Arquivo da tag: pele

Pele do rosto: posso usar diferentes produtos e misturar marcas?

Será que faz mal para a pele misturar produtos de marcas diferentes? A dermatologista Valéria Marcondes responde essa dúvida e ainda ensina como cuidar da pele seca, oleosa e mista.

cosmetcos embalagens

Você já deve ter ouvido, principalmente de marcas de dermocosméticos, aquela história de que não é bom misturar produtos de linhas diferentes nos cuidados com a pele do rosto. O ideal seria, segundo eles, investir na linha inteira da marca para cuidados com limpeza, esfoliação, tonificação e hidratação, pois são formulados para uma sequência. Mas isso é verdade ou uma estratégia de marketing?

“Se todas as linhas tivessem sabonetes com ingredientes não irritantes e abrasivos, tônicos sem grandes quantidades de álcool e principalmente hidratantes com conservantes como parabenos, esse princípio até poderia valer. Mas todas as linhas possuem bons e maus produtos e precisamos ficar sempre atentos às formulações”, afirma a dermatologista Valéria Marcondes, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia e da American Academy of Dermatology (AAD).

De acordo com a médica, não é incomum encontrar marcas com ótimos hidratantes e fotoprotetores inadequados, ou linhas com sabonetes irritantes e máscaras altamente hidratantes. “Tudo também vai depender do tipo de pele da paciente e da melhor estratégia para tratar alterações em sua pele, por isso é fundamental procurar um dermatologista”, afirma Valéria.

Do mesmo modo que você não usa roupas de apenas um estilista ou toma remédios somente de uma indústria farmacêutica, o mesmo deve ser feito com os produtos da sua pele, segundo a dermatologista. “Para ter sucesso na rotina skincare, é necessário selecionar o que funciona melhor para seu tipo de pele e necessidade. Por isso, a mistura é necessária muitas vezes. Usar apenas uma linha não garante que seu tratamento será efetivo”, conta.

Mas, afinal, como escolher o melhor produto para o seu rosto? A dermatologista explica pelas características da pele:

pele oleosa.jpg

Pele oleosa – bastante comum no Brasil, esse tipo de pele tem tendência a ter acne, conta com poros dilatados, brilho em excesso e aspecto mais congestionado. “É aquela pele em que o paciente sente que forma cravos com muita facilidade e há uma dificuldade de controlar o brilho, porque as glândulas produzem gordura com facilidade”, afirma. O sabonete para esse tipo de pele deve ser preferencialmente líquido e usado obrigatoriamente de duas até três vezes ao dia. “Os sabonetes devem ser aqueles com extratos controladores de oleosidade e podemos usar ácido salicílico ou glicólico”, conta. A loção tônica adstringente vem logo em seguida e pode conter álcool, pela sua atividade secativa, mas não pode passar de 5% da formulação para não ser irritativo. “Essa pele precisa ser hidratada na sequência, com produtos oil control e que proporcionam efeito mate. Mas não podemos deixar de hidratá-la, para não causar o rebote – que ocorre quando deixamos a pele seca demais e há uma reação compensatória do organismo para repor esse filme gorduroso com mais oleosidade”, comenta. Geralmente os hidratantes são indicados em séruns, loções com oil control, oil free, ou na forma de gel. “Essa pele deve receber fator de proteção solar acima de 30 e esse filtro solar deve ter toque seco”, afirma. Em relação à noite, repete-se a higienização do dia e em alguns casos pode ser necessário o uso de ácidos como retinoico ou substâncias como peróxido de benzoíla.

pele seca poluição mulher

Pele seca – tem deficiência em produzir gordura de boa qualidade, os famosos ácidos graxos ou ômegas, que também formam a membrana hidrolipídica, que reveste o tecido e proporciona aparência luminosa. “A pele seca tem uma característica de ser mais áspera, mais sensível e, às vezes, ficar mais avermelhada, além de apresentar tendências a ter rugas mais precoces”, afirma a médica. Para limpeza, a médica indica as loções, sabonetes cremosos, emulsões ou os sabonetes líquidos à base de extratos calmantes e sem agentes agressores. No geral, essa pele deve evitar a esfoliação e investir em tônicos calmantes hidratantes à base de fatores de hidratação e de aminoácidos, e sem álcool. “Os hidratantes podem ser mais robustos, em veículos mais cheios de lipídios, e devem ter a capacidade de segurar a água na pele e contar com alguns lipídios na formulação para ajudar a formar a membrana hidrolipídica”. Principalmente esse tipo de pele não pode esquecer do creme específico para a região da área dos olhos. “Assim que a pele foi hidratada, deve-se esperar alguns minutinhos para passar o fotoprotetor, que deve ser diário. Deve também receber filtros solares com índice normalmente acima de 30, com textura mais cremosa”, explica. À noite, após a limpeza e tonificação, é importante utilizar hidratantes nutritivos, segundo a médica.

rosto

Pele mista – é uma combinação de áreas mais ressecadas e áreas mais oleosas; a pele mista tem a zona T mais oleosa (testa, nariz e queixo), porque é onde se apresentam as glândulas sebáceas. “No caso da pele mista, a higienização também é com o sabonete líquido e posso usar uma loção tônica adstringente na região da zona T. No restante do rosto, a hidratação deve ser feita usando séruns, loções mais leves, produtos ricos em segurar a molécula de água na pele, sem esquecer a fotoproteção que também pode ser com os BB, CC creams, ou simplesmente o filtro solar sobre um bom hidratante”, afirma Valéria. E à noite, o paciente deve lavar o rosto novamente, tonificar a pele, dando maior atenção à região da zona T e, dependendo da faixa etária do paciente, ele pode usar a vitamina C, os derivados de vitamina A, ácido retinoico, alfa hidroxiácidos e beta hidroxiácidos.

Fonte: Valéria Marcondes é dermatologista da Clínica de Dermatologia Valéria Marcondes, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia com título de especialista e da Academia Americana de Dermatologia. Foi fundadora e é membro da Sociedade de Laser. 

