Arquivo da tag: outubro rosa

Outubro Rosa: um cardápio saudável contribui para prevenção do câncer de mama

Bio Mundo apresenta cinco alimentos para incluir no menu do dia a dia que ajudam no combate à doença e melhoram a qualidade de vida

De acordo com o Inca (Instituto Nacional do Câncer), o tipo que mais afeta as mulheres no Brasil é o câncer de mama, e cerca de 30% desses casos poderiam ser evitados com a adoção de hábitos alimentares saudáveis. Por isso, a Bio Mundo aponta os benefícios de manter um cardápio balanceado a favor da saúde feminina neste Outubro Rosa.

Uma dieta equilibrada é essencial para quem deseja maior qualidade de vida e seguir um menu rico em nutrientes, como os encontrados em legumes, verduras, frutas e cereais, é benéfico para o corpo. Mas lembre-se que é fundamental fracionar as refeições a cada três horas para que sejam feitas 5 ou 6 vezes diariamente.

É importante também não ficar sem comer por períodos prolongados, bem como fazer as refeições sem pressa, mastigar bem os alimentos, priorizar alimentos naturais e ingerir bastante líquido, pois todas essas dicas colaboram para a saúde da mulher. Em média, o ideal é beber ao menos dois litros de água por dia e evitar refrigerantes e bebidas alcoólicas.

Como cada pessoa possui necessidades específicas, a recomendação é consultar um nutricionista para ajudar a montar um cardápio completo e personalizado para refeições mais equilibradas e ricas em nutrientes. E seguir algumas dicas da Bio Mundo que, além de contribuírem para a prevenção do câncer de mama, deixam qualquer menu ainda mais saudável e gostoso, além de auxiliar na melhora da qualidade do sono, do sistema imunológico e no aumento da disposição e da qualidade de vida. Para receber novas dicas sobre o assunto, é só acessar as redes sociais da Bio Mundo.

• Frutas vermelhas

Possuem antocianina, um nutriente que retarda o desenvolvimento de células malignas. Incluir amora, morango, framboesa ou cranberry é uma ótima escolha para compor um cardápio saudável e que ajuda no combate do câncer de mama.

• Chia

Por ser rica em ômega 3, possui nutrientes antioxidantes e anti-inflamatórios, e é também rica em fibras, que auxiliam na redução e absorção de gorduras, evitando a formação de moléculas cancerígenas no intestino da mulher.

• Linhaça

Destaca-se por conter lignana, uma espécie de fitoestrógeno que auxilia no combate ao câncer, já que atua diretamente no combate às células cancerígenas. Por ser rica em fibras e ômega 3, a linhaça ainda oferece um importante componente nutricional para o corpo que evita o surgimento desordenado de células estranhas no organismo.

• Chá Verde

Possui uma quantidade considerável de antioxidantes e, por isso, é um excelente aliado na prevenção do câncer de mama, já que as vitaminas B, C e E dos chás verde, além da cafeína, magnésio, zinco e ferro, aumentam a imunidade.

• Aveia

Pixabay

Carregada de fibras, gera saciedade, melhora o funcionamento do intestino e protege do câncer nesse órgão e previne tumores nas mamas. O cereal pode ser consumido todos os dias com frutas, em vitaminas, tortas e bolos para fortalecer seus benefícios.

Fonte: Bio Mundo

Projeto KDog treina cães para detectarem mais de 40 tipos de câncer de mama

Método não tecnológico e não invasivo busca a detecção precoce do câncer de mama farejando lenços de suor de pacientes

Com o olfato mil vezes mais apurado que o de um ser humano, os cães, ao longo da história, têm desenvolvido papéis importantes na sociedade como cães guia, cães terapeutas, cães policiais e, agora, como detectores do câncer de mama.

No mês do Outubro Rosa, iniciativas como esta vêm para somar nos esforços de detecção precoce da doença em homens e mulheres – quando há mais chances de cura, além de diminuir o custo e a agressividade do tratamento. Segundo dados do Instituto Nacional de Câncer (Inca), em 2020 estima-se o surgimento de 66.280 novos casos no país.

