Arquivo da tag: pescoço

Caminhada no Ibirapuera e Café Científico para prevenção do câncer de cabeça e pescoço

Dia 28 parque terá ações de conscientização sobre tumor, que já é o 2º mais comum entre os homens e 4º entre as mulheres no Brasil, com aula de yoga, orientações mindfulness e canto. Ação multidisciplinar será no dia 26

Informação é a melhor arma contra o câncer de cabeça e pescoço, que já é o segundo mais comum entre os homens e o quarto mais incidente entre as mulheres no Brasil. A cada ano, surgem cerca de 43 mil novos casos da doença no país e são registradas mais de 10 mil mortes decorrentes destes tipos de tumores que se originam nas vias aerodigestivas e atingem boca, língua, palato mole e duro, gengivas, bochechas, amígdalas, faringe, laringe, esôfago, tireoide e seios paranasais.

Para chamar atenção para esses tumores será realizada a Caminhada do Câncer de Cabeça e Pescoço, dia 28, das 8h ao meio-dia, no Parque do Ibirapuera, na Arena de Eventos. Organizada pela Sociedade Brasileira de Cirurgia de Cabeça e Pescoço (SBCCP) e a Secretaria do Verde e Meio Ambiente de São Paulo, a ação faz parte de campanha Julho Verde, realizada pela Associação de Câncer de Boca e Garganta – ACBG Brasil.

Quem estiver pelo parque vai receber orientações sobre como detectar os primeiros sinais da doença, além de informações para prevenção e direcionamento para o tratamento. Os tumores de cabeça e pescoço têm como fatores de risco hábitos como excesso de tabaco, bebida, sexo desprotegido, má alimentação e falta de atividades físicas.

Como a mudança de hábitos é essencial para prevenção, para incentivar ações de prevenção, além da caminhada serão realizadas inúmeras atividades no Ibirapuera: aula de yoga, orientações mindfulness, cantar com o projeto Amor na Prática, entre outras. A iniciativa cont a com a parceria de instituições como Instituto do Câncer do Estado de São Paulo (Icesp), Santa Casa, HC, AC Camargo, entre outras.

No dia 26 será promovido o Café Científico – Ação Multidisciplinar no Cuidado à Pessoa com Câncer de Cabeça e Pescoço. O evento será realizado das 8h45 às 11h45 , no Coren Educação (Rua Dona Veridiana, 298, Higienópolis, São Paulo), aberto ao público. A programação terá palestras sobre assistência do enfermeiro estomaterapeuta, do nutricionista, do psicólogo e do fonoaudiólogo junto à pessoa com traqueostomia e laringectomia (programação completa no final).

Este foi o mês escolhido para abordar a doença pois  27 de julho foi instituído como Dia Mundial de Prevenção ao Câncer de Cabeça e Pescoço, em um congresso realizado pela Federação Internacional das Sociedades Oncológicas

Desafios dos tumores de cabeça e pescoço

mulher garganta pescoço tireoide

Estima-se que a cada quatro novos casos, três sejam diagnosticados no estágio avançado da doença, dificultando as chances de cura. Muitas das pessoas que passam pelo tratamento ainda enfrentam sequelas físicas, funcionais e psicológicas.

Neste #JulhoVerde, mês de conscientização e prevenção do Câncer de Cabeça e Pescoço, a Associação de Câncer de Boca e Garganta – ACBG Brasil escolheu o tema “O câncer tá na cara, mas às vezes você não vê” para alertar sobre os sinais da doença e a importância do diagnóstico precoce. A campanha #JulhoVerde tem o objetivo de levar informação sobre a doença para garantir, também, tratamento e reabilitação adequados, chamando atenção aos fatores de risco que estão presentes no dia a dia.

“Fundada há 4 anos, a ACBG Brasil vem trabalhando ativamente pautas que visam dar acesso à reabilitação dos pacientes que foram laringectomizados em virtude do câncer de laringe e perderam a voz”, avisa a presidente da entidade, Melissa Ribeiro. “Realizamos ações de advocacy, que culminaram na incorporação do equipamento eletrolaringe em março de 2019, como outros temas que envolvem as muitas necessidades dos pacientes de com câncer de cabeça e pescoço como as próteses bucomaxilofacial, as fonatórias, os imunoterápicos, acesso a biópsia mais precocemente, ou seja, ACBG Brasil precisa ser a voz de brasileiros que não tem”.

