Arquivo da tag: sexta-feira santa

Especialistas orientam como escolher bem o pescado para a Páscoa

Médicos-veterinários alertam sobre cuidados com temperatura, aparência, conservação e manipulação de peixes e moluscos

O período que antecede a Páscoa é normalmente acompanhado por um aumento na compra e consumo de peixes em todo o país. Devido a essa tendência é importante orientar a população para a adoção de boas práticas para se selecionar, comprar e conservar o peixe ou fruto do mar, tendo em vista que as doenças transmitidas por alimentos (DTA) são uma importante causa de morbidade no Brasil. Em 2018, segundo o Ministério da Saúde (MS), ocorreram 503 surtos com quase 7 mil doentes, 731 hospitalizados e nove óbitos.

Na hora da compra em um mercado ou feira, o consumidor deve se preocupar com a procedência dos produtos, garantindo que só chegue à mesa de Páscoa itens inspecionados por um médico-veterinário. Nas peixarias, a origem dos pescados frescos comercializados deve estar disponível. No caso dos peixes embalados, o selo de inspeção deve estar visível na embalagem.

peixe

“É importante saber se o produto passou pela inspeção oficial, para garantir a segurança do pescado”, ressalta o presidente da Comissão Técnica de Alimentos (CTA) do Conselho Regional de Medicina Veterinária do Estado de São Paulo (CRMV-SP), Ricardo Calil.

Segundo o médico-veterinário, o processo de conservação ideal do pescado começa muito antes de chegar ao consumidor final. “A carne do pescado fresco, pela sua constituição, exige temperatura próxima de zero (0°C). E no caso da carne congelada, a dezoito graus negativos (-18°C), para que a durabilidade seja a maior possível”, afirma.

Para avaliar se o peixe fresco está em boas condições, o consumidor precisa fazer uma avaliação criteriosa, conforme orienta Camila Hirai, médica-veterinária integrante da CTA e responsável técnica pela central de distribuição de uma importante rede de supermercados.

“O peixe deve estar com pele, escamas e olhos brilhantes, com tonalidade viva e ausência de muco espesso. As escamas devem estar, ainda, bem aderidas, os olhos ocupando toda a órbita e salientes, as brânquias úmidas e avermelhadas, a carne firme e elástica, e o odor suave e característico.”

Já os peixes congelados devem estar em embalagem íntegra, com data em que foi embalado e, quando comercializados em pedaços, não devem estar em blocos. “Através da embalagem que é possível identificar a origem do produto, a faixa de temperatura para manter o alimento seguro, como também a validade”, destaca Calil.

“O pescado deve ser a última coisa a ser colocada no carrinho de compras”, completa a médica-veterinária.

Bacalhau

Gadus morhua, o tipo mais tradicional e mais consumido_ Créditos Divulgação
Gadus morhua, o tipo mais tradicional e mais consumido – Foto: Banca da Ramon

Tradicional iguaria consumida na Páscoa, o bacalhau tem características particulares a serem observadas pelo consumidor no momento da compra. “O bacalhau deve apresentar a superfície devidamente seca, não pode estar pegajoso e apresentar limosidade ou bolor”, alerta Camila.

Calil orienta os consumidores quanto à procedência do peixe e o cuidado para escolher entre o bacalhau e os peixes salgados secos. “É preciso tomar alguns cuidados para pagar pelo que o bacalhau vale. O verdadeiro é o Gadus morhua (Cod), também denominado Porto. O Gadus macrocephalus tem semelhança com o verdadeiro, porém não se desfaz em lascas e tem uma carne fibrosa, por isso, costuma ter um preço abaixo do morhua. As demais espécies comercializadas, como ling, zarbo ou saithe, não são bacalhau, mas peixes salgados secos, e, portanto, devem ser comercializadas adequadamente”, alerta o presidente da CTA do CRMV-SP.

