Arquivo da tag: prefeitura de são paulo

Mãos e Mentes Paulistanas tem 30 vagas para mulheres em oficinas de crochê

Ação tem como objetivo promover a geração de renda de costureiras e artesãs

A Secretaria Municipal de Desenvolvimento Econômico, Trabalho e Turismo, em parceria com o Instituto Lékè, está com inscrições abertas para o Elas Criam, uma oficina sobre as técnicas do crochê. A ação, realizada por meio do Mãos e Mentes Paulistanas, oferece 30 vagas para mulheres que desejam aprender mais sobre a técnica. As oficinas serão realizadas presencialmente, na zona sul da Capital, de 21 de abril a 12 de maio, as inscrições podem ser feitas clicando aqui.

“A Prefeitura de São Paulo tem buscado apoiar os pequenos empreendedores da Capital, principalmente durante este período de retomada econômica. Qualificar as empreendedoras das regiões mais afastadas da cidade é fundamental para que possamos fortalecer também a economia local”, declara a secretária de Desenvolvimento Econômico, Trabalho e Turismo, Aline Cardoso.

O “Elas Criam” é um projeto de capacitação do Instituto Lékè que visa ensinar mulheres a empreender, criando bolsas de crochê, estimulando a liberdade financeira, a autotransformação e o desenvolvimento pessoal.

O instituto oferece oficinas práticas de crochê, onde elas aprenderão a fazer as bolsas desenvolvidas por uma equipe técnica de Design de Moda. As bolsas serão vendidas sob encomenda no e-commerce do instituto.

Foto meramente ilustrativa

Sobre o Mãos e Mentes Paulistanas

O Programa Mãos e Mentes Paulistanas, lançado em 2019, tem como objetivo a melhoria da atividade econômica e social para empreendedores artesanais e manualistas da cidade. A iniciativa promove diversas atividades que fortalecem o ecossistema, além de estimular a inclusão produtiva, o acesso ao mercado e o desenvolvimento econômico local.

As ações trabalham por eixos de atuação, como o cadastramento municipal de empreendedores do setor para manter informações atualizadas; a promoção de cursos e oficinas de capacitação e o acesso ao mercado e participação em eventos.

Qualificação Empreendedora — Programa Mãos e Mentes Paulistanas

Inscrições até 21 de abril, clicando aqui

Lojas da Drogaria São Paulo são pontos de vacinação gratuita contra Covid-19

Rede de farmácias fecha parceria com a Prefeitura de São Paulo para ajudar a ampliar o plano de imunização

A partir desta sexta-feira, 19 de março, 14 lojas da Drogaria São Paulo começam a receber idosos entre 72 e 74 anos para a vacinação gratuita contra a Covid-19. A iniciativa é uma parceria entre a rede de farmácias, que integra o Grupo DPSP, e a Prefeitura Municipal de São Paulo, e tem por objetivo ampliar a rede de distribuição das vacinas.

A ideia é ampliar o número de lojas participantes conforme a disponibilização de novos lotes de vacinas e continuar a parceria em todas as etapas de imunização, para novas faixas etárias, de acordo com os grupos prioritários estabelecidos nos planos de imunização do governo.

O serviço será prestado de maneira gratuita e as imunizações serão aplicadas respeitando o grupo prioritário – seguindo cronograma municipal. Toda a operação foi estruturada de acordo com os protocolos de higiene recomendados pelas autoridades de saúde para garantir rapidez e segurança no momento da aplicação.

“O momento agora é de pensar no coletivo, colocando a saúde e o bem-estar das pessoas em primeiro lugar. O nosso objetivo é ampliar essa parceria e, para isso, colocamos nossas redes 100% à disposição dos governos municipais e estaduais em todo o país conforme o plano nacional de imunização avançar”, afirma Marcelo Doll, presidente do Grupo DPSP, fusão das redes Drogarias Pacheco e Drogaria São Paulo.

Para receber a vacina nas farmácias, inicialmente os idosos entre 72 e 74 anos, é preciso apresentar um documento original (RG ou CPF) que demonstre que você faz parte do grupo prioritário. A carteira do SUS também poderá ser utilizada.

Vacinação Gratuita contra Covid-19 | Drogaria São Paulo
Público inicial: 72 a 74 anos (respeitando cronograma da prefeitura)
Lojas participantes: consulte aqui
Horário: segunda a sexta, das 8h às 17h

Para saber mais sobre a Campanha de Vacinação contra a Covid-19 em São Paulo, acesse Vacina Sampa no portal da prefeitura ou baixe o app e-SaúdeSP.