Projeto de Lei do Julho Verde avança

hashtag-julho-verde-2018-705x235-1.png

A Comissão de Educação do Senado aprovou no dia 02/07 o Projeto de Lei que institui julho como mês de conscientização sobre o câncer de cabeça e de pescoço. A proposta determina que os órgãos do poder público elaborem campanhas no Julho Verde, que visem à disseminação de informações sobre os riscos, os danos, as formas de prevenção, os fatores de risco, as causas de desenvolvimento e os tratamentos disponíveis.

O projeto também é uma demanda da Associação de Câncer de Boca e Garganta – ACBG Brasil, que trabalha em prol dos pacientes e seus familiares em todo o Brasil. O texto segue para votação no plenário do Senado.

Programação – Café Científico Ação Multidisciplinar no Cuidado à Pessoa com Câncer de Cabeça e Pescoço

Dia: 26/7/19
Horário: 8h45 às 11h45
Local: Coren Educação
Endereço: Rua Dona Veridiana, 298,Higienópolis – São Paulo – SP
8h45 – Abertura com a enfermeira estomaterapeuta Drª Maria Angela Bocarra de Paula – presidente da Sobest, e Melissa do Amaral R. de Medeiros – presidente da ACBG
9h15 – Assistência do enfermeiro estomaterapeuta junto à pessoa com traqueostomia e laringectomia Adriane C. Faresin – Icesp e Sobest
9h45 – Atuação do nutricionista na assistência à pessoa com traqueostomia ou laringectomia Mariele Marcatto – IBCC
10h15 – intervalo
10h45 – Assistência psicológica à pessoa com traqueostomia ou laringectomia Stela Pinto – Icesp
11h15 – Reabilitação fonoaudiológica da pessoa com traqueostomia ou laringectomia Luciana Dall’Agnol – AC Camargo – ACBG
11h45 – Encerramento

Uso excessivo do celular causa papada e flacidez na região do pescoço

Edy Guimarães, expert em estética com mais de 30 anos de carreira dá dicas de como evitar o problema e aponta os tratamentos mais eficazes para combatê-lo

A papada, também conhecida como “queixo duplo”, é um problema que acomete milhares de brasileiros, homens e mulheres, e que pode causar muito incômodo. As causas são as mais diversas, da disposição genética à flacidez facial, passando pelo excesso de pele e acúmulo de gordura.

Se você sofre desse mal, mas não apresenta nenhum dos fatores citados acima, o problema pode estar no uso excessivo do celular e de outros componentes eletrônicos, como o tablet e computador. Isso mesmo! A tech neck é a papada que aparece como resultado da postura incorreta do pescoço.

“Usar o celular com muita frequência não só prejudica a saúde, mas também o visual. Passar horas navegando pelas redes sociais com o aparelho na mão e o pescoço inclinado para baixo acelera o envelhecimento da região, propiciando o aparecimento de rugas, que, com o passar do tempo, vão aumentando até resultarem em papada”, explica a esteticista Edy Guimarães.

mulher celular cama

Além disso, a inclinação da cabeça leva à flacidez entre o queixo e o pescoço e à deformação do tecido adiposo na região, o que acaba contribuindo para o problema. Para se ter uma ideia, a cabeça humana, que pesa, em média, sete quilos, passa a ter mais de 25 quando o pescoço se inclina a cerca de 60º, ocasionando a tech neck, mas também a outros problemas na cabeça e na coluna.

Como evitar

O primeiro passo é manter a postura correta. “O pescoço e o maxilar devem permanecer sempre a 90º, ou seja, formar um ângulo reto. Precisamos sempre nos policiar para manter o celular na altura dos olhos, para que olhemos sempre para frente. O mesmo vale para os tablets e comutadores. Usar suportes para levantar as telas é a melhor opção”, explica Edy.

shutterstock mulher usando celular.jpg
Shutterstock

A expert recomenda ainda exercícios para fortalecer a musculatura dos ombros e pescoço. “Alongamento é essencial e atividades, como caminhada, pilates e ioga são excelentes”, recomenda. Se houver dores na lombar, ombros e pescoço, o ideal é procurar a ajuda de médicos ortopedistas para uma avaliação mais profunda e, se for o caso, sessões de fisioterapia.

