Arquivo da tag: rum

Mix Malibu para curtir em dias quentes

Brand Factory sugere drinque em apenas três passos para o fim de semana

Para curtir as altas temperaturas, um coquetel refrescante, fácil e rápido de se preparar, e fugir das bebidas convencionais. A incubadora de negócios e marcas da Pernod Ricard, Brand Factory, sugere o drinque Mix Malibu.

Com o rum caribenho Malibu, que possui sabor natural de coco, água tônica e limão, a receita fica pronta em três passos. Confira:

Mix Malibu

Ingredientes:
50 ml de Malibu⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
100 ml de água tônica⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
2 limões
Gelo⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Utensílios:
1 copo alto
1 espremedor de limão
⠀⠀⠀⠀⠀⠀
Modo de fazer:
Em um copo com gelo, coloque o rum Malibu. Em seguida, esprema um dos limões no copo e adicione a água tônica, mexa suavemente para misturar os ingredientes. Enfeite com uma fatia do outro limão.

Malibu é um blend de rum com sabor natural de coco e cana de açúcar, que vem para jogar na terceira maior da categoria de destilados no país. Original da Ilha de Barbados, no Caribe, a marca traz como proposta o espírito do verão caribenho para o ano todo, sendo uma marca leve e divertida, presente nos momentos de descontração do consumidor high energy
Malibu é um destilado versátil que pode ser usado no preparo de diversos drinks como Splash, Tonic e Malibule, basta usar a criatividade e misturar.

Com venda a partir de R$ 49,90, pode ser encontrado na plataforma Drinks and Clubs e nos principais empórios e supermercados do Brasil como Pão de Açúcar, Carrefour, Walmart.

Drinques para aproveitar o fim do feriado

Sugestões para quem gosta coquetel à base de rum, com Havana Club, e aperitivo, com Lillet ou Ramazzotti

Para aqueles que gostam de feriados, novembro é um mês ideal, porque já inicia com um feriado prolongado, propício para relaxar da rotina ou viajar e, em seguida, 15 de novembro, esta segunda-feira. Mas se os dias de recesso não são suficientes para uma viagem ao redor do mundo, uma boa dica é conhecer drinques tradicionais de alguns países com bebidas originárias de cada local.

Por isso, a Brand Factory – incubadora de projetos e marcas da Pernod Ricard no Brasil – sugere três receitas para o feriado: Negroni, preparado com o aperitivo italiano Ramazzotti Amaro; Lillet Tonic Orange, com o aperitivo francês Lillet Blanc; Daiquiri, com rum cubano Havana Club.

Confira as receitas abaixo:

Negroni


A viagem começa na Europa, mais precisamente, na Itália, local de onde veio o Negroni e o aperitivo Ramazzotti, disponível nas versões Amaro e Rosato. O drinque é bastante conhecido, com muita classe, mas muito simples de fazer.

Ingredientes:
30 ml de aperitivo Ramazzotti Amaro
30 ml de gim
30 ml de vermute tinto
Gelo

Utensílios:
Um copo baixo
Colher bailarina ou colher comprida

Modo de preparo:
Em um copo baixo com gelo, adicione o gim, o Ramazzotti Amaro e o vermute tinto. Depois, misture com a colher bailarina agitando de cima para baixo.

Lillet Tonic Orange


A próxima viagem é curta e estamos na França, onde surgiu o aperitivo Lillet Blanc e, consequentemente, o Lillet Tonic Orange, opção refrescante e que agrada o público.

Ingredientes:
30 ml de aperitivo Lillet Blanc
60 ml de água tônica
1 fatia de laranja
Gelo

Utensílios:
Uma taça

Modo de preparo:
Em uma taça com gelo, adicione o aperitivo Lillet Blanc, depois, a água tônica e, por último, a fatia de laranja.

Daiquiri

A próxima parada é mais próxima, pois estamos em Cuba, ilha responsável pelo coquetel Daiquiri e pelo rum Havana Club, disponível nas versões com três e sete anos.

Ingredientes:
50 ml de rum Havana Club 3
20 ml de xarope de açúcar
25 ml de suco de limão fresco
Gelo

Utensílios:
Uma taça
Coqueteleira

Modo de preparo:
Adicione o rum Havana Club 3, xarope de açúcar, suco de limão e gelo na coqueteleira e misture. Depois, transfira para a taça com a ajuda de uma peneira.

