Arquivo da tag: tomate

Molho de tomate promove benefícios à saúde do cérebro e do coração

O molho de tomate é um ingrediente presente no dia a dia de grande parte dos brasileiros por ser o parceiro perfeito para massas. Mas, além de versátil e saboroso, o item culinário ainda garante diversos benefícios a saúde.

“Além da versão tradicional ser pouco calórica, estudos apontam que o molho de tomate ajuda a melhorar a circulação e a saúde cardiovascular, aumenta as defesas o organismo, protege contra os radicais livres, tem ação desintoxicante e previne contra câncer e doenças neurodegenerativas”, afirma Renata Domingues, médica especializada em Nutrologia, diretora responsável da Clínica Adah e vice-presidente da Associação Brasileira de Nutrologia Médica (Abranutro).

tomate extrato pixabay
Pixabay

O problema é que, ao chegarmos nas prateleiras dos mercados, encontramos diferentes variações de molho de tomate, como a polpa de tomate e o extrato de tomate. Mas, afinal, qual é a diferença entre estes produtos? De acordo com a Dra. Renata, a principal diferença está na concentração, ou seja, quantos tomates foram utilizados para fazer cada um destes ingredientes.

“Enquanto o molho de tomate comum é o tomate processado, já temperado e pronto para o consumo, a polpa de tomate, também chamada de purê, é simplesmente o tomate processado, para que você tempere como preferir. Por fim, o extrato de tomate é a polpa de tomate concentrada, sendo necessário diluí-la antes de consumir”, destaca a médica.

Já com relação aos aspectos nutricionais, existem algumas diferenças, mas nada muito considerável. De acordo com a especialista, o mais importante é observar os rótulos e ficar atento as quantidades de sódio, gordura, conservantes, amido modificado, extrato de levedura e glutamato monossódico para escolher a opção mais saudável. “É preciso tomar cuidado também com as opções light e zero disponíveis no mercado hoje, pois essas variações podem ter seus valores nutricionais alterados, levando a perda da qualidade original do produto”, explica.

“Se você está procurando a opção mais saudável, o ideal é optar pelos molhos orgânicos, já que estes combinam tomates cultivados ecologicamente com ingredientes igualmente saudáveis, como sal marinho e ervas aromáticas, sendo assim menos calóricos e mais saborosos, além de conterem mais licopeno do que os molhos convencionais”, indica a médica.

Por fim, é essencial observar a integridade da embalagem do produto, pois é um ponto fundamental para garantir a qualidade do molho, já que tem como principal função proteger os alimentos contra as condições externas, como luz e microrganismos, e evitar a perda de aroma e gosto.

molho_de_tomate

“Melhor que decidir entre as diferentes formas do molho de tomate industrializado, é preparar o seu próprio molho em casa, já que, além de ser muito mais gostoso e saudável, não tem conservantes e preserva boa parte dos valores nutricionais do alimento”, finaliza Renata.

Fonte: Renata Domingues é médica especializada em Nutrologia, vice-presidente da Associação Brasileira de Nutrologia Médica (Abranutro) e diretora responsável pela Clínica Adah. Pós-graduada em Nutrologia Médica e em Ciência da Fisiologia Humana e Longevidade Saudável, a nutróloga é membro da World Society of Interdisciplinary of Anti-Aging Medicine (Wosiam)

 

Hoje é Dia do Nutricionista: comemore com receitas leves

Hoje é Dia do Nutricionista. Que tal homenagear esses profissionais fazendo algumas receitinhas leves e saudáveis? As dicas são da Gomes da Costa.

Sopa Fria de Tomate e Sardinha

sopa-fria-de-tomate-e-sardinha-desktop.jpg

Ingredientes:
1 colher (sopa) de Azeite Carbonell
1 cebola picada
1 dente de alho amassado
3 tomates picados (500g)
1 xícara (chá) de água
1 lata de Sardinha Sabor Limão Gomes da Costa (125g)
Meio pepino pequeno cortado em cubos pequenos
Sal a gosto
1 colher (sopa) de hortelã fresca picada
Azeite Carbonell para regar

Modo de Preparo:
Numa panela aqueça o Azeite Carbonell e doure aí a cebola e o alho. Junte os tomates, a água e cozinhe em fogo brando, panela tampada, por 20 minutos ou até os tomates desmancharem. Bata o refogado de tomate no liquidificador de maneira a obter um purê homogêneo. Coloque a sopa numa tigela e junte a Sardinha Gomes da Costa com seu molho e o pepino. Tempere com sal a gosto. No momento de servir a sopa fria, salpique a hortelã e regue com Azeite Carbonell.

Dica de chef
É importante que os tomates estejam maduros, para que a sopa fique vermelha e saborosa.

Variação
Acrescente 2 colheres (sopa) de creme de leite à sopa.