Os tratamentos

hifu tratamento rosto healthline

HIFU – Foto: HealthLine

Além dos cuidados para prevenir a tech nech, existem diversas opções de tratamentos estéticos para revertê-lo. Entre eles, podemos citar:

– Intradermoterapia – tratamento indicado para pequenas partes do corpo, como a região do queixo, e que consiste na aplicação de enzimas na pele, ou abaixo dela, para absorver a gordura localizada. O tratamento é rápido, praticamente indolor e os resultados são visíveis logo após a primeira aplicação.
– Lifting com Fios de PDO – promove a suspensão dos tecidos da face por meio do uso de fios 100% absorvíveis, compostos de polidioxanoma (PDO), que também estimulam a produção de colágeno.
– Criofrequencia – técnica que reduz a gordura localizada utilizando uma base ultracongeladora que esfria a epiderme a 10ºC negativos e sob radiofrequência de aproximadamente 55ºC. O choque térmico promove a contração das fibras de colágeno, promovendo maior firmeza à pele.
– Bioestimuladores injetáveis – substâncias que, ao serem injetadas na pele, estimulam a produção de colágeno natural do corpo, reduzindo a flacidez da pele. Atualmente existem dois produtos com essa função, o ácido polilático (Sculptra) e a hidroxiapatita de cálcio (Radiesse), O Sculptra apresenta um efeito progressivo e duradouro (25 meses), com resultados que aparecem gradualmente. Já o Radiesse é um bioestimulador que, além do efeito de preenchimento imediato, estimula a produção natural de colágeno e com recupera a firmeza e a elasticidade da pele. Seu efeito dura entre 18 e 24 meses.
– Ultrassom Microfocado (HIFU) – tratamento desenvolvido para proporcionar efeito de lifting facial de forma não-invasiva e não-cirúrgica. Essa tecnologia utiliza o calor para promover a melhora da flacidez, já que as ondas do ultrassom conseguem atingir e aquecer as camadas mais profundas da pele, nas quais a contração do colágeno começa a ocorrer.

“Vale lembrar que todos os efeitos dos tratamentos utilizados no combate à tech neck devem ser associados com hidratações e lifting cosmetológicos para que os resultados sejam ainda mais satisfatórios”, finaliza Edy.

Edy Guimarães

Com mais de 30 anos de profissão, a expert é uma das maiores referências em tratamentos estéticos no Brasil, sendo a maior influenciadora digital do segmento (@edybeleza), com mais de 62 mil seguidores diretos e quase 40 milhões em suas conexões. Acaba de inaugurar sua nova clínica, localizada na região da Faria Lima, um dos bairros mais nobres da capital paulista, onde oferece não só os mais modernos e eficazes tratamentos estéticos, mas também os serviços de dermatologistas, endocrinologistas e nutricionistas.

Seis áreas esquecidas durante a rotina diária de cuidados com a pele

Dermatologista Kédima Nassif explica como prevenir o envelhecimento precoce de regiões como pescoço, colo e pálpebras, que geralmente não recebem a atenção e os cuidados que necessitam

Na hora da rotina de beleza diária da pele, muitas pessoas tendem a concentrar-se no rosto, afinal é a região onde surgem os sinais de envelhecimento mais evidentes, como rugas e linhas de expressão. Porém, outras regiões do corpo, como joelhos e cotovelos, também sofrem igualmente, e as vezes até mais (por conta das características da pele da região), com os danos externos que levam ao processo de envelhecimento precoce. Logo, necessitam de cuidados tanto quanto o rosto.

Então, para ajudar você a manter estas regiões saudáveis, a dermatologista e tricologista Kédima Nassif, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia, apontou as áreas geralmente esquecidas durante a rotina diária de cuidados com a pele e explicou como tratar de cada uma delas. Confira:

cotovelo pele cuidados.png

– Joelhos e cotovelos: são áreas com poucas glândulas sebáceas, sendo naturalmente mais secas, além de serem regiões de dobra e atrito, o que faz com que fiquem endurecidas e ásperas. Por isso, os cuidados mais importantes com estas partes do corpo são a esfoliação e a hidratação. “A esfoliação dos cotovelos e joelhos deve ser realizada uma vez por semana com produtos formulados com partículas esfoliantes maiores, como a semente de apricot, e ativos como ureia em alta concentração, entre 15 a 20%. Isso vai fazer com que o tecido fique mais macio, pois a pele que estava por baixo, coberta pelas células mortas, é mais jovem e com maior poder de hidratação”, explica a médica. “Já com relação a hidratação, esta deve ser feita duas vezes ao dia, de preferência logo após o banho, para proteger as regiões contra a desidratação e os atritos que elas sofrem. O ideal é que estes produtos sejam formulados com substâncias que melhoram a textura e nutrição da pele corporal, como as vitaminas E e C e os óleos naturais de amêndoas, maracujá, framboesa ou girassol”. Quando essas áreas, além de ásperas e desidratadas, também estão acinzentadas, a médica sugere o uso de hidratantes com ácido salicílico, que possui um maior poder de penetração nessa região onde os poros estão mais fechados.