Todas as bebidas podem ser adquiridas pelo e-commerce Drinks and Clubs.

Prepare drinques que levam rum na composição

Para quem quer explorar um pouco mais essa bebida versátil e saborosa, o bartender parceiro da Cavendish e chefe de bar do Dita Birita, Soham Bello, explica como preparar alguns drinques

Assim como outras bebidas clássicas, a história sobre a origem do rum possui diversas versões. Alguns afirmam que ele surgiu no subcontinente indiano por ser um destilado que parte da cana de açúcar. Outros dizem que a bebida nasceu nas ilhas caribenhas colonizadas por povos europeus do século XVI. Independentemente do seu local de origem, o fato é que o rum é um clássico rico em histórias, começando pelo próprio nome. Além de ser chamado de rum, ele também é conhecido como ron e rhum, e o motivo dele ter sido batizado com esses termos seria a palavra latina saccharum, que significa açúcar.

Outra explicação relacionada ao nome da bebida tem relação com o termo inglês antigo rumbullion, que em português significa tumulto, que era o que os piratas costumavam fazer para comemorar uma missão bem sucedida. Mas essa ligação entre o rum e os piratas não fica restrita apenas ao nome da bebida. Dizem que os aventureiros dos mares, antes de encarar qualquer batalha, bebiam uma dose da bebida como uma forma de encorajamento.

O fato é que hoje em dia o rum conquistou o paladar dos consumidores e pode ser saboreado em diferentes receitas de drinques assinados por profissionais renomados. Para quem quer explorar um pouco mais essa bebida versátil e saborosa, o bartender parceiro da Cavendish e chefe de bar do Dita Birita, Soham Bello, explica como preparar alguns que levam rum em sua composição, confira:

Long Island Iced Tea

Ingredientes
20ml de rum
20ml de gim
20ml de tequila
20ml de Triple Sec
20ml de vodca
40ml de suco de lima-da-pérsia
20 ml de refrigerante de cola

Modo de Preparo
Bata tudo na coqueteleira com gelo, menos o refrigerante de cola. Coloque em um copo longo e adicione 20ml de refrigerante de cola. Para finalizar, coloque uma rodela de limão.

Rum Tonic

Ingredientes
60ml de rum
Gelo
Água tônica
Alecrim
Limão siciliano

Modo de preparo
Coloque em um copo com gelo três rodelas de limão siciliano. Depois, coloque o rum e complete com água tônica. Finalize com o alecrim.

Daiquiri

Ingredientes
60ml de rum
30ml de suco de limão
15ml de xarope de açúcar

Modo de preparo
Em uma coqueteleira, bata tudo com gelo e sirva coado em uma taça. Finalize com uma rodela de limão para decorar.

Fonte: Cavendish

Drinques para comemorar o Halloween

Bartender parceiro da Cavendish e chefe de bar do Dita Birita, Soham Bello, ensina receita fácil que leva rum e café

O Dia das Bruxas, ou Halloween, é uma celebração observada em vários países, principalmente no mundo anglófono, em 31 de outubro, véspera da festa cristã ocidental do Dia de Todos os Santos. Para quem quer comemorar a data, o bartender parceiro da Cavendish e chefe de bar do Dita Birita, Soham Bello, explica como preparar uma receita rápida fácil que leva rum e café, confira:

Rum com café

Ingredientes
45ml de rum
15ml de licor de café
30ml de expresso

Modo de preparo
Bata tudo vigorosamente em uma coqueteleira e sirva em uma taça cupê. Finalize com uma jabuticaba.

Prepare um coquetel à base de rum sabor natural de coco Malibu em três passos

O dia 31 de outubro é famoso por ser Halloween – ou Dia das Bruxas para os brasileiros. A data conhecida por festas à fantasia em que os convidados se vestem de personagens aterrorizantes, como vampiros e caveiras, e a decoração também singular, com adereços de morcegos, aranhas e abóboras, também podem ter drinks “a caráter” como o Maliboo, com Malibu, rum caribenho com sabor natural de coco.

O Halloween pode assustar, mas o preparo do drinque não causa medo em ninguém, pois é muito fácil de fazer, em apenas três passos. Confira abaixo:

Maliboo

Ingredientes:
50 ml de Malibu⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
100 ml de soda de limão⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀
1 colher (chá) de Grenadine
Gelo⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀⠀

Utensílios:
Um copo alto
⠀⠀⠀⠀⠀⠀
Modo de fazer:
No copo alto com gelo, coloque o Malibu, em seguida, a soda de limão e misture. Para finalizar, coloque o Grenadine.