Benefícios do coco: água para a pele e óleo para o cabelo

Confira como aproveitar as propriedades do coco de diversas maneiras

A água de coco é muito conhecida por hidratar e refrescar em estações quentes. Mas, além de ingerida, ela também pode ser usada nos cuidados com cabelo e pele, deixando-os mais saudáveis e hidratados.

A composição do coco é feita em sua grande maioria – 95% – por água, e o restante (5%) por nutrientes, vitaminas, aminoácidos e minerais. Essa água extraída do coco possui propriedades antioxidantes e hidratantes, que deixam a pele mais firme, macia e com um toque sedoso.

“A água de coco presente no nosso hidratante forma um filme protetor na pele, proporcionando hidratação imediata e deixando, ainda, uma sensação de frescor com um toque envolvente.”, comenta Bruna Veneziano, Gerente de Produto e Marketing da Skala Cosméticos.

coco cosmeticos beleza

Isso porque a água é leve e, sendo assim, é absorvida rapidamente pela pele. Além disso, por ser rica em Vitamina C, a água de coco ajuda a melhorar a aparência da pele deixando-a mais macia e lisa, prevenindo os sinais de envelhecimento prematuros.

Do coco, também é possível extrair um óleo, ingrediente muito utilizado nos cuidados com as madeixas. Ele penetra profundamente na cutícula dos fios e, por isso, proporciona nutrição, brilho e maciez.

O óleo de coco é rico em vitamina E, K, ácidos graxos e outros nutrientes benéficos para a saúde de todos os tipos de fios. Nos cacheados, que são naturalmente mais ressecados, por exemplo, ele hidrata os fios enquanto nos fios lisos, ajuda a controlar e diminuir o frizz.

Veneziano, destaca, ainda, a preocupação da marca em proporcionar produtos para tratar profundamente todos os tipos de fios: “Para promover esse cuidado diferenciado, sempre nos preocupamos em desenvolver fórmulas especializadas para não agredir, nem retirarem a oleosidade natural dos fios, promovendo sua limpeza profunda por meio dos agentes emolientes, como é o caso do Creme de Tratamento Óleo de Coco”, explica.

 

ska coco
Preço sugerido
Creme de tratamento: R$ 6,00 a R$ 9,00
Hidratante: R$ 5,00 a R$ 8,00

Onde encontrar: disponível nos principais varejistas do Brasil e no e-commerce da marca.

Informações: Skala – SAC: 0800 940 2532 ou sac@skala.com.br

Cinco alimentos que comemos mais no tempo frio e envelhecem a pele

Cuidado com os alimentos calóricos e fáceis demais nesse inverno. Além dos grandes problemas para o organismo, a pele também pode sofrer

Quando a temperatura começa a diminuir, é comum atacar a geladeira e desregular a alimentação. Afinal, quem não gosta de comer um brigadeiro de colher assistindo filmes e séries em um friozinho com chuva? “As pessoas sentem mais fome e desejo de alimentos com mais calorias no inverno, porque o nosso metabolismo fica naturalmente mais rápido pela tentativa de regular a temperatura corporal. O problema é que muitos desses alimentos que ingerimos mais no inverno podem acelerar o processo de envelhecimento cutâneo”, explica a dermatologista Valéria Marcondes, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia e da Academia Americana de Dermatologia. Abaixo, a especialista cita os grandes vilões:

doces mulher chocolate

Doces – apesar de importante para conferir energia ao corpo, o carboidrato (ou açúcar) em excesso pode interagir com as proteínas e gorduras para causar os AGEs (Agentes avançados de glicação) que alteram as estruturas e funções do colágeno e elastina, causando desordens na pele, com aparecimento de rugas, flacidez e manchas. E o problema é que os doces são justamente muito ricos em açúcar. “A glicose em excesso pode causar desregulação dos genes pró-longevidade e aumentar a concentração de AGEs”, afirma a médica.

pag06_microondas_op2_v2

Refeições rápidas de micro-ondas – para quem tem preguiça de cozinhar no frio, os alimentos rápidos e ultraprocessados, esquentados no micro-ondas, podem ser um perigo. “Além de vários aditivos químicos, há alta concentração de sódio e carboidratos nesses produtos. Com o alto consumo de sal, o corpo retém mais líquido e a pele sofre com isso, ficando desidratada e muitas vezes com sinais de inchaço e cansaço”, afirma a dermatologista. O sal em excesso prejudica ainda a circulação de sangue, o que tem influência direta na nutrição da pele.

cozido_de_carne_com_legumes_15_baixa160620_150634

Carne vermelha – um bom ensopado de carne é capaz de nos deixar saciados por horas, mas a junção de carne vermelha com batata, molhos e sal em excesso podem cair como uma ‘bomba’ no nosso organismo, acabando por limitar a ação antioxidante. “A carne vermelha, rica em gordura saturada, aumenta o colesterol ruim e pode inibir a atividade da SIRT1 (proteína que estimula à longevidade celular) levando a uma vida útil celular reduzida. Isso tem relação direta com o processo de envelhecimento”, afirma a médica.

batata frita

Frituras – se a batata frita, um pastel quentinho e outros tipos de frituras como salgadinhos estão no seu cardápio de inverno, saiba que o óleo utilizado em altas temperaturas se torna uma gordura saturada, diminuindo a vida celular, além de adicionar muito sal à alimentação.

queijos tabua vinho3333333333

Queijos “amarelos” – além do alto teor de gordura, os queijos prato, coalho, emental, brie, cheddar, mussarela, parmesão, entre outros, como são derivados de leite podem aumentar a expressão do hormônio IGF-1, que tem relação com a produção exacerbada de sebo e acne. “Se não tratada adequadamente, a acne pode deixar manchas e cicatrizes que deixam a pele com aspecto envelhecido”, afirma a médica.