Domingo tem ação solidária na Vila Guarani, zona Sul de São Paulo

É de graça: ação solidária do Festival de Direitos Humanos da Prefeitura de São Paulo terá exames de saúde; distribuição de óculos, livros, cestas básicas, brinquedos e roupas; além de atrações culturais

Evento Islam Solidário faz parte do VI Festival de Direitos Humanos promovido anualmente pela Secretaria Municipal de Direitos Humanos. Organizado pela Fambras, Federação das Associações Muçulmanas do Brasil, é realizado com recursos da “Mohammad bin Rashid Al Maktoum Global Iniciative”, entidade dos Emirados Árabes Unidos, cujos representantes estarão no Brasil especialmente para participar da ação

O Clube Escola Vila Guarani, localizado na zona sul de São Paulo, receberá, no dia 9 de dezembro, das 10h às 15h, uma grande ação social, o Islam Solidário. O evento organizado pela Fambras, a Federação das Associações Muçulmanas do Brasil, é parte da programação do VI Festival de Direitos Humanos, promovido anualmente pela Secretaria Municipal de Direitos Humanos.

O participante terá acesso a uma programação variada, uma oportunidade para cuidar da saúde, da beleza, ter acesso a informações de qualidade e, claro, se divertir muito com as diversas atrações culturais. E o melhor: gratuitamente. “Será tão grandioso e impactante que vamos receber representantes da entidade “Mohammad bin Rashid Al Maktoum Global Iniciative”, dos Emirados Árabes Unidos. É uma referência em assistência social em todo o mundo, além de ser nossa grande parceira nas ações solidárias que realizamos anualmente em regiões carentes de São Paulo”, explica o vice-presidente da Fambras, Ali Zoghbi.

colagem_ao_baixa_250111

Saúde

Mais de 250 profissionais de saúde atenderão a comunidade para realizar exames de hipertensão, diabetes, colesterol, hepatite C e oftalmológico, com direito a óculos. Se algum caso requerer atendimento especializado, os médicos que estarão no evento farão o encaminhamento deste paciente para os serviços de saúde da região. Haverá ainda orientação nutricional, odontológica e profissionais que ensinarão a realizar o autoexame de mamas. As crianças receberão kits para escovação dentária e aprenderão a cuidar dos dentes de maneira correta. A intenção é beneficiar cerca de 30 mil pessoas carentes.

Beleza e bem-estar

Fazem parte da programação cortes de cabelos, higienização e hidratação facial, além de quick massage, para aliviar tensões musculares.

colagem_ao_baixa_250

Cultura e lazer

Os pequenos poderão se divertir numa área de lazer com brinquedos infláveis, distribuição de pipoca e algodão doce. Também haverá tendas com pintura de rosto e escultura de bexigas.

As crianças também receberão um presente: o gibi “Khalil”. Lançado na Bienal Internacional do Livro de São Paulo, ele conta a história de um brasileirinho muçulmano que adora jogar futebol e brincar com os amigos. Este personagem tão especial, criado pela Fambras, estará no evento para interagir com os presentes.

islam_solidrio_1_baixa

Outras atrações que sempre fazem sucesso nas ações solidárias – e que também estarão na Vila Guarani – são o grupo de grafiteiros Zuma Luma; os capoeiristas “Forças Unidas” e a tribo indígena Tenondé Porã. Completa a programação cultural a apresentação do Coral do Colégio 24 de Março, escola de ensino fundamental e médio do Grupo 24 de Março, outro apoiador do evento.

Cidadania e solidariedade

Estará na ação solidária o Ônibus Lilás, uma Unidade Móvel de Atendimento às Mulheres, parte do programa federal “Mulher sem Violência”. Lá, serão prestados esclarecimentos e atendimentos para mulheres vítimas de violência, que serão encaminhadas, se houver necessidade, para órgãos competentes, como hospitais, Instituto Médico Legal, Delegacia da Mulher, Ministério Público ou Defensoria Pública.

Também haverá a distribuição de 3 mil brinquedos, mil agasalhos e mil cestas básicas para famílias carentes da comunidade do entorno da Vila Guarani.

O que será oferecido gratuitamente: exames de saúde (colesterol, diabetes, hipertensão, hepatite C e oftalmológico); orientação nutricional, para autoexame de mamas e odontológica; cortes de cabelo; higienização facial; quick massage; orientações para a cidadania (Ônibus Lilás, violência contra a mulher), atividades de lazer e culturais. Também haverá a distribuição de gibis, brinquedos, cestas básicas e agasalhos.