Mimo ensina receita prática para celebrar a data com muita diversão e sabor

Celebrado em 31 de outubro, o Halloween conquistou muitos brasileiros e atualmente possui a sua marca no país, apesar da sua origem irlandesa e tradição norte-americana. Para não deixar essa data em branco, que tal convidar alguns amigos para uma noite especial em casa com fantasias criativas, maratona de filmes de terror e guloseimas temáticas?

Como momentos gostosos pedem Mimo, a seleção de uvas especiais da Agrivale trouxe uma dica de receita fácil e saborosa para incluir ao cardápio: Ponche de Halloween com Uvas Mimo. O preparo é rápido e traz duas variações exclusivas da Mimo: a Mimo Seleção Vitória, fresquinha e saborosa, e a Mimo Green Dreams, que é crocante, equilibrada e doce.

Para complementar a receita, adicione acessórios e uma decoração macabra e entre no clima com muita diversão. Confira abaixo o modo de preparo:

Ponche de Halloween com uvas Mimo

Ingredientes:
1 litro de Soda
1 litro de suco de uvas roxas
1 cacho de uvas Mimo Seleção Vitória cortadas ao meio
1 cacho de uvas Mimo Green Dreams cortadas ao meio
Folhas de hortelã amassadas
Gelo

Modo de Preparo:
Em uma poncheta, adicione o suco e as uvas já cortadas. Junte as folhas de hortelã e mexa tudo. Sirva acrescentando a soda e gelo.

Dica para decorar: encha uma luva cirúrgica de água e leve ao congelador, assim você terá um gelo assustador para o ponche.

Quatro receitas de drinques fáceis para aproveitar o feriado

Brand Factory sugere drinques com os runs Havana Club e Malibu e os aperitivos Lillet e Ramazzotti

Com o avanço da vacinação, muitos brasileiros vão aproveitar o feriado prolongado de 12 de outubro (próxima terça-feira) para viajar. Porém, independentemente de quem for sair de casa ou curtir os dias dentro dela, a Brand Factory sugere quatro receitas fáceis de coquetéis para experimentar, são elas: o clássico Mojito, preparado com o rum cubano Havana Club; o Malibu Cola, com o rum caribenho saborizado com coco Malibu; o Rosato Spritz, a base do aperitivo italiano Ramazzotti Rosato e; o Vesper Martini, preparado com o aperitivo francês Lillet Blanc. Confira abaixo.

Mojito
Uma boa escolha é começar com um clássico e que sempre agrada à todos. O Mojito leva rum e tem um aroma especial graças à hortelã.

Ingredientes:
45 ml de rum Havana Club 3 anos
90 ml de água com gás ou club soda
2 colheres (chá) de açúcar
Suco de um limão taiti
Ramos de hortelã

Utensílios:
Um copo alto
Macerador

Modo de preparo:
Em um copo alto, adicione o açúcar e algumas folhas de hortelã e amasse com o macerador. Depois, adicione o rum Havana Club 3 anos, em seguida, o suco de limão e água com gás ou club soda. Com restante dos ramos de hortelã, enfeite o copo.

Malibu Cola

Continuando na linha do clássicos, mas já apresentando uma mudança no drink Cuba Livre, graças ao sabor de coco presente no rum Malibu, temos mais uma receita refrescante e muito fácil de fazer com ingredientes que podem ser encontrados em casa.

Ingredientes:
50 ml de rum Malibu
100 ml de refrigerante de cola
Uma fatia de limão
Gelo

Utensílios:
Um copo alto

Modo de preparo:
Em um copo alto com gelo, adicione o rum Malibu e complete com o refrigerante de cola. Decore com a fatia de limão.

Rosato Spritz

Os drinques spritz estão na moda, por isso, apresentamos uma variação para quem gosta da bebida que mistura aperitivo com prosecco, somado ao perfume do manjericão. O recomendado para esta receita é o prosecco, espumante típico da Itália, para enaltecer a origem do Ramazzotti, porém outras opções de borbulhas também são bem-vindas.

Ingredientes:
50 ml de aperitivo Ramazzotti Rosato
100 ml de prosecco
5 pedras de gelo
Folhas de manjericão

Utensílios:
Uma taça de vinho

Modo de preparo:
Adicione o gelo à taça de vinho, seguido do aperitivo Ramazzotti Rosato e o prosecco, respectivamente. Por fim, com a palma das mãos, pressione as folhas de manjericão e adicione à taça.

