Arquivo da tag: peeling

Isdin lança ampolas clareadoras e de efeito peeling

Linha Isdinceutics lança dois novos produtos em formato de ampola para uma rotina de cuidados corretivos

Isdin, referência mundial em dermocosméticos, possui um verdadeiro arsenal para a prevenção e correção do processo de envelhecimento da pele: a linha Isdinceutics. A marca espanhola não para de inovar e acaba de trazer ao mercado brasileiro o que há de mais moderno em clareadores e peelings. O Pigment Expert e o Night Peel são as novas ampolas que promovem a correção de hiperpigmentações faciais e a renovação das células,enquanto hidratam de maneira profunda e preservam o conteúdo de ácido hialurônico da pele.

PIGMENT-EXPERT-PORT

O Pigment Expert é um sérum que auxilia na correção da hiperpigmentação, atuando tanto no número quanto no tamanho das hiperpigmentações faciais. Ele contém PigmentBlock, um combinado de ativos (4n-butyl-resorcinol, niacinamida e ácido hidroxi-fenoxi-propiônico) que previnem e reduzem as alterações de pigmentação. Além disso, também conta com a presença do ácido glicólico e do glicirrizatodipotássico que estimulam a produção de colágeno e a regeneração celular, deixando a pele mais uniforme e suavizada.

“As manchas estão presentes durante o ano todo, porém existe uma tendência de piorarem com o verão, apesar de todos os cuidados. Tratamentos despigmentantes podem e devem ser indicados após o verão e em todas as épocas do ano”, afirma o dermatologista Cristiano Horta, médico consultor científico do laboratório Isdin.

PIGMENT---NIGHTPEEL-PORT

O Night Peel é um peeling esfoliante de uso noturno.Sua fórmula contém alfa-hidroxiácidos (ácidos glicólico, tartárico e málico) que estimulam a esfoliação da pele para ajudar a atenuar linhas de expressão,e o HydraBoost, ingrediente de origem natural que proporciona hidratação imediata e profunda. O produto pode ser associado ao uso do Pigment Expert, potencializando o efeito clareador, também pode ser utilizado por peles oleosas e com poros dilatados, já que ele ajuda a melhorar o viço da pele e reduzir os poros. Lembrando que também pode ser utilizado como um antiaging, pois atenua as linhas de expressão.

“A esfoliação da pele traz benefícios como a melhora da textura, removendo células mortas e desobstruindo poros, deixando a pele pronta para melhor hidratação aumentando a absorção de cremes e cosméticos, além de atenuar e combater rugas finas e linhas de expressão. Por isso, produtos esfoliantes devem fazer parte na rotina diária de cuidado e beleza da pele” comenta Horta.

E por que um sérum em formato ampola? Ela nos permite ter o produto em um ambiente inerte que protege as propriedades dos ativos, evitando sua oxidação e mantendo-as intactas até 48h após sua abertura. Graças à estabilidade da ampola, o resultado é um sérum altamente cosmético, com fragrância agradável, além de ser um formato prático, ideal para viagens.

Radiação Solar x Hiperpigmentação

As novas ampolas possuem base aquosa e por isso possuem uma textura única, fluida, leve, sem aroma e de rápida absorção, o que permite que a pele não fique pegajosa ou com resíduos. “Radiação solar é o fator principal na hiperpigmentação, portanto, protetores solares com alta proteção contra UVA, UVB e luz visível estão muito bem indicados”, afirma o especialista. Isdin tem uma linha completa para proteger e evitar a hiperpigmentação, e também clareá-la.

ultra isdin

O Foto Ultra Isdin Spot Prevent é um dos produtos dessa linha. Ele é o fotoprotetor facial com maior UVA do mercado (UVA 61), o que é faz dele ideal para prevenir a hiperpigmentação causada pelo sol. O Spot Prevent possui FPS 99 com alta tolerância na pele graças à alantoína, que também possibilita o uso no pré e pós-procedimentos estéticos. Ele também pode ser utilizado para evitar a hiperpigmentação durante a gravidez.

Isdin também apresenta o Foto UltraIsdin Active Unify, o único clareador facial do mercado com FPS 99.A tecnologia DP3 Unify Complex tem tripla ação clareadora que ajuda a regular a produção da melanina. Os resultados já são no primeiro mês de uso. Disponível em duas versões: sem cor, com ácido hialurônico, e com cor, que uniformiza o tom da pele.Ambos apresentam a mesma característica dos outros protetores solares e produtos da marca: a textura Fusion Fluid, de rápida absorção.