Ação Solidária
Data: 9 de dezembro
Horário: das 10h às 15h
Local: Clube Escola Vila Guarani,
Endereço: Rua Lussanvira, 178

Realização: Federação das Associações Muçulmanas do Brasil e a entidade Mohammad bin Rashid Al Maktoum Global Iniciative, dos Emirados Árabes Unidos.
Apoio: Colégio 24 de março, Secretaria Municipal de Direitos Humanos (Prefeitura de São Paulo)

Vacinação contra febre amarela em estações do Metrô segue nesta quarta e quinta-feira

Ação começou nesta segunda-feira (16) e se estende até esta quinta-feira (19) com o objetivo de ampliar cobertura vacinal na cidade de São Paulo; cerca de 5 mil pessoas foram vacinadas nestes dois dias

Oito estações do Metrô de São Paulo recebem nesta quarta-feira (18) postos volantes para reforçar a campanha de vacinação contra a febre amarela no município. A ação é uma estratégia da Secretaria Municipal da Saúde (SMS) para ampliar a cobertura vacinal na capital, atualmente em torno de 54,2%.

As equipes de saúde farão atendimento nestas quarta e quinta-feira (19) nas estações Vila Prudente, Sacomã, Penha, Tatuapé, Ana Rosa, Campo Limpo e Capão Redondo do Metropolitano. Nesta quarta, a dose da vacina também estará disponível em posto volante na estação Clínicas (Linha 2-Verde).

Na última segunda-feira (16), nove estações – todas citadas acima e a estação Sé do Metrô – ofereceram a vacinação, com um resultado surpreendente: mais de 4,3 mil pessoas vacinadas. Nesta terça, a vacinação se concentrou nas estações Campo Limpo e Capão Redondo, com um saldo de mais de 630 doses aplicadas.

Vacina tríplice viral - Bernardo Portella - Ascom - Bio-Manguinhos
Vacina tríplice viral – Foto: Bernardo Portella – Ascom – Bio-Manguinhos

“É importante reforçar que a vacina está disponível em mais de 460 pontos. A ação nas estações do Metrô é uma estratégia extra para facilitar ainda mais a adesão da população”, explica o secretário municipal da Saúde, Wilson Pollara. A meta é imunizar 95% da população até 30 de maio, data prevista para o término da campanha de vacinação.

Assim como acontece nos postos de saúde, o usuário precisa levar documento de identificação para receber a dose nos postos volantes no Metrô. Importante: é necessário aguardar ao menos 10 dias após receber a dose para frequentar áreas consideradas de risco para transmissão da doença.

A SMS reforça o pedido para que os munícipes que ainda não receberam a dose procurem uma unidade para se proteger da doença. Até quarta-feira (11), 6.340.952 pessoas foram vacinadas na capital, o que representa 54,2% do público-alvo.

A zona Norte segue a região com a melhor cobertura vacinal, com 85,5% de moradores vacinados. Em seguida, estão as regiões Sul (66,6%), Oeste (52,8%), Leste (37,7%), Sudeste (37%) e, por fim, o Centro, com apenas 17% da meta.

Até o momento, foram confirmados 12 casos autóctones (ou seja, adquiridos no próprio município de residência) de febre amarela na capital paulista, sendo que sete evoluíram para óbito. É importante ressaltar que todos os casos registrados são de febre amarela silvestre. Não há ocorrência de febre amarela urbana no Brasil desde 1942.

É importante lembrar que a vacina contra a febre amarela não é indicada para crianças menores de 9 meses de idade, gestantes, mulheres amamentando crianças com até 6 meses e pacientes com imunodepressão de qualquer natureza, com neoplasia (câncer), com HIV, em tratamento com drogas imunossupressoras (corticosteroides, quimioterapia, radioterapia, imunomoduladores) e submetidos a transplante de órgãos. Em caso de dúvida, é importante consultar o médico antes de se vacinar.

Mulheres amamentando crianças com até seis meses de idade e gestantes que são residentes das áreas de risco devem ser vacinadas, após avaliação do médico do pré-natal. Depois de receber a vacina, a lactante deve suspender a amamentação por 10 dias.

vacina-portal-brasil
Foto: Portal Brasil

Serviço:
Postos volantes em estações do Metrô
Horário: das 10h às 18h
Quarta-feira (18/4): Metrô Clínicas, Vila Prudente, Sacomã, Penha, Tatuapé, Ana Rosa, Campo Limpo, Capão Redondo
Quinta-feira (19/4): Metrô Vila Prudente, Sacomã, Penha, Tatuapé, Ana Rosa, Campo Limpo, Capão Redondo

 

Hoje é dia de vacinação contra febre amarela no Parque do Ibirapuera

Aplicação de doses da vacina acontecerá entre 10 e 16 horas e faz parte da programação da Virada da Saúde

Os frequentadores do Parque do Ibirapuera, na Vila Mariana, que ainda não se vacinaram contra a febre amarela poderão receber a dose neste sábado (7), durante a abertura da quarta edição da Virada da Saúde. A atividade fará parte da ação promovida pela Secretaria Municipal da Saúde (SMS) de São Paulo e acontecerá na Arena de Eventos, ao lado do Museu Afro Brasil (portão 10), das 10 às 16 horas. Para receber a dose, é preciso levar documento de identificação com foto e, se possível, carteira de vacinação e cartão SUS.