Fonte: CRMV-SP

 

14ª Santa Feira do Peixe na Ceagesp

Até o dia 18 de abril será realizada a 14ª Santa Feira do Peixe, no Pátio do Pescado da Ceagesp, das 12h às 21h, com produtos a preços promocionais. Por exemplo, o cação será comercializado a R$ 18,90/kg, e a tainha a R$ 11,90/kg. O camarão também será comercializado a um valor mais em conta do que o praticado no varejo. Para este ano, os comerciantes esperam vender cerca de 150 toneladas de pescados e frutos do mar durante o evento.

Além das barracas de pescados, frutos do mar e o tradicional bacalhau – que será vendido tanto em postas como desfiado-, haverá ainda uma grande praça de alimentação, venda de panelas de barro, ovos de Páscoa, doces, licores, de verduras, legumes, frutas e temperos e minifeira de flores.

ceagesp.JPG

A Santa Feira do Peixe é uma festa tradicional que já faz parte do calendário de eventos que antecedem a Páscoa na cidade de São Paulo, atraindo centenas de pessoas durante os quatro dias de comercialização. É uma ótima opção para a preparação do almoço de Páscoa, pois o consumidor poderá encontrar em um único espaço tudo o que ele precisa para comemorar essa data cristã de maneira saudável e saborosa, a preços promocionais e mais em conta do que os praticados no mercado.

ceagesp peixe

Outro atrativo é a praça de alimentação, que este ano contará com barracas de paella e porções de camarão, acarajé, bolinho de bacalhau, pastéis, macarrão com camarão no queijo grana padano, moqueca de cação, comida japonesa, bicicleta de brigadeiro, bicicleta de vinhos e venda de doces como ovo de colher, palha italiana, bolos, coxinhas de morango e pizza brownie, bebidas e um cardápio específico com os produtos em promoção.

Os atacadistas estarão trazendo uma mostra da oferta de pescados que podem ser encontrados diariamente na Feira de Pescados e Frutos do Mar que ocorre no Frigorífico São Paulo, dentro do Entreposto Terminal São Paulo, de terça a sábado, das 2h às 6h, no mesmo espaço onde ocorrerá a Santa Feira do Peixe.

O evento tem entrada gratuita e o estacionamento no local também será gratuito durante todo o evento. Para facilitar os motoristas, a localização já está marcada inclusive no Google Mapas, basta teclar “Santa Feira Do Peixe” que na hora o aplicativo dará as coordenadas e rotas de acesso.

A iniciativa tem apoio da Associação dos Comerciantes Atacadistas de Pescados do Estado de São Paulo (Acapesp), dos permissionários do Frigorífico de São Paulo (Frisp) e da Sampa Foods.

14a santa feira do peixe.jpg

14ª Santa Feira do Peixe da Ceagesp
De 15 a 18 de abril de 2019, das 12h às 21h
Entrada pelo portão 15 da Rua Xavier Kraus (esquina com Avenida Nações Unidas – Marginal Pinheiros).
Entrada e estacionamento gratuitos.

Mr. Fit é opção de alimentação sem carne na Sexta-feira da Paixão

Vem aí a Sexta-feira da Paixão. Comemorada no próximo dia 19 de abril, data que marca o início das celebrações da Páscoa, a data é uma excelente oportunidade para ir com amigos e família experimentar os pratos veganos e vegetarianos da rede Mr. Fit, fast-food de alimentação saudável. Com um cardápio bem variado, a rede já é um sucesso entre boa parte dos brasileiros que evitam a carne animal.

Além dos pratos executivos balanceados e funcionais, montados de acordo com o gosto do cliente, há opções de wraps, hambúrgueres fit à base de soja, saladinhas e os novos pratos disponíveis no cardápio semanal, como o Estrogonofe de palmito, Fricassê de carne de jaca com requeijão vegano, Feijoada vegana com legumes grelhados, Macarrão salada (massa integral), e Moqueca de banana da terra.

fricasse vegano
Fricassê de carne de jaca com requeijão vegano

“As novidades nasceram do comprometimento da rede de promover e auxiliar pessoas na manutenção de um estilo de vida saudável e cada vez mais consciente, mas é uma ótima opção para quem quer ir durante a sexta-feira da Paixão e experimentar um dia sem carne”, explica Camila Miglhorini, fundadora e CEO da rede Mr. Fit. A rede também tem a opção de delivery, caso a preferência seja por degustar os pratos no aconchego do lar ou direto do escritório.