Onde encontrar: em lojas selecionadas no Brasil, como Drogaria Iguatemi, Droga Raia, Drogasil, Drogaria Venâncio, Onofre, Época Cosméticos, entre outros e o fotoprotetor Spot Prevent está disponível nas principais farmácias e e-commerces de beleza do Brasil.

Três dicas para cuidar da pele negra

Especialista traz dicas para manter a cútis saudável

A pele negra apresenta altos níveis de melanina e colágeno, substâncias que a tornam mais protegida dos raios do sol e mais resistente a marcas de envelhecimento, como rugas e linhas de expressão. Mesmo com tantas vantagens, engana-se quem pensa que esse tipo de pele não merece cuidados especiais.

“Umas das principais características da pele negra é a melanina, responsável pela pigmentação, que funciona como uma espécie de protetor solar natural e, por isso, diminui a propensão aos tumores cutâneos. No entanto, a alta concentração dessa substancia pode resultar na hiperpigmentação de algumas regiões, o que deixará marcas mais escuras e indesejadas”, comenta Thaís Carvalho, fisioterapeuta dermato-funcional da Onodera Estética.

Abaixo, Thaís recomenda algumas dicas para manter a cútis negra bonita, viçosa e livre de manchas. Confira:

mulher negra lavando rosto shutterstock
Shutterstock

Controle a oleosidade – se por um lado a ação intensa dos fibroblastos garante a firmeza da pele, ela também provoca o aumento da oleosidade, já que a secreção das glândulas sudoríparas é maior em pele negra, favorecendo o surgimento de acne e foliculite. “Por isso, a recomendação é higienizar o rosto duas vezes ao dia com sabonetes ou géis adstringentes sem óleo. Além disso, é importante esfoliar a pele semanalmente para evitar o surgimento de pelos encravados”.

mulher negra pele creme thatsister
ThatSister

Não esqueça o protetor solar – por mais que a pele negra seja naturalmente mais protegida dos raios solares, a é necessário passar protetor solar com no mínimo 30 FPS mesmo em dias nublados.

Happy Woman

Redobre o cuidado com manchas – a alta concentração de melanina pode resultar no aparecimento de manchas. “Para amenizar as áreas escuras, aposte no peeling de cristal, que além de minimizar manchas, também ajuda a atenuar linhas de expressão e excesso de oleosidade. A indicação é de no mínimo 10 sessões, com frequência de uma vez por semana e duração de 60 minutos”.

Fonte: Onodera Estética

Conheça quatro tipos de manchas na pele e como tratá-los

As manchas podem ter origem interna ou depender de fatores externos como a exposição solar. Produtos de tratamento devem primar pela renovação celular combinada com ação despigmentante e antioxidante

As manchas ou hipercromias ocorrem quando há produção excessiva de melanina (pigmento que dá cor à pele), o que confere à região afetada uma coloração mais escura que o restante do tom da pele ao redor.

“Essa coloração pode ser resultado de fatores externos, como a exposição solar excessiva, traumas na superfície cutânea ou até mesmo a utilização de certos medicamentos e uso de cosméticos inadequados. Como fatores internos, por exemplo, estão os de natureza genética, distúrbios endócrinos (hormonais), características raciais ou até mesmo fatores de fundo emocional”, explica Isabel Piatti, especialista em Estética e Cosmetologia, embaixadora do CIA — Centro e Instituto Internacional de Aprimoramento e Pesquisas Científicas, Membro do Conselho Científico da Academia Brasileira de Estética Científica – ABEC.

“As manchas, inclusive, podem ser causadas pela ação de cosméticos (como os que contém parabenos, justamente pela ação estrogênica da substância, assemelhando-se aqui à causa de origem hormonal”, completa a especialista. Com relação ao tipo, elas podem ser, segundo a especialista, melasma (ou cloasma), efélides (ou sardas), hiperpigmentação pós-inflamatória e melanose solar (ou mancha senil). Ela explica:

melasma 1

Melasma — dermatose caracterizada por manchas escuras ou acastanhadas (e geralmente com padrão bilateral), o melasma afeta principalmente mulheres em idade fértil com peles mais morenas e que residem em países de climas quentes. Pode estar localizado em áreas como a região centro facial, mentoniana, buço, malar e até mesmo em todo o rosto. “Afeta frequentemente mulheres grávidas, pessoas com propensão genética ou que usam anticoncepcionais à base de estrógeno. Essas manchas pigmentadas, em tom castanho, desenvolvem-se e aumentam de intensidade com a exposição solar que é estimulante da formação da melanina”, explica. Segundo a especialista, o melasma classifica-se em epidérmico, quando o depósito de melanina ocorre nas camadas basais e suprabasais da epiderme e, ocasionalmente, entre as células da camada córnea; dérmico, quando atingem a derme superficial e profunda; e misto, quando os dois coexistem no mesmo tecido. “Atualmente, os tratamentos de melasma levam em consideração o gerenciamento e controle da mancha. Além da radiação, pessoas com melasma devem estar atentas, também, à luz visível, aquela emitida por lâmpadas, pela tela do computador, TV, tablet e celular e também pelo sol, e que pode piorar as manchas”, completa.

melasma

Efélides — manchas castanho-claras que aparecem na infância, após exposição solar. “Com frequente caráter hereditário, aparece em ruivos e pessoas de pele clara”, explica Isabel.

hiperpigmentacao MNT
MedicalNewsToday

Hiperpigmentação pós-inflamatória — ocorre na pele após traumas ou processos inflamatórios como acne, dermatites, picadas de insetos, queimaduras, entre outros. Também é comum esse tipo de pigmentação em pós-procedimentos com lasers ablativos e mais agressivos, explica a especialista. “Costuma ser frequente nos pós-operatórios (cicatrizes) e os fototipos mais altos são os que apresentam maior tendência de serem atingidos”, completa.

solar melanosis basicmedical key
Basic Medical Key

Melanose solar —– manchas marrons variando de claras a escuras que surgem principalmente no dorso das mãos e antebraços em indivíduos com mais de 40 anos. “Fortemente relacionadas com a exposição solar sem a devida proteção ao longo da vida e com o envelhecimento cronológico, é mais comum em pessoas de pele e olhos claros”, comenta.

Tratamentos

Isabel explica que quanto mais profunda a localização do pigmento, mais difícil será o tratamento. “Para que o diagnóstico seja o mais preciso possível, é recomendado o uso da Lâmpada de Wood, que permite a visualização desse tipo de lesão e também ajuda a definir em que camada da pele se encontra a hipercromia”.

Para tratar as hipercromias o ideal, segundo a especialista, é combinar cosméticos que promovam a renovação celular – peelings, inclusive química (ácidos), com despigmentantes e ativos com finalidade inibidora, como os antioxidantes, sempre aplicados por profissionais especializados ou sob orientação dos mesmos.

“Essa sinergia é importante porque, no caso dos ativos de renovação celular expressiva e que provocam descamação, quando você associa o despigmentante, faz com que ele consiga penetrar mais facilmente”, explica. “Já o uso isolado do ácido de renovação celular remove apenas as manchas da camada superficial da pele, sem impedir que o melanócito (célula que produz melanina) continue produzindo pigmento em excesso”, conta.

pele peeling rosto mulher

Isabel sugere a combinação sinérgica de ativos como a Vitamina C estável e o Ácido Ferúlico, à ação despigmentante de compostos como o Skin Whitening Complex e o Belides. Outro ativo de destaque no tratamento de melasma e manchas inflamatórias é o ácido tranexâmico — por agir nos mensageiros celulares que causam a inflamação e consequentemente a mancha.

Cada um deles apresenta uma finalidade específica e muito importante no tratamento da hipercromia, mas Isabel complementa: “Um tratamento completo, para ser realmente completo, deve atuar em todas as etapas da formação da mancha. Não adianta usar produtos com apenas um ou outro ativo, e sim uma sinergia deles, pois é a associação que vai proporcionar o clareamento efetivo, agindo nos diferentes mecanismos e fases da mancha. Por isso indico produtos que contenham os ativos belides, ácido ferúlico, skin whitening complex, TGP2, antipollon e B-white”.

Sobre as fases de formação da mancha, Isabel esclarece que o tratamento deve atuar inibindo a formação da mancha, durante a sua formação e também depois, inclusive na absorção do excesso de melanina que se formou, descolorindo o pigmento já depositado na pele.