pescoço

– Pescoço e colo: de acordo com a dermatologista, a pele do pescoço e colo é muito fina e sensível devido à menor quantidade de glândulas sebáceas, por isso envelhece mais rápido do que em outras áreas do corpo. Dessa forma, manter alguns cuidados diários com essa região é fundamental para evitar o envelhecimento precoce. “Deve-se começar sempre pela limpeza, utilizando um sabonete líquido ou óleo de banho. Após isso, recomendo aplicar um creme hidratante com ativos antioxidantes, como vitamina C e Alistin. Clareadores e cremes estimuladores de colágeno, como o Densiskin e Hyaxel, também ajudam a manter a pele do colo mais jovem”, afirma. “Para finalizar, é essencial a aplicação de um fotoprotetor com FPS 30, que deve ser reaplicado a cada duas horas, principalmente se você estiver utilizando roupas decotadas.”

orelha rosto ouvido.jpg

– Atrás das orelhas: “Pessoas que possuem a pele e os cabelos oleosos tendem a apresentar descamação da pele atrás das orelhas, o que pode indicar doenças, como a dermatite seborreica, que, ao contrário do que muitos pensam, não atinge apenas o couro cabeludo. Da mesma forma, quem tem a pele mais seca também pode apresentar desidratação nessa região, que também deve ser fotoprotegida – assim como a orelha em si. Também é fundamental investir nos cuidados com esta região, lavando o local de uma a duas vezes por dia com um sabonete à base de extratos de alecrim, camomila e zinco ou até mesmo com o shampoo para cabelos oleosos que você utiliza. Em seguida, utilize um cotonete para aplicar um pouco de tônico adstringente na região.”

olho

– Pálpebras: o principal problema que afeta as pálpebras é a flacidez que surge na região com o passar dos anos. Porém, é possível retardar o aparecimento da alteração através do uso de cremes específico para a área dos olhos, que devem conter ativos que não agridem a pele e são menos propensos a causarem irritações, além de possuírem propriedades tensoras, antioxidantes e hidratantes, como a vitamine C, A e E. “Além disso, é fundamental o uso de um fotoprotetor, visto que, nos últimos anos, a incidência de câncer de pele aumentou em 10% nas pálpebras. O ideal então é que este produto seja hipoalergênico e oftalmologicamente testado, pois a área dos olhos é muito sensível e suscetível a irritação. No dia a dia, vale a pena apostar nos óculos escuros com proteção UV, para garantir que a pele dessa região não seja agredida”, finaliza a dermatologista.

Kédima Nassif é dermatologista e tricologista, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia, da Sociedade Brasileira de Cirurgia Dermatológica e da Associação Brasileira de Restauração Capilar. Graduada em Medicina pela Universidade Federal de Minas Gerais, possui Residência Médica em Dermatologia também pela UFMG; realizou complementação em Tricologia no Hospital do Servidor Público Municipal, transplante capilar pela FMABC e em Cosmiatria e Laser pela FMABC. Além disso, atuou como voluntária no ensino de Tricologia no Hospital do Servidor Público Municipal de São Paulo. 

Já é possível eliminar a papada sem cirurgia

A dermatologista Sumaya Mahon explica a eficácia do procedimento que elimina a gordura local por meio do congelamento

Temida por muitos, a papada pode ser provocada por acúmulo de gordura e, muitas vezes, não é eliminada apenas com o emagrecimento. O que muita gente ainda não sabe é que há uma alternativa não cirúrgica segura para tratar a área, o Coolsculpting.

“São muitas as vantagens de realizar o procedimento com Coolsculpting. A marca possui uma ponteira exclusiva para a região, ou seja, permite maior controle sobre a área tratada e resultado mais eficaz. Além disso, é um procedimento não invasivo, seguro, que permite que o paciente retome suas atividades no mesmo dia, sem a necessidade de repouso e cuidados especiais”, explica a dermatologista Sumaya Mahon.

Segundo a especialista, apenas uma sessão, com duração entre 35 e 60 minutos, já elimina cerca de 20% a 25% de tecido adiposo. Durante o procedimento, as células de gordura da área tratada são congeladas de forma controlada e eliminadas em um período de até 90 dias, quando é possível perceber um resultado significativo. Alguns pacientes precisam de mais sessões, mas isso será determinado em conjunto com o médico especialista, que sempre deve fazer uma avaliação prévia e oferecer as melhores possibilidades de tratamento.

papada pescoço mulher meia idade.jpg

A médica alerta ainda para outra vantagem do Coolsculpting: “uma vez tratada, a área não terá mais acúmulo de gordura. No entanto, é preciso que o paciente mantenha uma dieta equilibrada e pratique exercícios regularmente”, destaca.