Informações: Mr. Fit

 

Receitas especiais com queijo gorgonzola para a Sexta-feira Santa

A quaresma, período que antecede a Páscoa, significa para os cristãos um tempo de recolhimento e reflexão. A Sexta-feira da Paixão é o ápice desta festa do cristianismo, que comemora a ressurreição de Jesus Cristo. Neste dia, por tradição, muitas famílias não comem carne vermelha, dando preferência aos pratos que sejam feitos com peixes ou frutos do mar.

Para incrementar as refeições desta data, a Tirolez, uma das marcas mais tradicionais de laticínios do país, sugere duas receitas deliciosas que levam o queijo especial Gorgonzola como ingrediente principal: risoto de gorgonzola com pera e nozes, desenvolvido em parceria com a Chef Luiza Zaidan, e um acompanhamento fácil de fazer e ao mesmo tempo sofisticado – a polenta cremosa.

queijo gorgonzola tirolez

O Gorgonzola, originário da Itália, é o terceiro queijo Italiano mais consumido no mundo. Vem da família do Roquefort francês e do Dana Bleu dinamarquês, tendo surgido por volta do século X, no Vale do Rio Pó, na cidade de Gorgonzola.

O queijo Gorgonzola Tirolez possui sabor levemente salgado, frutado e picante, e textura macia que derrete rapidamente na boca. Além disso, é muito versátil, pois pode ser consumido puro, com frutas, geleias ou em diversas outras receitas culinárias, como salada, sopas, risotos, patês e molhos de massas e carnes. Na tábua de queijos, combina com sabores adocicados como uva, pera, figo, damasco, geleia de menta e vinho do Porto.

Risoto de Gorgonzola Tirolez com pera e nozes

risoto tirolez

Ingredientes

320g de arroz arbóreo (mais ou menos uma xícara de café por pessoa)
½ cebola picada
4 dentes de alho
100ml de azeite extravirgem
80g de manteiga sem sal Tirolez
160ml de vinho branco seco
2,5 litros de caldo de legumes
100g de Queijo Gorgonzola Tirolez
½ pera em cubos
2 colheres de sopa de nozes picadas
Sal e pimenta do reino à gosto

Ingredientes para o caldo de legumes

Para um bom caldo de legumes é preciso usar todos os legumes e temperos que você tiver em sua geladeira. Cebola, cenoura, alho porró, aipo, quanto mais legumes, mais saboroso ficará o seu caldo!

Modo de preparo

Caldo de legumes – em uma panela com bastante água, acrescente todos os legumes e temperos à gosto, e deixe ferver por 20 a 30 minutos. Após este tempo coe e descarte os ingredientes, deixando apenas o caldo. Mantenha o caldo bem quente durante o preparo do risoto.

Risoto – em uma panela grande (a mesma que você irá servir o risoto), aqueça o azeite e a metade da manteiga Tirolez. Refogue a cebola e, em seguida, acrescente o arroz – mexa bem para envolver toda a manteiga nos grãos. Acrescente o vinho e deixe secar por completo. Assim que secar, vá acrescentando o caldo aos poucos (2 em 2 conchas), mexendo sem parar. Quando o caldo estiver na metade, comece a provar para ver se está no ponto. O ideal é ficar um pouco “al dente”, para que ele finalize o cozimento no processo final. Desligue o fogo, acrescente o queijo Gorgonzola Tirolez amassado, a pera, as nozes, 1 concha de caldo e a manteiga restante. Tampe e deixe descansar por 3 minutos antes de servir.

Dicas da Chef
1) Deixe seu caldo bem saboroso, pois ele é a base do seu risoto
2) O fogo deve estar bem alto
3) Nunca pare de mexer o risoto!