Chuchu Recheado

chuchu-recheado-desktop.jpg

Ingredientes:
2 chuchus (cerca de 320g cada)
Sal a gosto
1 lata de Sardinha em Óleo Gomes da Costa (125g)
3 colheres (sopa) de cebola picada (45g)
1 tomate maduro, com pele e com semente, picado (80g)
Salsa picada a gosto

Modo de Preparo:
Lave bem os chuchus e seque-os. Enrole-os individualmente em filme plástico, fechando bem. Coloque-os num prato e leve ao forno de micro-ondas em potência máxima por cerca de 5 minutos. Vire-os e cozinhe por mais 5 minutos. Desligue o forno e deixe-os descansar por 5 minutos. Retire do forno, espere amornar e retire o filme plástico. Corte cada chuchu ao meio no sentido do comprimento e retire o excesso de miolo. Passe sal por toda a superfície e reserve-os distribuídos num refratário. Num refratário pequeno com cerca de 17 cm de diâmetro, 3,5cm de altura (500ml de capacidade), aqueça 2 colheres (sopa) do Óleo da Sardinha Gomes da Costa e 3 colheres (sopa) de cebola picada. Cubra o refratário com tampa própria para micro-ondas ou filme plástico furado com um garfo. Leve ao forno de micro-ondas em potência máxima por cerca de 3 minutos. Destampe e acrescente o tomate. Leve novamente ao forno, coberto, por mais 2 minutos em potência máxima. Retire do forno de micro-ondas e acrescente a Sardinha Gomes da Costa. Misture. Tempere com sal se necessário. Distribua o recheio de Sardinha entre os chuchus reservados. Salpique a salsa e leve ao forno de micro-ondas somente para aquecer, por cerca de 1 minuto em potência máxima.

Dica de chef
Dê preferência para chuchus frescos, com a casca lisa e bonita, por serem mais frescos e saborosos.

Variação
Substitua o chuchu por batata, neste caso o cozimento deve ser feito da seguinte maneira: lave bem 2 batatas médias, com casca (cerca de 225g cada). Seque-as e fure-as várias vezes com um garfo. Forre um prato com papel toalha e coloque-as lado a lado. Leve as batatas ao forno de micro-ondas por cerca de 8 minutos em potência máxima, virando na metade do tempo. Desligue o forno e mantenha descansando

Abobrinha ao Molho com Atum Alho e Óleo

abobrinha-ao-molho-com-atum-alho-e-oleo-desktop.jpg

Ingredientes:
3 abobrinhas do tipo italiana pequenas (400g)
Sal a gosto
1 lata de Molho com Atum Alho e Óleo Gomes da Costa (170 g)
1 cebola pequena picada (60g)
¼ xícara (chá) de tomate seco picado grosseiramente (50g)

Modo de Preparo:
Lave as abobrinhas, corte em rodelas de cerca de 2 cm de espessura e cozinhe em água fervente temperada com sal a gosto. Cozinhe as abobrinhas até ficarem (macias mas ainda firmes). Escorra e distribua numa travessa. Aqueça 1 colher (sopa) do óleo do Molho com Atum Gomes da Costa e refogue ai a cebola até dourar levemente. Junte o tomate seco e o Molho com Atum Gomes da Costa restante. Distribua o molho sobre a abobrinha. Sirva em seguida.

Fonte: Gomes da Costa

Nhoque de banana verde ao molho de tomate e melancia

A chef Iracema Bertoco, do Centro Europeu, principal escola de gastronomia do Brasil, preparou uma receita saudável e deliciosa: Nhoque de Banana Verde ao Molho de Tomate e Melancia.

Além de ser livre de glúten e lactose, o preparo oferece diversos benefícios para o organismo, como a biomassa de banana verde, que colabora com o controle da glicemia e colesterol, melhora o funcionamento intestinal, e ajuda na redução de peso. E também com a semente de melancia que é rica em proteína e boa fonte de vitaminas e minerais e possui altos níveis de um notável antioxidante, chamado licopeno, que é responsável por manter o coração jovem e evitar os danos feitos por radicais livres.

Nhoque de Banana Verde ao molho de Tomate e Melancia 

Ingredientes do nhoque:
– 300g de biomassa de banana verde (fria)
– 1 colher de azeite
– Farinha de arroz até dar ponto (mais ou menos 100g)
– Sal a gosto

Modo de preparo:
Em um bowl colocar a biomassa, o azeite e o sal, misturar bem e ir adicionando a farinha aos poucos até a massa soltar das mãos. Fazer rolinhos com espessura de 1cm e cortar os nhoques. Cozinhar em água e sal como o nhoque tradicional.

Ingredientes Biomassa de Banana Verde:
– 4 bananas da terra bem verdes
– Água para o cozimento

Modo de preparo:
Lavar bem as bananas e cozinhar com a casca em panela de pressão cobertas com água quente por 10 minutos. Tirar a pressão e processar sem a casca. Se precisar use um pouco de água quente limpa para ajudar no processamento. Reservar.

Ingredientes molho de tomate e melancia
– 1 kg de polpa de melancia (parte vermelha com sementes)
– 200g de tomate pelati triturados (ou molho de tomate caseiro)
– 50g de cebola
– 1 de dente de alho
– 20ml de azeite
– Azeite de oliva
– Sal e pimenta a gosto
– Óregano
– Manjericão fresco

Modo de preparo
Bater a polpa de melancia no liquidificador até triturar bem as sementes. Levar ao fogo até reduzir em ¼ e reservar. Dourar a cebola e o alho e azeite, adicionar a redução de melancia, o tomate pelati e temperar a gosto. Com o fogo desligado acrescentar o azeite de oliva e o manjericão fresco.