Ilustração: BreastCancerCare

O câncer de mama é um dos três cânceres de maior incidência no mundo e há vários tipos. Por isso, a doença pode evoluir de diferentes maneiras – mais rápida ou mais lentamente. Esses comportamentos distintos se devem a características próprias de cada tumor. O câncer de mama também acomete homens, porém é raro, representando apenas 1% do total de casos da doença. No projeto KDog, os cães conseguirão – com base no princípio da odorologia canina – identificar mais de 40 tipos de câncer de mama em estágio inicial, em homens e mulheres, por um método não tecnológico e não invasivo.

O projeto teve início no país em 2018, quando uma comitiva brasileira visitou o Instituto Curie, na França, para entender os estudos e o trabalho realizado com os cães de lá. No Brasil, a iniciativa vem sendo liderada pelo Responsável Técnico e Cinotécnico Leandro Lopes; pela Médica Oncologista Carla Ismael, Membro do Centro de Tratamento Oncológico (CTO) em Petrópolis/RJ e Presidente da Sociedade Franco Brasileira de Oncologia (SFBO); e pelo médico oncologista Christian Domenge, vice-presidente da SFBO.

A Royal Canin é patrocinadora oficial do projeto por meio de uma parceria firmada com a SFBO, sendo a única empresa do setor de pet food a apoiar financeiramente o KDog Brasil.

“Apoiamos projetos sociais que reforçam a importância do pet na vida do ser humano, seja pelos incríveis benefícios oriundos da interação entre humanos e animais, assim como pelo importante papel que ocupam na sociedade atuando a serviço do homem e da medicina”, destaca Carolina Padovani, Diretora de Assuntos Corporativos da Royal Canin Brasil.

Por meio deste programa, os cães detectores de câncer de mama do KDog Brasil, das raças Pastor Holandês, Pastor Belga Malinois e Pastor Alemão, fornecem um exemplo maravilhoso do que os animais podem realizar em prol da pesquisa científica da saúde dos seres humanos. “Isso vai ao encontro do propósito da marca de ser uma empresa que segue além do desenvolvimento da melhor nutrição para cada gato e cão, mas uma propulsora da ciência, tecnologia e, principalmente, do cuidado com os animais de estimação”, completa Carolina.

A detecção envolve o trabalho de cães que cheiram lenços de suor usados anteriormente por pacientes, sejam saudáveis ou com câncer de mama. “Em nenhum momento a pessoa tem contato com cão. A presença do tumor maligno é identificada por meio do olfato canino em um lenço com suor coletado para o exame”, explica Leandro Lopes, Responsável Técnico do KDog Brasil.

Cão em treinamento para detecção precoce de câncer de mama

A proposta é que os cães, uma vez que concluam 100% do treinamento previsto para para o primeiro semestre de 2021, passem a dar suporte ao Sistema Único de Saúde, ajudando diretamente a população necessitada a ter acesso mais rápido a um exame de mamografia.

Fonte: Royal Canin

Outubro Rosa: shoppings têm ações sociais e arrecadações

Shopping Ibirapuera tem ação social para arrecadação de cabelos nessa quinta, 15; iniciativa é realizada em parceria com a ONG Cabelegria, que já confeccionou mais de 8000 perucas para pacientes com câncer

O Shopping Ibirapuera (Moema) recebe na próxima quinta, 15, uma ação da ONG Cabelegria, que recebe doações de cabelos para confeccionar perucas e destiná-las gratuitamente a pessoas diagnosticadas com doenças que causam a queda dos fios, sobretudo o câncer.

As doações podem ser feitas das 12h às 20h no estacionamento frontal do estabelecimento, com acesso pela Avenida Ibirapuera. Para doar, basta ter pelo menos 20 centímetros de madeixas, com ou sem química. São aceitos todos os tipos de cabelos.