Sobre as sensações causadas pelo congelamento, a dermatologista esclarece que é normal que a região tratada fique sensível durante alguns dias ou semanas. No entanto, o desconforto é considerado bastante tolerável. O procedimento com Coolsculpting não é indicado para gestantes, lactantes e pacientes com intolerância ao frio.

Fonte: Allergan

Cuidado: inclinar-se para checar o celular acelera envelhecimento da pele

O ato de inclinar frequentemente a cabeça para baixo a fim de olhar o celular ou outro dispositivo móvel acelera os sinais de envelhecimento em uma área que possui pele delicada. Os movimentos repetitivos formam sulcos como “colares cervicais”

Já parou para pensar quanto tempo do dia você passa olhando para o celular? Pois saiba que o uso de dispositivos técnicos está acelerando o processo de envelhecimento em uma região difícil de tratar: o pescoço. A imprensa especializada americana até apelidou o problema como ruga “tech neck”.

“A pele do pescoço é muito fina, praticamente sem glândulas sebáceas, com espessura próxima a dois milímetros, pouco hidratada e onde há grande movimentação natural pela própria dinâmica da região. A inclinação frequente da cabeça para baixo a fim de olhar o celular, tablet ou outro dispositivo, provoca sinais de envelhecimento mais rápidos”, explica Claudia Marçal, dermatologista da Sociedade Brasileira de Dermatologia e da Academia Americana de Dermatologia.

De acordo com a dermatologista, os movimentos musculares do pescoço realizados a todo o instante sejam voluntários como a laterização, extensão, inclinação para baixo ou mesmo na mastigação e fala produzem inicialmente pequenas linhas, que com o passar do tempo vão se acentuando. “Elas adquirem o status de rugas e sulcos bastante marcados como verdadeiros colares cervicais horizontais”, afirma.

O termo tem se tornado uma das novas preocupações em skincare, pois o constante dobramento da pele em movimentos repetitivos, característico da era das selfies, tem aumentado a procura por tratamentos preventivos e corretivos das rugas e linhas do pescoço.

A dermatologista acrescenta que a área é quase sempre esquecida, mesmo para quem tem o hábito de cuidar do rosto. “A própria característica local somada às agressões ambientais como água quente, frio, poluição, ar condicionado, sol, vento e o uso de perfumes contendo álcool e bijuterias (que podem causar hipersensibilidade local e alergias), podem provocar ainda mais ressecamento, vermelhidão e mudança da textura da região”, conta.

mulher olhando o celular

Prevenção
De acordo com a dermatologista, uma dica importante é, mesmo quando mexer nos dispositivos, manter a cabeça em um ângulo de 0 grau e a postura alinhada. O celular deve ser erguido na direção dos olhos. Com relação aos cuidados diários, a médica indica sabonetes neutros ou loções de limpeza à base de ativos calmantes.

“As loções tônicas vêm na sequência e vão preparar a pele para receber o sérum tensor que pode conter Hyaxel ácido hialurônico de baixo peso molecular, antioxidantes, vitaminas e glicosaminoglicanas, além de substâncias que recuperem a volumetria da região como Adipofill e Sculptessence”, conta. O protetor solar deve ter FPS 30 no mínimo e ser reaplicado após quatro horas no dia a dia. “À noite, a região, após a higienização, pode receber água termal em jatos e após alguns minutos, usar vitamina C na forma de sérum, emulsão ou espuma associada a outras vitaminas como B5, E, F e alfa hidroxiácidos, alternando com nutritivos”, explica.

Tratamentos

A toxina botulínica figura entre os procedimentos mais utilizados hoje para tratar as linhas de expressão que formam os colares horizontais. “Ela também pode ser usada na porção central para diminuir a projeção das bandas do plasma, em sessões realizadas a cada seis meses”, afirma.

Além disso, tratamentos com lasers também apresentam bons resultados. Segundo a dermatologista, o uso de lasers fracionados ablativos, como Resurfx, com downtime (tempo de recuperação) de 48 horas, promove neocolagênese, ou seja, uma nova formação de colágeno.