Vesper Martini

Para entrar no clima do lançamento do novo filme do 007 (Sem Tempo Para Morrer), a pedida é o drinque preferido pelo agente mais famoso do cinema. Um coquetel mais intenso – assim como o herói do filme – do que os apresentados anteriormente.

Ingredientes:
10 ml de aperitivo Lillet Blanc
20 ml de vodca
60 ml de gim
5 pedras de gelo
Casca de limão siciliano

Utensílios:
Uma taça de martíni
Coqueteleira

Modo de preparo:
Misture o aperitivo Lillet Blanc, a vodka e o gim em uma coqueteleira com bastante gelo e transfira a mistura para a taça de martíni. Adicione um pedaço da casaca de limão siciliano.

Todas as bebidas podem ser adquiridas pelo e-commerce Drinks and Clubs.

Fonte: Brand Factory

Aprenda a preparar drinques com rum

O rum pode ser feito de duas formas distintas: a agrícola, obtido diretamente do caldo de cana fermentado, ou industrial, obtido a partir do melaço

Em 16 de agosto foi comemorado o Dia Internacional do Rum. A história da bebida começa no ano de 1433, quando a cana-de-açúcar começou a ser cultivada na região de Caraíbas, no período de Cristóvão Colombo. A cana era levada pelas esquadras de Colombo a partir das Ilhas Canárias.

Sendo assim, no começo do século XVI, foi produzido o primeiro rum destilado a partir da cana-de-açúcar. O rum pode ser feito de duas formas distintas: a agrícola, obtido diretamente do caldo de cana fermentado, ou industrial, obtido a partir do melaço. A destilação pode ser feita em uma coluna de destilação ou em um alambique.

Com o passar dos anos, a história do rum acabou sendo associada com a história dos piratas. “Acontece que muita gente diz que eles bebiam o rum antes de batalhas, como uma forma deles se sentirem mais corajosos e valentes, então isso acabou criando essa relação entre a bebida e os saqueadores do mar”, explica Joseph Van Sebroeck, criador do Cavendish Rum. O empreendedor decidiu batizar a bebida com esse nome por conta do pirata inglês Thomas Cavendish, que fez história quando usou a região de Ilhabela, litoral de São Paulo, como base por cinco anos.

“Meu pai sempre me contava essa história quando eu era criança, então o rum foi uma forma de manter o seu legado vivo”, diz Sebroeck. Para quem quiser saborear um drinque, Soham Bello, bartender parceiro da Cavendish Rum, explica como preparar dois diferenciados, confira:

Bacurau

Ingredientes
60 ml de rum
10 ml suco de limão Tahiti
10 ml suco de limão siciliano
5 ml xarope simples
80 ml caldo de cana
Uma pequena quantia de Bitter Angostura

Modo de preparo
Juntar tudo na coqueteleira e bater com gelo. Coar em um copo baixo.

Mai Tai

Ingredientes
40ml de rum
15 ml de Falernum
10ml de suco de limão
Ingredientes para produzir o Falernum
180 ml de rum
420 ml de xarope de açúcar
40 unidades de cravo-da-índia
200 g de amêndoas laminadas
10 ml de extrato de amêndoas
140 g de fatias de gengibre sem pele
130 ml de suco de limão tahiti coado
Casca de 9 limões tahiti (sem a parte branca)

Modo de preparo do Falernum
Em um recipiente, coloque o gengibre, o rum, os cravos-da-índia, a pele de limão e as amêndoas laminadas e deixe descansando por aproximadamente 24 horas. Depois, coe e misture com o xarope de açúcar, o extrato de amêndoas e o suco de limão.

Modo de preparo Mai Tai
Coloque todos os ingredientes em um copo longo e sirva com pedras de gelo. Decore com algumas folhas da fruta.

Fonte: Cavendish Rum

Rum brasileiro homenageia história de Ilhabela, no litoral de São Paulo

Terceira geração de produtores de cachaça apresenta Cavendish, rum nacional que busca destaque na indústria

Depois da onda dos gins brasileiros, chegou a vez do universo da coquetelaria abrir alas para a produção nacional de rum, destilado que é primo-irmão da cachaça. Ambos são feitos da mesma matéria-prima – a cana-de-açúcar , mas o processo de produção é diferente. A cachaça é produzida (e protegida por lei) com o caldo fresco da cana (mais conhecido como garapa), enquanto o rum é feito com o caldo cozido, chamado de melaço. Os diferentes processos, evidentemente, trazem percepções sensoriais diferentes.

