentes de trânsito foram provocados por motoristas mulheres. Além disso, de acordo com o Seguro de Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Vias Terrestres (DPVAT), das vítimas fatais de acidentes de trânsito em 2017, apenas 24% eram mulheres.

Diante desse cenário, a 99 – empresa de mobilidade urbana que integra a gigante chinesa DiDi Chuxing – desenvolveu uma camiseta exclusiva, em parceria com a marca curitibana Peita, que traz a frase “Dirija como uma garota”, para romper com o preconceito quando o assunto é gênero e direção. No Paraná, terra da Peita, onde a 99 atua em mais de 70 cidades, as mulheres já representavam quase 40% dos motoristas do estado em 2017.

O lançamento faz parte das ações especiais da 99 para o mês de março. Além dele, há ainda treinamentos de direção evasiva, finanças pessoais, segurança e incentivos para cadastramento de novas motoristas. A camiseta “Dirija como uma garota” será lançada oficialmente no próximo dia 23 de março, em evento para motoristas na Casa99 de Curitiba (R. Pasteur, 463 – Batel). Condutoras parceiras da plataforma em Porto Alegre, Belo Horizonte, Goiânia, Brasília e São Paulo também serão presenteadas com a peça exclusiva.

Peita_.jpg

Para mostrar que contra números não existem argumentos, e muito menos falta de respeito, a 99 fez uma seleção de dados para o mês das mulheres. A lista completa pode ser acessada aqui.