“E quando associado ao ácido poli-L-lático, o Sculptra, ele pode ser feito na mesma sessão; começamos com o Sculptra de aplicação profunda em toda a área de tratamento na derme profunda, reticular, e logo a seguir, no mesmo tempo, é feita a aplicação do Erbium Glass 1565, com resultados realmente excepcionais para retração da pele, redensificação, melhora da elasticidade e tratamento da presença das rugas, das manchas e a textura da pele”, comenta.

Outra boa solução é o microagulhamento de ouro com radiofrequência associado a drug delivery com Vitamina C, Fatores de Crescimento, Ácido Hialurônico e Ácido Retinóico. “Aproveitando as portas de entrada que, pela penetração das microagulhas de ouro geram uma zona de coagulação por toda a sua extensão, o tratamento é associado à radiofrequência causando uma injúria indolor local e o aquecimento da derme e hipoderme. Isso remodela todo o colágeno e promove a redensificação e elasticidade do local da aplicação”, explica. As sessões são três em média, com intervalo de trinta dias.

tech_neck mulher checando celular

Fonte: Claudia Marçal é dermatologista da Clínica de Dermatologia Espaço Cariz, com especialização pela Associação Médica Brasileira (AMB), membro titular da Sociedade Brasileira de Dermatologia (SBD) e membro da American Academy of Dermatology (AAD), CME (Continuing Medical Education) na Harvard Medical School

 

Nova tecnologia para esculpir pescoço

Esqueça a ideia de rosto sem nenhuma ruga, de falta de expressão e do uso excessivo de toxina botulínica. A tendência hoje é, mais do que nunca, a beleza natural e verdadeira. Exemplo disso é que durante o AAD Meeting 2017 muito se foi discutido sobre as novas tecnologias que não demandam downtime, ou seja, tempo logo de recuperação, dor, vermelhidão e que possam ser feitos em períodos curtos de tempo para que o paciente possa retornar às suas atividades o mais breve possível.

O recém-lançado NeckSculpting,tratamento realizado na área seguinte ao queixo, conhecida como “papada” e também do contorno do rosto, segue exatamente essa tendência.

A técnica é realizada com a pioneira tecnologia robótica, que conta com um scanner, o qual utiliza um sensor térmico que permite, com segurança, alcançar as temperaturas desejadas, como também programar previamente a potência a ser depositada na área tratada. Regulando a potência e a temperatura é possível alcançar o efeito tensor, conferindo uma melhora da flacidez local.

mulher-meia-idade

No caso da redução de gordura localizada são necessárias temperaturas mais elevadas, seguramente adquiridas com a tecnologia robótica. O resultado é uma redução natural da “papada” e melhora do contorno do rosto. Um dos grandes diferenciais do tratamento é justamente esse resultado em conjunto para flacidez e gordura, pois somente a diminuição da gordura pode deixar uma pele mais flácida.

Além disso, o NeckSculpting apresenta três características muito buscadas pelos pacientes:

– O efeito tensor, que melhora a flacidez, pode ser percebido desde a primeira sessão, enquanto os outros tratamentos a percepção da melhora pode necessitar dois a três meses;

– O procedimento é indolor. Em outros tratamentos os pacientes relatam dor, seguido de dormência, que podem demorar horas ou dias para sair e podem necessitar o uso de analgésicos;

– Após a finalização do tratamento o paciente pode imediatamente retornar às suas atividades e com a aparência totalmente normal. Em outras tecnologias, após o final da sessão é necessário realizar uma massagem no local aumentando o tempo de permanência na clínica, e o aspecto da pele pode ficar com uma coloração arroxeada e demorando a voltar ao normal.

Anti-aging treatment. Beautiful woman neck

São necessárias de quatro a seis sessões realizadas a cada duas semanas e que as sessões são rápidas com, no máximo, 30 minutos de duração. Esse é um tratamento extremamente preciso e seguro e os resultados são duradouros.

Fonte: Fotona

 

Como combater a flacidez no pescoço?

A flacidez no pescoço, braços e rosto é uma consequência natural do envelhecimento da pele e, de certa forma, essa questão incomoda muitas pessoas. Além disso, existem alguns fatores que também favorecem esse quadro, como o consumo de bebida e cigarro, o sedentarismo, as questões genéticas e a distensão da pele (perda e ganho de peso).

“Também podemos citar os efeitos danosos da exposição solar, como facilitadores para a flacidez”, afirma o dermatologista Abdo Salomão, membro da Sociedade Brasileira de laser em Medicina e Cirurgia e da American Academy of Dermatology.