O Rum que veio da Ilha

Cavendish Rum é uma homenagem a história de Ilhabela, no litoral de São Paulo, e um resgate às raízes da família Van Sebroeck, tradicional proprietária de alambique na região. Joseph, idealizador de Cavendish Rum, cresceu ouvindo histórias de piratas, em especial a de um que viveu na ilha paulistana: Thomas Cavendish. Apelidado de “Corsário Elegante” pela aristocracia européia, atracou em 1586 em Ilhabela que, naquela época, pertencia à Corte Portuguesa. De lá, ordenou ataques à Vila de Santos e usou a região como base por cinco anos. O pirata foi o terceiro homem a circunavegar o mundo e, segundo as lendas locais, teria deixado um tesouro escondido – que ninguém sabe dizer a exata localização.

Com o lançamento do produto, Van Sebroeck pretende enaltecer a cultura local de coquetelaria e também resgatar o patrimônio histórico da ilha. “Gosto muito de rum e sempre tive grande apreço pelas lendas de Cavendish. O momento é ideal para fortalecer a região e também oferecer um produto de qualidade, 100% nacional”, explica.

Cavendish é o segundo produto lançando pela Destilaria Dona Filó, que já possui uma cachaça branca homônima. Há planos para um terceiro rótulo, ainda em processo de produção.

Cavendish – Preço: R$ 55,00

Onde comprar: Site Apreciador

Aprenda a preparar três drinques para receber o novo ano

Bartender ensina três receitas práticas e deliciosas para a virada de ano em casa

Apesar do ano ter sido pra lá de atípico e desafiador para a maioria das pessoas, 2020 já está chegando ao fim e toda a esperança que a virada de ano traz merece ser brindada. Para que as comemorações sejam cheias de sabor e divertidas, Flávio Félix, bartender em São Paulo que atende pelo GetNinjas, maior aplicativo de contratação de serviços da América Latina, elaborou tutoriais de três receitas de drinques que vão agradar o paladar de todos. Confira abaixo:

Russian

Ingredientes:
25ml de vodca
25ml de suco de limão espremido
15ml creme de cassis
1 colher de açúcar
Espumante para completar
Gelo a gosto

Modo de preparo:
Em uma coqueteleira, coloque o gelo e os demais ingredientes com exceção do espumante. Em seguida, bata por aproximadamente dez segundos. Por fim, sirva em copo alto, e complete com o espumante.

Piña Colada

Ingredientes:
70ml de rum
150ml de suco de abacaxi
50ml de leite de coco
50ml de leite condensado
Gelo a gosto

Modo de Preparo:
Em uma coqueteleira, coloque gelo e adicione todos os ingredientes. Em seguida, bata a mistura por aproximadamente dez segundos. Sirva em uma taça ou copo longo. Se preferir pode polvilhar coco ralado para finalizar e enfeitar a borda com um pedaço pequeno de abacaxi cortado.

Apple Martini

Ingredientes:
50ml de vodca
15ml de licor de laranja
15ml de xarope de maçã verde
Gelo a gosto

Modo de Preparo:
Em uma coqueteleira, coloque gelo e adicione todos os ingredientes. Bata a mistura por aproximadamente dez segundos. Sirva em uma taça martini ou copo longo, mas use uma peneira para que o gelo não caia na taça/copo. Se preferir, pode enfeitar a borda do corpo com uma fatia fina de maçã verde.
*Dica Ninja: o Apple Martini deve ser servido gelado, porém sem pedras de gelo na taça/copo. Sendo assim, é recomendável deixar a taça/copo no refrigerador enquanto o coquetel é preparado.

Fotos meramente ilustrativas

Fonte: GetNinjas

Mojito Brasileirinho: Água Doce te ensina a preparar esta delícia

A tradicional bebida cubana, o mojito, ganha um toque especial na Água Doce Sabores do Brasil. Na versão original, que combina rum branco com suco de limão e hortelã, o “Mojito”, é o diminutivo de Mojo, que vem do folclore afro-americano e significa uma espécie de feitiço, encanto.