Nhoque de Banana Verde ao molho de Tomate e Melancia

Rendimento: 2 porções

Fonte: Centro Europeu

Aprenda a preparar um delicioso Pan Com Tomate y Jamón

Pensando em você, a Adria ensina o passo a passo de como preparar o maravilhoso lanche Pan com Tomate y Jamón (pão com tomate e presunto). Além de ser um delicioso aperitivo, é muito pratico e rápido para preparar. Vai ser um sucesso em casa.

Pan con Tomate y Jamón

Ingredientes:
1 pacote de Torradas Adria Tradicional
4 tomates bem maduros ralados
2 ramos de tomilho
3 colheres (sopa) de azeite de oliva
2 dentes de alho laminados
200 gramas de jamón espanhol fatiado (presunto de Parma)

Modo de Preparo:
Doure os dentes de alho no azeite. Na mesma frigideira, refogue muito bem os tomates ralados. Coloque os tomates refogados sobre as Torradas Adria Tradicional.
Disponha uma fatia de jamón sobre cada torrada. Decore com ramos de tomilho fresco. Sirva em seguida.

pan_tomate_jamon_adria-1

Fonte: Adria

Receitas deliciosas com atum, salmão e sardinha

Quer aprender a fazer deliciosas receitas com peixes como atum, salmão e sardinha? A Gomes da Costa ensina três delas, confira abaixo o passo a passo:

Sanduíche de Atum, Ricota e Nozes

sanduiche-de-atum-ricota-e-nozes-desktop-1.jpg

Ingredientes:
· 1 xícara (chá) de ricota amassada (160g)
· 1 embalagem de Atum Sólido em Óleo Gomes da Costa (170g)
· 2 colheres (sopa) de talo de salsão picado (20g)
· 3 colheres (sopa) de nozes torradas e picadas (30g)
· Sal e pimenta do reino a gosto
· 2 pacotes de pão de forma sem casca (700g – cerca de 32 fatias)

Modo de Preparo:
Numa tigela junte a ricota, o Atum Gomes da Costa com seu óleo, o salsão e as nozes. Misture bem. Tempere a pasta com sal e pimenta a gosto. Reserve. Com o auxílio de um cortador redondo (com cerca de 8cm de diâmetro ou que ocupe quase toda a superfície da fatia), corte os círculos nas fatias de pão. Recheie cada círculo com cerca de 1 colher (chá) do recheio de atum e cubra com outro círculo de pão. Com os dedos polegar e indicador, aperte as bordas do pão de maneira que o sanduíche fique totalmente fechado. Reforce com a ponta de um garfo. Monte todos os sanduíches e sirva frio.

Dica de chef: se o sanduíche abrir, umedeça a borda com um pouco de água e feche novamente. É importante que o pão esteja fresquinho. Se o pão estiver seco, ele rachará ao ser apertado.

Variação: este sanduíche pode ser servido quente, neste caso, depois de pronto, pincele a superfície com manteiga ou margarina amolecida e leve ao forno médio (180ºC), preaquecido, por cerca de 20 minutos ou até dourar.
Substitua as nozes por azeitona verde picada.

Panqueca de Sardinha com Molho de Manjericão

panqueca-de-sardinha-com-molho-de-manjericao-desktop.jpg

Ingredientes:

Molho de Tomate:
· 2 latas de Sardinha Óleo Gomes da Costa
· 1 cebola picada (80g)
· 2 dentes de alho amassados (4g)
· 1kg de tomates maduros, picados
· Meia colher (sopa) de açúcar (5g)
· Sal a gosto
· 1 galho pequeno de manjericão fresco
· Queijo parmesão ralado a gosto

Panqueca:
· 1 xícara (chá) de leite (240ml)
· 1 ovo (60g)
· 1 colher (chá) de margarina (5g)
· 1 xícara (chá) de farinha de trigo (150g)
· Sal a gosto

Recheio:
· Meio vidro de palmito, picado (150g)
· 1 lata de ervilha (200g)
· 1 tomate picado (80g)
· 1 cebola picada (80g)
· 1 copo de requeijão (200g)
· 2 latas de Sardinha com Óleo Gomes da Costa (250g)
· 1 colher (sopa) de salsa picada (5g)
· Sal e pimenta do reino a gosto

Modo de Preparo:

Molho de Tomate:
Leve ao fogo brando o óleo da Sardinha Gomes da Costa, a cebola e o alho. Refogue até dourar levemente. Junte o tomate, o açúcar, o sal e o galho de manjericão. Misture.
Cozinhe em fogo baixo, panela tampada, mexendo de vez em quando até os tomates desmancharem por completo e o molho ficar encorpado. Reserve.

Panqueca:
Junte no copo do liquidificador todos os ingredientes. Bata em velocidade média por cerca de 1 minuto ou até a massa ficar homogênea. Unte com margarina uma frigideira antiaderente com 22 cm de diâmetro. Espalhe cerca de 3 colheres (sopa) de massa por todo o fundo e leve ao fogo brando. Cozinhe a massa, até começar a formar uma casquinha nas bordas. Vire o disco de massa com a ajuda de uma espátula, para que cozinhe e doure do outro lado. A medida que for fazendo as panquecas, empilhe os discos. Reserve.

Recheio:
Numa tigela junte o palmito, a ervilha escorrida, o tomate e a cebola. Misture. Junte o requeijão e a Sardinha Gomes da Costa. Acrescente a salsa e tempere com sal e pimenta a gosto. Reserve.