E para combater ou evitar que a pele se torne flácida, o dermatologista recomenda alguns cuidados, como por exemplo, o uso do protetor solar, no mínimo duas vezes ao dia. “Do ponto de vista de saúde, é preciso também evitar sobrepeso, ter uma alimentação balanceada e saber a procedência da carne que come”, afirma.

Além dos cuidados citados com a alimentação e uso do protetor solar, existem equipamentos desenvolvidos para tratar a flacidez no pescoço e outras regiões. “Um dos principais destaques hoje no mercado é o Megafocus, um ultrassom microfocado da Plataforma Solon (da LMG Lasers). Com apenas uma sessão, já é possível notar melhora significativa no aspecto da pele, por causa do estímulo de produção de colágeno”, ressalta.

pescoco pele.jpg

O Megafocus consegue atingir o músculo e o enrijece, de acordo com o médico. “O músculo sofre uma contração imediata ao ser atingido pelos pontos de coagulação e isso produz um efeito lifting, que pode apresentar evolução no período de três meses após o procedimento, quando o novo colágeno continua a ser produzido”, afirma.

O equipamento age de dentro para fora, sem atingir a epiderme, dessa forma, a recuperação é imediata. “O paciente pode voltar às atividades de rotina no mesmo dia, já que os sintomas melhoram rapidamente. É importante lembrar que o tratamento é bastante seguro”, finaliza.

Fonte: Abdo Salomão Jr é doutorando em Dermatologia pela USP (Universidade de São Paulo). É sócio Efetivo da Sociedade Brasileira de Dermatologia, Membro da Sociedade Brasileira de laser em Medicina e Cirurgia e da American Academy of Dermatology. Diretor da Clínica Dermatológica Abdo Salomão Junior.

Informações: LMG – Laser Medical Group 

Cinco truques para barrar o envelhecimento precoce do pescoço

Dizem que a idade de uma mulher se conhece por causa da pele do pescoço. Boa parte dos tratamentos estéticos são voltados para áreas do rosto e do corpo, e a região do pescoço e colo acaba sendo o “patinho feio”.

O hábito de algumas mulheres de não proteger a área do colo pode facilitar o aparecimento de rugas e manchas no pescoço que, por estar frequentemente exposto ao sol, acaba superexposto e, assim, envelhecendo precocemente. Manter alguns cuidados diários nessa região, como hidratação e proteção solar, é a senha para evitar manchas e o envelhecimento mais rápido. Caprichar no hidratante ajuda a prevenir as estrias e o filtro solar ajuda a evitar o aparecimento de manchas e rugas.

O ideal é lembrar-se do pescoço e colo na rotina de beleza, e hidratar a região duas vezes ao dia. Aplique um protetor solar hidratante de dia e um produto para renovação celular à noite. E nunca se esqueça do filtro solar, que pode ser o mesmo usado no rosto, com FPS 30 no mínimo.

A MIP Brasil Farma reuniu cinco truques que ajudam a amenizar, revitalizar e prevenir manchas, rugas e o envelhecimento precoce do pescoço:

Não use produtos feitos para o corpo no pescoço

protetor solar pedro j perez
Foto: Pedro J. Perez/MorgueFile

Procure utilizar produtos específicos para essa área, e assim, aumentar a eficácia. Usar um esfoliante corporal nessas regiões pode agredi-las, porque a pele é mais fina, menos resistente e com menos glândulas sebáceas e folículos pilosos que ajudam a reparar e cicatrizar.

Evite passar perfume nessa região

Young female touches her neck, white background

Outra dica importante: o excesso de perfume no pescoço pode envelhecer a área e propiciar o surgimento de manchas indesejadas. Essa é uma região que fica muito exposta ao sol e que pouco cuidamos. Então, passar um produto nada hidratante numa área que não é cuidada e que costuma ficar ressecada não é aconselhável. Passe o perfume na nuca ou atrás das orelhas: nessas partes a pele fixa melhor o perfume.

Ao dormir, opte pela posição da “bela adormecida”

sleeping-beauty
Disney

Especialistas são unânimes ao dizer que dormir de barriga para cima na posição da “Bela Adormecida” é ideal para que a região do colo e pescoço amanheça lisinha. Posições como “dormir com a cara no travesseiro” ou até mesmo de lado, amassam a lateral do rosto e favorecem a formação de rugas. Ambas as regiões sofrem com essas posições porque sobrecarregam a musculatura e um músculo permanentemente sobrecarregado acaba sendo o cenário ideal para rugas e linhas de expressão surgirem.