Cardápio do bem

legumes cozidos

Para fugir dos problemas de inverno e ter uma alimentação que influencia beneficamente a pele, a dermatologista recomenda o consumo balanceado de proteínas, conjuntamente com verduras, legumes, frutas e oleaginosas. “Além disso, podemos prescrever suplementos com vitaminas e minerais com ação antioxidante e anti-inflamatória para atuar de maneira endógena contra os agressores ambientais que levam ao envelhecimento”, finaliza a médica.

Fonte: Valéria Marcondes é dermatologista da Clínica de Dermatologia Valéria Marcondes, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia com título de especialista e da Academia Americana de Dermatologia. Foi fundadora e é membro da Sociedade de Laser.

Outono pede cuidados especiais com a pele e cabelos

Menor umidade do ar tende a deixar a pele mais ressecada; dermatologista dá algumas dicas para minimizar os efeitos da estação

Com temperaturas mais baixas e menor umidade do ar, típicas do outono/inverno, tanto a pele quanto os cabelos podem sofrer alterações, trazendo desconforto e reclamações. Até o começo da primavera, a tendência é de um ressecamento cada vez maior, de acordo com o dermatologista José Jabur da Cunha, da Altacasa Clínica Médica e chefe do setor de Cirurgia Dermatológica da Santa Casa de São Paulo.

“Nesta época do ano, muita gente se queixa de ressecamento na pele e do pouco brilho ou queda de cabelos. Por isso, manter a hidratação é fundamental. A tendência é a pele ficar mesmo mais ressecada. Não deixe de passar hidratantes (melhor se indicados para peles secas), principalmente em áreas como pernas, joelhos e cotovelos”, orienta o dermatologista. Já em relação aos cabelos, o especialista destaca alguns cuidados importantes: “Evite lavar o cabelo com água muito quente e à noite; e não durma com o cabelo molhado ou preso”, explica.

Algumas doenças de pele também costumam ficar mais acentuadas durante o outono, como a Psoríase, a Dermatite Seborreica e a Dermatite Atópica. E há maior incidência de parasitoses (piolho e sarna). “A consulta a um dermatologista é fundamental para o tratamento adequado”, frisa o médico.

Então, se você quer manter a pele e os cabelos bem cuidados nos dias mais frios de outono e inverno, preste atenção às orientações de Jabur:

mulher bebendo água ibbl

Beba muita água – se você não costuma beber muita água, comece a andar com uma garrafinha a tiracolo diariamente. No outono e inverno, ingerir pelo menos 1,5 litro de água por dia ajuda a hidratar ainda mais e evita problemas na pele causados pelo clima.

mulher corpo creme hidratação pinterest
Pinterest

Hidratação do corpo – se você usa um tipo específico de hidratante, saiba que muitas vezes não é preciso trocá-lo, basta intensificar o cuidado com a pele, aplicando-o diariamente e em quantidades generosas. Já para quem tem pele mais seca, a dica é investir em hidratantes mais específicos. Procure seu dermatologista para uma avaliação, mas de modo geral hidratantes sem perfume, de consistência mais grossa, com ureia ou ceramidas são bem indicados.

lábios boca

Cuidado com os lábios – para não deixar que os lábios sofram com a ação do ar seco e frio, que pode causar rachaduras e até lesões, use sempre um protetor hidratante labial.

freegreatpicture-mulher-banho

Atenção à temperatura do chuveiro – banhos quentes são muito comuns no inverno. Mas apesar de bastante relaxantes, eles deixam a pele ressecada, o que pode piorar com as temperaturas baixas e o clima seco da estação.

aire acondicionado para casa Hasta Importante El mejor aire acondicionado que puedes prar para una casa peque±a Proyecto

Evite o ar condicionado – como ele costuma ressecar a pele, procure usá-lo somente no verão ou quando o tempo estiver bem quente.

esponja de banho pixabay
Pixabay

Fuja do uso contínuo de buchas – usar bucha no banho acaba removendo a camada de proteção da pele que ajuda a mantê-la hidratada naturalmente. Além disso, o uso excessivo de sabonetes também pode ter esse efeito. No inverno os banhos são mais demorados e muitas vezes são um vilão da pele seca. Prefira banhos mais rápidos e sem exageros.

umidificador 2

Umidifique o ar – para deixar o ambiente da casa ou do escritório mais úmido, coloque um vaporizador ou uma bacia com água. Se escolher a segunda opção, não se esqueça de trocar a água da bacia diariamente.

mulher protetor solar

Protetor solar – o uso do protetor solar é importante mesmo em dias com sol fraco, dias nublados ou com chuva. Para quem preferir, algumas marcas de protetor solar já costumam vir com o FPS associado a hidratantes.

mulher lavando o rosto

Lave o rosto antes de dormir – o rosto acumula impurezas durante o dia. Para desobstruir os poros e deixar a pele limpinha, procure sempre higienizar o rosto antes de dormir para, em seguida, aplicar um hidratante.

Fonte: José Jabur da Cunha é dermatologista da Altacasa Clínica Médica e chefe do setor de Cirurgia Dermatológica da Santa Casa de São Paulo

Estudo diz que mudança alimentar ajuda a tratar inflamações na pele

Estudo publicado no Skin Therapy Letter no começo de 2018 afirma que alguns alimentos são altamente maléficos para causar ou piorar inflamações de pele, enquanto outros podem ajudar e muito o tratamento da acne, psoríase, envelhecimento, dermatite e rosácea

Definitivamente, ‘você é o que você come’, mas um novo estudo vai um pouco além disso e diz que você sente na pele muita coisa por conta da sua alimentação. A pesquisa científica Skin and Diet: An Update on the Role of Dietary Change as a Treatment Strategy for Skin Disease, publicada em janeiro no Skin Therapy Letter, afirma que a mudança na dieta pode servir como um componente importante na terapia para certas condições da pele, incluindo acne, rosácea, envelhecimento, psoríase e dermatite.