Tempo de preparo: 30 minutos
Rendimento: 4 porções

Polenta cremosa com gorgonzola Tirolez

polenta.jpg

Ingredientes

1 xícara de chá de fubá pré-cozido
1 litro de água
1 colher de chá de sal
1 colher de sopa de azeite
80g de Queijo Gorgonzola Tirolez

Modo de Preparo

Em uma panela grande, leve a água e o sal ao fogo médio. Quando ferver, diminua o fogo e adicione o fubá aos poucos, em fio constante, mexendo com um batedor de arame. Quando a polenta começar a ferver, acrescente o azeite e continue mexendo sem parar até que a massa comece a soltar da panela. Tempere com pimenta-do-reino moída na hora à gosto, e misture bem. Em refratários individuais, monte camadas de polenta e queijo Gorgonzola Tirolez picados em pequenos pedaços deixando o refratário escolhido com a última camada de queijo. Feito isso, leve ao forno pré-aquecido por 10 minutos apenas para que o queijo derreta e incorpore melhor à polenta.

Tempo de preparo: 25 minutos
Rendimento: 6 porções

Fonte: Tirolez

 

 

Quanto Basta promove Festival do Bacalhau na Sexta-feira Santa

Nesta sexta-feira, dia 14 de abril, dia em que será celebrada a Sexta-feira Santa, o restaurante Quanto Basta, comandado pelo chef Dudu Sperandio, vai oferecer o Festival do Bacalhau durante o almoço. O cardápio exclusivo será uma ótima opção para os apaixonados pelo peixe, que será servido de várias formas.

No cardápio, que custará R$ 59,00 por pessoa (R$ 25,00 para crianças com até 12 anos), estarão disponíveis cinco opções de preparos com o tradicional peixe: Bacalhau clássico Português assado; Salada de bacalhau; Bacalhau à Brás; Bacalhau gratinado; e Brandade de bacalhau com espinafre.

Festival do Cacalhau

Quanto Basta – Rua Mateus Leme nº 1098, Bairro Centro Cívico – Curitiba. Na Sexta-feira Santa, a vai funcionar das 12 às 15h. Mais informações pelo telefone (41) 3253-0030

Visitantes vão decorar ovos de serpentes em atividades no Instituto Butantan

A programação especial aborda diferentes estágios do desenvolvimento das cobras: da fecundação ao nascimento

O Museu Biológico do Instituto Butantan, órgão vinculado à Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo, e um dos maiores centros de pesquisas biomédicas da América Latina, promove atividades especiais sobre a reprodução das serpentes durante o feriado de Páscoa.

Na sexta-feira, 14, será inaugurado um painel onde os visitantes vão descobrir “Quem Botou esse Ovo?”. No espaço haverá curiosidades sobre o nascimento das cobras e se de fato todas as espécies botam ovos. Todas as fases do desenvolvimento das serpentes, da fecundação ao nascimento, serão abordadas nesta atividade.

museu-biologico.png

O público poderá conhecer também as diversas formas de ovos de serpentes e poderão decorar um modelo de ovo de cobra desenvolvido especialmente para a ocasião. A atividade acontece nos dias 15 e 16 abril, às 10h, tem vagas limitadas e as inscrições devem ser feitas 30 minutos antes, na recepção do museu.

De sexta a domingo, às 14h, oficinas de pinturas de desenhos de serpentes com ovos e seus filhotes também integram a programação.

museu_biologico_2.png

O Museu Biológico é um dos museus que ficam no parque do Instituto Butantan e conta com uma exposição zoológica viva e permanente, composta por serpentes, aranhas e escorpiões. Os visitantes também poderão visitar o Museu Histórico, que relembra através de objetos e fotos o início do século XX, e o Museu de Microbiologia, onde é possível visualizar seres microscópicos, como protozoários, além de modelos de vírus e da molécula de DNA.

museu_biologico_3

O Instituto Butantan está localizado na Av. Vital Brasil, 1500, zona oeste de São Paulo. Para a visita aos museus, a entrada é única e custa R$ 6. Estudantes pagam R$ 2,50. Crianças até sete anos, idosos a partir de 60 anos e portadores de necessidades especiais não pagam. Os museus funcionam das 9h às 16h45.