Montagem:
Recheie cada disco de massa com cerca de 2 a 3 colheres (sopa) do recheio de sardinha. Enrole como uma panqueca. Monte 10 panquecas. Distribua as panquecas num refratário lado a lado. Despeje por cima o molho bem quente. Salpique com parmesão e sirva em seguida.

Talharim de Pupunha com Salmão, Tomate e Rúcula

talharim-de-pupunha-com-salmao-tomate-e-rucula-desktop.jpg

Ingredientes:
· 350g de miolo de palmito tipo pupunha
· 1 lata de Filé de Salmão em Azeite de Oliva Extra Virgem Gomes da Costa (125g)
· 1 xícara (chá) de tomate cereja cortado ao meio ( 170g)
· 1 e meia xícara (chá) de rúcula fatiada grosseiramente ( 45g)
· Sal a gosto
· Azeite para regar

Modo de Preparo:
Rale o palmito na parte grossa do ralador. Reserve. Cozinhe o macarrão tipo pupunha em água fervente temperada com sal a gosto, por cerca de 5 minutos. Escorra e reserve. Numa frigideira grande (cerca de 25cm), aqueça o azeite do Filé de Salmão e junte o tomate. Frite em fogo alto muito rapidamente, somente até começar a murchar. Junte a pupunha, o Filé de Salmão Gomes da Costa e refogue de maneira que os ingredientes fiquem bem envolvidos. Retire do fogo, junte a rúcula e envolva novamente. Tempere com sal se necessário. Sirva em seguida regado com azeite.

Dica de chef: a pupunha é uma palmeira da Amazônia, a pupunheira. O fruto é grande, de casca amarela ou vermelha, com polpa branca.

Variação: acrescente 2 a 3 colheres (sopa) de azeitonas picadas.

Fonte: Gomes da Costa

Conheça 10 benefícios do tomate, um dos alimentos mais nutritivos da nossa mesa

Considerado por muitos um legume, o tomate é, na verdade, uma fruta. E uma das mais nutritivas a compor a nossa mesa. Abaixo, a nutricionista Bianca Naves lista dez benefícios do tomate, já reconhecido por ser um alimento rico em licopeno e vitaminas do complexo A e complexo B e minerais importantes, como o fósforo e o potássio, além de ácido fólico, cálcio e frutose. “Vale lembrar que, quando mais maduro, maior a concentração desses nutrientes”, afirma Bianca.

10 principais propriedades do tomate

tomate propriedades

 

Proteção Solar

mulher praia felicidade

Tomates tem licopeno, um antioxidante que ajuda a proteger a pele contra os danos causados pelo sol tornando a pele menos sensível aos danos da luz ultravioleta, uma das principais causas de linhas finas e rugas no rosto.

Pele sempre saudável

pele_linda

O consumo regular de tomates ajudará no aspecto da sua pele, já que ajuda a minimizar poros dilatados, curar a acne e erupções cutâneas ou tratar pequenas queimaduras.

Melhora a visão

olho

Com uma alta quantidade de vitaminas A e C, nossa visão também é muito beneficiada com o consumo deste fruto. O tomate também pode reduzir o risco de desenvolver cataratas.

Saúde dos ossos

OSSOS

Devido à presença de vitamina K e cálcio, que ajudam a fortalecer e reparar os ossos. O licopeno é antioxidante e ajuda a melhorar a massa óssea, que é uma ótima maneira de combater a osteoporose.

Reduz problemas capilares

cabelos longos saudaveis

A acidez e vitaminas do tomate ajudam no equilíbrio dos níveis de pH no seu cabelo, além de fortalecer, proporciona brilho para fios opacos, danificados e sem vida.

Ajuda a reduzir níveis de açúcar no sangue

sangue - qimono pixabay
Foto: Qimono/Pixabay

É fonte do mineral cromo, que pode ajudar os diabéticos a regular os níveis de açúcar no sangue. Além disso, por ser um alimento de baixa caloria, se torna um aliado para às pessoas que estão tentando perder peso.

Previne câncer

tomate azeite alimentação alimentos

Um estudo publicado no Jornal do Instituto Nacional do Câncer sugere que comer mais tomates reduz o risco da doença em órgãos como: próstata, pulmão, estômago, entre outros. Por ser rico em licopeno (que confere a cor vermelha típica dos frutos), o tomate tem propriedades que podem evitar o desenvolvimento de diversos tipos de câncer de próstata, ovário e na redução de doenças cardiovasculares.

Melhora as noites de sono

Cerca de 40% da população apresenta algum tipo de distúrbio do sono

De acordo com um estudo da Universidade da Pensilvânia, aqueles que consomem mais licopeno dormem melhor em comparação com pessoas que não o fazem.

Reduz a pressão arterial

pressão medir sbh

O licopeno, Vitamina C e outros antioxidantes são os principais encontrado no tomate e são conhecidos por melhorar a saúde cardiovascular. Outro fator importante é que o tomate é rico em potássio, ajudando assim a baixar a pressão arterial.

Reduz a dor crônica

bolsa de agua quente dor mulher

Devido à presença de agentes anti-inflamatórios como bioflavonoides e carotenoides, tomates podem reduzir dores crônicas. O consumo do fruto ajuda a reduzir a inflamação e ainda traz alívio da dor.