“Certos nutrientes, alimentos ou padrões alimentares podem agir como ‘gatilhos’ de doenças, enquanto outros podem ser benéficos. Por exemplo, um padrão alimentar que enfatize o consumo de alimentos integrais em vez de alimentos altamente processados pode ajudar no tratamento de certas condições da pele, principalmente àquelas ligadas à inflamação”, afirma a dermatologista Valéria Marcondes, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia e da American Academy of Dermatology (AAD).

De acordo com a médica, esse artigo foi uma importante revisão para esclarecer as relações entre dieta e pele, uma vez que uma simples pesquisa na internet já revela que há muita desinformação. “Um exemplo é o chocolate. Muitas vezes ligado ao aparecimento de acne, esse produto só é maléfico se tiver alta quantidade de carboidratos e gorduras e menor concentração de cacau. De forma que não é o cacau o responsável por piorar inflamações de pele e, sim, a gordura e o carboidrato”, exemplifica. Na sequência, a médica destaca os principais pontos do estudo:

Acne

274172_573153_saiba_como_se_livrar_da_acne_web_

Alimentos perigosos: a evidência mais forte até o momento sobre os gatilhos dietéticos para acne é para dietas de alta carga glicêmica. “Em um estudo, pacientes com acne demonstraram melhora significativa após 12 semanas de uma dieta de baixa carga glicêmica. Estudos posteriores documentaram que esse padrão alimentar resultou em menor biodisponibilidade de andrógenos e alteração na produção de sebo da pele”, diz a médica. O uso de suplementos como Whey Protein já foi indicado em estudos como influenciador importante no desenvolvimento de acne resistente.

Ostra_3

A dieta ideal: as recomendações alimentares para pacientes com acne incluem alimentos ou suplementos contendo probióticos, ácidos graxos ômega-3, zinco, antioxidantes, fibras e vitamina A. “Alimentos com zinco tem papel importante para o controle da produção de sebo, de acordo com estudos”, afirma a médica.

Envelhecimento da Pele

mulher-espelho-rosto-rugas

Alimentos perigosos: para os pacientes que apresentam fotoenvelhecimento, os fatores do estilo de vida que afetam esse processo são um aspecto importante do tratamento. “Embora o tabagismo e a proteção solar sejam comumente indicados como maléficos a esse tipo de paciente, os fatores dietéticos também devem ser considerados”, diz Valéria. Uma das grandes preocupações é o açúcar e o carboidrato: “Níveis mais altos de açúcar no sangue podem resultar na produção de produtos finais de glicação avançada (conhecidos como AGEs), que agem no endurecimento das fibras de colágeno, o que resulta em perda de elasticidade e flacidez. O consumo de AGEs pré-formados, criados durante certos processos de cozimento, como a fritura, também pode ser prejudicial”, afirma a médica.

goji berry dry

A dieta ideal: muitos estudos em laboratório e em animais descobriram que vários antioxidantes encontrados em alimentos (frutas, vegetais, folhas de chá e sementes) atuam para limitar os efeitos cutâneos nocivos da radiação ultravioleta (UV). “Em um estudo, indivíduos que consumiram pasta de tomate diariamente por 12 semanas apresentaram menos eritema induzido por UV, bem como níveis mais baixos de metaloproteinases (enzimas que degradam colágeno)”, diz a médica. Outras pesquisas em humanos sugerem que uma dieta rica em fitonutrientes pode limitar o fotodano. “Um estudo relatou que a maior ingestão de vegetais, legumes e azeite parece proteger contra danos do fotoenvelhecimento. Em outra pesquisa com mais de 4.000 mulheres, concluiu-se que as vitaminas A e C são importantes para uma pele ser menos envelhecida”.

Dermatite Atópica

dermatite_atopica

Alimentos perigosos: as alergias alimentares estão altamente correlacionadas com a dermatite atópica e os seis alimentos mais comuns a funcionar como gatilhos são: leite, ovos, trigo, soja, frutos do mar ou nozes.

493ss_thinkstock_rf_five_panel_prebiotic_foods
Thinkstock

A dieta ideal: os simbióticos, que são probióticos em combinação com prebióticos, mostraram-se promissores no tratamento da dermatite atópica. “Probióticos são bactérias vivas, similares àquelas encontradas naturalmente no corpo humano, e que podem ser benéficas para a saúde. Os prebióticos, como certas fibras vegetais, são definidos como carboidratos não digeríveis que estimulam o crescimento de bactérias probióticas no intestino”, explica.

Psoríase

psoriase-mulher

Alimentos perigosos: a importância da dieta deve ser enfatizada para todos os pacientes com psoríase, principalmente devido ao maior risco de doenças relacionadas, incluindo diabetes, hipertensão e doenças cardiovasculares, que podem ser evitadas ou melhoradas por abordagens dietéticas. “É bem reconhecido que o tabagismo e o aumento da ingestão de álcool estão associados à psoríase. Mas alimentos contendo glúten podem atuar como um gatilho em alguns pacientes, e testes para anticorpos celíacos são necessários para aqueles que relatam sintomas gastrointestinais de acordo com o estudo”, explica.

óleo de peixe pixabay

A dieta ideal: em uma revisão sistemática da literatura, o aumento da gravidade da psoríase pareceu correlacionar-se com um maior índice de massa corporal (IMC), e acredita-se que a obesidade provavelmente predisponha à psoríase e vice-versa. De acordo com o artigo, embora as recomendações dietéticas específicas não sejam claras, um estudo observacional encontrou uma associação benéfica de melhora com pacientes que seguiram a dieta mediterrânea. “Em termos de suplementos nutricionais, vários estudos apostam no óleo de peixe como o mais promissor e a vitamina D oral demonstrando alguma promessa em estudos abertos. Houve evidência limitada para o benefício da suplementação de vitamina B12 e selênio”, afirma a médica.