Informações: Instituto Butantan

Receita de Risoto de Camarão

Que tal inovar nos pratos que serão servidos nesta Sexta-Feira Santa ou na Páscoa? Para quem busca uma opção diferente, a Black+Decker ensina como fazer um risoto de camarão. Veja como é fácil de preparar:

Risoto de Camarão

Ingredientes
½ Kg de arroz
½ kg de camarão
150 g de azeitonas verdes picadas
150 g de palmito picado
4 colheres de sopa de molho de tomate
4 colheres de sopa de óleo
1 cebola
3 dentes de alho
Queijo parmesão ralado
Salsinha, cebolinha e sal a gosto

Modo de preparo
Triture a cebola e o alho no Miniprocessador Black+Decker. Em uma Panela Elétrica Black+Decker PE1000, coloque óleo e a mistura de alho e cebola. Frite tudo até dourar. Na sequência, com a temperatura máxima, adicione os camarões, as azeitonas e os palmitos picados e frite por 10 minutos.
Em seguida, acrescente o molho de tomate e o arroz e refogue por mais 5 minutos. Caso ache necessário, tempere com sal. Adicione 1 litro de água, mexa os ingredientes e tampe.
Após 10 minutos, diminua a temperatura da panela, mexa mais um pouco e tampe. Se for necessário, adicione mais água quente. Após 10 minutos, diminua ainda mais a temperatura da panela e deixe cozinhar por mais 20 minutos. Quando o arroz estiver completamente cozido, acrescente o queijo parmesão ralado e misture.
Decore o prato com a salsinha e a cebolinha.

risoto de camarão gd

Fonte: Black+Decker

CEAGESP prepara a 12ª Santa Feira do Peixe

Entre os dias 10 e 13 de abril será realizada mais uma edição da tradicional Santa Feira do Peixe

Pelo décimo segundo ano consecutivo, o evento, que é organizado pelos permissionários com o apoio da Companhia de Entrepostos e Armazéns Gerais de São Paulo (Ceagesp), tem como objetivo incentivar o consumo do pescado e promover a venda especial no varejo com promoções exclusivas.

Entre os destaques estão a tainha e o filé de merluza, que a partir deste ano, poderão ser comprados em atacado a preços especiais. No varejo, o destaque fica para o cação a R$ 13,99 o kg. Em 2016, os comerciantes venderam cerca de 80 toneladas de pescados durante os três dias do evento e a expectativa para este ano é que se aproxime de 150.

ceagesp

Além da grande variedade de peixes frescos, serão comercializados também camarões, legumes e temperos em geral. E o consumidor vai encontrar ainda, produtos para a Páscoa e diversos pratos típicos na Praça de Alimentação.

Novidades: comercialização de pescado no atacado (caixa fechada in natura) e venda de produtos típicos de Páscoa.

Alguns preços dos produtos da Santa Feira do Peixe
Tainha R$ 100,00 – no atacado – caixa fechada com 10 kg
Filé de merluza R$ 160,00 – no atacado – caixa fechada com 10 kg
Filé de merluza R$ 232,00 – no atacado – caixa fechada com 14,5 kg
Cação R$ 13,99/kg – no varejo
Bacalhau Especial Saithe R$ 38,99/kg – no varejo
Bacalhau do Porto R$ 64,99/kg – no varejo (peça inteira e sem corte)

 folheto_santa_feira4-1024x1024.jpg

Serviço:
12ª Santa Feira do Peixe
Quando: 10 (segunda-feira), 11 (terça-feira), 12 (quarta-feira) e 13 (quinta-feira) de abril
Horário: das 13 às 21 horas
Local: Rua Xavier Kraus, esquina com a Avenida Nações Unidas, entrada pelo Portão 15. Estacionamento gratuito no local

 

Hirota parcela almoço de Páscoa em 3 vezes no cartão de crédito

Domingo de Páscoa é o momento para reunir a família à mesa e celebrar a vida. Para aproveitar esse dia, a rede de supermercados Hirota oferece opções de pratos prontos para o almoço de Sexta-Feira Santa e de Domingo de Páscoa. O cardápio tem opções de entradas, saladas, guarnições, pratos principais e sobremesas.