Essa bebida é verdadeiramente um sucesso. Com o toque brasileiro da pura e tradicional cachaça nacional, a Água Doce substitui o rum, inclui a água com gás e encanta trazendo uma refrescância que é o ponto alto da bebida.

Confira a receita abaixo. Aproveite os dias mais quentes, escolha uma boa cachaça e se delicie com o sabor marcante dos ingredientes do mojito brasileirinho.

Mojito Brasileirinho

Ingredientes:
2 colheres de sopa de açúcar
Suco de 3 limões
10 folhas de hortelã
500 ml de água com gás
150 ml de cachaça da sua preferência
Cerca de 10 pedras de gelo

Modo de Preparo:
Em um copo, coloque o açúcar e o suco de limão e mexa. Acrescente metade das pedras de gelo e as folhas de hortelã picadas. Coloque a cachaça, a água com gás e o restante das pedras de gelo. Misture tudo. Decore com uma fatia de limão e um ramo de hortelã e sirva.

mojito

Rendimento: 1 porção.

Fonte: Água Doce

A hora do rum

A “bebida dos piratas” ganhou destaque na coquetelaria internacional e passou a figurar nas cartas de drinks de bares de todo Brasil

É impossível assistir um filme ou ler um livro que retrate o universo dos piratas sem se deparar com a bebida favorita dos aventureiros dos mares: o rum. Seca e com gosto que lembra uma cachaça mais rústica, a bebida, com origem na cana-de-açúcar, virou a “queridinha” de mixologistas de todo o planeta nos últimos anos, sendo utilizada nos mais variados coquetéis. Agora, o Rum é a aposta de especialistas brasileiros para assumir o posto de produto-tendência na coquetelaria nacional, sendo o “destilado da vez” no país.

Para o premiado mixologista Igor Bispo, um dos grandes destaques da coquetelaria brasileira, responsável por cartaz de bares e restaurantes como King Temaki e Sirène, o grande destaque do Rum é sua versatilidade. “O Rum é uma bebida de muita personalidade. Hoje, ele tem várias vertentes e diversos fabricantes em todo Planeta. Tanto o branco quanto o envelhecido, trazem notas muito peculiares, que combinam muito bem com coquetéis tropicais, muito comuns no Brasil. Além disso, é uma bebida que tem um preço interessante, que possibilita que empreendimentos de todos os portes apostem em suas características”, comenta o especialista.

Produzido a partir do melaço, diferente da pinga que é feita do suco da cana, o Rum passa por processos de fermentação e destilação, podendo ser amadurecido por anos em barris de carvalho e até receber especiarias. “Esse envelhecimento torna o rum ainda mais peculiar, adquirindo notas muito interessantes e marcantes, trazendo ainda mais potência para os coquetéis”, detalha Bispo.

rum 2.jpg

No Clube Inbox, casa de música eletrônica que abriu recentemente as portas na cidade de Curitiba, traz ótimas opções desenvolvidas com rum, entre elas o coquetel Synth, preparado com rum, suco de limão, xarope francês de frutas vermelhas e schweppes citrus, finalizado com hortelã e limão desidratado. O drinque, assim como toda carta do empreendimento, foi desenvolvido pelo mixologista Romero Brito, premiado como Melhor Bartender do Sul do Brasil no Concurso Diageo World Class, maior competição de bartenders do planeta.

rum'.jpg

Outro empreendimento que dedicou parte de sua carta de drinques ao rum é o bar O Barba, que atua há 10 anos no mercado com a temática pirata. Entre os destaques da casa estão o clássico Mojito, que leva rum, hortelã, limão, água com gás e xarope de açúcar; o Daquiri de Morango, desenvolvido com rum, limão, morango e xarope de açúcar com infusão de canela; o Dark’n’Storm, com rum, limão, gengibre e água com gás; o Mata’n’Rum, preparado com chá mate natural e rum; e o Caribean Martini-Rum, com rum, purê de abacaxi, limão, hortelã e xarope de açúcar.

Drinks - King Temaki-3 (002)

“O Barba sempre foi conhecido por sua temática pirata, e quando resolvemos reformular nossa carta de drinques, lançada no primeiro semestre de 2019, percebemos que era a hora certa de apostar em drinques com rum. Notamos que o público consumidor, após a consolidação da coquetelaria no Brasil, estava preparado para novas experiências, que com o rum vão dos coquetéis clássicos aos complexos com muita versatilidade”, completa Rafael Vetter, administrador do empreendimento.