Rosácea

AdobeStock_ rosacea

Alimentos perigosos: pacientes com rosácea devem evitar os desencadeantes alimentares e nesse grupo entram várias especiarias, molho picante, chocolate ao leite e branco, frutas cítricas, álcool (incluindo vinho e bebidas destiladas), além de bebidas quentes como café e chá. “Não significa que o paciente com o paciente com rosácea deve deixar de ingerir todas essas substâncias, mas ele deve ficar de olho, juntamente com o médico, se esses alimentos não influenciam negativamente na vermelhidão da pele e inflamações”, afirma a médica.

muesli fibras pixabay
Pixabay

A dieta ideal: a pesquisa indica o possível papel de uma conexão intestinal na rosácea, sugerindo um aumento do consumo de fibras e da ingestão de água ou o uso de simbióticos por via oral.

Fonte: Valéria Marcondes é dermatologista da clínica que leva seu nome, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia com título de especialista e da Academia Americana de Dermatologia. Foi fundadora e é membro da Sociedade de Laser.

Natura ensina ritual para hidratar a pele do rosto

Manter a pele hidratada evita sinais de envelhecimento e linhas de expressão na face

A hidratação é importante para todos os tipos de pele, seja ela oleosa, ressecada ou mista. Em se tratando da pele do rosto é essencial, principalmente para renovação celular e redução de manchas e linhas de expressão. É possível fazer da hidratação da pele do rosto um ritual de beleza e bem-estar, seguindo algumas dicas que vão além da simples aplicação de um hidratante. Você pode aproveitar cada passo fazendo uma automassagem na face.

1. Limpar

mulher lavando o rosto
Não é preciso lavar o rosto muitas vezes. Isso pode provocar mais ressecamento na pele seca e maior produção de óleo na pele oleosa. O ideal é lavar o rosto duas vezes ao dia, de manhã e à noite. Prefira água fria, pois a quente resseca a pele e estimula a produção das glândulas sebáceas. Você pode usar a Espuma Limpeza Suave, de Chronos. Indicada para todos os tipos de pele.

limpeza natura.png

Chronos Espuma Limpeza Suave:  enriquecida com a betaína de cupuaçu, tensoativo natural da biodiversidade brasileira, a Espuma de Limpeza Suave de Natura Chronos possui uma espuma cremosa e refrescante que limpa a pele suavemente. Preço sugerido: R$ 58,80

2. Tonificar

pele rosto hidratante3
O Tônico facial complementa a higienização e ajuda a compensar algumas características da pele, além de manter o equilíbrio natural, revigorar e recuperar a vitalidade. A dica da Natura é usar os tônicos da linha Chronos, há dois tipos: o Tônico Detox Hidratante, indicado para a pele normal a seca, e o Tônico Detox Adstringente, recomendado para a pele mista a oleosa. Ambos possuem a tecnologia CellDetox, que traz benefícios exclusivos para a pele, como células mais saudáveis, deixando a pele com mais energia e preparada para o próximo passo do tratamento. Também ajuda a reduzir os sinais de cansaço provocados pelo excesso de toxinas, como o amarelamento da pele, perda do brilho natural; A aplicação pode ser feita partindo do centro para os lados, fazendo suaves movimentos circulares ascendentes para o rosto e descendentes para o pescoço. Evite apenas a área dos olhos.

chronos tonico.png

Chronos Tônico Detox Hidratante e Tônico Detox Adstringente: os tônicos de Chronos possuem tecnologia detox que promove uma limpeza profunda (intracelular), com remoção de toxinas. Além dos tônicos eliminarem as toxinas das células, o Tônico Detox Hidratante potencializa a hidratação, e o Tônico Detox Adstringente controla a oleosidade. Preço sugerido: R$ 58,80

3. Hidratar

pele_linda
Esse passo é muito importante no seu ritual mantendo as características naturais e as barreiras de proteção da pele. Aplique a quantidade de hidratante indicada no rosto e massageie bem a região. Comece de dentro para fora com pressão moderada e use as pontas dos dedos. O segredo é optar por hidratantes de textura leve, como é o caso do Chronos Aqua Biohidratante Renovador, cuja fórmula promove recarga instantânea de hidratação e estimula a pele a se auto-hidratar de forma inteligente. Ele une a fevillea, exclusivo ativo da biodiversidade brasileira, que estimula mecanismos naturais de produção de ácido hialurônico, a um potente prebiótico, ativo que mantém o equilíbrio da microbiota da pele e ajuda a fortalecer a barreira cutânea, e ácido hialurônico-BT, que aumenta os níveis de hidratação da pele imediatamente.

chronosss

Novo: Chronos Acqua Biohidratante Renovador: ideal para todos os tipos de pele. A fórmula leve, refrescante e ultra hidratante penetra rapidamente na pele e une na composição a fevillea, exclusivo ativo da biodiversidade brasileira que estimula mecanismos naturais de produção de ácido hialurônico, a um potente prebiótico, ativo que equilibra a microbiota e ajuda a fortalecer a barreira cutânea, e ácido hialurônico-BT, ativo biotecnológico que aumenta os níveis de hidratação na pele. Preço sugerido: R$ 128,50

Onde encontrar: por meio de uma Consultora Natura, na Rede Natura ou nas Lojas próprias da Natura, em São Paulo, São Caetano do Sul, Ribeirão Preto, Alphaville São Paulo, Campinas, Florianópolis, Belo Horizonte, Goiânia, Brasília, Campo Grande, Curitiba e no Rio de Janeiro.

Quer uma pele super-hidratada? Veja dicas para potencializar a ação dos cremes

Você já conhece de cor sua rotina de cuidados com a pele, mas, às vezes, quando o tempo esfria, o vento é forte ou o ar é seco, a desidratação pode chegar — trazendo também a descamação e a vermelhidão. Para evitar isso, consultamos três dermatologistas que nos explicam em dicas fáceis como potencializar — ao máximo — o poder de hidratação dos cremes e séruns.