Além da ação no parque, a campanha de imunização contra a doença segue neste sábado em cerca de 80 postos de saúde, que estarão de plantão para atender à demanda. As unidades de plantão e seus respectivos horários de atendimento podem ser acessados aqui.

Durante a semana, a dose é aplicada em todos os postos da capital paulista. O usuário pode localizar a Unidade Básica de Saúde (UBS) de referência mais próxima de seu endereço por meio da ferramenta Busca Saúde. A campanha de imunização, que começou em setembro do ano passado, se estenderá até 30 de maio.

“Além das atividades esportivas e de lazer, quem ainda não tomou a dose da vacina, deve aproveitar este sábado e se prevenir contra a doença”, declara Lígia Nerger, gerente de imunização da Coordenadoria de Vigilância em Saúde (Covisa).

A SMS reforça que a vacina contra a febre amarela não é indicada para crianças menores de 9 meses de idade, gestantes, mulheres amamentando crianças com até 6 meses e pacientes com imunodepressão de qualquer natureza, com neoplasia (câncer), com HIV, em tratamento com drogas imunossupressoras (corticosteroides, quimioterapia, radioterapia, imunomoduladores) e submetidos a transplante de órgãos. Em caso de dúvida, é importante consultar o médico antes de se vacinar.

Mulheres amamentando crianças com até seis meses de idade e gestantes que são residentes das áreas de risco devem ser vacinadas, após avaliação do médico do pré-natal. Depois de receber a vacina, a lactante deve suspender a amamentação por 10 dias.

febre_amarela_bernardoportella
Foto: Bernardo Portella / Arca Fiocruz

Vacinação contra Febre Amarela na Virada da Saúde
Quando: sábado (7), das 9h às 16h
Onde: Parque do Ibirapuera, portão 10
Endereço: Av. Pedro Álvares Cabral – Vila Mariana

Mercados e sacolões terão horário de atendimento alterado na Páscoa

A Coordenadoria de Segurança Alimentar e Nutricional (Cosan), da Secretaria Municipal de Trabalho e Empreendedorismo (SMTE), informa que, os mercados e sacolões municipais terão horário de atendimento diferenciado durante o período da Páscoa.

Na sexta-feira (30), todos os mercados e sacolões estarão abertos ao público, o que mudará é o horário de funcionamento. Por exemplo, o Mercado Municipal de Pinheiros, que opera das 6h às 18h, em dias normais, estará aberto somente das 8h às 15h. O Mercado da Lapa, que funciona das 8h às 19h normalmente, irá abrir das 8h às 13h. No sábado (31), todos os estabelecimentos estarão funcionando e seguirão cronograma normal.

No domingo (1º), o Mercadão estará fechado durante todo o dia, assim como os mercados da Lapa, Pinheiros, Santo Amaro, São Miguel e Kinjo Yamato. Os sacolões de Santo Amaro e São Miguel também não estarão abertos. O atendimento dos mercados e sacolões volta ao normal na segunda-feira (2).

Confira abaixo o horário de atendimento nos dia 30 de março e 1º abril:

Mercados Abre e Fecha 30 de março de 2018 – Sexta-Feira Santa
Central Leste Aberto das 07h00 às 13h00
Guaianases Aberto das 08h30 às 13h00
Ipiranga Aberto das 08h00 às 13h00
Kinjo Yamato Aberto das 03h00 às 15h00
Lapa Aberto das 08h00 às 13h00
Paulistano Aberto das 06h00 às 18h00
Penha Aberto das 08h00 às 16h00
Pinheiros Aberto das 08h00 às 15h00
Pirituba Aberto das 07h00 às 14h00
Santo Amaro Aberto das 08h00 às 16h00
São Miguel Aberto das 08h00 às 14h00
Sapopemba Aberto das 08h00 às 13h00
Teotônio Vilela Aberto das 07h00 às 13h00
Tucuruvi Aberto das 08h00 às 13h00
Vila Formosa Aberto das 08h00 às 13h00
Pátio Pari Aberto das 04h00 às 17h00
Sacolões Abre e Fecha 30 de março de 2018 – Sexta-Feira Santa
Avanhandava Aberto das 07h00 às 17h00
Bela Vista Aberto das 08h00 às 14h00
Brigadeiro Aberto das 07h00 às 13h00
Butantã Aberto das 07h00 às 13h30
COHAB Adventista Aberto das 08h00 às 14h00
Cidade Tiradentes Aberto das 08h00 às 15h00
City Jaraguá Aberto das 08h00 às 14h00
Estrada do Sabão Aberto das 07h00 às 14h00
Freguesia do Ó Aberto das 07h00 às 15h00
Jaguaré Aberto das 07h00 às 13h00
Jaraguá Aberto das 07h00 às 14h00
João Moura Aberto das 07h00 às 13h00
Lapa Aberto das 08h00 às 14h00
Piraporinha Aberto das 07h00 às 14h00
Rio Pequeno Aberto das 07h00 às 14h00
Santo Amaro Aberto das 07h00 às 16h00
São Miguel Aberto das 08h00 às 14h00

mercado-de-pinheiros
Mercado Municipal de Pinheiros

 

Mercados Abre e Fecha 1º de abril de 2018 – Feriado da Páscoa
Central Leste Aberto das 07h00 às 13h00
Guaianases Aberto das 08h30 às 13h00
Ipiranga Aberto das 08h00 às 13h00
Kinjo Yamato FECHADO
Lapa FECHADO
Paulistano FECHADO
Penha Aberto das 08h00 às 13h00
Pinheiros FECHADO
Pirituba Aberto das 07h00 às 14h00
Santo Amaro FECHADO
São Miguel FECHADO
Sapopemba Aberto das 08h00 às 13h00
Teotônio Vilela Aberto das 07h00 às 13h00
Tucuruvi Aberto das 08h00 às 13h00
Vila Formosa Aberto das 08h00 às 13h00
Pátio Pari Aberto das 04h00 às 17h00
Sacolões Abre e Fecha 01 de abril de 2018 – Feriado da Páscoa
Avanhandava Aberto das 07h00 às 17h00
Bela Vista Aberto das 08h00 às 14h00
Brigadeiro Aberto das 07h00 às 13h00
Butantã Aberto das 07h00 às 13h30
COHAB Adventista Aberto das 08h00 às 14h00
Cidade Tiradentes Aberto das 08h00 às 15h00
City Jaraguá Aberto das 08h00 às 14h00
Estrada do Sabão Aberto das 07h00 às 14h00
Freguesia do Ó Aberto das 07h00 às 14h00
Jaguaré Aberto das 07h00 às 13h00
Jaraguá Aberto das 07h00 às 14h00
João Moura Aberto das 07h00 às 13h00
Lapa Aberto das 08h00 às 13h00
Piraporinha Aberto das 07h00 às 14h00
Rio Pequeno Aberto das 07h00 às 14h00
Santo Amaro FECHADO
São Miguel FECHADO

Centro de Apoio ao Trabalhador e Empreendedor:

As 25 unidades do Centro de Apoio ao Trabalhador e Empreendedor estarão fechadas na sexta-feira Santa (30). O atendimento em todas as unidades retorna na segunda-feira (2) a partir das 08h.

Fonte: Prefeitura de São Paulo

 

Mercados e sacolões terão horário de atendimento alterado neste final de ano

A Coordenadoria de Segurança Alimentar e Nutricional (Cosan), da Secretaria Municipal de Trabalho e Empreendedorismo (SMTE), informa que os mercados e sacolões terão horário de atendimento alterado nos períodos de Natal e Ano Novo.

O tradicional Mercadão, no centro da cidade, atenderá normalmente entre 6h e 16h nos dias 24 e 31 de dezembro. Nos dias 25 de dezembro e 1 e 2 de janeiro, estará fechado.

No Mercado Municipal da Lapa, o atendimento em 24 de dezembro será das 8h às 16h. Já no dia 31 de dezembro, o local abrirá das 8h às 14h. O espaço não funcionará nos dias 25 de dezembro e 1 e 2 de janeiro.

Em Pinheiros, o mercado municipal terá atividade nos dias 24 e 31 de dezembro das 8h às 15h. Em 25 de dezembro e 1 de janeiro, o estabelecimento não abrirá as portas

Já no Mercado Municipal de São Miguel Paulista, o atendimento na véspera de Natal será entre 8h e 17h. Em 31 de dezembro, o mercado abrirá das 8h às 15h. O local não atenderá ao público em 25 de dezembro e em 1, 2 e 3 de janeiro.