Curiosidades

O tomate é uma fruta originada das Américas que conseguiu conquistar o mundo inteiro pelo seu sabor e benefícios à saúde. Hoje é considerado um dos alimentos mais nutritivos da nossa mesa e dentre suas principais propriedades podemos destacar: o licopeno, vitaminas A e C, vitaminas do complexo B, e minerais (como potássio, fósforo e magnésio).

Fruta, legume ou verdura?

tomates

Muitos acham que o tomate é um legume por fazer parte da salada, mas ele é uma hortaliça do tipo fruta, mesmo sem o sabor doce.

É muito nutritivo

tomates alexas_fotos pixabay

O tomate típico (de coloração vermelha) é rico em ácido ascórbico (vitamina C). Também fornece pró-vitamina A (em pequenas concentrações). É uma boa fonte de vitaminas do complexo B e dos minerais cálcio e potássio.

Teve origem nas Américas

Apesar de ser popular na Itália, o tomate não é originário da Europa, mas, sim, das Américas. De acordo com o pesquisador da Embrapa, “o tomateiro é nativo da região Andina, englobando o Peru, Norte do Chile, Equador (incluindo as Ilhas Galápagos) ”.

Demorou para chegar à Europa

Apesar da fama dos molhos italianos, o tomate só chegou à Europa no século XVI. E no início, não era comido, mas usado como decoração nas mesas de banquetes. Os italianos foram os primeiros a usá-lo como comida. Por lá, chamaram a fruta de “promo d’oro” (pomo de ouro), que também deu origem ao nome da receita de molho de tomate pomodoro.

O Brasil cultiva quase todas as variedades

tomates cereja pixabay
Pixabay

A produção brasileira de tomates abrange quase todas as variedades da fruta. “Os tipos mais populares são os tomates caqui (longa-vida ou convencional), tomate Santa Cruz/Santa Clara/Débora, tomate Italiano ou Saladette, tomate mesa rasteiro e tomate industrial, tomate cereja e tomate grape”, conta o pesquisador. “As principais diferenças estão no formato e tamanho dos frutos, e como eles são cultivados (com estacas, todos os grupos) ou rasteiros (tomate mesa rasteiro e tomate industrial) ”.

Existem tomates mais indicados para molhos ou saladas

molho de tomate catkin pixabay
Foto: Catkin/Pixabay

Na hora de escolher qual tomate comprar, leve em consideração que alguns tipos são melhores para molhos, in natura nas saladas ou outros usos:

=Tomate caqui (longa-vida ou convencional): consumo in natura;
=Tomate Santa Cruz/ Santa Clara/ Débora: consumo in natura e molhos caseiros;
=Tomate Italiano/Saladette: consumo in natura, molhos caseiros e tomate seco;
=Tomate mesa rasteiro e tomateiro industrial: consumo in natura, molhos caseiros, extratos, ketchup;
=Tomates cereja e grape: consumo in natura;

Outros usos

285677_616277_2_bloody_mary___vodka__suco_de_tomate_temperado_e_suco_de_limao_web_

Além das comidas, o tomate também faz suco e drinques como o Bloody Mary, que leva molho inglês, pimenta e vodca.

Fonte: Predilecta

Alimentação adequada reflete na saúde da boca

Para quem está iniciando uma dieta, o Conselho Regional de Odontologia de São Paulo (CROSP) traz recomendações com o intuito de manter a saúde bucal em dia

É no início do ano que muita gente resolve adotar hábitos mais saudáveis recorrendo às dietas. A mudança pode ser benéfica, mas se conduzida por um profissional da área. Do contrário, há riscos inclusive para a saúde bucal.

Quem adere a uma dieta da moda como a do jejum intermitente – no qual a pessoa fica horas sem se alimentar – está mais sujeito à diminuição do pH, importante para controlar a acidez da boca.

“Quando ficamos muito tempo sem comer ocorre uma queda acentuada no pH interferindo na acidez, e por consequência, na probabilidade do surgimento da cárie e erosão dental. Para amenizar o problema, a recomendação é beber bastante água”, explica a cirurgiã-dentista e conselheira do Conselho Regional de Odontologia de São Paulo (CROSP), Sandra Kalil Bussadori.

Como a nutrição interfere em todo o funcionamento do corpo, qualquer alteração nos hábitos alimentares causa impactos. “Dietas muito restritivas, por exemplo, podem provocar diminuição ou ausência de alguns nutrientes e vitaminas essenciais para a manutenção da saúde bucal, favorecendo o aparecimento de infecções”, avisa a cirurgiã-dentista.

Outro cuidado necessário é com a ingestão exagerada de certos alimentos, mesmo sendo saudáveis. “As frutas ácidas, se consumidas em excesso, podem causar a erosão dental – que é o tipo de lesão em que ocorre perda de estrutura dental através de reação química”, conta a Sandra.

Para amenizar e até mesmo evitar o processo de erosão, a recomendação é tomar um copo de água ou realizar um bochecho com o líquido. Na sequência, recomenda-se fazer a higienização. “A indicação é esperar, pelo menos, uns 30 minutos para a escovação utilizando sempre uma escova de dente macia ou extramacia, fio e creme dental”, diz a cirurgiã-dentista.

sorriso boca dentes perfeitos

Dietas que podem trazer benefícios

Algumas dietas, por outro lado, podem ser bastante benéficas para a saúde bucal, com a inclusão de determinados grupos de alimentos. Entre eles, os que são ricos em fibras como os grãos, vegetais e algumas frutas. Os lácteos também são fontes importantes para manter a boca saudável.