“Antes de qualquer dica com relação à hidratação, é interessante observar que antes da aplicação de qualquer creme, a pele deve ser previamente limpa com sabonetes com extratos naturais e tônicos adequados ao tipo de pele. A pele suja e com impurezas dificulta a ação hidratante dos cremes”, afirma Jardis Volpe, dermatologista de São Paulo. Confira:

1- Massageie

massagem-facial-diaporamas

“Quanto mais houver a fricção do hidratante no contato com a pele, maior é a penetração”, conta Volpe. “Então, para você otimizar o uso dele, a absorção, é necessário fazer movimentos circulares massageando, porque a pele é impermeável, ela serve de proteção para o nosso organismo. Tudo que a gente aplica sobre a pele tem pouca penetração, portanto quanto mais houver a fricção e a massagem, maior será o aproveitamento do produto”, completa.

2- Esfolie

mulher rosto esfoliante liveabout
Foto: LiveAbout

Pelo menos uma vez por semana, os esfoliantes devem ser usados. “Eles ajudam a retirar células mortas e facilitam a penetrância dos ativos presentes nos cremes. Ao esfoliar, removemos o estrato córneo, retirando células mortas e detritos, sebo e resíduos que muitas vezes ficam mais aderidos à superfície cutânea”, afirma a dermatologista Claudia Marçal, membro da SBD. “O esfoliante vai fazer a renovação do estrato córneo e vai deixar essa pele mais fina e macia, mais receptiva para uma hidratação”, acrescenta a médica. Esfoliantes naturais como Rice Exfoliator, que é feito à base de sílica de arroz, são mais suaves e melhores para uso no inverno.

3- Aplique após o banho

Pampering cream

O melhor período para aproveitar o máximo efeito de um hidratante é após o banho. “Com a pele úmida, os poros têm maior capacidade de absorver os ativos do produto”, afirma Volpe. Mas com relação aos banhos, cabe um alerta: evitar banhos muito quentes para não desidratar mais a pele e perder o efeito hidratante dos cosméticos.

4- Fique de olho nos rótulos: escolha os produtos com nanotecnologia

mulher rotulo embalagem
Os nanovetores são partículas muito pequenas que garantem permeação maior, já que a pele absorve mais. “Com a nanotecnologia, temos certeza de que o que está sendo usado na pele não está parando na superfície, sem promover nenhum efeito de regeneração”, afirma Volpe.  Claudia completa: “Hoje, já temos ciência — e caracteristicamente por fruto de pesquisa, estudo e microscopia eletrônica — que aqueles ativos que devem agir, por exemplo, na junção dermoepidérmica (produzindo colágeno 7, que tem função de ancoragem e sustentação mantendo a firmeza) são eficientes, já que há estímulo na área tratada. Ou seja, através da vetorização dos ingredientes, é possível fazer com que esses princípios ativos atinjam realmente o local desejado”, afirma.

5- Abuse das máscaras

gettyimages-mulher mascara facial

Máscaras hidratantes podem ser usadas uma vez por semana. “Em uma máscara hidratante, a alta concentração dos princípios ativos é superior a de cremes de uso diário, além de penetrar mais eficientemente na pele e, com isso, pode promover retenção hídrica, devolver umidade natural da pele e melhorar a função de barreira. Isso potencializa a ação de hidratação”, afirma Claudia.

4 produtos com alto poder hidratante:

*USK Advanced Defense Booster, da Under Skin, hidrata por 24 horas segundo estudos, por contar com o ácido hialurônico vetorizado.

*Hidraty com Ômegas e Alfa Hidroxiácidos, da Pharmapele, mantém o nível de hidratação ideal, proporcionando renovação celular, luminosidade e maciez.

*Alchemy Face Restore, da Buona Vita, traz poderosos ingredientes que restabelecem a barreira cutânea, hidratando e reduzindo a perda transpidermal.

*Hidratante Nutritivo, da Biozenthi, garante hidratação imediata e de longa duração, ao contar com Pantenol e Vitamina E. Produto é vegano e livre de glúten.

Fontes:
Claudia Marçal é dermatologista da Clínica de Dermatologia Espaço Cariz, com especialização pela Associação Médica Brasileira (AMB), membro titular da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) e membro da American Academy of Dermatology (AAD), CME (Continuing Medical Education) na Harvard Medical School.

Jardis Volpe é dermatologista; Diretor Clínico da Clínica Volpe (São Paulo). Formado pela Universidade de São Paulo (USP); Especialista em Dermatologia pela Sociedade Brasileira de Dermatologia; Membro da Sociedade Americana de Laser, da SBD e da Academia Americana de Dermatologia; Pós-graduação em Dermatocosmiatria pela FMABC; Atualização em Laser pela Harvard Medical School.

Oito truques para garantir uma maquiagem mais natural

Maquiadora dá dicas para quem quer apostar em um visual mais simples sem abandonar a maquiagem

Algumas ocasiões exigem maquiagens mais leves e naturais. Porém, fazer uma maquiagem mais simples não é tão fácil quanto parece e uma pincelada de pó a mais ou um rímel aplicado errado pode estragar com seu visual e conferir aquele aspecto pesado ao rosto.

Para ajudar você a evitar este problema e acertar na hora de fazer uma maquiagem mais básica, a maquiadora Denise Valença, do Lefil Beauty, maior salão de beleza de São Paulo, apontou oito truques para conquistar um visual mais natural. Confira:

mulher espelho pele

– Customize sua base: se você quiser que a base confira um aspecto mais natural a sua pele uma boa dica é misturá-la com um pouquinho de hidratante antes de aplicar. “A cobertura da base será melhor e vai dar a maquiagem um visual mais natural e seco. Mas se você quiser um acabamento um pouco mais brilhante uma opção é adicionar também um pouquinho de iluminador a essa mistura antes de aplicá-la ao rosto”, explica a especialista.