Abaixo, confira o horário de atendimento de todos mercados e sacolões municipais:

MERCADOS

MERCADO DIA FUNCIONAMENTO
Paulistano 24/12/2017 Aberto – 6h às 16h
25/12/2017 FECHADO
31/12/2017 Aberto – 6h às 16h
01/01/2018 FECHADO
02/01/2018 FECHADO
 
Kinjo Yamato (Cantareira) 24/12/2017 Aberto – 3h às 16h
25/12/2017 FECHADO
31/12/2017 Aberto – 3h às 16h
01/01/2018 FECHADO
02/01/2018 FECHADO
 
Guaianases 24/12/2017 Aberto – 8h30 às 16h
25/12/2017 FECHADO
31/12/2017 Aberto – 8h30 às 16h
01/01/2018 FECHADO
02/01/2018 FECHADO
03/01/2018 FECHADO
04/01/2018 FECHADO
 
Ipiranga 24/12/2017 Aberto – 8h às 17h
25/12/2017 FECHADO
31/12/2017 Aberto – 8h às 17h
01/01/2018 FECHADO
02/01/2018 FECHADO
 
Lapa 24/12/2017 Aberto – 8h às 16h
25/12/2017 FECHADO
31/12/2017 Aberto – 8h às 14h
01/01/2018 FECHADO
02/01/2018 FECHADO
 
Penha 24/12/2017 Aberto – 8h às 16h
25/12/2017 FECHADO
31/12/2017 Aberto – 8h às 16h
01/01/2018 FECHADO
02/01/2018 FECHADO
03/01/2018 FECHADO
04/01/2018 FECHADO
 
São Miguel 24/12/2017 Aberto – 8h às 17h
25/12/2017 FECHADO
31/12/2017 Aberto – 8h às 15h
01/01/2018 FECHADO
02/01/2018 FECHADO
03/01/2018 FECHADO
 
Sapopemba 24/12/2017 Aberto – 8h às 15h
25/12/2017 FECHADO
31/12/2017 Aberto – 8h às 14h
01/01/2018 FECHADO
02/01/2018 FECHADO
03/01/2018 FECHADO
04/01/2018 FECHADO
 
Tucuruvi 24/12/2017 Aberto – 7h30 às 16h
25/12/2017 FECHADO
31/12/2017 Aberto – 7h30 às 14h
01/01/2018 FECHADO
02/01/2018 FECHADO
 
Vila Formosa 24/12/2017 Aberto – 8h às 17h
25/12/2017 FECHADO
31/12/2017 Aberto – 8h às 16h
01/01/2018 FECHADO
02/01/2018 FECHADO
 
Teotônio Vilela 24/12/2017 Aberto – 7h às 16h
25/12/2017 FECHADO
31/12/2017 Aberto – 7h às 16h
01/01/2018 FECHADO
 
Central Leste 24/12/2017 Aberto – 7h às 13h
25/12/2017 FECHADO
31/12/2017 Aberto – 7h às 13h
01/01/2018 FECHADO
 
Pirituba 24/12/2017 Aberto – 7h às 18h
25/12/2017 FECHADO
31/12/2017 Aberto – 7h às 18h
01/01/2018 FECHADO
 
Santo Amaro 24/12/2017 Aberto – 8h às 16h
25/12/2017 FECHADO
31/12/2017 FECHADO
01/01/2018 FECHADO
 
Pinheiros 24/12/2017 Aberto – 8h às 15h
25/12/2017 FECHADO
31/12/2017 Aberto – 8h às 15h
01/01/2018 FECHADO
 
Pátio Pari 24/12/2017 Aberto – 4h às 15h
25/12/2017 FECHADO
31/12/2017 Aberto – 4h às 15h
01/01/2018 FECHADO

SACOLÕES

SACOLÃO DIA FUNCIONAMENTO
Butantã 24/12/2017 Aberto – 7h às 17h
25/12/2017 FECHADO
31/12/2017 Aberto – 7h às 17h
01/01/2018 FECHADO
 
João Moura 24/12/2017 Aberto – 7h às 13h
25/12/2017 FECHADO
31/12/2017 Aberto – 7h às 13h
01/01/2018 FECHADO
 
Lapa 24/12/2017 Aberto – 8h às 14h
25/12/2017 FECHADO
31/12/2017 Aberto – 8h às 14h
01/01/2018 FECHADO
 
Santo Amaro 24/12/2017 Aberto – 7h às 17h
25/12/2017 FECHADO
31/12/2017 Aberto – 7h às 17h
01/01/2018 FECHADO
 