“Os alimentos fibrosos evitam a formação de placa bacteriana e os lácteos contribuem para saúde por conta do cálcio e das proteínas. Tem ainda os que são ricos em vitamina C, excelentes antioxidantes para aumentar a imunidade, mantendo as gengivas saudáveis”, aponta a conselheira.

Vale ressaltar que além da dieta é necessário manter bons hábitos de higiene e a atenção deve ser redobrada com as crianças. “No caso delas, a higienização costuma ser menos eficiente e se elas têm uma dieta com muito açúcar podem ficar mais suscetíveis à cárie dental”.

Com a adoção de dietas saudáveis, higienização da forma correta e visitas regulares ao (a) cirurgião(ã)-dentista é possível manter a silhueta e a boca mais saudável.

Confira 10 alimentos que podem fazer bem para a saúde bucal

maçãs

· Maçã

pera pippalou2

· Pera

morango do emiliano
· Morango

brocolis
· Brócolis

abobora
· Abóbora

GOIABA VERMELHA
· Goiaba

tomates
Foto: Max Straeten/Morguefile

· Tomate

espinafre
· Espinafre

raspberries framboesa iogurte vermelha
· Iogurte

kefir
· Kefir

Fonte: CROSP

Como escolher entre molho, polpa ou extrato de tomate?

Basta uma rápida olha na prateleira do mercado para descobrirmos uma infinidade de opções de atomatados: molhos, polpas e extratos, com ou sem tempero, contendo ou não pequenos pedaços… Como fazer então para escolher a melhor opção para nossa receita?

De acordo com a nutricionista Bianca Naves, do site O Melhor do Molho, a diferença básica está na concentração, ou seja, quantos tomates são usados para fazer cada um, mas não é só isso. Por isso, ela separou algumas informações importantes, que vão te ajudar na escolha:

molho de tomate catkin pixabay
Foto: Catkin/Pixabay

O molho de tomate é o tomate pronto para o consumo. Pode conter cebola, alho, manjericão etc. Os molhos prontos servem basicamente para economizar tempo na cozinha, podendo ser usados em massas, pizzas, ou qualquer outro prato servido com molho. É o produto em forma líquida, pastosa, emulsão ou suspensão à base de especiaria(s) e ou tempero(s) e ou outro(s) ingrediente(s), fermentados ou não, utilizados para preparar e ou agregar sabor ou aroma aos alimentos e bebidas.

tomate pure tjena pixabay
Foto: Tjena/Pixabay

A polpa de tomate (também chamada de purê) é basicamente o tomate processado. As polpas são a opção mais flexível dos atomatados, pois servem como ingredientes para o preparo de uma infinidade de receitas. É feito com tomates sem pele e sem sementes, formando um tipo de suco de tomate. Não tem pedaços de tomate nem qualquer tipo de tempero. É levemente concentrado, mas bem menos que o extrato. Ideal para receitas em que o molho já tem seus próprios temperos ou que precisam realçar o sabor autêntico do tomate.

tomate extrato pixabay
Pixabay

O extrato de tomate precisa ser diluído para ser utilizado. Ele deve ser usado principalmente para dar cor aos pratos com molhos à base de tomate, e podem também ser usados para engrossar molhos já que são mais concentrados. É feito da polpa do tomate concentrada, acrescida de sal e/ou açúcar. É o mais concentrado dos três. O extrato é recomendado como complemento para o preparo de molhos e proporciona mais cor e consistência, mas, se utilizado em exagero, pode comprometer o prato.

tomate molho.jpg

A passata de tomates é a polpa de tomate cozida, sem a pele, sementes, conservantes ou temperos. Você pode usar a passata quando quiser preparar um molho caseiro, pois pode adicionar os seus temperos e ingredientes para deixá-lo do seu jeito. As passatas têm um suco mais espesso composto apenas de tomate, sal e um corretor de acidez. Vêm em frascos de vidro e são muito mais similares aos molhos feitos em casa. Inclusive, podem ser usadas junto com dois tomates maduros descascados para produzir um molho bem encorpado.

Fonte: Predilecta

Alimentos que funcionam como “botox”

A nutricionista Paula Castilho, da Rede Nação Verde, explica como a alimentação pode ajudar na estética. Muitas mulheres estão investindo em alimentos saudáveis ao invés de procedimentos estéticos (cirúrgicos ou não). Além, do resultado esperado, elas ainda ganham melhora na qualidade de vida.