Corretivo liquido light skin claro 2 (3)

– Cuidado com o corretivo: é o salvador de grande parte das mulheres após uma noite mal dormida ou quando uma espinha aparece. Mas cuidado para não exagerar, pois você pode acabar ficando com um aspecto ainda mais cansado e pesado. “Para evitar este problema uma boa técnica é olhar diretamente nos seus olhos enquanto aplica o corretivo e cobrir apenas aquelas imperfeições que você consegue enxergar com sua visão periférica”, recomenda a maquiadora do Lefil Beauty.

mulher jovem pele make

– Não exagere no pó bronzeador: “A maioria das pessoas utiliza o pó bronzeador no rosto todo, o que confere aquele efeito de bronzeado artificial. Mas se você procura por um acabamento mais natural o ideal é aplicar o produto apenas nas bordas do seu rosto e dar leves batidas com o pincel na maçã do rosto.”

cilios olhos mulher

– Retire o excesso de rímel: “Rímeis tendem a ser superpesados, o que nem sempre é ruim, afinal todo mundo quer cílios grandes, grossos e bonitos. Mas se você está tentando conquistar um visual mais natural com sua maquiagem cílios muito grandes não são a melhor opção. Então, após aplicar o rímel, utilize dois cotonetes com um pouco de demaquilante para pressionar os cílios e remover o excesso do produto”, destaca Denise.

pinceis maquiagem

– Utilize um pincel para disfarçar o blush: “Bochechas rosadas são lindas, mas não combinam com uma maquiagem mais natural. Porém, é possível conquistar uma coloração mais natural aplicando o blush normalmente e, em seguida, passando o seu pincel de base sobre ele. Isso ajuda a apagar um pouco o blush, conferindo um acabamento mais suave ao rosto.”

Woman putting on make-up

– Defina os cílios com o lápis de olho: “Uma dica para tornar o uso do lápis de olho mais discreto e natural e ainda ressaltar os cílios é aplicar o lápis na linha d’água do olho e em seguida fechar os olhos com força para que a tinta se espalhe para a raiz dos cílios. Em seguida, utilize um cotonete para remover o lápis da linha d’água. Dessa forma seus cílios vão parecer naturalmente definidos”, afirma a profissional do Lefil Beauty.

mulher maquiagem pincel
Foto: Makeup.com

– Contorne seu rosto: “Fazer o contorno do seu rosto não é tão difícil quanto parece e a técnica é capaz de conferir um acabamento muito mais bonito e natural para a sua maquiagem. Para isso basta utilizar um pó bronzeador na parte de baixo de sua bochecha, indo do topo da orelha até o canto do lábio, mas sem tocá-lo.”

Nicole-Kidman-Long-Hairstyle-Tousled-Curls

– Suavize seu batom: batons mate ou foscos ainda são uma grande tendência, mas podem sobrecarregar sua maquiagem, tornando-a menos natural. Mas não é preciso abandoná-los. “Para criar um acabamento mais suave aplique o batom de sua preferência e, em seguida, aplique um pouquinho de spray fixador por cima com a ajuda de um pincel”, finaliza Denise.

Lefil Beauty – R. Piracuama, 141 – Perdizes, São Paulo

Laser de picossegundos é novidade para tratar manchas da pele

Muitas pessoas procuram os consultórios dermatológicos para tratar as manchas na pele, especialmente no rosto. Os pacientes estão em busca de procedimentos que causem menos desconforto e sejam mais modernos e eficientes. E, uma das principais novidades em tratamentos é o uso do Laser Alexandrite (755nm), do equipamento Picosure, com pulsos de picossegundos, que produz um impacto fotomecânico na pele, com pulsos ultrarrápidos, de curtíssima duração (trilionésimos de segundos).

Por causa disso, ele garante eficiência, sem esquentar diretamente a pele por fototermólise, o que ocorria em todos os lasers anteriores. O Picosure foi o primeiro laser do mundo a ter picossegundos, sendo o precursor da tecnologia de ondas de choque (pressurewave), sem o uso de fototermólise (calor).

A ação fotomecânica do laser de picossegundos diminui consideravelmente a vermelhidão (eritema) após o procedimento e o risco de queimaduras, tornando estes equipamentos muito mais seguros para pacientes e médicos. Além disso, a tecnologia elimina a necessidade do paciente se afastar das atividades do dia a dia (downtime) – nada de pele descamando, com edemas ou sensibilizada.

A médica Eveline Bartels explica sobre o uso do Laser Alexandrite (755nm) com pulsos de picossegundos para minimizar melasmas, melanoses solares e hipercromias pós-inflamatória, além de abordar a relação entre os tipos de manchas e os fototipos (cor da pele). Confira:

manchas-pele-sol-mulher

Quais os principais tipos de manchas que podem ser tratadas com o laser de picossegundos?
Eveline Bartels – Praticamente todos os tipos de manchas podem ser tratadas com o laser de picossegundos. As mais frequentes são: os melasmas, que são manchas acastanhadas mal delimitadas que podem surgir na face e, até mesmo, no colo e braços. Tem origem genética, mas podem ser precipitadas e/ou exacerbadas pela exposição excessiva ao sol, após uma gestação ou até mesmo pelo uso de anticoncepcionais. Temos ainda as melanoses solares, que são pequenas manchas de sol, habitualmente amarronzadas e redondas que se apresentam nas mãos, colo e rosto. São muito comuns em pacientes acima de 50 anos. Devemos citar também as hipercromias pós-inflamatórias, que são manchas que aparecem após a cicatrização de um machucado ou inflamação da pele, como acne, por exemplo. Surgem por causa da exposição da ferida ao sol, sendo mais comum em peles morenas.