São Miguel 24/12/2017 Aberto – 8h às 17h
25/12/2017 FECHADO
31/12/2017 Aberto – 8h às 15h
01/01/2018 FECHADO
02/01/2018 FECHADO
03/01/2018 FECHADO
 
Cohab Adventista 24/12/2017 Aberto – 7h às 16h
25/12/2017 FECHADO
31/12/2017 Aberto – 7h às 16h
01/01/2018 FECHADO
 
Freguesia do Ò 24/12/2017 Aberto – 7h às 16h
25/12/2017 FECHADO
31/12/2017 Aberto – 7h às 16h
01/01/2018 FECHADO
 
Jaraguá 24/12/2017 Aberto – 7h às 15h
25/12/2017 FECHADO
31/12/2017 Aberto – 7h às 15h
01/01/2018 FECHADO
 
Jaguaré 24/12/2017 Aberto – 7h às 13h
25/12/2017 FECHADO
31/12/2017 Aberto – 7h às 13h
01/01/2018 FECHADO
 
Estrada do Sabão 24/12/2017 Aberto – 7h às 17h
25/12/2017 FECHADO
31/12/2017 Aberto – 7h às 16h
01/01/2018 FECHADO
 
City Jaragua 24/12/2017 Aberto – 7h às 18h
25/12/2017 FECHADO
31/12/2017 Aberto – 7h às 18h
01/01/2018 FECHADO
 
Avanhandava 24/12/2017 Aberto – 7h às 17h
25/12/2017 FECHADO
31/12/2017 Aberto – 7h às 17h
01/01/2018 FECHADO
 
Bela Vista 24/12/2017 Aberto – 8h às 14h
25/12/2017 FECHADO
31/12/2017 Aberto – 8h às 14h
01/01/2018 FECHADO
 
Brigadeiro 24/12/2017 Aberto – 7h às 13h
25/12/2017 FECHADO
31/12/2017 Aberto – 7h às 13h
01/01/2018 FECHADO
 
Piraporinha 24/12/2017 Aberto – 7h às 18h
25/12/2017 FECHADO
31/12/2017 Aberto – 7h às 14h
01/01/2018 FECHADO
 
Cidade Tiradentes 24/12/2017 Aberto – 8h às 15h
25/12/2017 FECHADO
31/12/2017 Aberto – 8h às 15h
01/01/2018 FECHADO
 
Rio Pequeno 24/12/2017 Aberto – 7h às 17h
25/12/2017 FECHADO
31/12/2017 Aberto – 7h às 17h
01/01/2018 FECHADO

Fonte: Prefeitura de São Paulo 

Oficina culinária de pães abre portas para ganho extra

Considerado um dos setores mais fortes da economia, segundo dados do Sebrae-SP, o ramo de alimentação pode ser um caminho de sucesso para quem pretende se tornar um Microempreendedor Individual (MEI) em São Paulo. Mas os resultados promissores dependem de conhecimento, inovação, cursos, gestão e um bom plano de negócios.

Pensando nisso, a Secretaria Municipal de Trabalho e Empreendedorismo (SMTE), por meio do Centro de Referência em Segurança Alimentar e Nutricional (Cresan), realizará uma oficina culinária de Pães Caseiros na próxima terça-feira, 9, com o objetivo de promover a produção desse alimento e orientar pessoas que desejam iniciar um negócio próprio.

O encontro será realizado no Cresan Vila Maria, na zona Norte, e será dividido em dois momentos: das 13 às 14 horas, haverá orientação sobre empreendedorismo e as etapas para a formalização como MEI, direcionada pela equipe da SMTE; das 14 às 17 horas, ocorrerá a oficina de pães, ministrada pela chef de cozinha Michele de Oliveira.

Durante a oficina, os alunos vão aprender duas receitas: uma de pão salgado tradicional e uma de pão nutritivo de abóbora, além de todas as técnicas de fermentação. No total são 40 vagas disponíveis para pessoas com mais de 16 anos. As inscrições devem ser realizadas pelo e-mail eancosan@prefeitura.sp.gov.br até às 17 horas da segunda-feira (8).

Pão eusébio

“Nossa equipe está empenhada em dar todo apoio às pessoas que estão em busca de atividades para aumentar a renda familiar. O segmento de alimentos, por exemplo, é um setor pode gerar bons ganhos”, reforça a gestora do MEI da SMTE, Márcia Kawasaki.

A chef de cozinha Michele de Oliveira garante que a oficina pode render boas inspirações para as vendas. “O pão é um alimento que nos permite trabalhar diversas formas de preparo e essa oficina abre oportunidades para adultos e jovens terem uma opção de renda, o que pode se tornar uma porta para o negócio próprio”.