“Funciona mais ou menos assim: antes, reduzindo a Endotelina-1, responsável por formar a tirosinase – enzima que dá início à formação da melanina; durante, inibindo a formação da tirosinase; e depois, impedindo a transferência dos grânulos de melanina já formada para os queratinócitos (camada superficial), dando resultado mais rápido e de efeito long lasting, ou seja, prolongado. A associação cosmética também deve ser capaz de inibir tanto a pigmentação de origem genética quando a que se dá por fatores epigenéticos – ação do ambiente – como fotoexposição em excesso. Dessa forma será reduzida a hiperpigmentação da pele e irregularidades de cor, como manchas causadas pela idade ou excesso de sol”.

A profissional também faz um alerta com relação ao Hidroquinona. “Ainda encontramos muitos profissionais que fazem tratamento com base na Hidroquinona, porém seu uso é muito perigoso, porque o paciente pode ter a chamada hipopigmentação, que é caracterizada por uma despigmentação irreversível de uma área da pele. Quando usada por muito tempo, deixa-se de produzir melanina naquele local, e a pele fica com manchas esbranquiçadas, efeito também conhecido por ‘confete branco’”, alerta.

Fonte: Buona Vita

Chegada do outono pode favorecer tratamentos estéticos para a pele

A chegada das baixas temperaturas também significa a aproximação da época que mais beneficia os tratamentos estéticos para a pele e a recuperação da derme, que na maioria das vezes se encontra manchada, lesionada ou mesmo desidratada pela alta exposição aos raios solares durante o verão.

No outono, a temperatura mais amena e com menos sol faz com que a pele exposta fique menos frágil e oleosa. De acordo com a dermatologista e membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD), Teresa Noviello, um outro benefício da diminuição da incidência solar é a menor exposição aos raios ultravioletas. Essa mudança climática oferece melhores condições para a realização de procedimentos de pele.

laser estetica rosto mulher

“Nessa época também são reduzidos os riscos de surgimento de manchas ou lesões ao longo e após os tratamentos. Este fator faz com que o outono seja o melhor momento para quem quer iniciar ou retomar terapêuticas estéticas na pele do corpo e da face”, ressalta.

Antes de tudo, é preciso deixar claro que alguns tratamentos não são recomendados para todas as pessoas nesse período. “Algumas carregam resquícios do bronzeado ainda no começo do outono. Essa resposta fisiológica à exposição solar pode deixar a pele fina e sensível e, assim, a aplicação de métodos como o uso de lasers e luz pulsada, pode não ser o mais recomendado”, explica.

Para cuidar da pele no outono, o ideal é que, primeiramente, as pessoas procurem pelas orientações de um dermatologista para saber qual é o seu tipo de pele e quais são as suas necessidades terapêuticas. Tendo essas informações, o profissional poderá indicar os produtos adequados e definir o método de tratamento indicado para o tipo de pele do paciente.

microagulhamento-pele

Segundo Teresa, os tratamentos estéticos que são bastante favorecidos pela estação são os peelings químicos, as depilações definitivas, a realização de sessões com o uso do laser de CO² fracionado e microagulhamento, dentre outros que atingem as camadas mais profundas da pele.

Para quem já faz uso de cremes faciais, a temporada de outono é um ótimo momento para introduzir produtos que tenham ácidos noturnos em suas fórmulas, pois os mesmos irão ajudar na renovação das células da pele. “Quando esses cosméticos são associados a clareadores, a combinação proporciona a remoção e suavização de manchas, também ajudando no preparo da pele para a realização de procedimentos futuros. Em casos de manchas mais severas, ainda pode ser incluído o tratamento com o uso de lasers”, aconselha.

Por fim, é necessário lembrar que cada estação do ano tem suas particularidades e peculiaridades, mas para se obter uma pele viçosa e saudável, é essencial que ela receba cuidados o ano todo.

Sem corte e sem dor: novo tratamento para dar um fim à papada

Muitas mulheres – e homens – se incomodam com o famoso “queixo duplo” que pode formar nesta região com o passar dos anos ou com o aumento de peso. Isso acontece devido ao acúmulo de gordura ou mesmo por conta da flacidez da pele. A boa notícia é que nem sempre é necessário submeter-se à cirurgia plástica para combater o problema.

Prova disso é a novidade que acabou de chegar no Espaço Kurma: Lift Form. Trata-se de um peeling transdérmico que promove a quebra de gordura da região do pescoço, além do rejuvenescimento de toda a face e da região do pescoço e colo.