Fundada em outubro de 2013 pelas amigas Mariana Robrahn e Mylene Duarte, a Cabelegria já recebeu 280.600 doações de cabelos e confeccionou 8.500 perucas, todas enviadas sem custo algum via Correios e por meio de Bancos de Perucas (itinerante e fixos), devolvendo a autoestima para milhares de pacientes oncológicos.

Ação Cabelegria
Quando: 15 de outubro
Horário: das 12h às 20h
Onde: Shopping Ibirapuera
Endereço: Av. Ibirapuera, 3103 – Tel: (11) 5095 2300

Continental Shopping é ponto de coleta de doações do Outubro Rosa

O Outubro Rosa, campanha que surgiu nos anos 1990, visa alertar sobre a prevenção e o diagnóstico do Câncer de Mama e é um movimento que se popularizou mundialmente com ações que acontecem no mês em prol da causa. Para colaborar com a campanha, o Continental Shopping em parceria com Rotary Club de São Paulo – Parque Continental, Rotary Club de São Paulo – Jaguaré e Instituto Amor em Mechas, receberá doações para serem destinadas a pacientes em tratamento quimioterápico ou que convivem com a alopecia.

A ação, que ocorre até 31 de outubro, busca arrecadar mechas de cabelo que são transformadas em perucas, lenços (novos ou usados), bijuterias (novas ou usadas), batons e lápis para sobrancelha (lacrados).

O empreendimento disponibiliza quatro pontos com urnas para a coleta: as urnas menores recebem os lenços, bijuterias, batons e lápis de sobrancelha e as urnas maiores recebem as mechas de cabelo. As doações podem ser feitas nas portarias do Continental Shopping (próximo Drogasil 2º Piso), próximo a Bio Ritmo (1º Piso), próximo Boa Forma (1º Piso) e Próximo Pets & Life (Piso Boulevard).

Lives com conteúdo direcionados ao tema Outubro Rosa e a conscientização da importância da prevenção e valorização da cultura de doação, acontecem semanalmente nas redes sociais do shopping.

Para garantir a segurança de todos, os interessados em doar mechas de cabelo devem seguir o procedimento e orientações abaixo:
• Os cabelos precisam estar limpos e secos;
• A mecha de cabelo deve medir no mínimo 15cm;
• O cabelo doado pode ter química;
• Amarre a mecha toda com um elástico;
• Corte acima do elástico, deixando um espaço de 1cm entre o elástico e o corte;
• Coloque o cabelo em um saco plástico e feche;
• Deposite o pacote em uma das urnas dos pontos de coleta.

Mais informações sobre as doações de cabelo podem ser conferidas no site do Instituto Amor em Mechas.

Campanha Outubro Rosa – Continental Shopping
Data: até 31 de outubro
Horário: segunda a sábado, das 12h às 20h. Domingos e feriados, das 14h às 20h
Onde: Continental Shopping
Endereço: Avenida Leão Machado, 100 – Jaguaré – São Paulo – SP
Informações: (11) 4040-4981

Mamografia: tabu entre mulheres, procedimento é crucial para descoberta do câncer de mama

Além do autoexame, detecção da doença exige acompanhamento médico especializado e periódico

Para a engenheira química Claudia Giovanni Braga, de 44 anos, o autoexame sempre foi suficiente. Com a crença de que, somente após algum sintoma, seria necessário buscar ajuda profissional, Claudia detectou um nódulo no seio após realizar exames de rotina fornecidos pela empresa em que trabalha. “A mamografia não é algo que as mulheres querem fazer, ir ao ginecologista não é um compromisso divertido. Eu achava desnecessário fazer check-up sem ter sinais de alguma doença ou problemas”, explica.

De acordo com dados do Instituto Nacional de Câncer, o número de casos estimados de câncer de mama feminina no Brasil em 2019 foi de 59.700. Com um número ainda elevado de casos, o diagnóstico precoce segue como melhor caminho para a cura e recuperação das pacientes. De acordo com a médica Aline Moraes, responsável pelo setor de Check-Up do Hospital Marcelino Champagnat, a descoberta tardia não é somente uma questão de vida ou morte.