Inclua alimentos antioxidantes no seu prato

frutas vermelhas
Foto: Max Straeten

Alimentos como cacau, cenoura, chá-verde, cúrcuma, frutas cítricas, linhaça, oleaginosas, óleo de coco, tomate, aveia, azeite de oliva, frutas vermelhas, mamão, melão, peixes, suco de uva integral, entre outros, ajudam a combater os radicais livres que previnem o envelhecimento precoce da pele.

Utilize produtos que ajudam a revitalizar o pescoço e colo

sportner-produto1.png

Quando o pescoço e o colo já apresentam rugas, manchas, ressecamento, falta de brilho e um pouco de flacidez, é preciso caprichar um pouco mais no tratamento. Se você acha que um esforço maior deve ser feito, invista em procedimentos ou cosméticos com maior concentração de ativos. A caneta clareadora Spotner é eficaz no clareamento de áreas escurecidas pelo sol e idade na pele do pescoço e colo. Invista em combinações de ingredientes eficazes e tratamentos potentes, capazes de recuperar os danos e resgatar a beleza da sua pele.

Fonte: MIP Brasil

Massageador de pescoço pessoal promove bem-estar e alivia o estresse

Nos dias de hoje, a maioria das pessoas busca combater o estresse diário e ter momentos de relaxamento, mas nem sempre uma visita ao SPA cabe na agenda lotada. Mas, a tecnologia contribui hoje para o bem-estar, inclusive, por meio de equipamentos práticos e eficientes como o iNeck, da Basall, que pode ser usado em qualquer lugar.

A fisioterapeuta Alessandra Fregoneze explica que o iNeck possui um sistema de pinças múltiplas para massagem que trabalham pressionando os acupontos e músculos do pescoço. “O aparelho conta também com um sistema de ajuste de abertura dos pressionadores e alça. Isso tudo possibilita posicionar o equipamento na melhor posição de alívio e conforto”, complementa. Desta forma, ele pode ser usado em casa, depois do trabalho, ou até mesmo no escritório, em intervalos, para prevenir qualquer tensão.

De acordo com a fisioterapeuta, o iNeck é bastante indicado para as pessoas que trabalham ou permanecem muito tempo diante do computador, além de manterem a mesma posição por horas. O aparelho é ideal também para quem costuma contrair os músculos, devido ao nervosismo, por exemplo. “O iNeck pode ainda ser utilizado por pessoas que apresentam rigidez no pescoço, ombros e fadiga muscular”, finaliza.

ineck_2_web_ineck_3_web_

Preço sugerido: R$ 399,00

Informações: Basall

Timexpert Lift Neck preenche rugas, combate flacidez e diminui “papada”

Após certa idade, é normal que a pele sofra os efeitos nocivos do tempo: nesse período aparecem as rugas, a flacidez e os outros problemas. E, infelizmente, isso não acontece somente no rosto: o tempo também corrói a jovialidade da pele do pescoço e é muito comum aparecer também a “papada”, ou queixo duplo — aquele excesso de gordura da região. “O Timexpert Lift Neck é o único do mercado que age de três formas e em uma delas há ação lipolítica sobre o queixo duplo, reduzindo a famosa ‘papada’ e restaurando o contorno do queixo”, explica Vania Emiliozzi, diretora técnica da Germaine de Capuccini.

De acordo com a diretora técnica, o pescoço tem características peculiares e um modo particular de envelhecimento, por isso exige um cuidado específico. Dessa forma, o creme remodelante de pescoço e colo Timexpert Lift Neck, da Germaine de Capuccini, combate a flacidez e o envelhecimento da região além de reduzir a “papada”, gordura localizada do pescoço.

O produto tem aplicação diária (manhã e noite), após a higienização, e age de três formas: a primeira é a de Hydro-filling, no qual as rugas se preenchem e a pele fica mais suave em poucos minutos além de hidratada intensamente — tudo graças ao extrato de gergelim e aveia. Em seguida, há a ação Reestruturante, capaz de melhorar e corrigir a flacidez, recuperando a firmeza da pele, graças à ação do Lúpulo. E, por último, a ação lipolítica sobre o queixo duplo (‘papada’), estimulando a redução do excesso de gordura acumulada nesta região e restaurando o contorno do queixo, por meio da ação do extrato de Alga Laminária Digitata.

O creme Lift Neck também pode ser indicado para quem está perdendo peso muito rápido por conta de dietas e reeducação alimentar, evitando o ‘excesso de pele.

Preço sugerido: R$ 190,59

Informações: Germaine