“Tem como diferencial a aplicação de um ativo altamente inovador, o Reduxlin, que por meio de moléculas bioidênticas e com ação lipolítica, promove quebra e arraste da gordura que se acumula na região”, explica a esteticista Sueli Szterling, sócia do Espaço Kurma.

O protocolo combina ainda os cristais gregos, responsáveis por estimular a produção da Klotho – proteína da juventude que aumenta a capacidade de longevidade celular – a ativos com ação renovadora e antioxidante, fortalecedora e preenchedora.

Além disso, é realizada uma massagem lipomodeladora e usada a tecnologia de compressão cervicofacial para potencializar os resultados. Esta última utiliza a técnica de iontoforese – uma corrente elétrica baixa – que conduz as substâncias utilizadas para as camadas mais profundas da pele. E através do seu formato exclusivo – que se encaixa exatamente no rosto – age diretamente no contorno facial, pescoço e papada.

“O efeito é visível na primeira sessão: uma redefinição dos contornos faciais e uma melhora da qualidade da pele, tornando-a mais nova e hidratada”, afirma Sueli. “Porém, são recomendadas quatro sessões para um tratamento completo”, acrescenta ela.

tratamento papada kurma.png

Espaço Kurma

O nome Kurma foi inspirado no significado da palavra tartaruga em sânscrito, utilizada para simbolizar solidez, estabilidade, longevidade e determinação. E é essa imagem que o espaço escolheu para representá-lo. Localizado no Alto de Pinheiros, o Kurma é um Spa completo que oferece mais de 60 opções de serviços voltados aos cuidados com o corpo e mente, além de terapia capilar e manicure.

No Espaço Kurma, encontra-se o que há de melhor e mais atual em atividades físicas, tratamentos corporais e faciais, orientação nutricional, promoção da saúde, terapias de relaxamento, estética, beleza e autoconhecimento. Com profissionais altamente capacitados, são realizadas somente terapias e procedimentos seguros, com eficácia comprovada.

Informações: Espaço Kurma

Renew Clinical Peeling Rejuvenescedor Avançado da Avon combina cinco ácidos

A prestigiada linha Renew da Avon acaba de ganhar mais um produto. Desenvolvido pelos cientistas do Avon Skincare Institute, o Renew Clinical Peeling Rejuvenescedor Avançado com Complexo Multi Acid 5 é um novo tratamento para o rosto com uma combinação exclusiva de cinco ácidos, que garantem os efeitos de peeling ao alcance de um disco umedecido.

Essa combinação esfolia a pele e ajuda a reduzir visivelmente a aparência dos poros, deixando o visual mais uniforme e radiante, melhorando a textura e o brilho e minimizando a aparência de manchas, linhas finas e marcas pós-acne.

O Renew Clinical Peeling Rejuvenescedor Avançado deve ser usado na pele limpa e seca, duas ou três vezes por semana e incluí-lo na rotina de beleza é simples: basta passar o disco umedecido pelo rosto e pescoço em movimentos circulares, evitando a área dos olhos. Não é preciso enxaguar e, após a aplicação, basta deixar a pele secar por alguns minutos antes de aplicar o protetor solar facial.

Renew-clinical-alta

Preço: R$ 51,99

O lançamento pode ser adquirido por meio de uma revendedora Avon ou no site da marca.

SAC Avon: 0800 708 28 66

 

 

Produto com sal do Himalaia para deixar os pés com efeito Cinderela

Os pés são muito explorados diariamente, mas sempre são esquecidos durante a rotina de beleza. E o resultado são pés rachados, desidratados e secos, entre outros problemas. Pensando nisso, a Herbacin, marca alemã que acaba de aterrissar ao Brasil, lança o Foot Care Peeling.

Ideal para pés cansados, ele possui sal do Himalaia e óleo de amêndoas, que garantem profunda limpeza e amaciamento da pele áspera. Seus cristais esfoliantes removem as células superficiais da pele, amaciando a pele sensível dos pés protegendo do ressecamento.