“O diagnóstico precoce possibilita uma gama muito maior de oportunidades de tratamento e formas menos agressivas, que vão comprometer menos a qualidade de vida da mulher”, ressalta Aline.

Claudia descobriu o nódulo ao passar pelo check-up do Hospital Marcelino Champagnat, serviço que oferece aos colaboradores de empresas parceiras uma bateria de exames e consultas completa, ao longo de aproximadamente seis horas de atendimento. “Todos os executivos da empresa fazem o check-up no Marcelino e, na minha vez, foi quando encontrei o nódulo. Fiz a consulta com a ginecologista, realizei o exame de mamografia e, vendo que não era suficiente para um diagnóstico completo, no mesmo dia já fiz o ultrassom e fui encaminhada para a biópsia”, conta.

Para Aline, coordenadora do setor, o diferencial é o acompanhamento do paciente, além da praticidade do modelo. “O fator agilidade é muito considerado nesse serviço de check up, mas a nossa dinâmica de continuidade e comparativo de exames a cada ano é essencial, já que nos apresenta um cenário completo do paciente e suas mudanças, permitindo um diagnóstico preciso e muito mais avançado”, explica.

No caso de Claudia, após a biópsia, que revelou um nódulo ainda benigno, o acompanhamento segue sendo realizado a cada seis meses para monitorar o caso.

“Toda vez que eu vou repetir o exame, eu vivo tudo de novo, sinto a mesma angústia da descoberta, mas isso tudo mudou minha visão sobre a importância do check up. Depois da minha experiência, eu virei uma defensora da mamografia e da saúde da mulher. Pedi para minha empresa fazer uma campanha sobre isso e tirar alguns tabus que são comuns para as mulheres e geram medo do exame. Sou uma defensora do preventivo”, finaliza.

Fonte: Hospital Marcelino Champagnat

Câncer de Mama: o que é preciso saber sobre um dos cânceres mais comuns entre as mulheres

Atualmente o câncer de mama responde por aproximadamente 28% dos casos de câncer em mulheres, segundo o Ministério da Saúde

O câncer de mama, apesar de ser bastante falado, ainda é uma doença que carrega muita desinformação. Caracterizado pelo crescimento desenfreado das células das mamas é um tipo de câncer que não tem uma causa isolada. Por essa razão, é necessário ter atenção a fatores de risco como: idade, exposição à radiação, inicio de menstruação precoce ou menopausa tardia, terapia de reposição hormonal prolongada, não amamentação e, mais importante ainda, histórico familiar e mutação genética.

Nesse sentido, campanhas de conscientização como o Outubro Rosa ganham relevância, uma vez que não só elucidam a importância da prevenção mas também disseminam conteúdos importantes acerca dos sinais e sintomas que devem ser observados pela mulher: “A maioria dos casos teria que ser diagnosticada por mamografia, quando o tumor está pequeno e a paciente sem sintomas, no entanto existem casos em que é a mulher que palpa, por isso a importância de conhecer o corpo”, afirma o oncologista Felipe Ades.

Segundo o especialista, um tumor surge, geralmente, com o envelhecimento com mutações que ocorrem ao acaso, o que é responsável por 90% a 95% dos casos. Contudo, de 5% a 10% ocorrem devido a uma mutação genética não corrigida pelo organismo e, no que se refere ao câncer de mama, há dois genes considerados precursores, sendo eles: BRCA1 e BRCA2. Estes, quando mutados, perdem a capacidade protetora que suprime o desenvolvimento de cânceres, ou seja, ficam mais suscetíveis ao desenvolvimento de tumores malignos. Por isso, é importante que o paciente conheça a real causa do câncer, já que cerca de 55% a 65% das mulheres com a mutação no BRCA1 e 45% das mulheres com a mutação no BRCA2 desenvolverão a doença até os 70 anos de idade.