Esses alimentos evitam o desgaste das células, têm o poder de regenerar os tecidos e ainda conseguem controlar os danos pela radiação solar. Conheça os grandes aliados na luta contra o envelhecimento:

tomates alexas_fotos pixabay

Tomate – o licopeno, que dá a cor avermelhada à hortaliça, tem o poder de defender a pele contra os raios ultravioleta do sol. Ele protege as fibras de colágeno e contribui para a renovação celular. O ideal é saborear um tomate pequeno maduro, pelo menos três vezes por semana, com um pouco de azeite de oliva: ele é importante para melhorar a absorção do licopeno.

iogurte profet77 pixabay

Foto: Profet77/Pixabay

Iogurtes – se você escolher aqueles abastecidos de lactobacilos, o intestino e a pele vão agradecer. Eles reforçam a imunidade da pele, evitando, por exemplo, a formação de manchas após uma exposição prolongada ao sol. O ideal é optar pelos iogurtes com lactobacilos paracasei e johnsonii, uma porção duas vezes na semana basta.

chá verde

Chá-verde – os polifenóis, presentes em grande quantidade nas folhas desse chá, são famosos pela faxina que promovem no organismo, mandando embora as toxinas e os radicais livres. Como esses dois vilões costumam apagar a beleza da pele e abrir caminho para manchas e rugas é recomendado beber 3 a 4 xícaras por dia ou 1 a 2 xícaras, no caso dos chás verdes enriquecidos com outras substâncias antienvelhecimento, como vitamina C, selênio e zinco.

espinafre

Folhas verde-escuras – espinafre, couve, brócolis e repolho também saem na frente no quesito ação antioxidante. Para evitar que as células fiquem, digamos, enferrujadas e a pele envelheça antes da hora, a dica é consumir dois pratos de sobremesa por dia. Na hora da compra, escolha o espinafre que estiver mais próximo da luz – segundo um estudo publicado no Journal of Agricultural and Food Chemistry as folhas iluminadas preservam mais as vitaminas C, K, E e folato.

Perfis_variados_-_soja_na_alimentacao_baixa160704_191211

Soja – com uma ação semelhante à do estrogênio, o hormônio produzido pelo corpo da mulher, as isoflavonas presentes na soja estimulam a renovação celular. O resultado é que as rugas demoram a aparecer, a pele fica mais hidratada, a textura melhora e ainda é possível prevenir manchas e ressecamento. A dica é consumir de 25 gramas de proteína de soja por dia, o equivalente a ½ xícara (chá). Vale também, segundo a nutricionista, incluir na dieta alimentos como quibe, tofu e missô, que são ricos nesse ingrediente.

acerola kamuelaboy
Foto: Kamuela/MorgueFile

Acerola – ela vem abarrotada de vitamina C, nutriente que contribui para a formação de dois aliados da beleza: o colágeno e a elastina. O primeiro mantém a firmeza da pele enquanto a elastina ajuda a pele a voltar à sua forma original depois de ela ter sido esticada. Como o corpo precisa de ambos, crie o hábito de degustar diariamente duas acerolas ou uma laranja. Os sucos devem ser consumidos assim que preparados, pois a vitamina C se degrada rapidamente.

castanha do brasil

Castanhas – a vedete da castanha-do-brasil é a vitamina E, outro nutriente que também tem um efeito antioxidante. Ela é capaz de manter a pele jovem e viçosa e, de quebra, ainda protege a saúde coração. Mas, como essa delícia é bastante calórica, a nutricionista Andréa aconselha moderação no consumo. Duas unidades por dia ou um mix formado por uma castanha, uma noz e uma amêndoa, que contam com o mesmo efeito benéfico, são suficientes.

lox-deli-salmao-defumado-laqueado-com-mel

Salmão – peixe rico em ômega-3, um ácido graxo capaz de evitar as marcas da ação danosa do sol. É um antioxidante natural e, quando consumido, deixa a pele mais macia e luminosa. Inclua-o no prato três vezes por semana. Basta um filé médio, de 100 gramas, que pode ser alternado com sardinha ou anchova.

frutas vermelhas e roxas pixabay

Frutinhas vermelhas e roxas – não se engane com o tamanho delas. Açaí, framboesa, amora, pitanga, groselha, uva roxa e mirtilo contêm altas doses de antocianinas. Elas neutralizam o efeito dos radicais livres e, evitam o envelhecimento precoce. Previnem os melasmas, as manchas escuras do rosto. Ingerir cinco unidades/dia.

cantaloupe melão pixabay
Foto: Pixabay

Melão cantaloupe – o tom alaranjado dessa fruta indica que ela é rica em betacaroteno, outro nutriente que exerce a função fotoprotetiva. Além de barrar a ação negativa da radiação solar, a fruta é rica em vitamina A, que reforça as defesas cutâneas. Consuma uma fatia ao dia e alterne com uma cenoura, dois damascos secos ou duas colheres de abóbora cozida.

Conheça os benefícios de ter uma horta em casa

Ter uma horta em casa não é um privilégio apenas de quem mora em grandes terrenos. É completamente possível cultivar quaisquer tipos de hortaliças, temperos e ervas em apartamentos ou em pequenos espaços. Viver essa experiência a partir da semente é uma excelente maneira de restabelecer a nossa conexão com a natureza.

Os benefícios de cultivar são inúmeros. Melhor compreensão do ciclo da vida e da sazonalidade dos alimentos; ingredientes sempre fresquinhos, e ainda uma alimentação mais saudável, variada e sem agrotóxicos.

“Acompanhar o crescimento de uma plantinha nos lembra de todos os desafios que os alimentos vencem para chegar até a nossa mesa: mudanças bruscas de clima, pragas e outras intempéries. Além disso, também conseguimos perceber todo o ciclo da vida e compreender que cada alimento possui seu próprio ritmo, uma época certa de plantio, de crescimento e de colheita. E assim, passamos a valorizar ainda mais o alimento”, observou Andrei Santos, diretor de planejamento estratégico da Isla Sementes, marca de sementes pioneira no segmento. Então, que tal começar a sua própria horta?