PicoSure

Pode explicar o protocolo de tratamento com o laser de picossegundos para cada uma destas manchas e quantas sessões, em média, devem ser realizadas?
EB – O protocolo de tratamento é variável. Para o melasma, o tratamento é proposto com quatro sessões iniciais, com intervalo de 30 dias entre cada sessão. Na fase de manutenção, as sessões são realizadas em intervalos variáveis, de acordo com a evolução clínica e remissão do melasma. Preconiza-se a indicação de pelo menos uma sessão a cada seis meses. Para o rejuvenescimento, são indicadas três sessões em intervalos mensais. No caso de melanoses solares e hipercromias pós-inflamatórias, que são manchas isoladas e escuras, o protocolo pode variar de uma a três sessões, e o tratamento pode ser associado a um peeling para melhorar a textura da pele também. É importante ressaltar que esta nova tecnologia se diferencia por não afastar os pacientes das suas atividades habituais. O período de recuperação é mínimo e os resultados já começam a ser visíveis depois da primeira semana.

melasma

Existe algum tipo de relação entre tipo de mancha e fototipos? (manchas mais comuns em peles claras, escuras etc).
EB – O melasma pode acometer tanto as peles mais claras quanto as mais escuras, principalmente pela miscigenação étnica que ocorre no Brasil. As pacientes mais branquinhas costumam se incomodar mais, pois o contraste com a mancha fica mais acentuado. Por outro lado, os melasmas em peles mais morenas, normalmente, são de controle mais difícil. Já as hipercromias pós-inflamatórias são muito mais comuns em pacientes morenas, sendo frequente a busca por um tratamento que seja eficiente e seguro para este tipo de pele.

mulher usando protetor solar

Quais os principais cuidados com a pele após o tratamento, de acordo com o tipo de mancha?
EB – Durante o tratamento das manchas é fundamental o cuidado com a proteção solar rigorosa. Qualquer tipo de mancha tem predisposição a piorar quando é exposta ao sol. O tratamento com o laser de picossegundos é bem gentil, e não machuca a pele. O resultado disso é um tempo de recuperação bem curto (em geral apenas algumas horas), o que permite que as pacientes se tratem sem a necessidade de se afastarem de suas atividades. Uma vez que o melasma não tem cura, é fundamental o uso de produtos à base de ácidos e clareadores para que se mantenham os resultados do procedimento a laser.

Fonte: Medpro

Seis práticas para manter o viço da pele no outono

O outono é sempre marcado pelos dias mais frios e pela baixa umidade do ar, fatores que podem provocar desde ressecamentos até o aparecimento de rachaduras na pele. “Um dos principais motivos para a pele ressecar nos meses mais frios é a baixa umidade do ar. Outro fator é a falta de transpiração, processo natural do corpo usado para baixar a temperatura interna. Durante o frio, não precisamos desse mecanismo e, consequentemente, ficamos sem uma de nossas hidratações naturais”, explica Thais Carvalho, fisioterapeuta dermatofuncional da Onodera Estética. A especialista ainda ressalta que não cuidar da pele durante a estação pode provocar complicações, como doenças e alergias.

Para aproveitar essa época do ano com a pele bonita e sem prejuízos, confira algumas dicas da especialista:

pele rosto hidratante3

Mantenha a pele hidratada – “É importante ressaltar que os cremes para o rosto devem ser específicos para a região, pois a oleosidade em excesso de determinada fórmula pode resultar em acnes. Outro conselho é não puxar as peles do lábio, trate com produtos específicos para a região, como manteiga de cacau e bálsamos”, lembra a profissional. Para peles normais e levemente ressecadas, a hidratação deve ser realizada pelo menos uma vez ao dia, sempre após o banho. Já as peles com maior tendência ao ressecamento precisam que os cremes sejam aplicados de 2 a 3 vezes ao dia, mas sem exagero.

protetor -solar- rosto

Não esqueça o filtro solar – apesar de uma menor incidência dos raios UVB, responsáveis pela queimadura solar, a radiação UVA continua forte mesmo nos dias frios, sendo mais agressiva no que diz respeito à penetração sobre a derme. Por consequência, é uma das causadoras do aspecto envelhecido e dos tumores na pele.

maquiagem limpeza olhos beautynstyle
Foto: Beautynstyle

Retire toda a maquiagem antes de dormir – é muito importante higienizar o rosto antes de dormir, pois as impurezas acumuladas na pele ao longo do dia podem comprometer a hidratação natural da pele. Escolha demaquilantes livres de álcool e sabonetes líquidos específicos para o rosto.

banho cabelo agua chuveiro pixabay

Controle a temperatura do banho – quando está frio o banho quente parece ser uma das melhores partes do dia, mas é preciso atenção. “Banhos muito quentes retiram a oleosidade natural da pele, resultando em peles mais ressecadas e com sinais de irritação e dermatite. Portanto, o ideal é banhos mornos. Evite, também, ensaboar-se demais e o uso de buchas, pois também contribuem para alterar a composição do manto hidrolipídico (hidratante natural produzido pelo organismo) que protege a pele”, recomenda.

mulher meia idade tomando agua

Beba bastante água – ingerir pelo menos dois litros de água por dia não vale apenas para o verão. Com a baixa temperatura, apesar de não estarmos perdendo líquido através da transpiração, nosso corpo fica seco pela falta de umidade do ar e precisa de todo o líquido que pudermos oferecer. Por isso, mantenha sempre uma garrafa de água ao lado.

pele tratamento clinica shutterstock mulher rosto.jpg

Aposte em tratamentos estéticos – para quem está sofrendo com a cútis sem viço, os tratamentos estéticos são uma ótima opção. “Para manter a pele com viço, sempre indicamos a Limpeza de Pele, com vapor e ionização (opcional), para evitar o ressecamento ou a oleosidade excessiva. Com apenas uma sessão, a cliente pode optar pela limpeza simples, com 1h de duração, ou com hidratação, que dura 1h30, além de poder potencializar com aplicação da Máscara de Led, técnica que reúne três cores diferentes – azul, vermelha e magenta, que ajudam a promover o rejuvenescimento facial, melhoram as linhas de expressão e combatem a acne”, finaliza Thais.