Uma vez que a mutação genética aumenta a predisposição ao desenvolvimento da doença, testes genéticos tornam-se grandes aliados no processo de monitoramento e detecção precoce, pois avaliam o risco, possibilitam a prevenção e, caso o paciente desenvolva o tumor maligno, otimizam o tratamento em um estágio inicial. Cabe pontuar que um teste genético positivo significa que o paciente tem a mutação em um dos genes analisados, o que não necessariamente assegura o desenvolvimento do câncer. “Mas existem diversas medidas que podem ser tomadas para reduzir o risco de desenvolver a doença, que podem orientar os exames de rastreamento. Além disso, quando uma pessoa é diagnosticada com a mutação, há indicação em se fazer o exame nos seus familiares, podendo-se descobrir a mesma condição em seus familiares de sangue diretos”, pontua Ades.

Deste modo, estar atento aos sintomas é um fator importante para um diagnóstico precoce. Por isso, nódulos suspeitos nas mamas, alterações no bico do peito, secreção anormal pelos mamilos e pele da mama avermelhada precisam ser investigados por um médico, que indicará os exames e procedimentos adequados a cada caso, viabilizando, posteriormente, um tratamento mais assertivo.

Quando detectado precocemente, o câncer de mama pode ser curado, com chances de 95%, segundo o Instituto Nacional do Câncer (INCA). Além disso, o INCA pontua que cerca de 30% dos casos podem ser evitados com a adoção de hábitos saudáveis, como a prática regular de exercícios físicos, alimentação balanceada, amamentação e evitar uso de hormônios sintéticos. “Por isso, é necessário que a paciente conheça o próprio corpo, mas, além disso, que ela não descuide dos exames preventivos anuais que, por diversas vezes, são responsáveis pelos diagnósticos precoces”, finaliza Ades.

Fonte: Felipe Ades é formado pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) com especialidade em Oncologia Clinica pelo Instituto Nacional de Câncer (INCa). Passou 5 anos na Europa onde adquiriu os títulos de mestre no Institut Gustave Roussy em Paris e doutor (PhD) no Institut Jules Bordet em Bruxelas. Trabalhou em diversos aspectos da pesquisa em câncer, desde estudos em laboratório, testes de novos medicamentos com pacientes e políticas de saúde e saúde coletiva em câncer. Atualmente trabalha no Centro Paulista de Oncologia do Grupo Oncoclínicas e no Hospital Alemão Oswaldo Cruz, em São Paulo.

Shopping realiza cortes de cabelo solidário durante Outubro Rosa

Doações serão transformadas em perucas para pacientes oncológicos

Um marco na luta contra o câncer de mama, a campanha Outubro Rosa chega mais uma vez para alertar sobre a importância do diagnóstico precoce. De encontro com essa causa, o Shopping Taboão, em parceria com os profissionais dos salões Lohan Coiffure e Marihá Cabeleireiros, realiza ação de corte de solidário.

A iniciativa, que acontece no período de 21 a 25 de outubro, busca arrecadar cabelos que serão transformados em perucas. Para os interessados em abraçar a causa é necessário a doação de no mínimo 20 cm de cabelo. Os cortes serão gratuitos.

“É nosso papel apoiar e mais uma vez trazer a importância deste tema para dentro do shopping. Falar de Outubro Rosa é lembrar que o cuidado é todo dia. É o se autoconhecer e não deixar que nada nos abale. É lembrar que a vaidade feminina vai muito além do estético e que nós mulheres somos muito mais fortes do que imaginamos. Por isso, é nosso papel exaltar mais uma vez a beleza dessa luta que hoje, é de todos nós” comenta Mariuche Ismerin, gerente de marketing do Shopping Taboão.

Para doar basta comparecer no empreendimento e visitar o salão de beleza montado na praça da entrada principal, das 14 às 20 horas.