Para ter uma horta em casa, não é necessário ter muito espaço. Basta ter um vaso, que pode ser de barro ou de plástico. O importante é que tenha um furo embaixo para que a água escorra ao regar.

O que precisamos fazer? Primeiro, temos que preparar o vaso para receber a semente. No vaso, é necessário fazer uma área de drenagem da água, com argila expandida e depois fazer uma camada de areia que drene a água para que ela não escorra com terra. Depois, coloque uma espessa camada de vermiculita, um mineral argiloso que ajuda a reter água e que é fundamental para o crescimento de uma planta saudável. Depois disso, no meio do vaso, abra um espaço com os dedos e coloque a semente da especiaria desejada. Não precisa afundar a semente na terra, coloque-a superficialmente sobre a vermiculita e regue.

horta_2

De maneira em geral, as hortaliças precisam de com quatro horas de sol, mas elas se adaptam em qualquer ambiente que bata sol pelo menos um tempo por dia, então se na sua casa não há muito espaço para o sol, não se preocupe! A sua plantinha vai crescer. Regue uma vez por dia. Seguindo o passo a passo, dentro de alguns dias, a sua mudinha vai dar os primeiros sinais de vida.

Uma ideia legal também a horta vertical. Feita com vasos cônicos, depois que as plantas crescem, você terá uma parede toda verde, cheia de plantinhas e bem perfumada. Para fazer um vasinho, como de orégano, é só fazer o mesmo passo a passo do vaso comum: argila expandida, areia e vermiculita, e depois espalhar as sementes pelo recipiente. As sementes de orégano são bem pequenas como grão de sal, então, após colocá-las no vaso, finalize com uma leve camada de vermiculita por cima e borrife água.

Dicas essenciais

Sol, água e drenagem! São esses os fatores fundamentais para que a sua planta cresça e floresça. Então, mesmo que você tenha uma vida agitada, assim como cuidar de um bichinho de estimação, é necessário que tenha pelo menos 5 minutos ao dia para regá-la e podá-la quando necessário. A drenagem é necessária na hora da montagem do vaso, então não esqueça dessa etapa importante.

Sementes para cultivo

kist_isla_baixa_2

Para te ajudar, a Isla Sementes criou o kit ‘Eu que plantei’, ideal para quem quer iniciar a primeira horta. Contém folhas (alfaces), frutos (tomates) e raízes (cenouras), possibilitando uma salada super colorida e altamente nutritiva produzida por quem plantou.

Além do Kit de sementes ’Eu Que Plantei’, a Isla oferece ainda mais 5 opções, cuidadosamente desenvolvida pela equipe da empresa, com o objetivo de atender duas importantes demandas do consumidor. “A primeira é que muitas pessoas tem vontade de cultivar uma horta e não sabem o que plantar, dúvida fácil de se entender ao se deparar com um portfólio como o da Isla com mais de 600 sementes diferentes”, diz Santos.

Ele explica também que para facilitar a escolha, os conjuntos trazem combinações temáticas que ajudam a quem tem um pequeno espaço escolher o tipo de horta que mais lhe agrada ou a quem tem um pouco mais de espaço ter várias hortas em uma só, uma horta de temperos, outra de hortaliças, outra de flores etc.

A segunda demanda é atender as muitas dúvidas que as pessoas tem na hora de fazer a sua primeira horta. “Nos envelopes tradicionais de hortaliças temos pouco espaço, de forma que as informações são mais compactas e objetivas. Já estes kits acompanham um completo guia de cultivo, com as principais dicas desde o semeio até a colheita”, afirma Santos.

Conheça todos os seis modelos de Kits desenvolvidos pela Isla:

cenoura

 

“Eu que plantei” – alface, tomate e cenoura – trio clássico para sua primeira horta, viva a experiência de cultivar folhas (alfaces), frutos (tomates) e raízes (cenouras) e tenha uma salada super colorida e altamente nutritiva. E o melhor, produzido por você mesmo.

“Tempera que eu gosto” – salsa, cebolinha e manjericão – mais sabor e saúde em sua mesa! Cultive uma horta de temperos com um trio capaz de acompanhar todos os tipos de pratos e tenha-os sempre à mão.

“Verde que te quero ver-te” – alface, couve e rúcula – faça seu canto verde com esse trio super vitaminado. Aproveite esta combinação e produza folhas jovens, tendo uma horta rápida e ainda mais nutritiva.

isla_013

“Planta de casa faz milagres” – camomila, lavanda e sálvia – que tal uma horta que além de bonita e cheirosa pode nos ajudar com um chazinho nas horas difíceis?! Esse trio promete muita paz e alegria.

“Choveu na minha horta” – amor-perfeito, petúnia e pimenta – cultive suas relações com muito amor e simplicidade, apimentando sempre que necessário.

“Salve Simpatia” – arruda, erva-doce e pimenta – viva a experiência de cultivar a natureza e canalize as boas energias com esse trio superalto astral.

É possível encontrar os kits no site da Isla e nos varejos atendidos pela empresa em todo Brasil. E ainda, na compra de três kits você ganha uma estojo de presente.

horta

E se ficar alguma dúvida, é possível acessar ainda o canal da empresa Minha Horta e ver um vídeo mostrando o passo a passo de plantio. 

Então, mãos a horta.