Programação
Oficina Culinária de Pães Caseiros com orientação ao MEI
Quando: terça-feira, 9 de maio de 2017
Orientação sobre empreendedorismo: das 13h às 14h
Oficina: das 14h às 17h
Local: Cresan Vila Maria – Rua Sobral Júnior, 264 – Vila Maria Alta, zona Norte.
Inscrições até 8/5, às 17h, pelo e-mail eancosan@prefeitura.sp.gov.br

*Foto meramente ilustrativa

Cresan oferece curso gratuito de horta urbana

Serão 30 vagas para atividades técnicas e práticas de horticultura e jardinagem funcional

O Centro de Referência em Segurança Alimentar e Nutricional (Cresan) na Vila Maria, equipamento da Secretaria Municipal de Trabalho e Empreendedorismo (SMTE), está com inscrições abertas para o curso extensivo em Hortas Urbanas. Ao todo, serão disponibilizadas 30 vagas gratuitas.

Os interessados podem se inscrever pelo e-mail: eancosan@prefeitura.sp.gov.br. É necessário enviar nome completo, número do RG e telefone. Todas as oficinas acontecem no Cresan Vila Maria (Rua Sobral Júnior, 264 – Vila Maria Alta).

O curso tem como proposta desenvolver atividades técnicas e práticas de Horticultura e Jardinagem Funcional, desde a identificação de solos até a aplicação de plantas em ambientes específicos, como agentes de redução de impactos aos poluentes. Além disso, as oficinas também têm como objetivos incentivar a pesquisa cultural local e ampliar a socialização e a troca de ideias e de conhecimentos.

O curso será ministrado pelo grupo Sinfonia de Cães e será divido em três encontros: 27 de abril, 25 de maio e 29 de junho, sempre das 14 às 17 horas. Ao final, os participantes receberão certificado.

horta cenouras
Foto: Pixabay

Confira o cronograma:

Local: Cresan Vila Maria
Rua Sobral Júnior, 264 – Vila Maria Alta

27 de abril
Solo (Composição)
Adubação (Compostagem)

25 de maio
Plantio (Consorciação e rotação)
Manejo (Tratos culturais)
Pragas e doenças (Caldas)

29 de junho
Comedoria (Grãos germinados, sucos funcionais e PANCS – Plantas alimentícias não convencionais)

Oficina gratuita de Páscoa: de ovos de chocolate a como abrir um novo negócio

Com a proximidade da Páscoa, a Secretaria Municipal de Trabalho e Empreendedorismo (SMTE), por meio da Coordenadoria de Segurança Alimentar e Nutricional (Cosan), oferecerá a oficina gratuita “Aula Especial de Páscoa – Desvendando o Chocolate”. Programada para a próxima terça-feira, 28, ela acontece no Centro de Referência em Segurança Alimentar (Cresan), na Vila Maria, zona Norte, e contará com orientações da chef Katia Oliveira e da nutricionista Luiza Araújo, além de um técnico da Secretaria que irá sanar dúvidas de como se tornar um microempreendedor individual (MEI) e começar um novo negócio.

A oficina de Páscoa tem como objetivo proporcionar aos participantes uma opção de geração de renda, afinal o período é ótimo para ganhar dinheiro com essa produção. Além disso, o evento mostrará os benefícios do chocolate. “Apesar de o chocolate ser considerado vilão na alimentação, na versão amargo ele é benéfico à saúde, pois é rico em antioxidantes, flavonoides, reduz a oxidação de LDL e evita o depósito de colesterol ruim nas artérias”, explica Eliana Martins, nutricionista da SMTE. Ela acrescenta que é melhor consumir chocolates com mais de 70% de cacau em sua composição, sendo o consumo moderado.

freegreatpicture-chocolate

Durante o curso também haverá orientações sobre as diferenças de chocolates, como trabalhar corretamente com o produto, fazer temperagem e como iniciar uma produção de Páscoa. Será possível conhecer o preparo de ovos tradicionais, aromatizados, crocantes, “de colher”, tipos de recheios, bombons, trufas, entre outros. Além de dicas para incrementar a data festiva, os participantes terão acesso a informações sobre os valores nutricionais do chocolate.

Serviço

Aula Especial de Páscoa – Desvendando o Chocolate
Data: 28/03
Horário: das 13h às 17h
Local: Cresan – Vila Maria (Rua Sobral Júnior, 264 Vila Maria Alta)
Gratuito – Vagas limitadas
Inscrição por e-mail: eancosan@prefeitura.sp.gov.br
Informações: 11-2967-5039