Como usar: aplicar uma ou duas vezes por semana em casos de pés secos, massageando suavemente. Aplicar mais pressão para áreas com calos graves. Enxágue com água morna. O sal cristal de peeling irá se dissolver, sem deixar resíduos.
herbacin
Informações: Herbacin

Manual do peeling: a técnica que pode melhorar cicatrizes, rugas e flacidez

De maneira geral, quando as estações mais frias do ano chegam, os peelings aparecem como boas armas terapêuticas que, quando bem indicadas, podem tratar de forma eficaz as cicatrizes de acne, textura da pele, rugas, flacidez, pele fotoenvelhecida e suas manchas além de controlar o melasma, explica a dermatologista  Claudia Marçal, da Sociedade Brasileira de Dermatologia e da Academia Americana de Dermatologia. Mas afinal, o que é o peeling?

“Peeling é uma forma de tratamento que deve ser realizada por indicação médica, no caso, com o dermatologista. Consiste na aplicação tópica de substâncias capazes de remover de modo muito superficial somente a epiderme ou até mesmo chegar à derme profunda (reticular). Isto depende do tipo de substância utilizada, sua concentração e a região a ser tratada”, afirma a dermatologista.

O que ele faz — “O peeling promove renovação da estrutura cutânea, proliferação de queratinócitos, fibroblastos e novos vasos na área tratada pela substância escolhida com ação de promover a descamação sempre com o intuito de reparar e tratar uma alteração inestética promovendo elasticidade, firmeza, melhora da textura da coloração e das linhas de expressão”, explica Claudia.

Substâncias — “Podemos utilizar o ácido retinoico em concentrações de 1% até 10%, o ácido tricloroacético de 10% a 50%, o ácido glicólico de 20% a 70%, o ácido salicílico entre 20% a 30%, ácido málico, mandélico, lático, kójico em associações para promover benefícios sobre a estrutura da pele a receber esta terapia tópica”, comenta a médica. Essas substâncias são usadas em cabine.

pele peeling rosto mulher

“Os peelings químicos mais superficiais apresentam menos complicações pois atuam apenas na epiderme e promovem uma descamação mais superficial com menor tempo de recuperação e podem ser utilizados em peles claras e mais morenas melhorando a textura, poros, manchas superficiais, cicatrizes de acne superficiais e controlando o melasma epidérmico”, acrescenta.

De acordo com a médica, todo e qualquer peeling químico deve ser precedido de preparo principalmente os mais profundos e de intensidade média. “Com ácidos associados a clareadores em uso noturno em regime de utilização preconizado pelo médico, não podemos deixar de lembrar da fotoproteção e hidratação diária com a finalidade de evitar manchas e hipercromias, promover cicatrização mais rápida e reparo tecidual”, recomenda.

Com relação à esfoliação, a médica diz que essa técnica é muito superficial e ocorre pelo uso de ativos com ação queratolítica removendo apenas o estrato córneo e epiderme superficial sem agredir as camadas mais profundas. “Indicado para melhorar a pigmentação superficial, os poros e a textura, deixando a pele mais homogênea e luminosa”, conta.

No caso de pacientes com pele mais morena, sensível ou que está em período ou fase da vida onde há contraindicação ou pela própria estação do ano, a médica diz que é necessário recorrer às fórmulas domiciliares à base de vitamina A e seus derivados, alfa ou beta ou polihidroxiácidos, ácido azelaico, associados à clareadores como a nicotinamida, ácido kójico, alfa-arbutin, hidroquinona, ácido tranexâmico, entre outros.

“Além disso, podemos alternar com cremes calmantes ou que utilizem fatores de crescimento, peptídeos, extratos naturais de plantas com ação multifuncional, silício, ácido hialurônico de alto e baixo peso molecular, estimuladores das áreas de sustentação cutânea como os coxins gordurosos, antioxidantes, antiglicantes e desglicantes, vitaminas e fotoproteção sempre com índices acima de 30. Nas peles mais claras o FPS acima de 50, reaplicado duas a três vezes ao dia”, completa a médica.

Inverno x verão — a especialista explica que os peelings médios e profundos devem ser realizados no inverno, pois atingem a derme papilar e reticular e são contraindicados em peles morenas, com tendência a cicatrizes hipertróficas, pacientes com rosácea ou hipersensibilidade reacional, durante a gravidez ou lactação, durante a vigência de infecções ou alterações hormonais para evitar complicações como manchas (hipercromia) pós-inflamatórias, surgimento de manchas brancas, infecção herpética ou por bactérias. Já os peelings mais superficiais ou com ação queratolítica (estrato córneo e epiderme) estão liberados de modo seriado durante o verão, desde que com algumas orientações médicas criteriosas.