SGT-0053-19-G-Outubro-Rosa-Banner-Site-Desktop-952x640px.jpg

Shopping Taboão – Corte Solidário
Período: 21 a 25 de outubro
Horário: das 14h às 20h
Local: Praça da entrada principal
Endereço: Rodovia Régis Bittencourt, 2643 – Taboão da Serra

Informações: Shopping Taboão ou pelo telefone (11) 2699-4000.
Evento Gratuito

Outubro Rosa: alimentação tem papel importante na prevenção do câncer de mama

A nutricionista clínica, Marinna Reis, explica a importância de uma alimentação balanceada na prevenção da doença e explica porque alguns alimentos devem ser evitados

No decorrer deste mês é colocada em foco a campanha “Outubro Rosa”, dedicada à conscientização e combate ao câncer de mama. Segundo dados divulgados pelo Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva (INCA), no Brasil, as estimativas de incidência de câncer de mama para o ano de 2019 são de 59.700 casos novos, o que representa 29,5% dos cânceres em mulheres. Em 2016, ocorreram 16.069 mortes de mulheres por câncer de mama no país.

O câncer de mama é uma doença multifatorial — a herança genética é apenas um dos elementos que contribuem para o seu aparecimento (entre 5 % a 10% dos casos segundo o BioMed Research International). Fora este fator, a doença tem mais relação com hábitos de vida, como o sedentarismo, alimentação cheia de ultraprocessados e consumo de álcool.

Hábitos saudáveis, principalmente na alimentação, possuem um papel de extrema importância para a prevenção da doença, é o que explica a nutricionista clínica Marinna Reis: “A literatura reconhece que os fatores dietéticos representam cerca de 30% das causas de câncer, sendo somente superados pelo tabaco, como fator de risco prevenível. Hábitos alimentares nos quais há o consumo exagerado e frequente de gorduras saturadas e trans, carnes gordurosas, alimentos embutidos e/ou defumados e ultraprocessados, oferecem um grande risco”.

Segundo Marinna, estudos recentes também mostram evidências relacionando nutrição e sobrevida após diagnóstico de câncer de mama, que enfatizam os efeitos benéficos dos fitoquímicos presentes na dieta, por meio das atividades antioxidantes e na diminuição do risco de progressão deste tipo de câncer. Portanto, alimentos que apresentem esses compostos são antioxidantes e anti-inflamatórios , tornando-se benéficos na prevenção e tratamento da doença.

Alimentação e Prevenção

Alguns alimentos, merecem destaque na prevenção de patologias como o câncer de mama. Sendo eles fonte de ácidos graxos poli-insaturado (ômega 3 e linoléico conjugado), vitaminas A, C, E, assim como folato e selênio, e alguns fitoquímicos. Dietas baseadas no consumo de frutas, vegetais, grãos integrais e outras plantas parecem atuar na prevenção e controle, minimizando o impacto do acometimento por esta patologia. Ainda no âmbito da prevenção, especiarias como pimenta e gengibre também têm sua importância. Saiba quais outros alimentos têm seus benefícios na prevenção da doença;

Imunidade:

leite_inhame
inhame,

acafrao condimento especiaria pixabay
açafrão,

sal de ervas
ervas,

beneficios-do-cha-de-carqueja_35728_l
chás.

Prevenção:

ginger gengibre
gengibre,

pimenta
pimenta.

Evitar:

carne-campcarne
carne vermelha,

farinha tapioca flickr
Flickr

farinha branca,

xylitol açucar pixabay
açúcar,

carne vermelha embutidos salame linguiça
Pixabay

embutidos,

crackers biscoito bolacha agua e sal
industrializados.