O destaque do menu é a tilápia preparada ao forno com queijo da Serra da Canastra (R$ 75,90 kg e serve 4 pessoas), receita que os chefs do Hirota foram buscar na cidade mineira de Capitólio. Já o tradicional bacalhau Gomes de Sá sai por R$ 99,90 Kg (também para 4 pessoas).

As compras acima de R$ 150,00 poderão ser parceladas em três vezes no cartão de crédito para clientes do Clube de Vantagens, incluindo ovos de Páscoa. “A nossa proposta é oferecer comodidade e alimentação saudável e deliciosa a um preço justo. Além dos pratos elaborados pelos chefs, os clientes podem conferir as opções de vinhos, espumantes e outros rótulos das adegas de nossas lojas para harmonizar na ceia de Páscoa”, afirma Hélio Freddi, diretor de marketing da Rede Hirota.

A equipe de gastronomia do Hirota, formada por 150 pessoas entre chefs, nutricionistas, engenheiros de alimentos e técnicos em cozinha, estima produzir cerca de 7 toneladas de alimentos para as celebrações de Páscoa. As encomendas devem ser feitas com até 48 horas de antecedência.

Entradas (1kg)
Bolinho de bacalhau – R$ 59,90

bolinho_bacalhau
Coxinha de frango – R$ 42,90

coxinha_frango
Coxinha creme – R$ 59,90
Bolinho de queijo – R$ 42,90
Kibinho – R$ 42,90
Saladas e guarnições (1kg)
Caponata à Moda do Chef – R$ 42,90

caponata_moda_chefe
Arroz de Páscoa – salteado com lascas de bacalhau, grão-de-bico e tomate cereja – R$ 44,90

arroz_da_pascoa
Arroz à francesa – salteado com champignon, ervilhas frescas e amêndoas laminadas – R$ 42,90
Salpicão com peito de peru – R$ 49,90

salpicao_peito_peru
Batata gratinada com parmesão – R$ 32,90
Cuscuz à Brasileira – R$ 42,90

cuscuz_brasileira

Pratos principais (1kg)
Tilápia à La Capitólio (com queijo da canastra gratinada no forno) – R$ 75,90

tilapia_la_capitolio
Bacalhau Gomes de Sá – R$ 99,90

bacalhau_gomes_sa
Bacalhau em postas na azeite – R$ 139,90

posta_bacalhau_2
Salmão ao molho de alcaparras – R$ 99,90

salmao_molho_alcaparras
Costelinha suína ao molho barbecue – R$ 41,90

costelinha_porco_barbequio
Lombo assado com molho de laranja – R$ 62,90

lombo_assado_2
Maminha ao molho madeira – R$ R$ 65,90

Maminha_molho_madeira
Maminha à moda do chef (recheada com queijo coalho, rúcula e tomate seco) – R$ 69,90
Fraldinha assada – R$ 56,90
Raviolli de muçarela de búfala ao sugo – R$ 52,90
Rondelli maquiatto ao molho branco – R$ 56,90

rondelli_maquiato

Sobremesa (1kg)
Bolo Mousse de Chocolate Branco e Amora – R$ 55,60

Mouse
Bolo Brigadeiro – R$ 52,20

Bolo_chocolate
Torta Premium (pão-de-ló recheado com mousse de chocolate envolto em massa biscuit coberto com ganache de chocolate preto e branco) – R$ 54,50

Bolo_chocolate_branco

Informações: Hirota