*Conheça produtos que promovem renovação celular e podem ser usados em casa:

Peeling

usk_retinol_antiox_defense

USK Retinol Antiox Defense, da Under Skin é um bálsamo antioxidante com potente ação rejuvenescedora, que combina retinol encapsulado, Booster de retinol (que aumenta a eficácia do ativo) e U.SK AntiOx Blend™ — sinergia de quatro ingredientes antioxidantes para proteção global do envelhecimento, com diminuição do dano Infrared. O produto conta com Pro-SkinCalming™, complexo exclusivo de efeito calmante e dessensibilizante, diminuindo a irritação proveniente do uso de ácidos. Preço sugerido: R$ 310,00

306903_685264_sabonete_bio_white_140ml

Sabonete Bio White, da Buona Vita, promove leve descamação epitelial. Elaborado com substâncias tenso-ativas suaves e extratos de plantas contendo alfa-hidroxiácidos naturais que contribuem para a renovação da epiderme sem irritar a pele. Desobstrui os poros, retirando as impurezas mais profundas e renovando a pele. Preço sugerido: R$123,00

Produtos Calmantes

306903_685266_usk_advanced_defense_booster_anti_aging_50_ml___frente

USK Advanced Defense Booster, da Under Skin, é um poderoso sérum antioxidante que tem efeito calmante pela presença do ácido maslínico, com também tem ação anti-inflamatória. O sérum é capaz de neutralizar os radicais livres, prevenir o envelhecimento cutâneo, aumentar a elasticidade da pele, proteger contra os danos da radiação UVB e estimular a síntese de colágeno e conta com o exclusivo U.SK Biocomplex. Preço sugerido: R$ 359,00

306903_685265_alchemy_face_home_restore_20g

Alchemy Face Restore, da Buona Vita, é um sérum de reparação de barreira Cutânea com alto poder hidratante, regenerante e dermoprotetor. Altamente concentrado, sem adição de água e com 97,4% de composição de ativos, o sérum conta (em destaque) com D-Pantenol (hidratante), Niacinamida PC (fortalecedor da barreira epidérmica), Gatuline Skin Repair (efeito dermoprotetor) e IDP2 Peptídeo (reconstitui a derme). Preço sugerido:  R$ 198,00

Fonte: Claudia Marçal é dermatologista da Clínica de Dermatologia Espaço Cariz, com especialização pela Associação Médica Brasileira (AMB), membro titular da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) e membro da American Academy of Dermatology (AAD), CME (Continuing Medical Education) na Harvard Medical School.

Rejuvenescimento: procedimentos que auxiliam a refletir sua vitalidade

É tão bom quando a aparência exterior reflete toda a juventude e energia que sentimos por dentro. Para evidenciar isso, o rejuvenescimento da pele e o resurfacing são procedimentos que ajudam a melhorar a aparência da pele, trazendo todo o bem estar da pessoa. Podem ser realizados tanto através de laser, luz quanto tratamentos baseados em energia a peeling químico e demais métodos não abrasivos. O resultado é uma aparência mais suave, clara e jovem.

O rejuvenescimento vai tratar a pele dando uma nova textura. Já o resurfacing a laser melhora a aparência de rugas e linhas finas de toda a face, assim como as que se desenvolvem em regiões específicas do rosto, como o lábio superior ou ao redor dos olhos. “Os tratamentos a laser e luz, ou peelings químicos especialmente formulados, tratam disfunção de pigmentação, tais como manchas do sol e da idade”, explica o cirurgião plástico membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica, Tiago André Ribeiro.

rejuvenescimento-facial mulher

Os procedimentos ainda ajudam a melhorar a aparência de cicatrizes de acne e demais condições da pele. “O grau de cicatrização, o seu tipo de pele e a cor determinarão as opções de tratamento indicadas para você”, comenta Ribeiro. Também é feita uma análise cuidadosa da cor natural e do tipo de pele da paciente. Isso determina o tratamento mais adequado e ameniza o risco de desenvolvimento da pigmentação adicional ou a perda de pigmentação (clareamento da pele).

Em ambos os casos, o cirurgião plástico vai fazer uma avaliação geral da saúde do paciente e todas as condições pré-existentes ou fatores de risco, por exemplo, examinar e medir o rosto e tirar fotos para prontuários médicos. “Além disso, também são discutidas opções e recomendações de tratamentos, além de abordarmos os prováveis resultados dos procedimentos e quaisquer complicações potenciais”, conta o cirurgião plástico.