A cura e novos hábitos

Para o tratamento do câncer de mama é indispensável um acompanhamento multiprofissional, no qual a equipe médica oncológica interage com os demais profissionais da saúde envolvidos para que o paciente tenha um bom prognóstico.Aos pacientes que passaram por todos os devidos tratamentos, a nutricionista reforça a importância de uma nova postura diante os hábitos alimentares.

bacon

“É importante diminuir a quantidade de gordura em suas refeições, substituindo frituras por alimentos assados ou fervidos e o leite integral pelo desnatado. Reduzir a ingestão de carne vermelha (bovina, de porco e de cordeiro) a no máximo 3 ou 4 refeições por semana. Evite usar muito sal e consumir itens defumados (por exemplo, bacon, salsicha e frios) e em conserva, bem como alimentos ultraprocessados, pois possuem substâncias que podem fazer mal para o organismo. Além disso, o álcool é um conhecido fator de risco para o desenvolvimento de câncer, portanto, tente evitar” finaliza.

marinna reis.jpg

Fonte: Marinna Reis é nutricionista formada pela Pontifícia Universidade Católica de Goiás, Pós-Graduada em Nutrição Hospitalar – Instituto Israelita de Pesquisa Albert Einstein, Pós-Graduada em Nutrição Esportiva Funcional, Pós-Graduada em Nutrição Esportiva Credenciada pelo método Nutricoaching. Atualmente é membro da Sociedade Brasileira de Nutrição Parenteral e Enteral e membro júnior da Sociedade Europeia de Nutrição Clínica e Metabolismo (ESPEN).

Drink Rosa do Bem terá renda revertida para o Outubro Rosa

Estabelecimentos de São Paulo criam ação para promover a campanha e doam 50% da venda para o Instituto Quimioterapia e Beleza

Bares e restaurantes da capital aderiram à campanha do Outubro Rosa e criaram o Drink Rosa do Bem especialmente para a ação. Durante todo o mês, 50% do valor dos drinques será revertido para o Instituto Quimioterapia e Beleza, idealizado em 2012 pela ex-modelo e escritora Flavia Flores que promove ações com o objetivo de recuperar a autoestima de mulheres com câncer promovendo diálogo, informações e suporte.

drinque rosa
Foto: Tales Shiosawa

Para a campanha, o Fortunato Bar, na Vila Mariana, traz um drinque especial criado pelo bartender Marquinhos Felix feito com Gin Beefeater pink, tônica e limão, e um algodão doce (R$ 35).

ENOSTRIABartender Amanda Lima
Pink U
Foto: Mauro Holanda

Na Enosteria Vino e Cucina, localizada numa charmosa esquina da Vila Nova Conceição, a bartender Amanda Lima comanda o bar da casa e apresenta uma receita criada por Diogo Sevilio feita com vermute rosé, água tônica e limão siciliano (R$ 28).

Bar Diniz - Outubro Rosa - CRÉDITO MÁRCIO DIREITO (1)
Foto: Márcio Direito

Já no Bar Diniz, localizado no Alto da Boa Vista, o Drink Rosa do Bem é feito com Gin e refrigerante de Umbu artesanal (R$ 29).

A ação ocorre durante todo o mês nas três casas.

O movimento Outubro Rosa tem o objetivo de conscientizar as mulheres e a sociedade sobre a importância da prevenção e do diagnóstico precoce do câncer de mama e mais recentemente sobre o câncer de colo do útero. A ação chama a atenção para a importância de detectá-lo desde o início para tratar e até mesmo a prevenção.

Bar Diniz: Rua São Sebastião, 169 – Alto da Boa Vista. Horário de funcionamento: segunda fechado. Terça a quinta, das 17hàs 24h; sexta, das 17h à 1h; sábado, das 12h à 1h e domingo, das 12h às 22h

Enosteria Vino e Cocina: Rua Jacques Felix, 626 A – Vila Nova Conceição. Horário de funcionamento: segunda fechado, terça a sábado, das 12h às 23h, e domingo, das 12h às 17h.

Fortunato Bar: Rua Joaquim Távora, 1356 – Vila Mariana. Horário de funcionamento: segunda e terça, das 17h às 23h, quarta e quinta, até 23h30; sexta, das 16h30 às 23h30, sábado, das 12h às 23h30, e domingo, das 12h às 23h.

 

Ação solidária oferece mamografia gratuita em São Paulo

Campanha, promovida pela ONG Américas Amigas, vai beneficiar mulheres em situação de vulnerabilidade

O câncer de mama é o segundo de maior incidência no mundo. Só no Brasil, são cerca de 60 mil novos casos por ano, com a morte de ao menos 17 mil pessoas no mesmo período de acordo com dados do Instituto Nacional de Câncer (Inca). Porém, se diagnosticado nos estágios iniciais, a enfermidade tem chance de cura de até 95%. Para aumentar a visibilidade e o alcance de informações sobre a prevenção e o tratamento do câncer de mama, surgiu o “Outubro Rosa”, iniciativa internacional que mobiliza a sociedade em prol da saúde da mulher.

Pensando nisso, a ONG Américas Amigas promove na cidade de São Paulo a campanha “Mulheres Amigas no Outubro Rosa”. A ação, realizada por meio de uma carreta que percorre diversas regiões da capital paulista, leva exames gratuitos de mamografia a mulheres em situação de vulnerabilidade. “O objetivo dessa campanha é ajudar as mulheres a realizarem o exame de mamografia e, assim, terem acesso ao diagnóstico precoce do câncer de mama”, destaca Andréa da Veiga Pereira, presidente da ONG.

A campanha conta com o apoio de grandes empresas do segmento da saúde, entre elas o laboratório DB Patologia, que faz parte do grupo Diagnósticos do Brasil, maior laboratório exclusivo de apoio no Brasil. “O hábito do autoexame e da realização de mamografias é de extrema importância para a prevenção do câncer de mama. Com a ação ‘Mulheres Amigas no Outubro Rosa’, o Grupo Diagnósticos do Brasil pretende aumentar, ainda mais, o foco de atuação no Outubro Rosa, ação que, anualmente, ajuda salvar a vida de muitas brasileiras”, conta Douglas Oliveira, gerente de produto do DB Patologia.

mamografia-com-contraste

A campanha Mulheres Amigas no Outubro Rosa espera atender ao menos 2 mil mulheres até o final do mês de outubro. O agendamento de horário para os exames deve ser feito por meio do site Américas Amigas. As mulheres selecionadas receberão uma confirmação via e-mail e telefone com o local e o horário da consulta. O laudo ficará pronto no mesmo dia e, caso seja detectada alguma anomalia, a mulher será encaminhada a um especialista para novos exames, que também serão gratuitos.

Outubro Rosa: Santa Casa de Mauá realiza mamografias a preços populares

Tradicionalmente, a campanha Outubro Rosa visa a conscientização das mulheres sobre a importância de realizar exames periódicos para a detecção do câncer de mama, doença que mais acomete o público feminino no País. Neste ano, o INCA – Instituto Nacional de Câncer estima cerca de 59,7 mil novos casos.

Para estimular as mulheres a fazerem o exame de mamografia e oferecer um atendimento de qualidade, a Santa Casa de Mauá realizará, até o dia 31 de outubro, o procedimento a preços populares com descontos de até 20%.

A mamografia é um exame não invasivo que captura imagens do seio feminino com o mamógrafo, e consegue detectar tumores malignos na mama. Quando diagnosticado em fase inicial, as possibilidades de êxito no tratamento chegam a 95%.

O câncer de mama é um tumor maligno, consequência de alterações genéticas em algum conjunto de células da mama, que passam a se dividir descontroladamente. Existem diversos tipos e subtipos de câncer de mama. No geral, o diagnóstico leva em conta se o tumor é ou não invasivo, seu tipo histológico, avaliação imunoistoquímica e sua extensão.

mamografia-1
O sintoma mais comum é o aparecimento de nódulo, geralmente indolor, duro e irregular, mas há tumores que são de consistência branda, globosos e bem definidos. Outros sinais são edema cutâneo, retração cutânea, dor, inversão do mamilo, hiperemia, descamação ou ulceração do mamilo e secreção papilar. O tratamento envolve cirurgia, radioterapia, quimioterapia, hormonioterapia e tratamento com anticorpos.

Mais informações ou agendamentos de consultas e exames, por meio do telefone (11) 2198-8300.