Após o procedimento, a proteção solar é absolutamente essencial, principalmente no primeiro ano depois de se submeter ao tratamento, evitado pigmentação irregular. “Proteção solar diligente durante toda a vida ajudará a manter sua nova pele mais macia e jovem”, conclui o cirurgião plástico.

Situações que podem ser tratadas

Pele mulher

Geralmente, as pacientes recorrem aos tratamentos de rejuvenescimento de pele quando notam rugas estáticas, ou seja, rugas que são sempre visíveis e não mudam de aparência com os movimentos faciais; rugas dinâmicas, que são as linhas de expressão que podem aparecer como pregas quando a pele não está se movendo, e aprofundar com os movimentos faciais ou expressões; sardas e manchas escuras resultantes, principalmente, da exposição ao sol; cicatrizes de acne ou ferimentos na pele e a perda de tonalidade da pele, ou seja, o enfraquecimento da estrutura de sustentação da pele (fibras de colágeno e elastina), que resulta em perda de firmeza da pele, ou desenvolvimento de celulite.

Fonte: Tiago Ribeiro é cirurgião plástico especialista pelo Hospital Santa Marcelina, de São Paulo, Tiago André Ribeiro é graduado em Medicina pela Universidade Estadual de Londrina (UEL). É membro da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica. Atende nas cidades de: Toledo e Marechal Cândido Rondon. 

 

Cresce procura por rejuvenescimento dos lábios

Procedimento vem ganhando adeptas de todas as idades ao redor do mundo

Atrizes de Hollywood muitas vezes são modelos para mulheres ao redor do mundo. A aparência impecável das celebridades e as novidades lançadas por elas não demoram a se tornar tendência. Famosas como Jennifer Lawrence, Scarlett Johansson e Jennifer Garner, por exemplo, causaram um aumento na procura por procedimentos para tornar os lábios mais bonitos.

De acordo com a Sociedade Americana de Cirurgiões Plásticos (ASPS), o rejuvenescimento dos lábios cresceu 50% em 2015, em relação ao ano 2000. Apenas nos Estados Unidos, foram realizados 27.449 procedimentos com este fim. Isso significa um caso a cada 20 minutos.

“Há dezenas de opções terapêuticas para o rejuvenescimento dos lábios, permitindo atender desde as necessidades de uma adolescente, por exemplo, até a reversão das alterações acumuladas ao longo das décadas em uma paciente da terceira idade” diz o cirurgião plástico Rodrigo Rosique.

boca

O especialista explica que, com o passar dos anos, a região dos lábios perde volume e se torna flácida. “Isso faz com que os lábios se invertam em direção à boca, a altura do lábio superior aumente e os cantos da boca caiam”. Além dessas alterações, a pele em pacientes de idade mais avançada apresenta rugas. Todas estas alterações não são revertidas na cirurgia de lifting de face tradicional.

Segundo o Dr. Rosique, quando a perda de volume na região é sutil, o procedimento pode ser feito com o uso de gordura ou ácido hialurônico. “Recentemente, foram lançadas formulações do ácido hialurônico, específicas para os lábios com maior fluidez e menor densidade. Isso nos ajuda a evitar nódulos ou o resultado com aspecto artificial”.

Em casos de alterações mais avançadas, geralmente o cirurgião associa um procedimento cirúrgico, como a eversão do lábio inferior, quando este está retraído. “Essa eversão é feita a partir de um avanço discreto da parte vermelha do lábio”, explica Rosique.

Há, ainda, a opção de ressecção do excesso de lábio superior, que causa apenas uma pequena cicatriz junto às narinas. “O levantamento dos cantos da boca por meio da cirurgia de rotação de retalhos também é uma opção utilizada”.

natura labios

Em conjunto com os procedimentos citados, é fundamental que a pele da paciente não seja esquecida. “A pele deve ser tratada para retirar as rugas em código de barras, seja com dermabrasão, radiofrequência, peelings químicos ou lasers de erbium ou CO2”, conta Rosique. Segundo o especialista, a escolha do tratamento correto deve ser discutida entre o paciente e o cirurgião plástico ou dermatologista responsável pelo acompanhamento do caso.

Fonte: Rodrigo Rosique